Você está na página 1de 90

MÚTUA DE ASSISTÊNCIA DOS PROFISSIONAIS DO CREA Processo:SD.

0314-2020
Gerência Administrativa
Comissão Permanente de Licitação

EDITAL

Data de abertura das propostas:


Pregão Eletrônico nº 06/2021 07/04/2021 às 09h30 no sítio
www.licitacoes-e.com.br
Objeto
PLATAFORMA DE ASSINATURA ELETRÔNICA

Valor total estimado


R$ 1.967.333,33 (Um milhão, novecentos e sessenta e sete mil, trezentos e trinta e três reais
e trinta e três centavos);
Registro de Preços? Vistoria Instrumento Contratual Forma de
Adjudicação
NÃO NÃO NECESSITA CONTRATO POR VALOR
GLOBAL
DOCUMENTOS DE HABILITAÇÃO (VEJA SEÇÃO 14)*
Requisitos Básicos:
- Certidões de habilitação fiscal;
- Certidão Negativa de Débitos Trabalhistas (TST);
- Certidão de Falência e Concordata;
- Atestado(s) de Capacidade Técnica.

*O detalhamento dos documentos/requisitos de habilitação deve ser consultado na seção do


instrumento convocatório acima indicada.
Lic. Exclusiva ME/EPP? Reserv. Cota ME/EPP? Exige Amostra? Dec. nº
7.174/2010?
NÃO NÃO NÃO NÃO
Prazo para envio da proposta
Até 2 (duas) horas após a convocação realizada pelo pregoeiro.
Pedidos de Esclarecimentos Impugnações
Até 01/04/2021 para o endereço Até 01/04/2021 para o endereço
cpl@mutua.com.br cpl@mutua.com.br
Observações Gerais

1
SUMÁRIO

1. COMUNICAÇÃO E OBJETO ..................................................................................... 04

2. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES .............................................................................. 04

3. REALIZAÇÃO DO PREGÃO ..................................................................................... 04

4. PARTICIPAÇÃO ........................................................................................................ 05

5. ATRIBUIÇÕES DO PREGOEIRO ............................................................................. 05

6. CREDENCIAMENTO NO APLICATIVO LICITAÇÕES-E........................................... 06

7. DIREITOS DE PREFERÊNCIA ................................................................................. 07

8. PARTICIPAÇÃO NA SESSÃO PÚBLICA .................................................................. 07

9. DA APRESENTAÇÃO DAPROPOSTA E DOS DOCUMENTOS DE HABILITAÇÃO 08

10. ABERTURA DA SESSÃO PÚBLICA ......................................................................... 09

11. CLASSIFICAÇÃO DAS PROPOSTAS....................................................................... 09

12. FORMULAÇÃO DE LANCES .................................................................................... 09

13. NEGOCIAÇÃO .......................................................................................................... 10

14. HABILITAÇÃO ........................................................................................................... 10

15. ACEITABILIDADE DA PROPOSTA ........................................................................... 13

16. IMPUGNAÇÕES, QUESTIONAMENTOS E RECURSOS ......................................... 15

17. CONTRATO .............................................................................................................. 17

18. PAGAMENTOS ......................................................................................................... 18

19. FONTE DE RECURSOS ........................................................................................... 19

20. SANÇÕES ADMINISTRATIVAS ................................................................................ 19


21. DISPOSIÇÕES FINAIS ............................................................................................. 20

2
ANEXOS

I. TERMO DE REFERÊNCIA ............................................................................................ 23

II. MINUTA DA PROPOSTA DE PREÇOS .................................................................... 67

III. MINUTA DE ORDEM DE FORNECIMENTO ................................................................. 69

IV. TERMO DE RECEBIMENTO PROVISÓRIO................................................................. 71

V. TERMO DE RECEBIMENTO DEFINITIVO ............................................................................. 72

VI. TERMO DE CONFIDENCIALIDADE ...................................................................................... 73

VII. TERMO DE CONFIDENCIALIDADE PARA REPRESENTANTE LEGAL ............................. 74

VIII. MODELO DE DECLARAÇÃO QUE NÃO EMPREGA MENOR ............................................ 77

IX. MODELO DE DECLARAÇÃO DE ENQUADRAMENTO COMO


MICROEMPRESA OU EMPRESA DE PEQUENO PORTE ............................................... 78

X. MINUTA DE CONTRATO .............................................................................................. 79

3
1. COMUNICAÇÃO E OBJETO

1.1. A MÚTUA DE ASSISTÊNCIA DOS PROFISSIONAIS DO CREA, qualificada no item 1.2.,


comunica a realização de Licitação, na modalidade PREGÃO, na forma ELETRÔNICA, sendo
por MENOR VALOR GLOBAL, visando a CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA
NO FORNECIMENTO DE PLATAFORMA DE ASSINATURA ELETRÔNICA, COM OS
CÓDIGOS FONTES, DO TIPO AVANÇADA COM USO DE TECNOLOGIA DE BLOCOS
SELADOS POR CÓDIGOS CRIPTOGRÁFICOS EM CORRENTES DE REGISTRO
INVIOLÁVEIS (BLOCKCHAIN), COM SUPORTE E ATUALIZAÇÃO PELO PERÍODO DE 12
(DOZE) MESES, em conformidade com o que consta no processo administrativo n.º SD.0314-
2020 e de acordo com este edital e seus anexos.

1.2. Mútua de Assistência dos Profissionais da Engenharia, Arquitetura e Agronomia, inscrita


no CNPJ n.º 00.509.026/0001-60, localizada no Setor Hoteleiro Norte, Quadra 04, Bloco C –
Brasília/DF, CEP: 70.704-902, telefone: (61) 3348-0294.

1.3. Em havendo divergências entre as especificações deste objeto contidas no Sistema


Licitações-e e aquelas contidas no edital, prevalecerão as disposições do último.

2. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

2.1. O presente pregão eletrônico será realizado em sessão pública, por meio da utilização de
recursos de tecnologia da informação – INTERNET, mediante condições de segurança em
todas as suas fases e será regido pela Lei n.º 10.520/2002, subsidiariamente pela Lei n.º
8.666/1993, pelo Decreto n.º 10.024/2019, pela Lei Complementar n.º 123/2006, pelo Decreto
n.º 8.538/2015, pelo presente edital e por seus anexos.

2.2. O pregão será conduzido por um funcionário da Mútua, com capacitação, formalmente
designado, que se responsabilizará em processar e julgar o certame através da inserção e
monitoramento de dados gerados ou transferidos para o aplicativo licitacoes-e.

3. REALIZAÇÃO DO PREGÃO

3.1. O certame será realizado através do sítio www.licitacoes-e.com.br.

3.2. Recebimento das propostas de preços: até 07 de abril de 2021 às 9h00min;

3.3. Abertura das propostas de preços: 07 de abril de 2021 às 9h30min;

4
3.4. Início da disputa de preços: 07 de abril de 2021 às 10h00.

3.5. Todas as referências de tempo deste edital, no aviso e durante a sessão pública,
observarão obrigatoriamente o horário de Brasília/DF e, desta forma, serão registradas no
sistema eletrônico e na documentação relativa ao certame.

4. PARTICIPAÇÃO

4.1. Respeitadas as normas vigentes e as condições constantes neste edital e em seus


anexos, poderá participar desta licitação qualquer empresa legalmente estabelecida no País,
que pertença ao ramo de atividade pertinente ao objeto da contratação e que preencherem as
condições estabelecidas neste edital, exceto empresas:
4.1.1. Suspensas de licitar ou contratar com a Mútua ou com qualquer uma de suas
Caixas de Assistência;
4.1.2. Declaradas inidôneas para licitar ou contratar com a Administração Pública,
enquanto perdurarem os motivos determinantes da punição ou até que seja promovida
sua reabilitação;
4.1.3. Impedidas de licitar e contratar com a União, durante o prazo da sanção aplicada;
4.1.4. Declaradas inidôneas pela Mútua ou por qualquer uma de suas Caixas de
Assistência;
4.1.5. Em processo falimentar ou em liquidação ou dissolução judicial ou em concurso
de credores;
4.1.6. Integrantes de um mesmo grupo econômico, assim entendidas aquelas que
tenham diretores, sócios ou representantes legais comuns, ou que utilizem recursos
materiais, tecnológicos ou humanos em comum, exceto se demonstrado que não agem
representando interesse econômico em comum;
4.1.7. Cujos diretores, responsáveis legais ou técnicos, membros de conselho técnico,
consultivo, deliberativo, administrativo ou sócios, sejam empregados ou ocupantes de
cargo comissionado da Mútua ou de uma de suas Caixas de Assistência;
4.1.8. Cujos diretores, responsáveis legais ou técnicos, membros de conselho técnico,
consultivo, deliberativo ou administrativo ou sócios que pertençam, ainda que
parcialmente, à empresa do mesmo grupo que esteja participando desta licitação;
4.1.8.1. Caso constatado, ainda que posteriormente, tal situação, a empresa
licitante será inabilitada e/ou desclassificada, ficando esta e seus representantes
incursos nas sanções previstas no art. 90 da Lei n.º 8.666/1993.

5. ATRIBUIÇÕES DO PREGOEIRO E DA EQUIPE DE APOIO

5.1. O certame será conduzido pelo pregoeiro, que terá, em especial, as seguintes
atribuições, nos termos dispostos no artigo 17 do Decreto n.º 10.024/2019:
5
5.1.1. Conduzir a sessão pública;
5.1.2. Receber, examinar e decidir as impugnações e os pedidos de esclarecimentos ao
edital e aos anexos, além de poder requisitar subsídios formais aos responsáveis pela
elaboração desses documentos;
5.1.3. Verificar a conformidade da proposta em relação aos requisitos estabelecidos no
edital;
5.1.4. Coordenar a sessão pública e o envio de lances;
5.1.5. Verificar e julgar as condições de habilitação;
5.1.6. Sanear erros ou falhas que não alterem a substância das propostas, dos
documentos de habilitação e sua validade jurídica;
5.1.7. Receber, examinar e decidir os recursos e encaminhá-los à autoridade
competente quando mantiver sua decisão;
5.1.8. Indicar o vencedor do certame;
5.1.9. Adjudicar o objeto, quando não houver recurso;
5.1.11. Conduzir os trabalhos da equipe de apoio; e
5.1.12. Encaminhar o processo devidamente instruído à autoridade competente e propor
a sua homologação.
5.2. Caberá ainda ao Pregoeiro solicitar manifestação técnica da Gerência Jurídica ou de
outros setores da Mútua, a fim de subsidiar sua decisão.
5.3. Caberá a equipe de apoio auxiliar o pregoeiro nas etapas do processo licitatório.

6. CREDENCIAMENTO NO APLICATIVO LICITAÇÕES-E

6.1. A autoridade competente para autorizar os Pregões Eletrônicos, o pregoeiro, os membros


da equipe de apoio e os licitantes que participarem do pregão, na forma eletrônica, serão
previamente credenciados, perante o provedor do sistema eletrônico.

6.2. O credenciamento para acesso ao sistema ocorrerá pela atribuição de chave de


identificação e de senha pessoal e intransferível.

6.3. Caberá à autoridade competente do órgão ou da entidade promotora da licitação solicitar,


junto ao provedor do sistema, o seu credenciamento, o do pregoeiro e o dos membros da
equipe de apoio.

6.4. Para acesso ao sistema eletrônico, as licitantes deverão dispor de chaves de


identificação e senhas pessoais intransferíveis, as quais poderão ser obtidas nas Agências do
Banco do Brasil sediadas no País.

6.5. O credenciamento do representante legal da licitante junto ao sistema eletrônico implica a


responsabilidade legal pelos atos praticados e a presunção de capacidade técnica para
realização das transações inerentes ao pregão eletrônico.

6
7. DIREITOS DE PREFERÊNCIA

7.1. Para processamento deste certame serão observadas as disposições contidas na Lei
Complementar n.º 123, de 14 de dezembro de 2006 e no Decreto n.º 8.538 de 06 de outubro
de 2017, ou seja, será aplicada a preferência de contratação para as microempresas e
empresas de pequeno porte.

7.2. Ocorrerá empate naquelas situações em que as propostas de preços apresentadas pelas
microempresas e empresas de pequeno porte sejam iguais ou até 5% (cinco por cento)
superiores da proposta mais bem classificada apresentada por empresa não qualificada como
micro ou de pequeno porte.

8. PARTICIPAÇÃO NA SESSÃO PÚBLICA

8.1. A participação da licitante no pregão eletrônico se dará por meio da digitação da senha
pessoal e intransferível do representante credenciado e subsequente encaminhamento da
proposta de preços, exclusivamente por meio do sistema eletrônico, observados data e
horário limite estabelecidos no título 3 deste ato convocatório.
8.1.1. A inserção dos dados para acesso ao certame deverá ser feita na página inicial do
sítio www.licitacoes-e.com.br, na opção "Acesso Identificado".

8.2. A licitante será responsável por todas as transações que forem efetuadas em seu nome
no sistema eletrônico, declarando e assumindo como firmes e verdadeiras suas propostas e
lances, inclusive os atos praticados diretamente ou por seu representante, cabendo
exclusivamente a ela a responsabilidade por eventuais danos decorrentes de uso indevido da
senha, ainda que por terceiros.

8.3. Caberá à licitante acompanhar as operações no sistema eletrônico durante a sessão


pública do pregão, ficando responsável pelo ônus decorrente da perda de negócios diante da
inobservância de quaisquer mensagens emitidas pelo sistema ou de sua desconexão.
8.4. O encaminhamento da proposta pressupõe o conhecimento e atendimento às exigências
de habilitação previstas no edital.
8.4.1. A licitante declarará no sistema, antes de registrar sua proposta, que cumpre
plenamente os requisitos de habilitação exigidos neste edital, sujeitando-se, na hipótese
de declaração falsa, às sanções administrativas previstas neste edital e às sanções
legais.

8.5. Da sessão pública lavrar-se-á ata circunstanciada, na qual serão registradas as


ocorrências relevantes e que será divulgada eletronicamente no sistema.

7
8.6. É facultada ao pregoeiro, em qualquer fase do pregão, a promoção de diligência
destinada a dirimir eventuais dúvidas ou certificar-se da autenticidade de documentos ou da
exatidão de dados neles constantes, de modo a permitir a adequada instrução do processo.
8.6.1. Fica vedada à licitante, no entanto, a inclusão posterior de documento ou
informação que deveria constar originalmente na proposta de preços ou na
documentação de habilitação.

9. DA APRESENTAÇÃO DA PROPOSTA E DOS DOCUMENTOS DE HABILITAÇÃO

9.1. A licitante deverá encaminhar proposta, concomitantemente com os documentos de


habilitação exigidos neste Edital, exclusivamente por meio do sistema eletrônico, até a data e
horário marcados para o envio destes, quando então encerrar-se-á automaticamente a fase
de recebimento.
9.1.1. A licitante deverá consignar, na forma expressa no sistema eletrônico, o valor
global da proposta, já considerados e inclusos todos os tributos, fretes, tarifas e
demais despesas decorrentes da execução do objeto.
9.1.2. A licitante deverá declarar, em campo próprio do Sistema, que atende aos
requisitos do art. 3º da LC nº 123/2006, para fazer jus aos benefícios previstos nessa lei.
9.1.3 A declaração falsa relativa ao cumprimento dos requisitos de habilitação, à
conformidade da proposta ou ao enquadramento como microempresa ou empresa de
pequeno porte sujeitará a licitante às sanções previstas neste Edital.

9.2. As propostas ficarão disponíveis no sistema eletrônico.

9.2.1. Qualquer elemento que possa identificar a licitante importa desclassificação da


proposta, sem prejuízo das sanções previstas nesse Edital.
9.2.2. Até que se se a fase de recebimento da proposta e da documentação de
habilitação, a licitante poderá retirar ou substituir os mesmos.
9.2.3. O Pregoeiro deverá suspender a sessão pública do Pregão quando constatar
que a avaliação da conformidade das propostas, de que trata o art. 28 do Decreto n.º
10.024/2019, irá perdurar por mais de um dia.
9.2.3.1. Após a suspensão da sessão pública, o Pregoeiro enviará, via chat,
mensagens às licitantes informando a data e o horário previstos para o início da
oferta de lances.
9.3. As propostas terão validade de 60 (sessenta) dias, contados da data de abertura da
sessão pública estabelecida no preâmbulo deste Edital.

9.3.1. Decorrido o prazo de validade das propostas, sem convocação para


contratação, ficam as licitantes liberadas dos compromissos assumidos.

8
10. ABERTURA DA SESSÃO PÚBLICA

10.1. A abertura da sessão pública deste Pregão, conduzida pelo Pregoeiro, ocorrerá na
data e na hora indicadas no preâmbulo deste Edital, no sítio www.licitacoes-e.com.br.
10.2. Durante a sessão pública, a comunicação entre o Pregoeiro e as licitantes ocorrerá
exclusivamente mediante troca de mensagens, em campo próprio do sistema eletrônico.
10.3. Cabe à licitante acompanhar as operações no sistema eletrônico durante a sessão
pública do Pregão, ficando responsável pelo ônus decorrente da perda de negócios diante da
inobservância de qualquer mensagem emitida pelo sistema ou de sua desconexão.

11. CLASSIFICAÇÃO DAS PROPOSTAS

11.1. O Pregoeiro verificará as propostas apresentadas e desclassificará, motivadamente,


aquelas que não estejam em conformidade com os requisitos estabelecidos neste Edital.
11.2. Somente as licitantes com propostas classificadas participarão da fase de lances.

12. FORMULAÇÃO DE LANCES

12.1. Aberta a etapa competitiva, as licitantes classificadas poderão encaminhar lances


sucessivos, exclusivamente por meio do sistema eletrônico, sendo imediatamente
informadas do horário e valor consignados no registro de cada lance.
12.2. A licitante somente poderá oferecer lance inferior ao último por ela ofertado e
registrado no sistema.
12.3. Durante o transcurso da sessão, as licitantes serão informadas, em tempo real, do
valor do menor lance registrado, mantendo-se em sigilo a identificação da ofertante.
12.4. Em caso de empate, prevalecerá o lance recebido e registrado primeiro.
12.5. Os lances apresentados e levados em consideração para efeito de julgamento serão
de exclusiva e total responsabilidade da licitante, não lhe cabendo o direito de pleitear
qualquer alteração.
12.6. Durante a fase de lances, o Pregoeiro poderá excluir, justificadamente, lance cujo
valor seja manifestamente inexequível.
12.7. Se ocorrer a desconexão do Pregoeiro no decorrer da etapa de lances, e o sistema
eletrônico permanecer acessível às licitantes, os lances continuarão sendo recebidos, sem
prejuízo dos atos realizados.
12.8. No caso de a desconexão do Pregoeiro persistir por tempo superior a 10 (dez)
minutos, a sessão pública do Pregão será suspensa e reiniciada somente decorridas vinte e
quatro horas após a comunicação expressa do fato aos participantes no sítio www.licitacoes-
e.com.br.
9
12.9. Neste Pregão o modo de disputa adotado é o aberto, assim definido no inciso I art.
31º do Decreto n.º 10.024/2019.

12.9.1. A etapa de lances na sessão pública durará 10 (dez) minutos, e após isso, será
prorrogada automaticamente pelo sistema eletrônico quando houver lance ofertado nos
últimos (dois) minutos do período de duração da sessão pública.
12.9.2. O intervalo de diferença entre os lances deverá ser de, no mínimo, (cinquenta
reais), tanto em relação aos lances intermediários, quanto em relação do lance que
cobrir a melhor oferta.

13. NEGOCIAÇÃO

13.1. O Pregoeiro deverá encaminhar, pelo sistema eletrônico, contraproposta à licitante


que tenha apresentado o melhor preço, para que seja obtida melhor proposta, vedada a
negociação em condições diferentes das previstas neste Edital.

13.1.1. A negociação será realizada por meio do sistema, podendo ser acompanhada
pelas demais licitantes.
13.1.2. A licitante deverá, após solicitação do pregoeiro, encaminhar em no máximo
2h30 minutos, enviar a proposta, adequada ao último lance ofertado após a negociação.
13.1.2.1. Caso seja necessário o Pregoeiro solicitará documentos complementares.

