Você está na página 1de 9

EXERCÍCIOS SOBRE SERVIDORES PÚBLICOS.

QUESTÕES SUBJETIVAS
1 – Pode ser instaurado processo administrativo disciplinar sem a prévia abertura de sindicância? Justifique.
2 – É possível a revisão do Processo Administrativo Disciplinar? Justifique.
3 – O que representa o Processo Administrativo Disciplinar?
4 – É possível a revogação e a anulação do Processo Administrativo Disciplinar? Justifique.
5 – Lineu é servidor público estável e comete falta administrativa grave que também constitui crime. Pergunta-se: Pode
Lineu, embora absolvido na esfera penal por insuficiência de provas, vir a ser demitido pela Administração Pública pelo
mesmo fato? Justifique.
6 – Indique as formas de exoneração do servidor público existentes na legislação.
7 – Quais são as formas de demissão do servidor Público e os fundamentos legais.
8 - Em que momento ocorre à estabilidade do servidor público estatutário?
9 – Em que hipóteses a decisão criminal absolutória faz coisa julgada no civil e vincula a esfera de responsabilização
administrativa? Fundamente.
10 – Servidor público comete falta administrativa que também constitui crime. Pode ele, embora absolvido na esfera
penal, vir a ser demitido pela Administração Pública pelo mesmo fato?

QUESTOES OBJETIVAS
01 - OAB 2007. No que concerne a cargos públicos, 03 - FCC- A reinvestidura do servidor estável no
assinale a opção correta. cargo anteriormente ocupado, ou no cargo
(A) Somente é possível a acumulação de cargos resultante de sua transformação, quando invalidada
públicos se um deles não for remunerado, como nos a sua demissão por decisão administrativa ou
serviços voluntários. judicial, com ressarcimento de todas as vantagens, é
(B) É possível a acumulação remunerada de dois
cargos de enfermeiro.
(C) É possível a acumulação remunerada de dois (A) A reversão.
cargos de engenheiro. (B) A readaptação.
(D) A acumulação remunerada só será possível se um (C) A reintegração.
dos cargos for emprego público e o outro, função (D) A recondução.
pública. (E) O aproveitamento.

