Você está na página 1de 1

os restos inúteis, na forma de corpos residuais, elas estão presentes em grande número na ba-

pela exocitose. se de cílios e flagelos, fornecendo energia para


Todo esse processo de digestão celular é conhe sua movimentação, e em células que trabalham
cido como ciclo lisossômico. Quando ocorre o constantemente, como o músculo cardíaco. O
rompimento da membrana dos lisossomos, cha- conjunto de mitocôndrias de uma célula recebe
mamos de autólise ou apoptose, liberando en- o nome de condrioma.
zimas hidrolíticas e causando destruição celular.
Ex.: Decomposição de cadáver, redução da cau- 2. NÚCLEO INTERFÁSICO
da do girino. Estrutura nuclear
Peroxissomos Exceto em seres procariontes, em que o núcleo
Biogênese: REL – Os peroxissomos também não existe e o material nuclear está disperso no
são bolsas originadas do retículo endoplasmáti- citoplasma, os demais seres vivos possuem um
01. No esquema, estão representadas eta- co liso, repletas de enzimas originadas do RER. ou mais núcleos bem delimitados pela cariote-
pas, numeradas de 1 a 3, de um impor- São organelas diferentes dos lisossomos: pos- ca. Dentro do núcleo, mergulhados em uma so-
tante processo que ocorre no interior suem enzimas oxidantes (catalase), enquanto os lução semelhante ao hialoplasma, a cariolinfa,
das células, e algumas organelas envol- lisossomos possuem enzimas hidrolisantes. encontramos um ou mais nucléolos e os cro-
vidas direta ou indiretamente com esse Suas enzimas agem sobre substâncias oriundas mossomos.
de um catabolismo.
processo.
Centríolos
Biogênese: Autoduplicação – Os centríolos são
formados por dois cilindros perpendiculares en-
tre si. Cada um dos cilindros é composto de vá-
rios tubos não-delimitados por membrana lipo-
protéica e DNA.
Podem ser vistos, com dificuldade, ao microscó-
pio óptico. Ao microscópio eletrônico, constata-
——— split —-> se que são formados por nove grupos de três
microtúbulos.
As etapas que correspondem a 1, 2 e 3, Suas funções básicas são as de auxiliar a divi- Representação do núcleo
respectivamente, e algumas organelas são celular, formando os fusos, e originar cílios e Carioteca
representadas no esquema, estão flagelos. Também é chamada de membrana nuclear. A
corretamente listadas em: carioteca tem constituição lipoprotéica, é dupla
a) absorção de aminoácidos, síntese protéi- e apresenta poros, por onde podem passar
ca e exportação de proteínas; retículo grandes moléculas em direção ao citoplasma e
endoplasmático, lisossomo e mitocôndria. em sentido contrário. Ela comunica-se com o re-
b) fagocitose de macromoléculas, digestão tículo endoplasmático, que lhe dá origem, e, fre-
celular e egestão de resíduos; retículo en- qüentemente, possui ribossomos aderidos à sua
face externa.
doplasmático, complexo de Golgi e lisos-
A carioteca permanece íntegra durante a vida da
somo. Os centríolos são formados por nove grupos de três célula e só se desmancha durante a divisão ce-
c) fagocitose de sais minerais, fotossíntese e microtúbulos. Cada centríolo fica perpendicular ao ou- lular. Diferentemente da membrana celular, a ca-
exportação de compostos orgânicos; clo- tro. rioteca não se regenera quando lesada.
roplastos e vacúolos. Ocorrência e localização Cariolinfa
d) absorção de oxigênio, respiração celular e Os centríolos estão presentes em células ani-
A cariolinfa também é conhecida como nucleo-
eliminação de dióxido de carbono; mito- mais e vegetais inferiores. Não ocorrem em ve-
plasma, carioplasma ou suco nuclear. Ela é uma
côndrias e vacúolos. getais superiores (gimnospermas e angiosper-
mas), bactérias, cianobactérias e fungos. solução de água, proteínas e outras substân-
e) fagocitose de macromoléculas, digestão cias, semelhante ao hialoplasma, que preenche
Localizam-se, quase sempre, no pólo superior
celular e exportação de proteínas; mito- o interior do núcleo.
da célula. Todavia, em alguns animais e vege-
côndrias e lisossomos. tais, quando a célula não está em processo de Nucléolo
divisão, ficam próximos ao núcleo, em um local
02. Células animais, quando privadas de Pode existir um ou vários nucléolos dentro de
chamado centro celular ou centrossomo.
alimento, passam a degradar partes de um mesmo núcleo. O nucléolo não possui ne-
Mitocôndrias nhuma membrana envoltória e é tão-somente
si mesmas como fonte de matéria-prima
para sobreviver. A organela citoplasmá- Biogênese: Autoduplicação – As mitocôndrias um agregado de rRNA e proteínas.
são organelas presentes em todos os seres eu- O que dá origem ao nucléolo é um tipo especial
tica diretamente responsável por essa cariontes. Possuem a forma de bastonete e são
degradação é de cromossomo chamado cromossomo organi-
revestidas por uma membrana dupla. A mem- zador do nucléolo, em uma pequena parte cha-
a) o aparelho de Golgi. b) o centríolo. brana externa é lisa, e a interna, pregueada,
mada zona SAT, zona satélite ou zona organiza-
c) o lisossomo. d) a mitocôndria. formando as cristas mitocondriais, onde estão
dora do nucléolo.
as enzimas respiratórias. O preenchimento
e) o ribossomo. Cromossomos
interno das mitocôndrias é chamado matriz
03. No esquema abaixo, as setas cheias in- mitocondrial. O cromossomo é uma estrutura que contém as
Em sua composição, além de lipídios, proteínas informações genéticas da célula. Ele é constitu-
dicam um fenômeno encontrado nas cé- e enzimas respiratórias, existem cálcio, magné-
lulas vegetais, caracterizado pela circu- ído de uma molécula de DNA associada a pro-
sio, fósforo, DNA, RNA e minúsculos ribosso-
lação do citoplasma no interior da célu- teínas chamadas histonas. Nos locais de conta-
mos.
to entre o DNA e as histonas, formam-se granu-
la, o que facilita a distribuição de subs-
lações conhecidas como nucleossomos. Como
tâncias.
são formados por cromossos, são capazes de
autoduplicar-se.
O conjunto de cromossomos é chamado croma-
tina. A cromatina pode ter regiões mais espiraliza-
das, portanto mais condensadas e coráveis, e re
giões menos espiralizadas, portanto menos con-
densadas e menos coráveis. As regiões mais con
——- split —-> densadas da cromatina são chamadas helorocro
Essa condição é conhecida como matina, e as menos condensadas, eucromatina.
Esquema de mitocôndria.
a) endocitose. b) plasmólise. Função e localização
c) clamastose. d) osmose. A mitocôndria tem a função de produzir energia
e) ciclose. (ATP) para as atividades celulares por meio da
respiração celular. Isso significa que regiões da
célula com maior necessidade de energia exi- Esquema de heterocromatina (condensada ou inativa)
gem mais mitocôndrias. Assim, por exemplo, e eucromatina (condensada ou ativa).