Você está na página 1de 56

Biologia Geral dos Vírus: Estrutura,

ecologia, classificação e replicação

Prof. Dr. Eurico Arruda


Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto-USP
Fundadores da Microbiologia

Jakob Henle - 1840 Louis Pasteur -


1860

Robert Koch - 1882


Fundadores da Virologia

Dimitri Ivanofsky e Martinus Beijerinck - 1898 Mosaico do Tabaco

Freidrich Loeffler e Paul Frosch - 1898 Febre aftosa

Febre amarela
Walter Reed - 1901
PARTÍCULAS VIRAIS

1935 Wendell Stanley (EUA) mostrou


a natureza química dos vírus,
cristalizando TMV, que permanecia
infeccioso (Nobel de Química 1946)
TRÊS ORDENS DE GRANDEZA DE
DETALHAMENTO DE UM VIRUS
(Ex: POLIOVIRUS)

Microscopia Crio-
Cristalografia
eletônica eletromicroscopia
de R-X
CRISTALOGRAFIA DE RAIO-X
Rhinovirus: primeiro vírus humano cuja estrutura
foi revelada em nível atômico por cristalografia
ESTRUTURA DE VÍRUS
HELICOIDAL ICOSAÉDRICA
ESTRUTURA DE VÍRUS
ESTRUTURAS DE VÍRUS
ICOSAÉDRICOS
AQUISIÇÃO DE ENVOLTÓRIO LIPOPROTEICO
Ex:
RHABDOVIRUS

Ex:HERPES SIMPLEX
ÁRVORE DA VIDA

E OS VÍRUS????
ÁRVORE DA VIDA
HÁ 100 A 1000 VEZES MAIS VÍRUS DO QUE BACTÉRIAS
E ALGAS EM ÁGUAS COSTEIRAS

Azam and Worden, Science 303:1622, 2004


Virioplâncton: o ‘viroma’ do mar

Suttle C. Nature Reviews Microbiology 5:801, 2007


Biomassa Relativa e Abundância

Curtis Suttle

Vírus lisam 20% da biomassa de procariotos diariamente

Suttle C. Nature Reviews Microbiology 5:801, 2007


Vírus e o clima da Terra

Emiliania huxleyi

Emiliania huxleyi virus

Nunes-Neto et al, 2009


Transferência gênica pelo viroma do mar

Matthew Sulliv

Genes de fotossíntese transduzidos por cianofagos em


Prochlorococcus
Biller et al, Nature Rev Microbiol 13:13-27,
VÍRUS DE PARASITAS
VÍRUS DE AMEBA
VÍRUS DE LEISHMANIA (LRV1-4)

VIROFAGOS: VÍRUS DE VÍRUS

SPUTINIK
VÍRUS DE PLANTAS
VÍRUS DA TRISTEZA DOS CITROS
VÍRUS DO MOSAICO DA TULIPA

VÍRUS VIRA CABEÇA DO TOMATEIRO


Sincicinas retrovirais do sinciciotrofoblasto
possibilitaram a placentação (> 40 milhões de anos)
Dupressoir A et al. PNAS 102:725, 2005
Acrani, Proença-Modena & Arruda. Ciência Hoje, 2012
VÍRUS

- Conjunto químico de proteína + ácido


nucleico
- Genomas
RNA de fita simples (+) ou (-)
RNA de fita dupla
DNA de fita simples
DNA de fita dupla
ETAPAS DO CICLO REPLICATIVO VIRAL

1 Adsorção
2 Penetração
3 Desnudamento (do genoma)
4 Transcrição
5 Tradução
6 Replicação
7 Montagem
8 Saída
ADSORÇÃO
RECEPTORES DE VÍRUS
PENETRAÇÃO
PENETRAÇÃO DEPENDENTE DE
ACIDIFICAÇÃO ENDOSSOMAL
PENETRAÇÃO DE VÍRUS
ENVELOPADO: EXEMPLO DE
INFLUENZA
TRÁFEGO: MICROMOTORES +
CITOESQUELETO
Transcrição de mRNA: base da
classificação de Baltimore
VIROSFERA

ICTV 2016
REPLICAÇÃO DE VÍRUS DE DNA
DNA (Exemplo: HERPES)
REPLICAÇÃO DE
RNA(+)
Rhinovirus
REPLICAÇÃO DE VÍRUS DE RNA (-),
Ex: Vírus Sincicial Respiratório
REPLICAÇÃO
Retrovirus, Ex: HIV
Efeito citopático de vírus
REPLICAÇÃO
ACÚMULO DE VÍRIONS EM CORPÚSCULOS DE
INCLUSÃO

INCLUSÃO CITOPLASMÁTICA
DE ROTAVÍRUS

INCLUSÃO NUCLEAR DE HERPES


Disseminação de Vírus no Hospedeiro

Flint, Racaniello, Rall & Skalka, 2015


BARREIRAS IMUNOLÓGICAS

BARREIRAS IMUNIDADE IMUNIDADE IMUNIDADE


ANATÔMICAS INTRÍNSECA INATA ADQUIRIDA
Respostas Celulares a Elementos Virais

Flint, Racaniello, Rall & Skalka, 2015


Principal fonte de diversidade em vírus

POPULAÇA POPULAÇAO
O VIRAL
VIRAL SELECIONADA
INICIAL

GARGAL
O
O CONCEITO DE QUASE-ESPÉCIE VIRAL

Manfred Eigen, 1967


John Holland, 1990
Descobertas de vírus humanos

Cumulative
number of
species

Year

Woolhouse et al, Proccedings of The Royal Society,


Bibliografia

1- Jawetz, Melnick & Adelberg - Medical


Microbiology – 26th Ed, LANGE, 2013

2- Bennett, Dolin, Blaser – Principles of


Infectious Diseases, 8th Ed, Elsevier, 2015

3- Collier L, Kellam P and Oxford J. Human


Virology – 4th Ed, Oxford Press, 2011,
Capítulos 1 a 5