Você está na página 1de 4

Universidade Federal de Santa Catarina

Centro de Ciências Biológicas


Curso de Licenciatura em Ciências Biológicas
Alunos: Fernanda de Fátima Gonçalves, Guilherme Ritzmann, Lara Chula
Martins e Nicole Simon

PPCC
Criação de uma Horta Orgânica e Sustentável na Escola

Julho de 2016
Criação de uma Horta Orgânica e Sustentável na Escola

Introdução:

É evidente a importância de uma educação de qualidade que leve em consideração a


formação de cidadãos mais críticos, responsáveis e capacitados para a vida. Para tal realização o
Ministério da Educação reconhece como essencial o acesso ao conhecimento de forma ampla, bem
como o acesso às novas tecnologias; além do estímulo a atividades que contribuam para
conscientização sobre a importância da melhoria das condições ambientais. Também observa a
importância de criação de novas visões educacionais que integrem a saúde e o ambiente através de
propostas interdisciplinares.
A horta serve como objeto de estudo interdisciplinar. Os estudantes discutem temas como
alimentação, nutrição, preservação e interações ecológicas, gerando situações de aprendizagem
reais e dinâmicas.
Inserir o cultivo de legumes, hortaliças e diversas plantas medicinais no ambiente escolar
pode promover uma abertura de consciência nos alunos e fazer com que os mesmos a levem a
experiência e aprendizado à diante, para os pais e conhecidos, espalhando seus conhecimentos
sobre a importância de se alimentar de forma saudável e livre de agrotóxicos e sobre as
propriedades de cura que diversas plantas contém. Além de promover o contato direto com a terra e
interação entre os alunos, estabilizando o espírito de união e compartilhamento entre os colegas.

Tema:

Crianção de uma Horta Orgânica e Sustentável em uma escola.

Materiais e Métodos:
Métodos
● Aulas expositivas e práticas
● Apresentar aos alunos imagens e vídeos de hortas orgânicas com formas
diferenciadas que façam o uso da diversidade como fonte de equilíbrio de nutrientes
do solo e explicando métodos naturais de controle de pragas
● Pesquisa
● Montagem da horta

Após aulas teóricas sobre interações ecológicas seriam apresentadas imagens e vídeos sobre
hortas orgânicas com formas diferenciadas que façam o uso da própria diversidade como fonte de
equilíbrio de nutrientes do solo, oferecendo embasamento teórico para a turma e apresentando
métodos naturais de controle de pragas, tais como, a utilização de ervas que atuam como repelentes
naturais ao redor do cultivo (alfavaca, alecrim, sálvia, capim-cidreira, entre outras).
Em seguida o projeto da escola de montagem de uma horta orgânica e sustentável seria
apresentado para a turma do sétimo ano do ensino fundamental e seria proposto que os mesmos se
dividissem em grupos e pesquisassem sobre as plantas que poderiam ser adicionadas à horta. Seria
fundamental que a pesquisa apresentasse a melhor maneira de cultivar as plantas.
Após o levantamento das plantas seriam preparadas suas mudas e a estrutura da horta e
quando as mudas estivessem grandes o suficiente elas poderiam ser plantadas.
A horta será montada de maneira que não haja agressão ao solo, toda a sua estrutura será
feita acima do mesmo, possibilitando que com o passar do tempo ocorra o aumento da camada fértil
já existente. A montagem será feita em forma de mandala, onde os corredores não estejam
perpendiculares uns aos outros, minimizando assim o efeito de borda e possibilitando uma melhor e
mais eficiente locomoção entre as áreas plantadas. Na base da estrutura será utilizado galhos secos
provenientes de podas de árvores, que deverão ser colocados o mais próximos possível, em seguida
os galhos serão recobertos por uma quantidade considerável de palha seca (serra pilheira, grama
cortada etc.) que deverá ser regado até estar completamente exarcado.
Após este primeiro passo deverão ser feitos pequenos buracos na palha, sendo estes
preenchidos com adubo e matéria orgânica, após este processo as mudas serão plantadas nestas
cavidades, e deverão ser regadas um dia sim um dia não ou quando houver necessidade.
Conforme a horta se desenvolve e as hortaliças, ervas e leguminosas forem sendo colhidas,
haverá a necessidade de manutenção da estrutura da mesma, sendo necessário muitas vezes refazer
todo o processo novamente, pois a medida que o tempo passar a sua estrutura se tornará solo fértil.
A horta seria um projeto permanente da escola e um grupo de alunos de todas as idades e
professores e funcionários interessados poderia ser formado para a manutenção da horta, que
serviria de fonte de alimentos orgânicos saudáveis para a escola.

Materiais
● Para as aulas expositivas:
Data Show

● Para a montagem da horta:


materiais reutilizados, pá, enxada, rastel, mudas de plantas, sementes, sacos de terra,
regador, barbante, contenções, palha e galhos (material carbono) e matéria orgânica (nitrogênio).

Turma:

Toda escola pode ser envolvida no projeto da Horta, porém são os alunos do sétimo ano do
ensino fundamental que farão as pesquisas necessárias para o desenvolvimento da horta.

Objetivo:

● Apresentar aos alunos possíveis interações ecológicas na horta que façam com que o uso de
agrotóxicos não seja necessário, utilizando assim da própria diversidade como defensivo
natural.
● Montar a horta de maneira que os alunos participem de todos os processos.
● Horta essa que servirá de fonte de alimentos orgânicos para a própria escola.
● Oferecer aos alunos maior intimidade com a natureza, despertando interesse, respeito e
consciência quanto a fonte de seus alimentos.

Método de Avaliação:

Integridade da pesquisa e participação nos processos da montagem e manutenção da horta.


Referências Bibliográficas

http://www.pensamentoverde.com.br/

CRIBB. S. ​CONTRIBUIÇÕES DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL E HORTA ESCOLAR NA PROMOÇÃO DE


MELHORIAS AO ENSINO, À SAÚDE E AO AMBIENTE