Você está na página 1de 18

O Marketing Multinível, também conhecido por Network Marketing, é um dos

negócios em maior crescimento em todo o mundo. Pese embora a sua reputação


tenha vindo a deteriorar-se ao longo dos anos por conta dos múltiplos esquemas
de empresas fraudulentas, continua a ser um modelo de negócio bastante atrativo
para muita gente, com inúmeras empresas sérias no mercado há várias dezenas de
anos. Pese embora não tenha qualquer ligação a empresas de marketing
multinível, considero errado colocar toda a indústria no mesmo barco, tendo em
consideração a vasta quantidade de empresas operando de forma séria nessa
indústria.

E tal como várias outras indústrias, o Network Marketing precisa rapidamente de


aprender a tirar partido das estratégias de marketing digital existentes para levar o
seu negócio ao próximo nível. Existem inúmeras coisas a considerar quando
falamos de negócios de marketing multinível em ambiente digital e tal como
acontece com muitas outras indústrias (imobiliário, coaching, etc.), a maioria dos
profissionais não trabalha de forma correta e assertiva.

São mais os casos de profissionais trabalhando mal do que os casos de


profissionais trabalhando de forma profissional e tirando partido de uma
boa estratégia de marketing digital para o seu negócio.

Índice
 O que é Marketing Multinível?
 Qual a diferença entre Marketing Multinível e Venda por catálogo?
 Marketing multinível é um esquema de pirâmide?
 Os pilares de uma estratégia de Marketing Digital para Network Marketing
o 1) Transparência na comunicação
o 2) Criação de conteúdo
o 3) Geração de leads
 ClickFunnels
 Kartra
 Groove Funnels
o 4) Redes Sociais
o 5) Anúncios pagos
o 6) Atendimento e conversão
 Como usar o Marketing Digital no Marketing Multinível
o 1) Buyer Persona
o 2) Lista de objeções
o 3) Ativos próprios
o 4) Organização estrutural

O que é Marketing Multinível?


O Marketing Multinível é um tipo de negócio que tem por base o relacionamento
entre pessoas, razão pela qual também é conhecido por Network Marketing.
Um negócio de de marketing multinível ou network marketing, está alicerçado
em duas estratégias bem distintas: venda dos produtos e construção de
uma rede de distribuidores. No caso da venda direta dos produtos, o objetivos
destes profissionais é comercializar os produtos da empresa aos consumidores
finais, podendo fazê-lo por intermédio de estratégias digitais ou não, recorrendo
por exemplo a um funil de vendas ou uma estratégia digital para atrair clientes,
como também através da venda por catálogo ou a venda presencialmente em
eventos e oportunidades de networking. Muitos modelos de negócio em
marketing multinível assentam as suas estratégias de negócio em sessões de
networking presenciais, tirando pouco partido das oportunidades que o marketing
digital traz para esta indústria.

A outra vertente de negócio passa pela construção de uma rede de distribuidores


que tem como objetivo construir aquilo que na indústria é conhecido por
“pernas”, termo derivado do inglês “legs”, em que um distribuidor pode construir
a perna esquerda e a perna direita da sua rede, atraindo outros distribuidores para
o seu negócio de network marketing.

Por norma, em Marketing Multinível um distribuidor tem duas pernas para


trabalhar. A perna esquerda e a perna direita, a partir das quais vai construindo
toda a sua rede de distribuidores independentes, que passa a fazer parte da sua
equipa de marketing de rede, tendo como objetivo trabalhar precisamente em
rede, produzindo resultados em escala e reforçando toda a estrutura de rede que
está acima e abaixo da sua posição.

Estes distribuidores independentes que formam a sua equipa de network


marketing, ao efetuarem vendas dos produtos ou serviços da empresa, geram
automaticamente comissões para o distribuidor que os recrutou para a empresa.
Ao contrário do marketing de afiliados que paga apenas um nível de comissão
sobre a venda, o marketing multinível é conhecido por ter precisamente vários
níveis de comissão, ou seja, um distribuidor independente que construa a sua
rede, acabará por ganhar comissões sobre toda a sua rede de distribuidores
recrutados e que produzam vendas dos produtos ou serviços em questão.