14. HABILITAÇÃO

14.1. Os documentos de habilitação deverão ser encaminhados, concomitantemente com a


proposta, exclusivamente por meio do sistema eletrônico, até a data e horário marcados para
a abertura da sessão pública.
14.1.2. A documentação apresentada para fins de habilitação integrará os autos do
processo de licitação e não será devolvida à licitante.
14.1.2. Não serão aceitos documentos cujas datas estejam ilegíveis ou rasuradas;
14.1.3. O pregoeiro reserva-se o direito de solicitar o original de qualquer documento,
sempre que houver dúvida e/ou julgar necessário, o qual deverá ser remetido para o
endereço cpl@mutua.com.br, no prazo máximo de 24 (vinte e quatro) horas.

14.3. Sob pena de inabilitação, todos os documentos apresentados deverão estar em nome
da licitante, com número do CNPJ e, preferencialmente, com o endereço respectivo:
14.3.1. Se a licitante for a matriz, todos os documentos deverão estar em nome da
matriz; ou;
14.3.2. Se a licitante for a filial, todos os documentos deverão estar em nome da filial,
exceto aqueles documentos que, pela própria natureza, comprovadamente, forem

10
emitidos somente em nome da matriz e os atestados de capacidade técnica que podem
ser apresentados em nome e CNPJ da matriz e/ou em nome e CNPJ da filial.

14.4. A licitante deverá apresentar os seguintes documentos de habilitação:


14.4.1. A habilitação jurídica será comprovada mediante a apresentação da seguinte
documentação:
14.4.1.1. Ato constitutivo, estatuto ou contrato social em vigor ou sua última
alteração e respectiva consolidação, devidamente registrados na Junta Comercial,
em se tratando de sociedades empresariais;
14.4.1.2. Ato constitutivo devidamente registrado no Registro Civil de Pessoas
Jurídicas tratando-se de sociedade não empresária, acompanhado de prova da
diretoria em exercício;
14.4.1.3. Registro comercial na Junta Comercial, para empresários individuais.

14.4.2. A regularidade fiscal e trabalhista será comprovada mediante a apresentação


da seguinte documentação:
14.4.2.1. Comprovante de inscrição e de situação cadastral no CNPJ (Cadastro
Nacional de Pessoa Jurídica) que demonstre estar a licitante regularmente inscrita
e com situação cadastral ativa;
14.4.2.2. Certidão conjunta negativa ou positiva com efeitos de negativa, de
débitos relativos aos tributos federais e à dívida ativa da União, abrangendo as
contribuições previdenciárias e às de terceiros visando a comprovação de
regularidade relativa à Seguridade Social;
14.4.2.3. Certidões negativas ou positivas com efeitos de negativas, de débitos
relativos às Fazendas Estadual ou Distrital e Municipal da licitante;
14.4.2.4. Certificado de regularidade do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de
Serviço) visando à demonstração de que a licitante se encontra em situação
regular no cumprimento dos encargos sociais instituídos por lei.
14.4.2.5. Certidão negativa ou positiva com efeitos de negativa de débitos
trabalhistas inadimplidos perante a Justiça do Trabalho, nos termos do que dispõe
a Lei n.º 12.440, de 07 de julho de 2011.
14.4.2.6. Os documentos que comprovam a regularidade fiscal e trabalhista da
licitante, quando disponíveis gratuitamente em sítios oficiais, poderão ser emitidos
pelo pregoeiro durante a sessão pública do pregão.
a) Ressaltamos, desde já, que a Mútua não se responsabilizará pela eventual
indisponibilidade dos meios eletrônicos, no momento da verificação.
Ocorrendo essa indisponibilidade e não sendo apresentados os documentos
alcançados pela verificação, a licitante será declarada inabilitada.

11
14.4.3. A regularidade fiscal das microempresas e das empresas de pequeno porte
será comprovada mediante a apresentação de toda documentação exigida nos subitens
14.4.2.2 a 14.4.2.5, ainda que esta apresente alguma restrição.
14.4.3.1. Sendo declarada vencedora do certame microempresa ou empresa de
pequeno porte que tenha apresentado a documentação relativa à regularidade
fiscal contendo alguma restrição, esta contará com o prazo máximo de 05 (cinco)
dias úteis, a partir do momento em que a licitante for declarada vencedora,
prorrogáveis por igual período a critério desta Mútua, para regularizar e
reapresentar para o pregoeiro a referida documentação;
a) A não apresentação da documentação devidamente regularizada
acarretará para a licitante declarada vencedora a decadência do direito à
adjudicação, bem como, a aplicação das sanções administrativas previstas
no item 22.1. deste ato convocatório, podendo o pregoeiro convocar as
licitantes remanescentes, na ordem de classificação, para verificar a
possibilidade de adjudicação do objeto licitado.

14.4.4. A habilitação econômico-financeira será comprovada mediante a


apresentação da seguinte documentação:
14.4.4.1. Certidão Negativa de falência ou de recuperação judicial expedida
pelo distribuidor da sede da pessoa jurídica ou de execução patrimonial,
expedida no domicílio da pessoa física, emitida em até 60 (sessenta) dias
corridos antes da data de apresentação dos documentos de habilitação ou com
vigência expressa na certidão. Em caso de datas distintas prevalece esta última
(quanto à vigência expressa).

14.4.5. A qualificação técnica será comprovada mediante a apresentação da seguinte


documentação:
14.4.5.1. No mínimo 01 (um) atestado de capacidade técnica, expedido por
pessoa jurídica de direito público ou privado, comprovando que a licitante
executou ou esteja executando serviços compatíveis com as parcelas de maior
relevância e características técnicas conforme objeto.
14.4.5.2. Os atestados deverão referir-se a serviços prestados no âmbito de sua
atividade econômica principal ou secundária especificadas no contrato social
vigente.
14.4.5.3. O licitante disponibilizará todas as informações necessárias à
comprovação da legitimidade dos atestados apresentados, apresentando,
dentre outros documentos, cópia do contrato que deu suporte à contratação,
endereço atual da contratante e local em que foram prestados os serviços,
consoante o disposto no item 10.10 do Anexo VII-A da IN SEGES/MP nº
5/2017.

12
14.4.5.2. Apresentar declaração do fabricante da solução de gestão de
assinatura, comprovando que a licitante esta credenciada para fornecer, instalar
e prestar suporte a seus produtos;

14.5. Declaração objetiva, assinada por sócio(s) administrador(es), por pessoa devidamente
autorizada ou que tenha poderes outorgados para fazê-lo, de que a licitante encontra-se
cumprindo o disposto no inciso XXXIII, do artigo 7o da Constituição Federal e na Lei n.º 9.854,
de 27 de outubro de 1999, conforme modelo apresentado no anexo VIII deste edital.

14.6. Declaração objetiva, assinada por sócio(s) administrador(es), por pessoa devidamente
autorizada ou que tenha poderes outorgados para fazê-lo, de que a licitante se enquadra nos
direitos à preferência de contratação, nos moldes do anexo IX– Declaração de
enquadramento como microempresa ou empresa de pequeno porte.

14.7. Constatado o atendimento às exigências fixadas no edital, a licitante será declarada


vencedora e, não havendo manifestação quanto à intenção da interposição de recursos, o
objeto será adjudicado ao autor da proposta ou lance de menor preço.

15. ACEITABILIDADE DA PROPOSTA

15.1 Após 2 (duas) horas da convocação do Pregoeiro, a proposta de preços, a ser


apresentada pela licitante mais bem classificada e em conformidade com o anexo II deste
edital, deverá ser remetida, exclusivamente no sistema, devidamente datada e assinada
pelo representante da licitante e deverá conter as seguintes informações e documentos:
15.1.1. Indicação do representante para assinatura do instrumento contratual;
15.1.1.1. Em sendo a proposta de preços omissa no que tange ao que dispõe este
subitem, serão considerados os representantes indicados por força de ato
constitutivo, estatuto ou contrato social em vigor ou sua última alteração e/ou por
força de instrumento de procuração.
15.1.2. O prazo de validade da proposta de preços, não inferior a 60 (sessenta) dias
contados da data de abertura da sessão pública deste pregão.
15.1.3. Apresentação do valor mensal do item e do valor global.
15.1.3.1. Todos os valores deverão ser expressos em Real (R$), em algarismos e
o global por extenso;
15.1.3.2. A fase de lances da presente licitação será processada pelo VALOR
GLOBAL da contratação.
15.1.4. Declaração objetiva, assinada por sócio(s) administrador(es), por pessoa
devidamente autorizada ou que tenha poderes para fazê-lo, de que:

13
15.1.4.1. Nos valores a serem cobrados para a prestação dos serviços estão
incluídos todos os custos e demais despesas referentes aos encargos da
legislação social trabalhista, previdenciária, da infortunística do trabalho e
responsabilidade civil por qualquer dano causado a terceiros, dispêndios
resultantes de impostos, bem como o que mais for necessário ao perfeito
cumprimento do objeto deste edital;
15.1.4.2. Cumprirá com todas as condições e exigências constantes no edital e em
seus anexos, principalmente no que se refere aos prazos e obrigações.

15.2. Declarações falsas, independentemente do objeto declarado, sujeitarão a licitante às


sanções administrativas previstas neste ato convocatório.

15.3. Caso os prazos de que tratam os subitens anteriores não estejam expressamente
indicados na proposta de preços da licitante, esses serão considerados como aceitos.

15.4. Em nenhuma hipótese o conteúdo da proposta poderá ser alterado, seja com relação ao
prazo, valor proposto ou qualquer outra condição que importe modificação dos seus termos
originais, ressalvadas aquelas destinadas a sanar apenas falhas formais, alterações essas
que serão analisadas pelo pregoeiro.
15.4.1. Serão corrigidos automaticamente pelo pregoeiro quaisquer erros de soma e/ou
multiplicação, bem como as divergências que porventura ocorrerem entre o preço
escrito em algarismos e o expresso por extenso (dos quais prevalecerá o mais
vantajoso), propostos para prestação dos serviços pretendidos;
15.4.2. A falta de data e/ou rubrica da proposta somente poderá ser suprida pelo
representante da licitante que tenha poderes para esse fim, sendo desclassificada a
participante que não satisfizer tal exigência; e
15.4.3. A falta do CNPJ e/ou endereço completo poderá, também, ser suprida com
aqueles constantes dos documentos de habilitação.

15.5. A proposta de preços não poderá conter emendas, entrelinhas ou rasuras que
comprometam a sua essência, e deverá ser digitada em papel timbrado, ou equivalente, da
licitante, que contenha o número do CNPJ/MF.

15.6. Admitem-se como valores máximos para a presente contratação os seguintes:

ITEM DESCRIÇÃO VALORES

Aquisição de software de assinatura digital e eletrônica


1 611.666,67
de documentos eletrônicos – software com código fonte

14
Serviço de implantação e configuração da solução de
2 74.166,67
assinatura digital de documentos eletrônicos

3 Serviços de repasse de conhecimento treinamento 4.833,33

Serviço de manutenção, suporte técnico, garantia e


4 atualização tecnológica da plataforma do documento 127.333,33
eletrônico seguro

Serviço de especializado em customização da


5 1.149.333,33
plataforma do documento eletrônico seguro.

15.6.1. Admite-se como valor total da contratação a importância de R$ 1.967.333,33


(hum milhão, novecentos e sessenta e sete mil, trezentos e trinta e três reais e trinta e
três centavos);
15.6.2. No ajuste da planilha nenhum dos valores poderá ficar com os unitários acima do
estimado;
15.6.3. O estabelecimento dos valores unitários estimativos teve como base pesquisas
realizadas junto ao mercado competente;

16. IMPUGNAÇÕES, QUESTIONAMENTOS E RECURSOS

16.1. As impugnações aos termos e exigências formuladas neste edital e em seus anexos
deverão ser dirigidas para o pregoeiro através do sistema Licitacoes-e e através do e-mail
cpl@mutua.com.br em até 03 (três) dias úteis antecedentes à data fixada no item 3.4 deste
edital.
16.1.1. Apresentada impugnação, a mesma será respondida através de decisão lavrada
pelo pregoeiro, dando-se ciência ao interessado por meio do sistema Licitações-e e por
e-mail.
16.1.2. Acolhida a impugnação contra o edital, será definida e publicada nova data para
realização do certame.
16.1.2.1. O resumo do edital alterado com as razões acolhidas em grau de
impugnação será publicado nos mesmos veículos de comunicação em que se deu
a divulgação do texto original.

16.2. Os questionamentos aos termos e exigências formuladas neste edital e em seus anexos
deverão ser dirigidos ao pregoeiro e poderão ser encaminhados para o e-mail
cpl@mutua.com.br, em até 03 (três) dias úteis antecedentes à data de abertura da sessão
pública deste pregão.

15
16.2.1. Recebido o questionamento, o mesmo será respondido ao interessado e aos
demais adquirentes do ato convocatório por meio do sistema licitacoes-e e por e-mail.

16.3. Encerrada a etapa de lances (competitiva) e a análise dos documentos de habilitação,


as licitantes deverão consultar regularmente o sistema para verificar se foi declarado o
vencedor e se está aberta a opção para interposição de recurso. A partir da liberação, as
licitantes deverão manifestar a intenção de recorrer, no prazo máximo de 2 (duas) horas, de
forma motivada e com o registro da síntese de suas razões em campo próprio do sistema.
16.3.1. Registrada a síntese das razões de recurso, e desde que aceita pelo pregoeiro,
as licitantes deverão encaminhá-lo para o endereço Setor Hoteleiro Norte, Quadra 04,
Bloco C – Brasília/DF, CEP: 70704-902, aos cuidados da Comissão Permanente de
Licitações, em um prazo de 03 (três) dias úteis, ficando as demais licitantes, desde logo,
intimadas a apresentarem contrarrazões em igual número de dias, que começarão a
contar do término do prazo da recorrente, sendo-lhes assegurada vista imediata do
processo;
16.3.2. A falta de manifestação, imediata e motivada, de qualquer licitante quanto à
intenção de recorrer, importará na decadência do direito e na consequente adjudicação
pelo pregoeiro do objeto da licitação à vencedora;
16.3.2.1. O pregoeiro poderá reconsiderar a sua decisão, fato este que importará
apenas na invalidação dos atos insuscetíveis de aproveitamento ou, se assim não
fizer, submetê-lo à apreciação da autoridade superior, devidamente instruído, para
que dele se digne conhecer, em última instância, no sentido de dar-lhe(s) ou não
provimento.
16.3.3. O recurso contra decisão do pregoeiro não terá efeito suspensivo;
16.3.4. O acolhimento do recurso importará a invalidação apenas dos atos insuscetíveis
de aproveitamento;
16.3.5. Decidido(s) o(s) recurso(s) e constatada a regularidade dos atos procedimentais,
a autoridade superior homologará os atos licitatórios e adjudicará o objeto à(s)
licitante(s) vencedora(s).

16.4. O processo administrativo desta licitação permanecerá com vista franqueada aos
interessados na Sede da Mútua, localizada no Setor Hoteleiro Norte, Quadra 04, Bloco C –
Brasília/DF, CEP: 70704-902, durante o horário normal de expediente.

16.5. Não serão conhecidas as impugnações e os recursos apresentados fora do prazo legal
e/ou subscritos por representante não habilitado legalmente ou não identificado no processo
para responder pela licitante.

16.6. A alegação de preço inexequível por parte de um dos licitantes com relação à proposta
de preços apresentada por outros licitantes deverá ser devidamente comprovada, sob pena
de não conhecimento do recurso interposto.

16
16.7. Na contagem dos prazos estabelecidos neste edital, excluir-se-á o dia de início e incluir-
se-á o do vencimento.

17. CONTRATO

17.1. Homologada a presente licitação, a licitante adjudicatária será convocada a comparecer


no endereço citado no subitem 1.2. deste ato convocatório para retirar, em um prazo de 03
(três) dias úteis, o instrumento contratual para assinatura e reconhecimento de firma.
17.1.1. Findo o prazo acima poderá haver uma prorrogação por igual período, desde
que justificado pela contratada e aceito pela Mútua A recusa injustificada da
adjudicatária em retirá-lo acarretará a aplicação das sanções previstas no art. 81 da Lei
nº 8.666/1993.
17.1.2. As 02 (duas) vias do instrumento contratual referenciado no subitem 18.1.
deverão ser devolvidas, devidamente assinadas e com as firmas reconhecidas, em um
prazo máximo de 05 (cinco) dias consecutivos contados da data de retirada.

17.2. O contrato poderá ser cancelado, de acordo com o disposto no art. 78 da Lei nº
8.666/1993, independente de interpelação judicial ou extrajudicial, sem que seja devida
indenização de qualquer espécie à contratada.

17.3. Além das cláusulas obrigatórias que devem constar em todo contrato administrativo, são
cláusulas necessárias para a presente contratação:
17.3.1. O prazo de vigência contratual que será de 12 (doze) meses a contar da data de
assinatura do contrato;
17.3.2. As obrigações da contratante e da contratada, conforme estabelece o anexo I –
termo de referência – deste edital;
17.3.3. Que o contrato conterá todas as sanções administrativas previstas no artigo 7º
da Lei nº 10.520/2002 como forma de aplicação de penalidades ao inadimplemento;
17.3.4. Que é vedada a transferência a outrem, por qualquer forma ou natureza, da
responsabilidade pela execução do objeto do contrato;
17.3.5. Que o(a) executor(a) do contrato será o(a) Gerente Administrativo que designará
um(a) colaborador para se responsabilizar pelo acompanhamento e fiscalização da
execução contratual, viabilizando sua operacionalização.

17.4. O contrato poderá ser alterado, com as devidas justificativas, nas hipóteses elencadas
no art. 65 da Lei nº 8.666/93.
17.4.1. A contratada fica obrigada a aceitar, nas mesmas condições contratuais, os
acréscimos ou supressões que se fizerem nos quantitativos ajustados dos serviços, até
25% (vinte e cinco por cento) do valor inicial atualizado do contrato;
17
17.4.2. Nenhum acréscimo ou supressão poderá exceder o limite estabelecido acima,
salvo as supressões resultantes de acordo celebrado entre as partes.

20. PAGAMENTO

20.1. A remuneração será em função das OS executadas/concluídas, no mês de sua


conclusão, salvo autorização expressa do Gestor do Contrato ou negociação prévia
estabelecida na própria OS, levando-se em conta as entregas (serviços) efetivamente
feitas e qualidade.

20.2. Mensalmente, a CONTRATADA apresentará, para ateste, o relatório de serviços


aceitos contendo a lista de todas as Ordens de Serviços aceitas, apurados dentro do ciclo
de execução definido. A apresentação do relatório deverá ocorrer até o (10) décimo dia do
mês subsequente ao mês de apuração.

20.3. O ateste do Gestor do Contrato na CONTRATANTE consistirá no envio da


”Autorização para Faturamento" a CONTRATADA, contendo referência ao ”Relatório de
Ordens de Serviço Aceitas — termo definitivo" do mês em questão, o quantitativo de
Ordens de Serviço aceitas neste período e autorizando o faturamento do somatório,
referentes às Ordens de Serviços aceitas, bem como o valor líquido para o pagamento
mensal referente a sustentação dos serviços.

20.4. O ateste do Fiscal do Contrato na CONTRATANTE para o envio da “Autorização


para Faturamento" a CONTRATADA deverá ocorrer em até 3 (três) dias úteis.

20.5. Após o ateste do Fiscal do Contrato na CONTRATANTE, a CONTRATADA emitirá


em até 3 (três) dias úteis nota fiscal/fatura no valor correspondente ao somatório de todas
as Ordens de Serviço aceitas no período de referência, devidamente convertidos para
Reais (R$), encaminhando a referida nota fiscal/fatura à CONTRATANTE, para ateste e
pagamento. Sobre este valor poderão incidir as sanções previstas neste Termo de
Referência.

18
20.6. Ressalta-se a eventualidade da aplicação de sanções (glosas e/ou multas) em
decorrência das disposições previstas deste TERMO DE REFERÊNCIA.

20.7. A Nota Fiscal ou Fatura deverá, obrigatoriamente, ser acompanhada Comprovação


de Regularidade Fiscal Fazenda Municipal e Estadual, Comprovação de Regularidade
Fiscal Federal, Certidão Negativa de Débitos Trabalhistas — CNDT, Certidão Negativa do
FGTS (CRF), SICAF.