02 - 0AB 2007. De acordo com o art. 121 da Lei n.º 04 - A exoneração de ofício de servidor público,
8.112/1990, o “servidor responde civil, penal e ocupante de cargo efetivo, dar-se-á:
administrativamente pelo exercício irregular de suas
atribuições”. Considerando esse comando legal, (A) A pedido do próprio servidor.
assinale a opção correta. (B) Quando, tendo tomado posse não entrar em
exercício no prazo estabelecido.
(A) Pode haver responsabilidade civil sem que haja a (C) A juízo da autoridade competente.
penal, mas sempre haverá a obrigação (D) Em razão de processo administrativo, sendo-lhe
administrativa. assegurada ampla defesa.
(B) Sempre que houver a responsabilidade penal, haverá (E) Em virtude de extinção do cargo
também a responsabilidade civil e a administrativa.
(C) A administração não pode aplicar pena de demissão 05 - OAB 2003. Uma das alternativas está incorreta.
ao servidor em processo disciplinar se este houver Assinale-a:
sido absolvido em processo criminal.
(D) O Estatuto do Servidor Público Federal prevê que as (A) O servidor público estável poderá perder o cargo
sanções penais, cíveis e administrativas podem ser mediante processo administrativo em que lhe seja
cumuladas. assegurada ampla defesa;
(B) Adquire a estabilidade após três anos de exercício
quem tenha sido nomeado para cargo em comissão;
(C) A avaliação especial de desempenho por comissão
instituída para essa finalidade é condição para a
aquisição da estabilidade;
(D) O servidor não estável pode exercer cargo em
comissão.
06 - OAB 2013. As alternativas a seguir apresentam 10 - João foi demitido do serviço público por ter
condições que geram vacância de cargo público, à praticado falta grave. Dois anos depois, conseguiu
exceção de uma. Assinale-a. anular, por meio de ação judicial, a decisão
administrativa que o demitiu. Além de anular o ato
(A) Falecimento. administrativo, a decisão judicial determinou que
(B) Promoção. João voltasse ao cargo público que ocupava
(C) Aposentadoria anteriormente. De acordo com essa situação
(D) Licença para trato de interesse particular. hipotética, assinale a opção que apresenta a forma
de investidura utilizada para que João volte a ocupar
07 - O exercício de mandato eletivo de vereador por o cargo público.
servidor público, nos termos da Lei nº 8.112/90.
(A) Recondução
(A) É incompatível com o vínculo funcional de servidor (B) Aproveitamento
público, devendo haver prévia exoneração do cargo (C) Reversão
para assunção ao cargo. (D) Readaptação
(B) Exige afastamento do cargo público ocupado, (E) Reintegração
podendo optar pela remuneração do mesmo.
(C) Pode exigir afastamento do cargo, caso não haja 11 - Em se tratando de servidores públicos, é correto
compatibilidade de horários, podendo receber as que:
vantagens de seu cargo, cumuladas com os venci
mentos do cargo eletivo. (A) A lei só pode aplicar o regime remuneratório de
(D) Exigirá afastamento do cargo, caso não haja subsídio para as carreiras do serviço público
compatibilidade de horários, podendo optar, nesse referidas expressamente na Constituição Federal.
caso, pela sua remuneração. (B) A aposentadoria compulsória dá-se com proventos
(E) Não exige afastamento do cargo em havendo proporcionais ao tempo de serviço.
compatibilidade de horários, podendo ser cumulados (C) A lei pode, excepcionalmente, estabelecer forma de
os vencimentos e vantagens percebidos. contagem de tempo de contribuição fictício.
(D) O tempo de contribuição federal, estadual ou
08 - É INCORRETO afirmar que são formas de municipal deve ser contado para efeito de
provimento de cargo público, dentre outras, a: aposentadoria e o tempo de serviço correspondente
para efeito de disponibilidade.
(A) Reintegração e a recondução. (E) A estabilidade é obtida após dois anos de efetivo
(B) Readaptação e a nomeação. exercício pelos servidores nomeados para cargo de
(C) Promoção e o aproveitamento. provimento efetivo em virtude de concurso público.
(D) Transferência e a ascensão.
(E) Nomeação e a promoção. 12 - Ao funcionário público federal estável aprovado
em novo concurso público, para outro órgão, mas
09 – João, servidor público da administração direta não habilitado no estágio probatório desse novo
federal, foi eleito para o cargo de Prefeito em seu cargo aplica-se, para que retorne ao cargo por ele
Município. De acordo com as disposições anteriormente ocupado, o instituto da:
constitucionais e legais aplicáveis à espécie, ele.
(A) Readaptação.
(A) Ficará afastado do cargo durante o período de (B) Reversão.
mandato, podendo optar entre a remuneração do (C) Reintegração.
cargo público ou do eletivo. (D) Recondução.
(B) Poderá solicitar afastamento do cargo ou licença (E) Redistribuição.
parcial com redução proporcional da remuneração.
(C) Deverá ser exonerado do cargo, pois se trata de
cumulação vedada com impossibilidade de
afastamento.
(D) Poderá solicitar exoneração a pedido e reversão ao
cargo de origem ao final do mandato.
(E) Poderá permanecer em exercício no cargo de
origem, desde que comprove a compatibilidade de
horários e atribuições.
13 - Conforme preceitua a Lei 8.112/90, denomina-se 17 - Com base nas normas constitucionais aplicáveis
“Readaptação”: à administração pública, assinale a opção correta.
(A) O retorno à atividade de servidor aposentado por (A) O prazo de validade do concurso público é fixado
invalidez, quando, por junta médica oficial, forem pelo órgão que o realiza e pode ser alterado ou
declarados insubsistentes os motivos da prorrogado indefinidamente.
