Você está na página 1de 4

UNIFACS - UNIVERSIDADE SALVADOR

ROMANA ANDRADE PRADO


CURSO: DESIGN DE INTERIORES - MATUTINO
DISCIPLINA: PLÁSTICA
PROFESSORA: MÁRCIA MELLO

ATIVIDADE PRÁTICA SUPERVISIONADA


Analisar os textos abaixo e criar um novo texto (de até 5000 caracteres) relacionando a
“A importância do uso das cores no Projeto”, exemplificando com imagens.
Links:
http://www.emeraldinsight.com/doi/pdfplus/10.1108/00251740610673332
https://www.archdaily.com/802726/the-paradise-of-color-atelier-alter

O que é a cor? Já parou para pensar no quanto as cores tendem a influenciar no


nosso comportamento? A cor é percebida através dos raios solares que refletem em
nossos olhos. Por meio de ondas, várias sensações são produzidas graças a luz absorvida
pelos corpos. O interessante é que tudo depende dos nossos olhos, este é responsável
por aderir cores aos objetos. O importante é que saibamos que as cores trazem uma
energia a mais para os espaços, no entanto, é preciso pensar em que tipo de energia deve
ser colocada naquele ambiente.
Antes de começar qualquer projeto é necessário que a paleta de cores seja
definida, dessa forma é que o ambiente será composto e terá um resultado harmonioso,
não correndo o risco de chocar as cores. É importante entender como cada cor pode
contribuir para o ambiente, pois não trata somente na questão do gosto, pois as cores
influenciam totalmente de forma significante em qualquer ambiente. Deve-se ter esse
cuidado, pois da mesma forma que a cor traz vida ao ambiente, o erro e o exagero faz
pode colocar tudo a perder.
A cor traz vida para todo e qualquer ambiente. Viver em um ambiente sem cor
não faz sentido, uma vez que cada projeto tem sua proposta e esta tem que ser entendida
para que os tons façam sentido e passe a dar vida no mesmo. A escola Middle School, é
um belíssimo exemplo através das riquezas de cores. Trata-se de um excelente trabalho,
onde a arquitetura e design conseguiram através das cores que foram exploradas, trazer
alegria através do ambiente colorido que é composto por crianças, pois uma escola
infantil é um espaço memorável e onde tem criança tem que haver alegria. Com certeza,
o projeto atende a esses requisitos, sendo que cada detalhe foi pensado e a riqueza de
detalhes e cores predominam.

 As cores podem influenciar no modo como percebemos e nas impressões que
criamos dos ambientes, tornando-se, assim, ferramentas versáteis principalmente nos
pontos de venda. As cores possuem diversos efeitos sobre os consumidores, algumas
estimulam áreas do cérebro que podem promover excitação ou tranquilidade. Se
combinarem as tonalidades certas, marcas e empresas são facilmente capazes de
influenciar e envolver o seu público. As cores podem alterar visualmente a percepção
espacial que o consumidor tem de um ambiente.
 A escolha de uma determinada cor para uma loja, por exemplo, pode ser
utilizada por diversas finalidades, tendo funções como criar destaque, sinalização,
valorização e até mesmo fazer com que áreas como estoque passem despercebidas. A
imagem abaixo, demonstra como as cores tendem a influenciar e chamar atenção do
consumidor. Trata-se de uma loja de calçados, sendo este um desejo da grande maioria
do público feminino e que soube unir o útil ao agradável, pois tanto os calçados como a
paleta de cores escolhidas influenciam este tipo de público.
Para um bom Designer de Interiores, as cores não são usadas aleatoriamente.
Uma mesma cor pode apresentar significativas variações dependendo da sua relação
com o que existe em torno dela, mudando drasticamente a sua percepção. O contexto e
o critério irão revelar se uma cor será percebida como agradável ou não, correta ou
errada, principalmente porque as pessoas percebem cores de forma diferente e os efeitos
podem variar de indivíduo para indivíduo. Uma determinada cor pode
inconscientemente despertar algumas memórias ou sentimentos bons ou ruins. Abaixo
temos dois exemplos de como as cores influenciam nos ambientes e os sentimentos que
elas podem despertar.

Assim, enfatiza-se que o uso incorreto das cores, além de prejudicar a estética
do espaço, também influencia a percepção do indivíduo. A super estimulação como
excesso de informação visual, cores fortes e desconectadas, alto brilho, entre outros,
afetam a concentração e podem causar fadiga visual. Bem como o contrário, ambientes
acromáticos (sem cor) e com pouco estímulo visual são entediantes, frios e
consequentemente desconfortáveis.
Quanto saber quais as cores são adequadas e contemporâneas, importante
refletirmos que o comportamento humano determina as tendências em cores, criando
uma representatividade dos valores e sentimentos da sociedade. Vale lembrar que o
apreço ou não de uma cor está intrinsecamente ligada ao aspecto cultural, religioso de
um país ou região, essas questões devem ser avaliadas antes da escolha da cor para um
projeto. Também devemos levar em consideração fatores culturais, idade, sexo e
localização geográfica na hora de escolher as cores em um projeto, pois a paleta de
cores deve representar a identidade do proprietário e a realidade de seu ambiente.
O poder das cores pode mudar qualquer ambiente. O que me chamou atenção
ao fazer esse trabalho foi como as cores influenciam nos estabelecimentos,
principalmente restaurantes. Nestes, o projeto de interiores é capaz de influenciar até
mesmo a dinâmica do ambiente e o comportamento dos clientes. Por isso, ao definir a
mobília, é preciso refletir sobre a pintura do ambiente. Não são raros os
estabelecimentos que ficaram conhecidos pela estética e acabaram parando em guias
mundo afora. O visual e as cores escolhidas podem fazer com que o restaurante acabe se
tornando um referencial no bairro ou até mesmo na cidade. Além disso, em tempos de
selfies, ele pode inclusive ganhar ares turísticos, tornando-se ponto de parada
obrigatório para quem estiver passando na região.

Um projeto visual interessante ajuda a diferenciar o restaurante em meio


aos concorrentes, especialmente quando a maioria tem um layout padronizado, comum.
A pintura do ambiente deve conversar com o design do mobiliário, considerando seu
estilo, matéria-prima e acabamento.
Dessa forma, podemos perceber a importância do uso das cores. A decoração
de interiores também é um importante elemento para transmitir a principal mensagem
de qualquer projeto. Ela passa a primeira impressão, ou seja, impacta na percepção que
as pessoas têm dos ambientes. Se o ambiente é bonito, aconchegante, as pessoas
sentem-se mais confortáveis, felizes e relaxadas. Por isso, é imprescindível coletar
referências antes de se render ao poder das cores e evitar o uso excessivo e inadequado,
pois tende a criar desordem e confusão.