Você está na página 1de 9

P1 – Conversão de Energia I 20/09/2017

1) Faça um esboço de um circuito equivalente para um trafo 1φ de alta potência operando em regime
permanente. Descreva o significado de cada um dos parâmetros deste circuito equivalente. Relate os proce-
dimentos a serem adotados visando à obtenção destes parâmetros. Que parâmetro representa o fenômeno
indesejável mais difícil de ser atenuado em um transformador de alta tensão?

2) Foram obtidos os seguintes resultados os ensaios em um trafo 1φ, de 110kVA, 4400/440V foram:
CC: Pcc 2 k W, Vcc 18 V, Icc 200 A;
Vazio: Po 1.2 kW, Vo 4400 V, lo 2 A
Na situação em que o trafo tenha que operar com 60% da carga nominal com um FP de 0.6 capacitivo e
tensão nominal no secundário, pede-se:
a) A regulação de tensão; (igual à P1 de 18.04.2010)
b) Condição de regulação nula de tensão;
c) O rendimento; (igual à P1 de 18.04.2010)
d) O carregamento que proporcionará o rendimento máximo.

3) Igual à Q2 da P1 de 18.04.2010

4) Responda:
a) Igual à Q3 (a) da P1 de 18.04.2010
b) Por que no teste de curto circuito se determinam apenas as perdas nos enrolamentos e descon-
sideramos as perdas no núcleo?
As perdas no núcleo são determinadas no teste em vazio
c) Quais os dois tipos de núcleos para transformadores de potência?
Ferromagnético ou Ar
d) Quando um transformador é desligado, surge um fluxo residual. Caso, na manobra de energiza-
ção a polaridade da tensão do sistema seja:
(1). Polaridade oposta ao fluxo nominal;
(2). Mesma polaridade do fluxo nominal;

Então, relate o que ocorre nas duas situações.

e) Explique as características dos transformadores de medição (TP e TC).


Transformador de corrente (TC) tem por finalidade detectar ou medir a corrente que circula em
um cabo e transforma-la em outra corrente de valor menor, para ser transmitida a um instrumento de
medição ou circuito eletrônico. O TC é muito usado para abaixar a corrente elétrica da rede para alimentar
dispositivos eletrônicos que não suportam grandes níveis de corrente.
Transformador de potencial (TP) muda os valores de tensão que entram na bobina primária. A
espira primária recebe a tensão primária e conduz uma corrente primária. Por essa corrente ser alternada,
ela gera uma variação no fluxo magnético no seu interior. Esse fluxo é canalizado pelo núcleo ferromag-
nético, e na espira secundária, induzindo uma tensão nesta espira. Se não houver um circuito fechado
ligado à espira secundária, uma corrente induzida será estabelecida.
f) Um aluno de conversão I comprou um transformador de potência de 50 Hz e quer usar aqui no
Brasil (60Hz). Será possível? Por outro lado, um outro aluno que possui um trafo de 200/100 de
60Hz quer usar ele na Europa (50Hz) de qualquer forma e excitar o mesmo pelo lado de 100V.
Explique como ele poderá usar o mesmo na Europa e garantir que a corrente de excitação per-
maneça a mesma.
Se um transformador de 60Hz operar em 50Hz, a tensão aplicada também deverá ser reduzida
em um sexto ou o fluxo de pico no núcleo será muito elevado. Essa diminuição na tensão aplicada com a
frequência é denominada redução de tensão nominal. De modo similar, um transformador de 50Hz po-
derá operar com uma tensão 20% mais elevada em 60Hz se esse procedimento não causar problemas de
isolamento.
Conversão de energia VI – Eletro/Telecom/Auto (P1) 18/04/2010

1) Assinale se cada uma das afirmações é verdadeira ou falsa.


Trafos.
( ) Autotransformadores têm custo reduzido, rendimento superior e menor dimensão,
são mais seguros e mais leves, para uma mesma capacidade, comparativamente a trans-
formadores comuns.
( ) A corrente de inrunsh, dependendo do momento que o trafo é energizado, pode
apresentar valores muito elevados. Deste modo, devido ao seu valor e forma, esta pode
ser confundida com uma corrente de curto-circuito.
( ) O estágio de saída de áudio tem uma impedância de 2000 ohms. Um trafo de saída
é utilizado como causador de impedâncias com um microfone de 6 ohms. Ele foi projeto
com um total de 400 espiras no primário e 22 espiras no secundário proporcionando um
desempenho adequado ao sistema.
( ) A corrente de magnetização se caracteriza por possuir uma componente predomi-
nante de terceiro harmônico, ao passo que na corrente de inrunsh a componente pre-
dominante é o harmônico de quinta ordem.
( ) As marcações de polaridade indicam os terminais por onde correntes positivas de-
vem entrar, em duas bobinas acopladas para que sejam produzidos fluxos concordantes
(os fluxos produzidos em cada bobina se somam).