aposentadoria. (B) As funções de confiança destinam-se apenas às
(B) A reinvestidura do servidor estável no cargo atribuições de direção, chefia e assessoramento.
anteriormente ocupado, ou no cargo resultante de (C) É inadmissível a contratação temporária de pessoal
sua transformação, quando invalidada a sua pela administração pública.
demissão por decisão administrativa ou judicial, com (D) Durante o prazo improrrogável previsto no edital, o
ressarcimento de todas as vantagens. candidato anteriormente aprovado em concurso
(C) A investidura do servidor em cargo de atribuições e público pode ser preterido por novos concursados,
responsabilidades compatíveis com a limitação que se estes forem considerados mais bem qualificados.
tenha sofrido em sua capacidade física ou mental (E) Por força de disposição constitucional, determinados
verificada em inspeção médica. cargos públicos devem ser ocupados
(D) O retorno do servidor estável ao cargo anteriormente exclusivamente por portadores de deficiência.
ocupado em decorrência de inabilitação em estágio
probatório relativo a outro cargo. 18 - São servidores públicos, exceto:
(E) O retorno do servidor estável ao cargo anteriormente
ocupado em decorrência de reintegração do anterior (A) Os servidores trabalhistas ocupantes de emprego
ocupante. público.
(B) Os servidores estatutários ocupantes de cargo
14 - Os cargos de confiança, a serem preenchidos público.
por servidores de carreira nos casos, condições e (C) Os servidores das empresas concessionárias de
percentuais mínimos previstos em lei, destinam-se serviços públicos.
às atribuições de: (D) Os servidores sujeitos ao estatuto especial da
pessoa federativa correspondente.
(A) Direção, apenas. (E) Os servidores temporários contratados para
(B) Natureza política e de interesse público. atenderem à necessidade temporária de excepcional
(C) Natureza técnica, chefia e direção, apenas. interesse público.
(D) Direção, chefia e assessoramento, apenas.
(E) Qualquer natureza administrativa. 19 - Durante estágio probatório, determinado
servidor que acabou de entrar no serviço público,
15 - (FCC) Dentre outras, NÃO é hipótese de praticou atos incompatíveis com a assiduidade e
vacância do cargo público a: disciplina esperados. Em consequência, nos termos
da legislação vigente, ele não deve ser confirmado
(A) Aposentadoria. no cargo e, dessa forma, será:
(B) Exoneração.
(C) Promoção. (A) Readaptado.
(D) Readaptação. (B) Demitido.
(E) Posse em outro cargo acumulável.
(C) Reconduzido.
(D) Expulso.
16 - Considera-se em disponibilidade, o servidor:
(E) Exonerado.
(A) Posto a disposição de outro órgão público;
20 - Cecília, servidora pública federal, foi reintegrada
(B) Ocupante de vaga aberta por servidor estável, cuja
no cargo anteriormente ocupado. Porém, referido
demissão foi invalidade por sentença judicial;
cargo estava provido por Francisco. Nesse caso,
(C) Em licença para tratamento de saúde;
Francisco será, dentre outras alternativas...
(D) Punido por prevaricação;
(E) Em gozo de férias.
(A) Reconduzido ao cargo de origem, sem direito à
indenização.
(B) Revertido ao cargo de origem, com direito à
indenização.
(C) Posto em disponibilidade remunerada, com
indenização a critério da administração.
(D) Removido ao cargo de origem ou para outro cargo, (D) Destinatários dos mesmos direitos e das vantagens,
vedada qualquer indenização. que a Lei n. 8.112/90 assegura aos servidores
(E) Redistribuído a outro cargo de provimento efetivo de titulares de cargos efetivos, inclusive aposentadoria.
maior remuneração. (E) Destinatários dos direitos e vantagens assegurados
na Lei n. 8.112/90, aos servidores efetivos, inclusive
21 - Sobre o servidor público estatutário é correto os relativos e licenças.
afirmar:
25 - O retorno à atividade, do servidor público civil
(A) Extinto o cargo ou declarada sua desnecessidade, da União, regido pela Lei n. 8.112/90, para o cargo
o servidor estável ficará em disponibilidade, com em que tenha sido colocado em disponibilidade dar-
remuneração integral, até o seu adequado se-á mediante:
aproveitamento em outro cargo.
(B) Como condição para a aquisição da estabilidade, é (A)Aproveitamento.
obrigatória a avaliação especial de desempenho (B) Readmissão.
por comissão instituída para essa finalidade. (C) Reintegração.
(C) É permitida a acumulação remunerada de cargos (D) Reversão.
públicos, sempre que houver compatibilidade de (E) Recondução.
horários.
(D)A proibição de acumulação estende-se a 26 – A investidura em cargo público ocorrerá com a:
Administração Direita, não alcançando a
Administração Indireta. (A) Nomeação.
(E) Os servidores públicos estatutários aposentam-se (B) Posse.
no Regime Geral da Previdência Social. (C) Transferência.
(D) Ascensão.
22 - A contagem do prazo para estabilidade do (E) Promoção.
servidor público se inicia com a/o:
27 - Nos termos da Lei n. 8.112/90, entende-se como
(A) Publicação da nomeação. o deslocamento de cargo de provimento efetivo,
(B) Homologação do concurso. ocupado ou vago no âmbito do quadro geral de
(C) Efetivo exercício de suas funções. pessoal, para outro órgão ou entidade do mesmo
(D) Assinatura do termo de posse. Poder:
(E) Término do estágio probatório.
(A) A redistribuição.
23 - No caso da extinção de órgão público, em que (B) A remoção.
fiquem extintos cargos ou declarada sua (C) A cessão.
desnecessidade, os servidores efetivos, quando (D) A disponibilidade.
forem estáveis, devem ficar: (E) A substituição.