20.8. A retenção ou glosa no pagamento, sem prejuízo das sanções cabíveis, ocorrerá
quando a CONTRATADA:
a) Não produzir os resultados, deixar de executar, ou não executar com a qualidade
mínima exigida para o objeto contratado;
b) Deixar de utilizar materiais e recursos humanos exigidos para a execução
contratual, ou utilizá-Ios com qualidade inferior à exigida neste Termo de Referência.

21. FONTE DE RECURSOS

21.1. As despesas decorrentes deste certame correrão a conta dos recursos consignados nas
Rubricas n° 18.036 – aquisição de software; 42.069 – prestação de serviços; 42.127 –
prestação de serviços; e 42.052 – prestação de serviços.

22. SANÇÕES ADMINISTRATIVAS

22.1. Comete infração administrativa, nos termos da Lei nº 10.520, de 2002, o


licitante/adjudicatário que:

22.1.1. não assinar a ata de registro de preços ou aceitar/retirar o instrumento


equivalente, quando convocado dentro do prazo de validade da proposta;

22.1.2. apresentar documentação falsa;

22.1.3. deixar de entregar os documentos exigidos no certame;

22.1.4. ensejar o retardamento da execução do objeto;

22.1.5. não mantiver a proposta;

22.1.6. cometer fraude fiscal;

19
22.1.7. comportar-se de modo inidôneo;

22.2. Considera-se comportamento inidôneo, entre outros, a declaração falsa quanto às


condições de participação, quanto ao enquadramento como ME/EPP ou o conluio entre os
licitantes, em qualquer momento da licitação, mesmo após o encerramento da fase de lances.

22.3. O licitante que cometer qualquer das infrações discriminadas nos subitens anteriores
ficará sujeito, sem prejuízo da responsabilidade civil e criminal, às seguintes sanções:

22.3.1. Advertência por faltas leves, assim entendidas como aquelas que não
acarretarem prejuízos significativos ao objeto da contratação;

22.3.2. Multa de até 10 % (dez por cento) sobre o valor estimado do(s) item(s)
prejudicado(s) pela conduta do licitante;

22.3.3. Suspensão de licitar e impedimento de contratar com o órgão, entidade ou


unidade administrativa pela qual a Administração Pública opera e atua concretamente,
pelo prazo de até dois anos;

22.4. A penalidade de multa pode ser aplicada cumulativamente com as demais sanções.

22.5. Caso o valor da multa não seja suficiente para cobrir os prejuízos causados pela
conduta do licitante, a Mútua poderá cobrar o valor remanescente judicialmente, conforme
artigo 419 do Código Civil.

22.6. A aplicação de qualquer das penalidades previstas realizar-se-á em processo


administrativo que assegurará o contraditório e a ampla defesa ao licitante/adjudicatário,
observando-se o procedimento previsto na Lei nº 8.666, de 1993, e subsidiariamente na Lei
nº 9.784, de 1999.

22.7. A autoridade competente, na aplicação das sanções, levará em consideração a


gravidade da conduta do infrator, o caráter educativo da pena, bem como o dano causado à
Administração, observado o princípio da proporcionalidade.

22.8. As sanções por atos praticados no decorrer da contratação estão previstas na minuta de
contrato.

22.10. A multa deverá ser recolhida no prazo máximo de 10 (dez) dias corridos, a contar da
data do recebimento da comunicação enviada pela Mútua.

23. DISPOSIÇÕES FINAIS

23.1. Integram este edital:


23.1.1. Termo de referência;
23.1.2. Minuta da proposta de preços;
23.1.3. Minuta de ordem de fornecimento;
23.1.4. Termo de recebimento provisório;
23.1.5. Termo de recebimento definitivo;
20
23.1.6. Termo de confidencialidade;
23.1.7. Termo de confidencialidade para representante legal;
23.1.8. Modelo de declaração que não emprega menor;
23.1.9. Modelo de declaração de enquadramento como Microempresa ou empresa de
pequeno porte; e
23.1.10. Minuta de contrato.

23.2. Todos os atos licitatórios serão registrados e documentados no processo administrativo


n.º SD.0314-2020, referente a presente licitação.

23.3. As licitantes deverão examinar detidamente as disposições contidas neste edital e em


seus anexos, pois a simples apresentação da proposta de preços e da documentação de
habilitação submete a licitante à aceitação incondicional de seus termos, bem como,
representa o conhecimento integral do objeto em licitação, não sendo aceita alegação de
desconhecimento de qualquer pormenor.
23.3.1. No caso de eventual divergência entre o edital e seus anexos, prevalecerão as
disposições do primeiro.
23.4. A Mútua reserva-se o direito de revogar a presente licitação por razões de interesse
público, ou anulá-la, no todo ou em parte, por vício ou ilegalidade, bem como, reserva-se o
direito de prorrogar o prazo para recebimento e/ou abertura da proposta de preços e da
documentação de habilitação, nos termos da legislação vigente.
23.4.1. O documento, expondo e motivando a revogação ou a anulação e a publicação
do correspondente ato, ficarão arquivados no processo da licitação.

23.5. As normas que disciplinam este pregão serão sempre interpretadas em favor da
ampliação da disputa entre os interessados, sem comprometimento da segurança da
prestação dos serviços.

23.6. Eventuais omissões do presente edital serão resolvidas pelo pregoeiro, com base nas
normas jurídicas especificas e sob a égide da Lei n.º 10.520/2002 e, subsidiariamente, a Lei
n.º 8.666/1993 e o Código Civil Brasileiro.

23.7. Problemas com a conexão e/ou dúvidas sobre o sistema “Licitações-e” deverão ser
sanadas através dos telefones (61) 3003-0500 (Capitais e Regiões Metropolitanas) e 0800-
7290500 (Demais localidades).

21
23.8. Para dirimir quaisquer dúvidas ou questões relacionadas com este edital e seus anexos,
as empresas licitantes ou empresas adjudicatárias deverão se subordinar ao foro da Justiça
de Brasília/DF, com exclusão de qualquer outro, por mais privilegiado que seja.

Brasília/DF, 25 de março de 2021.

SILVIO ROBERTO RAMOS


Gerente Administrativo

22
ANEXO I. TERMO DE REFERÊNCIA

1. OBJETO
Contratação de empresa especializada para o fornecimento de plataforma de assinatura
eletrônica, com os códigos fontes, do tipo avançada com uso de tecnologia de blocos
selados por códigos criptográficos em correntes de registros invioláveis (blockchain), nos
termos do Art. 4º, II, da Lei nº 14.063/2020 e atender à MÚTUA, com suporte e
atualização pelo período de 12 (doze) meses.

2. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO

Item Descrição Quant.

Aquisição de software de assinatura digital e eletrônica de


1 01 unidade
documentos eletrônicos – software com código fonte

Serviço de implantação e configuração da solução de


2 01 unidade
assinatura digital de documentos eletrônicos

3 Serviços de repasse de conhecimento treinamento 01 unidade

Serviço de manutenção, suporte técnico, garantia e


4 atualização tecnológica da plataforma do documento 12 meses
eletrônico seguro

Serviço de especializado em customização da plataforma do 1200 Pontos de


5
documento eletrônico seguro. função

3. JUSTIFICATIVA

A Mútua tem como objetivo oferecer a seus associados planos de benefícios sociais,
previdenciários e assistenciais, com prestação de serviços que propiciem melhor
qualidade de vida aos mutualistas.

Nos últimos anos a inovação tecnológica tem proporcionado alguns avanços, para maior
conforto e segurança em atividades rotineiras no dia-a-dia. A assinatura eletrônica é uma
23
destas tecnologias, que oferece inovação ao negócio, com redução da burocracia,
aumento da produtividade da equipe, diminuição de custos e garantia de maior segurança
das informações. A assinatura eletrônica tornou-se uma necessidade para a Mútua.

Com a assinatura eletrônica estima-se que a Mútua tenha uma economia com
deslocamentos, com custas de cartório, maior segurança e maior comodidade para os
mutualistas. Outro grande benefício que a assinatura eletrônica irá proporcionar será
maior agilidade na assinatura dos processos e concessão de benefícios.

4. LEGISLAÇÃO APLICADA

4.1 Este Termo de Referência – TR foi elaborado de acordo com o ordenamento


jurídico nacional que regulamenta o processo de aquisições para a Administração Pública;
Lei nº. 8.666 de 21 de junho de 1993, Lei nº. 10.520 de 17 de julho de 2002 e o Decreto
nº. 5.450 de 31 de maio de 2005, e constitui peça integrante, indispensável e inseparável
do processo licitatório, visando viabilizar a aquisição dos serviços descritos neste TR e
seus apêndices;

4.2 As Instruções Normativas SLTI/MP nº 01 de 2010 e nº 04 de 2014, e alterações,


ambas da Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação do Ministério do
Planejamento, Orçamento e Gestão que regulamentam os itens mínimos necessários
para a composição do TR, e também a Instrução Normativa SLTI/MP nº 05 de 27 de
junho de 2014 e nº 7 de 29 de agosto de 2014, que dispõe sobre os procedimentos
administrativos básicos para a realização de pesquisa de preços para a aquisição de bens
e contratação de serviços em geral;

4.3 Há de se citar também, o Decreto nº 7.892, de 23 de janeiro de 2013, e alterações,


que regulamenta o Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº 8.666, de
21 de junho de 1993, bem como o Decreto nº 8.250, de 23 de maio de 2014, que Altera o
Decreto nº 7.892, de 23 de janeiro de 2013, que regulamenta o Sistema de Registro de
Preços previsto no art. 15 da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993;

4.4 Os serviços que constituem o objeto deste certame enquadram-se no conceito de


serviço/bem comum, nos termos da Lei nº 10.520/02, no qual os requisitos técnicos são
suficientes para determinar o conjunto da solução escolhida, constatando-se, ainda, que a
solução é fornecida por mais de uma empresa no mercado;
24
4.5 Assim, entende-se, S.M.J. que o certame deverá ser processado pela modalidade
PREGÃO, a ser realizado de forma ELETRÔNICA com vistas a obter a melhor proposta
para a Administração Pública, observando quando aplicável, também os princípios
dispostos nos seguintes instrumentos legais:

4.5.1 Lei no 8.248, de 23 de outubro de 1991 - Dispõe sobre a capacitação e


competitividade do setor de informática e automação, e dá outras providências;
4.5.2 Decreto no 7.174, de 12 de maio de 2010 - Regulamenta a contratação de bens e
serviços de informática e automação pela administração pública federal, direta ou indireta,
pelas fundações instituídas ou mantidas pelo Poder Público e pelas demais organizações
sob o controle direto ou indireto da União.

5. REQUISITOS DE NEGÓCIO

5.1.1 A assinatura eletrônica no ambiente computacional da Mútua é absolutamente


necessário visto que, o modo de realizar transações comerciais passou por
transformações intensas nos últimos anos. Atualmente caso esses processos não sejam
realizados pelo meio digital, a Mútua acaba em desvantagem no mercado.

5.1.2. Neste contexto, para se tornar mais competitiva e ter agilidade é preciso entender
que mudanças como essas serão cada vez mais rápidas. Por isso, é necessário que a
Mútua se adapte com a mesma velocidade, ou seja, que tenha os processos rápidos e
simples por meio de novas tecnologia.

5.1.3. A assinatura eletrônica é uma ferramenta fundamental para o sucesso dessas


mudanças e inovações tecnológicas, transformação digital. Ela possibilita a finalização de
diversos processos, sejam eles internos ou transações junto ao cliente, no caso os
mutualistas, com poucos cliques.

5.1.4.A Mútua, necessita que essa solução seja confiável e utilize conceitos modernos e
com validade jurídica reconhecida.

5.2. GARANTIA E MANUTENÇÃO

25
5.2.1. Garantia de funcionamento e atualização de software, dentro da mesma versão,
pelo período de 12 (doze) meses, contada a partir do recebimento definitivo da solução,
sem prejuízo de qualquer política de garantia adicional oferecida pelo fabricante. Essa
garantia deverá ser comprovada através de Declaração do fabricante.

5.2.2. O suporte técnico da solução será on-site em horário comercial (8h às 18h),
atendendo os seguintes critérios:

5.2.3. Ocorrências que impedem o funcionamento do sistema:

a) Prazo de início de atendimento em até 02 horas a partir da abertura de chamado.

b) Término de atendimento em até 08 horas

5.2.4. Ocorrências que impedem parcialmente o funcionamento do sistema:

c) Prazo de início de atendimento em até 02 horas a partir da abertura de chamado.

d) Término de atendimento em até 24 horas

5.2.5. Ocorrências que não impedem o funcionamento do sistema:

e) Prazo de início de atendimento em até 04 horas a partir da abertura de chamado.

f) Término de atendimento em até 48 horas

5.2.6. Durante o período de garantia a CONTRATADA prestará suporte técnico, que


deverá estar disponível em rotina 8x5 (oito horas por dia X cinco dias úteis por semana),
com atendimento às ocorrências conforme prazos mencionados no subitem 3.2.3.
5.2.7. A CONTRATADA deverá disponibilizar Central de Atendimento com atendimento
telefônico para registro dos chamados técnicos, assim como e-mail, dentro da rotina 8x5.

5.3. INÍCIO DO SERVIÇO


5.3.1 Reunião de alinhamento de expectativas
5.3.1. Identificar as expectativas, nivelar os entendimentos acerca das condições
estabelecidas no Contrato, Edital e seus Anexos, e esclarecer possíveis dúvidas acerca
da implantação da solução.
5.3.2. Deverão participar dessa reunião, no mínimo, o Gestor do Contrato da Mútua, a
equipe técnica e Interlocutor da Contratada.
5.3.3. A reunião realizar-se-á na GTI em até 5 (cinco) dias úteis após a assinatura do

26
Contrato, com agendamento pelo Gestor do Contrato.
5.3.4. Nessa reunião, a Contratada apresentará oficialmente seu Interlocutor.

5.4. DESCRIÇÃO DOS SERVIÇOS

5.4.1. Os serviços que compõem a solução são:


a) Plataforma de assinatura digital e eletrônica de documentos eletrônicos –
software;
b) Serviço de implantação e configuração inicial;
c) Serviço de repasse de conhecimento treinamento
d) Serviço de manutenção, suporte técnico, garantia e atualização tecnológica da
plataforma do documento eletrônico seguro
e) Serviço de consultoria em customização da plataforma do documento eletrônico
seguro.

5.5. HORÁRIO E LOCAL DE INSTALAÇÃO DA SOLUÇÃO


5.5.1 LOCAL: Setor Hoteleiro Norte, Quadra 04, Bloco C– Brasília/DF - 70704-902

5.5.2. A demanda deste termo de referência considerou o horário comercial para


instalação: 8h00 às 18h de segunda a sexta-feira;

5.5.3. Poderá haver necessidade de execução de serviços de instalação fora do horário


estabelecido, em finais de semana e/ou feriados, em razão de fato que o justifique:
antecipação de prazos de entrega, implantação de rotinas que paralisem os serviços etc.

5.5.4. As atividades que possam impactar o funcionamento da Mútua deverão ser


executadas prioritariamente fora do horário comercial.

5.6. SERVIÇO TÉCNICO

5.6.1 Será considerado como medição do serviço especializado da Solução o ponto de


função, seguindo as seguintes regras:

27
Para se contar ponto de função é necessário seguir alguns passos, como mostra a Figura
1. O primeiro deles é determinar o tipo de contagem. É nesse passo que é determinado o
que será medido, o tipo de contagem a ser usado para medir o projeto de software, tanto
no processo como no produto. Três tipos de contagens são possíveis:

 Contagem de projeto de desenvolvimento;


 Contagem de projeto de melhoria (manutenção);
 Contagem de aplicação.

De maneira simplificada, o primeiro mede a funcionalidade fornecida aos usuários finais


quando o projeto estiver pronto, no momento de sua instalação. Essa contagem também
abrange conversão de dados necessários para implantação do software.

O segundo mede as modificações para uma aplicação já existente, o que inclui as


funções incluídas, alteradas e excluídas do sistema pelo projeto, além das funções de
conversão de dados. É importante lembrar que, sempre após uma contagem de
manutenção e sua implantação, o número de pontos de função da aplicação deve ser
atualizado de acordo com as alterações feitas na funcionalidade. Isso tem como
objetivo manter a contagem de pontos de função (CPF) da aplicação sempre
atualizada.

O terceiro e último tipo de contagem mede a funcionalidade fornecida ao usuário pela


aplicação instalada e em produção para que a atual funcionalidade tenha uma medida.

28
Figura 1. Passos da contagem de Pontos de Função

O segundo passo para a contagem é a identificação do escopo da contagem e


a fronteira da aplicação. É nesse passo que são delimitados o escopo do
sistema objeto da avaliação e a sua fronteira. É nesse momento que são
identificados todos os relacionamentos do sistema e/ou da funcionalidade que
está sendo contada com o seu exterior (o que está fora da fronteira) e são
identificadas as pertinências dos dados e os processos suportados pelo
sistema/funcionalidade que está sendo contado (a).

A fronteira da aplicação define o que é externo para a aplicação. É a interface


conceitual entre a aplicação e os usuários externos. O escopo define um
conjunto ou subconjunto de software de tamanho conhecido.

O terceiro e quarto passos são a contagem das funções de dados e das


funções de transação. São nesses passos que são contados os pontos de
função não ajustados. Nessas etapas são consideradas:

29
 Funções de dados:
o Arquivos Lógicos Internos (ALIs);
o Arquivos de Interface Externa (AIEs);
 Funções de Transação:
o Entradas Externas (EE);
o Saídas Externas (SE);
o Consultas Externas (CE).

Os ALIs são grupos de dados logicamente relacionados, ou informações de


controle, mantidos dentro da fronteira da aplicação. A principal função de um
ALI é agrupar os dados mantidos por um ou mais processos elementares da
aplicação que está sendo contada. A Tabela 1 mostra a contribuição de ALI
para a CPF.

Grau de Complexidade Funcional Pontos de Função

Baixa 7

Média 10

Alta 15

Tabela 1. Contribuição de ALI

Os AIEs são grupos de dados logicamente relacionados, ou informações de


controle, referenciados pela aplicação, mas mantidos dentro da fronteira da
outra aplicação. A principal função de um AIE é agrupar logicamente dados
referenciados por um ou mais processos elementares da aplicação. Isso
significa que um AIE contado para uma aplicação deverá ser um ALI em outra.
A Tabela 2 mostra a contribuição de AIE para a CPF.

Grau de Complexidade Funcional Pontos de Função

Baixa 5

Média 7

30
Alta 10

Tabela 2. Contribuição de AIE

A complexidade dos ALIs e AIEs (Tabela 3) se dá em função do número de


RLRs (tipos de registro elementar) e dos DERs (tipo de dado elementar).

1 a 19 DERs 20 a 50 DERs 51 ou mais DERs

1 RLR Baixa Baixa Média

2 a 5 RLRs Baixa Média Alta

6 ou mais RLRs Média Alta Alta

Tabela 3. Complexidade de ALI e AIE

As EEs são processos elementares que processam dados ou informações de


controle que vêm de fora das fronteiras da aplicação. A função primária de uma
EE é manter um ou mais ALIs e/ou alterar o comportamento do sistema.

A complexidade da EE é dada em função do número de ALRs (tipos de


arquivos referenciados ou arquivos referenciados) e dos DERs (tipo de dado
elementar), como mostra a Tabela 4.

1 a 4 DERs 5 a 15 DERs 16 ou mais DERs

0 a 1 RLR Baixa Baixa Média

2 RLRs Baixa Média Alta

3 ou mais RLRs Média Alta Alta

Tabela 4. Complexidade de EE

As SEs são processos elementares que enviam dados ou informações de


controle para fora das fronteiras da aplicação. A função primária de uma SE é
apresentar informação para o usuário através de processamento lógico exceto

31
em recuperação de dados ou informação de controle. O processamento lógico
tem que possuir pelo menos uma fórmula matemática ou cálculo, gerar dados
derivados, manter um ou mais ALIs ou alterar o comportamento do sistema.
A Tabela 5 mostra a contribuição de SE para a CPF.

Classificação de Complexidade Pontos de Função


Funcional

Baixa 4

Média 5

Alta 7

Tabela 5. Tabela de Contribuição de SE

As CEs, como são conhecidas as Consultas Externas, são processos


elementares que enviam dados ou informações de controle para fora das
fronteiras da aplicação. A função primária de uma CE é apresentar informação
para o usuário através da recuperação de dados ou informação de controle. O
processamento lógico não deve possuir fórmula matemática ou cálculo e não
deve gerar dados derivados. Nenhum ALI é mantido durante o processo ou o
comportamento do sistema é alterado. A Tabela 6 mostra a contribuição de CE
para a CPF.

