Você está na página 1de 3

Dica Clínica

Arco lingual de Nance:


pequenos procedimentos para grandes
soluções
Renato Rodrigues de Almeida*
Renata Rodrigues de Almeida-Pedrin**
Marcio Rodrigues de Almeida***

INTRODUÇÃO função da própria oclusão durante a masti-


Um dos procedimentos ortodônticos gação.
que requer do profissional tempo e habili- Pois bem, com a aplicabilidade do Arco de
dade e seguramente do paciente a máxima Nance pré-montado a verticalização e giroversão
cooperação é a verticalização dos molares dos molares se realiza em dois ou três meses após
inferiores que estão inclinados para lingual a cimentação e sem a necessidade de levantamento
e quando em oclusão, as cúspides palatinas oclusal e a tão sonhada e desejada colaboração do
dos molares superiores ocluem com a face paciente, pois é um aparelho fixo.
vestibular dos molares inferiores (primeiros
ou segundos). Arco lingual de nance pré-montado:
Quem não se lembra daquele primeiro Técnica de construção
molar inferior inclinado para lingual e para - adapte as bandas nos molares mal posi-
complicar ainda mais com giroversão? E para cionados, solde um tubo ou braquete na face
sua correção foi aplicado sem sucesso, todo o vestibular para servir como guia;
vasto conhecimento científico sobre a biologia - em seguida, molde o arco inferior, faça
do tecido ósseo da mandíbula e os recursos a transferência das bandas e vaze o gesso para
técnicos que dispomos, que são vários para obtenção do modelo (Fig. 1);
realizar a movimentação dentária, sendo um - no laboratório, com auxílio de uma ser-
deles muito utilizado dentre os ortodontistas, ra para gesso, corte no contato cada molar
o elástico intermaxilar ou cruzado que só tem separando-o dos demais dentes do modelo
ação quando o paciente abre a boca e que deve (Fig. 2, 3, 4);
ser usado 24 horas por dia e trocado a cada - realize o “set up” dos molares na posição
3 dias ou quando quebrar, sendo portanto, desejada (Fig. 5), fixando-os com um pedaço
totalmente dependente da cooperação do de fio ortodôntico;
paciente, e após seis meses de infrutíferas - construa o arco lingual, solde-o conven-
tentativas o molar continua soberano na sua cionalmente, remova o tubo/braquete guia, dê
posição inicial ou mais inclinado ainda em polimento e acabamento (Fig. 6).

* Professor Doutor da Disciplina de Ortodontia da Faculdade de Odontologia de Bauru-USP; Professor Responsável pela Disciplina de Ortodontia da Faculdade de
Odontologia de Lins - UNIMEP e Professor Titular de Ortodontia da UNICID-SP.
** Especialista em Radiologia, Mestre e Doutoranda em Ortodontia pela Faculdade de Odontologia de Bauru-USP.
*** Mestre, Doutor e Pós-Doutorado em Ortodontia pela Faculdade de Odontologia de Bauru-USP e Professor Coordenador do Curso de Especialização da Faculdade de
Odontologia de Lins - UNIMEP.

R Clín Ortodon Dental Press, Maringá, v. 2, n. 4, p. 9-11 - ago./set. 2003 • 9


Arco lingual de Nance: pequenos procedimentos para grandes soluções

Figura 2 Figura 3

Figura 1

Figura 4 Figura 5 Figura 6

Aplicação clínica
Caso clínico 1
O caso clínico número 1
refere-se a um paciente na fase
de dentadura mista, com uma
acentuada inclinação dos pri-
meiros molares permanentes
inferiores para lingual. Após os Figura 7 Figura 8
desgastes nas faces distais dos
segundos molares decíduos (Fig.
7) para facilitar a movimentação,
procedeu-se à cimentação do arco
lingual de Nance pré-montado
com os torques já incorporados
(Fig. 8). A figura 9 evidencia
a irrupção dos pré-molares e a
correção da inclinação dos pri-
meiros molares 4 meses após. O Figura 9 Figura 10
acompanhamento do caso mostra
a estabilidade da verticalização
dos molares (Fig. 10).

10 • R Clín Ortodon Dental Press, Maringá, v. 2, n. 4, p. 9-11 - ago./set. 2003


Renato Rodrigues de Almeida, Renata Rodrigues de Almeida-Pedrin, Marcio Rodrigues de Almeida

Caso clínico 2
O paciente do caso clínico
número 2 também se apresen-
tava na fase de dentadura mista
com os primeiros molares per-
manentes inferiores inclinados
para lingual e com giroversão
(Fig. 11). O protocolo de trata- Figura 11 Figura 12
mento priorizou a utilização do
arco de Nance pré-montado para
correção do problema (Fig. 12).
Dois meses após a instalação do
aparelho verifica-se uma relativa
melhora no posicionamento dos
primeiros molares (Fig. 13). A
figura 14 comprova a correção
da inclinação e da giroversão
dos dentes referidos. Figura 13 Figura 14

Caso clínico 3
O caso clínico número 3 tra-
ta-se de um retratamento em que
os primeiros molares inferiores
encontram-se inclinados para lin-
gual e completamente fora do ali-
nhamento do arco dentário como
mostra a figura 15. Nesta mesma Figura 15 Figura 16
figura observa-se a quantidade de
ativação do aparelho (pré-realizada
no laboratório). As figuras 16, 17 e
18 evidenciam a evolução do caso
e o sucesso da verticalização dos
primeiros molares permanentes.

Observação
Nos casos em que os molares
se encontram acentuadamente Figura 17 Figura 18
inclinados para lingual, o trata-
mento deve ser realizado em duas
etapas, minimizando o efeito e a
força de um torque exagerado.

Agradecimento
Os autores agradecem ao
odontolando e técnico especiali- Endereço para correspondência:
zado da disciplina de Ortodontia Renato Rodrigues de Almeida
da FOB-USP, Luiz Sérgio Vieira FOB-USP - Departamento de Ortodontia
Al. Octávio P. Brisolla, 9-75
pela construção dos aparelhos de Bauru-SP
Nance pré-montados. E-mail: marcioralmeida@uol.com.br

R Clín Ortodon Dental Press, Maringá, v. 2, n. 4, p. 9-11 - ago./set. 2003 • 11