Você está na página 1de 29

Universidade Federal do Maranhão – UFMA

Licenciatura em Ciências Naturais - Química


Reações Químicas

Equilíbrio Químico
MSc. Romario Leal

Grajaú – MA
2017
• Condição na qual as concentrações de todos
os reagentes e produtos em um sistema
fechado param de variar com o tempo.

• Reações direta e inversa ocorrem na mesma


velocidade
Conceito de Equilibrio
aA→bB

Reação direta: Vd = Kd[A]a


Reação inversa: Vi = ki[B]b

PV = nRT
nA/V = PA/RT nB/V = PB/RT

Vd = Kd(PA)a/RT Vi = ki[PB]b/RT
Conceito de Equilibrio
Vd = Vi
(Condição de Equilibrio)

Kd(PA)a/RT = ki[PB]b/RT

Kd(PA)a= ki[PB]b

Kd / ki = [PB]b / (PA)a ou Kd /ki = [B]b/[A]a

Sistemas Gasosos Sistemas Aquosos


Representação Gráfica do Equilibrio

Após o equilibrio estabelecido PA e PB não mais


variam e temos misturas em equilibrio de A e B.
Representação do Equilibrio
• Seta dupla

aA bB
Constante de Equilibrio (Keq)
• Guldberg e Waage : Lei da ação das massas

➢Relação entre as concentrações dos reagentes


e produtos no equilibrio

aA+bB↔cC+dD

ou
Ordem de Gradeza das Keq
Keq >> 1: Equilibrio encontra-se a direita, ou seja,
predominam os produtos;

Keq << 1: Equilibrio encontra-se a esquerda, ou


seja, predominam os reagentes;
Equações Químicas e Valores de Keq
Manipulações das reações de equilibrio

N2O4 (g) ↔ 2 NO2 (g) Keq = 6,46

• O que acontece se dobrarmos a concentração


das espécies?

• E se invertermos a reação?
Equações Químicas e Valores de Keq

2 NOBr (g) ↔ 2NO (g) + Br2 (g) Keq = 0,42


Br2 (g) + Cl2 (g) ↔ 2 BrCl (g) Keq = 7,2

2 NOBr + Cl2 (g) ↔ 2 NO (g) + 2 BrCl (g) Keq = ?


Unidade das Keq

Relação entre os valores e valores de referencia

Pref: 1 atm
[ ]ref: 1 mol/L
Equilibrio Homogêneo e Heterogeneo
Equilibrio homogeneo: substancias em equilibrio
estão na mesma fase

Ex: ZnCl2(g) ↔ Zn2+(aq) + 2 Cl-(aq)

Equilibrio heterogeneo: susbstancias em


equilibrio estão em fases diferentes.

Ex: CaCO3(s) ↔ CaO(s) + CO2(g)


Equilibrio Heterogeneo
CaCO3(s) ↔ CaO(s) + CO2(g) Keq = PCO 2

Como expressarmos a concentração de uma


substancia solida?

“Se um sólido ou liquido puro está envolvido em


um equilibrio heterogeneo, sua concentração não é
incluida na expressão de equilibrio para a reação”

Mesmo que essas substâncias não apareçam na


expressão do equilibrio, devem estar presentes no
sistema em equilibrio.
Calculo das constantes de equilibro
Uma mistura de hidrogenio e nitrogenio em um
recipiente de reação atinge o equilibrio a 472 °C.
A mistura em equilibrio foi analisada e
descobriu-se que ela contem 7,38 atm de H2,
2,46 atm de N2 e 0,166 atm de NH3. A partir
desses dados, calcule a constante do equilibrio,
Keq.
Calculo das constantes de equilibro
1. Tabelar as concentrações iniciais e no
equilibrio de todas as especies na expressão
da constante de equilibrio;

2. Para as especies que tanto a concentração


inicial quanto a concentração no equilibrio
são conhecidos, calculamos a variação na
concentração que ocorre à medida que o
sistema atinge o equilibrio;
Calculo das constantes de equilibro
3. Use a estequiometria da reação (isto é, use os
coeficientes na equação química balanceada)
para calcular as variações na concentração para
todas as especies no equilibrio;

4. A partir das concentrações iniciais e das


variações na concentração, calcule as
concentrações no equilibrio;
Calculo das constantes de equilibro
O trióxido de enxofre decompõe-se a alta
temperatura em um recipiente selado:

