Você está na página 1de 1

a) Invenção da máquina a vapor, em 1712, por

História Newcomem, que servia para bombear água


das minas de carvão.
b) Produção de ferro com carvão coque, em
Professor Francisco MELO de Souza 1735.
c) Desenvolvimento da máquina de fiar, a
Spinng Jenny, por James Hargreaves, em
Aula 67
1767.
A Revolução Industrial e a d) Aperfeiçoamento da máquina a vapor por
Revolução Francesa James Watt. A utilização dessa nova energia
nas máquinas de fiar e tecer, por Richard
Consistiu num conjunto de transformações técni- Arkwiright, em 1769.
co-científicas que revolucionaram a produção de e) Tear mecânico, por Richard Arkwiright, em
mercadorias, transformando a humanidade, a 1785. 01. (Faap) “A crise do antigo sistema colonial,
partir do século XVIII, e prolongando-se pelo sé- Conseqüências ocorrida na segunda metade do século
culo XIX. XVIII, foi provocada por fatores endóge-
O trabalho nas fábricas era realizado em péssi-
Transformações no setor da produção mas condições, e os trabalhadores não possu- nos, particularmente as contradições do
A produção para o mercado transformou o pro- íam instrumentos de reivindicações (sindicatos) próprio sistema. Afinal, embora o objetivo
cesso produtivo no decorrer da Idade Moderna. nem leis trabalhistas. Os trabalhadores respira- da colonização fosse a exploração econô-
As mudanças econômicas que, até hoje, geram vam poeira, o barulho era intenso, e a jornada de
trabalho era de 14 a 16 horas diárias. Não havia
mica da colônia em benefício da metrópo-
novas transformações, durante o Antigo Regime,
descanso semanal remunerado nem férias. Havia le, era impossível explorar sem desenvol-
passaram por várias etapas, tais como:
exploração do trabalho infantil e do da mulher. ver.”
1. Produção artesanal – Processo produtivo
mais antigo, sem divisão social do trabalho, Indepedência dos Estados Unidos O texto trata da desintegração do antigo
sendo o produtor dono das ferramentas e do A Independência dos Estados Unidos tornou-se
colonialismo que se operou numa conjun-
resultado da produção, a mercadoria. Nessa um marco no processo que levou ao fim do Anti- tura de crises mais global, marcada por
época, o mercado era restrito, e a produção go Regime. várias revoluções, como:
era feita na casa do artesão.
Nas colônias do norte e do centro, desenvolveu- a) a Revolução Russa;
2. Produção manufatureira – Com o renasci- se um modelo de colonização de povoamento: b) a Revolução Industrial;
mento comercial e urbano, que possibilitou a os colonos exerciam um trabalho livre, num siste-
expansão do comércio em escala internacio- c) a Revolução Praieira;
ma de produção que estava baseado na peque-
nal, fez-se necessário aumentar a produção. na propriedade. d) a Guerra de Secessão;
Dessa forma, ocorreu a divisão social do traba- e) a Revolução Puritana.
No sul, onde prevaleceram as colônias de explo-
lho, ou seja, a concentração de trabalhadores
ração, desenvolveu-se um sistema de produção 02. (Puccamp) Dentre as conseqüências
num mesmo local sob a direção de um mestre.
baseada na grande propriedade monocultora e
A produção era feita por etapas, obrigando a sociais forjadas pela Revolução Industrial,
no trabalho escravo negro.
especialização do trabalhador por setor. O re- pode-se mencionar:
sultado foi o aumento da produção. Em meados do século XVIII, quando se iniciou a
Revolução Industrial, a Inglaterra começou a mu- a) o desenvolvimento de uma camada social
3. Produção maquinofatureira – Considerado o dar seu comportamento em relação a suas colô- de trabalhadores, que, destituídos dos
apogeu do Capitalismo, esse período marca a nias americanas, intensificando a política econô-
mecanização da produção. A oficina foi substi- meios de produção, passaram a sobreviver
mica mercantilista e restabelecendo o pacto colo-
tuída pela fábrica, e as máquinas, a matéria-pri- apenas da venda de sua força de trabalho;
nial, para acabar com a concorrência das colô-
ma, o combustível e os produtos passaram a nias. b) a melhoria das condições de habitação e de
pertencer ao proprietário dos meios de produ- sobrevivência para o operariado, proporcio-
ção. Na fábrica, concentravam-se centenas de Guerra de Independência
nada pelo surto de desenvolvimento econô-
trabalhadores assalariados sob uma rígida divi- Causas maiores – A Guerra de Independência
são social do trabalho. mico;