(A) Aposentados. 28 – O regime jurídico do pessoal contratado em


(B) Exonerados. caráter temporário, por excepcional interesse
(C) Em disponibilidade. público, conforme a previsão do inciso IX do artigo
(D) Em licença. 37 da Constituição Federal, adotado pela União
(E) Readaptados. Federal, classifica-se como:

24 - Os ocupantes de cargos em comissão, na (A) regime contratual de direito público.


Administração Pública Federal, sem nela deterem (B) regime celetista.
outro vínculo funcional efetivo, são: (C) regime estatutário.
(D) regime contratual de direito privado.
(A) Regidos pelo regime da CLT (legislação trabalhista). (E) regime de função pública temporária.
(B) Submetidos ao regime jurídico disciplinar, previstos
na Lei n. 8.112/90, que estabeleceu o regime
jurídico único dos servidores civis federais.
(C) Filiados obrigatórios do Plano de Seguridade Social
do Servidor, estabelecido na Lei n. 8.112/90.
29 - São formas de provimento de cargo público, de (B) Apenas a conduta de Paulo poderá caracterizar
acordo com a Lei Federal no 8.112/90: improbidade administrativa, cabendo a Celso a
responsabilização no âmbito de processo disciplinar.
(A) Nomeação e indicação. (C) A conduta de ambos poderá caracterizar
(B) Ascensão e reversão.
improbidade administrativa, independentemente de
(C) Transferência e readaptação.
(D) Reintegraçãoe readaptação. prejuízo ao erário.
(E) Recondução e ascensão. (D) A conduta de Celso poderá caracterizar improbidade
administrativa, desde que comprovado dano ao
30 - A lei permite a remoção ex officio de um erário e enriquecimento ilícito.
funcionário para atender a necessidade do serviço (E) Ambas as condutas poderão caracterizar
público. Mauro, servidor público, praticou improbidade administrativa, desde que comprovada
determinada infração e a Administração Pública lesão dolosa ao patrimônio público.
utilizou a remoção como forma de punição. Nesse
caso: 03 - Como medida cautelar, a fim de que o servidor
não venha a influir na apuração da irregularidade, a
(A) Há violação à finalidade do ato administrativo. autoridade instauradora do processo administrativo
(B) Inexiste vício de finalidade no ato administrativo. disciplinar poderá:
(C) Há vício de competência no ato administrativo.
(D) Há vício no motivo do ato administrativo. (A) Determinar o seu afastamento do exercício do cargo,
(E) Não há qualquer ilegalidade, ou seja, pode o ato pelo prazo de até 60 dias, prorrogável por igual
administrativo ser mantido pela Administração. prazo, sem prejuízo da remuneração.
(B) Determinar o seu afastamento do exercício do cargo,
DAS RESPONSABILIDADES DO SERVIDOR pelo prazo de até 90 dias, prorrogável por igual
PÚBLICO prazo, com prejuízo da remuneração.
(C) Determinar o seu afastamento do exercício do cargo,
01 - Da sindicância poderá resultar: pelo prazo de até 90 dias, prorrogável por igual
prazo, sem prejuízo da remuneração.
(A) Sustação do andamento do inquérito administrativo, (D) Determinar o seu afastamento do exercício do cargo,
aplicação da penalidade de suspensão convertida pelo prazo de até 60 dias, prorrogável por igual
em multa e destituição de cargo público. prazo, com prejuízo da remuneração.
(B) Arquivamento da sindicância, aplicação da (E) Suspendê-lo pelo prazo improrrogável de 15 dias,
penalidade de advertência ou ainda, instauração do sem prejuízo da remuneração, uma vez que não
processo administrativo disciplinar. existe afastamento preventivo de servidor antes de
(C) Arquivamento do processo administrativo disciplinar, encerrada a instrução.
aplicação das penalidades de suspensão de até
sessenta dias e de demissão. 04 - Darwin, servidor público, permitiu que chegasse
(D) Aplicação das penalidades de suspensão de até 90 ao conhecimento de um colega de infância,
dias ou de demissão e instauração do inquérito empresário do ramo de supermercados, antes da
administrativo. respectiva divulgação oficial, teor de medida
(E) Desarquivamento do processo administrativo econômica capaz de afetar o preço do leite. Nos
disciplinar para instauração do inquérito termos da Lei no 8.429/92, a conduta em questão
administrativo e aplicação das penalidades de constitui:
advertência e suspensão de até trinta dias.
(A) Ato ímprobo causador de prejuízo ao erário.
02 - Celso, servidor público federal, usou, em (B) Ato ímprobo que atenta contra os princípios da
proveito próprio, veículo de propriedade do órgão Administração Pública.
público em que atua e autorizou Paulo, comerciante (C) Ato ímprobo que importa enriquecimento ilícito.
amigo seu, a residir, gratuitamente, em imóvel (D) Crime, mas não ato ímprobo.
público desocupado do qual possuía as chaves. De (E) Apenas ilícito de natureza administrativo-disciplinar.
acordo com a Lei nº 8.429/92,