É bastante comum as empresas de network marketing limitarem a quantidade de


níveis de comissão até 7 a 9 níveis de comissão, sendo que existem no mercado
empresas que pagam comissões até ao nível 100, por exemplo. Ainda assim, o
mais comum na indústria, é um distribuidor independente ganhar comissões até
ao 7º nível ou 9º nível da sua rede de distribuidores.

Existem inúmeras empresas de marketing multinível a operar no Brasil e em


Portugal, algumas delas centenárias e com muita experiência nesta área de
negócio, o que demonstra claramente que esse mercado não é dominado apenas
por empresas duvidosas ou envolvidas em esquemas fraudulentos, pelo que é
importante que você estude muito bem o mercado antes de sair promovendo uma
empresa de network marketing.

A Avon é das marcas mais conhecidas globalmente, com muitos anos de história
e uma reputação bastante sólida neste mercado. É uma empresa fundada nos
Estados Unidos e que hoje tem a sua sede em Londres no Reino Unido.
A Oriflame é uma empresa sueca que tem a sua sede na Suíça e tem ganho muita
popularidade na Europa ao longo dos últimos anos e também trabalha num
modelo de marketing multinível.

A Jeunesse é outra empresa norte americana que tem ganho bastante


popularidade no Brasil e em Portugal e também trabalha num modelo de
marketing multinível ou network marketing.

Não estou de todo a recomendar as empresas, apenas a dar exemplos de marcas


conhecidas do mercado que trabalham neste modelo de marketing multinível,
para que entenda que muitas delas estão no mercado há imenso tempo e a
produzir excelente resultados para os seus distribuidores independentes. A
Herbalife é outro exemplo bastante conhecido do mercado que também é uma
empresa de marketing multinível.
Qual a diferença entre Marketing
Multinível e Venda por catálogo?
Uma das grandes confusões nesta indústria é entre as empresas de marketing
multinível e as empresas de venda por catálogo. E é um erro colocar todas elas no
mesmo barco porque na realidade existem várias empresas que trabalham num
modelo de venda por catálogo que não é multinível, ou seja, os seus
revendedores e revendedoras, não precisam construir uma rede de distribuidores
e também não ganham comissões por vários níveis.

Um dos melhores exemplos é O Boticário, uma empresa com dezenas de anos de


história, extremamente popular no Brasil e em Portugal, que trabalha com venda
por catálogo e revendedoras, mas que não é uma empresa de marketing
multinível, uma vez que essas mesmas revendedoras, ganham apenas um nível de
comissão sobre as suas vendas e nada mais do que isso.

Entender essa diferença pode ajudar bastante você a entender as diferenças entre
esses dois modelos de negócio. No entanto, tenha em consideração que existem
múltiplas empresas de marketing multinível que utilizam a venda por catálogo
como estratégia de angariação de novos distribuidores e clientes. A venda por
catálogo é uma estratégia, o modelo de negócio é outra estratégia. Não confundir
as coisas é importante para não colocar toda a gente no mesmo barco.

Marketing multinível é um esquema de


pirâmide?
Muita gente confunde marketing multinível com esquemas de pirâmide e vice-
versa, pela simples razão de que várias empresas que entraram no mercado,
utilizaram o network marketing como um disfarce para a construção daquilo que
se chama uma pirâmide financeira.

Um esquema de pirâmide pressupõe, tal como o nome indica, a criação de uma


pirâmide em que a pessoa que está no topo, gera a sua receita por meio de todas
as pessoas que estão abaixo delas. Até aqui, nada de diferente de uma empresa
que trabalhe num modelo de marketing multinível. O problema começa quando,
num esquema de pirâmide, o produto é apenas uma forma de mascarar a
ilegalidade dessa atividade. O que alimenta a pirâmide é a entrada de novos
membros nessa mesma pirâmide e os aportes financeiros que cada um deles faz
para entrar no negócio. O volume de vendas de produtos é muito baixo, quando
comparado com o volume de negócios com a entrada de novos membros.

