Você está na página 1de 1

Solução:

Física Pela Equação Fundamental das Ondas:


v v 340
λ = ––∴λmáx= –––∴λmáx=–––––∴λmáx= 17m
Professor Carlos Jennings f f 20
v 340
λ = ––∴λmín= ––––––3 ∴λmín= 1,7.10–2m
f 20.10
Aula 88 02. A função de uma onda é dada por:
Ondas , onde x e y são medidos

São movimentos oscilatórios que se propagam em cm e t em s. Determine a amplitude, o perío-


num meio, transportando apenas energia, sem do, o comprimento e a velocidade de propaga-
transportar matéria. ção da onda.
Natureza das ondas Solução: 01. (Unirio – adaptada) Entre as afirmativas
Mecânicas – Perturbações provocadas em Por comparação direta: abaixo, a respeito de fenômenos ondulató-
meios materiais elásticos, transportando energia rios, assinale a que é falsa:
mecânica (ondas em cordas, em superfícies líqui- a) A velocidade de uma onda depende do meio
das, ondas sonoras etc.). Não se propagam no de propagação.
vácuo.
b) A velocidade do som no ar independe da fre-
Eletromagnéticas – Vibrações de cargas elétricas qüência.
a) a = 10cm
b) 1/T= 2∴T=0,5s
que transportam energia na forma de quanta –
c) No vácuo, todas as ondas eletromagnéticas
c) 1/λ =1/5 ∴ λ=5cm
“pacotes” de energia (luz, ondas de rádio, de TV,
possuem o mesmo período.
d) v= λ / T ∴ v=5/0,5 ∴ v=10cm/s
microondas, raios X etc.). Propagam-se no vácuo e
em alguns meios materiais. d) Ondas sonoras são longitudinais.
Ondas em uma corda e) Ondas sonoras são tridimensionais.
Tipos de ondas
Transversais – A direção do movimento vibrató- A velocidade v de propagação de um pulso (meia
onda) que se propaga numa corda esticada de- 02. Uma onda sonora propaga-se no ar com
rio é perpendicular à direção de propagação.
pende da intensidade da força (T) que a tracio-
na e da densidade linear (µ), conforme a uma velocidade de 340m/s e possui com-
fórmula de Taylor: primento de onda igual a 40cm. É correto
afirmar que sua freqüência vale:
a) 3.400Hz b) 1.700Hz
Longitudinais – A direção do movimento vibra- A densidade linear (µ) é a relação entre a massa c) 850Hz d) 340Hz
tório coincide com a direção de propagação. (m) e o comprimento (L) da corda: µ = m/L. e) 40Hz

03. Para que ocorra difração, a onda deve en-


Aplicação
contrar:
Tem-se uma corda de massa 400g e de compri-
mento 5m, tracionada de 288N. Determine a velo- a) um obstáculo com dimensões muito menores
cidade de propagação de um pulso nessas que seu comprimento de onda;
Dimensões da propagação condições. b) uma fenda de dimensões muito maiores que
Segundo as dimensões em que ocorre a propa- Solução: seu comprimento de onda;
gação, uma onda pode ser: Dados: m = 400g = 0,4kg; L = 5m; T = 288N c) uma fenda de dimensões muito menores que
Unidimensional – A energia propaga-se linear- A densidade linear da corda vale: seu comprimento de onda;
mente (como numa corda). m 0,4
µ =––– = –––– ∴ µ= 8.10–2kg/m d) uma fenda ou um obstáculo de dimensões da
Bidimensional – A energia propaga-se superfi- L 5 mesma ordem de grandeza do seu compri-
cialmente (como na superfície da água). Aplicando a fórmula de Taylor: mento de onda.
Tridimensional – A energia propaga-se no espaço
(como o som e a luz). 04. (FMU−SP) O fenômeno físico que caracte-
Características das ondas Reflexão – Um pulso propagando-se ao longo de riza uma onda é:
uma corda com velocidade v, ao atingir a extremi-
dade da corda, reflete-se com inversão de fase a) o transporte de energia;
se a extremidade for fixa; sem inversão de fase b) o transporte de matéria;
se a extremidade for livre. O pulso refletido (com c) o transporte de energia e matéria;
Crista de onda – O ponto mais alto da onda. ou sem inversão de fase) possui a mesma veloci- d) o transporte de intervalos de tempo;
dade v do pulso incidente. e) o transporte de fontes de luz.
Vale de onda – O ponto mais baixo da onda.
Comprimento de onda (λ) – A distância entre
duas cristas ou dois vales consecutivos. Pode-se 05. (UFPI) Se n cristas de uma onda são detec-
também definir comprimento de onda como a tadas por minuto, qual o período dessa on-
menor distância entre dois pontos em concor- da em segundos?
dância de fase: duas cristas ou dois vales estão
sempre em concordância de fase, e uma crista e a) 30 b) 60
um vale, sempre em oposição de fase. c) 120 d) 60/n
Período (T) – Tempo necessário para a onda des- e) 120/n
locar-se de um comprimento de onda. Pela defi-
nição da velocidade média: v = ∆S/∆t. Como
Refração – Um pulso passa de uma corda para
06. (Unifor−CE) Ondas estacionárias ocorrem
vm = v e ∆t = T , tem-se: v = λ/ T.
outra de diferente densidade linear. A refração,
nesse caso, é sempre acompanhada de reflexão em conseqüência de:
Equação Fundamental das Ondas – Como o no ponto de junção das cordas. O pulso refratado a) refração de ondas;
período é o inverso da freqüência, T = 1/f, vem: não sofre inversão de fase, mas o pulso refletido
λ λ pode ou não sofrer inversão, dependendo das
b) reflexão de ondas;
v = ––– ∴ v = ––– ∴ v= λ .f densidades das duas cordas, de acordo com as c) difração de ondas;
T 1/f d) polarização de ondas;
ilustrações abaixo:
Função de onda – Fornece a configuração da e) dispersão de ondas.
onda num dado instante t. Possui duas variáveis:
x (posição) e t (tempo):
07. (UFPI) Para que duas ondas sofram interfe-
rência destrutiva, com extinção total, elas
devem ter:
a) a mesma direção e fases opostas;
b) a mesma direção, a mesma freqüência, a
Aplicações mesma amplitude e fases opostas;
01. O ouvido humano é sensível a ondas mecâni- c) a mesma freqüência e fases opostas;
cas sonoras entre 20Hz e 20.000Hz, aproximada- Quando a densidade linear da primeira corda for d) a mesma amplitude e a mesma freqüência;
mente. Determine o maior e o menor comprimen- menor, o pulso refletido será invertido em relação e) a mesma direção, a mesma freqüência e
to de onda que sensibiliza o ouvido humano no ao pulso incidente. Isso ocorre porque o ponto
ar. A velocidade de propagação da onda sonora de junção entre as cordas funciona como um fases opostas.
no ar é 340m/s. ponto fixo. A energia do pulso incidente divide-se