Você está na página 1de 1482

4730

Pulverizador autopro-
pelido
(prefixo 1NW)
Diagnósticos e testes

MANUAL TÉCNICO
Testes e diagnóstico do pulverizador
autopropelido NW4730
TM802454 01SEP15 (PORTUGUESE)

Para informações de manutenção completas consulte:

Reparo do pulverizador autopropelido


NW4730................................................................. TM802554
Motores Diesel PowerTech™ 4,5 L e 6,8
L—Motor Base ..................................................... CTM206
Motores a Diesel PowerTech™ de 4,5 L e 6,8
L— Sistema Eletrônico de Combustível Nível
14 com Trilho Comum de Alta Pressão Denso .. CTM328

John Deere Catalão


LITHO IN U.S.A.
Introdução
Prefácio
Este manual foi escrito para a orientação de um
A informação é organizada em grupos para os vários
técnico com experiência. As ferramentas necessárias
componentes que requerem instruções de manutenção.
para executar certos trabalhos de manutenção são
No começo de cada grupo estão contidas listas
identificadas neste manual e são recomendadas para
resumidas de todas as ferramentas essenciais aplicáveis,
estes fins.
o equipamento de manutenção e ferramentas, outros
Viva com segurança: Leia as mensagens de segurança materiais necessários para o trabalho, jogos de peças
contidas na introdução deste manual e os avisos de de manutenção, especificações, tolerâncias de desgaste
cuidado apresentados por todo o texto. e valores de torque.
Os manuais técnicos de componentes são guias concisos
Este é o símbolo de alerta de segurança. Ao ver este para máquinas específicas. Eles são guias locais que
símbolo na máquina ou neste manual, ficar atento ao contêm somente a informação vital necessária para
potencial de ferimento pessoal. diagnóstico, análise, teste e conserto.
Os manuais técnicos são divididos em duas partes: A informação fundamental de manutenção está disponível
seção de conserto e de operação e testes. As seções de em outras fontes que cobrem a teoria básica de operação,
conserto contém as instruções necessárias para reparar fundamentos de resolução de problemas, manutenção
o componente. As seções de operação e testes ajudam a geral e os tipos básicos de falhas e suas causas.
identificar a maioria das falhas de rotina rapidamente.
DX,TMIFC -54-29SEP98-1/1

TM802454 (01SEP15) Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=2
Conteúdo
Seção 210—Informações gerais Grupo 10B—Procedimentos de calibração
Grupo 05—Segurança Grupo 10D—Códigos de diagnóstico
Grupo 10E—Endereços de Diagnóstico
Seção 211—Códigos de Diagnóstico Grupo 10G—Testes de componentes — Outros
Grupo 2—BHC - Código de diagnóstico de falhas do Grupo 15A—Lança — Sistema de nivelamento
controlador hidráulico da lança BoomTrac Pro
Grupo 3—CCU - Código de diagnóstico de falhas da Grupo 15B—Barra de pulverização — Nivelamento
unidade de controle do chassi (lado esquerdo)
Grupo 4—ECU - Código de diagnóstico de falhas da Grupo 15C—Barra de pulverização — Nivelamento
unidade de controle do motor (lado direito)
Grupo 5—iTC - Código de diagnóstico de falhas da Grupo 15D—Lança — Subida/descida
compensação integrada de terreno Grupo 15E—Barra de pulverização — Retorno à altura
Grupo 6—SRC - Código de diagnóstico de falhas do Grupo 15F—Lança — Modo de polarização
controlador da taxa de pulverização Grupo 15G—Barra de pulverização —
Grupo 7—SSU - Código de diagnóstico de falhas da desdobramento/retração
unidade do sistema de direção Grupo 15H—Cabine — Sistema de ar condicionado
Grupo 8—TEC - Código de diagnóstico de falhas do Grupo 15I—Cabine — Tomadas de alimentação auxiliar
controle de equipamento do trator Grupo 15J—Cabine - Buzina
Grupo 9—TEI - Código de diagnóstico de falhas da Grupo 15K—Cabine — Rádio e relógio
interface de equipamento do trator Grupo 15L—Cabine — Ajuste do assento
Grupo 15M—Cabine — Palheta do limpador de
para-brisas
Seção 212—Sintomas Observáveis Grupo 15N—Barramento CAN — Comunicação do
Grupo 20—Motor barramento CAN
Grupo 30—Combustível, admissão de ar, escape e Grupo 15O—Barramento CAN - alavanca multifuncional
arrefecimento Grupo 15P—Diagnóstico da unidade de controle —
Grupo 40—Sistema elétrico BHC (controlador do sistema hidráulico da
Grupo 50—Trem de força barra de pulverização)
Grupo 60—Freios Grupo 15Q—Diagnóstico da unidade de controle
Grupo 70—Sistema hidráulico — CCU/SRC (unidade de controle do
Grupo 75—Ajuste da suspensão e da bitola chassi/unidade de controle da taxa de
Grupo 80—Direção pulverização)
Grupo 90—Estação do operador Grupo 15R—Diagnóstico da unidade de controle —
Grupo 100—Sistema de solução ECU (unidade de controle do motor)
Grupo 120—Sistema de nivelamento automático de Grupo 15S—Diagnóstico da unidade de controle —
suspensão pneumática SSU (unidade de sistema de direção)
Grupo 15T—Motor — Interruptor do filtro de ar
Seção 220—Motor Grupo 15U—Motor — Sensor de temperatura do
Grupo 10—Informações de diagnóstico do motor líquido de arrefecimento
Grupo 15V—Motor — Controles de combustível e motor
Seção 230—Sistema de arrefecimento e Grupo 15W—Motor — Sensor de pressão do óleo
de admissão de ar Grupo 15X—Motor — Sensores de velocidade
Grupo 10—Informação do sistema de arrefecimento Grupo 15Y—Motor — Controles do acelerador
e de admissão de ar Grupo 15Z—Motor —Sensor de nível de combustível
Grupo 15AA—GreenStar — AutoTrac
Seção 240—Sistema elétrico Grupo 15AB—GreenStar — Display
Grupo 05A—Informações gerais - Seção elétrica Grupo 15AC—GreenStar — Receptor
Grupo 10A—Acesso aos códigos de diagnóstico e aos Grupo 15AD—Sistema hidráulico — Sensor de
endereços temperatura do óleo hidráulico

Continua na próxima página

Instruções originais. Todas as informações, ilustrações e especificações


neste manual são baseadas nos dados mais recentes disponíveis
no momento da publicação. Reservamo-nos o direito de efetuar
alterações a qualquer momento sem aviso prévio.
COPYRIGHT © 2013
DEERE & COMPANY
Moline, Illinois
All rights reserved.
A John Deere ILLUSTRUCTION ™ Manual

TM802454 (01SEP15) i Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=1
Conteúdo

Grupo 15AE—Sistema hidráulico — Escada Grupo 15A—Diagnóstico do sistema hidráulico básico


Grupo 15AF—Sistema hidráulico — Válvula de Grupo 15B—Barra de pulverização - Diagnóstico do
obstrução da detecção de carga nivelamento esquerdo
Grupo 15AG—Sistema hidráulico — Ajuste da bitola Grupo 15C—Diagnóstico de elevação e abaixamento
Grupo 15AH—Sistema de iluminação — Luzes de da barra de pulverização
entrada e de teto Grupo 15D—Barra de pulverização - Diagnósticos do
Grupo 15AI—Sistema de iluminação — Luzes nivelamento direito
direcionais, de advertência, estrada e Grupo 15E—Diagnóstico de inclinação da barra de
campo pulverização
Grupo 15AJ—Interruptor de presença do operador Grupo 15G—Diagnóstico do extensão/retração da
Grupo 15AK—Luzes de advertência do operador — barra de pulverização
Luzes de atenção Grupo 15H—Diagnóstico da escada
Grupo 15AL—Luzes de advertência do operador — Grupo 15I—Diagnósticos da bomba de solução
Luz de freio Grupo 20—Localização dos componentes
Grupo 15AM—Distribuição de energia
Grupo 15AN—Trem de força — Alarme auxiliar Seção 275—Ajuste da Suspensão e da Bitola
Grupo 15AO—Trem de força — Status do trem de força Grupo 05—Informações gerais
Grupo 15AP—Trem de força — Auxílio hidrostático Grupo 10—Procedimentos de Teste e Ajustes
Grupo 15AQ—Trem de força — Freio de Grupo 15—Diagnóstico do ajuste da bitola
estacionamento Grupo 20—Localização dos componentes
Grupo 15AR—Trem de força — Controles do intervalo
de velocidade
Grupo 15AS—Trem de força — Controle de tração
Seção 280—Direção
Grupo 05—Informações gerais
Grupo 15AT—Trem de força — Sensores de velocidade
Grupo 10—Procedimentos de Teste e Ajustes
da roda
Grupo 15—Diagnóstico da direção
Grupo 15AU—Sensor de radar
Grupo 20—Localização dos componentes
Grupo 15AV—Sistema de solução — Agitação
Grupo 15AW—Sistema de solução — Pressão da
solução Seção 290—Estação do Operador
Grupo 15AX—Sistema de solução — Bomba de Grupo 05—Informações gerais
solução Grupo 10—Procedimentos de Teste e Ajustes
Grupo 15AY—Sistema de solução - Controle de válvula Grupo 15—Diagnóstico do ar-condicionado e
de pulverização aquecimento
Grupo 15AZ—Sistema de solução — Taxa de Grupo 20—Localização dos componentes
pulverização
Grupo 15BA—Partida e carregamento — Sistema de Seção 300—Sistema de Solução
carga Grupo 05—Informações gerais
Grupo 15BB—Partida e carga — Sistema de partida Grupo 10—Procedimentos de Teste e Ajustes
Grupo 20—Informações dos conectores (vistas Grupo 15A—Diagnóstico do extrator
das extremidades, números, fotos de Grupo 15B—Diagnóstico de taxa instável
localização) Grupo 15C—Diagnóstico da carga
Grupo 15D—Diagnóstico da pressão da solução
Seção 250—Trem de força Grupo 15E—Diagnóstico de aplicação em excesso ou
Grupo 05—Informações gerais insuficiente
Grupo 10—Procedimentos de Teste e Ajustes Grupo 20—Localização dos componentes
Grupo 15A—Diagnóstico da redução final
Grupo 15B—Diagnóstico da transmissão hidrostática Seção 320—Sistema de nivelamento
Grupo 15C—Diagnóstico do reforço hidrostático da ré automático de suspensão a ar
Grupo 15D—Diagnóstico do controle de tração Grupo 15—Diagnósticos do sistema de nivelamento
Grupo 20—Localização de componentes do trem de automático da suspensão a ar
acionamento
Seção 399—Ferramentas de Manutenção
Seção 260—Freios Grupo 05—Ferramentas fabricadas por
Grupo 05—Informações gerais concessionários
Grupo 10—Procedimentos de Teste e Ajustes Grupo 10—Kits e Ferramentas de Manutenção
Grupo 15A—Diagnóstico do freio de estacionamento
Grupo 15B—Diagnóstico dos freios de serviço

Seção 270—Sistema hidráulico


Grupo 05—Informações gerais
Grupo 10—Procedimentos de Teste e Ajustes

TM802454 (01SEP15) ii Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=2
Seção 210
Informações gerais
Conteúdo

Página
Página
Grupo 05—Segurança
Reconheça as Informações de Descarte Adequado dos Resíduos
Segurança ............................................... 210-05-1 ............................................................... 210-05-14
Palavras de Aviso........................................ 210-05-1 Viva com Segurança ................................. 210-05-15
Execute a Manutenção com
Segurança ............................................... 210-05-1
Espere antes de abrir o sistema de
injeção de combustível de alta
pressão.................................................... 210-05-2
Segurança na Manutenção dos
Sistemas de Acumuladores..................... 210-05-2
Manuseio de Fluidos com Cuidado
- Evite Incêndios ...................................... 210-05-2
Evite Explosões da Bateria.......................... 210-05-3
Emergências................................................ 210-05-3
Proteção Contra Borrifos a Alta
Pressão ................................................... 210-05-3
Evite as Queimaduras Causadas
por Ácidos................................................ 210-05-4
Uso de Roupa de Proteção ......................... 210-05-4
Manuseio de Produtos Químicos
Agrícolas com Segurança ....................... 210-05-5
Operação e Manutenção dos
Pulverizadores Químicos com
Segurança ............................................... 210-05-6
Evite Contato com Produtos
Químicos Agrícolas ................................. 210-05-7
Limpeza dos Pesticidas Perigosos
no Veículo................................................ 210-05-7
Apoie a Máquina Apropriada-
mente....................................................... 210-05-8
Manutenção de Máquinas com
Segurança ............................................... 210-05-8
Prática de Manutenção Segura ................... 210-05-9
Poeiras de Amianto Prejudiciais.................. 210-05-9
Trabalhe em Área Ventilada ...................... 210-05-10
Limpeza da Área de Trabalho ................... 210-05-10
Remova a Tinta Antes de Soldar
ou Aquecer ............................................ 210-05-10
Evite Aquecer Áreas Próximas às
Linhas de Fluido Pressurizado .............. 210-05-11
Evitar fluidos sob alta pressão................... 210-05-11
Manutenção Segura dos Pneus ................ 210-05-12
Manutenção com Segurança no
Sistema de Arrefecimento ..................... 210-05-12
Iluminação da Área de Trabalho
com Segurança ..................................... 210-05-13
Substituir etiquetas com avisos de
segurança.............................................. 210-05-13
Equipamento Adequado Para
Levantar e Suspender ........................... 210-05-13
Uso de Ferramentas Adequadas............... 210-05-14
Construção de Ferramentas com
Segurança no Concessionário .............. 210-05-14

TM802454 (01SEP15) 210-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=1
Conteúdo

TM802454 (01SEP15) 210-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=2
Grupo 05
Segurança
Reconheça as Informações de Segurança
Este é o símbolo de alerta de segurança. Ao ver este
símbolo em sua máquina ou neste manual, fique atento a
possíveis ferimentos pessoais.
Siga as precauções e práticas seguras de operação

T81389 —UN—28JUN13
recomendadas.

DX,ALERT -54-29SEP98-1/1

Palavras de Aviso
Uma palavra de aviso—PERIGO, ATENÇÃO OU
CUIDADO—é usada como símbolo de alerta de
segurança. PERIGO identifica os riscos graves.
Avisos de segurança como PERIGO ou ATENÇÃO estão
localizados próximos de perigos específicos. Precauções

TS187 —54—27JUN08
gerais são indicadas nos avisos de segurança de
CUIDADO. A palavra CUIDADO também chama atenção
para as mensagens de segurança neste manual.

DX,SIGNAL -54-03MAR93-1/1

Execute a Manutenção com Segurança


Durante os procedimentos de montagem, de teste e
de ajuste, podem ser necessários o acionamento e
os sistemas hidráulicos. Mantenha-se afastado dos
elementos da máquina quando dobrar, desdobrar,
levantar ou abaixar as lanças e durante a operação dos

N44972 —UN—21AUG92
motores hidráulicos.
Pratique a boa comunicação com os outros técnicos de
serviços. Fique ciente das suas ações e alerte-os dos
riscos potenciais.
Nunca lubrifique, nem execute serviços ou ajustes
na máquina quando esta estiver em funcionamento.
Mantenha as mãos, os pés e as roupas longe de
peças operadas por tração ou hidraulicamente. Se for operação, esteja alerta quanto a peças em movimento
necessário inspecionar a máquina enquanto estiver em na área próxima.
AG,OUO6045,991 -54-15DEC99-1/1

TM802454 (01SEP15) 210-05-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=7
Segurança

Espere antes de abrir o sistema de injeção


de combustível de alta pressão
Fluido sob alta pressão remanescente nas linhas de
combustível pode provocar acidentes pessoais graves.
Apenas técnicos familiarizados com este tipo de sistema
devem efetuar consertos. Em motores com sistema

TS1343 —UN—18MAR92
de combustível com Tubo Distribuidor de Alta Pressão
(HPCR), confirme que a pressão de combustível está
liberada para desconectar as linhas de combustível,
os sensores ou quaisquer outros componentes entre a
bomba de combustível de alta pressão e os bicos.

DX,WW,HPCR2 -54-09SEP14-1/1

Segurança na Manutenção dos Sistemas de


Acumuladores
O fluido ou gás libertado dos sistemas de acumuladores
pressurizados, utilizados em sistemas de ar condicionado,
hidráulicos e de freios a ar pode causar ferimentos
graves. O calor extremo pode fazer com que o

TS281 —UN—15APR13
acumulador arrebente e as linhas pressurizadas podem
ser acidentalmente cortadas. Não solde nem use uma
tocha perto de um acumulador pressurizado ou de uma
linha pressurizada.
Alivie a pressão do sistema pressurizado antes de retirar
o acumulador.
Alivie a pressão do sistema hidráulico antes de retirar o
acumulador. Nunca tente aliviar o sistema hidráulico ou a Os acumuladores não podem ser consertados.
pressão do acumulador soltando um acessório.
DX,WW,ACCLA2 -54-22AUG03-1/1

Manuseio de Fluidos com Cuidado - Evite


Incêndios
Quando transferir ou utilizar combustível, evite fazê-lo na
proximidade de aquecedores, chamas ou faíscas e não
fumar.

TS227 —UN—15APR13
Armazene os líquidos inflamáveis em lugar seguro onde
não exista perigo de incêndio. Não perfure nem incinere
vasilhames pressurizados.
Limpe a máquina e retire dela qualquer sujeira, graxas e
outros resíduos.
Não guarde tecidos impregnados de óleo, pois eles
podem inflamar-se espontaneamente.
DX,FLAME -54-29SEP98-1/1

TM802454 (01SEP15) 210-05-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=8
Segurança

Evite Explosões da Bateria


Mantenha faíscas, fósforos acesos ou chamas
descobertas longe da bateria. O gás formado pela bateria
pode explodir.
Nunca verifique a carga da bateria colocando um objeto
de metal ligando os bornes. Use um voltímetro ou

TS204 —UN—15APR13
densímetro.
Não carregue uma bateria congelada; ela pode explodir.
Aqueça a bateria a 16°C (60°F).

DX,SPARKS -54-03MAR93-1/1

Emergências
Esteja preparado para qualquer incêndio.
Mantenha um kit de primeiros socorros e o extintor de
incêndio sempre à mão.
Mantenha os números de emergência dos médicos,

TS291 —UN—15APR13
serviço de ambulância, hospital e bombeiros próximos
do seu telefone.

DX,FIRE2 -54-03MAR93-1/1

Proteção Contra Borrifos a Alta Pressão


Os borrifos ou spray de bicos de alta pressão podem
penetrar na pele e causar graves ferimentos. Mantenha o
spray longe do contato das mãos e do corpo.
Em caso de acidente, consulte um médico imediatamente.

TS1343 —UN—18MAR92
Qualquer spray de alta pressão injetado na pele deve
ser removido cirurgicamente dentro de algumas horas ou
poderá resultar em gangrena. Os médicos com pouca
experiência neste tipo de ferimento devem procurar uma
fonte adequada de conhecimentos médicos nesta área.
Tal informação pode ser obtida no departamento médico
da Deere & Company em Moline, Illinois, E.U.A.
DX,SPRAY -54-16APR92-1/1

TM802454 (01SEP15) 210-05-3 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=9
Segurança

Evite as Queimaduras Causadas por Ácidos


O ácido sulfúrico do eletrólito da bateria é venenoso. Ele
é forte o suficiente para queimar a pele, furar as roupas e
causar cegueira se atingir os olhos.
Evite o perigo:
1. Enchendo as baterias em áreas bem ventiladas.
2. Usando proteção para os olhos e luvas de borracha.
3. Evitando respirar os gases ao adicionar eletrólito.
4. Evitando derramar ou entornar o eletrólito.
5. Use o procedimento adequado de partida ao usar
cabos de ligação direta.
Se derramar ácido em si mesmo:
1. Lave a pele com água.
2. Aplique bicarbonato de sódio ou cal para ajudar a
neutralizar o ácido.
3. Lave os olhos com água durante 15 a 30 minutos.
Obtenha atendimento médico imediatamente.
Em caso de ingestão do ácido:

TS203 —UN—23AUG88
1. Não induza o vômito.
2. Beba grandes quantidades de água ou leite, mas sem
exceder 2 l (2 quarts).
3. Obtenha atendimento médico imediatamente.

DX,POISON -54-21APR93-1/1

Uso de Roupa de Proteção


Use roupa e equipamento de segurança apropriados ao
trabalho.
A exposição prolongada ao ruído pode causar dano ou
perda de audição.

TS206 —UN—15APR13
Use dispositivos de proteção da audição apropriados
tais como protetores de ouvidos para proteger contra
barulhos altos ou incômodos.
Operar o equipamento com segurança requer a plena
atenção do operador. Não use rádios nem fones de
ouvido enquanto estiver operando a máquina.
DX,WEAR -54-10SEP90-1/1

TM802454 (01SEP15) 210-05-4 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=10
Segurança

Manuseio de Produtos Químicos Agrícolas


com Segurança
Produtos químicos usados em aplicações agrícolas como
fungicidas, herbicidas, inseticidas, pesticidas, rodenticidas
e fertilizantes podem ser prejudiciais à sua saúde ou ao
meio-ambiente se não forem utilizados com cuidado.

TS220 —UN—15APR13
Siga sempre todas as instruções das etiquetas para usar
os produtos químicos agrícolas de maneira eficaz, segura
e legal.
Para reduzir o risco de exposição e ferimentos:
• Use equipamentos de proteção individual adequados
conforme recomendação do fabricante. Na falta de
instruções do fabricante, siga estas diretrizes:
- Produtos químicos com etiqueta 'Perigo': Muito
tóxico. Geralmente exigem o uso de óculos de
proteção, máscara respiratória, luvas e proteção para
a pele.

A34471 —UN—11OCT88
- Produtos químicos com etiqueta 'Atenção':
Toxicidade intermediária. Geralmente exigem o uso
de óculos de proteção, luvas e proteção para a pele.
- Produtos químicos com etiqueta 'Cuidado': Pouco
tóxico. Geralmente requerem o uso de luvas e
proteção para pele.
• Evite inalar vapores, aerossóis ou poeira.
• Tenha sempre sabão, água e toalha disponíveis
ao trabalhar com produtos químicos. Se o produto • Mantenha os produtos químicos em seus recipientes
químico entrar em contato com a pele, mãos ou face, originais. Não transfira os produtos químicos para
lave imediatamente com água e sabão. Se o produto recipientes sem identificação nem para recipientes
químico atingir os olhos, lave imediatamente com água. usados para alimentos e bebidas.
• Lave as mãos e o rosto após usar produtos químicos e
• Armazene produtos químicos em uma área segura e
antes de comer, beber, fumar ou urinar. trancada longe de alimentos para gado ou pessoas.
• Não fume nem coma durante a aplicação de produtos Mantenha afastado de crianças.
químicos. • Sempre descarte os recipientes da maneira adequada.
• Após o manuseio de produtos químicos, sempre tome Lave três vezes os recipientes vazios e perfure ou
um banho e troque suas roupas. Lave as roupas antes esmague-os e descarte-os da maneira correta.
de vesti-las novamente.
• Procure imediatamente atendimento médico caso
tenha sintomas de doença durante ou logo após o uso
de produtos químicos.
DX,WW,CHEM01 -54-25MAR09-1/1

TM802454 (01SEP15) 210-05-5 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=11
Segurança

Operação e Manutenção dos Pulverizadores


Químicos com Segurança
Os produtos químicos utilizados nos pulverizadores
agrícolas podem ser prejudiciais à sua saúde ou ao
ambiente, se não forem usados com cuidado.