A complexidade da SE e CE (Tabela 7) se dá em função do número de ALRs


(tipos de arquivos referenciados ou arquivos referenciados) e dos DERs (tipo
de dado elementar).

Classificação de Complexidade Pontos de Função


Funcional

Baixa 3

Média 4

32
Alta 6

Tabela 6. Tabela de Contribuição de EE e CE

1 a 5 DERs 6 a 19 DERs 20 ou mais DERs

0 a 1 RLR Baixa Baixa Média

2 a 3 RLRs Baixa Média Alta

4 ou mais RLRs Média Alta Alta

Tabela 7. Complexidade de SE e CE

O quinto passo para a contagem é o cálculo do Fator de Ajuste. Estes fatores


estão relacionados com as características da aplicação. Ele é responsável pela
correção das distorções da etapa anterior (cálculo das funções de dados e das
funções de transação) e baseia-se nas características gerais do sistema onde
são relacionados 14 itens que determinam o valor do nível de influência de
cada um desses itens do dimensionamento do sistema. São eles:

1. Comunicação de dados;

2. Processamento distribuído;

3. Performance;

4. Configuração do equipamento;

5. Volume de transações;

6. Entrada de dados on-line;

7. Interface com o usuário;

8. Atualização on-line;

9. Processamento complexo;
33
10. Reusabilidade;

11. Facilidade de implantação;

12. Facilidade operacional;

13. Múltiplos locais;

14. Facilidade de mudanças (Flexibilidade).

Um peso, que varia de 0 (sem influência) a 5 (forte influência) deve ser atribuído a cada
uma das GSCs – Características Gerais do Sistema, e a soma deles resulta no valor do
TDI – Grau Total de Influência. As características são resumidas no fator de ajuste, que,
quando aplicado, corrige o valor de Pontos de Função não ajustados em cerca de +-35%,
criando o Ponto de Função Ajustado.

O sexto e último passo da contagem é o cálculo dos pontos de função ajustados. É nesse
passo que é feita a correção de possíveis distorções ocorridas durante o cálculo dos
pontos de função não ajustados, aproximando as medidas da situação real. Normalmente
e contratualmente, os fatores de ajuste são iguais a 1 para que não influenciem nos
pontos de função não ajustados.

5.7. Modelo de Execução Técnico

5.7.1. As solicitações de execução de serviços especializados serão controladas por


Ordens de Serviço (OS) emitidas e formalmente autorizadas conforme solicitado pela
Mútua, sendo atestadas e liquidadas apenas as que forem devidamente concluídas pela
empresa prestadora dos serviços.
5.7.2. Serão realizadas reuniões para alinhamento e entendimento da demanda entre a
CONTRATADA e CONTRATANTE, antes da elaboração da Ordem de serviço o que
deixará a OS mais dinâmica e assertiva.
5.7.3. A CONTRATADA com a ordem de serviço devidamente assinada fará o
levantamento da quantidade de pontos de função necessárias para a execução do serviço

34
solicitado e encaminhará para aprovação dos fiscais. Somente após aprovação do fiscal
que o serviço deverá ser iniciado.
5.7.4. Após a entrega dos serviços especializados o fiscal fará a verificação do
quantitativo de pontos de função levantado e utilizados. Estando a contagem devidamente
correta fará os procedimentos para pagamento. Em caso de divergência o fiscal fará uma
reunião para a verificação e ajuste da contagem.

5.8. Metodologia de trabalho

5.8.1 Os SERVIÇOS serão consumidos sob demanda, sem garantia de consumo


mínimo e limitados ao quantitativo máximo previsto no CONTRATO. Na execução das
demandas a CONTRATADA deverá utilizar e aplicar as metodologias do Roteiro de
Métricas de Software do SISP e Políticas e padrões de gerenciamento de configuração e
outros documentos técnicos aplicáveis.

5.8.2 Devido ao caráter intrinsecamente dinâmico, as metodologias poderão ser


atualizadas no todo ou em parte no decorrer da execução contratual ou substituídas pelas
Metodologias utilizadas no âmbito do Órgão Central do SISP ou por outras que a Mútua
julgar conveniente e oportuno com vistas a atender suas necessidades.

5.8.3. Nesse caso, caberá a CONTRATADA se adequar, em até 30 (trinta) dias às


novas metodologias, podendo este prazo ser prorrogado pelo CONTRATANTE a seu
critério e mediante solicitação devidamente justificada da CONTRATADA.

5.8.4. Todos os artefatos gerados durante as etapas de projeto e implementação


(incluindo código-fonte e scripts) deverão ser versionados, cabendo à CONTRATADA
realizar a gestão desses, sob pena de inexecução parcial do OBJETO.

5.8.5. Para cada ORDEM DE SERVIÇO o CONTRATANTE definirá e registrará quais


artefatos serão entregues. Os entregáveis que compõem a solução devem ser
armazenados em ambiente do CONTRATANTE.

5.8.6. A CONTRATADA é responsável por absorver o conhecimento do negócio e do


código-fonte de todo o portfólio de sistemas da Mútua durante o período de transição.

5.8.7 A CONTRATADA deverá adotar ferramentas que auxiliem a análise de negócios,

35
requisitos, prototipação, projeto de sistemas, documentação, metrificação, testes e demais
atividades técnicas relacionadas ao desenvolvimento de Software.

5.8.8. As ferramentas utilizadas pela CONTRATADA na prestação dos serviços não


poderão gerar custos adicionais ou tampouco serem incompatíveis com a arquitetura
tecnológica do CONTRATANTE. Correm por absoluta conta da CONTRATADA, custos
adicionais de compatibilização. Eventuais alterações, atualizações ou evoluções do
ambiente tecnológico do CONTRATANTE obrigam a CONTRATADA a se readequar no
prazo máximo de 30 (trinta) dias, contados da notificação acerca dessas mudanças –
situação em que nenhum ônus adicional poderá ser arguido. Este prazo poderá ser
prorrogado a critério da equipe de fiscalização contratual, mediante solicitação
devidamente justificada da CONTRATADA.

5.8.9 Os códigos-fonte, artefatos, modelos, bases de dados, aplicações e demais


produtos produzidos ao longo do contrato e decorrentes deste, configuram propriedade
intelectual do CONTRATANTE, cabendo exclusivamente a este o direito autoral.

5.8.10. Os artefatos e produtos gerados pelo serviço deverão atender a critérios de


qualidade necessários para sua validação e aceitação, definidos neste documento e nos
procedimentos de padrões, metodologias e processos de trabalho da CONTRATANTE,
complementados por outros critérios, no que couber, na respectiva ORDEM DE
SERVIÇO.

5.8.11. Todos os artefatos e produtos dos serviços contratados serão avaliados pela
equipe da CONTRATANTE, com eventual apoio técnico de terceiros. Serão considerados
defeitos:

a) Implementações que estejam em desacordo com os requisitos estabelecidos;

b) Funcionamento irregular identificado na instalação ou operação do produto, decorrente


dos seus entregáveis previstos;

c) Artefatos documentais que contenham inconformidades redacionais, incompletude,


incompatibilidades, divergências com as especificações ou inconsistências em relação ao
padrão adotado no âmbito da CONTRATANTE.

5.8.12. É de responsabilidade da CONTRATADA a atualização de dados/informações e


outras atividades operacionais sobre métricas de software da baseline dos sistemas –

36
incumbindo ao CONTRATANTE administrar e auditar essas informações. Assim, ao final
do atendimento de cada Ordem de Serviço caberá à CONTRATADA a análise do impacto
da alteração realizada na baseline do sistema impactado e a sua atualização.

5.9. ENTREGA, AVALIAÇÃO E RECEBIMENTO (ACEITE)

5.9.1. O recebimento definitivo se dará após a CONTRATADA, em conjunto com a


CONTRATANTE, realizar testes de funcionamento dos sistemas previstos neste TR.
Tendo sido realizado com sucesso e atendidas as especificações do edital, o
CONTRATANTE irá emitir, em até 5 (cinco) dias úteis, um Termo de Recebimento
Definitivo, atestando a conformidade dos mesmos com as especificações constantes no
Edital, liberando assim o faturamento.
5.9.2. O serviço será avaliado mensalmente e serão considerados os critérios e
indicadores referentes ao tempo para início do atendimento e solução definitiva para
problemas relatados.

5.9.3. O Gestor do Contrato emitirá Termo de Recebimento Definitivo da prestação do


serviço após análise do relatório a ser emitido pela CONTRATADA, relativo à análise da
prestação do serviço e verificação do atendimento das demais condições contratuais.

5.9.4. O Gestor do Contrato emitirá Termo de Recusa em caso de verificação de erros ou


impropriedades impeditivas de recebimento de equipamentos e/ou serviço prestado. A
CONTRATADA deverá promover as correções necessárias, conforme diretrizes a serem
estabelecidas pela Mútua, sem prejuízo de aplicação de penalidades previstas.

5.10. CRITÉRIOS DE ACEITABILIDADE DA PROPOSTA COMERCIAL

5.10.1. A proposta apresentada deverá conter o CNPJ da proponente, prazo de


validade e ser endereçada à MÚTUA DE ASSISTENCIA DOS PROFISSIONAIS DA ENG
ARQ AGRONOMIA;

37
5.10.2. Todos os custos com equipamentos, instalações, consumíveis, frete, tributos
e tudo mais que for solicitado no TR e anexos devem ser considerados para cálculo da
proposta. A omissão de qualquer despesa necessária à perfeita entrega de equipamentos
e/ou, execução e/ou manutenção do serviço será interpretada como não existente ou já
incluída na proposta de preço;

5.10.3. Serão desclassificadas as propostas que contenha vícios ou ilegalidades;


não apresentem todos os requisitos exigidos, não apresentem as especificações exigidas
pelo TR; apresentem preços finais superiores ao valor máximo estabelecido pela Mútua
no instrumento convocatório; apresentem preços que sejam manifestamente inexequíveis
ou que subestimem quantitativos e valores referenciais estimados, previstos nestes
termos de referência;

5.10.4. Durante a etapa de habilitação, deverá ser apresentada a proposta técnica


detalhada contemplando:

5.10.4.1. Resposta ponto-a-ponto através de catálogo, folders e manuais do


equipamento indicando corretamente a página, o documento e o trecho de comprovação
que demonstre o atendimento a cada item/subitem da especificação técnica, tais como os
exemplos abaixo:

Especificação da Comprovação CONTRATANTE


Deve permitir “Manual Fabricante”
instalação ....
Deve ter suporte a ... Proposta Comercial
Deve ser compatível Conforme Link:
com... http://linkdofabricante.com/produto

5.10.4.2. Detalhamento técnico dos sistemas propostos, apresentando lista com todos
os elementos (software/licenças) que serão fornecidos para o correto funcionamento da
solução. A lista deve apresentar a marca, modelo, versão e quantidade de todos os
elementos fornecidos;

38
5.10.4.3. A não apresentação da proposta técnica com a comprovação de
atendimento a todos os itens resultará na desclassificação da Licitante.

5.11. CRITÉRIOS PARA COMPROVAÇÃO DA HABILITAÇÃO TÉCNICA

5.11.1. A licitante vencedora deve comprovar que é detentora de experiência na


instalação da solução que será contratada, mediante comprovação de competências dos
profissionais, de capacidade técnica e de conhecimentos práticos comprováveis por
avaliação de conformidade, a partir da análise dos seguintes documentos, entre os
listados no artigo 30 da lei 8.666/93:

5.11.1.1. No mínimo 01 (um) Atestado de Capacidade Técnica, expedido por pessoa


jurídica de direito público ou privado, comprovando que a Licitante executou ou esteja
executando serviços compatíveis com as parcelas de maior relevância e características
técnicas, conforme objeto do referente termo; ou
5.11.2. Apresentar declaração do fabricante da solução de gestão de
vulnerabilidades, comprovando que a LICITANTE está credenciada para fornecer, instalar
e prestar suporte a seus produtos.
5.11.3. A Licitante deverá comprovar Capital Social Integralizado igual ou superior a
R$ 1.000.000,00.

5.12. NATUREZA DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

5.12.1. A IN SLTI/MPOG n° 04/2014 define, em seu inciso X, do art. 2º, que


“Solução de Tecnologia da Informação é o conjunto de bens e serviços de Tecnologia da
Informação e automação que se integram para o alcance dos resultados pretendidos com
a contratação”.
5.12.2. O entendimento acerca da conceituação apresentada na IN n° 04/2014
SLTI/MPOG se baseia na integração de bens, serviços de TI e automação, tendo como
finalidade o alcance dos resultados pretendidos pela contratação, que, no processo em

39
questão, refere-se à solução de softwares e serviços especializados no produto com
repasse de conhecimento e serviços técnicos especializados.
5.12.3. Considerando que uma solução de TI engloba todos os elementos (bens,
serviços de TI e automação) necessários que se integram para o alcance dos resultados
pretendidos com a contratação, de modo a atender à necessidade que a desencadeou,
pode-se afirmar que a contratação em questão compreende uma solução de tecnologia,
uma vez que compreende uma solução integrada de software e serviços especializados
numa infraestrutura computacional própria da MÚTUA.
5.12.4. Para atender as demandas, bem como para manter a alta disponibilidade e
desempenho do serviço oferecido, a MÚTUA precisa contar com estrutura de TI
adequada às exigências das áreas de negócio. Dado o volume de informações
requisitadas nos serviços disponibilizados pela MÚTUA, vale-se da contratação de
empresas especializadas em fornecer soluções de tecnologia da informação.
5.12.5. Portanto, a contratação ora pretendida enquadra-se no conceito de solução
de TI, pois refere-se à contratação de uma solução de tecnologia da informação o qual
deverá seguir o rito estabelecido na IN SLTI/MPOG nº 04/2014 que dispõe sobre o
processo de contratação de Soluções de Tecnologia da Informação pelos órgãos
integrantes do Sistema de Administração dos Recursos de Informação e Informática
(SISP) do Poder Executivo Federal.
5.12.6. A solução a ser adquirida é plenamente conhecida no mercado de
segurança e Tecnologia da Informação e vários são os fabricantes que podem provê-la.
5.12.7. Assim sendo, a modalidade a ser escolhida para seleção do fornecedor é o
Pregão na forma eletrônica pelo site www.licitacoes-e.com.br.

5.13. CLASSIFICAÇÃO DOS SERVIÇOS / OBJETO DO CONTRATO

5.13.1. O tipo caracteriza-se como SERVIÇO CONTÍNUO e NÃO EXIGE


DEDICAÇÃO EXCLUSIVA DE MÃO DE OBRA. Conforme o Art. 15, da IN MPDG
05/2017:

40
Serviços contínuos são aqueles que, pela sua essencialidade, visam atender à
necessidade pública de forma permanente e continua, por mais de um exercício
financeiro, assegurando a integridade do patrimônio público ou o funcionamento das
atividades finalísticas do órgão ou entidade, de modo que sua interrupção possa
comprometer a prestação de um serviço público ou o cumprimento da missão
institucional.

5.13.2. Dessa forma, esta contratação caracteriza-se, claramente como contínua,


pois não somente visa diretamente assegurar o patrimônio público, como também
corrobora com a melhoria da gestão corporativa e a inovação dos processos e serviços,
contribuindo para o atendimento ao Planejamento Estratégico da Mútua e, portanto, para
o cumprimento de sua missão institucional.

5.13.3. Uma vez iniciados os serviços da presente contratação bem como o


estabelecimento de um novo fluxo de trabalho suportado por uma solução informatizada,
a eventual interrupção dos serviços comprometeria a continuidade de atividades previstas
em um processo crítico para a Mútua. Além disso, é previsto que a execução dos serviços
se estenda por mais de um exercício financeiro. Dessa forma, os serviços da presente
contratação serão continuados, sob demanda.

5.14. REQUISITOS TEMPORAIS

MARCOS E EVENTOS QUANDO DEVERÁ OCORRER


Agendamento do Pregão Após aprovação do edital pela
Eletrônico (PE) Superintendência
Apresentação de Em até 48 (quarenta e oito) horas após a
documentação qualificatória declaração de vencedor em campo próprio do
para o PE sistema eletrônico
Apresentação de propostas Em até 48 (quarenta e oito) horas após a
no PE etapa de lances
Apresentação de recurso Em até três dias úteis a contar da data da
mediante manifestação declaração do licitante vencedor (D+3), sendo

41
embasada dos que os concorrentes têm igual prazo, a contar
concorrentes. da data de notificação, para apresentar
contrarrazões
Preparação do contrato Até 10 (dez) dias úteis (D+10) após a
adjudicação
Assinatura do contrato Até 05 (cinco) dias úteis após (D+5) retirada
do contrato
Envio da ordem de serviço Até 03 (três) dias úteis (D+3) após extrato
publicado no DOU
Prazo de entrega dos Até 45 (quarenta e cinco) dias corridos (D+45)
equipamentos/licenças após o envio da ordem de serviço
Prazo de instalação e Até 15 (quinze) dias corridos (D+15) após a
configuração da solução entrega dos equipamentos
Termo de Recebimento Até 02 (dois) dias corridos (D+2) após a
Provisório (TRP) instalação da solução
Demandas de correção Até 03 (três) dias corridos (D+3) após TRP
Termo de Recebimento Até 05 (cinco) dias úteis (D+5) após o OK em
Definitivo (TRD) correções

5.15. ATESTO E PAGAMENTO DA NOTA FISCAL/FATURA

5.14.1 A Nota Fiscal/Fatura será emitida para o CNPJ da Mútua, apresentado no


documento de proposta. A fatura também deverá ser disponibilizada por meio do e-mail
e/ou sistema que permita download dela.
5.14.2. O Atesto da Nota Fiscal/Fatura referente à entrega dos serviços e/ou dos
bens objeto desta licitação caberá ao funcionário designado como fiscal ou comissão
designada pela Mútua (se aplicável), após o recebimento e conferência do serviço e/ou
bem, com as ressalvas e/ou glosas que se fizerem necessárias, na forma prevista na Lei
n° 8.666/93.
5.14.3. O pagamento a ser feito pela Mútua, no valor dos serviços e/ou bens
efetivamente adquiridos por essa organização, devidamente discriminados nas

42
respectivas Notas Fiscais/Faturas apresentadas pela CONTRATADA, considerará o preço
apresentado em sua proposta no momento da licitação.
5.14.4. O pagamento será efetuado até o 10 (décimo) dia após o recebimento da
Nota Fiscal/Fatura pela Mútua, devidamente atestada.

5.14.5. A Mútua reserva-se ao direito de não efetuar o pagamento se, no ato da


atestação, a entrega dos serviços e/ou bens não estiver de acordo com a especificação
apresentada e aceita no momento da licitação e eventual assinatura de Contrato, se
houver.

5.14.6. A Mútua poderá deduzir do montante a pagar os valores correspondentes a


multas ou indenizações devidas pela licitante vencedora, nos termos deste Termo de
Referência.

