Você está na página 1de 1

na concentração de um produto que já existe na

Geografia natureza. No efeito estufa, ocorre uma


concentração cada vez maior de gás carbônico.
Já na abertura de buraco na camada de ozônio,
Professor HABDEL Jafar dá-se o inverso. O lançamento dos gases
clorofluorcarbonos reduz a concentração de
ozônio, expondo todos nós a uma radiação solar
Aula 123 mais intensa e mais perigosa.
Dano ambiental também ocorre quando se intro-
A degradação do meio duz, num ecossistema, quaisquer substâncias,
ambiente embora naturais, mas que lhes são estranhas. O
petróleo é um produto natural. Mas, quando é
Princípio 1 despejado, por acidente, em qualquer lugar da
Os seres humanos estão no centro das preocupa- natureza, provoca uma agressão gravíssima aos 01. (G1) São as principais alterações ambientais
ções com o desenvolvimento sustentável. Têm ecossistemas afetados.
Há, ainda, o caso da introdução de produtos
causadas pelo ritmo frenético da urbaniza-
direito a uma vida saudável e produtiva, em har-
monia com a natureza. artificiais em algum ecossistema. Desde o ção e o aparecimento de novas megacida-
Princípio 2 advento da Revolução Industrial, o homem não des, nas últimas décadas, em países subde-
Os Estados, de conformidade com a Carta das parou de produzir substâncias e materiais senvolvidos:
Nações Unidas e com os princípios do Direito artificiais que acabam indo parar nos rios, solos a) geração de grandes volumes de resíduos
Internacional, têm o direito soberano de explorar ou lixões. Isso danifica o meio. Muitas vezes, o
estrago é tão extenso e profundo, que a área sólidos, poluição d'água e da atmosfera.
seus próprios recursos, segundo suas próprias
dificilmente se recupera. b) globalização e poluição atmosférica.
políticas de meio ambiente e desenvolvimento, e
a responsabilidade de assegurar que atividades Retirada da cobertura vegetal c) coleta seletiva de resíduos e investimentos no
sob sua jurisdição ou controle causem danos ao No planeta, as florestas tropicais e equatoriais comércio.
meio ambiente de outros Estados ou de áreas remanescentes são, em grande parte, responsá- d) minimização do déficit habitacional e coleta
além dos limites da jurisdição nacional. veis pelo equilíbrio ecológico. Elas são também o seletiva de resíduos.
(Declaração do Rio sobre meio ambiente e repositório de grande parte da biodiversidade
desenvolvimento – 1992 – e Índice da Agenda 21. IN: e) diminuição do nível de instrução da
existente. Atualmente, o avanço capitalista sobre
Santos, Celeste Leite dos. Crimes contra o meio as franjas sul e oriental da Amazônia Brasileira população e aumento do setor informal.
ambiente. Responsabilidade e sanção penal. p.194-195 coloca essa imensa área sob o risco de
anexo II. Ed. Juarez de Oliveira.São Paulo.2002). destruição. A agricultura, a mineração, a extração
02. (Cesgranrio) A industrialização européia teve
Desde que aprendeu a criar animais e a plantar, indiscriminada de madeira, as construções de como base energética o uso do carvão
o homem precisou modificar o ambiente que o hidrelétricas, as queimadas são as atividades mineral. Até hoje, mesmo com a ampliação
cercava. Alterar o ambiente para produzir alimen- humanas que mais contribuem para reduzir as do uso de petróleo, da energia hidrelétrica e
tos era necessário. A vida em comunidade, a áreas florestadas da Terra. das usinas nucleares, o carvão permanece
segurança contra as intempéries naturais, o Em função disso, tem-se a redução e até a
perigo de ataques de grandes animais ou a extinção da biodiversidade nos locais atingidos como importante fonte energética, principal-
invasão de povos inimigos obrigaram esse ser a por essas práticas. O aumento da temperatura, a mente nos países da Europa Oriental.
promover uma série de adaptações na paisagem diminuição da pluviosidade são exemplos das Ocorre, porém, que a queima do carvão
que o cercava. As civilizações buscam sempre conseqüências mais prováveis. Os rios podem mineral, em grandes quantidades, pode
explorar e intervir nos ambientes naturais visando ser assoreados por materiais trazidos pelas
a condições mais ideais, ao crescimento demo- enxurradas, que provocam cheias mais provocar o aumento do volume do óxido de
gráfico e ao bem-estar material. Os impactos acentuadas e a diminuição do tempo de enxofre na atmosfera e, com isso, o fenôme-
ambientais decorrentes da ação do homem permanência das águas na bacia hidrográfica. no do(da):
podem ocorrer em escalas local, regional e Os solos empobrecem em virtude da retirada da a) redução da ionosfera
global. vegetação. O rebaixamento do nível do lençol
b) vento geotrópico.
Na natureza, há recursos que são renováveis e os freático pela diminuição da infiltração compro-
que não se renovam. Com o desenvolvimento mete não só a vegetação local, mas também o c) rarefação do ar
tecnológico, parcelas cada vez maiores desses nível dos rios no período de estiagem. Com os d) formação do ozônio.