Algumas questões que você pode fazer para não cair num esquema de pirâmide:
 O produto que a empresa vende é verdadeiro e soluciona um problema
real do mercado?
 É possível vender esse produto em diversos canais, países e locais?
 A margem sobre o produto é exageradamente alta para parecer real?
 Você ganha mais dinheiro vendendo produtos ou angariando novos
distribuidores?
 Para começar no negócio, você tem que comprar um kit de produtos?
 Os produtos podem ser devolvidos caso o cliente não goste?
 Quanto custa para entrar como revendedor na empresa?

Algumas respostas a essas perguntas podem ajudar você a encontrar mais


facilmente empresas sérias e distingui-las de empresas fachada que operam na
realidade como esquema de pirâmide, o que constitui crime no Brasil e em
Portugal.

Tenha sempre atenção aos sinais e a todos os detalhes do negócio, antes de sair
promovendo a empresa errada. Quando o potencial de ganhos parece irrealista, é
porque muito provavelmente ele é irrealista. Não se deixe iludir pelos ganhos
absurdos e procure estudar corretamente tudo antes de se iniciar num negócio de
network marketing.

Os pilares de uma estratégia de Marketing


Digital para Network Marketing
Quando falamos de marketing digital para network marketing, existem imensos
pilares fundamentais numa boa estratégia digital. A maioria dos profissionais que
trabalha com marketing de rede fá-lo de uma forma muito amadora e sem
qualquer estratégia na hora de criar conteúdo, angariar clientes ou estabelecer-se
como uma autoridade no seu nicho de mercado. São muito pouco os profissionais
de referência nesta área que trabalham corretamente as suas redes sociais, a sua
estratégia digital ou até mesmo a sua estratégia de e-mail marketing e inbound
marketing.
1) Transparência na comunicação
A maioria dos profissionais de network marketing não é transparente, tem receio
de falar do negócio abertamente e esconde imensa informação na hora de abordar
um potencial cliente. O que acaba por fazer com que as abordagens comerciais
tendem a ser totalmente despropositadas e fora de contexto, quase sempre com
uma comunicação muito baseada em “oportunidade de negócio”, sem nunca falar
sobre o que se trata. E isso afasta mais os potenciais clientes do que os aproxima.

 A realidade é que quando você não fala abertamente sobre o seu negócio
de network marketing e precisa de criar todo um enredo para conseguir a
atenção do seu público, é porque você tem medo de falar abertamente
sobre o produto ou negócio em questão.
 Se você não fala abertamente sobre o seu negócio é porque tem algo de
errado aí. É assim que o seu público pensa…
 É aquela velha história… se você não acredita naquilo que vende, como é
que espera que os seus clientes acreditem?

Transpondo isto para o Marketing Digital, é preciso construir novas abordagens


para os seus potenciais clientes, que incluam uma nova narrativa e storytelling,
mas acima de tudo, que revelem paixão, transparência e credibilidade. Se o seu
objetivo é mudar a vida dessas pessoas para melhor, você precisa falar
abertamente sobre o marketing multinível.

Quando você comunica de forma não assertiva, criando todo um enredo para
falar abertamente sobre o seu negócio de network marketing, primeiro, você
estará tentando atrair as pessoas erradas para o seu negócio e segundo, você
estará investindo uma enorme quantidade de tempo para falar com toda a gente,
quando na realidade, se você fosse transparente na sua forma de comunicar, a sua
própria comunicação faria essa separação entre quem tem interesse e quem não
tem.

2) Criação de conteúdo
Quanto mais conteúdo criar para o seu negócio, mais autoridade, credibilidade e
confiança gera em quem consome o seu conteúdo e consequentemente mais
vendas consegue realizar. É o chamado Vender sem Vender.

Quando você se foca numa estratégia de vendas apenas, sem acrescentar valor ao
seu público, você tende a ser rejeitado com maior frequência, razão pela qual,
sempre recomendo uma ótima estratégia de marketing de conteúdo como a base
de qualquer negócio que utilize o marketing digital.