6. ESPECIFICAÇÕES DAS SOLUÇÕES E DOS SERVIÇOS

6.1. Software de Assinatura Digital de Documento Eletrônicos:

6.1.1.O portal de assinatura digital deverá:

a) Possuir um portal de assinatura digital e verificação disponibilidade através de uma


aplicação WEB, que utilize os microserviços da plataforma para realizar as operações de
assinatura digital e verificação de assinaturas digitais realizadas em documentos
eletrônicos;

b) Poder ser acessado e disponibilizado aos diversos usuários, que farão uso da
infraestrutura pela intranet ou internet;

a) Permitir o download do documento original após a verificação de uma assinatura


digital;

b) Permitir upload de imagem da assinatura para assinatura eletrônica;

c) Permitir configuração visual da assinatura eletrônica no documento gerado;

d) Permitir definir data limite para assinatura eletrônica do documento;

e) Enviar notificação por e-mail e sms aos signatários dos documentos eletrônicos;

f) Permitir acompanhamento dos status das assinaturas realizadas nos documentos;

g) Permitir o envio de múltiplos documentos eletrônicos para assinatura;

43
h) Utilizar IP, Geolocalização para agregar mais informações ao documento assinado;

i) Permitir que um documento seja assinado de forma eletrônica ou digital;

j) A plataforma deve implementar criptografia utilizando node-webcrypto-p11


k) Acessar certificados locais OSX KeyStore, Mozilla NSS or Windows CryptoAPI com
wrapper PKCS#11

l) Realizar a assinatura digital sem requerer a exportação da chave privada do


signatário do repositório seguro onde ela estiver armazenada.

m) O microserviçoassinador deverá suportar uma carga de, no mínimo, 100


requisições de assinaturas por minuto, devendo ser escalável para atender necessidades
futuras;

n) O microserviçoassinador deverá fornecer API para assinatura eletrônica para


possibilitar integração com outros sistemas da CONTRATANTE;

o) Validar documento assinado por um código identificador único que conterá


informação sobre o documento e os signatários do documento eletrônico.

p) Consistir em portal web para administração dos softwares da Plataforma,


permitindo o cadastramento de usuários, cadastro de assinaturas, além de ajustes
voltados às configurações do sistema;

q) Possuir menu de navegação e acesso às funcionalidades da plataforma que


demandam configuração;

r) Permitir o gerenciamento de usuários da plataforma, com o cadastro de dados


com nome, CPF, e-mail, endereço e telefone, além de habilitar, desabilitar e alertar o perfil
do usuário;

s) Permitir o gerenciamento do cadastro de usuários da plataforma com no mínimo os


seguintes perfis:

1.Operador de segurança: responsável pelo cadastro de usuários;

2. Administrador: responsável pela configuração da plataforma;

t) Usuário do serviço: acesso aos microserviços da plataforma.

u) A plataforma deverá manter um registro de todos os documentos enviados para


assinatura digital ou eletrônica e possibilitar o acompanhamento das assinaturas;
44
v) A plataforma deverá permitir arquivar todos os documentos gerados pela
plataforma.

w) A Plataforma deverá possibilitar a criação de rascunhos, documentos que podem


ser preparados para envio posterior;

x) Todos os microserviços devem ter sido implementados de acordo com as


recomendações da W3C Consortium SOAP 1.2;

y) Todos os microserviços e interfaces web de acesso disponibilizados pela


plataforma devem utilizar mecanismo de segurança para autenticação e autorização de
acesso aos serviços;

z) Todos os softwares da plataforma deverão permitir a geração, visualização e


armazenamento de registro eletrônico (LOG) dos procedimentos executados bem como
das informações pertinentes a usuários e rede para fins de auditoria;

aa) Todos os arquivos de LOG da plataforma deverão ser gerados em arquivo com
controle de rotacionamento diário, isto é, serão gerados arquivos de LOG distintos ara
cada dia de funcionamento do sistema;

bb) A plataforma deverá ser compatível com certificados de chaves de assinatura


armazenados em software e em dispositivos criptográficos, tais como cartões inteligentes,
tokens, bem como os repositórios de certificados acessíveis a partir dos navegadores
Internet Explorer, Mozilla Firefox e Google Chrome;

6.1.2. O controle de acesso lógico deverá possuir as seguintes características:

a) Impedir que um usuário seja capaz de obter os direitos de acesso de outro usuário;

b) Dispor de controle para encerrar sessões de autenticação caso a autenticação seja


malsucedida; e

7. SERVIÇO DE IMPLANTAÇÃO E CONFIGURAÇÃO INICIAL:

a) A CONTRATADA deverá implantar a solução no ambiente definido pela Mútua.


Para tanto, deverá utilizar pessoal com experiência de, pelo menos, um ano na
administração de soluções de assinatura digital (comprovado através de declaração da
empresa e/ou certificado oficial do fabricante da solução);

45
b) A CONTRATADA deverá disponibilizar a solução em ambiente de produção,
operacional, com aceite definitivo pelo fiscal do contrato, para que a capacitação possa
ser realizada.

c) A implantação da plataforma inclui a instalação do software do software de


assinatura digital e eletrônica de documentos eletrônicos.

8. SERVIÇO DE CAPACITAÇÃO:

8.1 O serviço de capacitação na utilização da plataforma se dará em, no máximo, 10 dias


após a sua entrega e implantação. A capacitação deverá compreender:

Treinamento Alunos Perfil

Administração e operação da 13 Equipe de


plataforma administração e
suporte ao uso da
plataforma.

Treinamento no desenvolvimento de 13 Equipe de


aplicações integradas à plataforma homologação,
produção e suporte

8.2. A CONTRATADA deverá ministrar as capacitações com o objetivo de capacitar


equipe técnica que virá a administrar a solução no âmbito da MÚTUA;

8.3. A CONTRATADA deverá fornecer todos os materiais do treinamento (Slides e


Apostilas) e todas as despesas de viagem, caso necessárias, correrão por sua conta.
Será de responsabilidade da Mútua a disponibilização de laboratório para a realização de
tais treinamentos, que poderão ser realizadas de forma remota, atendendo as solicitações
de infraestrutura solicitada pela CONTRATADA;

8.4. A CONTRATADA deverá capacitar as turmas, em datas a serem solicitadas pela


Mútua com uma antecedência mínima de 10 dias da data de realização da capacitação;

46
8.5. A CONTRATADA deverá ministrar a capacitação com enfoque para administradores
da solução para pessoas a serem indicadas pela Mútua que:

a) Irão administrar e gerenciar a solução no ambiente definido pela CONTRATADA;

b) Serão capacitadas com o objetivo de replicação da capacitação para outros


usuários que irão utilizar as ferramentas da solução.

8.6. O instrutor deve ser certificado ou ter experiencia de, pelo menos, dois anos na
administração do software contratado (comprovado através de declaração da empresa
e/ou certificado oficial do fabricante);

8.7. A CONTRATADA deverá usar material didático e entregar certificado também ao final
dos treinamentos.

a) A ementa da capacitação deverá contemplar no mínimo:

b) Administração e operação da plataforma:

c) Objetivo: Prover aos alunos a capacidade de administrar a solução.

d) Público-alvo: Administradores do Sistema.

e) Carga Horária: 4 horas

f) Número máximo de alunos: 13

g) Pré-requisito: conceitos básicos de certificação digital.

h) Conteúdo Programático:

Ementa Tempo

Plataforma de Documento Eletrônico Seguro: 4 horas

Definições

Configurações Gerais

Gestão de usuários

Gestão de serviços

Gestão de políticas de assinatura digital

47
Gestão do ciclo de vida de certificados

Gestão de cadeias de certificados

Configurando uma ACT para obtenção de


carimbo de tempo

Análise de logs

8.8. Desenvolvimento de aplicações integradas à Plataforma:

a) Objetivo: Prover aos alunos a capacidade de desenvolver e integrar aplicações à


solução.

b) Público-alvo: Desenvolvedores

c) Carga Horário: 8 horas

d) Número máximo de alunos: 13

e) Pré-requisito: conceitos básicos de certificação digital.

f) Conteúdo Programático:

Ementa Tempo

Apresentação da solução

Visão geral do sistema

Descrição dos softwares

Fluxo das operações e integrações

Visão geral dos microserviços da plataforma

Como realizar autenticação para uso dos


serviços

Como realizar assinatura tipo PDF 8 horas


Exemplos de execução

API cliente Node.JS

48
Exemplo de execução

8.9. Serviço de consultoria em customização da plataforma do


documento eletrônico seguro:

a) Serviços de consultoria especializada para integração da


plataforma aos sistemas da Mútua e customizações específicas,
de forma presencial, mediante necessidade e sob demanda no
montante de até 1200 (pontos de função);

b) O serviço de consultoria especializada apenas poderá ser


realizado mediante demanda formalizada pela Mútua, onde
deverá ser apresentado o escopo de atuação da consultoria á
CONTRATADA. Esta por sua vez deverá analisar o escopo e
apresentar proposta com identificação do esforço necessário para
a realização do serviço. Após aceite da proposta por parte da
Mútua é que a CONTRATADA estará apta a iniciar a realização
dos trabalhos, baseado no quantitativo do esforço acordado entre
as partes;

c) O pagamento referente aos serviços prestados apenas acorrerá


depois do aceite formal da Mútua identificando que o serviço foi
devidamente realizado e de acordo com o escopo solicitado;

d) Os serviços de consultoria deverão ser realizados de forma


presencial nas dependências da sede da Mútua ou de forma
remota à critério da CONTRATANTE.

8.10. A interface de Administração da Plataforma deverá:

a) Todos os softwares da plataforma deverão ser relacionados na


proposta ofertada com suas devidas descrições;

b) Todos os softwares da plataforma deverão possuir API para


integração com sistemas terceiros;

49
c) Todos os softwares da plataforma deverão exibir em todas as
interfaces mensagens e indicativos textuais no idioma português;

d) Todos os manuais da solução deverão ser fornecidos em formato


eletrônico, em português, em até 30 (trinta) dias corridos da
assinatura do contrato. A documentação entregue deverá
contemplar as informações e orientações necessárias que
viabilize a integração dos aplicativos e da infraestrutura da Mútua
com a solução de PDES.

8.11. Todos os manuais da solução deverão ser fornecidos em formato


eletrônico, em português, em até 30 (trinta) dias corridos da assinatura
do contrato. A documentação entregue deverá contemplar as
informações e orientações necessárias que viabilize a integração dos
aplicativos e da infraestrutura da Mútua com a solução de PDES.

8.12. O objeto deverá ser executado em até 60 (sessenta) dias,


contados da assinatura do contrato.

8.13. O local de entrega do objeto será na SHN Quadra 4 Bloco C


Asa Norte – Brasília-DF, CEP: 70704-902.

8.14. Os serviços de manutenção, suporte técnico, garantia e


atualização tecnológica da plataforma do documento eletrônico seguro
deverão atender as seguintes características:

9. MANUTENÇÃO E SUPORTE TÉCNICO:

9.1. A CONTRATADA deverá executar os serviços de manutenção e


suporte técnico sobre todos os softwares da plataforma do documento
eletrônico seguro, sobre os serviços de redundância do software de
assinatura digital e eletrônica;

9.2. Os serviços previstos deverão ter início simultaneamente com a


instalação inicial da plataforma;

9.3. A CONTRATADA deverá prover os serviços de manutenção


preventiva e corretiva da plataforma, contemplando:

10. GARANTIA TÉCNICA DO FABRICANTE:


50
10.1 Serviços relacionados à correção e reparação de quaisquer vícios
de qualidade por inadequação de funcionamento que a plataforma vier a
apresentar.

10.2. As atividades de suporte técnico serão remotas, devendo ser


realizados por telefone ou por e-mail, de acordo com a necessidade da
Mútua, com o objetivo de solucionar dúvidas e registrar e solucionar
possível problemas;

10.3. O serviço de suporte deverá ser um serviço prestado para a equipe


técnica da Mútua. Em caso de não ser solucionado o problema de forma
remota, a Mútua poderá solicitar o suporte “on site” para solução do
problema;

10.4. A CONTRATADA deverá conferir apoio a Mútua sem que haja


deslocamento de pessoas. O suporte remoto só deverá ser realizado
mediante a autorização encaminhada á CONTRATDA pela Mútua,
podendo as atividades ser prestadas de duas formas:

10.5. Remota via linha telefônica – Através de ligação telefônica da


Mútua à CONTRATADA que disponibilizará o técnico mais adequado à
demanda, visando prestar o apoio necessário;

10.6. Remota via Conexão VPN – Através de recursos de conexão


utilizando link de comunicação, visando a troca de informação, arquivos
e acessos ao ambiente operacional entre a Mútua e a CONTRATADA,
de acordo com as normas de segurança definidas pela Mútua.

10.7. A CONTRATADA deverá disponibilizar equipe de prontidão para


atendimento técnico e//ou atendimento na sede da Mútua, durante toda
a vigência do contrato, quando forem solicitados ou necessários;

10.8. Após todos os atendimentos de manutenção e suporte técnico, a


CONTRATADA deverá entregar a Mútua um relatório com a descrição
da solução adotada ao chamado.

10.9. Deverá ser fornecido o contato de uma Central de Atendimento


(sítio na internet, e-mail ou telefone 0800) para abertura de chamados

51
técnicos em vernáculo 24x7 (vinte e quatro horas por dia, sete dias por
semana).

10.10. Caso haja necessidade da retirada de algum componente, para


fins de reparo, o mesmo deverá ser substituído por outro com
características iguais ou superiores, sendo a instalação e configuração
de responsabilidade da CONTRATADA.

10.11. Os serviços de instalação e configuração deverão possuir uma


garantia mínima de 90 dias, a contar da entrega e ativação da solução
completa.

10.12. A prestação de serviços de suporte técnico deverá seguir os


seguintes prazos:

10.13. Severidade Crítica: Esse nível de severidade é aplicado quando


existe uma situação emergencial crítico que cause a indisponibilidade do
sistema:

10.14. Prazo máximo de atendimento: 02 (duas) horas;

10.15. Prazo máximo de solução: 16 (dezesseis) horas;

10.16. Severidade alta: Esse nível de severidade é aplicado quando


ocorre um impacto de alta significância relacionado à utilização do
software, causando indisponibilidade de funcionalidade:

10.17. Prazo máximo de atendimento 04 (quatro) horas;

10.18. Prazo máximo de solução 24 (vinte e quatro) horas;

10.19. Severidade média: Esse nível de severidade é aplicado quando


ocorre um impacto de baixa significância relacionado à utilização do
software. Não causa indisponibilidade sendo contornável por plataforma
paliativa sem grandes esforços ou retrabalho:

10.20. Prazo máximo de atendimento 06 (seis) horas;

10.21. Prazo máximo de solução 48 (quarenta e oito) horas;

52
10.22. Severidade baixa: Esse nível de severidade é aplicado quando
ocorre alguma dúvida sobre o funcionamento da plataforma, sem
impacto na funcionalidade do sistema:

10.23. Prazo máximo de atendimento 08 (oito) horas;

10.24. Prazo máximo de solução 72 (setenta e duas) horas;

10.25. Para aplicação da alínea anterior deverão ser consideradas as


seguintes definições;

10.26. Prazo máximo de atendimento e resposta: tempo compreendido


entre a solicitação formal da Mútua através de um canal de suporte, para
a solução de um problema e a notificação formal da CONTRATADA do
recebimento e encaminhamento para atendimento;

10.27. Prazo máximo de solução: tempo necessário para fornecer uma


solução definitiva do problema, seja através de nova versão, novo
servisse pack, parametrização do sistema ou correção específica, sem
ônus para a Mútua.

11. GARANTIA E ATUALIZAÇÃO TECNOLOGICA:

11.1. A atualização tecnológica deverá incluir o fornecimento de todas as


versões, features, releases, fixe, services packs e fixes de segurança,
garantindo a segurança e a confiabilidade requerida e inerente, de
acordo com as especificações deste termo de referência;

11.2. A referida garantia deverá contemplar quaisquer implementações


que sejam necessárias para correção de erros ou adequações a normas
da ICP-Brasil incluindo o desenvolvimento de novas funcionalidades ou
alterações do Software.

11.3. São responsabilidades da CONTRATADA, além daquelas já


expressamente definidas nas demais condições deste instrumento:

11.4. Cumprir a legislação e as Normas Técnicas da ABNT inerentes à


sua atividade;

11.5. Cumprir os prazos para a execução do objeto;

53
11.6. Prestar esclarecimentos que forem solicitados pela Mútua, cujas
reclamações se obriga a se manifestar e atender prontamente;

11.7. Contratar e treinar todo o pessoal necessário à execução do


objeto;

11.8. Fornecer para seus empregados todos os equipamentos


necessários à execução do objeto, inclusive e principalmente, aqueles
que se referirem a proteção individual e coletiva;

11.9. Manter durante toda a execução do objeto, todas as condições de


habilitação e qualificação exigidas para sua contratação em
conformidade com as obrigações assumidas;

11.10. Substituir, sempre que exigido pela Mútua e independentemente


de justificava, qualquer emprego cuja atuação, permanência e/ou
comportamento sejam julgados prejudiciais, inconvenientes ou
insatisfatórios à disciplina ou ao interesse do Serviço;

12. Assumir:

12.1. Todos os encargos previdenciários e obrigações sociais previstos


na legislação social e trabalhista em vigor, obrigando-se a saldá-los na
época própria, vez que os seus empregados não manterão nenhum
vínculo empregatício com a Mútua;

12.2. Todas as providências e obrigações estabelecidas na legislação


específica de acidentes de trabalho, quando, em ocorrência da espécie
forem vítimas os seus empregados no desempenho dos serviços ou em
conexão com eles, ainda que acontecido em dependência da Mútua.

12.3. Todos os encargos de eventual demanda trabalhista, cível ou


penal, relacionada à execução do objeto, originariamente ou vinculadas
por prevenção, conexão ou continência;

12.4. Todos os eventuais danos causados diretamente a Mútua, quando


estes tiverem sido ocasionados, por seus empregados ou prepostos,
durante a execução do objeto;

54
12.5. Todas as despesas decorrentes da não observância das condições
constantes do objeto, bem como de infrações praticadas por seus
empregados ou preposto, ainda que no recinto da Mútua.

12.6. Todas as despesas diretas e indiretas, tais como salário,


transporte, alimentação, diárias, indenizações civis e quaisquer outras
que forem devidas a seus empregados na execução do objeto, bem
como aquelas realizadas com eventuais terceirizações, ficando a Mútua
isenta de qualquer vínculo empregatício.

12.7. Executar o objeto dentro dos parâmetros rotinas previamente


estabelecidas, em observância às recomendações aceitas pela boa
técnica, pelas normas e pela legislação vigente;

12.8. Comunicar a Mútua, formalmente e por meio de protocolo,


qualquer anormalidade na correta fruição do objeto, prestando os
esclarecimentos necessário;

12.9. Indicar e manter o seu representante junto a Mútua, que durante o


período de vigência do contrato será a pessoa a quem a Mútua recorrerá
sempre que for necessário, inclusive para requerer esclarecimentos e
exigir solução para as reclamações que porventura surjam durante a
execução do objeto;

12.10. Zelar pelo sigilo inerente á execução do objeto e pela


confidencialidade quanto aos dados e informações da Mútua e que
eventualmente tenha acesso, empregando todos os meios necessários
para tanto.

12.11. Não contratar para atuar na execução do Contrato servidor


pertencente ao quadro de pessoal da Mútua, ou terceiros que já lhe
preste serviços;

12.12. Manter banco de dados atualizado dos empregados que estejam


eventualmente desempenhando suas atividades nas instalações da
Mútua, contendo, minimamente: nome, CPF, nível de escolaridade,
endereço residencial e telefone, disponibilizando-o sempre que
formalmente solicitado;
55
12.13. Quanto à execução do objeto, são de responsabilidades da
Mútua:

a) Acompanhar, fiscalizar, conferir e avaliar a sua execução por um


representante especialmente designado, nos termos do art. 67 da
Lei n° 8.666/93.

b) Rejeitar, justificadamente, no todo ou em parte, a execução do


objeto realizada em desacordo com o objeto, fixando prazo para
sua correção;

c) Notificar, por escrito, a respeito da ocorrência de eventuais


imperfeições observadas no curso de execução do objeto, fixando
prazo para a sua correção;

d) Prestar informações e esclarecimentos que vierem a ser


formalmente solicitados;

e) Aplicar aas penalidades regulamentares e contratuais previstas;

f) Efetuar os pagamentos após a execução do objeto, na forma e


nos prazos estabelecidos.

21. DO INSTRUMENTO DE MEDICAÇÃO DE RESULTADO


21.1. Nos termos do Anexo VIII-A, da Instrução Normativa (IN) nº 05, de 26 de maio de
2017 do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, e visando garantir a
qualidade do serviço prestados, será aplicada a pretensa contratação parâmetros para a
medição de resultados, conforme tabelas abaixo:
Grau Correspondência Pontuação

1 Leve 0,3

2 Média 0,5

3 Grave 1,0

Pontuação para aplicação sobre cada ocorrência de infração

56
Item Descrição Grau

1 Não atendimento do telefone fornecido pela LEVE


CONTRATADA para os contatos registro
das ocorrências (por chamada não
atendida).

2 Atraso na prestação de informações MÉDIA


esclarecimentos solicitados pela
CONTRATANTE, para cada 24 (vinte
quatro) horas de atraso.