TS272 —UN—23AUG88
Siga sempre todas as indicações do rótulo para uma
utilização eficaz, segura e legal dos produtos químicos
agrícolas.
Reduza o risco de exposição e lesões:
• Use equipamento de proteção pessoal adequado,
conforme recomendado pelo fabricante. (Consulte
‘Manusear produtos químicos agrícolas de forma
segura’ na seção Segurança).
• Encha, lave, calibre e descontamine o pulverizador
numa área em que o produto que sai não atinja bacias
de água, lagos, riachos ou rios, áreas de gado ou
jardins, ou próximas de pessoas.
• Mantenha as crianças afastadas de produtos químicos,

TS220 —UN—15APR13
soluções químicas e líquidos de lavagem.
• Se o spray ou concentrado químico entrar em contato
com a pele, mãos ou o rosto, lave imediatamente com
água e sabão.
Se o spray ou concentrado químico entrar nos olhos,
lave-os imediatamente com água.
• Se o bocal entupir ou o sistema funcionar mal, pare o
motor e alivie a pressão de spray do sistema. - Não pulverize quando o vento estiver soprando na
• Não coloque pontas de bocal ou outros componentes direção de alguma colheita sensível, jardim ou zona
na boca para limpar obstruções. Tenha pontas habitada.
sobressalentes à mão para reposição. • Jogue fora os produtos químicos, soluções de
• Minimize o risco de desvio do spray. lavagem não usados e recipientes químicos vazios,
- Use as pontas dos bocais grandes operados a baixas adequadamente.
pressões.
- Não opere o sistema de fornecimento de solução a
• Descontamine o equipamento usado na mistura, na
transferência e na aplicação dos produtos químicos
pressões que ultrapassem 345kPa (3.5 bar) (50 psi). após o uso.
- Não pulverize quando os ventos excederem 16 km/h
(10 mph).
DX,WW,CHEM02 -54-05APR04-1/1

TM802454 (01SEP15) 210-05-6 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=12
Segurança

Evite Contato com Produtos Químicos


Agrícolas

CUIDADO: Essa cabine fechada não protege


contra a inalação de vapores, aerossóis ou poeira.

TS220 —UN—15APR13
1. Ao operar em um ambiente onde pesticidas estiverem
presentes, use camisas de manga longa, calças
compridas, sapatos e meias.
2. Se as instruções de uso do pesticida exigirem
proteção respiratória, use uma máscara apropriada
dentro da cabine.
3. Quando deixar a cabine fechada, use equipamento de
proteção individual conforme exigido pelas instruções
de uso do pesticida:
• em uma área tratada
• para trabalhar com equipamentos de aplicação
contaminados, como bicos, que devem ser limpos,

TS272 —UN—23AUG88
substituídos ou redirecionados
• para se envolver em atividades de mistura e
carregamento
4. Antes de entrar novamente na cabine, retire o
equipamento de proteção e guarde-o fora da cabine
em uma caixa fechada ou em outro tipo de recipiente
vedável ou dentro da cabine em um recipiente
resistente ao pesticida, como um saco plástico.
5. Limpe os seus sapatos ou botas para remover terra
ou outras partículas contaminadas antes de entrar na
cabine.
DX,CABS1 -54-25MAR09-1/1

Limpeza dos Pesticidas Perigosos no Veículo

CUIDADO: Durante a aplicação de pesticidas 1. Varra ou aspire o piso da cabine.


prejudiciais à saúde, pode haver um acúmulo
2. Limpe o teto e o interior da cabine.
de resíduos de pesticida dentro ou fora do
veículo. Limpe o veículo de acordo com as 3. Lave o exterior inteiro do veículo.
instruções de uso do pesticida
4. Jogue fora toda a água usada que possua alto teor
Quando exposto aos pesticidas prejudiciais à saúde, de ingredientes ativos ou não ativos de acordo com
limpe o exterior e o interior do veículo diariamente para regulamentos ou diretrizes publicados.
mantê-lo sem contaminação.
DX,CABS2 -54-24JUL01-1/1

TM802454 (01SEP15) 210-05-7 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=13
Segurança

Apoie a Máquina Apropriadamente


Baixe sempre os implementos ao solo antes de trabalhar
na máquina. Ao trabalhar numa máquina ou acessório
suspenso, apoie a máquina ou o acessório com
segurança. Se deixados em uma posição levantada, os
implementos sustentados hidraulicamente poderão baixar

TS229 —UN—23AUG88
ou ter vazamento interno e baixar.
Não apóie a máquina sobre blocos de cimento, tijolos
ocos ou escoras que possam desmoronar sob uma carga
contínua. Não trabalhe sob uma máquina que esteja
apoiada apenas por um macaco. Observe sempre as
instruções de manuseio dadas neste manual.
Quando implementos ou acessórios são utilizados em
uma máquina, siga sempre as precauções de segurança
listadas no manual do operador do implemento.
DX,LOWER -54-24FEB00-1/1

Manutenção de Máquinas com Segurança


Prenda o cabelo longo atrás da cabeça. Não use gravata,
cachecol, roupas soltas e nem colares quando trabalhar
próximo de máquinas, ferramentas ou de peças móveis
de uma máquina. Se estes objetos se prenderem no
equipamento, poderão resultar em graves ferimentos.

TS228 —UN—23AUG88
Remova anéis e outras jóias para prevenir choques
elétricos ou enroscamento em peças móveis.

DX,LOOSE -54-04JUN90-1/1

TM802454 (01SEP15) 210-05-8 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=14
Segurança

Prática de Manutenção Segura


Compreenda o procedimento de manutenção antes de
executar qualquer trabalho. Mantenha a área de trabalho
limpa e seca.
Nunca lubrifique, ajuste ou faça manutenção na máquina
quando esta estiver em movimento. Mantenha mãos, pés
e vestimentas longe de peças acionadas por potência
elétrica ou hidráulica. Desengate todas as fontes de
potência, e opere os controles para aliviar a pressão.
Baixe o equipamento até ao solo. Desligue o motor.
Remova a chave. Permita que a máquina arrefeça.
Apoie de forma segura quaisquer elementos da máquina
que tenham que ser levantados para que a manutenção
possa ser feita.
Mantenha todas as peças em bom estado e
adequadamente instaladas. Repare danos
imediatamente. Substitua as peças gastas ou partidas.
Remova quaisquer acumulações de massa lubrificante,
óleo ou detritos.

TS218 —UN—23AUG88
Em equipamentos com motor, desligue o cabo terra da
bateria (-) antes de fazer quaisquer ajustes nos sistemas
elétricos ou antes de soldar na máquina.
Em implementos rebocados, desligue o conjunto de
cabos de ligação do trator antes de fazer manutenção
nos componentes do sistema elétrico ou antes de soldar
na máquina.
DX,SERV -54-17FEB99-1/1

Poeiras de Amianto Prejudiciais


Evite respirar a poeira que pode ser produzida ao
manusear componentes que contém fibras de amianto.
A inalação das fibras de amianto pode causar câncer de
pulmão.
Os componentes de produtos que podem conter fibras

TS220 —UN—15APR13
de amianto são as pastilhas dos freios, os calços
e revestimentos dos freios, as placas e discos de
embreagens, e algumas juntas. O amianto usado nestes
componentes normalmente é contido numa resina ou
isolado de alguma maneira. O manuseio normal não é
perigoso desde que não se produza pó de amianto para
o ar.
Evite produzir pó. Nunca use ar comprimido para limpar. disponível, aplique um borrifo de óleo ou água no material
Evite escovar ou moer material que contém amianto. contendo amianto.
Ao fazer a manutenção, use um aparelho respirador Mantenha as pessoas não envolvidas fora da área de
aprovado. Um aspirador de pó especial é recomendado trabalho.
para limpar amianto. Caso o aspirador não esteja
DX,DUST -54-15MAR91-1/1

TM802454 (01SEP15) 210-05-9 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=15
Segurança

Trabalhe em Área Ventilada


O gás de escape do motor pode causar doenças ou até
mesmo a morte. Na necessidade de ligar um motor
em uma área fechada, remova o gás da área com uma
extensão do tubo de escape.
Se você não tiver uma extensão do tubo de escape, abra

TS220 —UN—15APR13
as portas para a circulação do ar.

DX,AIR -54-17FEB99-1/1

Limpeza da Área de Trabalho


Antes de começar um trabalho:
• Limpe a área de trabalho e a máquina.
• Certifique-se de que todas as ferramentas necessárias
para seu trabalho estejam disponíveis.

T6642EJ —UN—18OCT88
• Tenha as peças certas à disposição.
• Leia todas as instruções completamente; não tente
simplificar o processo.

DX,CLEAN -54-04JUN90-1/1

Remova a Tinta Antes de Soldar ou Aquecer


Evite gases e pó potencialmente tóxicos.
Gases perigosos podem ser gerados quando a tinta é
aquecida por solda ou maçarico.
Remova a tinta antes de aquecer:

TS220 —UN—15APR13
• Remova a tinta no mínimo a 100 mm (4 in.) da área
a ser afetada pelo aquecimento. Se não for possível
remova a tinta, utilize um protetor respiratório aprovado
antes de aquecer ou soldar.
• Se for lixar ou raspar a tinta, evite respirar o pó. Use
um respirador aprovado.
• Se usar solvente ou removedor de tinta, retire o
removedor com água e sabão antes de soldar. Retire
da área os vasilhames de solvente ou de removedor de Faça todo o trabalho de solda em uma área bem ventilada
tinta e outros materiais inflamáveis. Permita que os para dispersar os gases tóxicos e o pó.
gases se dispersem por pelo menos 15 minutos antes Jogue fora a tinta e o solvente adequadamente.
de soldar ou aquecer.
Não use solvente clorado em áreas onde serão feitas
soldas.
DX,PAINT -54-24JUL02-1/1

TM802454 (01SEP15) 210-05-10 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=16
Segurança

Evite Aquecer Áreas Próximas às Linhas de


Fluido Pressurizado
A pulverização inflamável pode ser gerada pelo
aquecimento próximo às linhas de fluido pressurizado,
resultando em queimaduras graves para você e outras
pessoas. Não aqueça por soldagem elétrica ou autógena

TS953 —UN—15MAY90
ou com maçarico próximo a linhas de fluido pressurizado
ou outros materiais inflamáveis. As linhas pressurizadas
podem explodir acidentalmente quando o calor se
estender para além da área próxima da chama.

DX,TORCH -54-10DEC04-1/1

Evitar fluidos sob alta pressão


Inspecione as mangueiras hidráulicas periodicamente
–pelo menos uma vez por ano – quanto a vazamentos,
dobras, cortes, trincas, abrasão, bolhas, descascamento,
ou quaisquer outros sinais de desgaste e danos.

X9811 —UN—23AUG88
Substitua imediatamente as mangueiras desgastadas ou
danificadas por peças de reposição aprovadas pela John
Deere.
Fluidos que escapam sob alta pressão podem penetrar
na pele e causar ferimentos graves.
Evite o perigo aliviando a pressão antes da desconexão
das linhas hidráulicas ou outras linhas. Apertar todas as
conexões antes de aplicar pressão. causar gangrena. Os médicos com pouca experiência
nesse tipo de ferimento devem procurar uma fonte
Procure por vazamentos com um pedaço de papelão. adequada de conhecimentos médicos nesta área. Essas
Proteja as mãos e o corpo dos fluidos sob alta pressão. informações encontram-se disponíveis em inglês no
Departamento Médico da Deere & Company em Moline,
Em caso de um acidente, procure imediatamente um Illinois, EUA, pelos telefones 1-800-822-8262 ou +1
médico. Qualquer fluido que penetre na pele deve ser 309-748-5636.
retirado cirurgicamente dentro de poucas horas para não
DX,FLUID -54-12OCT11-1/1

TM802454 (01SEP15) 210-05-11 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=17
Segurança

Manutenção Segura dos Pneus


A separação explosiva de um pneu e das peças do aro
pode causar ferimentos graves ou morte.
Não tente montar um pneu a menos que tenha
equipamento adequado e experiência para executar o
trabalho.
Mantenha sempre a pressão correta nos pneus. Não
encha os pneus acima da pressão recomendada.
Jamais solde ou aqueça uma roda montada com pneu.
O calor pode causar um aumento da pressão de ar, o
que resultará na explosão do pneu. A soldagem pode
enfraquecer ou deformar a estrutura da roda.
Ao encher os pneus, use uma extensão na mangueira
suficientemente longa para permitir que você permaneça
ao lado e NÃO à frente ou sobre o pneu. Use uma grade
de segurança, se disponível.
Verifique se existe pressão baixa, cortes, bolhas, aros
danificados ou parafusos e porcas em falta nas rodas.

TS211 —UN—15APR13
DX,RIM -54-24AUG90-1/1

Manutenção com Segurança no Sistema de


Arrefecimento
O escape de fluidos pressurizados do sistema de
arrefecimento podem causar queimaduras graves.
Desligue o motor. Remova o tampão de enchimento

TS281 —UN—15APR13
do reservatório de expansão somente quando o motor
estiver suficientemente frio para tocar-lhe com as mãos.
Afrouxe a tampa lentamente até o primeiro batente para
aliviar a pressão antes de removê-la completamente.

DX,RCAP -54-04JUN90-1/1

TM802454 (01SEP15) 210-05-12 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=18
Segurança

Iluminação da Área de Trabalho com


Segurança
Ilumine sua área de trabalho adequadamente e com
segurança. Use uma luz portátil de segurança para
trabalhar dentro ou sob a máquina. Certifique-se de que
a lâmpada esteja em volta de uma carcaça de arame.

TS223 —UN—23AUG88
O filamento quente ou uma lâmpada acidentalmente
quebrada pode inflamar o combustível ou o óleo em
contato.

DX,LIGHT -54-04JUN90-1/1

Substituir etiquetas com avisos de segurança


Substituir etiquetas com avisos de segurança que estão
em falta ou danificados. Consultar o manual do operador
da máquina para a colocação correcta de etiquetas com
avisos de segurança.

TS201 —UN—15APR13
DX,SIGNS1 -54-04JUN90-1/1

Equipamento Adequado Para Levantar e


Suspender
Levantar e suspender componentes pesados de maneira
incorreta pode causar ferimentos graves ou danos à
máquina.

TS226 —UN—23AUG88
Siga os procedimentos recomendados no manual para a
remoção e instalação de componentes.

DX,LIFT -54-04JUN90-1/1

TM802454 (01SEP15) 210-05-13 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=19
Segurança

Uso de Ferramentas Adequadas


Use as ferramentas apropriadas para o trabalho.
Ferramentas e procedimentos improvisados podem
ameaçar a segurança.
Use ferramentas elétricas somente para afrouxar as

TS779 —UN—08NOV89
peças rosqueadas e parafusos.
Para afrouxar e apertar os parafusos, use as ferramentas
de tamanho correto. NÃO use ferramentas de medida
dos E.U.A. em parafusos em milímetros. Evite ferimentos
devido a queda de chaves.
Use somente as peças de manutenção que estão de
acordo com as especificações da John Deere.
DX,REPAIR -54-17FEB99-1/1

Construção de Ferramentas com Segurança


no Concessionário
Ferramentas defeituosas ou partidas podem produzir
ferimentos sérios. Ao construir ferramentas, use materiais
apropriados de boa qualidade e boas técnicas de trabalho.

LX1016749 —UN—01JUL97
Não solde ferramentas a não ser que tenha equipamento
apropriado e a experiência necessária para executar o
trabalho.

DX,SAFE,TOOLS -54-10OCT97-1/1

Descarte Adequado dos Resíduos


Descartar os resíduos de forma inadequada pode ameaçar
o meio-ambiente e a ecologia. Resíduos potencialmente
prejudiciais usados com os equipamentos da John Deere
incluem produtos tais como óleo, combustível, líquido de
refrigeração, fluido para freios, filtros e baterias.

TS1133 —UN—15APR13
Use vasilhame à prova de vazamento e fugas ao drenar
os fluidos. Não use vasilhame para alimentos ou bebidas,
pois alguém pode enganar-se e usá-los para a ingestão
de alimento ou bebida.
Não despeje os resíduos sobre o solo, pelo sistema de
drenagem e nem em cursos de água.
O vazamento de líquidos refrigerantes do ar condicionado
Pergunte ao seu centro local do meio ambiente ou de
podem danificar a atmosfera da Terra. Os regulamentos
reciclagem, ou ainda ao seu concessionário John Deere
do governo podem requerer um centro autorizado de
sobre a maneira adequada de reciclar ou de descartar
manutenção de ar condicionado para recuperar e reciclar
os resíduos.
os líquidos refrigerantes usados no ar condicionado.
DX,DRAIN -54-03MAR93-1/1

TM802454 (01SEP15) 210-05-14 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=20
Segurança

Viva com Segurança


Antes de devolver a máquina ao cliente, certifique-se
de que a máquina esteja funcionando adequadamente,
especialmente os sistemas de segurança. Instale todos
os protetores e blindagens.

TS231 —54—07OCT88
DX,LIVE -54-25SEP92-1/1

TM802454 (01SEP15) 210-05-15 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=21
Segurança

TM802454 (01SEP15) 210-05-16 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=22
Seção 211
Códigos de Diagnóstico
Conteúdo

Página
Página
Grupo 2—BHC - Código de diagnóstico
de falhas do controlador BHC 523463.05 — Corrente Baixa
hidráulico da lança da Bobina Esquerda da Válvula
BHC 000158.00 — Tensão de Polarizada .................................................211-2-4
Alimentação Variável Alta .........................211-2-1 BHC 523463.06 — Corrente Alta
BHC 000158.01 — Tensão de da Bobina Esquerda da Válvula
Alimentação Variável Baixa.......................211-2-1 Polarizada .................................................211-2-4
BHC 000237.02 — Conflito de Dados BHC 523464.05 — Corrente Baixa
de Segurança do VIN................................211-2-1 da Bobina Direita da Válvula
BHC 000237.14 — A Segurança do Polarizada .................................................211-2-4
VIN está Desabilitada................................211-2-1 BHC 523464.06 — Corrente Alta
BHC 000237.31 — Mensagens de da Bobina Direita da Válvula
Segurança do VIN Ausentes.....................211-2-1 Polarizada .................................................211-2-4
BHC 000628.12 — Programação..................211-2-1 BHC 523477.05 — A Corrente da
BHC 000629.12 — Falha da Unidade Bobina de Descida da Estrutura
de Controle ...............................................211-2-1 Central está Abaixo do Normal ou o
BHC 000630.02 — Falha de Circuito está Aberto...................................211-2-5
Calibração/Dados Inválidos ......................211-2-1 BHC 523477.06 — A Corrente da
BHC 000639.14 — Erro do CAN - Bobina de Descida da Estrutura
Limite Ultrapassado ..................................211-2-2 Central está Acima do Normal ou o
BHC 001231.14 — Limite de Erro do Circuito está em Curto ..............................211-2-5
CAN 2 Ultrapassado .................................211-2-2 BHC 523478.05 — A Corrente da
BHC 002065.14 — PVT Ausente ..................211-2-2 Bobina de Subida da Estrutura
BHC 002071.09 — Mensagem da ECU Central está Abaixo do Normal ou o
Ausente .....................................................211-2-2 Circuito está Aberto...................................211-2-5
BHC 002170.09 — Sensor do BHC BHC 523478.06 — A Corrente da
Ausente .....................................................211-2-2 Bobina de Subida da Estrutura
BHC 522316.03 — A Tensão no Sensor Central está Acima do Normal ou o
de Altura da Estrutura Central da Circuito está em Curto ..............................211-2-5
Barra está Acima do Normal .....................211-2-2 BHC 523479.05 — A Corrente da
BHC 522316.04 — A Tensão no Sensor Bobina de Inclinação para Baixo
de Altura da Estrutura Central da da Barra Esquerda está Acima
Barra está Abaixo do Normal ....................211-2-3 do Normal ou o Circuito está
BHC 522316.13 — O Sensor de Altura Aberto........................................................211-2-5
da Estrutura Central da Barra está BHC 523479.06 — A Corrente da
Fora da Calibração....................................211-2-3 Bobina de Subida da Inclinação
BHC 522372.13 — Calibração Interna para Baixo da Barra Esquerda está
Direita........................................................211-2-3 Acima do Normal ou o Circuito está
BHC 522377.13 — Calibração Externa em Curto ...................................................211-2-6
Direita........................................................211-2-3 BHC 523480.05 — A Corrente da
BHC 522378.13 — Calibração Interna Bobina de Inclinação para Baixo da
Esquerda...................................................211-2-3 Barra Direita está Abaixo do Normal
BHC 522380.13 — Calibração Externa ou o Circuito está Aberto...........................211-2-6
Esquerda...................................................211-2-3 BHC 523480.06 — A Corrente da
BHC 523461.03 — Sensor Alto da Bobina de Subida da Inclinação
Válvula Polarizada ....................................211-2-3 para Baixo da Barra Direita está
BHC 523461.04 — Sensor Baixo da Acima do Normal ou o Circuito está
Válvula Polarizada ....................................211-2-4 em Curto ...................................................211-2-6
BHC 523461.13 — Sensor de BHC 523481.05 — A Corrente da
polarização de rolo da barra fora de Bobina de Inclinação para Cima
calibração..................................................211-2-4 da Barra Esquerda está Acima

Continua na próxima página

TM802454 (01SEP15) 211-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=1
Conteúdo

