Você está na página 1de 3

 Mensagens  ELIZEU BURGOS DA SILVA 

Noções Básicas de Políticas Públicas - T1/2021

Buscar cursos 

 Introdutórios NBPP0121 Unidade 1 - Noções Sobre Política e Sociedade (15/...

Resposta correta para fóruns 1a, 1b e 1c.

Navegação

Página inicial
Painel
Páginas do site
Curso atual
NBPP0121
Participantes
Emblemas
Regras e Informações do Curso
Apresentação Geral do Curso (15/03 a 21/03/2021)
Unidade 1 - Noções Sobre Política e Sociedade (15/...
Texto Expositivo 1 - Unidade 1.
Texto Expositivo 2 - Unidade 1.
Fórum da Pergunta 1a
Fórum da Pergunta 1b
Fórum da Pergunta 1c
Resposta correta para fóruns 1a, 1b e 1c.
Questionário de Auto Avaliação Para Fóruns 1a, 1b,...
Meus cursos

Administração

Administração do curso

Resposta correta para fóruns 1a, 1b e 1c.


Aqui você encontra a resposta correta para as perguntas realizadas nos fóruns 1a, 1b e 1c desta unidade.

PERGUNTA DO FÓRUM 1A: Como distinguir as sociedades complexas das sociedades tradicionais?

RESPOSTA as folhas 15 do texto expositivo 1: Os grupos admitem indivíduos com múltiplos pertencimentos. Ou seja:
um mesmo indivíduo pode estar referido a diversos grupos, a um só tempo. Nas sociedades industriais e urbanas
contemporâneas – as chamadas sociedades complexas – uma enorme variedade de grupos coexiste e interage, numa
mesma “teia”, segundo regras às vezes muito distintas e até contraditórias. [...] Já as sociedades ditas tradicionais –
baseadas tão somente em regras e costumes não escritos – admitem menor variabilidade de grupos internos, e menor
quantidade de pertencimentos diversificados, de seus indivíduos. Podemos dizer que a complexidade de uma sociedade é
dada pelo grau de variedade dos seus grupos sociais, somado à multiplicidade de vínculos que um mesmo indivíduo pode
manter com eles.

..........................................................................................

PERGUNTA DO FÓRUM 1B: O que distingue a violência praticada pelo Estado daquela outra realizada por
particulares?

RESPOSTA as folhas 21 do texto expositivo 1: De outro lado, o elemento que distingue a violência do Estado,
daquela praticada por quaisquer outras organizações sociais (mesmo que possuam armas), é a legitimidade com que o
Estado a exerce. A legitimidade do Estado emana do consentimento, da autorização que lhe é concedida pelo povo, para
governar a todos, prevenindo e regulando conflitos, e provendo bens e serviços. É esta autorização que confere ao
Estado soberania, ou seja, a condição de tomar decisões em nome de todos, para além dos interesses particulares, seja
no plano interno (da sociedade) ou externo, no âmbito da comunidade das nações. O Governo, por sua vez, consiste na
direção que é dada ao Estado, por aqueles grupos que assumem o seu poder. As formas de apropriação do controle do
estado podem ser várias, desde a Guerra até a competição entre partidos políticos, organizada através de eleições.

..............................................................................................

PERGUNTA DO FÓRUM 1C: Quais os argumentos de SCHUMPETER para negar a existência do bem comum?

RESPOSTA as folhas 44 do texto expositivo 2: Com relação ao bem comum afirma que: "não existe algo que seja um
bem comum unicamente determinado, sobre o qual todas as pessoas concordem ou sejam levadas a concordar através
de argumentos racionais. Isso se deve, basicamente, não ao fato de algumas pessoas poderem desejar coisas diferentes
do bem comum, mas ao fato muito mais fundamental de que, para diferentes indivíduos e grupos, o bem comum está
fadado a significar diferentes coisas". Mesmo que houvesse uma definição mais precisa de um bem comum que se
mostrasse aceitável para todos, ainda assim. "isso não implicaria respostas igualmente definidas para as questões
isoladas (...). A 'saúde' pode ser desejada por todos, mas mesmo assim as pessoas discordariam quanto à vacinação e A.
vasectomia. E assim por diante" (SCHUMPETER, 1984:314 -315). Em decorrência da impossibilidade empírica do bem
comum, a noção de vontade do povo também não pode mais se sustentar, pois a vontade do povo (ou vontade geral) é
fixada como o desejo de todos de realizar o bem comum. Como salienta SCHUMPETER, "tanto a existência como a
dignidade desse tipo de volonté générale se vão logo que a ideia de bem comum nos abandona, e ambos os pilares da
doutrina clássica inevitavelmente se transformam em pó" (SCHUMPETER, 1984:316).

Última atualização: terça, 14 Jul 2020, 12:43


ESCOLA DE GOVERNO
DO ESTADO DE MATO GROSSO
Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão - Superintendência da Escola de Governo

Palácio Paiaguás - Rua Des. Carlos Avalone, s/n - Centro Político e Administrativo - CEP 78049-903 - Cuiabá - MT

Telefone: (65) 3613-3670 - e-mail: ead@seplag.mt.gov.br

A matrícula em cursos está disponível através da opção de "inscrições online (Novidades)" da página Bem Vindo.