Você está na página 1de 5

A turma observada para a realização do estágio supervisionado, é de 2º ano de

Ensino Médio da Escola Estadual Dom Bosco. 2020 Trata-se de um ano atípico, devido
a pandemia do COVID-19, foi necessário acompanhar as aulas via plataforma do
Google Classroom que foi a ferramenta escolhida pela escola, com o intuito de interagir
professores e alunos para cumprirem com a grade curricular do ano letivo. Para acessar
a plataforma, é necessário entrar na caixa de ferramentas disponível no canto direito do
navegador Google, Clicar no Classroom e logar. Para ter acesso é necessário login e e-
mail, neste caso, os alunos que não possuíam e-mail pessoal receberam um cadastro de
acesso e um link com uma vídeo-aula explicando como utilizar a plataforma.
Após acessar a plataforma, está disponível três abas iniciais: Mural, atividades,
pessoas. O mural é utilizado para notificações e recados, também para interação entre
professor e os alunos. Atividades é o local aonde os alunos acessam as avaliações, neste
caso, os alunos somente possuem em sua aba a função de postar a atividade, o acesso
das atividades e a função de postar as atividades e link de aula é de responsabilidade do
professor. Na aba nominada pessoas há um controle de quem está visualizando as aulas
online, os alunos que estão participando e enviando as atividades com a data e horário
de publicação. O próximo passo de observação foi assistir e acompanhar três aulas do
governo do Paraná que são publicadas no canal Aula Paraná no You Tube.
Sobre as três aulas observadas, o conteúdo seguiu uma ordem sequencial entre as
atividades postadas pela professora regente, os exercícios que foram postados e
organizados tinham relação com o conteúdo do SEED. Sendo assim, aulas e atividades
são postadas juntas e organizadas por número crescente. No mural da turma observada,
notou-se que frequentemente as atividades são postadas pela professora regente da
turma, porém há alunos que não acessam as atividades ou possuem atividades
pendentes. Logo após finalizar um conteúdo e as atividades de um bimestre, antes de
iniciar um novo bimestre são postadas as notas e frequências dos alunos pela professora.
Para a professora regente, cabe a responsabilidade de auxiliar os alunos na
compreensão e resolução das atividades. Já as aulas com explicação do conteúdo ficam
por responsabilidade do professor de cada disciplina que é disponibilizado pelo governo
do Paraná, ou seja, todos conteúdos são desenvolvidos e gravados pelo SEED. Em
poucas vezes, a professora regente marca um encontro com os alunos via meet para uma
revisão de conteúdo que será avaliado no bimestre. Para observação das aulas on-line
foram analisadas as aulas de número um, dois e três do primeiro trimestre.
Aula 1

A primeira aula têm como conteúdo Present continuous and clothes, nos
primeiros minutos de aula a professora solicita para os alunos que organizem o espaço
de estudo, para que consigam aprender melhor. Logo, inicia o conteúdo e a explicação
que o Present continuous é o tempo que utilizamos para representar ações sobre o
momento que o emissor está falando e para isso, utilizamos o verbo to-be e ele funciona
juntamente com o verbo principal que está acontecendo no momento presente. Após a
explicação a professora explica as regras para esse tipo de tempo verbal. Verbo
principal termina em (e) e antes dele tem uma consoante: substitua por (ing)., Verbo
principal termina com (ie): substitua as vogais por “y” e acrescente “(ing). Verbo segue
o padrão CVC (consoante – vogal – consoante): duplique a última consoante antes de
acrescentar o (ing).
Após explanação das regras e exemplos, a professora compartilha um
slide com situações que precisam ser descritas utilizando o tempo verbal estudado.
Terminando esse conteúdo, a professora apresenta como vocabulário os nomes das
roupas em Inglês. Ambos os conteúdos se relacionam, pois a professora utiliza a
pergunta o que estão vestindo apresentando no slide várias pessoas com tipo de vestes
diferentes. Assim os alunos precisam responde a menina/menino/mulher/homem
está/estão vestindo e o tipo de roupa. Outra situação utilizada é qual tipo de roupa
utilizar para diversas ocasiões como, trabalhar, estudar, ficar em casa. A aula finaliza
com esses exercícios e despedida da professora da aula Paraná.