Página Página

do Normal ou o Circuito está CCU 002000.09 — Ausência de


Aberto........................................................211-2-6 Mensagem da ECU...................................211-3-3
BHC 523481.06 — A Corrente da CCU 002246.09 — Mensagem da
Bobina de Subida da Inclinação Alavanca de Controle Multifunção
para Cima da Barra Esquerda está Ausente .....................................................211-3-3
Acima do Normal ou o Circuito está CCU 524279.31 — Operador Fora do
em Curto ...................................................211-2-6 Assento .....................................................211-3-3
BHC 523482.05 — A Corrente da
Bobina de Inclinação para Cima da Grupo 4—ECU - Código de diagnóstico de
Barra Direita está Acima do Normal falhas da unidade de controle
ou o Circuito está Aberto...........................211-2-7 do motor
BHC 523482.06 — A Corrente da ECU 000091.09 — Sinal de
Bobina de Subida da Inclinação Comunicação do Acelerador
para Cima da Barra Direita está Irregular ....................................................211-4-1
Acima do Normal ou o Circuito está ECU 000097.03 — Sinal de Água no
em Curto ...................................................211-2-7 Combustível Fora da Faixa Alta
..................................................................211-4-1
Grupo 3—CCU - Código de diagnóstico de ECU 000097.04 — Sinal de Água no
falhas da unidade de controle Combustível Abaixo Lim. Inferior
do chassi ..................................................................211-4-1
CCU 000070.02 — Falha no Interruptor ECU 000097.16 — Água Detectada no
do Freio de Estacionamento .....................211-3-1 Combustível ..............................................211-4-1
CCU 000096.01 — Baixo nível do ECU 000100.01 — Sinal de Pressão
combustível ...............................................211-3-1 do Óleo do Motor Extremamente
CCU 000096.05 — Circuito do Sensor Baixo ........................................................211-4-1
de Combustível Aberto..............................211-3-1 ECU 000100.03 — Sinal de Pressão
CCU 000096.06 — Circuito do Sensor do Óleo do Motor Acima Lim.
de Combustível Fechado ..........................211-3-1 Superior.....................................................211-4-2
CCU 000158.00 — Alta Tensão da ECU 000100.04 — Sinal de Pressão
Alimentação Não Permanente da do Óleo do Motor Abaixo Lim.
CCU-SRC..................................................211-3-1 Inferior ......................................................211-4-2
CCU 000158.01 — Baixa Tensão da ECU 000100.18 — Sinal de Pressão
Alimentação Não Permanente da do Óleo do Motor Moderadamente
CCU-SRC..................................................211-3-2 Baixo .........................................................211-4-2
CCU 000237.02 — Dados VIN ECU 000100.31 — Pressão do Óleo
Não Coincidem com Outros do Motor Inválida.......................................211-4-2
Controladores............................................211-3-2 ECU 000102.02 — Sinal de Pressão do
CCU 000237.14 — Segurança do VIN Coletor de Admissão Inválido ...................211-4-2
Não Habilitada...........................................211-3-2 ECU 000102.03 — Sinal de Pressão
CCU 000237.31 — Sem Mensagens do Coletor de Admissão Acima Lim.
do VIN .......................................................211-3-2 Superior.....................................................211-4-3
CCU 000628.12 — Programação da ECU 000102.04 — Sinal de Pressão
CCU ..........................................................211-3-2 do Coletor de Admissão Abaixo Lim.
CCU 000629.12 — Falha da Unidade Inferior .......................................................211-4-3
de Controle da CCU..................................211-3-2 ECU 000103.00 — Sinal de Veloc. do
CCU 000630.02 — Falha na Turbo Extremamente Alto ........................211-4-3
calibração/dados inválidos na ECU 000103.02 — Sinal Inválido na
CCU .........................................................211-3-2 Rotação do Turbo......................................211-4-3
CCU 000639.14 — Estouro de ECU 000103.05 — Circuito Sensor
Mensagem do CAN 1 da CCU ..................211-3-2 de Veloc. do Turbo com Alta
CCU 001231.14 — Estouro de Resistência................................................211-4-3
Mensagem do CAN 2 da CCU ..................211-3-2 ECU 000103.06 — Circuito do Sensor
CCU 001504.02 — Falha no Interruptor de Velocidade do Turbo com Baixa
do Assento do Operador ...........................211-3-3 Resistência ...............................................211-4-4
CCU 001592.02 — Freqüência Inválida ECU 000103.08 — Sinal da Rotação
do Sensor de Velocidade da Roda do Turbocompressor Inválido ...................211-4-4
Dianteira Esquerda ...................................211-3-3 ECU 000103.31 — Sinal Ausente de
Rotação do Turbocompressor...................211-4-4

Continua na próxima página

TM802454 (01SEP15) 211-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=2
Conteúdo

Página Página

ECU 000105.00 — Sinal da ECU 000174.03 — Sinal da


Temperatura do Ar do Coletor de Temperatura do Combustível Fora
Entrada Extremamente Alto .....................211-4-4 da Faixa Alta .............................................211-4-8
ECU 000105.03 — Sinal Temp. do Ar ECU 000174.04 — Sinal da
no Coletor de Admissão Acima Lim. Temperatura do Combustível Fora
Superior.....................................................211-4-4 da Faixa Baixa ..........................................211-4-8
ECU 000105.04 — Sinal da ECU 000174.16 — Sinal Temp. do
Temperatura do Ar do Coletor de Combustível Moderadamente
Entrada Fora da Faixa Baixa ....................211-4-5 Alto ............................................................211-4-8
ECU 000105.15 — Sinal Temp. ECU 000189.00 — Condição
do Ar no Coletor de Admissão de Redução de Potência do
Ligeiramente Alto .....................................211-4-5 Motor .........................................................211-4-9
ECU 000105.16 — Sinal Temp. ECU 000190.00 — Veloc. do Motor
do Ar no Coletor de Admissão Extremamente Alta....................................211-4-9
Moderadamente Alto.................................211-4-5 ECU 000412.00 — Sinal Temp. da
ECU 000107.00 — Pressão Diferencial EGR Extremamente Alto...........................211-4-9
do Filtro de Ar Alta ....................................211-4-5 ECU 000412.03 — Sinal Temp. da
ECU 000108.02 — Sinal de Pressão EGR Acima Lim. Superior.........................211-4-9
Barométrica Inválido .................................211-4-5 ECU 000412.04 — Sinal Temp. da
ECU 000110.00 — Sinal Temp. do EGR Abaixo Lim. Inferior ..........................211-4-9
Líq. de Arrefecimento do Motor ECU 000412.16 — Sinal de
Extremamente Alto....................................211-4-6 Temperatura Moderadamente
ECU 000110.03 — Sinal de Alta da EGR ............................................211-4-10
Temperatura do Líquido de ECU 000611.03 — Injetor em Curto
Arrefecimento do Motor Fora da com Alimentação.....................................211-4-10
Faixa Alta ..................................................211-4-6 ECU 000611.04 — Injetor em Curto
ECU 000110.04 — Sinal Temp. do Líq. com o Terra .............................................211-4-10
de Arrefecimento do Motor Abaixo ECU 000627.01 — Corrente de
Lim. Inferior ...............................................211-4-6 Acionamento do Injetor Muito
ECU 000110.15 — Sinal Temp. do Baixa ou Corrente de Retenção
Líquido de Arrefecimento do Motor Incorreta ..................................................211-4-10
Ligeiramente Alto ......................................211-4-6 ECU 000629.12 — Componente ou
ECU 000110.16 — Procedimento Dispositivo Inteligente Ruim....................211-4-10
de Diagnóstico de Sinal de ECU 000629.13 — Erro de
Temperatura Moderadamente Alta Programação da ECU ............................. 211-4-11
do Líquido de Arrefecimento do ECU 000636.02 — Sinal do Sensor de
Motor .........................................................211-4-6 Posição do Motor Inválido....................... 211-4-11
ECU 000110.17 — Sinal de ECU 000636.05 — Circuito do Sensor
Temperatura do Líquido de Posição da Bomba com Alta
de Arrefecimento do Motor Resistência.............................................. 211-4-11
Ligeiramente Baixo ...................................211-4-7 ECU 000636.06 — Circuito do Sensor
ECU 000157.03 — Sinal da Pressão de Posição da Bomba com Baixa
da Linha de Combustível Fora da Resistência.............................................. 211-4-11
Faixa Alta ..................................................211-4-7 ECU 000636.08 — Sinal Ausente do
ECU 000157.04 — Sinal da Pressão Sensor de Posição da Bomba................. 211-4-11
da Linha de Combustível Fora da ECU 000636.10 — Taxa Anormal de
Faixa Baixa ...............................................211-4-7 Mudança do Sinal de Posição da
ECU 000157.10 — Taxa de Alteração Bomba.....................................................211-4-12
da Pressão na Linha de Combustível ECU 000637.02 — Sinal do Sensor do
Anormal.....................................................211-4-7 Virabrequim Inválido ...............................211-4-12
ECU 000157.17 — Pressão ECU 000637.05 — Circuito do
da linha de combustível não Sensor do Virabrequim com Alta
desenvolvida ............................................211-4-7 Resistência..............................................211-4-12
ECU 000158.17 — Erro de Queda de ECU 000637.06 — Circuito do
Energia na ECU ........................................211-4-8 Sensor do Virabrequim com Baixa
ECU 000174.00 — Sinal Temp. Resistência..............................................211-4-12
do Combustível Extremamente
Alto ............................................................211-4-8

Continua na próxima página

TM802454 (01SEP15) 211-3 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=3
Conteúdo

Página Página

ECU 000637.07 — Sinais da Posição ECU 000654.13 — Calibração do


da Bomba e do Virabrequim Fora de Injetor no. 4 Com Defeito ........................211-4-18
Sincronia .................................................211-4-12 ECU 000655.02 — Dado Inválido
ECU 000637.08 — Sinal Ausente do Número de Peça Injetor Nº 5 ..................211-4-18
Sensor do Virabrequim ...........................211-4-13 ECU 000655.05 — Circuito do Injetor
ECU 000637.10 — Taxa Anormal Nº 5 Possui Resistência Alta...................211-4-18
de Mudança do Sinal do ECU 000655.06 — Circuito do Injetor
Virabrequim.............................................211-4-13 Nº 5 Possui Resistência Baixa ................211-4-18
ECU 000641.04 — Tensão de ECU 000655.07 — Injetor nº 5 não
Alimentação do Atuador do VGT está Respondendo ..................................211-4-18
Abaixo do Limite Inferior .........................211-4-13 ECU 000655.13 — Calibração do
ECU 000641.12 — Erro de Injetor no. 5 Com Defeito ........................211-4-19
Comunicação do Acionador do ECU 000656.02 — Dado Inválido
VGT.........................................................211-4-13 Número de Peça Injetor Nº 6 ..................211-4-19
ECU 000641.13 — Erro de ECU 000656.05 — Circuito do Injetor
Memorização do Atuador do Nº 6 Possui Resistência Alta...................211-4-19
VGT.........................................................211-4-13 ECU 000656.06 — Circuito do Injetor
ECU 000641.16 — Temp. do Atuador Nº 6 Possui Resistência Baixa ................211-4-19
do VGT Moderadamente Alta .................211-4-14 ECU 000656.07 — Injetor nº 6 não
ECU 000651.02 — Dado Inválido está Respondendo ..................................211-4-19
Número de Peça Injetor Nº 1 ..................211-4-14 ECU 000656.13 — Calibração do
ECU 000651.05 — Circuito do Injetor Injetor no. 6 Com Defeito ........................211-4-20
Nº 1 Possui Resistência Alta...................211-4-14 ECU 000676.03 — Sinal de Vela
ECU 000651.06 — Circuito do Injetor Aquecedora Recebido Quando Não
Nº 1 Possui Resistência Baixa ................211-4-14 Esperado.................................................211-4-20
ECU 000651.07 — Injetor nº 1 não ECU 000676.04 — Sinal de Vela
está Respondendo ..................................211-4-14 Aquecedora Não Recebido Quando
ECU 000651.13 — Calibração do Esperado.................................................211-4-20
Injetor no. 1 Com Defeito ........................211-4-15 ECU 001136.00 — Sinal Temp. da
ECU 000652.02 — Dado Inválido ECU Extremamente Alto .........................211-4-20
Número de Peça Injetor Nº 2 .................211-4-15 ECU 001136.16 — Sinal Temp. da
ECU 000652.05 — Circuito do Injetor ECU Moderadamente Alto ......................211-4-20
Nº 2 Possui Resistência Alta ..................211-4-15 ECU 001172.03 — Sinal Temp. na
ECU 000652.06 — Circuito do Injetor Entrada Compressor Acima Lim.
Nº 2 Possui Resistência Baixa Superior...................................................211-4-21
................................................................211-4-15 ECU 001172.04 — Sinal Temp. na
ECU 000652.07 — Injetor nº 2 não Entrada Compressor Abaixo Lim.
está Respondendo ..................................211-4-15 Inferior .....................................................211-4-21
ECU 000652.13 — Calibração do ECU 001180.00 — Sinal Temp. da
Injetor no. 2 Com Defeito .......................211-4-16 Entrada Turbina Extremamente
ECU 000653.02 — Dado Inválido Alto ..........................................................211-4-21
Número de Peça Injetor Nº 3 .................211-4-16 ECU 001180.16 — Sinal de
ECU 000653.05 — Circuito do Injetor Temperatura da Entrada Turbina
Nº 3 Possui Resistência Alta...................211-4-16 Moderadamente Alto...............................211-4-21
ECU 000653.06 — Circuito do Injetor ECU 001209.02 — Pressão Incorreta
Nº 3 Possui Resistência Baixa ................211-4-16 no Escape ...............................................211-4-21
ECU 000653.07 — Injetor nº 3 não ECU 001209.03 — Tensão do Sensor
está Respondendo ..................................211-4-16 de Pressão do Escape Fora da
ECU 000653.13 — Calibração do Faixa Alta ................................................211-4-22
Injetor no. 3 Com Defeito ........................211-4-17 ECU 001209.04 — Tensão do Sensor
ECU 000654.02 — Dado Inválido de Pressão do Escape Fora da
Número de Peça Injetor Nº 4 ..................211-4-17 Faixa Baixa .............................................211-4-22
ECU 000654.05 — Circuito do Injetor ECU 001347.03 — Sinal de Válvula de
Nº 4 Possui Resistência Alta...................211-4-17 Controle da Bomba de Combustível
ECU 000654.06 — Circuito do Injetor de Alta Pressão Acima Lim.
Nº 4 Possui Resistência Baixa ................211-4-17 Superior...................................................211-4-22
ECU 000654.07 — Injetor nº 4 não ECU 001347.05 — Alta Resistência
está Respondendo ..................................211-4-17 no Circuito nº 1 do Solenóide da

Continua na próxima página

TM802454 (01SEP15) 211-4 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=4
Conteúdo

Página Página

Bomba de Combustível de Alta ECU 003509.03 — Tensão de


Pressão ...................................................211-4-22 Alimentação do Sensor Nº 1 Fora
ECU 001347.07 — Bomba de da Faixa Alta ...........................................211-4-26
Combustível de Pressão Alta Não ECU 003509.04 — Tensão de
Consegue Atingir a Pressão da Alimentação do Sensor Nº 1 Fora
Linha Necessária ....................................211-4-22 da Faixa Baixa ........................................211-4-26
ECU 001569.31 — Motor em Condição ECU 003510.03 — Tensão de
de Redução da Potência.........................211-4-23 Alimentação do Sensor Nº 2 Fora
ECU 002005.19 — Solicitação de da Faixa Alta ...........................................211-4-27
Horas do Motor Inválida ..........................211-4-23 ECU 003510.04 — Tensão de
ECU 002630.00 — Sinal Temp. da Alimentação do Sensor Nº 2 Fora
Saída do Resfriador do Ar de Carga da Faixa Baixa ........................................211-4-27
Extremamente Alto..................................211-4-23 ECU 003511.03 — Tensão de
ECU 002630.03 — Sinal Temp. na Alimentação do Sensor Nº 3 Fora
Saída do Resfriador do Ar de Carga da Faixa Alta ...........................................211-4-27
Acima Lim. Superior ...............................211-4-23 ECU 003511.04 — Tensão de
ECU 002630.04 — Sinal de Alimentação do Sensor Nº 3 Fora
Temperatura da Saída do Resfriador da Faixa Baixa ........................................211-4-27
do Ar de Carga Abaixo do Limite ECU 003512.03 — Tensão de
Inferior .....................................................211-4-23 Alimentação do Sensor Nº 4 Fora
ECU 002630.15 — Sinal Temp. da da Faixa Alta ...........................................211-4-27
Saída do Resfriador do Ar de Carga ECU 003512.04 — Tensão de
Ligeiramente Alto ....................................211-4-24 Alimentação do Sensor Nº 4 Fora
ECU 002630.16 — Sinal Temp. da da Faixa Baixa ........................................211-4-28
Saída do Resfriador do Ar de Carga ECU 003513.03 — Tensão de
Moderadamente Alto...............................211-4-24 Alimentação do Sensor Nº 5 Fora
ECU 002659.02 — Dados de Taxa da Faixa Alta ...........................................211-4-28
de Fluxo de Massa da EGR ECU 003513.04 — Tensão de
Inválidos ..................................................211-4-24 Alimentação do Sensor Nº 5 Fora
ECU 002659.15 — Dados de Taxa da Faixa Baixa ........................................211-4-28
de Fluxo de Massa da EGR
Ligeiramente Altos ..................................211-4-24 Grupo 5—iTC - Código de diagnóstico
ECU 002659.17 — Dados de Taxa de falhas da compensação
de Fluxo de Massa da EGR integrada de terreno
Ligeiramente Baixos................................211-4-24 iTC 000168.18 — Baixa Tensão da
ECU 002790.16 — Temperatura Estação Base do RTK...............................211-5-1
Moderadamente Alta Calculada da iTC 000232.02 — Posição corrigida do
Saída da Turbina.....................................211-4-25 GPS não disponível ..................................211-5-1
ECU 002791.02 — Sinal de Posição iTC 000232.14 — Perda da extensão
da Válvula da EGR Inválido ....................211-4-25 de RTK ......................................................211-5-1
ECU 002791.03 — Sinal de Posição iTC 000841.31 — Interferência no
da Válvula EGR Fora da Faixa Sinal do Satélite ........................................211-5-1
Alta ..........................................................211-4-25 iTC 000956.16 — TCM não
ECU 002791.04 — Sinal Posição calibrado....................................................211-5-1
da Válvula EGR Fora da Faixa iTC 002146.14 — Sensor de
Baixa .......................................................211-4-25 Temperatura do iTC Fora da
ECU 002791.07 — Válvula da EGR Faixa .........................................................211-5-1
Não Atinge Posição Esperada ................211-4-25 iTC 002854.31 — Perda do Link do
ECU 002791.13 — Erro de Alteração Rádio RTK Rover ......................................211-5-1
de Calibração da Válvula da iTC 003141.31 — Licença de
EGR ........................................................211-4-26 Correções do GPS vencida.......................211-5-1
ECU 002791.31 — Calibração da iTC 003144.13 — Receptor Não
Válvula da EGR Gradualmente Recebendo na Freqüência
Alterada com o Tempo ............................211-4-26 Alternada...................................................211-5-2
ECU 002795.07 — Atuador do VGT iTC 522552.11 — Falha na Rede
Não Atinge Posição Esperada ................211-4-26 STARFIRE.................................................211-5-2
iTC 523274.02 — Posição do GPS não
Disponível .................................................211-5-2

Continua na próxima página

TM802454 (01SEP15) 211-5 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=5
Conteúdo

Página Página

iTC 523309.07 — Sensor de Inclinação SRC 523394.02 — Falha no


Fora da Faixa ............................................211-5-2 Fluxômetro ................................................211-6-2
iTC 523309.16 — Sem Resposta do SRC 523440.00 — Alta Tensão do
Sensor de Inclinação.................................211-5-2 Sensor Permanente do SRC.....................211-6-2
iTC 523310.02 — Falha na SRC 523440.01 — Tensão
Memória ....................................................211-5-2 Permanente do SRC Baixa .......................211-6-3
iTC 523319.18 — Tensão comutada
baixa..........................................................211-5-2 Grupo 7—SSU - Código de diagnóstico de
iTC 523441.31 — Sem Dimensão de falhas da unidade do sistema
Altura do STARFIRE .................................211-5-2 de direção
iTC 523442.31 — Sem Ajuste SSU 000162.09 — Mensagens de
Avanço/Recuo do STARFIRE ...................211-5-3 Transmissão Ausentes..............................211-7-1
iTC 523572.31 — Falha no SSU 000168.03 — Fornecimento
Desligamento da Energia..........................211-5-3 de Tensão Alta da SSU Não
iTC 523773.03 — Tensão Alta da Linha Comutada..................................................211-7-1
do CAN Alto do Veículo.............................211-5-3 SSU 000168.04 — Fornecimento
iTC 523773.04 — Baixa Tensão da de Tensão Baixa na SSU Não
Linha do CAN Alto do Veículo...................211-5-3 Comutada..................................................211-7-1
iTC 523774.03 — Alta Tensão da Linha SSU 000237.31 — Mensagens de
do CAN Baixo do Veículo..........................211-5-3 Segurança de VIN Ausentes.....................211-7-1
iTC 523774.04 — Baixa Tensão SSU 000517.09 — Falha na
da Linha do CAN Baixo do Mensagem de Velocidade do
Veículo ......................................................211-5-3 GPS...........................................................211-7-1
iTC 523792.18 — Tensão Não SSU 000628.02 — Falha de Dados
Comutada Baixa........................................211-5-3 EOL da SSU..............................................211-7-2
iTC 524209.16 — RTK Rover Muito SSU 000628.12 — Programação da
Longe da Estação Base ............................211-5-3 SSU...........................................................211-7-2
iTC 524210.16 — Estação base RTK SSU 000629.12 — Falha da Unidade
não usando satélites visíveis ....................211-5-4 de Controle da SSU ..................................211-7-2
iTC 524257.14 — Pesquisa da SSU 000630.13 — Falha na Calibração
Posição da Estação Base RTK em da SSU/Não calibrada...............................211-7-2
Andamento................................................211-5-4 SSU 001079.03 — Alta Tensão
iTC 524257.16 — Realocação da de Alimentação do Sensor da
Estação Base RTK....................................211-5-4 SSU...........................................................211-7-2
SSU 001079.04 — Baixa Tensão
Grupo 6—SRC - Código de diagnóstico de de Alimentação do Sensor da
falhas do controlador da taxa SSU...........................................................211-7-3
de pulverização SSU 001504.07 — Falha na
SRC 000628.12 — Programação do Mensagem do Interruptor do
SRC...........................................................211-6-1 Assento .....................................................211-7-3
SRC 000629.12 — Falha na Unidade SSU 001504.09 — Mensagem
de Controle SRC .......................................211-6-1 de Presença do Operador
SRC 000630.02 — Falha na Ausente .....................................................211-7-3
Calibração/Dados Inválidos de SSU 001504.14 — O Operador Não
SRC...........................................................211-6-1 Está Sentado e o AutoTrac Está
SRC 000639.14 — Mensagem de Ativado ......................................................211-7-3
sobrecarga CAN do SRC .........................211-6-1 SSU 001638.09 — Falha na
SRC 003133.00 — Pressão da bomba Mensagem da Temperatura do
de solução muito alta ................................211-6-1 Óleo Hidráulico..........................................211-7-3
SRC 003133.01 — Pressão baixa da SSU 001807.02 — Conflito do Sensor
bomba de solução.....................................211-6-2 1 da Posição do Volante ...........................211-7-4
SRC 003133.03 — Tensão Alta SSU 001807.03 — Alta Tensão no
do Sensor de Pressão da Circuito 1 do Sensor de Posição do
Solução .....................................................211-6-2 Volante ......................................................211-7-4
SRC 003133.04 — Baixa Tensão SSU 001807.04 — Baixa Tensão no
do Sensor de Pressão da Circuito do Sensor 1 de Posição da
Solução .....................................................211-6-2 Roda de Direção ......................................211-7-4

Continua na próxima página

TM802454 (01SEP15) 211-6 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=6
Conteúdo