2) É possível que um trafo de 60 Hz funcione em 400 Hz? Sob quais condições?


Usando um transformador de 60 Hz em 400Hz, a maior frequência resultará em maiores
perdas no ferro. O material se tem perdas quando seu fluxo magnético é alternado nessa
frequência mais alta.
Usando um transformador de 400Hz em60 Hz, haverá indutância insuficiente nos enro-
lamentos, então eles consumirão muita corrente (off load) que por sua vez irá saturar o
núcleo (o núcleo se torna não magnético).
É por isso que a tensão deve ser reduzida para manter a corrente baixa (mesma cor-
rente, menor tensão).
3) Um trafo de 50 kVA, 2400/240 V é conectado conforme mostrado a seguir. Neste caso,
AB é o enrolamento de 240 V e o enrolamento de 2400 V é BC.
Por meio do ensaio de curto-circuito realizado
no lado de temos:
Vcc = 48 [V], Icc = 20.8 [A] e Pcc = 617 [W]
Já, por meio do ensaio em aberto temos:
Vo=240 [V], Io= 5.41 [A] e Po = 186 [W]
a) Calcule as tensões nominais Va e Vb nos la-
dos de AT e BT, respectivamente;

b) Calcule a potência aparente nominal;

c) Determine o rendimento o rendimento a plena carga com fator de potência de 0.80.

4) Um transformador de 1000 VA, 230/115V, foi testado por forma a determinar-se o seu
circuito equivalente. Os resultados obtidos apresentam-se na tabela ao lado.
Ensaio a vazio: Vo = 230 V, lo = 0.1 A, Po = 5.2 W
Ensaio CC: Vcc = 10.8 V, Ice= 4.35 A, Pcc = 11.75 W
Todos os dados apresentados foram medidos no primário do transformador. Sendo as-
sim, pede-se:
a) Obtenha o circuito equivalente do transformador referido ao secundário.
b) Qual a regulação do transformador quando fornece corrente nominal a:
(1). Uma carga indutiva com um fator de potência 0.8;
(2). Uma carga resistiva;
(3). Uma carga capacitiva com um fator de potência 0.8.
Conversão de energia VI – Eletro/Telecom/Auto (P1) 18/04/2010

1) Assinale se cada uma das afirmações é verdadeira ou falsa.


Trafos.
(V) Autotransformadores têm custo reduzido, rendimento superior e menor di-
mensão, são mais seguros e mais leves, para uma mesma capacidade, comparati-
vamente a transformadores comuns.
(V) A corrente de inrunsh, dependendo do momento que o trafo é energizado,
pode apresentar valores muito elevados. Deste modo, devido ao seu valor e for-
ma, esta pode ser confundida com uma corrente de curto-circuito.
(F?) O estágio de saída de áudio tem uma impedância de 2000 ohms. Um trafo
de saída é utilizado como causador de impedâncias com um microfone de 6 ohms.
Ele foi projeto com um total de 400 espiras no primário e 22 espiras no secundário
proporcionando um desempenho adequado ao sistema.
(F) A corrente de magnetização se caracteriza por possuir uma componente pre-
dominante de terceiro harmônico, ao passo que na corrente de inrunsh a compo-
nente predominante é o harmônico de quinta ordem.
(F) As marcações de polaridade indicam os terminais por onde correntes
positivas devem entrar, em duas bobinas acopladas para que sejam produzidos
fluxos concordantes (os fluxos produzidos em cada bobina se somam).

2) É possível que um trafo de 60 Hz funcione em 400 Hz? Sob quais condições?


