Você está na página 1de 14

AÇÃO DE FORMAÇÃO: “Leio, logo, sinto!

– razão e emoção em propostas de leitura para abordagens multidisciplinares do afeto e


das emoções”

Treino da velocidade leitora.


Treina a leitura do texto as vezes que achares necessário; quando
estiveres preparado faz uma gravação da tua leitura e aponta o tempo
demorado.
TEMPO DE LEITURA

A LENDA DA SERRA DA ESTRELA

Chegara aos ouvidos do rei que, todas as noites, um pastor do


alto da serra, conversava com uma estrela, a mais bela de
todas. O rei mandou chamar o pastor e ordenou-lhe que lhe
desse a
estrela, prometendo em
troca dar-lhe muitas
riquezas.
O pastor respondeu que
preferia continuar a ser
pobre e não perder a sua
amiga estrela, sem a qual
não podia viver.
Ao voltar à sua cabana, no
alto da serra, o pastor ouviu
a sua estrela contar-lhe o
receio que tivera de ele se
deixar levar pela ambição da
riqueza. O pastor
afirmou-lhe a sua grande dedicação e a estrela, contente,
prometeu-lhe que nunca deixaria de ser sua amiga.
Então, o velho pastor, em voz de profeta exclamou:
- De hoje em diante, esta serra há de chamar-se Serra da Estrela.
E conta a lenda, que no alto da serra se vê uma Estrela, que
brilha de maneira estranha e diferente, como quem ainda
procura o bom pastor.

FORMADORA: Mestre Manuela Duarte


FORMANDA: Luísa Maria Lourenço de Almeida
AÇÃO DE FORMAÇÃO: “Leio, logo, sinto! – razão e emoção em propostas de leitura para abordagens multidisciplinares do afeto e
das emoções”

FICHA DE TRABALHO DE PORTUGUÊS

Depois de leres atentamente o texto, procura responder às seguintes questões.

1. O rei teve conhecimento da amizade entre um pastor e uma estrela.


1.1. Qual foi a atitude do rei quando soube dessa amizade?
1.2. O que prometeu o rei ao pastor?
1.3. O pastor aceitou a oferta do rei?
1.4. Transcreve (copia) uma expressão do texto que justifique a resposta
anterior.

2. Entretanto, o pastor voltou à sua cabana.


2.1. Onde se situava a cabana do pastor?
2.2. O receio da estrela tinha razão de existir?
2.3. Transcreve (copia) uma expressão do texto que justifique a tua
resposta.

3. “O pastor afirmou-lhe a sua grande dedicação…”


3.1. Explica por palavras tuas o sentido desta frase.
3.2. Diz o que prometeu, então, a estrela ao pastor.

FORMADORA: Mestre Manuela Duarte


FORMANDA: Luísa Maria Lourenço de Almeida
AÇÃO DE FORMAÇÃO: “Leio, logo, sinto! – razão e emoção em propostas de leitura para abordagens multidisciplinares do afeto e
das emoções”

FICHA DE TRABALHO
Observa o seguinte mapa

Oceano Atlântico

Espanha

1. Rodeia a Serra da Estrela.

2. Completa os espaços.
Este é o mapa de ________________________, o meu país.
A Serra da Estrela situa-se no distrito da _________________________.
É no distrito da Guarda que fica ___________________________, o concelho a que
pertenço.
No concelho de Pinhel, fica ____________________________, a freguesia (terra,
localidade) onde moro.

FORMADORA: Mestre Manuela Duarte


FORMANDA: Luísa Maria Lourenço de Almeida
AÇÃO DE FORMAÇÃO: “Leio, logo, sinto! – razão e emoção em propostas de leitura para abordagens multidisciplinares do afeto e
das emoções”

3. Identifica e pinta, nos mapas, o teu distrito, concelho e freguesia.

FICHAS INFORMATIVAS

FORMADORA: Mestre Manuela Duarte


FORMANDA: Luísa Maria Lourenço de Almeida
AÇÃO DE FORMAÇÃO: “Leio, logo, sinto! – razão e emoção em propostas de leitura para abordagens multidisciplinares do afeto e
das emoções”

Os relacionamentos
Desenvolver uma relação íntima com outra pessoa deve partir de uma decisão
inteligente e saudável, de amor, preocupação e de respeito por si próprio e pelo
parceiro. Só se deve iniciar uma vida sexual ativa quando se está verdadeiramente
preparado para isso. Deve-se ter em conta os riscos de resultar numa gravidez e na
transmissão de doenças.
A gravidez, o nascimento e a criação de um bebé envolvem muita responsabilidade
e condições económicas e sociais suficientes que garantam um meio adequado ao
seu desenvolvimento.