Página Página

SSU 001807.05 — Baixa Corrente do SSU 523824.06 — Alta Corrente do


Circuito do Sensor 1 de Posição do Circuito do Sensor 2 de Posição do
Volante .....................................................211-7-4 Volante ......................................................211-7-8
SSU 001807.06 — Alta Corrente do SSU 523824.10 — Incompatibilidade
Circuito do Sensor 1 de Posição do do Sinal do Sensor 2 de Posição do
Volante ......................................................211-7-4 Volante ......................................................211-7-9
SSU 001807.10 — Incompatibilidade SSU 523824.14 — Falha no Sinal
do Sinal do Sensor 1 de Posição do do Sensor 2 da Posição do
Volante ......................................................211-7-5 Volante ......................................................211-7-9
SSU 001807.14 — Falha no Sinal SSU 523826.00 — Tensão do Sensor
do Sensor 1 da Posição do de Ângulo da Direção Alta ........................211-7-9
Volante ......................................................211-7-5 SSU 523826.01 — Tensão do Sensor
SSU 522273.00 — Alto Comando do de Ângulo da Direção Baixa......................211-7-9
Circuito de Controle da Válvula da SSU 523826.02 — Conexão da Tensão
Direção da SSU ........................................211-7-5 do Sensor de Ângulo da Roda para
SSU 522273.01 — Baixo Comando do Trás ...........................................................211-7-9
Circuito de Controle da Válvula da SSU 523826.07 — Falha no Intervalo
Direção da SSU ........................................211-7-5 de Tensão do Sensor de Ângulo da
SSU 522387.07 — Falha na Válvula Roda........................................................211-7-10
de Direção ou no Sensor de Ângulo SSU 523826.10 — Movimento da
da Roda do AutoTrac ................................211-7-5 Roda Detectado Sem Movimento
SSU 522394.09 — Sem Mensagem do do SID .....................................................211-7-10
TCM ..........................................................211-7-6 SSU 523826.14 — Falha de
SSU 523651.02 — Falha na Unidade Movimento Baixo do Sensor de
de Controle................................................211-7-6 Ângulo da Roda ......................................211-7-10
SSU 523698.09 — Ausência de SSU 600006.31 — Código de
Mensagem do Monitor do AMS ou diagnóstico padrão..................................211-7-10
Ausência de Mensagem do Monitor
GREENSTAR ............................................211-7-6 Grupo 8—TEC - Código de diagnóstico
SSU 523766.02 — Código de Ativação de falhas do controle de
Inválido para o AutoTrac ...........................211-7-6 equipamento do trator
SSU 523767.09 — Mensagem TEC 000628.12 — Programação do
do Interruptor de Retomada TEC ...........................................................211-8-1
Ausente .....................................................211-7-6 TEC 000629.12 — Falha na Unidade
SSU 523795.02 — Conexão do Pórtico de Controle do TEC ..................................211-8-1
de Trabalho da Válvula de Direção TEC 000630.02 — Falha na Calibração
do AutoTrac para Trás ..............................211-7-7 do TEC/Dados Inválidos ...........................211-8-1
SSU 523795.12 — Falha na Válvula TEC 000639.12 — Fluxo Excessivo de
de Direção do AutoTrac ............................211-7-7 Mensagens do Barramento CAN do
SSU 523795.13 — Falha na Calibração Trator da TEC............................................211-8-1
da SSU/Válvula de Direção.......................211-7-7 TEC 000639.14 — Limite de Erro
SSU 523810.01 — Baixa Tensão de da CAN do Trator da TEC
Alimentação da Válvula de Direção Excedido ...................................................211-8-1
da SSU......................................................211-7-7 TEC 001231.12 — Estouro de
SSU 523821.02 — Incompatibilidade Mensagens do Barramento CAN do
do Veículo ................................................211-7-7 Implemento da TEC ..................................211-8-1
SSU 523823.00 — Velocidade do TEC 001231.14 — Limite de Erro
Veículo da SSU Muito Alta ........................211-7-8 da CAN do Implemento da TEC
SSU 523824.03 — Alta Tensão no Excedido ...................................................211-8-1
Circuito 2 do Sensor de Posição do TEC 522550.14 — Dispositivos
Volante ......................................................211-7-8 Conformes e Não Conformes
SSU 523824.04 — Baixa Tensão no com a ISO no Barramento do
Circuito do Sensor 2 de Posição da Implemento ...............................................211-8-1
Roda de Direção ......................................211-7-8
SSU 523824.05 — Baixa Corrente do
Circuito do Sensor 2 de Posição do
Volante ......................................................211-7-8

Continua na próxima página

TM802454 (01SEP15) 211-7 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=7
Conteúdo

Página

Grupo 9—TEI - Código de diagnóstico


de falhas da interface de
equipamento do trator
TEI 000628.12 — Programação da
TEI.............................................................211-9-1
TEI 000629.12 — Falha da Unidade
de Controle da TEI ....................................211-9-1
TEI 000630.02 — Falha na Calibração
da TEI/Dados Inválidos .............................211-9-1
TEI 522550.14 — Dispositivos
Conformes e Não Conformes
com a ISO no Barramento do
Implemento ...............................................211-9-1

TM802454 (01SEP15) 211-8 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=8
Grupo 2
BHC - Código de diagnóstico de falhas do controlador hidráulico da lança

BHC 000158.00 — Tensão de Alimentação Esquema Elétrico da Barra


Variável Alta
Informações Gerais
Tensão Variável acima de 15,7 Volts Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnósticos do Controlador dos Componentes X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
Hidráulicos da Barra (BHC) X600-X699 X700-X799

Teoria da Operação do Controlador dos Componentes


Hidráulicos da Barra (BHC)
TX17961,000029B -54-26JUL07-1/1

BHC 000158.01 — Tensão de Alimentação Teoria da Operação do Controlador dos Componentes


Variável Baixa Hidráulicos da Barra (BHC)

A Tensão Variável é inferior a 11,2 volts com o motor Esquema Elétrico da Barra
desligado, ou inferior a 12,5 Volts com o motor ligado. Informações Gerais
Diagnósticos do Controlador dos Componentes Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Hidráulicos da Barra (BHC) X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
X600-X699 X700-X799
TX17961,000029C -54-26JUL07-1/1

BHC 000237.02 — Conflito de Dados de


Acesse o endereço de diagnóstico para Verificar o Número
Segurança do VIN de Identificação do Veículo (VIN) em cada controlador
para verificar se o VIN é compatível. Reprograme o
Parte dos dados do VIN não é compatível com outros controlador se necessário. Veja Programação das
controladores na rede do VIN. Unidades de Controle (Seção 240, Grupo 05)
TX17961,000029D -54-26JUL07-1/1

BHC 000237.14 — A Segurança do VIN está


Desabilitada A Segurança do VIN está Desabilitada.
TX17961,000029E -54-26JUL07-1/1

BHC 000237.31 — Mensagens de Segurança


do VIN Ausentes As Mensagens do VIN estão ausentes ou
outros controladores na rede não são acionados
no tempo exigido.
TX17961,000029F -54-26JUL07-1/1

BHC 000628.12 — Programação


O Controlador Está no Bloco de Inicialização.
TX17961,00002A0 -54-26JUL07-1/1

BHC 000629.12 — Falha da Unidade de


Controle Falha no Controlador: Reinicialização do
Cronômetro do Watchdog.
TX17961,00002A1 -54-26JUL07-1/1

BHC 000630.02 — Falha de Calibração/Dados


Inválidos Erro de Memória na Calibração detectado na inicialização.
TX17961,00002A2 -54-26JUL07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-2-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=31
BHC - Código de diagnóstico de falhas do controlador hidráulico da lança

BHC 000639.14 — Erro do CAN - Limite Esquema do Sistema de Partida


Ultrapassado
Teoria da Operação do Sistema de Partida
Circuito aberto, em curto com a tensão alta, em curto Se o BHC 639.14 estiver ativo:
com o terra, muito tráfego no barramento CAN.
Diagnósticos da Rede do CAN
NOTA: não diagnostique esse código a menos que
seja um código ativo. O BHC 639.14 pode ser Esquema da Rede CAN
gerado durante uma tentativa de dar partida no
motor. Se o motor não der partida, diagnostique Informações Gerais
esse sintoma primeiro. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
Se o motor não der partida: X600-X699 X700-X799
Diagnósticos do Sistema de Partida
TX17961,00002A3 -54-30MAR08-1/1

BHC 001231.14 — Limite de Erro do CAN 2 Esquema da Rede CAN


Ultrapassado
Informações Gerais
O barramento CAN 2 está off-line. Ocorreu uma Designações dos Números dos Conectores X100-X199
condição de desconexão do barramento. X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
Diagnósticos da Rede do CAN X600-X699 X700-X799
TX17961,00002A4 -54-26JUL07-1/1

BHC 002065.14 — PVT Ausente


PVT Ausente
PVT Ausente
AT70794,000000B -54-17AUG09-1/1

BHC 002071.09 — Mensagem da ECU Esquema da Rede CAN


Ausente
Informações Gerais
Nenhuma mensagem do CAN recebida da CCU dentro Designações dos Números dos Conectores X100-X199
do tempo limite ou os dados de Seleção da Barra X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
- Interruptor do Piso são inválidos. X600-X699 X700-X799
Diagnósticos da Rede do CAN
TX17961,00002A5 -54-26JUL07-1/1

BHC 002170.09 — Sensor do BHC Ausente


Sensor do BHC Ausente
Sensor do BHC Ausente
AT70794,000000C -54-17AUG09-1/1

BHC 522316.03 — A Tensão no Sensor de Esquema Elétrico da Barra


Altura da Estrutura Central da Barra está
Acima do Normal Teoria da Operação do Retorno à Altura da Barra
Informações Gerais
O código será definido quando a leitura de tensão
estiver acima de 4,90 volts. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
Diagnósticos do Retorno à Altura da Barra X600-X699 X700-X799
TX17961,000017D -54-21MAY07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-2-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=32
BHC - Código de diagnóstico de falhas do controlador hidráulico da lança

BHC 522316.04 — A Tensão no Sensor de Esquema Elétrico da Barra


Altura da Estrutura Central da Barra está
Abaixo do Normal Teoria da Operação do Retorno à Altura da Barra
Informações Gerais
O código ocorre quando a leitura de tensão está
abaixo de 0,10 volts. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
Diagnósticos do Retorno à Altura da Barra X600-X699 X700-X799
TX17961,000017E -54-21MAY07-1/1

BHC 522316.13 — O Sensor de Altura da Esquema Elétrico da Barra


Estrutura Central da Barra está Fora da
Calibração Teoria da Operação do Retorno à Altura da Barra
Informações Gerais
Isso pode ocorrer se o sensor nunca tiver sido calibrado
ou se a calibração estiver incorreta devido aos valores Designações dos Números dos Conectores X100-X199
de calibração de recolhimento ou extensão não X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
estarem nas faixas de operação válidas. X600-X699 X700-X799

Diagnósticos do Retorno à Altura da Barra


TX17961,0000180 -54-21MAY07-1/1

BHC 522372.13 — Calibração Interna Direita Calibração Interna Direita


Calibração Interna Direita
AT70794,0000007 -54-29JUL08-1/1

BHC 522377.13 — Calibração Externa Direita


Calibração Externa Direita
AT70794,0000008 -54-29JUL08-1/1

BHC 522378.13 — Calibração Interna


Esquerda Calibração Interna Esquerda
AT70794,0000006 -54-29JUL08-1/1

BHC 522380.13 — Calibração Externa


Esquerda Calibração Externa Esquerda
AT70794,0000005 -54-17AUG09-1/1

BHC 523461.03 — Sensor Alto da Válvula Teoria da Operação da Válvula Polarizada da Barra
Polarizada
Esquema Elétrico da Barra
Sensor Alto da Válvula Polarizada Teoria da Operação do Retorno à Altura da Barra
Diagnósticos de Propensão de Rolagem da Barra Informações Gerais
AT70794,0000009 -54-29JUL08-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-2-3 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=33
BHC - Código de diagnóstico de falhas do controlador hidráulico da lança

BHC 523461.04 — Sensor Baixo da Válvula Teoria da Operação da Válvula Polarizada da Barra
Polarizada
Esquema Elétrico da Barra
Sensor Baixo da Válvula Polarizada Teoria da Operação do Retorno à Altura da Barra
Diagnósticos de Propensão de Rolagem da Barra Informações Gerais
AT70794,000000A -54-29JUL08-1/1

BHC 523461.13 — Sensor de polarização de


rolo da barra fora de calibração Falha na calibração do sensor de polarização de rolo
da barra. Executar rotina de calibração dos sensores
de polarização de rolo da barra.
TX17961,0000102 -54-25APR14-1/1

BHC 523463.05 — Corrente Baixa da Bobina Esquema Elétrico da Barra


Esquerda da Válvula Polarizada
Teoria da Operação do Retorno à Altura da Barra
A Corrente da Bobina Esquerda da Válvula Polarizada Informações Gerais
está abaixo do normal ou o circuito está aberto.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnósticos de Propensão de Rolagem da Barra X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
Teoria da Operação da Válvula Polarizada da Barra X600-X699 X700-X799
TX17961,00002A6 -54-26JUL07-1/1

BHC 523463.06 — Corrente Alta da Bobina Esquema Elétrico da Barra


Esquerda da Válvula Polarizada
Teoria da Operação do Retorno à Altura da Barra
A Corrente da Bobina Esquerda da Válvula Polarizada Informações Gerais
está acima do normal ou o circuito está em curto.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnósticos de Propensão de Rolagem da Barra X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
Teoria da Operação da Válvula Polarizada da Barra X600-X699 X700-X799
TX17961,00002A7 -54-26JUL07-1/1

BHC 523464.05 — Corrente Baixa da Bobina Esquema Elétrico da Barra


Direita da Válvula Polarizada
Teoria da Operação do Retorno à Altura da Barra
A Corrente da Bobina Direita da Válvula Polarizada está Informações Gerais
abaixo do normal ou o circuito está aberto.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnósticos de Propensão de Rolagem da Barra X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
Teoria da Operação da Válvula Polarizada da Barra X600-X699 X700-X799
TX17961,00002A8 -54-26JUL07-1/1

BHC 523464.06 — Corrente Alta da Bobina Esquema Elétrico da Barra


Direita da Válvula Polarizada
Teoria da Operação do Retorno à Altura da Barra
A Corrente da Bobina Direita da Válvula Polarizada está Informações Gerais
acima do normal ou o circuito está em curto.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnósticos de Propensão de Rolagem da Barra X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
Teoria da Operação da Válvula Polarizada da Barra X600-X699 X700-X799
TX17961,00002A9 -54-26JUL07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-2-4 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=34
BHC - Código de diagnóstico de falhas do controlador hidráulico da lança

BHC 523477.05 — A Corrente da Bobina de Esquema Elétrico da Barra


Descida da Estrutura Central está Abaixo do
Normal ou o Circuito está Aberto Teoria da Operação de Subida/Descida da Barra
Informações Gerais
A Corrente da Bobina de Descida da Estrutura Central
está Abaixo do Normal ou o Circuito está Aberto Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
Diagnósticos de Subida/Descida da Barra X600-X699 X700-X799
TX17961,000017F -54-21MAY07-1/1

BHC 523477.06 — A Corrente da Bobina de Esquema Elétrico da Barra


Descida da Estrutura Central está Acima do
Normal ou o Circuito está em Curto Teoria da Operação de Subida/Descida da Barra
Informações Gerais
A Corrente da Bobina de Descida da Estrutura Central
está Acima do Normal ou o Circuito está em Curto Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
Diagnósticos de Subida/Descida da Barra X600-X699 X700-X799
TX17961,0000181 -54-21MAY07-1/1

BHC 523478.05 — A Corrente da Bobina de Esquema Elétrico da Barra


Subida da Estrutura Central está Abaixo do
Normal ou o Circuito está Aberto Teoria da Operação de Subida/Descida da Barra
Informações Gerais
A Corrente da Bobina de Subida da Estrutura Central
está Abaixo do Normal ou o Circuito está Aberto Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
Diagnósticos de Subida/Descida da Barra X600-X699 X700-X799
TX17961,0000182 -54-21MAY07-1/1

BHC 523478.06 — A Corrente da Bobina de Esquema Elétrico da Barra


Subida da Estrutura Central está Acima do
Normal ou o Circuito está em Curto Teoria da Operação de Subida/Descida da Barra
Informações Gerais
A Corrente da Bobina de Subida da Estrutura Central
está Acima do Normal ou o Circuito está em Curto Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
Diagnósticos de Subida/Descida da Barra X600-X699 X700-X799
TX17961,0000183 -54-21MAY07-1/1

BHC 523479.05 — A Corrente da Bobina de Esquema Elétrico da Barra


Inclinação para Baixo da Barra Esquerda está
Acima do Normal ou o Circuito está Aberto Teoria da Operação do Nivelamento Esquerdo da Barra
Informações Gerais
A Corrente da Bobina de Inclinação para Baixo da Barra
Esquerda está Acima do Normal ou o Circuito está Aberto Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
Diagnósticos do Nivelamento Esquerdo da Barra X600-X699 X700-X799
TX17961,0000184 -54-21MAY07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-2-5 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=35
BHC - Código de diagnóstico de falhas do controlador hidráulico da lança

BHC 523479.06 — A Corrente da Bobina


Diagnósticos do Nivelamento Esquerdo da Barra
de Subida da Inclinação para Baixo da
Barra Esquerda está Acima do Normal ou o Esquema Elétrico da Barra
Circuito está em Curto Teoria da Operação do Nivelamento Esquerdo da Barra

A Corrente da Bobina de Subida da Inclinação para Informações Gerais


Baixo da Barra Esquerda está Acima do Normal Designações dos Números dos Conectores X100-X199
ou o Circuito está em Curto X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
X600-X699 X700-X799
TX17961,0000185 -54-21MAY07-1/1

BHC 523480.05 — A Corrente da Bobina de Esquema Elétrico da Barra


Inclinação para Baixo da Barra Direita está
Abaixo do Normal ou o Circuito está Aberto Teoria da Operação do Nivelamento Direito da Barra
Informações Gerais
A Corrente da Bobina de Inclinação para Baixo da Barra
Direita está Abaixo do Normal ou o Circuito está Aberto Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
Diagnósticos de Nivelamento Direito da Barra X600-X699 X700-X799
TX17961,0000188 -54-21MAY07-1/1

BHC 523480.06 — A Corrente da Bobina de


Diagnósticos de Nivelamento Direito da Barra
Subida da Inclinação para Baixo da Barra
Direita está Acima do Normal ou o Circuito Esquema Elétrico da Barra
está em Curto Teoria da Operação do Nivelamento Direito da Barra

A Corrente da Bobina de Subida da Inclinação Informações Gerais


para Baixo da Barra Direita está Acima do Normal Designações dos Números dos Conectores X100-X199
ou o Circuito está em Curto X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
X600-X699 X700-X799
TX17961,0000189 -54-21MAY07-1/1

BHC 523481.05 — A Corrente da Bobina de Esquema Elétrico da Barra


Inclinação para Cima da Barra Esquerda está
Acima do Normal ou o Circuito está Aberto Teoria da Operação do Nivelamento Esquerdo da Barra
Informações Gerais
A Corrente da Bobina de Inclinação para Cima da Barra
Esquerda está Acima do Normal ou o Circuito está Aberto Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
Diagnósticos do Nivelamento Esquerdo da Barra X600-X699 X700-X799
TX17961,0000186 -54-21MAY07-1/1

BHC 523481.06 — A Corrente da Bobina


Diagnósticos do Nivelamento Esquerdo da Barra
de Subida da Inclinação para Cima da
Barra Esquerda está Acima do Normal ou o Esquema Elétrico da Barra
Circuito está em Curto Teoria da Operação do Nivelamento Esquerdo da Barra

A Corrente da Bobina de Subida da Inclinação para Informações Gerais


Cima da Barra Esquerda está Acima do Normal Designações dos Números dos Conectores X100-X199
ou o Circuito está em Curto X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
X600-X699 X700-X799
TX17961,0000187 -54-21MAY07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-2-6 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=36
BHC - Código de diagnóstico de falhas do controlador hidráulico da lança

BHC 523482.05 — A Corrente da Bobina de Esquema Elétrico da Barra


Inclinação para Cima da Barra Direita está
Acima do Normal ou o Circuito está Aberto Teoria da Operação do Nivelamento Direito da Barra
Informações Gerais
A Corrente da Bobina de Inclinação para Cima da Barra
Direita está Acima do Normal ou o Circuito está Aberto Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
Diagnósticos de Nivelamento Direito da Barra X600-X699 X700-X799
TX17961,000018A -54-21MAY07-1/1

BHC 523482.06 — A Corrente da Bobina de Esquema Elétrico da Barra


Subida da Inclinação para Cima da Barra
Direita está Acima do Normal ou o Circuito Teoria da Operação do Nivelamento Direito da Barra
está em Curto Informações Gerais

A Corrente da Bobina de Subida da Inclinação Designações dos Números dos Conectores X100-X199
para Cima da Barra Direita está Acima do Normal X200-X299 X300-X399 X400-X499 X500-X599
ou o Circuito está em Curto X600-X699 X700-X799

Diagnósticos de Nivelamento Direito da Barra


TX17961,000018B -54-21MAY07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-2-7 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=37
BHC - Código de diagnóstico de falhas do controlador hidráulico da lança

TM802454 (01SEP15) 211-2-8 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=38
Grupo 3
CCU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do chassi

CCU 000070.02 — Falha no Interruptor do Esquema do Freio de Estacionamento


Freio de Estacionamento
Teoria da Operação do Freio de Estacionamento
O Interruptor do Freio de Estacionamento está LIGADO Informações Gerais
e a velocidade da roda foi detectada.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico do freio de estacionamento X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00002AA -54-26JUL07-1/1

CCU 000096.01 — Baixo nível do combustível Teoria de Operação do Sensor de Nível de Combustível
O Sensor de Nível de Combustível indica menos Informações Gerais
de 10% do combustível restante.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico do sensor de nível do combustível X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
Esquema do Sensor do Nível de Combustível
TX17961,00002AB -54-26JUL07-1/1

CCU 000096.05 — Circuito do Sensor de Esquema do Sensor do Nível de Combustível


Combustível Aberto
Teoria de Operação do Sensor de Nível de Combustível
Erro no Sensor de Combustível - Circuito Aberto. Informações Gerais
Diagnóstico do sensor de nível do combustível Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00002AE -54-26JUL07-1/1

CCU 000096.06 — Circuito do Sensor de Esquema do Sensor do Nível de Combustível


Combustível Fechado
Teoria de Operação do Sensor de Nível de Combustível
Erro no Sensor de Combustível - Circuito Informações Gerais
em Curto/Aterrado.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico do sensor de nível do combustível X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00002AF -54-26JUL07-1/1

CCU 000158.00 — Alta Tensão da Diagnóstico da Rede do Barramento CAN


Alimentação Não Permanente da CCU-SRC
Teoria de Operação do Controlador SRC
A Tensão Não Permanente está acima de 15,7 Volts. Informações Gerais
Diagnóstico do Controlador da CCU-SRC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagrama do Controlador da CCU-SRC X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00002B0 -54-26JUL07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-3-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=39
CCU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do chassi

CCU 000158.01 — Baixa Tensão da Diagrama do Controlador da CCU-SRC


Alimentação Não Permanente da CCU-SRC
Diagnóstico da Rede do Barramento CAN
A Tensão Não Permanente é inferior a 11,2 volts Teoria de Operação do Controlador SRC
com o motor desligado, ou inferior a 12,5 Volts
com o motor ligado. Informações Gerais
Diagnóstico do Controlador da CCU-SRC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00002B1 -54-26JUL07-1/1