(A) Apenas a conduta de Celso poderá caracterizar


improbidade administrativa, sujeitando-o à pena de
perda da função pública.
05 - É certo que, no processo judicial por atos de 08 - Determinado cidadão foi atropelado por viatura
improbidade administrativa, o afastamento do agente policial, conduzida por agente público, que se
público do exercício do cargo, emprego ou função, encontrava em atendimento de ocorrência. Nessa
sem prejuízo da remuneração, quando a medida se situação, poderá responsabilizar:
fizer necessária à instrução processual, poderá ser
determinado apenas por parte: (A) A Administração, desde que comprovado dolo ou
culpa grave do agente.
(A) Da autoridade judicial ou administrativa competente. (B) A Administração ou diretamente o agente público,
(B) Do Ministério Público, quando autor da ação. bastando à comprovação do nexo de causalidade
(C) Da autoridade administrativa competente. entre o dano e a conduta do agente.
(D) Do Poder Judiciário ou do Ministério Público. (C) A Administração, desde que comprovada falha na
(E) Da autoridade judicial competente. prestação do serviço, consistente na omissão do
dever de zelar pela atuação do agente público.
06 - Paulo, servidor público federal, deixou de (D) A Administração pelos danos sofridos, podendo esta
praticar, deliberadamente, ato de ofício que era de exercer o direito de regresso em face do agente,
sua competência. A referida conduta: caso comprovado dolo ou culpa deste.
(E) O agente, caso comprovado dolo ou culpa, podendo
(A) Poderá caracterizar ato de improbidade este, se condenado, exercer o direito de regresso
administrativa, desde que comprovado que o em face da Administração.
servidor auferiu vantagem indevida para a sua
prática. 09 - A condenação por ato de improbidade
(B) Configura ato de improbidade administrativa que administrativa:
atenta contra os Princípios da Administração pública,
passível da aplicação da pena de perda da função (A) Importará na suspensão dos direitos políticos, na
pública. perda da função pública, na indisponibilidade dos
(C) Não configura ato de improbidade administrativa, bens e no ressarcimento ao erário, na forma e
sendo passível, contudo, punição disciplinar. gradação previstas em lei, sem prejuízo da ação
(D) Não configura ato de improbidade administrativa, penal cabível, inexistindo foro privilegiado.
salvo se comprovado, cumulativamente, (B) Dependerá de sentença criminal transitada em
enriquecimento ilícito e dano ao erário. julgado, com observância ao foro privilegiado de
(E) Configura ato de improbidade administrativa, autoridades e ex-autoridades públicas.
passível de aplicação de pena de multa, (C) Importará na suspensão dos direitos políticos, na
exclusivamente. perda da função pública, na indisponibilidade dos
bens e no ressarcimento ao erário, na forma e
07 - Zuleica, Teodora e Bárbara são analistas do gradação previstas em lei, com prejuízo da ação
Superior Tribunal Eleitoral. Teodora é aposentada, penal cabível, inexistindo foro privilegiado.
mas enquanto na ativa praticou infração disciplinar (D) Dependerá de sentença criminal transitada em
sujeita a cassação da aposentadoria, Zuleica julgado, com observância ao foro privilegiado de
praticou infração disciplinar sujeita a penalidade de autoridades públicas em efetivo exercício do cargo.
suspensão de até 30 dias e Bárbara praticou infração (E) Importará na suspensão dos direitos políticos, na
disciplinar sujeita a penalidade de suspensão de até perda da função pública, na indisponibilidade dos
90 dias. Nestes casos, de acordo com a Lei nº bens e no ressarcimento ao erário, na forma e
8.112/90, será obrigatória a instauração de processo gradação previstas em lei, com prejuízo da ação
administrativo disciplinar para a apuração das penal cabível, observando-se o foro privilegiado de
infrações cometidas por: autoridades públicas em efetivo exercício do cargo.