recursos estão sendo consumidas. A população, desmatamentos, acelera-se o processo de e) chuva ácida.
por outro lado, manteve crescimento sempre desertificação com conseqüências imprevisíveis
positivo, apesar dos momentos em que para o clima do planeta. 03. (UEG) A água da chuva é normalmente ácida.
ocorreram aumentos nas taxas de mortalidade A desertificação Porém a presença de poluentes no ar atmos-
(provocada pelas crises de fome ou ocorrência
Chamamos de desertificação “a degradação das férico (ácido sulfúrico, ácido clorídrico, trióxido
de pestes e guerras) e da tendência atual da
diminuição das taxas de natalidade. terras nas zonas áridas, semi-áridas e subúmidas de enxofre, dióxido de nitrogênio) torna a
Durante muito tempo, a regra básica da economia secas, resultante de fatores diversos como as água da chuva mais ácida ainda. Sobre esse
variações climáticas e as atividades humanas”.
era a obtenção de lucro a qualquer custo. Nesse
(Agenda 21 da Eco–92). fenômeno, é INCORRETO afirmar:
sentido, florestas inteiras desapareceram na a) As áreas mais afetadas pelas chuvas ácidas
Europa. Mudava-se o leito dos rios para adequá- A desertificação pode ser provocada pelo uso
los a alguma obra de engenharia. A construção intensivo do solo pela agricultura. Técnicas estão no Hemisfério Norte, principalmente nos
de barragens não levava em consideração o inapropriadas de irrigação e cultivo podem Estados Unidos, no Canadá e nos países
ecossistema fluvial, o tipo de solo das redondezas desencadear a perda irreversível de uma área. Os
europeus.
e a vegetação que seria inundada. desmatamentos são os grandes vilões quando o
tema é a abertura de processos de b) As indústrias na Alemanha, no Reino Unido e
A mineração abria profundas feridas no solo para
arrancar os minerais úteis ao avanço industrial. desertificação, pois quebram o frágil equilíbrio do na França emitem grande quantidade de
Os dejetos, resultantes do processo de lavagem ecossistema atingido. poluentes contribuindo para acidificar os
e separação dos minerais, eram lançados, sem a Na maioria das áreas desertificadas, verificam-se lagos da Escandinávia.
menor preocupação, nos rios, lagos naturais ou problemas ligados à fome, à desnutrição, ao
analfabetismo, à diminuição da renda e do con- c) No Brasil, esse fenômeno não ocorre de
crateras abertas no terreno. Animais foram
sumo nas áreas rurais. Mesmo que essas pesso- forma significativa em função do recente
caçados até o extermínio. Outros foram
apreendidos até o risco de desaparecimento. as migrem para as áreas urbanas, persiste, processo de industrialização e da
Tudo isso apenas para suprir os mercados com ainda, a pobreza, a desestruturação familiar, o desconcentração industrial.
suas peles, sua gordura, sua carne ou apenas desemprego e a falta de moradia. Como conse-
qüência, temos a destruição da biodiversidade, a d) As chuvas ácidas causam impactos também
para terem suas cabeças exibidas como troféus na cobertura vegetal; algumas florestas não
de caça nas salas de algum entediado milionário erosão dos solos, a formação e o avanço de
norte-americano. dunas. Por outro lado, reduzem-se os recursos estão resistindo a essa agressão, como é o
Rios, a exemplo do Tamisa (atravessa Londres), hídricos e as áreas cultiváveis. Aumenta-se o caso da Floresta Negra.
hoje recuperado, viraram verdadeiros repositó- desemprego e a estagnação econômica das
rios dos esgotos residenciais e industriais. Os áreas afetadas. 04. (Ufla) Sabe-se que as queimadas são
oceanos, por muito tempo, foram depósitos de A agricultura e o meio ambiente prejudiciais ao meio ambiente, com efeitos
lixo radioativo das potências nucleares. Os Produzir alimentos e matéria-prima para a indús- imediatos sobre o clima. Os efeitos
parques industriais lançavam toneladas de tria sempre foi a responsabilidade da agricultura e imediatos das queimadas são apontados
poluentes na atmosfera como se esses materiais da pecuária. Apesar disso, essas atividades
desaparecessem por encanto. nas alternativas a seguir, EXCETO:
podem provocar danos à natureza. A expansão da
Meio ambiente é o conjunto dos elementos e agricultura implica mudanças no meio original. O a) Aumento do "buraco" na camada de ozônio.
fatores físicos, químicos e biológicos, naturais e desmatamento, a preparação do solo (aragem) e b) Elevação da temperatura do ar.
artificiais, necessários à sobrevivência das espé- a introdução de fertilizantes e defensivos, quando c) Impossibilidade de a área devastada reter a
cies. Impacto ambiental é toda ação ou atividade não manipulados com o devido cuidado, mais
humana ou natural que provoque bruscas energia do sol e gerar fluxos ascendentes de ar.
prejudicam do que ajudam a humanidade. A pa-
alterações no meio ambiente. Podemos perceber dronização das culturas quebra a cadeia alimentar d) Não formação de chuvas.
que há dano ambiental quando ocorre alteração local, podendo provocar o desaparecimento de