Você está na página 1de 3

PROVA 2 – TERMODINÂMICA (ALUNOS CSF E BRAFITEC)

PROF. Darlan K. E. Carvalho


Turma: Eng. Mecânica
JUNHO, 2014.
OBS:
1. LEIA ATENTAMENTE A PROVA.
2. INDIQUE DE MANEIRA CLARA TODAS AS HIPÓTESES ADOTADAS NA RESOLUÇÃO DAS QUESTÕES E FAÇA UM
ESBOÇO SEMPRE QUE ACHAR NECESSÁRIO. CUIDADO COM EXAGEROS.
3. ASSINE E ENTREGUE: TANTO O TEXTO DA PROVA QUANTO A FOLHA DE RESPOSTAS.
4. DURANTE A PROVA, NÃO SERÁ PERMITIDA A SOLICITAÇÀO, AO PROFESSOR OU AOS COLEGAS DE LÁPIS,
CANETA, BORRACHA, CALCULADORA, ETC.
5. É PERMITIDO O USO DE LÁPIS. AS RESPOSTAS FINAIS DEVEM SER ESCRITAS DE CANETA AZUL OU PRETA.

QUESTÃO 1. Uma superfície plana é recoberta com um isolamento térmico cuja


condutividade é de k  0, 08W m  K . A temperatura na interface entre a superfície e o
isolamento é de 300º C. A face externa do isolamento está exposta ao ar numa temperatura
de 30º C e o coeficiente de convecção entre o isolamento e o ar é de h  10 W m 2  K .
Ignorando os efeitos da radiação, determine a espessura mínima de isolamento em metros
de tal forma que a temperatura máxima na face externa do isolamento seja de 60º C no
regime permanente. (2,0 pontos)

Dados: COMPLETE VOCÊ MESMO...


Hipóteses:
Eq. Básicas:
Solução:

Qx   kA
dT
 kA
Tiso ,int  Tiso ,ext  e a transferência de energia por convecção através do
dx L
isolamento para o ar é dada, por: Qx  hA  Tiso ,ext  Tar  . Desta forma, podemos escrever:

kA
T
iso ,int  Tiso ,ext 
 hA Tiso ,ext  Tar  , ou ainda:
L

L  kA
Tiso,int  Tiso,ext   0, 08  300  60   0.064m
hA Tiso ,ext  Tar  10  60  30 

QUESTÃO 2. Um tanque bem isolado termicamente contém um volume de V  0, 25m 3


de vapor de água saturada numa temperatura de 100º C. A água é agitada rapidamente até
que a pressão atinja 1,5 bar. Neste caso (4,0 pontos):

a) Determine a temperatura da água no estado final em º C.


b) Calcule o trabalho realizado durante o processo
c) Esboce os diagramas Pxv e Txv para o processo, indicando claramente os valores de
pressão, temperatura e volumes específicos nos gráficos (indique ainda as isobáricas e
isotérmicas relevantes quando for o caso)

Dados: COMPLETE VOCÊ MESMO...

Hipóteses: 1. Água é um sistema fechado; 2. Estados inicial e final de equilíbrio; 3.


Desprezamos variações na energia potencial e cinética; 4. Desprezamos a troca de calor
com as vizinhanças; 5. O volume do tanque se mantém constante.

Eq. Básicas: Primeira Lei...


Solução:

a)
Pela primeira Lei para sistemas fechados, temos:
E  Q  W  Ec  E p  U  Q  W e ainda, U  m  u   W

Para determinar os estados, utilizamos a pressão e o volume específico.

Usando os dados da tabela A2 do Moran e Shapiro: v1  vg 1000  1, 673 m 3 kg a pressão é


 
p1  1, 04bar com fluido saturado e u1  2506, 5 kJ kg .

No estado 2, v1  v2 e temos que o fluido é vapor superaquecido a p2  1, 5bar , neste caso,


usando a tabela A4 do Moran e Shapiro (pág. 713 da 7ª Edicao), temos:

u2 '  2717, 2 kJ kg ; T2 '  240 C
0

Interpolando entre: 
u2"  2778, 6 kJ kg ; T2"  280 C

0

Obtemos: u 2  2767,8 kJ kg e a temperatura é dada, por: T2  2730 C .

 0, 25
Mas a massa do sistema é dada, por: m    0,149 kg
v 1, 673

b) Desta forma, o trabalho pode ser calculado, como:


W   m  u   0,149   2767,8  2506, 5   38, 9 kJ note que o sinal de “menos”, indica
que a energia é transferida para dentro do sistema (trabalho sobre o sistema!).

c) OBS: Diagramas Pxv e Txv. Basta esboçar a curva em “forma de sino”, colocando os
valores para as pressões, temperaturas e volumes específicos quando for o caso. No
diagrama Pxv faça as isotérmicas “descendo” e no diagrama Txv, faça as isobáricas
“subindo”
QUESTÃO 3. Num dado equipamento, ar aquecido é armazenado num dispositivo pistão-
cilindro montado horizontalmente como mostrado na figura abaixo. O ar esfria lentamente
a partir de um estado inicial em que o volume é de V1  0, 003m3 , até um volume final de
V2  0, 002m3 . Durante o processo, a mola exerce uma força que varia linearmente de um
valor inicial de 900N até um valor final de 0N. A pressão atmosférica é de 100kPa e a área
da superfície do pistão em contato com o gás é de A  0, 018m 2 . O atrito entre o pistão e o
cilindro pode ser desprezado. Neste caso (4,0 pontos):

a) Faça um diagrama de corpo livre para o pistão, indicando, esquematicamente os esforços


sobre o mesmo.
b) Determine as pressões inicial e final do ar no interior do dispositivo pistão-cilindro.
c) Calcule o trabalho realizado durante o resfriamento do ar, indicando se o mesmo é
realizado “pelo ar” ou "sobre o ar”.

Hipóteses: 1. O ar é um sistema fechado; 2. O processo ocorre lentamente sem


“aceleração” pistão; 3. A força da mola varia linearmente; 4. Sem atrito entre o pistão e as
paredes do pistão.
 F  0  pApistão  patm Apistão  Fmola .
Fmola 900
No início do processo, temos: p1  patm   100   150 kPA
A 0, 018

No final do processo, a força na mola é zero e chegamos a: p2  patm  100 kPA

Num processo de quase-equilíbrio, para um sistema compressível simples, o trabalho é


V2

calculado como: W   pdV , ou ainda:


V1

  900  V  0, 002  
V V
 
2 2
F
W    patm  mola  dV  W    100    0, 018  103  dV 
V1      
A V1
0, 001

V2 0,002
50000 2
W   100  50000V  100  dV  V  0,125kJ (- significa que o trabalho é
V1
2
0,003

realizado sobre o ar)

ALUNO(A):______________________________________________________________

Você também pode gostar