Usando um transformador de 60 Hz em 400Hz, a maior frequência resultará em maiores
perdas no ferro. O material se tem perdas quando seu fluxo magnético é alternado nessa
frequência mais alta.
Usando um transformador de 400Hz em60 Hz, haverá indutância insuficiente nos enro-
lamentos, então eles consumirão muita corrente (off load) que por sua vez irá saturar o
núcleo (o núcleo se torna não magnético).
É por isso que a tensão deve ser reduzida para manter a corrente baixa (mesma cor-
rente, menor tensão).
3) Um trafo de 50 kVA, 2400/240 V é conectado conforme mostrado a seguir. Neste caso,
AB é o enrolamento de 240 V e o enrolamento de 2400 V é BC.
Por meio do ensaio de curto-circuito realizado
no lado de temos:
Vcc = 48 [V], Icc = 20.8 [A] e Pcc = 617 [W]
Já, por meio do ensaio em aberto temos:
Vo=240 [V], Io= 5.41 [A] e Po = 186 [W]
a) Calcule as tensões nominais Va e Vb nos la-
dos de AT e BT, respectivamente;

b) Calcule a potência aparente nominal;

c) Determine o rendimento o rendimento a plena carga com fator de potência de 0.80.

4) Um transformador de 1000 VA, 230/115V, foi testado por forma a determinar-se o seu
circuito equivalente. Os resultados obtidos apresentam-se na tabela ao lado.
Ensaio a vazio: Vo = 230 V, lo = 0.1 A, Po = 5.2 W
Ensaio CC: Vcc = 10.8 V, Ice= 4.35 A, Pcc = 11.75 W
Todos os dados apresentados foram medidos no primário do transformador. Sendo as-
sim, pede-se:
a) Obtenha o circuito equivalente do transformador referido ao secundário.
b) Qual a regulação do transformador quando fornece corrente nominal a:
(1). Uma carga indutiva com um fator de potência 0.8;
(2). Uma carga resistiva;
(3). Uma carga capacitiva com um fator de potência 0.8.
P1 – Conversão de Energia VI – Eletro / Telecom / Auto 03/10/2011

*Questões iguais à P1 do dia 18/04/2010 foram removidas*

1) Assinale se cada uma das afirmações é verdadeira ou falsa.


( ) A corrente inrush ou de magnetização é a componente da corrente de excitação res-
ponsável pela magnetização do núcleo do transformador, representada pela susceptân-
cia ( ou reatância) de magnetização. É periódica e alternada, com a frequência da rede,
e corresponde à componente da onda fundamental em quadratura com a tensão apli-
cada ao transformador (ou em fase com o fluxo) e mais todos os harmônicos, estando
relacionada com a potência reativa de magnetização do núcleo.

2) É possível que um trafo de 50 Hz funcione em 60 Hz? Se possível, sob quais condições?


E o contrário?

3) Um trafo de 50 kVA, 2400/240 V é conectado con-


forme mostrado a seguir. Neste caso, AB é o enro-
lamento de 240 V e o enrolamento de 2400 V é BC.
Por meio do ensaio de curto-circuito realizado no
lado de temos:
a) Calcule as tensões nominais no lado de alta e
baixa do autotrafo, respectivamente;
b) Determine a capacidade do autotrafo? Qual o
incremento de carga?

4)
5) Os seguintes dados foram obtidos nos ensaios de circuito aberto e curto circuito de um
transformador monofásico, 50 KVA, 2400 / 240 volts, 60Hz:
• Medidas tomadas no lado de baixa tensão com o enrolamento de alta tensão em
circuito aberto: 240 V; 5,97 A; 213 W.
• Medidas tomadas no lado de alta tensão com o enrolamento de baixa tensão em
curto circuito: 60 V; 20,8 A; 750 W.
Assumindo que a impedância de dispersão do enrolamento primário é igual a impedân-
cia de dispersão do enrolamento secundário referida ao lado primário, determinar o
circuito equivalente do transformador referido o lado de alta tensão.
1) Foram obtidos os seguintes resultados nos ensaios em um Trafo, 1φ de 110kVA, 4400/440V
foram:

CC: Pcc = 2kW, Vcc = 18V, Icc = 200A;

Vazio: P0 = 1.2kW, V0 = 4400V, I0=2 A;

Na situação em que o trafo operar com 60% da carga nominal com um FP de 0.6 capacitivo e
tensão nominal no secundário, pede-se:

a) A regulação de tensão;
b) O rendimento.

2) Foram realizados ensaios de curto circuito em dois transformadores 1φ de 100kVA,


6600/400V, 50Hz e os seguintes resultados foram obtidos:

V medida (V) I medida (A) P medida (W)


365 15,15 1750
275 15,15 2000

Verifique se pode fazer o paralelo e, no caso alternativo, como se distribuía carga, quando os
transformadores suprirem um receptor de 200kVA.