dos Estados Unidos teve como causas mais pro-
Revolução Industrial na Inglaterra fundas as restrições mercantilistas impostas pela c) a ascensão social dos artesãos, que reuni-
Inglaterra a suas colônias americanas e a ram seus capitais e suas ferramentas em ofi-
Principais fatores: influência das idéias liberais dos filósofos ilumi- cinas ou em domicílios rurais dispersos, au-
1. Acumulação primitiva de capitais – Lucros nistas, divulgadas na América do Norte. mentando os núcleos domésticos de produ-
provenientes do comércio colonial com os paí- Causas menores – Como causas menores e
ses ibéricos. ção;
mais imediatas, podemos citar a Guerra dos Sete
Anos, o Massacre de Boston e os Atos Intolerá- d) a criação do Banco da Inglaterra, com o
2. Supremacia marítima – A partir dos Atos de
Navegação, a Inglaterra dominou o comércio veis. No mesmo ano (1774), todas as colônias, objetivo de financiar a monarquia e ser tam-
marítimo e expandiu sua dominação colonial, com exceção da Geórgia, enviaram representan- bém uma instituição geradora de empregos;
conquistando novas fontes de matérias-primas tes para o Primeiro Congresso Continental de Fi- e) o desenvolvimento de indústrias petroquí-
e novos mercados consumidores, que estimu- ladélfia.
micas, favorecendo a organização do mer-
laram a produção industrial. Nesse congresso, os colonos, ainda não dis- cado de trabalho, de maneira a assegurar
3. Reservas minerais – Presença abundante de postos à separação, resolveram enviar ao gover-
no inglês um pedido para que fossem retirados emprego a todos os assalariados.
jazidas minerais de carvão e ferro.
os Atos Intoleráveis. A Inglaterra não atendeu às
4. Enclousures – Cercamentos dos campos e
reivindicações e acirrou a repressão, causando a
03. (UFMG) Todas as alternativas apresentam
definição da propriedade privada dos meios de mudanças que caracterizam a Revolução
morte de alguns americanos.
produção, a terra. Era a expansão do capitalis-
Os colonos reuniram-se no Segundo Congresso Industrial na Inglaterra do século XIX,
mo na produção agropastoril voltada para o
mercado. Foi dessa forma que a população Continental de Filadélfia, em 1775. As principais EXCETO:
camponesa foi expulsa do campo, tornando-se medidas adotadas no Congresso foram: a) a aplicação sistemática e generalizada do
mão-de-obra barata nas cidades. a) Declaração de Independência dos Estados moderno conhecimento científico ao proces-
5. Sistema de crédito – A criação do Banco da Unidos. so de produção para o mercado.
Inglaterra, no século XVII, ampliou o sistema b) Declaração de Guerra à Inglaterra.
b) a consolidação de novas classes sociais e
de créditos para investimentos no setor indus- A Declaração de Independência, que continha a ocupacionais, determinada pela proprieda-
trial e na produção técnico-científica. Declaração dos Direitos do Homem, foi aprovada
em 4 de julho de 1776, afirmando que as “Colô- de de novos fatores de produção.
6. O crescimento demográfico – O crescimento
populacional foi fruto de uma série de fatores, nias estão isentas de toda e qualquer obediência c) a especialização da atividade econômica, di-
entre eles o controle de epidemias e o aumen- à Coroa Britânica”. rigida para a produção e para o consumo
to da produção agrícola. Na Declaração de Independência, os colonos paroquial e familiar.
7. Revolução Gloriosa – Revolução burguesa norte-americanos defendiam a tese de que o ho- d) a expansão e a despersonalização da unida-
que transformou o parlamento inglês num ór- mem tem o direito natural à liberdade e à felicida-
de típica de produção, até então baseada,
gão dirigente do Estado. Dessa forma, o Parla- de, bem como afirmavam que o poder se origina
do povo e que o cidadão tem o direito de substi- principalmente, nas corporações de ofício.
mento passou a utilizar o liberalismo como
mote para o desenvolvimento econômico. tuir o governo que não respeitar seus direitos na- e) o redirecionamento da força de trabalho das
turais. atividades relacionadas à produção de bens
Ligado a essas transformações, o desenvolvi-
mento técnico-científico foi decisivo para a indus- Os Estados Unidos foram o primeiro país a se tor- primários para a de bens manufaturados e
trialização inglesa. As primeiras transformações nar independente e também o primeiro a procla- serviços.
foram: mar uma república federativa.