Aula 2

Na segunda aula observada a professora inicia a aula pedindo para que os alunos
preparem o ambiente que irão estudar e introduz que serão realizados alguns exercícios
que são continuidade da aula anterior. Os exercícios de completar tinham como temática
clothes of homework. Finalizando o conteúdo, a professora inicia estudos sobre o gênero
infográfico perguntando para que serve um infográfico e sobre o que está falando no
texto. Dessa forma, chega à conclusão que uma boa parte dos gerentes e líderes são
homens e a porcentagem menor é mulher, a partir do texto a professora prossegue os
estudos sobre o Present continuous como uma revisão e introduz o simple past,
demonstrando a diferença entre os dois tempos verbais.

Aula 3

Na Terceira aula a professora introduz com uma revisão da aula passada sobre o
tempo verbal simple past, as atividades são como transformar frases do Present
continuous para o simple past. A professora chama atenção para a regra de palavras que
terminam com IE, pois as duas vogais devem ser trocadas por ying. Um Exemplo é o
verbo TO CUT = CUTTING. Após exercícios sobre o conteúdo explicado, a professora
explana as frases interrogativas que para serem escritas, é utilizar o verbo to be antes do
pronome pessoal da frase e o verbo principal fica no final da frase, um exemplo é “was
she playing?”, Dessa forma, a professora conclui a aula com um quis de correto e
incorreto com algumas questões escritas em Inglês.

Análise do PDT

O DOCUMENTO CURRICULAR ORIENTADOR: CREP - Currículo da Rede


Estadual Paranaense que tem como COMPONENTE CURRICULAR: Língua
Inglesa para turma de 8º ano, têm como prática de linguagem, avaliação dos textos
lidos, análise linguística, oralidade como interação discursiva, compreensão oral,
práticas de leitura e fruição, manifestações culturais, comunicação Intercultural.
Como objetivos de conhecimentos a prática analítica e crítica e reflexão pós-leitura.
Funções morfossintáticas, sintáticas, semânticas e funções dos demais elementos
constitutivos dos gêneros discursivos, selecionados pelo professor. Formação de
palavras: prefixos e sufixos, a partir do estudo do texto. Negociação de sentidos
coesão e coerência.Aspectos da composição verbovisual, linguístico- discursivo e
cultural de gêneros orais, multimodais, de cunho informativo/jornalístico, das
esferas sociais imprensa publicitária, midiática, entre outras. Aspectos linguístico-
discursivos e culturais de gêneros discursivos artísticos/literários, tais como: contos,
fábulas, romances, letras de música, narrativas de aventura, entre outros, em versão
original (ou trechos dos originais e/ou adaptados) e/ou em versão simplificada;
programas/ guias de TV; diálogo de filme futurístico; script de filme (futurístico);
agenda de compromisso. Construção de repertório artísticocultural por meio do
contato com gêneros discursivos verbais e não- verbais, presentes nas esferas
sociais de circulação. Aspectos culturais na comunicação.
OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM:
 PR.EF08LI08.s.8.20 Analisar, criticamente, individualmente e/em grupos o
conteúdo de textos, comparando diferentes perspectivas apresentadas sobre
um mesmo assunto, para a construção e assimilação de novos
conhecimentos, de acordo com a maturidade dos estudantes, sob a
orientação do professor.

 PR.EF08LI16.s.8.31 Compreender e utilizar, de modo inteligível, os


quantificadores “some, any, many, much, few, little”, para expressar
quantidades indefinidas.

 PR.EF08LI13.s.8.28 Reconhecer sufixos e prefixos comuns utilizados na


formação de palavras em Língua Inglesa, a fim de facilitar a aquisição de
novos conhecimentos e perceber as mudanças na classe gramatical geradas
pela introdução desses elementos linguísticos.

 PR.EF08LI17.s.8.32 Assimilar e empregar, de modo inteligível, os


pronomes relativos (who, whom, whose, which, that - where, when), para
construir períodos compostos/ cláusulas relativas.