Crescimento do bebé

FORMADORA: Mestre Manuela Duarte


FORMANDA: Luísa Maria Lourenço de Almeida
AÇÃO DE FORMAÇÃO: “Leio, logo, sinto! – razão e emoção em propostas de leitura para abordagens multidisciplinares do afeto e
das emoções”

FORMADORA: Mestre Manuela Duarte


FORMANDA: Luísa Maria Lourenço de Almeida
AÇÃO DE FORMAÇÃO: “Leio, logo, sinto! – razão e emoção em propostas de leitura para abordagens multidisciplinares do afeto e
das emoções”

FICHAS DE VERIFICAÇÃO DE CONHECIMENTOS

FORMADORA: Mestre Manuela Duarte


FORMANDA: Luísa Maria Lourenço de Almeida
AÇÃO DE FORMAÇÃO: “Leio, logo, sinto! – razão e emoção em propostas de leitura para abordagens multidisciplinares do afeto e
das emoções”

MAPA DE PORTUGAL - DISTRITOS

DISTRITO DA GUARDA - CONCELHOS

FORMADORA: Mestre Manuela Duarte


FORMANDA: Luísa Maria Lourenço de Almeida
AÇÃO DE FORMAÇÃO: “Leio, logo, sinto! – razão e emoção em propostas de leitura para abordagens multidisciplinares do afeto e
das emoções”

CONCELHO DE PINHEL - FREGUESIAS

FORMADORA: Mestre Manuela Duarte


FORMANDA: Luísa Maria Lourenço de Almeida
AÇÃO DE FORMAÇÃO: “Leio, logo, sinto! – razão e emoção em propostas de leitura para abordagens multidisciplinares do afeto e
das emoções”

EXPRESSÃO PLÁSTICA – PAINEL

QUEM ME FAZ FELIZ E DE QUEM EU GOSTO…

Cada estrela tem escrito o nome de uma pessoa de quem o aluno gosta e o
sentimento que sente por essa pessoa.

PROVÉRBIOS

Quando a fome , o amor sai pela .

O amor é .

frias, quente, amor para sempre.

Azar no , sorte no .

FORMADORA: Mestre Manuela Duarte


FORMANDA: Luísa Maria Lourenço de Almeida
AÇÃO DE FORMAÇÃO: “Leio, logo, sinto! – razão e emoção em propostas de leitura para abordagens multidisciplinares do afeto e
das emoções”

O amor é como a , quando não cresce .

Agrupamento de Escolas de Pinhel

Plano de aula

Tema: Lenda da Serra da Estrela

Público alvo: quatro alunos ao abrigo do Dec.Lei n.º54/2018 de 6 de julho


(Medidas Adicionais), a frequentar o 10.º e o 11.º ano de escolaridade.

Calendarização: atividade a realizar durante o primeiro período em 4 blocos de 50


minutos.

Objetivos:
 Prática da leitura silenciosa e em voz alta;

 Desenvolvimento da velocidade leitora;

 Leitura de textos literários da tradição popular;

 Recolha de textos literários da tradição popular;

 Encontrar num enunciado, a informação necessária à concretização


de uma tarefa;

 Localização de informação a partir de palavras ou expressões chave;

 Leitura e compreensão de um texto lido;

 Revelação de competências adequadas nos diversos domínios da


vida;

 Desenvolvimento de hábitos de vida saudável ao nível da


sexualidade;

 Sensibilização para a tomada de decisões adequadas à sua saúde e ao


seu bem-estar físico, social e mental;

 Contribuição para a redução de possíveis ocorrências negativas


decorrentes dos comportamentos sexuais, como gravidez precoce e
infeções sexualmente transmissíveis (IST);

FORMADORA: Mestre Manuela Duarte


FORMANDA: Luísa Maria Lourenço de Almeida
AÇÃO DE FORMAÇÃO: “Leio, logo, sinto! – razão e emoção em propostas de leitura para abordagens multidisciplinares do afeto e
das emoções”

 Contribuição para a tomada de decisões conscientes na área da


educação para a saúde;
 Reconhecimento de alguns sentimentos (amor, amizade…) e suas
manifestações (carinho, zanga, ternura…);

 Distinção entre país/distrito/concelho/freguesia;

 Desenvolvimento da sensibilidade estética e artística;

 Desenvolvimento de aptidões técnicas e manuais;

Recursos humanos:
 Docente de Educação Especial e alunos

Recursos materiais:
 Texto “Lenda da Serra da Estrela”;

 Fichas de trabalho (interpretação do texto; mapas);

 Fichas informativas (sistema reprodutor masculino e feminino;


gravidez; infeções sexualmente transmissíveis; mapa de Portugal –
distritos, concelhos e freguesias);

 Provérbios;

 Material de desgaste: papel de cenário/cartolina/papel vegetal,


tesouras, pincéis, tintas, lápis de cor e papel autocolante;

 CD - Lenda da Serra da Estrela (musicada).

