Você está na página 1de 19

Direitos Autorais

Todos os Direitos reservados a


Fábio de Amorim Teodoro.
Este e-book só pode ser
distribuído juntamente com
o Curso Fórmula Violão.
Palavras do Autor

Nos diversos ambientes sociais nos quais estamos inseridos atualmente, é


comum ouvirmos pessoas próximas a nós dizerem a seguinte frase: “comecei a fazer
aulas de violão”. Em um primeiro momento percebemos que as mesmas se
apresentam muito animadas e dispostas, porém, ao surgirem os primeiros
obstáculos a serem superados, fato inevitável para o início de qualquer prática, não é
incomum sermos surpreendidos por frases desanimadoras tais como: “Isto não é
para mim”, “não é possível”, “não tenho tempo para isso” ou “deveria ter aprendido
quando mais jovem”, “meus dedos doem muito quando começo a estudar”. Por
experiência própria, afirmo que, entre os inúmeros motivos que poderão ser
apresentados como justificativa para que a pessoa não siga em frente na
aprendizagem, o principal deles é a falta de persistência.
Independentemente de diversos outros fatores que possam surgir pelo
caminho, para tocar qualquer tipo de instrumento musical é preciso ter muita
persistência. Muitos começam e logo desanimam porque, principalmente, quando se
trata de instrumentos de cordas, nos primeiros dias podem surgir bolhas nos dedos
(causadas pelas cordas), dores no braço (devido a nova postura adotada para tocar o
instrumento), dificuldades em montar os acordes, entre outras. Mas assim como uma
pessoa que começa a freqüentar a academia, a qual sente algumas dificuldades e
dores nos primeiros dias, mas depois supera os obstáculos e percebe os benefícios
que tal atividade pode lhe proporcionar, quem inicia o aprendizado um instrumento
musical (neste caso o violão), depois de passar pelos primeiros desafios estará apto
mergulhar neste magnífico e encantado universo da música. Porque afinal de contas,
você perceberá em sua caminhada que sempre haverá algo novo para aprender. Mas
a essa altura, tudo será bem mais fácil e prazeroso, porque você já terá dado os
primeiros passos no aprendizado básico, o que lhe proporcionará uma base sólida
para continuar seu aprendizado deste maravilhoso instrumento chamado violão.
Tenho certeza que, através deste curso você poderá adquirir o conhecimento
necessário para tocar suas músicas preferidas no violão e desta forma você entrará
na lista daqueles, que assim como eu, conseguiram superar as primeiras
dificuldades e desenvolver afinidade com um instrumento musical. Isto com certeza
resultará em muita alegria para você e para aqueles que compartilharão desta
experiência com você!
Desejo-lhe um bom curso e muito sucesso!!

Fábio de Amorim Teodoro


Campo Harmônico

Campo Harmônico
Campo Harmônico é um assunto muito interessante de
estudar e conhecer, principalmente para aqueles que trabalham
com música popular (MPB, Jazz,Rock, Pop, Blues, etc).
Praticamente todos os estilos do gênero popular tem suas
progressões harmônicas – por mais simples que sejam,
baseadas na harmonia funcional, aquela onde os acordes de
uma progressão têm uma função definida. E, é nos campos
harmônicos maior e menor onde encontraremos todos os
acordes e funções existentes para executar qualquer tipo de
harmonia na prática, até o limite do cromatismo.
Podemos afirmar que na música existem dois tipos de
tonalidade: a Maior e a Menor. Conseqüentemente teremos dois
tipos distintos e complementares de campo harmônico: Campo
Harmônico Maior e Campo Harmônico Menor. É interessante
estudar cada um em separado para depois unir os dois no estudo
da Análise Harmônica.
Campo Harmônico Maior

É importante lembrar que a escala e sua estrutura intervalar,


onde as notas estão separadas por tons inteiros, exceto os
graus III e IV e os graus VII e I, separados apenas por
semiton (meio tom).

Conforme explicação prática das vídeo aulas o campo harmônico


maior ficará da seguinte maneira:
Campo
Capítulo
Harmônico
9 - Acordes
Maior

Abaixo vamos verificar os acordes do campo Harmônico


Maior ao longo do braço do instrumento.
O Primeiro Campo Harmônico que veremos
será o de C Maior.

Vamos a Prática
Campo Harmônico Maior

A seguir visualizamos os acordes do


Campo Harmônico de D Maior

Vamos a Prática
Campo Harmônico Maior

A seguir visualizamos os acordes do


Campo Harmônico de E Maior

Vamos a Prática
Campo Harmônico Maior

A seguir visualizamos os acordes do


Campo Harmônico de F Maior

Vamos a Prática
Campo Harmônico Maior

A seguir visualizamos os acordes do


Campo Harmônico de G Maior

Vamos a Prática
Campo Harmônico Maior

A seguir visualizamos os acordes do


Campo Harmônico de A Maior

Vamos a Prática
Campo Harmônico Maior

A seguir visualizamos os acordes do


Campo Harmônico de B Maior

Vamos a Prática
Campo Harmônico Menor

A seguir visualizamos os acordes do


Campo Harmônico de A Menor

Vamos a Prática
Campo Harmônico Menor

A seguir visualizamos os acordes do


Campo Harmônico de B Menor

Vamos a Prática
Campo Harmônico Menor

A seguir visualizamos os acordes do


Campo Harmônico de D Menor

Vamos a Prática
Campo Harmônico Menor

A seguir visualizamos os acordes do


Campo Harmônico de E Menor

Vamos a Prática
Campo Harmônico Menor

A seguir visualizamos os acordes do


Campo Harmônico de F# Menor

Vamos a Prática
Campo Harmônico Menor

A seguir visualizamos os acordes do


Campo Harmônico de G# Menor

Vamos a Prática
Mensagem Final

Espero sinceramente que você tenha gostado deste material.


Quando resolvi fazê-lo, foi com a intenção de ajudar outras
pessoas a aprenderem a tocar violão. Se você conseguiu dar os
passos iniciais no aprendizado do violão eu terei a certeza de
que este e-book cumpriu meu objetivo. Na música sempre
precisaremos aprender mais! A medida que aprendemos, nos
empolgamos e seguimos em frente descobrindo coisas novas o
tempo todo!Eu espero que você continue seus estudos
aprendendo cada vez mais sobre este instrumento musical
maravilhoso que é o violão.

Qualquer dúvida ou sugestão, seguem abaixo os meus dados


para contato:

E-mail: teodorofabiok9@yahoo.com.br

MSN: teodorofabiok9@hotmail.com

Skype: fabio.teodoro1

Fábio de Amorim Teodoro