Utilizando ferramentas como o Answer The Public, AlsoAsked ou KWFinder,


você consegue rapidamente gerar um monte de ideias sobre conteúdos a produzir
relacionados ao seu nicho de mercado. Exemplos:

 O que é o Networking Marketing?


 Marketing Multinível é esquema de pirâmide?
 Como funciona a construção de uma rede de Marketing Multinível?
 Quanto posso ganhar por mês trabalhando com Network Marketing?
 Quais as diferenças entre Network Marketing e Marketing Digital?
 Como confiar numa empresa de Marketing Multinível?
 Como escolher as pessoas certas para uma rede?
 Como recrutar pessoas?
 Como funciona a divisão de comissões?
 O que é a perna esquerda e a perda direita?

Tendo isto em consideração, é importante você ter em conta também os


diferentes estágios do seu público. A maioria das pessoas encontra-se numa base
de aprendizagem e descoberta e não de entrada num negócio de rede deste tipo.
O seu conteúdo precisa de estar totalmente em linha com isso, oferecendo uma
visão mais aprofundada de como tudo isso funciona, mais do que vender o sonho
da liberdade financeira e de tempo.
Para cada uma destas etapas, você precisará criar conteúdos diferentes,
correspondendo às necessidades reais dessas pessoas. A maioria delas, não sabe
sequer como um negócio de marketing multinível funciona, portanto, tentar
recrutar uma pessoa dessas, não faz o menor sentido. E é sua responsabilidade
fazer com que o seu conteúdo faça esse trabalho de qualificação, informação e
aprendizado.

3) Geração de leads
Criar uma estratégia de geração de leads que faça sentido para o seu negócio e
que possa atrair pessoas realmente interessadas no que tem para oferecer também
é importante. A maioria dos profissionais de Network Marketing trabalha com os
seus perfis pessoais nas redes sociais e invariavelmente, acabam por tentar trazer
os familiares e amigos para dentro do negócio. Isso não faz o menor sentido.

Uma boa estratégia de geração de leads pressupõe naturalmente a utilização


de landing pages, funis de geração de leads, funis de venda e diferentes
estratégias de atração de potenciais clientes para o seu negócio de marketing de
rede. O que inevitavelmente o levará à necessidade de utilizar um software para o
efeito. Um bom construtor de landing pages e funis de venda é fundamental para
atrair os clientes certos para o seu negócio.

Existem diferentes tipos de softwares para criação de funis de geração de leads e


funis de geração de vendas. Todas estes softwares oferecem modelos prontos
(templates) que basta copiar-colar para o seu negócio, facilitando todo o trabalho
de criação, sem a necessidade de escrever uma única linha de código. Para
profissionais que não entendem de programação, esse é o caminho mais rápido
para acelerar o crescimento do seu negócio de marketing multinível.

Todos estes softwares oferecem sistemas de arrastar e soltar elementos,


permitindo-lhe criar a suas próprias páginas de geração de leads, vendas, etc.,
sem a necessidade de recorrer a um programador para o efeito. Além de lhe
poupar muito dinheiro, estas ferramentas poupam-lhe acima de tudo, muito
tempo. E tempo, é muito mais valioso do que dinheiro.

As minhas três ferramentas favoritas para criar Funis são estas, por esta ordem:

ClickFunnels

O ClickFunnels é de longe a melhor ferramenta disponível no mercado para criar


Funis realmente eficazes, lucrativos e com a melhor tecnologia disponível na
internet. É a plataforma mais robusta, mais fiável e mais completa do mercado,
permitindo-lhe criar as suas páginas de geração, de leads e funis de venda com
upsell e downsell automático de produtos, programas de assinatura e muito mais.

Kartra
O Kartra é uma ótima ferramenta de criação de Funis, páginas de captura e
demais soluções tecnológicas para comercialização de produtos ou serviços na
internet. É uma ferramenta extremamente robusta, que oferece também o serviço
de e-mail marketing integrado e diversas outras opções que o tornam um
competidor à altura do ClickFunnels. Não é tão fácil de trabalhar quanto o
ClickFunnels, ainda assim, é uma excelente e robusta opção no mercado.