CCU 000237.02 — Dados VIN Não Coincidem


com Outros Controladores Parte dos dados do VIN não é compatível com outros
controladores na rede do VIN.
TX17961,00002B2 -54-26JUL07-1/1

CCU 000237.14 — Segurança do VIN Não


Habilitada Segurança VIN Não Habilitada.
TX17961,00002B3 -54-26JUL07-1/1

CCU 000237.31 — Sem Mensagens do VIN


As Mensagens VIN estão ausentes ou outros
controladores na rede não estão comprometidos
no tempo exigido.
TX17961,00002B4 -54-26JUL07-1/1

CCU 000628.12 — Programação da CCU


O controlador está no bloco de inicialização.
TX17961,00002B5 -54-26JUL07-1/1

CCU 000629.12 — Falha da Unidade de


Controle da CCU Foi ultrapassado o Tempo Limite de Monitoramento.
Ocorreu uma condição que levou o controlador a
executar um tempo limite de monitoramento.
TX17961,00002B6 -54-26JUL07-1/1

CCU 000630.02 — Falha na calibração/dados


inválidos na CCU Erro de Memória na Calibração detectado na inicialização.
TX17961,00002B7 -54-26JUL07-1/1

CCU 000639.14 — Estouro de Mensagem do


CAN 1 da CCU O barramento CAN 1 está offline. Ocorreu uma
condição de desconexão do barramento.
TX17961,00002B8 -54-26JUL07-1/1

CCU 001231.14 — Estouro de Mensagem do


CAN 2 da CCU O barramento CAN 2 está offline. Ocorreu uma
condição de desconexão do barramento.
TX17961,00002B9 -54-26JUL07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-3-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=40
CCU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do chassi

CCU 001504.02 — Falha no Interruptor do Diagrama de Detecção da Presença do Operador


Assento do Operador
Teoria de Operação da Presença do Operador
Erro no interruptor do assento do operador. Informações Gerais
Diagnóstico do Interruptor de Presença do Operador Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00002BA -54-26JUL07-1/1

CCU 001592.02 — Freqüência Inválida do Esquema do Sensor de Velocidade da Roda


Sensor de Velocidade da Roda Dianteira
Esquerda Teoria de Operação do Sensor de Velocidade da Roda
Informações Gerais
Freqüência irregular ou incorreta do Sensor de
Velocidade da Roda Dianteira Esquerda. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
Diagnóstico do Sensor de Velocidade da Roda
TX17961,00002BB -54-26JUL07-1/1

CCU 002000.09 — Ausência de Mensagem Esquema da Rede CAN


da ECU
Teoria de Operação do Controlador SRC
Mensagem da CAN de Velocidade do Motor não foi Teoria da Operação da Rede CAN
recebida via mensagem da CAN do controlador do motor.
Informações Gerais
Diagnóstico do Controlador do SRC
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Esquema do Controlador SRC X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
Diagnóstico da Rede do Barramento CAN
TX17961,00002BC -54-26JUL07-1/1

CCU 002246.09 — Mensagem da Alavanca de Esquema do Controlador SRC


Controle Multifunção Ausente
Diagnóstico da Rede do Barramento CAN
Mensagem da CAN da Alavanca Hidro não foi recebida Esquema da Rede CAN
via mensagem da CAN do controlador da alavanca hidro.
Teoria de Operação do Controlador SRC
Diagnósticos da Alavanca Multifunção de Controle da CAN
Diagnóstico da Rede do Barramento CAN
Esquema da Alavanca de Controle Multifuncional da CAN
Esquema da Rede CAN
Teoria de Operação da Alavanca de Controle
Multifuncional da CAN Informações Gerais
Diagnóstico do Controlador do SRC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00002BD -54-26JUL07-1/1

CCU 524279.31 — Operador Fora do Assento


Operador não está no assento com a trans-
missão em neutro.
TX17961,00002BE -54-26JUL07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-3-3 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=41
CCU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do chassi

TM802454 (01SEP15) 211-3-4 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=42
Grupo 4
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 000091.09 — Sinal de Comunicação do Esquema do Sensor do Motor


Acelerador Irregular
Esquema do Barramento CAN
A mensagem do CAN contendo as informações do Designações dos Números dos Conectores X100-X199
acelerador não está sendo recebida ou está atrasada. X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799

Esquema da Unidade de Controle do Motor Consulte Sinal de Comunicação do Acelerador Nº 1


Irregular (CTM328, Seção 04, Grupo 160)
TX17961,000019B -54-31MAY07-1/1

ECU 000097.03 — Sinal de Água no Esquema da Unidade de Controle do Motor


Combustível Fora da Faixa Alta
Esquema do Sensor do Motor
A tensão do sensor de água no combustível está Esquema do Barramento CAN
acima da faixa normal do sensor.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,000019D -54-31MAY07-1/1

ECU 000097.04 — Sinal de Água no Esquema da Unidade de Controle do Motor


Combustível Abaixo Lim. Inferior
Esquema do Sensor do Motor
A tensão no sensor de água no combustível está Esquema do Barramento CAN
abaixo da faixa normal do sensor.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,000019E -54-11JUN07-1/1

ECU 000097.16 — Água Detectada no Esquema do Sensor do Motor


Combustível
Esquema do Barramento CAN
Água sendo detectada no sensor. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
Esquema da Unidade de Controle do Motor
TX17961,000019F -54-11JUN07-1/1

ECU 000100.01 — Sinal de Pressão do Óleo Esquema do Sensor do Motor


do Motor Extremamente Baixo
Esquema do Barramento CAN
Baixa Pressão do Óleo - Nível Mais Severo. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
Esquema da Unidade de Controle do Motor
TX17961,00001A0 -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=43
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 000100.03 — Sinal de Pressão do Óleo Esquema do Sensor do Motor


do Motor Acima Lim. Superior
Esquema do Barramento CAN
A tensão da pressão do óleo está fora da faixa alta. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
Esquema da Unidade de Controle do Motor
TX17961,00001A1 -54-11JUN07-1/1

ECU 000100.04 — Sinal de Pressão do Óleo Esquema do Sensor do Motor


do Motor Abaixo Lim. Inferior
Esquema do Barramento CAN
Tensão da pressão de óleo fora da faixa baixa. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
Esquema da Unidade de Controle do Motor
TX17961,00001A2 -54-11JUN07-1/1

ECU 000100.18 — Sinal de Pressão do Óleo Esquema do Sensor do Motor


do Motor Moderadamente Baixo
Esquema do Barramento CAN
Pressão do Óleo Baixa - Nível Moderadamente Severo Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
Esquema da Unidade de Controle do Motor
TX17961,00001A3 -54-11JUN07-1/1

ECU 000100.31 — Pressão do Óleo do Motor Esquema do Sensor do Motor


Inválida
Esquema do Barramento CAN
Pressão de óleo detectada com rotação zero do motor. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
Esquema da Unidade de Controle do Motor
TX17961,00001A4 -54-11JUN07-1/1

ECU 000102.02 — Sinal de Pressão do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Coletor de Admissão Inválido
Esquema do Sensor do Motor
Incompatibilidade de medição ou modelo de pressão do Esquema do Barramento CAN
auxílio do turbocompressor. A ECU recebe uma pressão
inválida do sensor de pressão do ar do coletor. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799
TX17961,00001A5 -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=44
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 000102.03 — Sinal de Pressão do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Coletor de Admissão Acima Lim. Superior
Esquema do Sensor do Motor
A tensão da pressão do auxílio do turbocompressor Esquema do Barramento CAN
está fora da faixa alta.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001A6 -54-11JUN07-1/1

ECU 000102.04 — Sinal de Pressão do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Coletor de Admissão Abaixo Lim. Inferior
Esquema do Sensor do Motor
A tensão da entrada da pressão do ar no coletor cai Esquema do Barramento CAN
abaixo do limite inferior da especificação.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001A7 -54-11JUN07-1/1

ECU 000103.00 — Sinal de Veloc. do Turbo Esquema da Unidade de Controle do Motor


Extremamente Alto
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma velocidade do turbo acima Esquema do Barramento CAN
da especificação.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001A8 -54-11JUN07-1/1

ECU 000103.02 — Sinal Inválido na Rotação Esquema da Unidade de Controle do Motor


do Turbo
Esquema do Sensor do Motor
A rotação real do turbo não coincide com o modelo Esquema do Barramento CAN
do software da ECU para a rotação do turbo nas
condições atuais de operação. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799
TX17961,00001A9 -54-11JUN07-1/1

ECU 000103.05 — Circuito Sensor de Veloc. Esquema da Unidade de Controle do Motor


do Turbo com Alta Resistência
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta baixa corrente na fiação do sensor Esquema do Barramento CAN
de velocidade do turbo.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001AA -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-3 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=45
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 000103.06 — Circuito do Sensor de Esquema da Unidade de Controle do Motor


Velocidade do Turbo com Baixa Resistência
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta corrente alta na fiação do sensor de Esquema do Barramento CAN
rotação do turbo. Detectado curto com o aterramento.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001AB -54-11JUN07-1/1

ECU 000103.08 — Sinal da Rotação do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Turbocompressor Inválido
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma rotação do turbo que não é possível Esquema do Barramento CAN
de acordo com as condições de operação atuais.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001AC -54-11JUN07-1/1

ECU 000103.31 — Sinal Ausente de Rotação Esquema do Sensor do Motor


do Turbocompressor
Esquema do Barramento CAN
A ECU não detecta sinal do sensor de velocidade do turbo. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
Esquema da Unidade de Controle do Motor
TX17961,00001AD -54-11JUN07-1/1

ECU 000105.00 — Sinal da Temperatura do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Ar do Coletor de Entrada Extremamente Alto
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma temperatura do ar no coletor de Esquema do Barramento CAN
admissão acima da especificação.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001AE -54-11JUN07-1/1

ECU 000105.03 — Sinal Temp. do Ar no Esquema da Unidade de Controle do Motor


Coletor de Admissão Acima Lim. Superior
Esquema do Sensor do Motor
A tensão de entrada da temperatura de ar do Esquema do Barramento CAN
coletor de admissão ultrapassa a especificação
de alta tensão do sensor. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799
TX17961,00001AF -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-4 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=46
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 000105.04 — Sinal da Temperatura do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Ar do Coletor de Entrada Fora da Faixa Baixa
Esquema do Sensor do Motor
A tensão da entrada da temperatura do ar no Esquema do Barramento CAN
coletor de admissão cai abaixo da especificação
de baixa tensão do sensor. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799
TX17961,00001B0 -54-11JUN07-1/1

ECU 000105.15 — Sinal Temp. do Ar no Esquema da Unidade de Controle do Motor


Coletor de Admissão Ligeiramente Alto
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma temperatura do ar no coletor de Esquema do Barramento CAN
admissão acima da especificação.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001B1 -54-11JUN07-1/1

ECU 000105.16 — Sinal Temp. do Ar no Esquema da Unidade de Controle do Motor


Coletor de Admissão Moderadamente Alto
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma temperatura do ar no coletor de Esquema do Barramento CAN
admissão acima da especificação.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001B2 -54-11JUN07-1/1

ECU 000107.00 — Pressão Diferencial do Esquema do Sensor do Motor


Filtro de Ar Alta
Esquema do Barramento CAN
Filtro de ar com restrição. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
Esquema da Unidade de Controle do Motor
TX17961,00001B4 -54-11JUN07-1/1

ECU 000108.02 — Sinal de Pressão Esquema da Unidade de Controle do Motor


Barométrica Inválido
Esquema do Sensor do Motor
A ECU recebe um valor de pressão inválido do Esquema do Barramento CAN
sensor de pressão barométrica do ar.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001B5 -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-5 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=47
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 000110.00 — Sinal Temp. do Líq. de Esquema da Unidade de Controle do Motor


Arrefecimento do Motor Extremamente Alto
Esquema do Sensor do Motor
O desempenho do sistema de arrefecimento diminuiu ou Esquema do Barramento CAN
falhou. O limiar dos níveis de potência de pico maiores
do que 75% do máximo do limite de potência: 113°C. O Designações dos Números dos Conectores X100-X199
limiar dos níveis de potência de pico menores do que X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
75% do máximo do limite de potência: 116°C. X700-X799
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor
TX17961,00001B6 -54-11JUN07-1/1

ECU 000110.03 — Sinal de Temperatura do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Líquido de Arrefecimento do Motor Fora da
Faixa Alta Esquema do Sensor do Motor
Esquema do Barramento CAN
A tensão de entrada da temperatura do líquido de
arrefecimento do motor ultrapassa a especificação Designações dos Números dos Conectores X100-X199
de tensão alta do sensor. X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor
TX17961,00001B7 -54-11JUN07-1/1

ECU 000110.04 — Sinal Temp. do Líq. de Esquema da Unidade de Controle do Motor


Arrefecimento do Motor Abaixo Lim. Inferior
Esquema do Sensor do Motor
A tensão da entrada da temperatura do líquido de Esquema do Barramento CAN
arrefecimento do motor cai abaixo da especificação
de baixa tensão do sensor. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799
TX17961,00001B8 -54-11JUN07-1/1

ECU 000110.15 — Sinal Temp. do Líquido de Esquema da Unidade de Controle do Motor


Arrefecimento do Motor Ligeiramente Alto
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma temperatura do líquido de Esquema do Barramento CAN
arrefecimento acima da especificação.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001B9 -54-11JUN07-1/1

ECU 000110.16 — Procedimento de Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor


Diagnóstico de Sinal de Temperatura
Moderadamente Alta do Líquido de Esquema da Unidade de Controle do Motor
Arrefecimento do Motor Esquema do Sensor do Motor

O desempenho do sistema de arrefecimento diminuiu ou Esquema do Barramento CAN


falhou. O limiar dos níveis de potência de pico maiores Designações dos Números dos Conectores X100-X199
do que 75% do máximo do limite de potência: 111°C. O X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
limiar dos níveis de potência de pico menores do que X700-X799
75% do máximo do limite de potência: 114°C.
TX17961,00001BA -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-6 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=48
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 000110.17 — Sinal de Temperatura Esquema da Unidade de Controle do Motor


do Líquido de Arrefecimento do Motor
Ligeiramente Baixo Esquema do Sensor do Motor
Esquema do Barramento CAN
A ECU detecta que a temperatura do líquido de
arrefecimento do motor não está subindo até as Designações dos Números dos Conectores X100-X199
temperaturas normais de operação. X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor
TX17961,00001BB -54-11JUN07-1/1

ECU 000157.03 — Sinal da Pressão da Linha Esquema da Unidade de Controle do Motor


de Combustível Fora da Faixa Alta
Esquema do Sensor do Motor
A tensão da entrada de pressão da linha ultrapassa a Esquema do Barramento CAN
especificação de tensão alta do sensor.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001BC -54-11JUN07-1/1

ECU 000157.04 — Sinal da Pressão da Linha Esquema da Unidade de Controle do Motor


de Combustível Fora da Faixa Baixa
Esquema do Sensor do Motor
A tensão da entrada de pressão da linha cai abaixo Esquema do Barramento CAN
da especificação de tensão baixa do sensor.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001BD -54-11JUN07-1/1

ECU 000157.10 — Taxa de Alteração da Esquema da Unidade de Controle do Motor


Pressão na Linha de Combustível Anormal
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta redução súbita na pressão do combustível Esquema do Barramento CAN
quando o motor não injeta combustível.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001BE -54-11JUN07-1/1

ECU 000157.17 — Pressão da linha de Esquema da Unidade de Controle do Motor


combustível não desenvolvida
Esquema do Sensor do Motor
A ECU não detecta 10 MPa (100 Bar) (1450 psi) de Esquema do Barramento CAN
pressão na linha de combustível após dar partida no
motor por aproximadamente 3 segundos. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799
TX17961,00001BF -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-7 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=49
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 000158.17 — Erro de Queda de Energia Esquema da Unidade de Controle do Motor


na ECU
Esquema do Sensor do Motor
A ECU não consegue completar os procedimento Esquema do Barramento CAN
adequados de desligamento de energia após detectar
uma condição de desligamento da chave. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799
TX17961,00001C0 -54-11JUN07-1/1

ECU 000174.00 — Sinal Temp. do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Combustível Extremamente Alto
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma temperatura do combustível Esquema do Barramento CAN
acima da especificação.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001C1 -54-11JUN07-1/1

ECU 000174.03 — Sinal da Temperatura do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Combustível Fora da Faixa Alta
Esquema do Sensor do Motor
A tensão de entrada da temperatura do combustível Esquema do Barramento CAN
ultrapassa a especificação de tensão alta do sensor.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001C2 -54-11JUN07-1/1

ECU 000174.04 — Sinal da Temperatura do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Combustível Fora da Faixa Baixa
Esquema do Sensor do Motor
A tensão da entrada da temperatura do combustível cai Esquema do Barramento CAN
abaixo da especificação de baixa tensão do sensor.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001C3 -54-11JUN07-1/1

ECU 000174.16 — Sinal Temp. do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Combustível Moderadamente Alto
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma temperatura do combustível Esquema do Barramento CAN
de 95° C (203°F).
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001C4 -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-8 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=50
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 000189.00 — Condição de Redução de Esquema da Unidade de Controle do Motor


Potência do Motor
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma condição que requer a redução Esquema do Barramento CAN
da potência do motor.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001C5 -54-11JUN07-1/1

ECU 000190.00 — Veloc. do Motor Esquema da Unidade de Controle do Motor


Extremamente Alta
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta que a velocidade do motor Esquema do Barramento CAN
excede o giro máximo.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001C6 -54-11JUN07-1/1

ECU 000412.00 — Sinal Temp. da EGR Esquema da Unidade de Controle do Motor


Extremamente Alto
Esquema do Sensor do Motor
Cargas altas com arrefecimento da EGR insuficiente. Esquema do Barramento CAN
Ocorre a 290°C.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001C7 -54-11JUN07-1/1

ECU 000412.03 — Sinal Temp. da EGR Acima Esquema da Unidade de Controle do Motor
Lim. Superior
Esquema do Sensor do Motor
A tensão de entrada da temperatura do escape Esquema do Barramento CAN
de recirculação do gás de escape ultrapassa a
especificação de tensão alta do sensor. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799
TX17961,00001C8 -54-11JUN07-1/1

ECU 000412.04 — Sinal Temp. da EGR Esquema da Unidade de Controle do Motor


Abaixo Lim. Inferior
Esquema do Sensor do Motor
A tensão de entrada da temperatura do escape Esquema do Barramento CAN
de recirculação do gás de exaustão cai abaixo da
especificação de tensão baixa do sensor. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799
TX17961,00001C9 -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-9 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=51
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 000412.16 — Sinal de Temperatura Esquema da Unidade de Controle do Motor


Moderadamente Alta da EGR
Esquema do Sensor do Motor
Cargas altas com arrefecimento da EGR insuficiente. Esquema do Barramento CAN
Ocorre a 280°C.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001CA -54-11JUN07-1/1

ECU 000611.03 — Injetor em Curto com Esquema da Unidade de Controle do Motor


Alimentação
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta que a fiação do injetor está em curto Esquema do Barramento CAN
com uma fonte de alimentação.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001CB -54-11JUN07-1/1

ECU 000611.04 — Injetor em Curto com o Esquema da Unidade de Controle do Motor


Terra
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta que a fiação do injetor está em Esquema do Barramento CAN
curto com o aterramento.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001CC -54-11JUN07-1/1

ECU 000627.01 — Corrente de Acionamento


Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor
do Injetor Muito Baixa ou Corrente de
Retenção Incorreta Esquema da Unidade de Controle do Motor
Esquema do Sensor do Motor
Todas as correntes do injetor estão fora da especificação
por vários motivos. O acionamento inicial na Esquema do Barramento CAN
corrente é muito baixo ou a corrente de retenção
está incorreta. A alimentação da bateria à ECU Designações dos Números dos Conectores X100-X199
está baixa de forma anormal. X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001CD -54-11JUN07-1/1

ECU 000629.12 — Componente ou Esquema da Unidade de Controle do Motor


Dispositivo Inteligente Ruim
Esquema do Sensor do Motor
Ciclo de gravação da EEPROM interrompido devido Esquema do Barramento CAN
à alimentação permanente durante o desligamento.
Verifique se há aberturas ou circuitos intermitentes Designações dos Números dos Conectores X100-X199
na fiação e no fusível. X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor
TX17961,00001CE -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-10 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=52
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 000629.13 — Erro de Programação da Esquema do Sensor do Motor


ECU
Esquema do Barramento CAN
A ECU detecta um problema interno. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
Esquema da Unidade de Controle do Motor
TX17961,00001CF -54-11JUN07-1/1

ECU 000636.02 — Sinal do Sensor de Esquema da Unidade de Controle do Motor


Posição do Motor Inválido
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta ruído excessivo (pulsos extras) na Esquema do Barramento CAN
entrada do sensor de posição da bomba.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001D0 -54-11JUN07-1/1

ECU 000636.05 — Circuito do Sensor de Esquema da Unidade de Controle do Motor


Posição da Bomba com Alta Resistência
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta baixa corrente na fiação do sensor Esquema do Barramento CAN
de posição da bomba.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001D1 -54-11JUN07-1/1

ECU 000636.06 — Circuito do Sensor de Esquema da Unidade de Controle do Motor


Posição da Bomba com Baixa Resistência
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta alta corrente na fiação do sensor Esquema do Barramento CAN
de posição da bomba.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001D2 -54-11JUN07-1/1

ECU 000636.08 — Sinal Ausente do Sensor Esquema da Unidade de Controle do Motor


de Posição da Bomba
Esquema do Sensor do Motor
A ECU não detecta a entrada do sensor de Esquema do Barramento CAN
posição da bomba.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001D3 -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-11 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=53
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 000636.10 — Taxa Anormal de Mudança Esquema da Unidade de Controle do Motor


do Sinal de Posição da Bomba
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta um padrão impróprio na entrada do Esquema do Barramento CAN
sensor de posição da bomba.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001D4 -54-11JUN07-1/1

ECU 000637.02 — Sinal do Sensor do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Virabrequim Inválido
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta ruído excessivo (pulsos extras) na Esquema do Barramento CAN
entrada do sensor de posição do virabrequim.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001D5 -54-11JUN07-1/1

ECU 000637.05 — Circuito do Sensor do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Virabrequim com Alta Resistência
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta baixa corrente na fiação do sensor Esquema do Barramento CAN
do virabrequim. Se outro DTC relacionado ao
sensor do virabrequim acompanhar o 000637.05, Designações dos Números dos Conectores X100-X199
diagnostique o 000637.05 primeiro. X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor
TX17961,00001D6 -54-11JUN07-1/1

ECU 000637.06 — Circuito do Sensor do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Virabrequim com Baixa Resistência
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta alta corrente na fiação do Esquema do Barramento CAN
sensor do virabrequim.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001D7 -54-11JUN07-1/1

ECU 000637.07 — Sinais da Posição da Esquema da Unidade de Controle do Motor


Bomba e do Virabrequim Fora de Sincronia
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta que os sinais da posição da bomba e do Esquema do Barramento CAN
virabrequim não estão em sincronia um com o outro.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001D8 -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-12 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=54
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 000637.08 — Sinal Ausente do Sensor Esquema do Sensor do Motor


do Virabrequim
Esquema do Barramento CAN
A ECU não detecta a entrada do sensor do virabrequim. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
Esquema da Unidade de Controle do Motor
TX17961,00001D9 -54-11JUN07-1/1