(A) Zuleica, Teodora e Bárbara. 10 - Relativamente aos atos de improbidade


(B) Teodora e Bárbara, apenas. administrativa, é CORRETO afirmar que:
(C) Teodora, apenas.
(D) Zuleica e Bárbara, apenas. (A) Os elencos de atos previstos nos artigos 9º, 10º e
(E) Bárbara, apenas. 11º da Lei no 8.429/92 são taxativos, vigorando em
relação a eles os princípios da tipicidade e da estrita
reserva legal.
(B) Todos são definidos como atos dolosos, na medida
em que a prática de atos de improbidade pressupõe
o elemento subjetivo da intenção deliberada do à suspensão dos direitos políticos pelo período de
agente. oito a dez anos.
(C) Não se admite a subsunção da conduta praticada em (B) A ação de improbidade está fadada ao insucesso,
mais de um tipo de ato de improbidade, devendo tendo em vista que não podem ser réus de tal
haver a capitulação em apenas um dos dispositivos demanda aqueles que já não ocupam mandato
legais existentes. eletivo e nem cargo, emprego ou função na
(D) A Lei no 8.429/92 apresenta uma definição geral de Administração.
cada uma das espécies de improbidade, podendo (C) A ação de improbidade está fadada ao insucesso,
haver a explicitação de novas condutas na tendo em vista que já transcorreram mais de 3
legislação extravagante. (três) anos desde o término do exercício do
(E) A inexistência de dano ao erário configura excludente mandado eletivo.
de ilicitude, pois inexiste ato de improbidade sem o (D) É imprescritível a ação de improbidade destinada à
consequente prejuízo. aplicação das sanções previstas na Lei nº
8.429/1992, e, por essa razão, o ex-governador
11 - De acordo com a Lei nº 8.112/1990, o processo pode sofrer as cominações legais, mesmo após o
disciplinar - instrumento destinado a apurar a término do seu mandato.
responsabilidade do servidor por infração praticada
no exercício de suas atribuições, ou que tenha 14 - OAB 2015. Marcos Paulo é servidor público
relação com as atribuições do cargo em que se federal há mais de 5 (cinco) anos e, durante todo
encontre investido - se desenvolve em três fases, esse tempo, nunca sofreu qualquer sanção
que são: administrativa, apesar de serem frequentes suas
faltas e seus atrasos ao serviço. No último mês,
(A) Instauração, protelação e arquivamento. entretanto, as constantes ausências chamaram a
(B) Instituição, inquérito policial e julgamento. atenção de seu chefe, que, ao buscar a ficha de
(C) Instrução, inquérito administrativo e arquivamento. frequência do servidor, descobriu que Marcos Paulo
(D) Instauração, inquérito administrativo e julgamento. faltara mais de 90 (noventa) dias no último ano.
(E) Instauração, inquérito policial e julgamento.
A respeito do caso apresentado, assinale a
12 - A falta de defesa técnica por advogado em afirmativa correta.
Processo Administrativo Disciplinar:
(A) Marcos Paulo, servidor público estável, só pode ser
(A) Não ofende a Constituição. demitido após decisão judicial transitada em julgado.
(B) Provoca a nulidade do processo, mas são (B) Marcos Paulo, servidor público estável, pode ser
preservados os atos decisórios até então praticados. demitido pela sua inassiduidade após decisão em
(C) Acarreta prejuízo à defesa, mas enseja nulidade processo administrativo em que lhe seja assegurada
apenas relativa. ampla defesa.
(D) Ofende o preceito constitucional da ampla defesa, (C) Marcos Paulo, servidor público estável que nunca
gerando nulidade do processo. sofrera qualquer punição na esfera administrativa,
(E) Viola norma constitucional expressa, mas não gera não pode ser demitido em razão de sua
nulidade. inassiduidade.
(D) Marcos Paulo, servidor público estável, não pode ser
13 - OAB 2015. O Ministério Público do Estado W demitido em razão de sua inassiduidade, pois esta
ajuizou ação de improbidade administrativa contra somente autoriza a aplicação das sanções de
um ex-governador, com fundamento no Art. 9º da Lei advertência e suspensão.
nº 8.429/1992 (ato de improbidade administrativa que
importe enriquecimento ilícito), mesmo passados
quase 3 (três) anos do término do mandato e 6 (seis)
anos desde a suposta prática do ato de improbidade
que lhe é atribuída.