Groove Funnels

O Groove Funnels é um concorrente recente no mercado, que oferece uma


solução low-cost de baixo preço, estando a ajudar na democratização dos Funis e
da sua importância para as empresas e profissionais que trabalham com digital. É
a solução menos completa e robusta de todas, ainda assim, uma ótima solução
para quem o preço é um impeditivo de trabalhar com as melhores ferramentas.

De todas as ferramentas disponíveis, o ClickFunnels é de longe a mais completa


e melhor ferramenta de criação de funis. Você pode criar facilmente os seus funis
utilizando o editor do ClickFunnels e construir as suas páginas de forma elegante
e rápida, ou até mesmo utilizar algum dos modelos prontos que o próprio
ClickFunnels já disponibiliza para você começar a trabalhar.

Esse é um exemplo do editor do ClickFunnels em ação, onde construímos


praticamente todas as nossas páginas de geração de leads e todos os nossos funis
de venda. O mais bacana do ClickFunnels é que ele permite você construir funis
de venda super simples ou mega complexos em muito pouco tempo. E nesse
mercado, agilidade é sempre importante. Tem concorrente que demora tanto para
fazer alguma coisa, que quando vai fazer, já o mercado todo fez primeiro.

4) Redes Sociais
Criar contas profissionais e parar de brincar aos profissionais de network
marketing deve ser o primeiro passo. Se você quer realmente crescer no
Marketing Multinível, você precisa de encarar o negócio com seriedade e mais
importante do que isso, trabalhar de forma profissional. E isso significa ter contas
profissionais nas redes sociais, tais como uma página de Facebook, um perfil
comercial no Instagram, um perfil ou página no LinkedIn e um canal no
YouTube.

Chega de trabalhar de forma amadora com os seus perfis pessoais, enchendo o


saco dos familiares e amigos para tentar cumprir os objetivos do mês. Isso não é
ser profissional. Isso é fazer o seu negócio depender dos outros e não da sua
competência profissional.
E o que isto significa é que precisa de encarar as coisas como elas são. Se
trabalha de forma amadora, é exatamente isso que o seu público vai sentir quando
os abordar. E sejamos sinceros: ninguém quer trabalhar com amadores.

Se quiser aprender mais, faça o nosso curso online de marketing para redes


sociais.

5) Anúncios pagos
A par de uma presença forte nas redes sociais, é fundamental você ter também
uma muito boa estratégia de anúncios pagos, seja para geração de leads, vendas,
interação, etc. Os anúncios pagos são a chave para fazer crescer rapidamente o
seu negócio de marketing de rede. Mas sejamos sinceros, ninguém na sua perfeita
consciência e competência profissional acha que um negócio se alavanca com
20/50€ (ou qualquer outra moeda) por mês em publicidade.

Na realidade, alguém que investe 20/50€ por mês em publicidade para


desenvolver o seu negócio, é alguém que investe mais dinheiro em restaurantes
do que no seu próprio negócio.

Não estou com isto a dizer que precisa de investir 2.000€ (ou qualquer outra
moeda) por mês em publicidade para começar. Mas é preciso ser razoável. Se
considerarmos que com entre 35€ a 50€ atingimos cerca de 100.000 pessoas com
um anúncio no Instagram, prefere investir esse dinheiro num jantar ou no seu
negócio? E esse investimento é muito importante para fazer chegar os seus
conteúdos ao maior número possível de pessoas. Só dessa forma é que você
criará realmente impacto com a sua mensagem.

“Pague o preço hoje, para que no futuro possa pagar qualquer preço.”

Se quiser aprender mais, faça o nosso curso online de anúncios no Facebook e


Instagram.

6) Atendimento e conversão
O atendimento e conversão é fundamental em qualquer negócio, mais ainda num
negócio de Network Marketing que é feito de contatos e leads constantes a entrar
no seu Pipeline de potenciais negócios.