ECU 000637.10 — Taxa Anormal de Mudança Esquema da Unidade de Controle do Motor


do Sinal do Virabrequim
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta um padrão impróprio na entrada Esquema do Barramento CAN
do sensor do virabrequim.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001DA -54-11JUN07-1/1

ECU 000641.04 — Tensão de Alimentação do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Atuador do VGT Abaixo do Limite Inferior
Esquema do Sensor do Motor
A ECU recebe uma mensagem informando que a Esquema do Barramento CAN
alimentação fornecida ao atuador é muito baixa.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001DB -54-11JUN07-1/1

ECU 000641.12 — Erro de Comunicação do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Acionador do VGT
Esquema do Sensor do Motor
A ECU perdeu as comunicações com o controlador Esquema do Barramento CAN
do atuador do turbo.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001DC -54-11JUN07-1/1

ECU 000641.13 — Erro de Memorização do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Atuador do VGT
Esquema do Sensor do Motor
A ECU recebe uma mensagem do acionador Esquema do Barramento CAN
informando que não foi possível alcançar os
pontos extremos esperados. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799
TX17961,00001DD -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-13 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=55
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 000641.16 — Temp. do Atuador do VGT Esquema da Unidade de Controle do Motor


Moderadamente Alta
Esquema do Sensor do Motor
A ECU recebe uma mensagem do acionador do Esquema do Barramento CAN
turbo informando que a temperatura do acionador
do turbo está acima da especificação. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799
TX17961,00001DE -54-11JUN07-1/1

ECU 000651.02 — Dado Inválido Número de Esquema da Unidade de Controle do Motor


Peça Injetor Nº 1
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta que um número de peça incorreto do Esquema do Barramento CAN
injetor foi instalado ou calibrado no cilindro número 1.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001DF -54-11JUN07-1/1

ECU 000651.05 — Circuito do Injetor Nº 1 Esquema da Unidade de Controle do Motor


Possui Resistência Alta
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta alta resistência no circuito do injetor Esquema do Barramento CAN
eletrônico do cilindro nº 1.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001E0 -54-11JUN07-1/1

ECU 000651.06 — Circuito do Injetor Nº 1 Esquema da Unidade de Controle do Motor


Possui Resistência Baixa
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta baixa resistência no circuito do Esquema do Barramento CAN
injetor eletrônico do cilindro nº 1.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001E1 -54-11JUN07-1/1

ECU 000651.07 — Injetor nº 1 não está Esquema da Unidade de Controle do Motor


Respondendo
Esquema do Sensor do Motor
A pressão da linha de combustível não cai na injeção Esquema do Barramento CAN
de combustível para o cilindro nº 1.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001E2 -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-14 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=56
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 000651.13 — Calibração do Injetor no. 1 Esquema da Unidade de Controle do Motor


Com Defeito
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta que um Código QR incorreto Esquema do Barramento CAN
foi calibrado na ECU.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001E3 -54-11JUN07-1/1

ECU 000652.02 — Dado Inválido Número de Esquema da Unidade de Controle do Motor


Peça Injetor Nº 2
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta que um número de peça incorreto do Esquema do Barramento CAN
injetor foi instalado ou calibrado no cilindro número 2.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001E4 -54-11JUN07-1/1

ECU 000652.05 — Circuito do Injetor Nº 2 Esquema da Unidade de Controle do Motor


Possui Resistência Alta
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta alta resistência no circuito do injetor Esquema do Barramento CAN
eletrônico do cilindro nº 2.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001E5 -54-11JUN07-1/1

ECU 000652.06 — Circuito do Injetor Nº 2 Esquema da Unidade de Controle do Motor


Possui Resistência Baixa
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta baixa resistência no circuito do Esquema do Barramento CAN
injetor eletrônico do cilindro nº 2.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001E6 -54-11JUN07-1/1

ECU 000652.07 — Injetor nº 2 não está Esquema da Unidade de Controle do Motor


Respondendo
Esquema do Sensor do Motor
A pressão da linha de combustível não cai na injeção Esquema do Barramento CAN
de combustível para o cilindro nº 2.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001E7 -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-15 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=57
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 000652.13 — Calibração do Injetor no. 2 Esquema da Unidade de Controle do Motor


Com Defeito
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta que um Código QR incorreto Esquema do Barramento CAN
foi calibrado na ECU.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001E8 -54-11JUN07-1/1

ECU 000653.02 — Dado Inválido Número de Esquema da Unidade de Controle do Motor


Peça Injetor Nº 3
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta que um número de peça incorreto do Esquema do Barramento CAN
injetor foi instalado ou calibrado no cilindro número 3.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001E9 -54-11JUN07-1/1

ECU 000653.05 — Circuito do Injetor Nº 3 Esquema da Unidade de Controle do Motor


Possui Resistência Alta
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta alta resistência no circuito do injetor Esquema do Barramento CAN
eletrônico do cilindro nº 3.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001EA -54-11JUN07-1/1

ECU 000653.06 — Circuito do Injetor Nº 3 Esquema da Unidade de Controle do Motor


Possui Resistência Baixa
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta baixa resistência no circuito do Esquema do Barramento CAN
injetor eletrônico do cilindro nº 3.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001EB -54-11JUN07-1/1

ECU 000653.07 — Injetor nº 3 não está Esquema da Unidade de Controle do Motor


Respondendo
Esquema do Sensor do Motor
A pressão da linha de combustível não cai na injeção Esquema do Barramento CAN
de combustível para o cilindro nº 3.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001EC -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-16 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=58
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 000653.13 — Calibração do Injetor no. 3 Esquema da Unidade de Controle do Motor


Com Defeito
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta que um Código QR incorreto Esquema do Barramento CAN
foi calibrado na ECU.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001ED -54-11JUN07-1/1

ECU 000654.02 — Dado Inválido Número de Esquema da Unidade de Controle do Motor


Peça Injetor Nº 4
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta que um número de peça incorreto do Esquema do Barramento CAN
injetor foi instalado ou calibrado no cilindro número 4.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001EE -54-11JUN07-1/1

ECU 000654.05 — Circuito do Injetor Nº 4 Esquema da Unidade de Controle do Motor


Possui Resistência Alta
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta alta resistência no circuito do injetor Esquema do Barramento CAN
eletrônico do cilindro nº 4.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001EF -54-11JUN07-1/1

ECU 000654.06 — Circuito do Injetor Nº 4 Esquema da Unidade de Controle do Motor


Possui Resistência Baixa
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma baixa resistência no circuito do Esquema do Barramento CAN
injetor eletrônico do cilindro #4.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001F0 -54-11JUN07-1/1

ECU 000654.07 — Injetor nº 4 não está Esquema da Unidade de Controle do Motor


Respondendo
Esquema do Sensor do Motor
A pressão da linha de combustível não cai na injeção Esquema do Barramento CAN
de combustível para o cilindro nº 4.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001F1 -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-17 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=59
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 000654.13 — Calibração do Injetor no. 4 Esquema da Unidade de Controle do Motor


Com Defeito
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta que um Código QR incorreto Esquema do Barramento CAN
foi calibrado na ECU.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001F2 -54-11JUN07-1/1

ECU 000655.02 — Dado Inválido Número de Esquema da Unidade de Controle do Motor


Peça Injetor Nº 5
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta que um número de peça incorreto do Esquema do Barramento CAN
injetor foi instalado ou calibrado no cilindro número 5.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001F3 -54-11JUN07-1/1

ECU 000655.05 — Circuito do Injetor Nº 5 Esquema da Unidade de Controle do Motor


Possui Resistência Alta
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta alta resistência no circuito do injetor Esquema do Barramento CAN
eletrônico do cilindro nº 5.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001F4 -54-11JUN07-1/1

ECU 000655.06 — Circuito do Injetor Nº 5 Esquema da Unidade de Controle do Motor


Possui Resistência Baixa
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta baixa resistência no circuito do Esquema do Barramento CAN
injetor eletrônico do cilindro nº 5.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001F5 -54-11JUN07-1/1

ECU 000655.07 — Injetor nº 5 não está Esquema da Unidade de Controle do Motor


Respondendo
Esquema do Sensor do Motor
A pressão da linha de combustível não cai na injeção Esquema do Barramento CAN
de combustível para o cilindro nº 5.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001F6 -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-18 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=60
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 000655.13 — Calibração do Injetor no. 5 Esquema da Unidade de Controle do Motor


Com Defeito
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta que um Código QR incorreto Esquema do Barramento CAN
foi calibrado na ECU.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001F7 -54-11JUN07-1/1

ECU 000656.02 — Dado Inválido Número de Esquema da Unidade de Controle do Motor


Peça Injetor Nº 6
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta que um número de peça incorreto do Esquema do Barramento CAN
injetor foi instalado ou calibrado no cilindro número 6.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001F8 -54-11JUN07-1/1

ECU 000656.05 — Circuito do Injetor Nº 6 Esquema da Unidade de Controle do Motor


Possui Resistência Alta
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta alta resistência no circuito do injetor Esquema do Barramento CAN
eletrônico do cilindro nº 6.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001F9 -54-11JUN07-1/1

ECU 000656.06 — Circuito do Injetor Nº 6 Esquema da Unidade de Controle do Motor


Possui Resistência Baixa
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma baixa resistência no circuito do Esquema do Barramento CAN
injetor eletrônico do cilindro #6.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001FA -54-11JUN07-1/1

ECU 000656.07 — Injetor nº 6 não está Esquema da Unidade de Controle do Motor


Respondendo
Esquema do Sensor do Motor
A pressão da linha de combustível não cai na injeção Esquema do Barramento CAN
de combustível para o cilindro nº 6.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001FB -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-19 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=61
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 000656.13 — Calibração do Injetor no. 6 Esquema da Unidade de Controle do Motor


Com Defeito
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta que um Código QR incorreto Esquema do Barramento CAN
foi calibrado na ECU.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001FC -54-11JUN07-1/1

ECU 000676.03 — Sinal de Vela Aquecedora Esquema da Unidade de Controle do Motor


Recebido Quando Não Esperado
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta saída alta do relé da vela aquecedora Esquema do Barramento CAN
quando a ECU não está energizando o relé.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001FD -54-11JUN07-1/1

ECU 000676.04 — Sinal de Vela Aquecedora Esquema da Unidade de Controle do Motor


Não Recebido Quando Esperado
Esquema do Sensor do Motor
A ECU está enviando corrente para o relé da Esquema do Barramento CAN
vela aquecedora, mas não detecta 12 volts indo
para as velas aquecedoras. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799
TX17961,00001FE -54-11JUN07-1/1

ECU 001136.00 — Sinal Temp. da ECU Esquema da Unidade de Controle do Motor


Extremamente Alto
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma temperatura interna da ECU Esquema do Barramento CAN
acima da especificação.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,00001FF -54-11JUN07-1/1

ECU 001136.16 — Sinal Temp. da ECU Esquema da Unidade de Controle do Motor


Moderadamente Alto
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma temperatura interna da ECU Esquema do Barramento CAN
acima da especificação.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,0000200 -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-20 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=62
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 001172.03 — Sinal Temp. na Entrada Esquema da Unidade de Controle do Motor


Compressor Acima Lim. Superior
Esquema do Sensor do Motor
A tensão de entrada da temperatura de entrada Esquema do Barramento CAN
do turbocompressor ultrapassa a especificação
de alta tensão do sensor. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799
TX17961,0000201 -54-11JUN07-1/1

ECU 001172.04 — Sinal Temp. na Entrada Esquema da Unidade de Controle do Motor


Compressor Abaixo Lim. Inferior
Esquema do Sensor do Motor
A tensão de entrada do sinal da temperatura na Esquema do Barramento CAN
entrada do compressor do turbo cai abaixo da
especificação de baixa tensão do sensor. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799
TX17961,0000202 -54-11JUN07-1/1

ECU 001180.00 — Sinal Temp. da Entrada Esquema da Unidade de Controle do Motor


Turbina Extremamente Alto
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma temperatura na entrada da Esquema do Barramento CAN
turbina acima da especificação.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,0000203 -54-11JUN07-1/1

ECU 001180.16 — Sinal de Temperatura da Esquema da Unidade de Controle do Motor


Entrada Turbina Moderadamente Alto
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma temperatura na entrada da Esquema do Barramento CAN
turbina acima da especificação.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,0000204 -54-11JUN07-1/1

ECU 001209.02 — Pressão Incorreta no Esquema da Unidade de Controle do Motor


Escape
Esquema do Sensor do Motor
Pressão do escape inválida devido a uma falha dentro Esquema do Barramento CAN
da faixa do sensor. O cálculo do modelo não confere
com a indicação de Pressão de Escape. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799
TX17961,0000205 -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-21 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=63
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 001209.03 — Tensão do Sensor de Esquema da Unidade de Controle do Motor


Pressão do Escape Fora da Faixa Alta
Esquema do Sensor do Motor
Circuito aberto no chicote, do sinal ou do terra. Falha Esquema do Barramento CAN
no sensor de pressão do escape.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,0000206 -54-11JUN07-1/1

ECU 001209.04 — Tensão do Sensor de Esquema da Unidade de Controle do Motor


Pressão do Escape Fora da Faixa Baixa
Esquema do Sensor do Motor
Sinal do sensor de pressão do escape em curto com Esquema do Barramento CAN
o aterramento. Falha no sensor de pressão.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,0000207 -54-11JUN07-1/1

ECU 001347.03 — Sinal de Válvula de Esquema da Unidade de Controle do Motor


Controle da Bomba de Combustível de Alta
Pressão Acima Lim. Superior Esquema do Sensor do Motor
Esquema do Barramento CAN
A ECU detecta corrente alta no fio de retorno da
válvula de controle da bomba. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799
TX17961,0000208 -54-11JUN07-1/1

ECU 001347.05 — Alta Resistência no Esquema da Unidade de Controle do Motor


Circuito nº 1 do Solenóide da Bomba de
Combustível de Alta Pressão Esquema do Sensor do Motor
Esquema do Barramento CAN
A ECU não consegue equiparar a corrente medida da
bomba com a corrente comandada da bomba. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799
TX17961,0000209 -54-11JUN07-1/1

ECU 001347.07 — Bomba de Combustível cotovelos não estão entupidos com detritos,
de Pressão Alta Não Consegue Atingir a como fragmentos de plástico.
Pressão da Linha Necessária
Diagnósticos do Controle de Combustível e do Motor
A ECU detecta pressão da linha de combustível de 5 MPa Esquema da Unidade de Controle do Motor
(50 Bar) (725 psi) acima ou abaixo da pressão esperada.
Esquema do Sensor do Motor
NOTA: antes de começar os diagnósticos, verifique
se os filtros de combustível foram substituídos Esquema do Barramento CAN
desde que o problema ocorreu. Verifique se as Designações dos Números dos Conectores X100-X199
linhas de alimentação de combustível provenientes X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
do tanque não estão pinçadas. Verifique se X700-X799
as linhas de alimentação de combustível e
TX17961,000020A -54-30JUL08-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-22 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=64
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 001569.31 — Motor em Condição de Esquema do Sensor do Motor


Redução da Potência
Esquema do Barramento CAN
Motor em Condição de Redução da Potência Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
Esquema da Unidade de Controle do Motor
TX17961,000020B -54-11JUN07-1/1

ECU 002005.19 — Solicitação de Horas do


Reprograme a ECU com a CCU desconectada.
Motor Inválida Desconecte fisicamente a CCU. Depois de reprogramar o
software da ECU, reconecte a CCU.
Os códigos se referem ao código de autenticação
flexpower, em que a unidade de controle da CCU/SRC NOTA: a remoção dos fusíveis NÃO funcionará porque a
solicita as horas de motor da ECU. CCU é alimentada pelos fusíveis F37 e F31, que é
também o circuito para a alimentação permanente
para o conector do Service Advisor.
TX17961,0000103 -54-09JUN08-1/1

ECU 002630.00 — Sinal Temp. da Saída do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Resfriador do Ar de Carga Extremamente
Alto Esquema do Sensor do Motor
Esquema do Barramento CAN
A ECU detecta temperatura de ar da saída do resfriador
de ar de carga acima da especificação. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799
TX17961,000020C -54-11JUN07-1/1

ECU 002630.03 — Sinal Temp. na Saída Esquema da Unidade de Controle do Motor


do Resfriador do Ar de Carga Acima Lim.
Superior Esquema do Sensor do Motor
Esquema do Barramento CAN
A tensão de entrada da temperatura de saída
do aftercooler ultrapassa a especificação de Designações dos Números dos Conectores X100-X199
tensão alta do sensor. X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor
TX17961,000020D -54-11JUN07-1/1

ECU 002630.04 — Sinal de Temperatura da Esquema da Unidade de Controle do Motor


Saída do Resfriador do Ar de Carga Abaixo
do Limite Inferior Esquema do Sensor do Motor
Esquema do Barramento CAN
A tensão de entrada da temperatura de saída
do aftercooler cai abaixo da especificação de Designações dos Números dos Conectores X100-X199
tensão baixa do sensor. X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor
TX17961,000020E -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-23 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=65
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 002630.15 — Sinal Temp. da Saída do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Resfriador do Ar de Carga Ligeiramente Alto
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta temperatura de ar da saída do resfriador Esquema do Barramento CAN
de ar de carga acima da especificação.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,000020F -54-11JUN07-1/1

ECU 002630.16 — Sinal Temp. da Saída do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Resfriador do Ar de Carga Moderadamente
Alto Esquema do Sensor do Motor
Esquema do Barramento CAN
A ECU detecta temperatura de ar da saída do resfriador
de ar de carga acima da especificação. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799
TX17961,0000210 -54-11JUN07-1/1

ECU 002659.02 — Dados de Taxa de Fluxo Esquema da Unidade de Controle do Motor


de Massa da EGR Inválidos
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma incompatibilidade entre a temperatura Esquema do Barramento CAN
e a vazão de recirculação de gases de exaustão.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,0000211 -54-11JUN07-1/1

ECU 002659.15 — Dados de Taxa de Fluxo de Esquema da Unidade de Controle do Motor


Massa da EGR Ligeiramente Altos
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta fluxo da EGR quando a válvula Esquema do Barramento CAN
da EGR está fechada.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,0000212 -54-11JUN07-1/1

ECU 002659.17 — Dados de Taxa de Fluxo de Esquema da Unidade de Controle do Motor


Massa da EGR Ligeiramente Baixos
Esquema do Sensor do Motor
A ECU não detecta vazão de recirculação do gás de Esquema do Barramento CAN
exaustão quando a válvula está aberta.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,0000213 -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-24 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=66
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 002790.16 — Temperatura Esquema da Unidade de Controle do Motor


Moderadamente Alta Calculada da Saída da
Turbina Esquema do Sensor do Motor
Esquema do Barramento CAN
A ECU detecta uma temperatura na saída do compressor
do turbo acima da especificação. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799
TX17961,0000214 -54-11JUN07-1/1

ECU 002791.02 — Sinal de Posição da Esquema da Unidade de Controle do Motor


Válvula da EGR Inválido
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta que a válvula EGR não consegue Esquema do Barramento CAN
atingir a posição desejada.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,0000215 -54-11JUN07-1/1

ECU 002791.03 — Sinal de Posição da Esquema da Unidade de Controle do Motor


Válvula EGR Fora da Faixa Alta
Esquema do Sensor do Motor
O sinal de posição da válvula EGR indica um valor Esquema do Barramento CAN
acima do limite superior da faixa esperada.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,0000216 -54-11JUN07-1/1

ECU 002791.04 — Sinal Posição da Válvula Esquema da Unidade de Controle do Motor


EGR Fora da Faixa Baixa
Esquema do Sensor do Motor
O sinal de posição da válvula da EGR indica um valor Esquema do Barramento CAN
abaixo do limite inferior da faixa esperada.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,0000217 -54-11JUN07-1/1

ECU 002791.07 — Válvula da EGR Não Atinge Esquema da Unidade de Controle do Motor
Posição Esperada
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta que a válvula da recirculação de gases de Esquema do Barramento CAN
escape não está respondendo ou está desajustada.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,0000219 -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-25 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=67
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 002791.13 — Erro de Alteração de Esquema da Unidade de Controle do Motor


Calibração da Válvula da EGR
Esquema do Sensor do Motor
Esse código indica que os valores Fechados e Abertos Esquema do Barramento CAN
armazenados da válvula da EGR foram deslocados para
fora da tolerância programada em um curto período ou Designações dos Números dos Conectores X100-X199
que a válvula foi substituída sem ser calibrada novamente. X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor
TX17961,000021A -54-11JUN07-1/1

ECU 002791.31 — Calibração da Válvula da Esquema da Unidade de Controle do Motor


EGR Gradualmente Alterada com o Tempo
Esquema do Sensor do Motor
Este código indica que os valores armazenados Esquema do Barramento CAN
de Fechado e Aberto da válvula EGR moveram-se
para fora da tolerância programada após um Designações dos Números dos Conectores X100-X199
longo período de tempo. X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor
TX17961,000021B -54-11JUN07-1/1

ECU 002795.07 — Atuador do VGT Não Esquema da Unidade de Controle do Motor


Atinge Posição Esperada
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma divergência entre a posição desejada Esquema do Barramento CAN
e a posição efetiva do atuador do turbo.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,000021C -54-11JUN07-1/1

ECU 003509.03 — Tensão de Alimentação do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Sensor Nº 1 Fora da Faixa Alta
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma tensão de alimentação acima da Esquema do Barramento CAN
especificação no circuito de alimentação de 5V da ECU.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,000021D -54-11JUN07-1/1

ECU 003509.04 — Tensão de Alimentação do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Sensor Nº 1 Fora da Faixa Baixa
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma tensão de alimentação abaixo da Esquema do Barramento CAN
especificação no circuito de alimentação de 5 V da ECU.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,000021E -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-26 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=68
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 003510.03 — Tensão de Alimentação do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Sensor Nº 2 Fora da Faixa Alta
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma tensão de alimentação acima da Esquema do Barramento CAN
especificação no circuito de alimentação de 5V da ECU.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,000021F -54-11JUN07-1/1

ECU 003510.04 — Tensão de Alimentação do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Sensor Nº 2 Fora da Faixa Baixa
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma tensão de alimentação abaixo da Esquema do Barramento CAN
especificação no circuito de alimentação de 5 V da ECU.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,0000220 -54-11JUN07-1/1

ECU 003511.03 — Tensão de Alimentação do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Sensor Nº 3 Fora da Faixa Alta
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma tensão de alimentação acima da Esquema do Barramento CAN
especificação no circuito de alimentação de 5V da ECU.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,0000221 -54-11JUN07-1/1

ECU 003511.04 — Tensão de Alimentação do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Sensor Nº 3 Fora da Faixa Baixa
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma tensão de alimentação abaixo da Esquema do Barramento CAN
especificação no circuito de alimentação de 5 V da ECU.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,0000222 -54-11JUN07-1/1

ECU 003512.03 — Tensão de Alimentação do Esquema da Unidade de Controle do Motor


Sensor Nº 4 Fora da Faixa Alta
Esquema do Sensor do Motor
A ECU detecta uma tensão de alimentação acima da Esquema do Barramento CAN
especificação no circuito de alimentação de 5V da ECU.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
X700-X799
TX17961,0000223 -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-27 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=69
ECU - Código de diagnóstico de falhas da unidade de controle do motor

ECU 003512.04 — Tensão de Alimentação do Esquema do Sensor do Motor


Sensor Nº 4 Fora da Faixa Baixa
Esquema do Barramento CAN
A ECU detecta uma tensão de alimentação abaixo da Designações dos Números dos Conectores X100-X199
especificação no circuito de alimentação de 5 V da ECU. X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799

Esquema da Unidade de Controle do Motor


TX17961,0000226 -54-11JUN07-1/1

ECU 003513.03 — Tensão de Alimentação do Esquema do Sensor do Motor


Sensor Nº 5 Fora da Faixa Alta
Esquema do Barramento CAN
A ECU detecta uma tensão de alimentação acima da Designações dos Números dos Conectores X100-X199
especificação no circuito de alimentação de 5V da ECU. X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799

Esquema da Unidade de Controle do Motor


TX17961,0000224 -54-11JUN07-1/1

ECU 003513.04 — Tensão de Alimentação do Esquema do Sensor do Motor


Sensor Nº 5 Fora da Faixa Baixa
Esquema do Barramento CAN
A ECU detecta uma tensão de alimentação abaixo da Designações dos Números dos Conectores X100-X199
especificação no circuito de alimentação de 5 V da ECU. X200-X299 X400-X499 X500-X599 X600-X699
Diagnóstico de Controle do Combustível e Motor X700-X799

Esquema da Unidade de Controle do Motor


TX17961,0000225 -54-11JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-4-28 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=70
Grupo 5
iTC - Código de diagnóstico de falhas da compensação integrada de terreno

iTC 000168.18 — Baixa Tensão da Estação Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
Base do RTK informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.

