Você está na página 1de 2

Células e Órgãos do Sistema Imune 

 
OBS: Contagem das imagens com retirada da “capa”.

1° Slide (Pérola). Definindo, primeiramente, o sistema imunológico, podemos


defini-lo como uma rede repleta de órgãos, células e moléculas que tem a finalidade
de manter a homeostase do organismo, combatendo as agressões em geral. Lembrando
que homeostase a habilidade de manter o meio interno em um equilíbrio quase
constante, independente das alterações possam ocorrer no meio externo.
Conforme exposto no livro “Imunologia celular e molecular”, as células do sistema
imune estão presentes como células circulantes no sangue e na linfa, ou seja, ficam
envoltas a elas. Então, essas células vão tomando funções para agir no combate e
eliminação dos antígenos.
2° Imagem:​ Explicação de Matheus quanto aos órgãos do sistema imune.

3° Imagem:​ Explicação de Matheus quanto aos órgãos do sistema imune.

4° Imagem:​ Explicação de Matheus quanto aos órgãos do sistema imune.

5° Imagem (Pérola): ​Conforme exposto no slide, foi verificado que alguns


especialistas da área de saúde afirmavam que as células do sistema imune pertencem a
dois grupos principais de órgãos: os linfócitos e os macrófagos. Essa afirmação é
baseada no estudo dos macrófagos verificados no sistema conjuntivo e no sangue
(lembrando que no sangue os macrófagos são chamados de monócitos). Então,
enquanto isso ocorre com os macrófagos, os linfócitos estão presentes no sangue e são
diferenciados em dois tipos principais: linfócitos T e linfócitos B.

6° Imagem (Pérola)​: As células do sistema imune ou imunológico tem origem de um


único tipo de células, as chamadas células hematopoiéticas. Então, essas ​são as células
estaminais com potencial para dar origem a todos os tipos de células sanguíneas​, elas
são células que se multiplicam e se transformam em qualquer célula do sangue. Então,
agora que as células já estão em pré-formação, podemos explicar sua chegada ao
sistema imune junto a sua função ali dentro.
7° até 9° (Pérola)​: ​As​ células sanguíneas são classificadas em três grupos básicos:

● Os leucócitos, também chamados de glóbulos brancos, que são células de


defesa integrantes do sistema imunitário.
● As hemácias, também chamadas de glóbulos vermelhos ou eritrócitos, que tem
a função do transporte de oxigênio
● E as plaquetas, que são as responsáveis pela coagulação sanguínea.

Mas, dentro dos leucócitos, também há células atuantes nessa defesa do organismo.
Essas células são: os monócitos, os linfócitos, os eosinófilos, os neutrófilos e os
basófilos. São elas que circundam os leucócitos para auxiliá-lo e dar ênfase em sua
função já existente. Nessa imagem, consta a sua descrição, grupo e forma
microscópica para que vocês possam ter melhor entendimento delas.

Slide 10 (Matheus ou Pérola): ​Quando falamos em defesa organismos logo pensasse


que as células sequer deixam o invasor entrar. Entretanto, há possibilidade do invasor
adentrar no organismo, mas é aí que é gerado um mecanismo de defesa chamado de
resposta imune. Assim, as substâncias invasoras são detectadas pelos macrófagos, que
irão atuar em sua digestão parcial e na comunicação dos demais componentes do
sistema imune para que os invasores sejam totalmente destruídos ou eliminados.
Após a atuação dos macrófagos ser concluída, os linfócitos começam a atuar para
ligar-se aos invasores.

Você também pode gostar