Zcc1 = Vcc1/Icc1 = 365/15,15 = 24,09 ohms


Zcc2 = Vcc2/Icc2 = 275/15,15 = 18,15 ohms
Para ligar 2 trafos em paralelo, eles precisam ter a mesma polaridade e a mesma relação de
transformação. Porém, segundo a NBR5356, a diferença entre os Zccs não deve superar 7,5%,
pois isso acarretaria em uma sobrecarga no transformador com menor Z e a corrente seria maior
neste trafo.

3) Responda:

a) Quais são as vantagens e desvantagens de um autotrafo?

Vantagens: 1- Menor custo (para relação de tensão não muito distante de 1:1);

2- Alta eficiência / baixo consumo;

3- Fácil transporte / instalação;

4- Menor corrente de excitação (Magnetização).

Desvantagens: 1- Pode gerar sobrecarga no secundário, se o ponto C se romper;

2- Aumenta muito a corrente de curto-circuito do sistema;

b) Em que situação poderá ocorrer a energização solidária em um Trafo?

Quando um Trafo é energizado próximo a outro Trafo, pode ser


ocasionada uma corrente inrush no Trafo ao lado que pode
ocasionar sua saturação. Isto pode ocorrer devido a componente
CC da corrente.

c) Qual a relação entre curva de saturação e o regime de operação de um Trafo?


O regime de operação do trafo sempre deve estar entre 0 e o ponto de saturação do material
ferromagnético.

d) O que representa a marcação da polaridade em trafos? (meio certa)

A marcação de polaridade do trafo é o sentido que as correntes percorrem nos respectivos


enrolamentos de primário e secundário, podem ser subtrativos ou aditivos.

e) Quando a corrente inrush será mais elevada?

A corrente inrush será mais elevada quando a chave for


fechada no momento que o fluxo estiver passando pelo 0 da
função senoidal.

4) Um Trafo monofásico de 120kVA, 1000/200 V, 50 Hz, foi ensaiado e os seguintes resultados


foram obtidos:

I0 = 4%; P0 = 1,8 kW; Vcc = 6%; Pcc = 4.8kW.

Pede-se:

a) O circuito equivalente deste Trafo;


O circuito equivalente primário
b) A tensão secundária a plena carga com FP = 0.8 ind. e a corrente absorvida pelo
primário; (meio certa)
Z% = 6% → Vcc = 0,06*1000 = 60V → Queda
Icurto = 1000/0,5 = 2000 A

c) Corrente de curto-circuito permanente;


Icc → 0,02 ∠34,99° * 600∠-36,87°
12 ∠-1,88° V

d) Corrente de rendimento máximo; (meio certa)


I1N=120k/1000 = 120 A I2N= 120k/200 = 600 A
Z1base=(V1N)²/S = 8,33 ohms Z2base=(V2N)²/S = 0,333 ohms Z%=6%
Z1=8,33 * 6% = 0,5 ohm Z2= 0,33 * 6% = 0,02 ohm
R% = Pcc/S * 100 = 4800/120 000 = 4%
R1= 8,33 * 4% = 0,33 ohm R2= 0,33 * 4% = 0,013 ohm
2
X% = √0,06 − 0,04² = 4,4%
X1= 8,33 * 4,4% = 0,37j ohm X2= 0,014j ohm

I0= 4% de 120ª = 4,8 A V0= 1000 V P0= IoVocosθ → cosθ = 1800/(4,8*1000) = 0,375
Θ = 68°
Rp= 1000²/1800 = 555,5 ohms Xm=V0/Im=1000/4,45=224,7j ohms
IP=4,8*cosθ=1,8A Im=4,8*senθ=4,45 A

5) Um transformador 1φ (5kVA, 480/120 V, 50Hz) será utilizado como autotrafo visando suprir
um sistema em 480V a partir de uma fonte de 600V. O rendimento do Trafo 1φ sob carga
nominal e fator de pot 0.8 atrasado foi de 96,5% em relação ao autotrafo. Pede-se:

a) O esquema de conexões incluindo a marcação da polaridade;

Desejo 600V → aditivo


I1= 5000/480 = 10,41 A I2= 41,66 A
I3= 52,2 (IH+I2)

b) Sua potência aparente nominal, distinguindo em potência passante e transformada.

Sautotrafo= 480*52,2 = 25 kVA Potência passante = 25kVA – 5 kVA = 20 kVA


Transformada = 5kVA

Você também pode gostar