A tensão da estação base RTK está abaixo de 11 VDC.


TX17961,00002BF -54-26JUL07-1/1

iTC 000232.02 — Posição corrigida do GPS Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
não disponível informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.

Não há correção diferencial.


TX17961,00002C0 -54-26JUL07-1/1

iTC 000232.14 — Perda da extensão de RTK Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.
Quando o sinal de correção tem Extensão de RTK, um
aviso de cuidado é exibido para informar ao operador
quando restarem 1, 2 e 5 minutos.
TX17961,00002C1 -54-26JUL07-1/1

iTC 000841.31 — Interferência no Sinal do


Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
Satélite informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.
Interferência do sinal.
TX17961,00002C2 -54-26JUL07-1/1

iTC 000956.16 — TCM não calibrado


Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.
Calibre o TCM. Vá para a tela de configuração do
TCM no monitor GREENSTAR.
TX17961,00002C3 -54-26JUL07-1/1

iTC 002146.14 — Sensor de Temperatura do Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
iTC Fora da Faixa informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.

O sensor de temperatura está fora da faixa normal de


operação. Posição não está sendo corrigida.
TX17961,00002C4 -54-26JUL07-1/1

iTC 002854.31 — Perda do Link do Rádio


Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
RTK Rover informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.
Perda do link de rádio RTK no Rover. Verifique
as conexões do rádio
TX17961,00002C5 -54-26JUL07-1/1

iTC 003141.31 — Licença de Correções do Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
GPS vencida informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.

A licença para correções de GPS expirou.


TX17961,00002C6 -54-26JUL07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-5-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=71
iTC - Código de diagnóstico de falhas da compensação integrada de terreno

iTC 003144.13 — Receptor Não Recebendo Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
na Freqüência Alternada informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.

A freqüência foi alterada em relação ao padrão.


TX17961,00002C7 -54-26JUL07-1/1

iTC 522552.11 — Falha na Rede STARFIRE Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.
A rede de correções John Deere não está funcionando.
Aguarde até que o sinal fique disponível novamente.
TX17961,00002C8 -54-26JUL07-1/1

iTC 523274.02 — Posição do GPS não


Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
Disponível informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.
O receptor STARFIRE iTC não está captando
o sinal do GPS.
TX17961,00002C9 -54-26JUL07-1/1

iTC 523309.07 — Sensor de Inclinação Fora Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
da Faixa informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.

O sensor de guinada não está respondendo. Rumo


do veículo não está sendo corrigido.
TX17961,00002CA -54-26JUL07-1/1

iTC 523309.16 — Sem Resposta do Sensor Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
de Inclinação informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.

O sensor de guinada está fora da faixa normal de


operação. Rumo do veículo não está sendo corrigido.
TX17961,00002CB -54-26JUL07-1/1

iTC 523310.02 — Falha na Memória


Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.
Um erro de memória do StarFire ocorreu.
TX17961,00002CC -54-26JUL07-1/1

iTC 523319.18 — Tensão comutada baixa Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.
Tensão comutada abaixo de 8 VDC. Verifique a Fiação.
TX17961,00002CD -54-26JUL07-1/1

iTC 523441.31 — Sem Dimensão de Altura Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
do STARFIRE informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.

Ajuste a altura na configuração do TCM.


TX17961,00002CE -54-26JUL07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-5-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=72
iTC - Código de diagnóstico de falhas da compensação integrada de terreno

iTC 523442.31 — Sem Ajuste Avanço/Recuo Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
do STARFIRE informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.

Ajuste o avanço/recuo na configuração do TCM.


TX17961,00002CF -54-26JUL07-1/1

iTC 523572.31 — Falha no Desligamento da Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
Energia informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.

Configurações não salvas desde o último desligamento.


Verifique a tensão não comutada.
TX17961,00002D0 -54-26JUL07-1/1

iTC 523773.03 — Tensão Alta da Linha do Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
CAN Alto do Veículo informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.

Tensão superior a 4 VDC. Verificar fiação


TX17961,00002D1 -54-26JUL07-1/1

iTC 523773.04 — Baixa Tensão da Linha do Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
CAN Alto do Veículo informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.

Tensão inferior a 1 VDC. Verifique a Fiação.


TX17961,00002D2 -54-26JUL07-1/1

iTC 523774.03 — Alta Tensão da Linha do Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
CAN Baixo do Veículo informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.

Tensão superior a 4 VDC. Verifique a Fiação.


TX17961,00002D3 -54-26JUL07-1/1

iTC 523774.04 — Baixa Tensão da Linha do Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
CAN Baixo do Veículo informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.

Tensão inferior a 1 VDC. Verifique a Fiação.


TX17961,00002D4 -54-26JUL07-1/1

iTC 523792.18 — Tensão Não Comutada Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
Baixa informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.

Tensão não comutada abaixo de 8 VDC.


Verifique a Fiação.
TX17961,00002D5 -54-26JUL07-1/1

iTC 524209.16 — RTK Rover Muito Longe da Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
Estação Base informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.

Indica que a distância está acima de 16,9 km (10.5


milhas) da estação base até o rover.
TX17961,00002D6 -54-26JUL07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-5-3 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=73
iTC - Código de diagnóstico de falhas da compensação integrada de terreno

iTC 524210.16 — Estação base RTK não Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
usando satélites visíveis informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.

Diferença de mais de 3 satélites entre a máscara de


"satélites acima da elevação" e os satélites utilizados.
TX17961,00002D7 -54-26JUL07-1/1

iTC 524257.14 — Pesquisa da Posição da Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
Estação Base RTK em Andamento informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.

Pesquisa de Posição da Estação Base RTK em


andamento Aguarde até a conclusão da pesquisa.
TX17961,00002D8 -54-26JUL07-1/1

iTC 524257.16 — Realocação da Estação Vá para o manual técnico do AMS TM1061 para
Base RTK informar-se sobre os diagnóstico de código do iTC.

Indica que a estação base se deslocou mais de 20 metros.


TX17961,00002D9 -54-26JUL07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-5-4 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=74
Grupo 6
SRC - Código de diagnóstico de falhas do controlador da taxa de pulverização

SRC 000628.12 — Programação do SRC Diagnóstico da Rede do Barramento CAN


Controlador está no bloco de inicialização. Teoria de Operação do Controlador SRC
Diagnóstico do Controlador do SRC Informações Gerais
Esquema do Controlador SRC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000D0 -54-18JUN07-1/1

SRC 000629.12 — Falha na Unidade de Diagnóstico da Rede do Barramento CAN


Controle SRC
Teoria de Operação do Controlador SRC
Ocorreu uma condição que levou o controlador a Informações Gerais
esgotar o tempo limite de monitoração.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico do Controlador do SRC X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
Esquema do Controlador SRC
TX17961,00000D1 -54-18JUN07-1/1

SRC 000630.02 — Falha na Calibração/Dados Diagnóstico da Rede do Barramento CAN


Inválidos de SRC
Teoria de Operação do Controlador SRC
Erro de memória na calibração detectado na inicialização. Informações Gerais
Diagnóstico do Controlador do SRC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Esquema do Controlador SRC X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000D2 -54-18JUN07-1/1

SRC 000639.14 — Mensagem de sobrecarga Esquema da Rede CAN


CAN do SRC
Teoria de Operação do Controlador SRC
O CAN 1 está offline. Ocorreu uma condição de Teoria da Operação da Rede CAN
desconexão do barramento.
Informações Gerais
Diagnóstico do Controlador do SRC
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Esquema do Controlador SRC X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
Diagnóstico da Rede do Barramento CAN
TX17961,00000D3 -54-26JUL07-1/1

SRC 003133.00 — Pressão da bomba de pequeno ou uma velocidade de avanço muito alta
solução muito alta aumentam a pressão da bomba de solução.
3. Verificação do circuito do sensor de pressão. Consulte
Pressão da bomba de solução muito alta Diagnóstico da pressão da solução (seção 240, grupo
1. Calibração do sensor de pressão 15).

2. Execução do teste de verificação do fluxo do bico Esquema da pressão da solução (seção 240, grupo 15)
(manual do operador, seção 40). Teoria da operação da pressão da solução (seção 240,
Verifique se o tamanho do bocal e a velocidade de grupo 15)
avanço estão corretos de acordo com a taxa de Designações dos números dos conectores X100-X199
aplicativos desejada. Um tamanho de bico muito X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00002DA -54-30MAY12-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-6-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=75
SRC - Código de diagnóstico de falhas do controlador da taxa de pulverização

SRC 003133.01 — Pressão baixa da bomba


3. Verifique o volume do tanque de solução.
de solução
4. Verificação do circuito do sensor de pressão. Consulte
A pressão da bomba de solução está abaixo Diagnóstico da pressão da solução (seção 240, grupo
de 48 kPa (7 psi). 15).
1. Calibração do sensor de pressão Esquema da pressão da solução (seção 240, grupo 15)
2. Verifique os filtradores. Se for utilizado um líquido Teoria da operação da pressão da solução (seção 240,
viscoso, como um fertilizante, talvez seja necessário grupo 15)
remover os filtradores.
Designações dos números dos conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00002DB -54-30MAY12-1/1

SRC 003133.03 — Tensão Alta do Sensor de Esquema da Pressão da Solução (Seção 240, Grupo 15).
Pressão da Solução
Teoria da Operação da Pressão da Solução (Seção 240,
A Tensão do Sensor de Pressão da Solução está Grupo 15).
Acima do Normal. A falha ocorre quando a leitura Designações dos Números dos Conectores X100-X199
de tensão está acima de 4,90 volts. X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
Diagnósticos da Pressão da Solução (Seção 240, Grupo
15).
TX17961,00002DC -54-23APR09-1/1

SRC 003133.04 — Baixa Tensão do Sensor Esquema da Pressão da Solução (Seção 240, Grupo 15).
de Pressão da Solução
Teoria da Operação da Pressão da Solução (Seção 240,
A Tensão do Sensor de Pressão da Solução está Grupo 15).
Abaixo do Normal. A falha ocorre quando a leitura Designações dos Números dos Conectores X100-X199
de tensão está abaixo de 0,10 volts. X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
Diagnósticos da Pressão da Solução (Seção 240, Grupo
15).
TX17961,00002DD -54-23APR09-1/1

SRC 523394.02 — Falha no Fluxômetro Teoria de Operação da Taxa de Pulverização


A freqüência do fluxômetro está irregular ou incorreta. Informações Gerais
Diagnóstico da Taxa de Pulverização Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
Esquema da Taxa de Pulverização
TX17961,00000DF -54-18JUN07-1/1

SRC 523440.00 — Alta Tensão do Sensor Esquema do Controlador SRC


Permanente do SRC
Teoria de Operação do Controlador SRC
A tensão permanente está acima do normal. Informações Gerais
Diagnóstico do Controlador do SRC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000E0 -54-18JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-6-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=76
SRC - Código de diagnóstico de falhas do controlador da taxa de pulverização

SRC 523440.01 — Tensão Permanente do Teoria de Operação do Controlador SRC


SRC Baixa
Informações Gerais
A tensão do SRC está abaixo do normal. Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico do Controlador do SRC X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799

Esquema do Controlador SRC


TX17961,00000E1 -54-18JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-6-3 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=77
SRC - Código de diagnóstico de falhas do controlador da taxa de pulverização

TM802454 (01SEP15) 211-6-4 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=78
Grupo 7
SSU - Código de diagnóstico de falhas da unidade do sistema de direção

SSU 000162.09 — Mensagens de Esquema da Rede CAN


Transmissão Ausentes
Teoria da Operação da Rede CAN
A SSU não recebeu a mensagem de faixa de Informações Gerais
velocidades do SRC pela rede da CAN.
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Diagnóstico da Rede do Barramento CAN X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
Esquema do AutoTrac
TX17961,00000E4 -54-18JUN07-1/1

SSU 000168.03 — Fornecimento de Tensão Esquema do AutoTrac


Alta da SSU Não Comutada
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
A tensão da bateria está acima do intervalo normal. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000E5 -54-18JUN07-1/1

SSU 000168.04 — Fornecimento de Tensão Esquema do AutoTrac


Baixa na SSU Não Comutada
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
A tensão da bateria está abaixo do intervalo normal. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000E6 -54-18JUN07-1/1

SSU 000237.31 — Mensagens de Segurança Esquema do AutoTrac


de VIN Ausentes
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Mensagem de VIN ou de Segurança de VIN Teoria da Operação do AUTOTRAC
ausente ou incorreta.
Informações Gerais
Diagnóstico do AUTOTRAC
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,000022A -54-13JUN07-1/1

SSU 000517.09 — Falha na Mensagem de Esquema do AutoTrac


Velocidade do GPS
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
A mensagem de velocidade do veículo não foi recebida Teoria da Operação do AUTOTRAC
pela rede da CAN pela SSU.
Informações Gerais
Diagnóstico do AUTOTRAC
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000E7 -54-18JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-7-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=79
SSU - Código de diagnóstico de falhas da unidade do sistema de direção

SSU 000628.02 — Falha de Dados EOL da Esquema do AutoTrac


SSU
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Mau funcionamento do controlador da SSU. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000E8 -54-18JUN07-1/1

SSU 000628.12 — Programação da SSU Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC


O controlador está no bloco de inicialização. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
Esquema do AutoTrac
TX17961,000022B -54-13JUN07-1/1

SSU 000629.12 — Falha da Unidade de Esquema do AutoTrac


Controle da SSU
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Ocorreu uma condição que levou o controlador a Teoria da Operação do AUTOTRAC
esgotar o tempo limite de monitorização.
Informações Gerais
Diagnóstico do AUTOTRAC
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000E9 -54-18JUN07-1/1

SSU 000630.13 — Falha na Calibração da Esquema do AutoTrac


SSU/Não calibrada
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
O sistema AUTOTRAC não está calibrado. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000EA -54-18JUN07-1/1

SSU 001079.03 — Alta Tensão de Esquema da Rede CAN


Alimentação do Sensor da SSU
Informações Gerais
Tensão de alimentação dos sensores de baixa Designações dos Números dos Conectores X100-X199
prioridade fora da faixa alta. X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
Esquema do AutoTrac
TX17961,00002DE -54-26JUL07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-7-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=80
SSU - Código de diagnóstico de falhas da unidade do sistema de direção

SSU 001079.04 — Baixa Tensão de Esquema da Rede CAN


Alimentação do Sensor da SSU
Informações Gerais
Tensão de alimentação dos sensores de baixa Designações dos Números dos Conectores X100-X199
prioridade fora da faixa baixa. X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
Esquema do AutoTrac
TX17961,00002DF -54-26JUL07-1/1

SSU 001504.07 — Falha na Mensagem do Esquema do AutoTrac


Interruptor do Assento
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Mau funcionamento do interruptor do assento do operador. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000ED -54-18JUN07-1/1

SSU 001504.09 — Mensagem de Presença Esquema do AutoTrac


do Operador Ausente
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Mensagem do interruptor de assento não recebida pela Teoria da Operação do AUTOTRAC
SSU através da rede do barramento CAN.
Informações Gerais
Diagnóstico do AUTOTRAC
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000EE -54-18JUN07-1/1

SSU 001504.14 — O Operador Não Está Esquema do AutoTrac


Sentado e o AutoTrac Está Ativado
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Operador fora do assento durante a operação Teoria da Operação do AUTOTRAC
do AUTOTRAC.
Informações Gerais
Diagnóstico do AUTOTRAC
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000EF -54-18JUN07-1/1

SSU 001638.09 — Falha na Mensagem da Esquema do AutoTrac


Temperatura do Óleo Hidráulico
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
A SSU não recebeu a mensagem de temperatura do Teoria da Operação do AUTOTRAC
óleo hidráulico através da rede CAN do veículo.
Informações Gerais
Diagnóstico do AUTOTRAC
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000F0 -54-18JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-7-3 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=81
SSU - Código de diagnóstico de falhas da unidade do sistema de direção

SSU 001807.02 — Conflito do Sensor 1 da Esquema do AutoTrac


Posição do Volante
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
A mensagem do sensor do SID não corresponde Teoria da Operação do AUTOTRAC
à rotação do volante.
Informações Gerais
Diagnóstico do AUTOTRAC
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000F1 -54-18JUN07-1/1

SSU 001807.03 — Alta Tensão no Circuito 1 Esquema do AutoTrac


do Sensor de Posição do Volante
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Tensão do SID fora da faixa alta. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000F2 -54-18JUN07-1/1

SSU 001807.04 — Baixa Tensão no Circuito Esquema do AutoTrac


do Sensor 1 de Posição da Roda de Direção
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Tensão do SID fora da faixa baixa. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000F3 -54-18JUN07-1/1

SSU 001807.05 — Baixa Corrente do Circuito Esquema do AutoTrac


do Sensor 1 de Posição do Volante
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Corrente do SID fora da faixa baixa. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000F4 -54-18JUN07-1/1

SSU 001807.06 — Alta Corrente do Circuito Esquema do AutoTrac


do Sensor 1 de Posição do Volante
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Corrente do SID fora da faixa alta. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000F5 -54-18JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-7-4 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=82
SSU - Código de diagnóstico de falhas da unidade do sistema de direção

SSU 001807.10 — Incompatibilidade do Sinal Esquema do AutoTrac


do Sensor 1 de Posição do Volante
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Falha de redundância do SID 1. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000F7 -54-18JUN07-1/1

SSU 001807.14 — Falha no Sinal do Sensor 1 Esquema do AutoTrac


da Posição do Volante
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Falha do canal do SID 1. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000F8 -54-18JUN07-1/1

SSU 522273.00 — Alto Comando do Circuito Esquema do AutoTrac


de Controle da Válvula da Direção da SSU
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Provável falha na válvula da SSU. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000F9 -54-18JUN07-1/1

SSU 522273.01 — Baixo Comando do Circuito Esquema do AutoTrac


de Controle da Válvula da Direção da SSU
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Provável falha na válvula da SSU. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000FA -54-18JUN07-1/1

SSU 522387.07 — Falha na Válvula de Esquema do AutoTrac


Direção ou no Sensor de Ângulo da Roda do
AutoTrac Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Teoria da Operação do AUTOTRAC
Sem movimento no sensor primário principal de direção
com comando significante para a Válvula EH. Informações Gerais

Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199


X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC
TX17961,00000FB -54-18JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-7-5 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=83
SSU - Código de diagnóstico de falhas da unidade do sistema de direção

SSU 522394.09 — Sem Mensagem do TCM Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC


A mensagem do TCM não foi recebida pela SSU Teoria da Operação do AUTOTRAC
por meio da rede CAN 1 do veículo.
Informações Gerais
Diagnóstico do AUTOTRAC
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
Esquema do AutoTrac
TX17961,00000FC -54-18JUN07-1/1

SSU 523651.02 — Falha na Unidade de Esquema do AutoTrac


Controle
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Mau funcionamento do controlador, estouro de pilha. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000FD -54-18JUN07-1/1

SSU 523698.09 — Ausência de Mensagem do Esquema do AutoTrac


Monitor do AMS ou Ausência de Mensagem
do Monitor GREENSTAR Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Teoria da Operação do AUTOTRAC
Sem dados de comunicação provenientes do monitor.
Informações Gerais
Diagnóstico do AUTOTRAC
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000FE -54-18JUN07-1/1

SSU 523766.02 — Código de Ativação Esquema do AutoTrac


Inválido para o AutoTrac
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Código de ativação do AutoTrac inválido. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,00000FF -54-18JUN07-1/1

SSU 523767.09 — Mensagem do Interruptor Esquema do AutoTrac


de Retomada Ausente
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
A mensagem da CAN do interruptor de retomada do Teoria da Operação do AUTOTRAC
AutoTrac não foi recebida pela SSU.
Informações Gerais
Diagnóstico do AUTOTRAC
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,0000100 -54-18JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-7-6 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=84
SSU - Código de diagnóstico de falhas da unidade do sistema de direção

SSU 523795.02 — Conexão do Pórtico de Esquema do AutoTrac


Trabalho da Válvula de Direção do AutoTrac
para Trás Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Teoria da Operação do AUTOTRAC
Os pórticos da válvula EH parecem estar com a
tubulação colocada incorretamente. Informações Gerais

Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199


X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC
TX17961,0000101 -54-18JUN07-1/1

SSU 523795.12 — Falha na Válvula de Esquema do AutoTrac


Direção do AutoTrac
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Problema na válvula EH ou chicote elétrico. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,0000102 -54-18JUN07-1/1

SSU 523795.13 — Falha na Calibração da Esquema do AutoTrac


SSU/Válvula de Direção
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Falha na calibração da zona morta da válvula EH. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,0000103 -54-18JUN07-1/1

SSU 523810.01 — Baixa Tensão de Esquema do AutoTrac


Alimentação da Válvula de Direção da SSU
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
VP 1 falhou. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,0000104 -54-18JUN07-1/1

SSU 523821.02 — Incompatibilidade do Esquema do AutoTrac


Veículo
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
SSU não programada para o veículo correto. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,0000105 -54-18JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-7-7 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=85
SSU - Código de diagnóstico de falhas da unidade do sistema de direção

SSU 523823.00 — Velocidade do Veículo da Esquema do AutoTrac


SSU Muito Alta
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
A velocidade do veículo é muito alta para Teoria da Operação do AUTOTRAC
operação AutoTrac.
Informações Gerais
Diagnóstico do AUTOTRAC
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,0000106 -54-18JUN07-1/1