2 SO3(g) ↔ 2 SO2(g) + O2(g)

Inicialmente o recipiente é abastecido a 1000 K


com SO3(g) a uma pressão parcial de 0,500 atm.
No equilibrio a pressão parcial de SO3(g) é 0,200
atm. Calcule o valor da Keq a 1000 K.
Calculo das constantes de equilibro
Dissolve-se uma quantidade de amonia em 5,00
litros de agua a 25 °C para produzir uma solução
de 0,0124 mol/L de amonia. A solução é
mantida até que atinja o equilibrio. A analise da
mistura em equilibrio mostra que a
concentração de OH- é 4,64 x 10-4 mol/L. Calcule
a Keq a 25 °C para esta reação.
Aplicações das Constantes de Equilibrio
➢Determinando o sentido da reação

Q (Quociente da reação)

Q < Keq: Reação que forma produtos


Q = Keq: Equilibrio
Q > Keq: Reação que forma reagentes
Aplicações das Constantes de Equilibrio
Suponha que coloquemos uma mistura de 2,0
mol de H2, 1,0 mol de N2 e 2,0 mol de NH3 em
um recipiente de 1,00 L a 472 °C. N2 e H2
reagirão para formar mais NH3?
Aplicações das Constantes de Equilibrio
A 448 °C a constante de equilibrio, Keq, para a
reação é 51.

H2(g) + I2(g) ↔ 2 HI(g)

Determine como a reação prosseguira para


atingir o equilibrio se começarmos com 2,0x10-2
mol de HI, 1,0 x 10-2 mol de H2 e 3,0 x 10-2 mol
de I2 em um recipiente de 2,00 L.
Aplicações das Constantes de Equilibrio
A 1000 K o valor de Keq para a reação é 0,338.

2 SO3(g) ↔ 2 SO2(g) + O2(g)

Calcule o valor de Q, determinando o sentido no


qual a reação prosseguirá em direção ao
equilibrio se as pressões parciais dos reagentes
forem PSO3(g) = 0,16 atm; PSO2(g) = 0,41 atm e PO2(g) =
2,5 atm.
Aplicações das Constantes de Equilibrio
➢ Calculo das concentrações no equilibrio

Para o processo de Haber, a 500 °C a Keq =


1,45x10-5. Em uma mistura em equilibrio dos
tres gases a 500 °C, a pressão parcial de H2 é
0,928 atm e a pressão parcial de N2 é 0,432 atm.
Qual a pressão parcial de NH3 nessa mistura no
equilibrio?
Aplicações das Constantes de Equilibrio
➢ Calculo das concentrações no equilibrio

Um frasco de 1,00 L é preenchido com 1,00 mol


de H2 e 2,00 mol de I2 a 448 °C. O valor da
constante de equilibrio para a reação a 448°C é
50,5. Quais as pressões parciais de H2, I2 e HI no
frasco em equilibrio?
Principio de Le Chatelier
“Se um sistema em equilibrio é perturbado por
uma variação na temperatura, pressão ou
concentração de um dos componentes, o
sistema deslocará sua posição de equilibrio de
tal forma a neutralizar o efeito do disturbio.”
Principio de Le Chatelier
❖Concentração de um reagente ou produto

Se um sistema quimico está em equilibrio e


adicionarmos uma substancia (reagente ou
produto) a reação se deslocará de tal forma a
reestabelecer o equilibrio pelo consumo de
parte da substancia adicionada. Contrariamente,
a remoção de um substancia fará com que a
reação se mova no sentido que formar mais
daquela substancia.
Principio de Le Chatelier
❖ Volume e pressão

A redução do volume (ou aumento da pressão) de uma


mistura gasosa em equilibrio faz com que o sistema se
desloque no sentido de reduzir o numero de molecula de
gas.

N2(g) + 3 H2(g) ↔ 2 NH3(g)

Reagentes: 4 volumes Produtos: 2 Volumes

↑P: desloca no sentido do produto


↓P: desloca no sentido dos reagentes
Principio de Le Chatelier
❖ Temperatura

❖ Quando a temperatura aumenta, é como se tivessemos


adicionado um reagente ou um produto (calor), ao
sistema em equilibrio.

Exotermica: Reagente ↔ Produto + calor


↑T: Desloca no sentido dos reagentes
↓T: Descola no sentido dos produtos

Endotermica: Reagente + calor ↔ Produto


↑T: Desloca no sentido dos produtos
↓T: Descola no sentido dos reagentes

Você também pode gostar