Você está na página 1de 6

1

2° Mês - Curso Parapsicologia Clínica


Aula 1/2
Curso Profissionalizante de Parapsicologia Clínica
Prof°. Kristina Guazi

1° Aula – 1/2(Aula/mês)
Tópicos a serem abordados:
1) Ondas Cerebrais o que é isso? E quais são?
2) O que é um Hertz? Unidade de frequência
3) A respeito de música, frequência e cura.
4) O poder da música em 432 Hz

1)Conhecendo suas ondas Cerebrais: Beta, Alfa, Theta, Delta e Gama.


É importante entender como o cérebro contribui para o estado de nossa mente.
Enquanto a maioria de nós tem o foco nas emoções como tentativa de nos
tornarmos mais felizes e mais espiritualizados, as ondas cerebrais e a mente
subconsciente também desempenham um papel fundamental na nossa busca de
realização. As cinco ondas de frequências cerebrais afetam diretamente nosso
estado de espírito.

TEMOS O CONTROLE DA NOSSA REALIDADE?

Nós, facilmente esquecemos que somos os controladores da nossa realidade – e


que “a nossa realidade” não é composta de influências externas, mas que na
verdade consiste de nossos pensamentos, crenças e mentalidade. Portanto,
aprendendo sobre os estados mais profundos de consciência, você pode abrir sua
mente subconsciente e criar a sua realidade à vontade, e com precisão. Para fazer
isso, o primeiro passo é entender suas diferentes frequências cerebrais. Você sabia
que todos nós temos cinco frequências (Beta, Alfa, Theta, Delta e Gama), e cada
uma delas é medida em ciclos por segundo (Hz) e tem seu próprio conjunto de
características, que representa um nível específico de atividade cerebral e um
estado único da consciência?

1) BETA (14-40HZ) – A CONSCIÊNCIA DE DESPERTAR E A ONDA DO


RACIOCÍNIO.

As ondas cerebrais Beta estão associadas a consciência normal de vigília e um


estado elevado de alerta, a lógica e ao raciocínio crítico. Enquanto as ondas
cerebrais Beta são importantes para o funcionamento eficaz durante todo o dia,
2

elas também podem traduzir-se em estresse, ansiedade e inquietação. A voz de


Beta pode ser descrita como sendo aquele crítico e persistente sussurro interior que
vai aumentando a medida que você muda de faixa. Portanto, como a maioria dos
adultos operam em Beta; não é surpresa saber que o estresse é o problema de
saúde mais comum nos dias de hoje.

2) ALPHA (7.5-14HZ) – A ONDA DO RELAXAMENTO PROFUNDO.

As ondas cerebrais Alpha estão presentes quando estamos em relaxamento


profundo e geralmente quando os olhos estão fechados. Também quando se está
entrando em um lindo sonho ou durante a meditação. É um momento ideal para
programar a mente ao sucesso e também aumentar a sua imaginação,
visualização, memória, aprendizagem e concentração. É a porta de entrada para a
sua mente subconsciente e está na base da sua consciência. A voz de Alpha é a
sua intuição, que se torna mais clara e mais profunda quanto mais perto você
chegar a 7,5 Hz.

3) THETA (4-7.5HZ) – A ONDA DA MEDITAÇÃO LUMINOZA E DO DORMIR.


(Estado de Hipnose)

As ondas cerebrais Theta estão presentes durante a meditação profunda e no sono


leve, incluindo o importante estado de sonho MRO (Movimento Rápido dos
Olhos). É o reino do seu subconsciente e só experimentado momentaneamente
quando você cai no sono de Alpha e acorda de um sono profundo (a partir de
Delta).

Diz-se que um sentimento de profunda conexão espiritual e unidade com o universo


pode ser experimentado em Theta. A maioria dos programas profundos da sua
mente está em Theta e é onde você experimenta visualizações vivas, grande
inspiração, profunda criatividade e visão excepcional. Ao contrário de suas outras
ondas cerebrais, a voz indescritível de Theta é uma voz silenciosa.

É na fronteira Alpha-Theta, a partir de 7 Hz a 8 Hz, onde começa a faixa ideal para


a visualização, programação e o uso do poder criativo de sua mente. É o estado
mental em que você conscientemente cria a sua realidade. Nesta freqüência, você
está consciente do seu entorno no entanto o seu corpo está em relaxamento
profundo.

4) DELTA (0.5-4HZ) – A ONDA DO SONO PROFUNDO.