Um bom atendimento de leads e uma boa estratégia de WhatsApp Business é


fundamental para aumentar o fechamento de vendas e a sua taxa de conversão
média de novos clientes.

Isto depreende o domínio das estratégias de comunicação, persuasão e ética, mas


também de estratégias de Neurovendas, Modelo dos 8C e Chat Marketing para
levar o seu negócio ao próximo nível.
A comunicação positiva, transparente e persuasiva é responsável pela maioria das
vendas de um negócio.

Como usar o Marketing Digital no


Marketing Multinível
Para criar a estratégia certa para o seu negócio de marketing multinível, você
precisará ter em consideração múltiplas ferramentas, múltiplas abordagens e
múltiplos canais de comunicação e atração de potenciais clientes para o seu
negócio de marketing de rede. E isso implica construir toda uma estrutura de
marketing digital adequada ao seu negócio de network marketing.

Não é por você ter um negócio de network marketing que ele não necessita de
uma estrutura completa de marketing digital, antes pelo contrário. E isso,
inevitavelmente, levará o seu negócio para o próximo nível e permitir-lhe-á atrair
muito mais clientes e também angariar novos distribuidores independentes com
maior facilidade. Vamos lá!

1) Buyer Persona
Buyer Persona é um termo que se refere ao comprador de sonho do seu negócio.
O seu potencial cliente que tem como objetivo atrair e converter num cliente do
seu negócio de marketing multinível. Quem é afinal o comprador de sonho do
seu negócio e como saber exatamente quem é a pessoa ideal para comprar o seu
produto ou entrar na sua rede de Network Marketing?

Quando falamos de construção de Personas, necessitamos de entrar em modo


furtivo e caçar literalmente a informação de que necessitamos para traçar
corretamente o perfil do nosso comprador de sonho. Algumas perguntas para as
quais você precisa de ter respostas:

 Que perguntas eles estão a fazer na internet?


 O que eles escrevem em fóruns online?
 Como descobrir o contato de e-mail?
 Participar de encontros
 Participar de grupos de Facebook
 Descobrir as suas dores, desejos ou necessidades
 Trazê-los para descobrir o mundo do Network Marketing
 Remover objecções associados ao Network Marketing
 Fazê-los sentirem-se em segurança

2) Lista de objeções
Toda e qualquer pessoa que faça parte da sua Persona, terá em mãos diversas
objecções que a impedirão de avançar, de inscrever-se, de comprar, etc. Mapear
essas objecções é fundamental para o sucesso do seu negócio.

Conhecer as esperanças, sonhos e desejos do comprador dos seus sonhos ajuda a


pintar uma imagem vívida de como a vida poderia ser depois de entrar no
marketing multinível. Pense nisso e em como vender o sonho e pintar um quadro
da “Alice no País das Maravilhas” com ética.

Quando os seus produtos ou serviços ajudam o comprador dos seus sonhos a


atingir as suas esperanças, sonhos e desejos, torna-se muito mais fácil escrever
um copy para as suas páginas de venda, site, anúncios e outros ativos que você
utiliza para vender mais.

Faça uma lista de todas as objecções que podem levar uma pessoa a não trabalhar
consigo. E depois trabalhe a sua comunicação em cima disso. Exemplos:

 Network Marketing Como desenvolver uma carreira de sucesso em


é sério? Network Marketing, vendendo com ética e
trabalhando de forma profissional.
 Vou ter de vender 10 passos para ter sucesso no Network Marketing
aos meus familiares? sem a necessidade de vender os seus próprios
produtos a familiares e amigos.
 Como começar no O método para criar o seu negócio de Network
Marketing de Rede? Marketing e angariar os seus primeiros 10 clientes
em apenas 30 dias.
3) Ativos próprios
Os ativos próprios são fundamentais na construção de uma marca pessoal de
sucesso em Network Marketing, uma vez que é através deles que é feita a
construção da sua reputação. É impossível dissociar o marketing multinível de
uma marca pessoal forte, coesa e que transmite confiança.