3 Cobrança por serviços não prestados. MÉDIA

4 Descumprir o prazo máximo (8 horas) para MÉDIA


conclusão do serviço de
suporte/recuperação do serviço

5 Deixar de informar apresentar preposto seu MÉDIA


substituto CONTRATANTE em caráter
definitivo ou temporário.

6 Interrupção da prestação dos serviços (para GRAVE


cada hora totalizada pela soma de
interrupções), sem comunicação prévia
acordada com CONTRATANTE.

7 Atraso na ativação dos serviços, nas GRAVE


alterações de características técnicas ou
nas alterações de endereço, para cada 5
(cinco) dias corridos de atraso.

8 Não cumprir o item: As interrupções GRAVE


necessárias para manutenções preventivas
deverão ser comunicadas à
CONTRATANTE, com antecedência
mínima de 05 (cinco) dias úteis, e deverão

57
ser efetuadas no período compreendido
entre 00:00 e 06:00 horas, horário de
Brasília, de domingo e/ou segunda-feira.

21.2. A cada registro de ocorrência será apurado somatório da pontuação das


ocorrências acumuladas no período de 12 (doze) meses anteriores ao fato gerador de
cada um dos serviços. Esta pontuação servirá como base para que CONTRATANTE
aplique as seguintes sanções administravas, de modo que, atingindo a quantidade
necessária a configuração de uma sanção, esta será imediatamente aplicada, observado
processo administrativo:
Pontuação acumulada Sanção

01 (um) ponto Advertência 2 (dois) pontos Advertência

03 (três) pontos Multa correspondente 2% (dois por cento) do valor


faturado do mês de aplicação dessa sanção.

04 (quatro) pontos Multa correspondente 4% (quatro por cento) do valor


faturado do mês de aplicação dessa sanção

05 (cinco) pontos Multa correspondente 6% (seis por cento) do valor


faturado do mês de aplicação dessa sanção

06 (seis) pontos Multa correspondente 8% (oito por cento) do valor


faturado do mês de aplicação dessa sanção

07 (sete) pontos Multa correspondente 10% (dez por cento) do valor


faturado do mês de aplicação dessa sanção

08 (oito) pontos Rescisão unilateral do contrato

21.3. Os valores apurados em decorrência de descumprimento dos itens indicados na


medição dos resultados, serão objeto de glosa na fatura da empresa.
21.4. As infrações descritas acima são meramente exemplificavas. Situações diversas
serão definidas pelos respectivos ordenadores de despesas.

58
21.5. Havendo reincidência de qualquer das infrações o percentual da penalidade será
considerado em dobro.

22. DAS MULTAS E DESCONTOS

22.1. Nos casos de não atendimento aos indicadores de qualidade de serviços, serão
efetuados descontos proporcionais automáticos pelos serviços não prestados, sempre
que o não atendimento seja considerado indisponibilidade dos serviços.
22.2. As multas, sanções e descontos serão cumulativas dentro de cada mês e não
excederão a 30% (trinta por cento) do valor mensal contratado.
22.3. As multas porventura aplicadas serão descontadas dos pagamentos devidos pelo
CONTRATANTE, da garantia ofertada ou cobradas diretamente da CONTRATADA,
amigável ou judicialmente, e poderão ser aplicadas cumulativamente às demais sanções
previstas.
22.4. Caso seja constatado, pelos relatórios, que os serviços contratados não foram
executados conforme previsto, o gestor do contrato enviará o relatório para a contratada
para no prazo de 05 (cinco) dias corridos apresentar sua defesa ou concordância. Caso o
desconto não possa ser efetuado na fatura do mês de ocorrência, o valor será descontado
na fatura do mês subsequente.
22.5. Havendo pedido de prorrogação do prazo, este somente será concedido nos casos
previstos no Art. 57, §1, da Lei nº 8.666/93, em caráter excepcional, sem efeito
suspensivo, e deverá ser encaminhado por escrito, com antecedência mínima de 01 (um)
dia do seu vencimento, anexando-se documento comprobatório do alegado pela
CONTRATADA, de acordo com a lei.
22.6. Será aplicada MULTA POR INEXECUÇÃO, garantida a defesa prévia, nas
seguintes condições:
 De até 10% (dez por cento) sobre o saldo contratual, caso haja a inexecução
parcial do objeto.
22.7. Será configurada a inexecução parcial do objeto quando:
 A CONTRATADA executar, até a metade do prazo de execução do objeto, menos
de 20% (vinte por cento) do previsto, inicialmente, no cronograma por ele apresentado e
aprovado pela FISCALIZAÇÃO.
59
 A CONTRATADA executar, até o final do prazo de conclusão dos serviços, menos
de 90% (noventa por cento) do valor total do contrato até o Recebimento Definitivo.
22.8. Será configurada a inexecução total do objeto quando houver atraso injustificado
para início da prestação dos serviços de comunicação de dados por mais de 30 (trinta)
dias consecutivos.

23. DA VIGENCIA DO CONTRATO

15.1. O prazo de vigência do contrato objeto do presente Termo de Referência será de


12 (doze) meses, com data de início a partir da assinatura do Contrato, podendo este
prazo ser prorrogado nos termos do inciso II do art. 57 da Lei nº 8.666, de 21 de junho de
1993.

24. DA FORMA DE PAGAMENTO

24.1. A remuneração será em função das OS executadas/concluídas, no mês de sua


conclusão, salvo autorização expressa do Gestor do Contrato ou negociação prévia
estabelecida na própria OS, levando-se em conta as entregas (serviços) efetivamente
feitas e qualidade.

24.2. Mensalmente, a CONTRATADA apresentará, para ateste, o relatório de serviços


aceitos contendo a lista de todas as Ordens de Serviços aceitas, apurados dentro do ciclo
de execução definido. A apresentação do relatório deverá ocorrer até o (10) décimo dia do
mês subsequente ao mês de apuração.

24.3. O ateste do Gestor do Contrato na CONTRATANTE consistirá no envio da


”Autorização para Faturamento" a CONTRATADA, contendo referência ao ”Relatório de
Ordens de Serviço Aceitas — termo definitivo" do mês em questão, o quantitativo de
Ordens de Serviço aceitas neste período e autorizando o faturamento do somatório,
referentes às Ordens de Serviços aceitas, bem como o valor líquido para o pagamento
mensal referente a sustentação dos serviços.
60
24.4. O ateste do Fiscal do Contrato na CONTRATANTE para o envio da “Autorização
para Faturamento" a CONTRATADA deverá ocorrer em até 3 (três) dias úteis.

24.5. Após o ateste do Fiscal do Contrato na CONTRATANTE, a CONTRATADA emitirá


em até 3 (três) dias úteis nota fiscal/fatura no valor correspondente ao somatório de todas
as Ordens de Serviço aceitas no período de referência, devidamente convertidos para
Reais (R$), encaminhando a referida nota fiscal/fatura à CONTRATANTE, para ateste e
pagamento. Sobre este valor poderão incidir as sanções previstas neste Termo de
Referência.

24.6. Ressalta-se a eventualidade da aplicação de sanções (glosas e/ou multas) em


decorrência das disposições previstas deste TERMO DE REFERÊNCIA.

24.7. A Nota Fiscal ou Fatura deverá, obrigatoriamente, ser acompanhada Comprovação


de Regularidade Fiscal Fazenda Municipal e Estadual, Comprovação de Regularidade
Fiscal Federal, Certidão Negativa de Débitos Trabalhistas — CNDT, Certidão Negativa do
FGTS (CRF), SICAF.

24.8. A retenção ou glosa no pagamento, sem prejuízo das sanções cabíveis, ocorrerá
quando a CONTRATADA:
c) Não produzir os resultados, deixar de executar, ou não executar com a qualidade
mínima exigida para o objeto contratado;
d) Deixar de utilizar materiais e recursos humanos exigidos para a execução
contratual, ou utilizá-Ios com qualidade inferior à exigida neste Termo de Referência.

25. RESPONSABILIDADES

25.1. DA CONTRATADA

25.1.1. Nomear preposto para representá-la durante a vigência do contrato.


25.1.2. Manter, durante a vigência do contrato, as condições de habilitação exigidas
na licitação, devendo comunicar à CONTRATANTE a superveniência de fato impeditivo
da manutenção dessas condições.
61
25.1.3. Reparar, corrigir, remover, reconstruir ou substituir, às suas expensas, o
objeto do contrato em que se verificarem vícios, defeitos ou incorreções.

25.1.4. Responder pelos danos causados diretamente à CONTRATANTE ou a


terceiros, decorrentes de sua culpa ou dolo na execução do contrato.

25.1.5. Utilizar exclusivamente pessoal habilitado à prestação dos serviços para os


quais se obrigou. Ressarcir integralmente eventuais danos causados à Mútua, ainda que
a administração já tenha procedido com a aplicação de multas, glosas ou qualquer outra
sanção administrativa prevista em contrato.

25.1.6. Fazer com que seus empregados cumpram as normas da Mútua.

25.1.7. Respeitar as normas de controle de bens e de fluxo de pessoas nas


dependências da CONTRATANTE.

25.1.8. Assegurar garantia dos equipamentos fornecidos pela contratada a partir da


data de emissão do Termo de Recebimento Definitivo da solução.

25.1.9. Comunicar à Mútua qualquer anormalidade e prestar os esclarecimentos


julgados necessários.
25.1.10. Reconhecer os meios escritos de comunicação como cartas, ofícios,
relatórios, atas de reunião, formulários e modelos aceitos pelas partes, e as
comunicações efetuadas por e-mail corporativo das partes.

25.2. DA CONTRATANTE

25.2.1. Designar funcionários para fazerem a interface entre CONTRATANTE e


CONTRATADA, acompanhando e reportando a execução do contrato.

25.2.2. Estabelecer normas e procedimentos de acesso dos empregados da


CONTRATADA às suas instalações para instalação da solução.

25.2.3. Informar à empresa CONTRATADA de atos que possam interferir direta ou


indiretamente na instalação das soluções contratadas.

25.2.4. Comunicar formalmente qualquer anormalidade ocorrida na execução do


objeto adquirido.

25.2.5. Responsabilizar-se pelo pagamento das soluções contratadas e prestadas


pela CONTRATADA, nos prazos e condições estabelecidos no contrato.

62
25.2.6. Prestar as informações e os esclarecimentos que venham a ser solicitados
pelos técnicos da empresa CONTRATADA. Fornecer à licitante vencedora todas as
informações, esclarecimentos, documentos e demais condições necessárias à execução
da licitação.

25.2.7. Solicitar o reparo, a correção, a remoção, a reconstrução ou a substituição


do objeto do contrato em que se verificarem vícios, defeitos ou incorreções.

25.2.8. Aplicar à Empresa vencedora as penalidades regulamentares e contratuais;

26. DA GARANTIA CONTRATUAL

18.1. O adjudicatário prestará garantia de execução do contrato, nos moldes do art. 56 da


Lei nº 8.666, de 1993, com validade durante a execução do contrato e por 90 (noventa)
dias após o término da vigência contratual, em valor correspondente a 5% (cinco por
cento) do valor total do contrato.

18.2. No prazo máximo de 10 (dez) dias úteis, prorrogáveis por igual período, a critério da
CONTRATANTE, contados da assinatura do contrato, a contratada deverá apresentar
comprovante de prestação de garantia, podendo optar por caução em dinheiro ou títulos
da dívida pública, seguro-garantia ou fiança bancária.

18.3. A inobservância do prazo fixado para apresentação da garantia acarretará a


aplicação de multa de 0,07% (sete centésimos por cento) do valor total do contrato por dia
de atraso, até o máximo de 2% (dois por cento).

18.4. O atraso superior a 25 (vinte e cinco) dias autoriza a Administração a promover a


rescisão do contrato por descumprimento ou cumprimento irregular de suas cláusulas,
conforme dispõem os incisos I e II do art. 78 da Lei n. 8.666, de 1993.

18.5. A validade da garantia, qualquer que seja a modalidade escolhida, deverá abranger
um período de 90 dias após o término da vigência contratual.

18.6. A garantia assegurará, qualquer que seja a modalidade escolhida, o pagamento de:

 prejuízos advindos do não cumprimento do objeto do contrato e do não


adimplemento das demais obrigações nele previstas;

63
 prejuízos diretos causados à Administração decorrentes de culpa ou dolo durante a
execução do contrato;
 multas moratórias e punitivas aplicadas pela Administração à CONTRATADA; e
 obrigações trabalhistas e previdenciárias de qualquer natureza e para com o FGTS,
não adimplidas pela contratada, quando couber.

18.7. A modalidade seguro-garantia somente será aceita se contemplar todos os eventos


indicados no item anterior, observada a legislação que rege a matéria.

18.8. A garantia em dinheiro deverá ser efetuada em favor da CONTRATANTE, em conta


específica, com correção monetária.

18.9. Caso a opção seja por utilizar títulos da dívida pública, estes devem ter sido
emitidos sob a forma escritural, mediante registro em sistema centralizado de liquidação e
de custódia autorizado pelo Banco Central do Brasil, e avaliados pelos seus valores
econômicos, conforme definido pelo Ministério da Fazenda.

18.10. No caso de garantia na modalidade de fiança bancária, deverá constar expressa


renúncia do fiador aos benefícios do artigo 827 do Código Civil.

18.11. No caso de alteração do valor do contrato, ou prorrogação de sua vigência, a


garantia deverá ser ajustada à nova situação ou renovada, seguindo os mesmos
parâmetros utilizados quando da contratação.

18.12. Se o valor da garantia for utilizado total ou parcialmente em pagamento de


qualquer obrigação, a Contratada obriga-se a fazer a respectiva reposição no prazo
máximo de 15 (quinze) dias úteis, contados da data em que for notificada.

18.13. A CONTRATANTE executará a garantia na forma prevista na legislação que rege a


matéria.

18.14. Será considerada extinta a garantia:

 com a devolução da apólice, carta fiança ou autorização para o levantamento de


importâncias depositadas em dinheiro a título de garantia, acompanhada de declaração
da CONTRATANTE, mediante termo circunstanciado, de que a Contratada cumpriu todas
as cláusulas do contrato;

64
 no prazo de 90 (noventa) dias após o término da vigência do contrato, caso a
Administração não comunique a ocorrência de sinistros, quando o prazo será ampliado,
nos termos da comunicação.

18.15. O garantidor não é parte para figurar em processo administrativo instaurado pela
CONTRATANTE com o objetivo de apurar prejuízos e/ou aplicar sanções à contratada.

18.16. A contratada autoriza a CONTRATANTE a reter, a qualquer tempo, a garantia, na


forma prevista no neste Edital e no Contrato.

27. CONTRATO

27.1. GESTÃO

27.1.1. A CONTRATANTE indicará, antes do início da execução dos serviços, um


de seus colaboradores para ser a interface com a CONTRATADA e será responsável por:

27.1.1.1. Acompanhar e fiscalizar a execução do contrato e anotar em registro próprio


todas as ocorrências relacionadas com a execução, sob os aspectos quantitativos e
qualitativos, comunicando as ocorrências de quaisquer fatos que exijam medidas
corretivas por parte da CONTRATADA;

27.1.1.2. Encaminhar a documentação comprobatória de descumprimento contratual


para os setores responsáveis e solicitar providências;

27.1.1.3. Avaliar a qualidade dos serviços prestados.

27.1.1.4. Elaborar Termo de Recebimento Provisório.

27.1.1.5. Atestar a Nota Fiscal/Fatura encaminhada pela CONTRATADA e


encaminhá-la à área administrativa para providências.

27.1.2. A CONTRATADA deverá alocar um responsável técnico, doravante


denominado de Preposto, e indicar um substituto, que deverá assumir, pessoal e
diretamente, a gestão administrativa do contrato e representar a CONTRATADA durante a
execução do contrato de prestação de serviços.

27.1.3. O Preposto ou seu substituto deverá estar disponível à Mútua, durante todo
o horário de execução dos serviços. Ele é o responsável por:

27.1.3.1. Representar formalmente a CONTRATADA durante o prazo de execução do


contrato;
65
27.1.3.2. Acompanhar a execução do contrato e atuar como interlocutor principal junto
à Mútua, incumbido de receber, diligenciar, encaminhar e responder as principais
questões técnicas, legais e administrativas referentes ao andamento contratual;

27.1.3.3. Garantir que os serviços e/ou a assistência técnica (quando aplicável) seja
prestada conforme contrato.

28. COMUNICAÇÃO

28.1. MECANISMOS FORMAIS DE COMUNICAÇÃO:

28.1.1. Abertura de chamados por meio dos mecanismos previstos nas


especificações técnicas da solução, conforme descrito no item específico;

28.1.2. Correio eletrônico;

28.1.3. Reuniões presenciais ou por meio de videoconferência, registradas em atas;

28.1.4. Ofício circular;

28.1.5. Transferência de conhecimento;

28.1.6. Outros meios de comunicação que forem necessários.

Em atendimento ao Art. 14, § 6º da Instrução Normativa SLTI/MP nº 04/2014, a equipe de


planejamento da contratação aprova o Termo de Referência e encaminha a Autoridade
Competente para a devida aprovação, nas condições e quantidades definidas, por se
mostrarem adequadas ao interesse da Administração.

66
ANEXO II - MODELO DE PROPOSTA DE PREÇO

A Empresa .................. com sede em ............ (endereço completo), inscrita no CNPJ/MF sob o
n.º............., neste ato representada por ............, abaixo assinado, interessada na prestação do
objeto da presente Concorrência nº ......propõe a Mútua a prestação dos serviços, objeto deste
Ato Convocatório, para a execução de todos os itens relacionados no Termo de Referência,
conforme PLANILHA DE APRESENTAÇÃO DA PROPOSTA DE PREÇOS a seguir
apresentada:

Item Descrição Quant. Valor unitário Valor Total

Aquisição de software de
assinatura digital e eletrônica de
1 01 unidade
documentos eletrônicos – software
com código fonte
Serviço de implantação e
configuração da solução de
2 01 unidade
assinatura digital de documentos
eletrônicos
Serviços de repasse de
3 01 unidade
conhecimento treinamento
Serviço de manutenção, suporte
técnico, garantia e atualização
4 12 meses
tecnológica da plataforma do
documento eletrônico seguro
Serviço de especializado em
1200 Pontos
5 customização da plataforma do
de função
documento eletrônico seguro.
O VALOR TOTAL DA PROPOSTA DE PREÇOS É DE R$ R$ XXXXXXXXXX, considerando
o somatório dos valores apresentados na planilha de preços

DECLARAMOS que:

a) A validade da proposta é de 90 (Noventa) dias, contados a partir da data de abertura da


licitação;
b) Recebemos todos os elementos e informações para cumprimento das obrigações objeto da
licitação e aceitamos expressamente as condições dispostas no ato convocatório;
c) Todo e qualquer ônus referente a direitos de propriedade industrial, marcas e patentes,
segredos comerciais e outros direitos de terceiros, bem como por violação dos mesmos, suas

67
consequências e efeitos jurídicos são de responsabilidade desta empresa licitante que
responderá por eles contra reclamações relacionadas com o assunto;
d) Garantimos a execução dos serviços, bem como os preços ofertados durante toda a
realização do futuro Contrato;
e) Examinamos cuidadosamente o TR e seus anexos e estamos cientes de todas as suas
condições e a elas desde já nos submetemos.

Brasília DF, de de 2021.

