Você está na página 1de 2

Disciplina: Educação especial

Módulo: VII
Curso: Licenciatura em Física
Professor: Fátima Letícia
Aluno (a): Rayssa Vanuza Da Rocha

Paradigmas da educação Especial


Paradigma Período Lema Concepção Características Base
de teórica
deficiência

Exclusão Antes da xxxx Doença Atendimento Viés terapêutico,


década de crônica. terapêutico; exames médicos e
50. Pouca ênfase psicológicos – testes
acadêmica. projetivos e de
inteligência,
classificação
etiológica.

Segregação Anos 60 e “O deficiente Ênfase no Serviço paralelo; Pedagogia e


70. pode meio e não Ênfase clínica psicologia da
aprender”. na Currículos aprendizagem –
deficiência próprios; enfoque
intrínseca do Espaços de comportamental.
indivíduo. segregação.
Integração Anos 80 e “O deficiente Uma pessoa Prevalente; Filosofia da
início dos pode se que Preparar alunos integração e
anos 90. integrar na precisava se da escola normalização.
sociedade”. integrar na especial para
sociedade. integrar nas
regulares; O
aluno deve se
adequar a
escola ;
Atendimento
paralelo em salas
de recurso;
Transformação
radical nas
políticas
públicas, na
qualidade dos
serviços de
atendimento.
Inclusão Anos 90. “É possível Pessoa de Transformações Construtivismo
para pessoas direito com na estrutura da (Piaget e Emília
com direito escola para se Ferrero) e
deficiência educacional adequar as Sociointeracionismo
construir subjetivo. necessidades dos (Vigotsky) Enfoque
conhecimento alunos; psicossocial.
e se apropriar Implantada e
da leitura e da fomentada pela
escrita em legislação em
situação de vigor;
interação Desenvolvimento
social”. de ações
inclusivas,
práticas atendam
a todos.

Você também pode gostar