A freqüência Delta é a mais lenta das frequências e é experimentada em sono


profundo, sem sonhos e em profunda meditação transcendental, onde a
consciência está totalmente isolada.
3

Delta é o reino da sua mente inconsciente, a porta de entrada para a mente


universal e do inconsciente coletivo, onde a informação recebida é de uma outra
forma indisponível no nível consciente.

Entre muitas coisas, o sono profundo é importante para o processo de cura – está
conectado com a cura profunda e a regeneração. Por isso, não ter sono profundo o
suficiente é prejudicial para a sua saúde em mais de um sentido.

5) GAMA (ACIMA DE 40HZ) – A ONDA DOS ‘INSIGHTS’

Esta faixa gama é a mais recente descoberta e é a frequência mais rápida, acima
de 40Hz. Enquanto pouco se sabe sobre este estado da mente, investigações
iniciais mostram que as ondas Gama estão associadas com fortes rajadas de
discernimentos (insights) e de alto nível de processamento da informação.

2)O que é um Hertz? Unidade de frequência.

“É uma unidade de medida do SI (Sistema internacional) com o símbolo Hz. É


equivalente a um ciclo por segundo” É equivalente a um ciclo por segundo. Um
disco em rotação que complete que complete 60 voltas num minuto tem uma
frequência de 1Hz. O nome veio do físico Alemão Heinrich Hertz. Exemplo: 600
ciclos por minuto = 600 rpm =10 ciclos por segundo = 10 Hertz. Frequencia é
quantas vezes alguma coisa se repete em uma unidade de tempo.
Se você contar quantas vezes se repete em um minuto, você estará contanto ciclos
por minuto ou Revoluções Por Minuto. Se você contar quantas vezes se repete em
um segundo, você estará contanto ciclos por segundos ou hertz. O hertz é
nomeado em homenagem ao físico alemão Heinrich Rudolf Hertz, que fez grandes
4

contribuições científicas na área do eletromagnetismo. Um hertz equivale a um ciclo


por segundo. "Pela definição do Comitê Internacional de Pesos e Medidas o padrão
empregado é a transição entre níveis hiperfinos F = 4, M = 0 e F = 3, M = 0 no
estado fundamental S1/2 do átomo césio 133 sem perturbação de campos externos,
a essa frequência de transição é atribuído o valor de 9 192 631 770 hertz", assim
definindo "hertz" e "segundo" simultaneamente. 1 Hz significa 1 ciclo por segundo,
100 Hz significa 100 ciclos por segundo, e assim por diante. O hertz aplica-se à
descrição de qualquer evento periódico. Por exemplo, o coração de um humano
saudável em repouso bate a aproximadamente 1,2 Hz (1,2 batidas por segundo).

A respeito de música, frequência e cura.


A medicina está na busca incessante pela cura do câncer. Em suas pesquisas,
descobriu-se que a música pode contribuir com o tratamento da doença., uma
pesquisa do Programa de Oncobiologia da UFRJ, revelou que a ‘Quinta Sinfonia,
de Beethoven, seria capaz de matar células tumorais – em testes de laboratório. “A
pesquisa expôs uma cultura de células MCF-7, ligadas ao câncer de mama, à meia
hora da obra. Um em cada cinco delas morreu”, o que reforça a esperança do
combate a doença por meio de formas mais eficientes e menos tóxicas, por meio de
timbres e frequências. De acordo com a coordenadora do estudo, Márcia Capella,
do Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho, a estratégia de usar a musicoterapia
“costuma ser adotada em doenças ligadas a problemas psicológicos, situações que
envolvam um componente emocional”. “Mostramos que, além disso, a música
produz um efeito direto sobre as células do nosso organismo”. Tradicionalmente a
musico terapia é já largamente utilizada em desordens emocionais. Este estudo
comprova que “a música produz um efeito direto sobre as células do nosso
organismo”. Células tumorais expostas à “Quinta Sinfonia”, de Beethoven,
perderam tamanho ou morreram
Renato Grandelle – Mesmo quem não costuma escutar música clássica já ouviu,
numerosas vezes, o primeiro movimento da “Quinta Sinfonia” de Ludwig van
Beethoven. O “pam-pam-pam-pam” que abre uma das mais famosas composições
da História, descobriu-se agora, seria capaz de matar células tumorais – em testes
de laboratório. Uma pesquisa do Programa de Oncobiologia da UFRJ expôs uma
cultura de células MCF-7, ligadas ao câncer de mama, à meia hora da obra. Um em
cada cinco delas morreu, numa experiência que abre um nova frente contra a
doença, por meio de timbres e frequências.

A Musicoterapia apresenta infinitos benefícios.