Descrição da atividade:
 A docente entrega o texto “Lenda da Serra da Estrela” aos alunos
para que os mesmos façam a leitura silenciosa as vezes necessárias para
uma boa preparação pois, posteriormente, farão a leitura em voz alta
com contagem de tempo;

 Os alunos fazem a leitura do texto em voz alta e anotam o tempo


demorado na tarefa;

 Após ouvirem a leitura do texto feita pela docente, os alunos


repetem-na e verificam o tempo demorado fazendo a comparação entre
as duas leituras efetuadas;

FORMADORA: Mestre Manuela Duarte


FORMANDA: Luísa Maria Lourenço de Almeida
AÇÃO DE FORMAÇÃO: “Leio, logo, sinto! – razão e emoção em propostas de leitura para abordagens multidisciplinares do afeto e
das emoções”

 Elaboram a ficha de trabalho sobre o texto;

 Oralmente, é realizada a correção da ficha (posteriormente a docente


fará a correção escrita e dará o feedback aos alunos); através do diálogo e
tendo como ponto de partida a amizade entre o pastor e a estrela, o
discurso será orientado para os afetos, o respeito pelo outro, as relações
interpessoais… em que são colocadas várias questões, como por exemplo:

- as amizades são todas iguais?

- ser amigo implica o quê?

- já tiveram alguma grande amizade que por qualquer motivo se perdeu?

- que motivos podem estragar uma amizade?

- quem é a pessoas de quem mais gostam?

- que sentimento vos liga a ela?...

 Ainda oralmente, o trabalho é orientado para as fichas informativas


relativas à educação sexual; é feita a leitura das mesmas, serão discutidos
os assuntos nelas referidos para que os alunos elaborem as fichas de
verificação de conhecimentos;

 Continuando na mesma linha de pensamento, com base nas fichas


informativas, a docente questiona os alunos sobre provérbios que possam
conhecer relacionados com o tema (amor, sentimentos…), que são
escritos no quadro;

 Os alunos copiam os provérbios e, seguidamente, realizam uma


tarefa na qual devem substituir a imagem pela palavra em novos
provérbios que lhes serão apresentados;

 Uma vez terminada a tarefa segue-se uma discussão sobre os


provérbios mostrados e o seu significado sendo solicitado, como TPC, que
façam uma recolha de alguns provérbios que falem de amor,
sentimentos… apelando ao conhecimento dos seus familiares;

 Passar-se-á, seguidamente, para o conhecimento dos alunos sobre


aspetos geográficos e a sua nacionalidade e naturalidade para introdução
da ficha informativa na qual consta o mapa com a localização da Serra da
Estrela;

 Após observação do mapa e respetiva discussão, a docente entrega


um mapa de Portugal Continental; com base nessa imagem orienta as

FORMADORA: Mestre Manuela Duarte


FORMANDA: Luísa Maria Lourenço de Almeida
AÇÃO DE FORMAÇÃO: “Leio, logo, sinto! – razão e emoção em propostas de leitura para abordagens multidisciplinares do afeto e
das emoções”

atividades dos alunos para as várias regiões (distritos) levando-os a


localizar o seu distrito de residência, que irão pintar com cor à escolha;

 À semelhança do sucedido anteriormente, farão o mesmo em relação


ao seu concelho; ser-lhes-á entregue o mapa do distrito no qual deverão,
localizar o concelho a que pertencem e assinalar com cor;

 Os alunos decalcam em papel vegetal o mapa do seu concelho;


circunscrevem a sua freguesia e pintam com cor à sua escolha.

 Para consolidação dos conhecimentos, completam lacunas num


pequeno texto, relacionado com os mapas atrás referidos;

 Elaboram um painel decorativo para a parede da sala de aula: fundo


noturno com estrelas (desenhadas anteriormente pela docente),
recortadas por eles, nas quais estará escrito o nome duma pessoa de
quem os alunos gostam e o sentimento que os liga a essa pessoa;

 Para terminar a atividade, ouvem a leitura feita pela professora, da


“Lenda da Serra da Estrela” musicada; a atividade estará concluída depois
dos alunos ouvirem a música (seguindo a letra pelo texto já lido
anteriormente pela professora e por eles distribuído).

FORMADORA: Mestre Manuela Duarte


FORMANDA: Luísa Maria Lourenço de Almeida

Você também pode gostar