68
ANEXO III - ORDEM DE SERVIÇO

INTRODUÇÃO
Por intermédio da Ordem de Serviço será solicitado formalmente a CONTRATADA a
prestação de serviço/soluções relativos ao objeto do contrato.
1 – IDENTIFICAÇÃO
ORDEM DE SERVIÇO/Nº:
CONTRATO Nº:
CONTRATADA:
Data da Emissão: Área Requisitante
do Serviço:
Solicitante:
E-mail: Telefone:

Solução de TI:

2 – ESPECIFICAÇÃO DAS SOLUÇÕES/SERVIÇOS E VOLUMES ESTIMADOS


Valor Quantidade/ Valor Total (R$)
Item Descrição da solução ou Serviço Unit. (R$) Ponto de de Ponto de
de Ponto Função Função
de
Função
1

Total
3 – INSTRUÇÕES COMPLEMENTARES
4 – CRONOGRAMA
Item referente ao Início Previsto Fim Previsto Prazo Máximo
Produto/Serviço

5 – ARTEFATOS / PRODUTOS
Fornecidos A serem gerados e/ou atualizados

6 – CIÊNCIA

69
CONTRATANTE
Área Requisitante Gestor do Contrato

<Nome do Responsável> <Nome do Responsável >


Local, <dd/mm/aaaa>
Local, <dd/mm/aaaa>

Contratada
Preposto

<Nome do Responsável pela área requisitante>


Local, <dd/mm/aaaa>

70
ANEXO IV - TERMO DE RECEBIMENTO PROVISÓRIO
INTRODUÇÃO
O Termo de Recebimento Provisório declarará formalmente a CONTRATADA que os
serviços foram prestados para posterior análise das conformidades de qualidade,
baseadas nos critérios de aceitação definidos em contrato.
IDENTIFICAÇÃO
CONTRATO Nº: [XXXXXXX]
CONTRATADA: [XXXXXX]
CONTRATANTE: [XXXXXX]
ORDEM DE SERVIÇO Nº: DATA DA EMISSÃO: de de
SOLUÇÃO
ENTREGUE
ESPECIFICAÇÃO DOS SERVIÇOS/SOLUÇÃO E VOLUMES DE EXECUÇÃO
ITEM Descrição do Serviço/Solução Quantidade Valor Valor Total de
de Ponto unitário Ponto de Função
de Função de Ponto
de
Função

Total de itens

Por este instrumento, atestamos para fins de cumprimento do disposto no artigo 35, da
Instrução Normativa nº 1/2019 SLTI/MP, que os serviços (ou bens), relacionados na O.S.
acima identificada, foram recebidos nesta data e serão objeto de avaliação quanto aos
aspectos de qualidade, de acordo com os Critérios de Aceitação previamente definidos
pela CONTRATANTE. Ressaltamos que o recebimento definitivo destes serviços,
ocorrerá em até XXXX dias úteis, desde que não ocorram problemas técnicos ou
divergências quanto às especificações constantes do Termo de Referência
correspondente ao Contrato supracitado.

DE ACORDO
CONTRATANTE CONTRATADA
Fiscal Técnico do Contrato Preposto

<Nome do Responsável > <Nome do Preposto>


Local, <dd/mm/aaaa> CPF <n°do CPF do preposto>
Local, <dd/mm/aaaa>

71
ANEXO V - TERMO DE RECEBIMENTO DEFINITIVO
INTRODUÇÃO
O Termo de Recebimento Definitivo declarará formalmente a CONTRATADA que os
serviços prestados foram devidamente avaliados e atendem aos requisitos
estabelecidos em contrato.
IDENTIFICAÇÃO
CONTRATO Nº: [XXXXXXX]
CONTRATADA: [XXXXXX]
CONTRATANTE: [XXXXXX]
ORDEM DE SERVIÇO Nº: DATA DA EMISSÃO: de de
SOLUÇÃO
ENTREGUE
ESPECIFICAÇÃO DAS SOLUÇÕES / SERVIÇOS E VOLUMES DE EXECUÇÃO
item descrição do quantidade quantidade valor total de ponto
serviço/solução estimada final de de função
de ponto ponto de
de função função

Total

Por este instrumento, atestamos para fins de cumprimento do disposto no art. 33, da
Instrução Normativa nº 1/2019 SLTI/MP, que os serviços e/ou bens integrantes da
OS/OFB acima identificada, ou conforme definido no Modelo de Execução do contrato
supracitado, atendem às exigências especificadas no Termo de Referência / Projeto
Básico do Contrato acima referenciado.

DE ACORDO
Gestor do Contrato Fiscal Requisitante do Contrato

<Nome do Gestor do Contrato> <Nome do fiscal requisitante do contrato>


Local, <dd/mm/aaaa> Local, <dd/mm/aaaa>

72
ANEXO VI - TERMO DE CONFIDENCIALIDADE PARA PROFISSIONAIS

_______________________________, doravante designado simplesmente RESPONSÁVEL,


se compromete, por intermédio do presente TERMO DE CONFIDENCIALIDADE, a não
divulgar sem autorização quaisquer informações de propriedade da Mútua, em conformidade
com as seguintes Cláusulas e condições:  

CLÁUSULA PRIMEIRA 
O RESPONSÁVEL reconhece que, em razão da sua prestação de serviços à Mútua (Contrato
nº ___/___, celebrado em ___/___/___), estabelece contato com informações privadas
da Mútua que podem e devem ser conceituadas como segredo de indústria ou de negócio.
Estas informações devem ser tratadas confidencialmente sob qualquer condição e não podem
ser divulgadas a terceiros não autorizados, aí se incluindo os próprios empregados, sem a
expressa e escrita autorização do representante legal signatário do Contrato ora referido.  

CLÁUSULA SEGUNDA 
As informações a serem tratadas confidencialmente são aquelas assim consideradas no
âmbito da Mútua e que, por sua natureza, não são ou não deveriam ser de conhecimento de
terceiros, tais como:  
I. listagens e documentações com informações sigilosas ou confidenciais a que venha a ter
acesso enquanto contratado por sociedade que preste serviço à  Mútua.  
II. documentos relativos a estratégias econômicas, financeiras, de investimentos, de
captações de recursos, de marketing, de clientes e respectivas informações, armazenadas
sob qualquer forma, inclusive informatizadas.  
III. metodologias e ferramentas de desenvolvimento de produtos e serviços, desenvolvidas
pela Mútua ou por terceiros para a Mútua.  
IV. valores e informações de natureza operacional, financeira, administrativa, contábil e
jurídica. e 
V. documentos e informações utilizados na execução dos serviços do Contrato nº __/__. 

CLÁUSULA TERCEIRA 
O RESPONSÁVEL reconhece que as referências dos incisos I a V da Cláusula Segunda
deste Termo é meramente exemplificativa, e que outras hipóteses de confidencialidade que já
existam ou venham ser como tal definidas no futuro devem ser mantidas sob sigilo.  

Parágrafo Único 
Em caso de dúvida acerca da natureza confidencial de determinada informação,
o RESPONSÁVEL deverá mantê-la sob sigilo até que venha a ser autorizado expressamente
pelo representante legal da Mútua, signatário do Contrato nº ___/___, a tratá-la

73
diferentemente. Em hipótese alguma, a ausência de manifestação expressa da Mútua poderá
ser interpretada como liberação de qualquer dos compromissos ora assumidos.  

CLÁUSULA QUARTA 
O RESPONSÁVEL recolherá, ao término do Contrato nº ___/___, para imediata devolução à 
Mútua, todo e qualquer material de propriedade destas, inclusive notas pessoais envolvendo
matéria sigilosa a este relacionada, registro de documentos de qualquer natureza que tenham
sido criados, usados ou mantidos sob seu controle, assumindo o compromisso de não utilizar
qualquer informação sigilosa ou confidencial a que teve acesso enquanto contratado pela 
Mútua.  
Parágrafo Único 
O RESPONSÁVEL adotará todas as precauções e medidas para que as obrigações oriundas
do presente instrumento sejam efetivamente observadas.  

CLÁUSULA QUINTA 
O RESPONSÁVEL obriga-se a informar imediatamente à  Mútua qualquer violação das regras
de sigilo ora estabelecidas que tenha ocorrido por sua ação ou omissão, independentemente
da existência de dolo.  

CLÁUSULA SEXTA 
O descumprimento de quaisquer das cláusulas do presente Termo acarretará a
responsabilidade civil e criminal dos que, comprovadamente, estiverem envolvidos no
descumprimento ou violação.  

CLÁUSULA SÉTIMA
As obrigações a que alude este instrumento perdurarão inclusive após a cessação da
prestação de serviços objeto do Contrato nº ___/___, e abrangem as informações presentes e
futuras.  

De Acordo,  

Brasília, ___ de __________ de ___.  

Profissionais da Equipe:  
______________________________  

Nome:_______________________________Cargo/Função:_____________
CPF:_______________Telefone:____________E-mail:__________________
Documento de Identidade (número,data,emissor):_______________________

74
ANEXO VII - TERMO DE CONFIDENCIALIDADE PARA REPRESENTANTE LEGAL

__________________________________, por seu representante legal, doravante


designado simplesmente RESPONSÁVEL, se compromete, por intermédio do
presente TERMO DE CONFIDENCIALIDADE, a não divulgar sem autorização quaisquer
informações de propriedade da Mútua, em conformidade com as seguintes Cláusulas e
condições:  

CLÁUSULA PRIMEIRA 
O RESPONSÁVEL reconhece que, em razão da sua prestação de serviços a Mútua
(Contrato nº ___/___, celebrado em ___/___/___), estabelece contato com informações
privadas da Mútua, que podem e devem ser conceituadas como segredo de indústria ou de
negócio. Estas informações devem ser tratadas confidencialmente sob qualquer condição e
não podem ser divulgadas a terceiros não autorizados, aí se incluindo os próprios
empregados da Mútua e do RESPONSÁVEL, sem a expressa e escrita autorização do
representante legal da Mútua, signatário do Contrato ora referido.  

CLÁUSULA SEGUNDA 
As informações a serem tratadas confidencialmente são aquelas assim consideradas no
âmbito da Mútua e que, por sua natureza, não são ou não deveriam ser de conhecimento
de terceiros, tais como:  
I. listagens e documentações com informações confidenciais a que venha a ter acesso.  
II. documentos relativos a estratégias econômicas, financeiras, de investimentos, de
captações de recursos, de marketing, de clientes e respectivas informações, armazenadas
sob qualquer forma, inclusive informatizadas.  
III. metodologias e ferramentas de desenvolvimento de produtos elaborados pela Mútua ou
por terceiros para a Mútua.  
IV. valores e informações de natureza operacional, financeira, administrativa, contábil e
jurídica.
V. documentos e informações utilizados na execução dos serviços do Contrato nº ___/___. 

CLÁUSULA TERCEIRA 
O RESPONSÁVEL reconhece que as referências dos incisos I a V da Cláusula Segunda
deste Termo são meramente exemplificativas, e que outras hipóteses de confidencialidade
que já existam ou venham ser como tal definidas no futuro devem ser mantidas sob sigilo.  

Parágrafo Único 
Em caso de dúvida acerca da natureza confidencial de determinada informação,
o RESPONSÁVEL deverá mantê-la sob sigilo até que venha a ser autorizado
expressamente pelo representante legal da Mútua, signatário do Contrato nº ___/___, a
tratá-la diferentemente. Em hipótese alguma a ausência de manifestação expressa da
Mútua poderá ser interpretada como liberação de qualquer dos compromissos ora
assumidos.  

CLÁUSULA QUARTA 
O RESPONSÁVEL recolherá, ao término do Contrato nº ___/___, para imediata devolução
à  Mútua, todo e qualquer material de propriedade deste, inclusive notas pessoais
envolvendo matéria sigilosa a este relacionada, registro de documentos de qualquer
natureza que tenham sido criados, usados ou mantidos sob seu controle ou posse seja de
seus empregados, prepostos, prestadores de serviço, seja de fornecedores, com vínculo
empregatício ou eventual com o RESPONSÁVEL, assumindo o compromisso de não
75
utilizar qualquer informação sigilosa ou confidencial a que teve acesso enquanto
contratado pela  Mútua.  

Parágrafo Único 
O RESPONSÁVEL determinará a todos os seus empregados, prepostos e prestadores de
serviço que estejam, direta ou indiretamente, envolvidos com a prestação de serviços
objeto do Contrato nº ___/___, a observância do presente Termo, adotando todas as
precauções e medidas para que as obrigações oriundas do presente instrumento sejam
efetivamente observadas.  

CLÁUSULA QUINTA 
O RESPONSÁVEL obriga-se a informar imediatamente à Mútua qualquer violação das
regras de sigilo ora estabelecidas que tenha ocorrido por sua ação ou omissão,
independentemente da existência de dolo, bem como de seus empregados, prepostos e
prestadores de serviço.  

CLÁUSULA SEXTA 
O descumprimento de quaisquer das cláusulas do presente Termo acarretará a
responsabilidade civil e criminal dos que, comprovadamente, estiverem envolvidos no
descumprimento ou violação.  

CLÁUSULA SÉTIMA 
As obrigações a que alude este instrumento perdurarão inclusive após a cessação do
vínculo contratual entre o RESPONSÁVEL e a Mútua e abrangem as informações
presentes e futuras.  

CLÁUSULA OITAVA 
O RESPONSÁVEL se compromete, no âmbito do CONTRATO objeto do presente Termo, a
apresentar à mútua declaração individual de adesão e aceitação das Cláusulas do TERMO
DE CONFIDENCIALIDADE PARA PROFISSIONAIS, de cada integrante ou participante da
Equipe que prestar ou vier a prestar os serviços especificados no Contrato nº ___/___.     

De Acordo,     

Brasília, ___ de __________ de ___.    

Representante Legal do Contratado: 


______________________________  

Nome:_______________________________Cargo/Função:_____________
CPF:_______________Telefone:____________E-mail:__________________ Documento
de Identidade (número,data,emissor):________________________

76
ANEXO VIII. MODELO DE DECLARAÇÃO DE INEXISTÊNCIA
DE EMPREGADO MENOR NO QUADRO DA EMPRESA

PAPEL TIMBRADO DA LICITANTE

DECLARAÇÃO DE INEXISTÊNCIA DE EMPREGADO MENOR NO


QUADRO DA EMPRESA

Local e data

À
MÚTUA DE ASSISTÊNCIA DOS PROFISSIONAIS DA ENGENHARIA, ARQUITETURA E
AGRONOMIA.

Ref.: PREGÃO ELETRÔNICO N.º xxxx/2021

Prezados Senhores,

A ______________________________, inscrita no CNPJ sob o n.º _______________,


por intermédio de seu representante legal o(a) Senhor(a) ________________________,
portador(a) da Carteira de Identidade n.º __________ SSP/____ e inscrito(a) no CPF sob o
n.º _______________ DECLARA, para fins do disposto no inciso V, do artigo 27 da Lei n.º
8.666/1993, que encontra-se cumprindo o disposto no inciso XXXIII, do artigo 7o da
Constituição Federal, não empregando menor de dezoito anos em trabalho noturno, perigoso
ou insalubre e não emprega menor de dezesseis anos.

Ressalva: caso empregue menor, a partir de quatorze anos, na condição de aprendiz,


assinalar ( ).

.................................................................................................
Identificação e assinatura do representante legal

77
ANEXO IX. MODELO DE DECLARAÇÃO DE ENQUADRAMENTO
COMO MICROEMPRESA OU EMPRESA DE PEQUENO PORTE

PAPEL TIMBRADO DA LICITANTE

DECLARAÇÃO DE ENQUADRAMENTO COMO MICROEMPRESA


OU EMPRESA DE PEQUENO PORTE

Local e data

À
MÚTUA DE ASSISTÊNCIA DOS PROFISSIONAIS DA ENGENHARIA, ARQUITETURA E
AGRONOMIA.

Ref.: PREGÃO ELETRÔNICO N.º xxxx/2021

Prezados Senhores,

Para fins de participação no Pregão Eletrônico referenciado, a empresa


___________________________________, inscrita no CNPJ sob o n.º ________________,
sediada no ___________________________, DECLARA, sob as penas da lei, que cumpre
os requisitos legais para a qualificação como (Microempresa ou Empresa de Pequeno Porte,
conforme o caso), na forma da Lei Complementar n.º 123, de 14 de dezembro de 2006 e do
Decreto n.º 8.538/2015, estando apta a usufruir do tratamento favorecido estabelecido nos
artigos 42 a 49 daquela Lei Complementar.

DECLARA, ainda, que não existe qualquer impedimento entre os previstos nos incisos
do parágrafo 40, do artigo 30 da Lei Complementar n.º 123, de 14 de dezembro de 2006 e
que (está regularmente inscrita) ou (não está inscrita) no Regime Especial Unificado de
Arrecadação de Tributos e Contribuições devidos pelas Microempresas e das Empresas de
Pequeno Porte – SIMPLES NACIONAL.

Observação: utilizar apenas uma das opções destacadas entre parênteses, conforme o
caso, retirar esta observação ao elaborar a declaração.

Atenciosamente,

.................................................................................................
Identificação e assinatura do representante legal

78
ANEXO X. MINUTA DE CONTRATO

CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º


_______/2021 QUE ENTRE SI CELEBRAM A
MÚTUA DE ASSISTÊNCIA DOS
PROFISSIONAIS DA ENGENHARIA,
ARQUITETURA E AGRONOMIA E
_______________________________ PARA
A PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS
ESPECIALIZADOS NO FORNECIMENTO DE
PLATAFORMA DE ASSINATURA
ELETRÔNICA, COM OS CÓDIGOS FONTES,
DO TIPO AVANÇADA COM USO DE
TECNOLOGIA DE BLOCOS SELADOS POR
CÓDIGOS CRIPTOGRÁFICOS EM
CORRENTES DE REGISTROS INVIOLÁVEIS
(BLOCKCHAIN) E PARA A PRESTAÇÃO DE
SERVIÇOS DE SUPORTE E ATUALIZAÇÃO.

Pelo presente Instrumento, de um lado, a MUTUA DE ASSISTENCIA DOS PROFISSIONAIS


DA ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA, pessoa jurídica de direito privado,
criada pelo Conselho Federal de Engenharia e Agronomia – Confea, por meio da Resolução
n.º 252, de 17 de dezembro de 1977, conforme autorização concedida pela Lei n.º 6.496, de
7 de dezembro de 1977, inscrita no CNPJ sob o n.º 00.509.026/0001-60, localizada no Setor
Hoteleiro Norte, Quadra 04, Bloco C, Asa Norte, Brasília DF adiante denominada
CONTRATANTE, neste ato representada por seu Diretor Geral, __________________,
portador da Carteira de Identidade n.º xxxxx SSP/xxx e CPF n.º xxxxxxx, por seu Diretor
Financeiro, _________________, portador da Carteira de Identidade n.º xxxxxx SSP/xxx e
CPF n.º xxxxxx, e por seu Diretor Administrativo, _____________________, portador da
Carteira de Identidade n.º xxxxx SSP/xx e CPF n.º xxxxxxxxx e, de outro, a
______________________________________., pessoa jurídica de direito privado, inscrita
no CNPJ sob o n.º XX.XXX.XXX/XXXX-XX, com sede na __________________________,
doravante denominada CONTRATADA, representada por ________________________,
portador da Carteira de Identidade n.º XXXXXXXXXXXX SSP/XX e inscrita no CPF sob o n.º
XXX.XXX.XXX-XX, com poderes concedidos pela ___________________________, na
forma da Lei n.º 10.520/2002, do Decreto n.º 10.024/2019, da Lei Complementar n.º
123/2006, subsidiariamente da Lei n.º 8.666/1993 e de outras normas aplicáveis ao objeto
deste Instrumento, resolvem celebrar o presente Contrato Administrativo mediante as
seguintes cláusulas e condições:

79
CLAUSULA PRIMEIRA – DO OBJETO
I - Contratação de empresa especializada no fornecimento de plataforma de assinatura
eletrônica, com os códigos fontes, do tipo avançada com uso de tecnologia de blocos
selados por códigos criptográficos em correntes de registros invioláveis (blockchain) com a
prestação de serviços de suporte e atualização.

CLÁUSULA SEGUNDA – GARANTIA E MANUTENÇÃO


I – A Contratante prestará a garantia de funcionamento e atualização de software, dentro
da mesma versão, pelo período de 12 (doze) meses, contada a partir do recebimento
definitivo da solução, sem prejuízo de qualquer política de garantia adicional oferecida
pelo fabricante. Essa garantia deverá ser comprovada através de Declaração do
fabricante.

II – A Contratante deverá prestar os serviços de suporte técnico da solução, que será on-
site em horário comercial (8h às 18h), atendendo os seguintes critérios:

1- Ocorrências que impedem o funcionamento do sistema:

a) Prazo de início de atendimento em até 02 horas a partir da abertura de chamado.

b) Término de atendimento em até 08 horas

2- Ocorrências que impedem parcialmente o funcionamento do sistema:

a) Prazo de início de atendimento em até 02 horas a partir da abertura de chamado.

b) Término de atendimento em até 24 horas

3 - Ocorrências que não impedem o funcionamento do sistema:

a) Prazo de início de atendimento em até 04 horas a partir da abertura de chamado.

b) Término de atendimento em até 48 horas;

4 - Durante o período de garantia a CONTRATADA prestará suporte técnico, que


deverá estar disponível em rotina 8x5 (oito horas por dia X cinco dias úteis por
semana), com atendimento às ocorrências conforme prazos mencionados no
subitem 3.2.3.
a) A CONTRATADA deverá disponibilizar Central de Atendimento com atendimento
telefônico para registro dos chamados técnicos, assim como e-mail, dentro da rotina

80
8x5.