 PR.EF08LI01.s.8.01 Fazer uso da Língua Inglesa com repertório lexical


apropriado às diversas situações de interação oral, para emitir opiniões,
esclarecer informações e evitar mal- entendidos, por meio de simplificações,
exemplificações, justificativas, entre outros, a critério e/ou sob a orientação
do professor.

 PR.EF08LI02.a.8.03 Compreender os elementos linguísticos básicos


responsáveis pela coesão e coerência (substituições lexicais, conectores,
entre outros), para construir uma conexão harmoniosa entre as partes do
texto e um discurso claro e significativo.

 PR.EF08LI03.a.8.07 Analisar o papel de elementos verbovisuais para a


construção de sentido em textos orais: conteúdo temático, propriedades
estilísticas do gênero, e composicionalidade, para compreender as funções
da linguagem verbal e visual (fotos, desenhos, ilustrações, etc.) e suas
relações no texto.

 PR.EF08LI07.s.8.18 Explorar ambientes virtuais e/ou aplicativos para


acessar e usufruir do patrimônio artístico/literário em Língua Inglesa, com a
mediação do professor e de acordo com o contexto escolar.

 PR.EF08LI18.s.8.33 Construir repertório cultural por meio do contato com


manifestações artístico- culturais (artes plásticas e visuais, literatura,
música, cinema, dança e festividades que contemplam a cultura afro,
indígena, cigana, entre outras), promovido com a leitura de textos em
Língua Inglesa, ou interações por meio de apresentações para a escola e
comunidade ou, ainda, com estudantes de outros países, compartilhando
assuntos do cotidiano postados em redes sociais ou plataformas de
compartilhamento, com a mediação do professor, a fim de valorizar a
diversidade entre culturas.

 PR.EF08LI20.s.8.35 Estimular o interesse por outras culturas e suas


diferenças, examinando fatores que podem impedir o entendimento entre
pessoas de culturas diferentes que falam a Língua Inglesa: regras sociais,
código de vestimenta e simbologia de cores, crenças e atitudes,
comportamentos, valores, relacionamentos, hábitos relativos a
entretenimento e alimentação, diferenças entre crenças religiosas, heranças
sociais e culturais, símbolos nacionais, percepção de si e do grupo social a
que pertence, estilo de vida, entre outros.

A METODOLOGIA que está descrita no PDT têm como ponto de partida o


conteúdo estruturante da disciplina de Língua Estrangeira, o Discurso como Prática
Social, questões linguísticas, discursivas, sociopragmáticas e culturais, bem como as
práticas do uso da língua (leitura e oralidade) por meio da leitura, compreensão e
problematização de textos de diferentes gêneros. Estratégias de leitura por meio de
atividades de pré-leitura (apresentação de vocabulário, estruturas e expressões que
possibilitem a decodificação e interpretação do texto) e pós-leitura (questões para
reflexão e problematização). Como descritores, aparece D03 - Inferir o sentido de uma
palavra ou expressão. D04 - Inferir uma informação implícita em um texto. D06 -
Identificar o tema de um texto. II. Implicações do suporte, do gênero e/ou do enunciador
na compreensão do texto D05 - Interpretar texto com auxílio de material diverso (fotos,
e-mail, reportagem, entrevista, história em quadrinhos, texto informativo, propagandas,
redes sociais, letras de música, excertos de livros, artigos de jornal, resenha, mapa,
revista, notícia, poema, homepage, lendas e contos). III. Relação entre textos D20 -
Reconhecer diferentes formas de tratar uma informação na comparação de textos que
tratam do mesmo tema, em função das condições em que ele foi produzido e daquelas
em que será recebido. IV. Coerência e coesão no processamento do texto D02 -
Estabelecer relações entre partes de um texto, identificando repetições ou substituições
que contribuem para a continuidade de um texto. D10 - Identificar o conflito gerador do
enredo e os elementos que constroem a narrativa. D15 - Estabelecer relações lógico-
discursivas presentes no texto, marcadas por conjunções.
As formas de AVALIAÇÃO serão sempre realizadas de forma clara e
objetiva. O aluno será avaliado através das seguintes formas: exercícios escritos de
interpretação de texto, leitura (decodificação, inferência, compreensão e processamento
das informações presentes nos textos) e do uso correto dos diferentes itens de análise
linguística