Nesse caso:

(A) O ex-governador está sujeito, dentre outras sanções,


à perda dos bens ou valores acrescidos ilicitamente
ao patrimônio, ao ressarcimento integral do dano e
15 - Nos termos da legislação que regulamenta os (C) Somente poderá ser requerida, na hipótese de
atos e as punições decorrentes da improbidade falecimento do servidor, pela pessoa da família
administrativa, é correto afirmar: titular da qualidade de inventariante.
(D) Em sendo julgada procedente, será declarada sem
(A) A representação à autoridade administrativa sobre a efeito a penalidade aplicada, restabelecendo-se
existência de ato de improbidade pode ser anônima. todos os direitos do servidor.
(B) Caso receba representação sem a descrição dos (E) Não poderá, ao ser julgada, resultar agravamento de
fatos ímprobos e sua autoria, a autoridade penalidade, valendo destacar que ao longo do
administrativa deve instaurar investigação. processo revisional o ônus da prova cabe à
(C) A representação poderá ser verbal e, nesse caso, Administração Pública.
será gravada para encaminhamento à Autoridade
competente. 18 - Márcio, servidor público federal, aceitou
(D) A representação, quando escrita, deverá conter a promessa de receber vantagem econômica para
indicação das provas sobre os atos ímprobos. tolerar a prática de jogo de azar. Cumpre esclarecer
(E) A rejeição da representação pela autoridade que Márcio tinha ciência da ilicitude praticada. Nos
administrativa bloqueia a representação ao termos da LIA, que dispõe sobre as sanções
Ministério Público sobre os mesmos fatos. aplicáveis aos agentes públicos nos casos de
enriquecimento ilícito no exercício de mandato,
16 - Analise os comandos de acordo com as regras cargo, emprego ou função na administração pública
previstas na Lei n° 8.429/92 - Lei de Improbidade direta, indireta ou fundacional, o fato narrado
Administrativa escolhendo as afirmativas que constitui:
entender verdadeiras ou falsas para depois apontar a
sequência correta. (A) Mero ilícito administrativo.
(B) Ato ímprobo causador de prejuízo ao erário.
( ) O Ministério Público, quando não intervier no (C) Conduta legal, atentatória tão somente à moral e aos
processo como parte, deverá atuar, obrigatoriamente, bons costumes.
como fiscal da lei, sob pena de nulidade. (D) Ato ímprobo atentatório aos princípios da
( ) É sempre permitida a transação, o acordo ou a Administração Pública, por não caracterizar
conciliação nas ações de improbidade administrativa. quaisquer das demais modalidades de ato ímprobo.
( ) Havendo fundados indícios de responsabilidade é (E) Ato ímprobo que importa enriquecimento ilícito.
possível a decretação do sequestro dos bens do agente
público ou terceiro que tenha enriquecido ilicitamente ou 19 - OAB – 2103. Um servidor público foi acusado de
causado dano ao patrimônio público. corrupção passiva e peculato. Respondeu a
( ) O juiz extinguirá o processo sem julgamento do processo criminal e foi absolvido por ausência de
mérito, em qualquer fase do processo, quando verificar a provas. Diante dessa situação, assinale a afirmativa
inadequação da ação de improbidade. correta.