CLÁUSULA TERCEIRA – DO HORARIO E LOCAL DE INSTALAÇÃO DA SOLUÇAO

I - A instalação deverá acontecer nas dependências da Mútua de Assistência no endereço:


Setor Hoteleiro Norte, Quadra 04, Bloco C– Brasília/DF - 70704-902

II - A demanda deste termo de referência considerou o horário comercial para instalação


de 8h00 às 18h de segunda a sexta-feira.

CLÁUSULA QUARTA – DA ENTREGA, AVALIAÇÃO E RECEBIMENTO (ACEITE)


I - O recebimento definitivo se dará após a CONTRATADA, em conjunto com a
CONTRATANTE, realizar testes de funcionamento dos sistemas previstos neste TR.
Tendo sido realizado com sucesso e atendidas as especificações do edital, o
CONTRATANTE irá emitir, em até 5 (cinco) dias úteis, um Termo de Recebimento
Definitivo, atestando a conformidade dos mesmos com as especificações constantes no
Edital, liberando assim o faturamento.
II - O serviço será avaliado mensalmente e serão considerados os critérios e indicadores
referentes ao tempo para início do atendimento e solução definitiva para problemas
relatados.

III – A Contratante, na pessoa do Gestor do Contrato emitirá Termo de Recebimento


Definitivo da prestação do serviço após análise do relatório a ser emitido pela
CONTRATADA, relativo à análise da prestação do serviço e verificação do atendimento
das demais condições contratuais.

IV - O Gestor do Contrato emitirá Termo de Recusa em caso de verificação de erros ou


impropriedades impeditivas de recebimento de equipamentos e/ou serviço prestado. A
CONTRATADA deverá promover as correções necessárias, conforme diretrizes a serem
estabelecidas pela Mútua, sem prejuízo de aplicação de penalidades previstas.

81
CLÁUSULA QUINTA – DO PAGAMENTO
I. A remuneração será em função das OS executadas/concluídas, no mês de sua
conclusão, salvo autorização expressa do Gestor do Contrato ou negociação prévia
estabelecida na própria OS, levando-se em conta as entregas (serviços) efetivamente
feitas e qualidade.
II. Mensalmente, a CONTRATADA apresentará, para ateste, o relatório de serviços
aceitos contendo a lista de todas as Ordens de Serviços aceitas, apurados dentro do
ciclo de execução definido. A apresentação do relatório deverá ocorrer até o (10) décimo
dia do mês subsequente ao mês de apuração.
III. O ateste do Gestor do Contrato na CONTRATANTE consistirá no envio da
”Autorização para Faturamento" a CONTRATADA, contendo referência ao ”Relatório de
Ordens de Serviço Aceitas — termo definitivo" do mês em questão, o quantitativo de
Ordens de Serviço aceitas neste período e autorizando o faturamento do somatório,
referentes às Ordens de Serviços aceitas, bem como o valor líquido para o pagamento
mensal referente a sustentação dos serviços.
IV. O ateste do Fiscal do Contrato na CONTRATANTE para o envio da “Autorização
para Faturamento" a CONTRATADA deverá ocorrer em até 3 (três) dias úteis.
V. Após o ateste do Fiscal do Contrato na CONTRATANTE, a CONTRATADA emitirá
em até 3 (três) dias úteis nota fiscal/fatura no valor correspondente ao somatório de
todas as Ordens de Serviço aceitas no período de referência, devidamente convertidos
para Reais (R$), encaminhando a referida nota fiscal/fatura à CONTRATANTE, para
ateste e pagamento. Sobre este valor poderão incidir as sanções previstas neste Termo
de Referência.
VI. Ressalta-se a eventualidade da aplicação de sanções (glosas e/ou multas) em
decorrência das disposições previstas deste TERMO DE REFERÊNCIA.
VII. A Nota Fiscal ou Fatura deverá, obrigatoriamente, ser acompanhada
Comprovação de Regularidade Fiscal Fazenda Municipal e Estadual, Comprovação de
Regularidade Fiscal Federal, Certidão Negativa de Débitos Trabalhistas — CNDT,
Certidão Negativa do FGTS (CRF), SICAF.
VIII. A retenção ou glosa no pagamento, sem prejuízo das sanções cabíveis, ocorrerá
quando a CONTRATADA:
IX. Não produzir os resultados, deixar de executar, ou não executar com a qualidade
mínima exigida para o objeto contratado;

82
X. Deixar de utilizar materiais e recursos humanos exigidos para a execução
contratual, ou utilizá-Ios com qualidade inferior à exigida neste Termo de Referência.

CLÁUSULA SEXTA – DAS ESPECIFICAÇÕES DAS SOLUÇÕES E DOS SERVIÇOS


I - Software de Assinatura Digital de Documento Eletrônicos:

6.1.1.O portal de assinatura digital deverá:

a) Possuir um portal de assinatura digital e verificação disponibilidade através de


uma aplicação WEB, que utilize os micro serviços da plataforma para realizar as
operações de assinatura digital e verificação de assinaturas digitais realizadas em
documentos eletrônicos;

b) Poder ser acessado e disponibilizado aos diversos usuários, que farão uso da
infraestrutura pela intranet ou internet;

c) Permitir o download do documento original após a verificação de uma assinatura


digital;

d) Permitir upload de imagem da assinatura para assinatura eletrônica;

e) Permitir configuração visual da assinatura eletrônica no documento gerado;

f) Permitir definir data limite para assinatura eletrônica do documento;

g) Enviar notificação por e-mail e sms aos signatários dos documentos


eletrônicos;

h) Permitir acompanhamento dos status das assinaturas realizadas nos


documentos;

i) Permitir o envio de múltiplos documentos eletrônicos para assinatura;

j) Utilizar IP, Geolocalização para agregar mais informações ao documento


assinado;

k) Permitir que um documento seja assinado de forma eletrônica ou digital;

l) A plataforma deve implementar criptografia utilizando node-webcrypto-p11


m) Acessar certificados locais OSX KeyStore, Mozilla NSS or Windows
CryptoAPI com wrapper PKCS#11

n) Realizar a assinatura digital sem requerer a exportação da chave privada


do signatário do repositório seguro onde ela estiver armazenada.

83
o) O micro serviço assinador deverá suportar uma carga de, no mínimo, 100
requisições de assinaturas por minuto, devendo ser escalável para atender
necessidades futuras;

p) O micro serviço assinador deverá fornecer API para assinatura eletrônica


para possibilitar integração com outros sistemas da CONTRATANTE;

q) Validar documento assinado por um código identificador único que conterá


informação sobre o documento e os signatários do documento eletrônico.

r) Consistir em portal web para administração dos softwares da Plataforma,


permitindo o cadastramento de usuários, cadastro de assinaturas, além de ajustes
voltados às configurações do sistema;

s) Possuir menu de navegação e acesso às funcionalidades da plataforma


que demandam configuração;

t) Permitir o gerenciamento de usuários da plataforma, com o cadastro de


dados com nome, CPF, e-mail, endereço e telefone, além de habilitar, desabilitar e
alertar o perfil do usuário;

u) Permitir o gerenciamento do cadastro de usuários da plataforma com no


mínimo os seguintes perfis:

1.Operador de segurança: responsável pelo cadastro de usuários;

2. Administrador: responsável pela configuração da plataforma;

v) Usuário do serviço: acesso aos micro serviços da plataforma.

w) A plataforma deverá manter um registro de todos os documentos enviados


para assinatura digital ou eletrônica e possibilitar o acompanhamento das
assinaturas;

x) A plataforma deverá permitir arquivar todos os documentos gerados pela


plataforma.

y) A Plataforma deverá possibilitar a criação de rascunhos, documentos que


podem ser preparados para envio posterior;

z) Todos os micro serviços devem ter sido implementados de acordo com as


recomendações da W3C Consortium SOAP 1.2;

aa) Todos os micro serviços e interfaces web de acesso disponibilizados pela


plataforma devem utilizar mecanismo de segurança para autenticação e
autorização de acesso aos serviços;

84
bb) Todos os softwares da plataforma deverão permitir a geração, visualização
e armazenamento de registro eletrônico (LOG) dos procedimentos executados bem
como das informações pertinentes a usuários e rede para fins de auditoria;

cc) Todos os arquivos de LOG da plataforma deverão ser gerados em arquivo


com controle de rotacionamento diário, isto é, serão gerados arquivos de LOG
distintos ara cada dia de funcionamento do sistema;

dd) A plataforma deverá ser compatível com certificados de chaves de


assinatura armazenados em software e em dispositivos criptográficos, tais como
cartões inteligentes, tokens, bem como os repositórios de certificados acessíveis a
partir dos navegadores Internet Explorer, Mozilla Firefox e Google Chrome;

6.1.2. O controle de acesso lógico deverá possuir as seguintes características:

a) Impedir que um usuário seja capaz de obter os direitos de acesso de outro


usuário;

b) Dispor de controle para encerrar sessões de autenticação caso a autenticação


seja malsucedida; e

CLÁUSULA SÉTIMA – DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA


I. Nomear preposto para representá-la durante a vigência do contrato.
II. Manter, durante a vigência do contrato, as condições de habilitação exigidas na
licitação, devendo comunicar à CONTRATANTE a superveniência de fato impeditivo da
manutenção dessas condições.
III. Reparar, corrigir, remover, reconstruir ou substituir, às suas expensas, o objeto do
contrato em que se verificarem vícios, defeitos ou incorreções.

IV. Responder pelos danos causados diretamente à CONTRATANTE ou a terceiros,


decorrentes de sua culpa ou dolo na execução do contrato.

V. Utilizar exclusivamente pessoal habilitado à prestação dos serviços para os quais


se obrigou. Ressarcir integralmente eventuais danos causados à Mútua, ainda que a
administração já tenha procedido com a aplicação de multas, glosas ou qualquer outra
sanção administrativa prevista em contrato.

VI. Fazer com que seus empregados cumpram as normas da Mútua.

VII. Respeitar as normas de controle de bens e de fluxo de pessoas nas dependências


da CONTRATANTE.

85
VIII. Assegurar garantia dos equipamentos fornecidos pela contratada a partir da data
de emissão do Termo de Recebimento Definitivo da solução.

IX. Comunicar à Mútua qualquer anormalidade e prestar os esclarecimentos julgados


necessários.
X. Reconhecer os meios escritos de comunicação como cartas, ofícios, relatórios,
atas de reunião, formulários e modelos aceitos pelas partes, e as comunicações
efetuadas por e-mail corporativo das partes.

CLAUSULA OITAVA – DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATANTE

I. Designar funcionários para fazerem a interface entre CONTRATANTE e


CONTRATADA, acompanhando e reportando a execução do contrato.

II. Estabelecer normas e procedimentos de acesso dos empregados da


CONTRATADA às suas instalações para instalação da solução.

III. Informar à empresa CONTRATADA de atos que possam interferir direta ou


indiretamente na instalação das soluções contratadas.

IV. Comunicar formalmente qualquer anormalidade ocorrida na execução do objeto


adquirido.

V. Responsabilizar-se pelo pagamento das soluções contratadas e prestadas pela


CONTRATADA, nos prazos e condições estabelecidos no contrato.

VI. Prestar as informações e os esclarecimentos que venham a ser solicitados pelos


técnicos da empresa CONTRATADA. Fornecer à licitante vencedora todas as
informações, esclarecimentos, documentos e demais condições necessárias à execução
da licitação.

VII. Solicitar o reparo, a correção, a remoção, a reconstrução ou a substituição do


objeto do contrato em que se verificarem vícios, defeitos ou incorreções.

VIII. Aplicar à Empresa vencedora as penalidades regulamentares e contratuais;

CLÁUSULA NONA – DO VALOR DO CONTRATO


I. A Contratante pagará à Contratada pelos serviços prestados o preço total de
R$.XXXXXXXXXXX, sendo divididos da seguinte forma:

86
a) Fornecimento e instalação dos softwares – R$ xxxxxxx

b) Prestação de serviços de manutenção – R$ xxxxxxx

CLÁUSULA DÉCIMA - DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA


As despesas com a prestação dos serviços constantes deste Contrato correrão à
conta da rubrica contábil 18.036 – aquisição de software; 42.069 – prestação de serviços;
42.127 – prestação de serviços; 42.069 – prestação de serviços e 42.052 – prestação de
serviços.

CLÁUSULA DÉCIMA PRIMEIRA - DA VIGÊNCIA

I. O prazo de vigência do presente Contrato será de 12 (doze) meses a contar da data


de assinatura do contrato, podendo ser prorrogado por iguais e sucessivos períodos,
mediante termo aditivo, até o limite de 48 (quarenta e oito) meses;

CLÁUSULA DÉCIMA SEGUNDA – DAS PENALIDADES


I. Comete infração administrava nos termos da Lei nº 8.666, de 1993 e da Lei nº
10.520, de 2002, a Contratada que:

a) Inexecutar total ou parcialmente qualquer das obrigações assumidas em


decorrência da contratação;
b) Ensejar o retardamento da execução do objeto;
c) Falhar ou fraudar na execução do contrato;
d) Comportar-se de modo inidôneo; e
e) Cometer fraude fiscal.

II. Pela inexecução total ou parcial do objeto deste contrato, a Administração


pode aplicar à CONTRATADA as seguintes sanções:

a) Advertência por escrito, quando do não cumprimento de quaisquer das obrigações


contratuais consideradas faltas leves, assim entendidas aquelas que não acarretam
prejuízos significativos para o serviço contratado;
b) Multa de:

b.1) 0,1% (um décimo por cento) até 0,2% (dois décimos por cento) por dia
sobre o valor adjudicado em caso de atraso na execução dos serviços, limitada
a incidência a 15 (quinze) dias. Após o décimo quinto dia e a critério da
Administração, no caso de execução com atraso, poderá ocorrer a não-

87
aceitação do objeto, de forma a configurar, nessa hipótese, inexecução total da
obrigação assumida, sem prejuízo da rescisão unilateral da avença;

b.2) 0,1% (um décimo por cento) até 10% (dez por cento) sobre o valor
adjudicado, em caso de atraso na execução do objeto, por período superior ao
previsto no subitem anterior ou de inexecução parcial da obrigação assumida;

b.3) 0,1% (um décimo por cento) até 15% (quinze por cento) sobre o valor
adjudicado, em caso de inexecução total da obrigação assumida;

b.4) 0,2% a 3,2% por dia sobre o valor mensal do contrato, conforme
detalhamento constante das tabelas 1 e 2, abaixo; e

b.5) 0,07% (sete centésimos por cento) do valor do contrato por dia de atraso
na apresentação da garantia (seja para reforço ou por ocasião de
prorrogação), observado o máximo de 2% (dois por cento). O atraso superior a
25 (vinte e cinco) dias autorizará a Administração CONTRATANTE a promover
a rescisão do contrato;

III. As penalidades de multa decorrentes de fatos diversos serão consideradas


independentes entre si;

IV. Suspensão de licitar e impedimento de contratar com a Mútua, pelo prazo de


até dois anos;

V. As sanções previstas nos incisos I, III e IV poderão ser aplicadas à


CONTRATADA juntamente com as de multa;

VI. Também ficam sujeitas às penalidades do art. 87, III da Lei nº 8.666, de 1993,
as empresas ou profissionais que:

a) tenham sofrido condenação definitiva por praticar, por meio dolosos, fraude fiscal
no recolhimento de quaisquer tributos;
b) tenham praticado atos ilícitos visando a frustrar os objetivos da licitação;
c) demonstrem não possuir idoneidade para contratar com a Mútua em virtude de
atos ilícitos praticados;

VII. A aplicação de qualquer das penalidades previstas realizar-se-á em processo


administrativo que assegurará o contraditório e a ampla defesa à CONTRATADA,
observando-se o procedimento previsto na Lei nº 8.666, de 1993, e subsidiariamente a Lei nº
9.784, de 1999;

88
VIII. A autoridade competente, na aplicação das sanções, levará em consideração a
gravidade da conduta do infrator, o caráter educativo da pena, bem como o dano causado à
Administração, observado o princípio da proporcionalidade;

CLÁUSULA DÉCIMA TERCEIRA – DA RESCISÃO


I – Este Contrato poderá ser rescindido pela CONTRATANTE, independente de
notificação ou interpelação judicial, atendido o disposto nos artigos 77 a 80 da Lei n.º
8.666/93, considerando-se especialmente as seguintes hipóteses:
a) O não-cumprimento, ou o cumprimento irregular, de cláusulas contratuais,
especificações ou prazos;
b) O atraso injustificado no início da execução dos serviços;
c) A paralisação dos serviços, sem justa causa e prévia comunicação à
CONTRATANTE;
d) A cessão ou transferência total ou parcial do seu objeto, a associação da
CONTRATADA com terceiros, a fusão, a cisão ou a incorporação, não admitidas neste
Contrato;
e) O não-atendimento das determinações regulares do empregado da
CONTRATANTE designado para acompanhar e fiscalizar a execução do Contrato;
f) O cometimento reiterado de faltas na execução do Contrato, anotadas na forma
do §1º do art. 67 da Lei nº 8.666/93;
g) A decretação de falência ou a instauração de insolvência civil de qualquer sócio
da CONTRATADA;
h) Dissolução da sociedade;
i) A alteração social ou modificação da finalidade ou da estrutura da empresa que,
a juízo da CONTRATANTE, prejudique a execução do Contrato;
j) Razões de interesse público de alta relevância e amplo conhecimento,
justificadas e determinadas pela máxima autoridade da esfera administrativa a que está
subordinada a CONTRATANTE e exaradas no processo administrativo a que se refere o
Contrato;
k) A ocorrência de caso fortuito e força maior, regularmente comprovada,
impeditiva da execução deste Contrato.
II – Os casos de rescisão contratual serão formalmente motivados nos autos do
processo, assegurados o contraditório e a ampla defesa.

CLÁUSULA DÉCIMA QUARTA – DA ALTERAÇÃO DO CONTRATO


I – O presente Contrato poderá ser alterado, com as devidas justificativas, nas
hipóteses elencadas no art. 65 da Lei nº 8.666/93.
II – A CONTRATADA fica obrigada a aceitar, nas mesmas condições contratuais,
os acréscimos ou supressões que se fizerem no quantitativo dos serviços ajustados, até 25%
(vinte e cinco por cento) do valor inicial atualizado do Contrato.
III – Nenhum acréscimo ou supressão poderá exceder o limite estabelecido acima,
salvo as supressões resultantes de acordo celebrado entre as partes.

CLÁUSULA DÉCIMA QUINTA – DAS DISPOSIÇÕES FINAIS

89
I – São de responsabilidade da CONTRATADA os ônus resultantes de quaisquer
ações, demandas, custos e despesas decorrentes de danos, seja por culpa sua ou qualquer
de seus empregados e prepostos, obrigando-se, outrossim, por quaisquer responsabilidades
decorrentes de ações judiciais de terceiros, que lhe venham a serem exigidas por força da
lei, ligadas ao cumprimento do presente Contrato.
II – Aos casos omissos deste Contrato, serão aplicados os dispositivos constantes
na Lei nº 8.666/93.

CLÁUSULA DÉCIMA SEXTA – DA AUTORIZAÇÃO DA DIRETORIA ADMINISTRATIVA


I - Este Contrato decorre de autorização da Diretoria Executiva proferida em sua
330 Reunião ocorrida nos dias 23 e 24 de novembro de 2020.

CLÁUSULA DÉCIMA SÉTIMA – DO FORO


É de competência do Foro da Circunscrição Judiciária Comum de Brasília/DF
processar e julgar as ações decorrentes do presente Contrato.
E por estarem de acordo com os termos deste Contrato, as partes firmam, em 02
(duas) vias de igual teor e forma.

Brasília/DF, _____ de _______________ de 2021.

XXXXXXXXXXX XXXXXXXXXXXXXXX
CONTRATANTE CONTRATANTE

_________________________________ _________________________________
Sócio Administrador / Procurador / Outro Sócio Administrador / Procurador / Outro
CONTRATADA CONTRATADA

90