A presença digital é fundamental para alavancar todas as restantes áreas da sua


Marca Pessoal. Tirar partido do que o mercado digital tem para oferecer é
indispensável ao seu crescimento nesta área de negócio. O que isto significa é
que o seu negócio precisará de tirar o máximo partido de todas as oportunidades
que o marketing digital tem a oferecer.

Ativos próprios são tudo aquilo que você controla, portanto, o seu website, o seu
blog, as suas Landing Pages, a sua lista de e-mail marketing e a sua presença nas
redes sociais. Tirando a parte das redes sociais que é algo sobre o qual você não
tem controlo, tudo o resto, depende única e exclusivamente de você. E isso é
muito importante quando falamos de uma estratégia de network marketing em
marketing digital.

Vamos começar pela sua presença digital. Essa presença digital precisa de estar
alinhada com as necessidades do seu negócio de marketing de rede, pelo que é
importante estabelecer quais canais você vai trabalhar e em quais deles você vai
manter uma presença frequente, consistente e com foco na construção de
autoridade e notoriedade.

Já na presença digital, as suas escolhas devem ter em consideração a sua Buyer


Persona, ou seja, onde se encontra o cliente de sonho do seu negócio e onde ele
marca presença no universo digital. É nesses canais que você deverá estar
presente também e não naqueles que estão na moda. A sua presença é sempre
determinada pelo seu público e pelo comportamento do seu público.

Juntamente com a sua presença digital, o seu negócio de marketing multinível


precisará de uma estratégia de construção de autoridade e reconhecimento por
parte do público. E essa estratégia advém da sua capacidade de construção de
autoridade nos canais digitais, a partir de múltiplos canais de descoberta. O que
significa que não basta você estar presente em um canal digital para já ser
considerado uma autoridade no mundo do network marketing. Você precisará
muito mais do que isso.

Algumas ideias para explorar a construção de autoridade nos canais digitais:

Quando falamos de uma etapa de construção de autoridade, isso implica trabalhar


em múltiplas frentes, como a realização de Lives sozinho e com convidados,
criação de vídeos, realização de entrevistas, a escrita de artigos e a participação
em Podcasts. Quanto maior o número de canais onde possa estar presente, maior
a probabilidade de conseguir construir um perfil de autoridade e notoriedade
dentro do seu nicho de mercado.

4) Organização estrutural
Com tantos ativos próprios e canais de comunicação, é importante organizar a
casa e a sua estrutura digital, por forma a conseguir trabalhar corretamente em
todas as frentes, mantendo a sanidade mental. Um negócio de marketing de rede
precisa naturalmente de uma presença digital forte, mas é importante que tudo
esteja devidamente organizado para que o seu trabalho flua e os seus resultados
apareçam.

Esta é a minha recomendação de uma estrutura digital para quem trabalha em um


negócio de network marketing:
O que esta estrutura representa é a utilização de todos os ativos próprios de uma
marca pessoal nos diferentes canais e também para diferentes objetivos. No caso
do seu website, por exemplo, ele deve ter como missão uma estratégia de
conteúdo semanal, uma aposta segura em SEO (O que é SEO?) e também uma
estratégia de geração de leads e anúncios como forma de divulgação. Já o seu
blog, deverá ter uma estratégia bastante semelhante.

Quando falamos de redes sociais, a sua presença deverá ter em consideração uma
publicação regular de conteúdo. Se você quer ser bem sucedido com uma
estratégia de instagram marketing, linkedin marketing ou até mesmo
com YouTube marketing, você precisará ter uma alta frequência de criação de
conteúdos. Tudo isso deverá ser suportado por uma boa estratégia de geração de
leads com Landing Pages e uma boa estratégia de comunicação via E-mail
Marketing.

Quando todos os canais estão alinhados e a trabalhar em função do crescimento


da sua marca pessoal em marketing digital, o seu negócio de marketing
multinível cresce a uma velocidade verdadeiramente imparável.

É verdade que tudo isso dá imenso trabalho, mas os resultados compensarão


largamente o tempo investido na alimentação de todos os seus ativos próprios. Só
depende de você!

Você também pode gostar