Indique a sequência correta. (A) A Administração Pública, no caso, permanece livre


para punir o funcionário, desde que verifique haver
(A) F, V, F, V. desvios na conduta funcional do servidor.
(B) V, V, F, V. (B) A decisão de absolvição do servidor sempre vincula
(C) V, F, V, V. a Administração Pública, que não poderá punir o seu
(D) V, F, V, F. funcionário.
(E) F, F, F, F. (C) A autotutela administrativa permite desconsiderar
decisões judiciais contrárias à lei ou às provas dos
17 - Sobre a revisão do processo disciplinar, é autos, sendo possível a aplicação de sanções
correto afirmar: administrativas com cópias extraídas do processo
criminal.
(A) Também é admissível quando seu fundamento (D) As decisões da justiça, que punem o servidor por
constituir- se na simples alegação de injustiça da qualquer crime, vinculam o Poder Público, embora
penalidade. as decisões de absolvição nunca impeçam o poder
(B) Será dirigida ao Ministro de Estado, ou à autoridade punitivo da Administração.
equivalente, que, se autorizar a revisão,
encaminhará o pedido ao dirigente do órgão ou
entidade onde se originou o processo disciplinar.
20 - Um servidor público foi punido por práticas de 24 - De acordo com a legislação em vigor, acarreta
atos ilícitos no âmbito da repartição pública onde aplicação da pena de suspensão ao servidor
exercia suas atividades. Tal sanção é considerada: público:

(A) Administrativa. (A) A reincidência em falta punida com advertência.


(B) Penal. (B) O abandono de cargo.
(C) Civil. (C) A acumulação ilegal de cargos, funções ou
(D) Hierárquica. empregos públicos.
(E) Regulamentar. (D) A insubordinação grave em serviço.
(E) A inassiduidade habitual.
21 - Tratando-se de atos de improbidade
administrativa que causam prejuízo ao erário, a 25 - No âmbito do regime disciplinar do servidor
pena prevista de suspensão dos direitos políticos público federal:
está fixada:
(A) A ação disciplinar prescreverá, dentre outras
(A) De seis a oito anos. hipóteses, em 2 (dois) anos, quanto à suspensão.
(B) De oito a dez anos. (B) A acumulação de cargos, ainda que lícita, não fica
(C) De três a cinco anos. condicionada à comprovação da compatibilidade de
(D) De cinco a oito anos. horários.
(E) De dois a três anos. (C) A proibição de acumular não se estende a funções
em autarquias, fundações públicas e empresas
22 - Assinale a alternativa CORRETA: públicas, salvo sociedades de economia mista da
União e dos Estados.
(A) A prática de atos de improbidade administrativa (D) A destituição de cargo em comissão exercido por
pelo servidor público poderá acarretar a ocupante de cargo efetivo será aplicada nos casos
suspensão de seus direitos políticos. de infração sujeita às penalidades de advertência.
(B) O sequestro dos bens do servidor público, devido a (E) É o servidor proibido de participar de gerência ou
danos por ele causados ao patrimônio público, administração de sociedade privada, personificada
somente poderá ser decretado após o trânsito em ou não personificada, exercer o comércio, exceto na
julgado da sentença prolatada no processo qualidade de acionista, cotista ou comanditário.
respectivo.
(C) A ação principal, no tocante à improbidade
administrativa, terá rito ordinário e poderá ser
proposta exclusivamente pelo Ministério Público.
(D) O ressarcimento ao erário, em caso de
improbidade administrativa, poderá vir a ser
dispensado quando ocorrer o reconhecimento,
pelo servidor público, dos atos praticados
indevidamente, caracterizando-se em tal hipótese
a transação.
(E) Todas as alternativas anteriores estão corretas.

23 - Liliane e Teresa são técnicas judiciárias do


Tribunal Regional Eleitoral do Estado do Ceará. No
exercício do cargo, Liliane praticou usura e Teresa
procedeu de forma desidiosa. Considerando que
ambas não possuem qualquer infração
administrativa constante nos seus prontuários,
segundo a Lei no 8.112/1990, Liliane e Teresa estão
sujeitas a penalidade de:

(A) Advertência.
(B) Suspensão.
(C) Demissão.
(D) Demissão e suspensão, respectivamente.
(E) Suspensão e demissão, respectivamente.