A estratégia, que parece estranha à primeira vista, busca encontrar formas mais
eficientes e menos tóxicas de combater o câncer: em vez de radioterapia, um dia
seria possível pensar no uso de frequências sonoras. O estudo inovou ao usar a
musicoterapia fora do tratamento de distúrbios emocionais. “Esta terapia costuma
ser adotada em doenças ligadas a problemas psicológicos, situações que envolvam
um componente emocional. Mostramos que, além disso, a música produz um efeito
5

direto sobre as células do nosso organismo” ressalta Márcia Capella, do Instituto de


Biofísica Carlos Chagas Filho.

LISTA COM EFEITOS TERAPÊUTICOS DAS MÚSICAS


Os instrumentos musicais e seus efeitos:
PIANO – combate a depressão e a melancolia
VIOLINO – combate a sensação de insegurança
FLAUTA DOCE – combate nervosismo e ansiedade
VIOLONCELO – incentiva a introspecção e a sobriedade
DE SOPRO – inspiram coragem e impulsividade.

Para combater a depressão e o medo excessivo:


– Sonho de Amor, de Liszt
– Serenata, de Schubert
– Guilherme Tell (Abertura), de Rossini
– Noturno Opus 48, de Chopin
– Chacona, de Bach.O ideal é uma sessão diária de meia hora pela manhã.

Para combater insônia, tensão e nervosismo:


– Canção da Primavera, de Mendelssohn
– Sonata ao Luar, de Beethoven (Primeiro Movimento)
– Valsa nº15 em Lá Bemol, de Brahmms
– Sonho de Amor, de Liszt
– Movimentos Musicais nº3, de Schubert.

Durante a gravidez e para facilitar o parto:


– Concerto para violino, Opus 87B, de Sibelius.
– Sonata Opus 56, de Haydn
– As quatro Estações, de Vivaldi
– Concerto Tríplice, de Beethoven
– Concerto para violino, de Brahmms
– Concerto para violino, de Tchaikovsky.

Ouvidas alternadamente, por perídos durante a gravidez e nos dias que


precedem ao parto, estas peças geram bem-estar e contribuem para o nascimento
de crianças tranquilas.
Para melhor estimular a memória:
– Concerto em Dó Maior para bandolim, corda e clavicórdia, de Vivaldi
6

– Largo do Concerto em Dó maior para Clavicórdia, BMW 976, de Bach


– Spectrum Suíte, Confort Zone e Starbone Suíte, de Stephen Halpern.
Fazer sessões de 1 hora, pela manhã, ao acordar. Alterne cada peça, a cada dia.

Para favorecer a interiorização e a meditação:


– Concerto nº2 para Piano, de Rachmaninov (último movimento)
– Concerto em Lá menor para piano, de Grieg (primeiro movimento)
– Concerto nº1 para piano, de Tchaikovsky (primeiro movimento)
Ouvir qualquer peça durante 10 minutos antes da meditação. É importante enfatizar
que a música não é um curativo eficaz em si mesmo, mas que seus efeitos
terapêuticos resultam de uma aplicação profissional durante um processo
terapêutico.

O poder da música em 432 Hz

Pela física quântica, sabemos que tudo é vibração e o som, assim como a
música, se enquadram neste Universo Vibracional. Estudos em prática de
meditação, demonstram que quando meditamos com música nesta
frequência, 432 Hz, conseguimos fazer com muito mais facilidade a conexão
dos 2 hemisférios de nosso cérebro, o que nos leva viver o tempo linear e o
tempo holográfico de forma simultânea, estaremos mais conectados conosco
mesmos, estaremos mais ilimitados...A escala musical de 432Hz vibra sobre
os princípios da luz, tempo, espaço, matéria, gravidade e magnetismo com a
biologia, o código do DNA e da consciência. Essa frequência de 432 Hz, está
por trás de toda a criação...A sintonia natural de 432 Hz tem efeitos profundos
sobre a consciência e também no nível celular de nossos corpos. Para
entender isso de forma simples. Ao escutar música em 432 Hz, os nossos
átomos e o nosso DNA começam a ressoar em harmonia com a natureza,
estará em sintonia consciente com a CRIAÇÃO e consequentemente com as
Infinitas Possibilidades...Encontramos a frequência 432 Hz nos seguinte
itens:..

- No coração humano (ritmo cardíaco)- Na frequência de replicação do DNA-


No máximo funcionamento cerebral (sincronia entre os dois hemisférios)- Na
frequência fundamental da Terra, 8 Hz – ressonância de Schumman.

Você também pode gostar