Você está na página 1de 2

DORMINDO COM AS RÃS - Praga das rãs - Exôdo 8: 1 -

15
Rãs, em todas as partes. Cobrindo a terra do Egito. Das águas dos rios, rãs eram
produzidas em abundância e podiam ser encontradas nas casas, nos fornos, nas camas,
no Egito, sobre o povo, sobre os oficiais, sobre as lagoas, sobre o Egito, enfim, a praga
das rãs transformou a vida em um verdadeiro “inferno”. Conviver com a rã é sacrificante
ou até impossível, pior ainda com rãs em abundância. Você gostaria de conviver com
rãs? Você gosta de ser conivente com o pecado? 

1º Retire as rãs!
Estar com aquela praga é tão insuportável, que o Rei chama Moisés e a Arão e
suplica uma convocação a Deus para que dali retire as rãs.
Moisés, pergunta a Faraó: Quando hei de rogar por ti?
Surpreendentemente, O Rei responde: AMANHÃ.
Sim, Amanhã.
Rãs, lá estavam elas, infestando toda a Cidade, tornando o cotidiano um desastre
nas casas, nos pátios e nos campos, mas Moisés ouve a resposta de Faraó: Amanhã.
Você tem feito como Faraó? Ou seja você tem tirado as rãs da sua vida, ou tem
Deixado para amanhã e está dormindo com as rãs.

2. Não durma com as rãs.


Faraó adia por mais uma noite sem nenhuma explicação lógica ou, no mínimo,
plausível para sua decisão.

Atitude de Faraó revela a peculiaridade da natureza pecaminosa humana. Criar,


cultivar e tolerar o pecado. Tolerância é consentimento. É permissão. Lá estavam elas
em todas as partes, mas podem ficar até Amanhã. Rogai ao senhor que tire as rãs de
mim, clama Faraó, porém, complementa: Amanhã.

Ainda era possível "dormir" com ela mais um pouco? Sempre queremos deixar
pra mais tarde algo que já devíamos ter feito, as vezes deixar de assistir uma novela, de
pedir um perdão, de fazer um favor ao próximo. Dá para viver um pouco com o pecado?
Temos ainda essa mania de querer sempre estar perto do pecado, seja ele qual for, pois
sempre vamos ter o desejo de pecar, mas devemos estar vigilantes para o inimigo não
conseguir nos vencer. Esperar outra solução que não seja a intervenção de Deus? Não,
pois quando Deus vier a intervir, e algo inimaginável, e bem pesado, pois sua justa mão
ensina mesmo que na dor. Você deve acostumar-se estar em meio a rãs? Se você
busca perdição sim, caso contrário não. Por que Amanhã porque sempre queremos adiar
um pouco os nossos erros?

3. Liberte-se das rãs.

Quanto a nós? Nos já retiramos as rãs de nossas casas, já limpamos nossas


camas delas, para que a gente não durma com elas. Jesus é a verdade que nos liberta
hoje [ Joao 8:32 E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.”]. Por que
estaríamos dormindo com as rãs mais uma noite? Hoje, o que pode nos representar
aquelas rãs? Talvez por muito tempo você possa suportar ou tolerar a praga das rãs.
Tolerância gera acomodação. Acomodação significa conforto. Conforto, adiamento.
Você tem vivido em meio as rãs?
            As rãs, amanhã?
            Liberdade hoje?

Conclusão

No entanto, havia a possibilidade do Egito se livrar desta praga, poderiam ter tentado
matar as rãs, mas era um animal sagrado para eles, era também considerada uma
divindade egípcia (deusa Heqet) responsável pelo fôlego da vida.

Faraó tão somente deveria deixar ir o povo de Deus. Bastava uma ordem e Faraó estaria
livre destas rãs. Da mesma forma com uma simples ordem podemos estar livres do
pecado que existe em nossas vidas.