SSU 523824.03 — Alta Tensão no Circuito 2 Esquema do AutoTrac


do Sensor de Posição do Volante
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
A tensão do canal 2 do SID está fora da faixa alta. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,0000107 -54-18JUN07-1/1

SSU 523824.04 — Baixa Tensão no Circuito Esquema do AutoTrac


do Sensor 2 de Posição da Roda de Direção
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
A tensão do canal do SID 2 está fora da faixa baixa. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,0000108 -54-18JUN07-1/1

SSU 523824.05 — Baixa Corrente do Circuito Esquema do AutoTrac


do Sensor 2 de Posição do Volante
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
A corrente do canal do SID 2 está fora da faixa baixa. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,0000109 -54-18JUN07-1/1

SSU 523824.06 — Alta Corrente do Circuito Esquema do AutoTrac


do Sensor 2 de Posição do Volante
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
A corrente do canal do SID 2 está fora da faixa alta. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,000010A -54-18JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-7-8 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=86
SSU - Código de diagnóstico de falhas da unidade do sistema de direção

SSU 523824.10 — Incompatibilidade do Sinal Esquema do AutoTrac


do Sensor 2 de Posição do Volante
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Falha de redundância do SID 2. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,000010B -54-18JUN07-1/1

SSU 523824.14 — Falha no Sinal do Sensor 2 Esquema do AutoTrac


da Posição do Volante
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Falha de redundância do SID 2. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,000010C -54-18JUN07-1/1

SSU 523826.00 — Tensão do Sensor de Esquema do AutoTrac


Ângulo da Direção Alta
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Tensão do WAS fora da faixa, alta. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,000010D -54-18JUN07-1/1

SSU 523826.01 — Tensão do Sensor de Esquema do AutoTrac


Ângulo da Direção Baixa
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Tensão do WAS fora da faixa, baixa. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Diagnóstico do AUTOTRAC Informações Gerais
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,000010E -54-18JUN07-1/1

SSU 523826.02 — Conexão da Tensão do Esquema do AutoTrac


Sensor de Ângulo da Roda para Trás
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
A orientação da direção do WAS está invertida. Essa Teoria da Operação do AUTOTRAC
falha é configurada durante a calibração.
Informações Gerais
Diagnóstico do AUTOTRAC
Designações dos Números dos Conectores X100-X199
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
TX17961,000010F -54-18JUN07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-7-9 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=87
SSU - Código de diagnóstico de falhas da unidade do sistema de direção

SSU 523826.07 — Falha no Intervalo de Esquema do AutoTrac


Tensão do Sensor de Ângulo da Roda
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Faixa de operação do sensor WAS muito pequena Teoria da Operação do AUTOTRAC
durante a calibração. Essa falha é configurada
durante a calibração. Informações Gerais
Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC
TX17961,0000110 -54-18JUN07-1/1

SSU 523826.10 — Movimento da Roda Esquema do AutoTrac


Detectado Sem Movimento do SID
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
Movimento da roda detectado sem movimento do SID. Teoria da Operação do AUTOTRAC
Entrada detectada no sensor de ângulo da roda sem
uma entrada correspondente na entrada do SID. Informações Gerais
Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC
TX17961,000022C -54-13JUN07-1/1

SSU 523826.14 — Falha de Movimento Baixo Esquema do AutoTrac


do Sensor de Ângulo da Roda
Procedimentos de Calibração do AUTOTRAC
O movimento do WAS não concorda com o Teoria da Operação do AUTOTRAC
movimento detectado pelo SID, somente quando
o AutoTrac é desativado. Informações Gerais
Diagnóstico do AUTOTRAC Designações dos Números dos Conectores X100-X199
X200-299 X400-X499 X500-X599 X600-X699 X700-X799
Códigos de Diagnóstico do AUTOTRAC
TX17961,0000111 -54-18JUN07-1/1

SSU 600006.31 — Código de diagnóstico Códigos ativos de diagnóstico da máquina para apagar
padrão esta mensagem.

A mensagem de erro aparece quando o display não


atualiza e aponta outro código ativo.
DL04518,0000005 -54-23APR15-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-7-10 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=88
Grupo 8
TEC - Código de diagnóstico de falhas do controle de equipamento do trator

TEC 000628.12 — Programação do TEC Os códigos de programação ocorrem somente durante o


processo de atualização ou de carregamento de um novo
A unidade de Controle do Equipamento do Trator software. Não é erro e nenhum diagnóstico é necessário.
(TEC) detecta que ocorreu uma interrupção durante
o processo de atualização do software.
TX17961,00002E0 -54-26JUL07-1/1

TEC 000629.12 — Falha na Unidade de


Controle do TEC a unidade de Controle de Equipamento do Trator
(TEC) detecta que seu software não conseguiu
executar no tempo designado.
TX17961,00002E1 -54-26JUL07-1/1

TEC 000630.02 — Falha na Calibração do


TEC/Dados Inválidos a unidade de Controle de Equipamento do Trator (TEC)
detecta valores inválidos da calibração ou falha da
memória de calibração, durante a partida.
TX17961,00002E2 -54-26JUL07-1/1

TEC 000639.12 — Fluxo Excessivo de


Mensagens do Barramento CAN do Trator Estouro do Buffer de Mensagens do SO do CAN do Trator.
da TEC
TX17961,00002E3 -54-26JUL07-1/1

TEC 000639.14 — Limite de Erro da CAN do


Trator da TEC Excedido O barramento do SO do CAN do trator detectou muitos
erros. Barramento CAN desativado.
TX17961,00002E4 -54-26JUL07-1/1

TEC 001231.12 — Estouro de Mensagens do


Barramento CAN do Implemento da TEC Estouro do Buffer de Mensagens do SO do
CAN do Implemento.
TX17961,00002E5 -54-26JUL07-1/1

TEC 001231.14 — Limite de Erro da CAN do


Implemento da TEC Excedido O barramento do SO do CAN do implemento detectou
muitos erros. Barramento CAN desativado.
TX17961,00002E6 -54-26JUL07-1/1

TEC 522550.14 — Dispositivos Conformes e um dispositivo não John Deere (unidade de controle)
Não Conformes com a ISO no Barramento e um dispositivo John Deere sem conformidade com
do Implemento Barramento ISO (unidade de controle). Atenção: A
falha não é causada por uma falha da unidade de
Controle do Equipamento do Trator (TEC).
A Unidade de Controle do Equipamento do Trator
(TEC) detecta que há pelo menos um conflito entre
TX17961,00002E7 -54-26JUL07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-8-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=89
TEC - Código de diagnóstico de falhas do controle de equipamento do trator

TM802454 (01SEP15) 211-8-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=90
Grupo 9
TEI - Código de diagnóstico de falhas da interface de equipamento do trator

TEI 000628.12 — Programação da TEI


O controlador está no bloco de inicialização.
TX17961,00002E8 -54-26JUL07-1/1

TEI 000629.12 — Falha da Unidade de


Controle da TEI Watchdog interrompido.
TX17961,00002E9 -54-26JUL07-1/1

TEI 000630.02 — Falha na Calibração da


TEI/Dados Inválidos Erro de Memória na Calibração detectado na inicialização.
TX17961,00002EA -54-26JUL07-1/1

TEI 522550.14 — Dispositivos Conformes e


Não Conformes com a ISO no Barramento Pelo menos um dispositivo compatível com ISO
do Implemento e não JD está presente no barramento com um
dispositivo não compatível com a JD.
TX17961,00002EB -54-26JUL07-1/1

TM802454 (01SEP15) 211-9-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=91
TEI - Código de diagnóstico de falhas da interface de equipamento do trator

TM802454 (01SEP15) 211-9-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=92
Seção 212
Sintomas Observáveis
Conteúdo

Página
Página
Grupo 20—Motor
Informação de diagnóstico do controle da taxa de pulverização
motor .......................................................212-20-1 (CCU–SCR) ............................................212-40-4
Informações de diagnóstico da luz de
Grupo 30—Combustível, admissão de ar, atenção ...................................................212-40-4
escape e arrefecimento Informações de diagnóstico do sensor
Informações de diagnóstico do de temperatura do líquido de
combustível, admissão de ar, arrefecimento ..........................................212-40-5
escape e arrefecimento...........................212-30-1 Informações de diagnóstico do status
do trem de força ......................................212-40-5
Grupo 40—Sistema elétrico Informações de diagnóstico da unidade
Informações de diagnóstico para o de controle do motor (eCU).....................212-40-5
sistema elétrico do sistema de Informações de diagnóstico dos
ar-condicionado.......................................212-40-1 controles de combustível e
Informações de diagnóstico do motor .......................................................212-40-5
interruptor do filtro de ar..........................212-40-1 Informações de diagnóstico do sensor
Informações de diagnóstico da régua de pressão do óleo do motor ..................212-40-6
de potência auxiliar .................................212-40-1 Informações de diagnóstico do motor
Informações de diagnóstico do alarme dos sensores de velocidade do
auxiliar.....................................................212-40-1 motor .......................................................212-40-6
Informações de diagnóstico BoomTrac Informações de diagnóstico do sensor
Pro...........................................................212-40-2 do nível de combustível ..........................212-40-6
Informações de diagnóstico para Informações de diagnóstico GreenStar
componentes elétricos do AutoTrac..................................................212-40-6
nivelamento da barra ..............................212-40-2 Informações de diagnóstico do display
Informações de diagnóstico para GreenStar................................................212-40-6
componentes elétricos da Informações de diagnóstico do
descida/subida barra...............................212-40-2 receptor StarFire GreenStar....................212-40-7
Informações de diagnóstico do Informações de diagnóstico da
retorno à altura da barra buzina......................................................212-40-7
pulverizadora...........................................212-40-2 Informações de diagnóstico do
Informações de diagnóstico para sensor de temperatura do óleo
componentes elétricos de hidráulico.................................................212-40-7
polarização/rolagem da barra .................212-40-3 Informações de diagnóstico do impulso
Informações de diagnóstico para hidrostático..............................................212-40-7
componentes elétricos de Informações de diagnóstico dos
desdobramento/retração da circuitos elétricos da escada ...................212-40-7
barra........................................................212-40-3 Informações de diagnóstico dos
Unidade de controle do sistema circuitos elétricos da escada da
hidráulico da barra de válvula de obstrução da detecção
pulverização (BHC) Informações de de carga ..................................................212-40-8
diagnóstico ..............................................212-40-3 Sistema de iluminação — Informações
Informações de diagnóstico do de diagnóstico das luzes de entrada
barramento CAN .....................................212-40-3 e de teto ..................................................212-40-8
Informações de diagnóstico da Iluminação - informações de
alavanca multifuncional do diagnóstico do das luzes direcionais,
barramento CAN .....................................212-40-4 advertência, estrada e campo.................212-40-8
Informações de diagnóstico do sistema Informações de diagnóstico do
de carga ..................................................212-40-4 interruptor de presença do
Informações de diagnóstico da unidade operador..................................................212-40-8
de controle do chassi/unidade de

Continua na próxima página

TM802454 (01SEP15) 212-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=1
Conteúdo

Página Página

Informações de diagnóstico dos


circuitos elétricos do freio de Grupo 60—Freios
estacionamento.......................................212-40-9 Informações de diagnóstico do freio de
Informações de diagnóstico da estacionamento.......................................212-60-1
distribuição de potência ..........................212-40-9 Informações de diagnóstico do freio de
Informações de diagnóstico do sensor serviço.....................................................212-60-1
do radar...................................................212-40-9
Informações de diagnóstico do ajuste Grupo 70—Sistema hidráulico
de banco .................................................212-40-9 Informações de diagnóstico do sistema
Sistema de solução - Informação de hidráulico básico .....................................212-70-1
diagnóstico do sistema elétrico de Informações de diagnóstico hidráulico
agitação.................................................212-40-10 do nivelamento da barra .........................212-70-1
Sistema de solução - Informações de Informações de diagnóstico hidráulico
diagnóstico do sistema elétrico da de descida e subida da barra..................212-70-1
pressão da solução ...............................212-40-10 Informações de diagnóstico hidráulico
Sistema de solução - Informações de de polarização do rolo.............................212-70-1
diagnóstico do sistema elétrico da Informações de diagnóstico de
bomba da solução.................................212-40-10 hidráulica de desdobramento/re-
Sistema de solução - Informações tração da barra........................................212-70-2
de diagnóstico do sistema Informações de diagnóstico hidráulico
elétrico do controle da válvula da escada................................................212-70-2
de pulverização .....................................212-40-10
Sistema de solução - Informações de Grupo 75—Ajuste da suspensão e da bitola
diagnóstico do sistema elétrico da Informações de diagnóstico do ajuste
taxa da pulverização .............................212-40-11 da bitola...................................................212-75-1
Informações de diagnóstico dos
circuitos elétricos da faixa de Grupo 80—Direção
velocidade .............................................212-40-11 Informações de diagnóstico da
Iniciando informações de diagnóstico direção ....................................................212-80-1
do sistema.............................................212-40-11
Informações de diagnóstico da unidade Grupo 90—Estação do operador
de controle do sistema da direção Informações de diagnóstico do
(SSU) ....................................................212-40-11 ar-condicionado.......................................212-90-1
Informações de diagnóstico da luz de
freio .......................................................212-40-12 Grupo 100—Sistema de solução
Informações de diagnóstico dos Informações de diagnóstico do
circuitos elétricos do ajuste da edutor ....................................................212-100-1
bitola......................................................212-40-12 Informações de diagnóstico da taxa
Informações de diagnóstico dos irregular .................................................212-100-1
circuitos de controle do corpo da Carregando as informações de
borboleta ...............................................212-40-12 diagnóstico ............................................212-100-1
Informações de diagnóstico dos Informações de diagnóstico da pressão
circuitos elétricos do controle de do sistema de solução ..........................212-100-1
tração ....................................................212-40-12 Informações de diagnóstico da
Informações de diagnóstico dos aplicação excessiva ou insuficiente
sensores de velocidade da do sistema de solução ..........................212-100-1
roda .......................................................212-40-13
Informações de diagnóstico do Grupo 120—Sistema de nivelamento
limpador do para-brisa ..........................212-40-13 automático de suspensão pneumática
Informações de diagnóstico do sistema
Grupo 50—Trem de força de nivelamento automático de
Informações de diagnóstico da suspensão a ar......................................212-120-1
redução final............................................212-50-1
Informações de diagnóstico do
acionamento hidrostático ........................212-50-1
Informação de diagnóstico do sistema
hidráulico de impulso reverso .................212-50-1
Informações de diagnóstico da
hidráulica do controle de
tração ......................................................212-50-1

TM802454 (01SEP15) 212-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=2
Grupo 20
Motor
Informação de diagnóstico do motor
CTM328 — Motores diesel PowerTech™ Plus 4,5 L e
6,8 L — Sistema eletrônico de combustível nível 14 com
Para fazer o diagnóstico dos defeitos do motor, consulte HPCR denso
os seguintes manuais técnicos de componente.
Português
CTM206 — Motores Diesel PowerTech™ 4,5 L e 6,8 L
Motor Base
TX17961,0003A43 -54-06NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-20-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=95
Motor

TM802454 (01SEP15) 212-20-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=96
Grupo 30
Combustível, admissão de ar, escape e arrefecimento

Informações de diagnóstico do combustível,


CTM328 — Motores diesel PowerTech™ Plus 4,5 L e
admissão de ar, escape e arrefecimento 6,8 L — Sistema eletrônico de combustível nível 14 com
HPCR denso
Para fazer o diagnóstico dos defeitos do motor, consulte
os seguintes manuais técnicos de componente.
Português
CTM206 — Motores Diesel PowerTech™ 4,5 L e 6,8 L
Motor Base
TX17961,0003A44 -54-06NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-30-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=97
Combustível, admissão de ar, escape e arrefecimento

TM802454 (01SEP15) 212-30-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=98
Grupo 40
Sistema elétrico
Informações de diagnóstico para o sistema Sistema de ar-condicionado — Esquema (elétrico)
elétrico do sistema de ar-condicionado
Sistema de ar-condicionado — Diagnóstico (elétrico)
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Sistema de ar-condicionado — Teoria de operação
(elétrica)
TX17961,0003A60 -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico do interruptor Controle do motor e do combustível — Esquemas


do filtro de ar (elétrico)

Estratégia de Diagnóstico Diagnósticos do Interruptor do Filtro de Ar

Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
15. Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
Informações relacionadas Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Interruptor do Filtro de Ar do Motor — Teoria de operação
TX17961,0003A6B -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico da régua de Tomadas de alimentação auxiliar — Esquemas


potência auxiliar
Tomadas de alimentação auxiliar — Diagnóstico
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Saídas de Energia Auxiliar - Teoria de Funcionamento
TX17961,0003A61 -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico do alarme


Alarme de Ré — Esquema
auxiliar
Alarme de ré — Diagnósticos
Estratégia de Diagnóstico
Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Alarme de Ré - Teoria de Funcionamento
TX17961,0003A7F -54-07NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-40-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=99
Sistema elétrico

Informações de diagnóstico BoomTrac Pro BoomTrac Pro — Esquema


Estratégia de Diagnóstico BoomTrac Pro — Diagnósticos

Siga o BoomTrac Pro™ procedimento de diagnóstico na Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
seção 240, grupo 15.
Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
Informações relacionadas Informações do conector (seção 240, grupo 20)
BoomTrac Pro — Teoria de operação
BoomTrac Pro é uma marca comercial da Deere & Company
TX17961,0003A45 -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico para Funções da Barra — Esquema (elétrico)


componentes elétricos do nivelamento da
barra Nivelamento de Barra — Diagnóstico Elétrico (Lado
Esquerdo)
Estratégia de Diagnóstico Nivelamento de Barra — Diagnóstico Elétrico (Lado
Direito)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo
15. Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Informações relacionadas Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
Nivelamento da barra — Teoria de operação (elétrico) Informações do conector (seção 240, grupo 20)
TX17961,0003A5B -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico para Funções da Barra — Esquema (elétrico)


componentes elétricos da descida/subida
barra Subida e Descida da Barra de pulverização — Diagnóstico
(elétrico)
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Subida/Descida da Barra — Teoria de operação (elétrica)
TX17961,0003A5C -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico do retorno à Retorno à Altura da Barra — Esquema


altura da barra pulverizadora
Retorno à Altura da Barra - Diagnóstico
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Retorno à Altura da Barra — Teoria de operação
TX17961,0003A5D -54-06NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-40-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=100
Sistema elétrico

Informações de diagnóstico para componen- Funções da Barra — Esquema (elétrico)


tes elétricos de polarização/rolagem da barra
Inclinação Longitudinal da Barra — Diagnóstico
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Válvula Polarizada da Barra — Teoria de operação
TX17961,0003A5E -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico para componen- Desdobramento e Dobramento da Barra - Diagnóstico


tes elétricos de desdobramento/retração da Elétrico (Geral)
barra
Dobramento/Desdobramento de Barra — Diagnóstico
Elétrico (lado esquerdo)
Estratégia de Diagnóstico
Dobramento/Desdobramento de Barra — Diagnóstico
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Elétrico (lado direito)
15.
Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Informações relacionadas
Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
Desdobramento/Dobramento da Barra de pulverização —
Teoria de operação (elétrico) Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Funções da Barra — Esquema (elétrico)
TX17961,0003A5F -54-06NOV14-1/1

Unidade de controle do sistema hidráulico Unidade de controle hidráulico da lança (BHC) - Esquemas
da barra de pulverização (BHC) Informações
de diagnóstico Unidade de controle do sistema hidráulico da barra (BHC)
- Diagnóstico
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Teoria de operação unidade de controle do sistema
hidráulico da barra (BHC) - Teoria de operação
TX17961,0003A67 -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico do barramento


Barramento CAN — Esquema
CAN
Barramento CAN 1 — Diagnóstico
Estratégia de Diagnóstico
Barramento CAN 2 — Diagnóstico
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Barramento CAN 3 — Diagnóstico
15.
Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Informações relacionadas
Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
Barramento do CAN - Teoria de Funcionamento
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
TX17961,0003A65 -54-06NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-40-3 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=101
Sistema elétrico

Informações de diagnóstico da alavanca Barramento CAN — Esquema


multifuncional do barramento CAN
Alavanca multifuncional - Controles de função -
Estratégia de Diagnóstico Diagnóstico

Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
15. Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
Informações relacionadas Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Alavanca multifuncional - Controles de função - Teoria
de operação
TX17961,0003A66 -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico do sistema de Sistema de carga — Esquema


carga
Sistema de carga — Testes de bateria
Estratégia de Diagnóstico Sistema de carga — Diagnóstico
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
15.
Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
Informações relacionadas
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Sistema de carga — Teoria de operação
TX17961,0003A8C -54-07NOV14-1/1

Informações de diagnóstico da unidade de Unidade de controle do chassi/unidade de controle da


controle do chassi/unidade de controle da taxa de pulverização (CCU/SRC) — Esquema
taxa de pulverização (CCU–SCR)
Unidade de controle do chassi/unidade de controle da
taxa de pulverização (CCU/SRC) — Diagnóstico
Estratégia de Diagnóstico
Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo
15. Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
Informações relacionadas Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Unidade de controle do chassi/unidade de controle da
taxa de pulverização (CCU/SRC) — Teoria de operação
TX17961,0003A68 -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico da luz de Luz de freio e atenção — Esquemas


atenção
Luz de atenção — Diagnóstico
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Luz de atenção — Teoria de operação
TX17961,0003A7C -54-07NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-40-4 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=102
Sistema elétrico

Informações de diagnóstico do sensor de


Controle do motor e do combustível — Esquemas
temperatura do líquido de arrefecimento (elétrico)
Estratégia de Diagnóstico Diagnóstico do sensor de temperatura do líquido de
arrefecimento
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo
15. Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)

Informações relacionadas Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)

Teoria de operação do Sensor de Temperatura do Líquido Informações do conector (seção 240, grupo 20)
de Arrefecimento
TX17961,0003A6C -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico do status do Status do trem de força — Esquemas


trem de força
Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Estratégia de Diagnóstico Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
Consulte os esquemas em seção 240, grupo 15. Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Status do trem de força — Teoria de operação
TX17961,0003A80 -54-07NOV14-1/1

Informações de diagnóstico da unidade de Unidade de controle do motor (eCU) — Esquemas


controle do motor (eCU)
Unidade de controle do motor (eCU) — Diagnóstico
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Unidade de controle do motor (eCU) — Teoria de operação
TX17961,0003A69 -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico dos controles Controle do motor e do combustível — Esquemas


de combustível e motor (elétrico)

Estratégia de Diagnóstico Controle do motor e do combustível — Diagnóstico


(elétrico)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo
15. Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
Informações relacionadas
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Controles de combustível e motor — Teoria de operação
(elétrica)
TX17961,0003A6D -54-06NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-40-5 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=103
Sistema elétrico

Informações de diagnóstico do sensor de Controle do motor e do combustível — Esquemas


pressão do óleo do motor (elétrico)

Estratégia de Diagnóstico Sensor de pressão do óleo do motor - Diagnóstico

Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
15. Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
Informações relacionadas Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Teoria de operação — Sensor de pressão do óleo do motor
TX17961,0003A6E -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico do motor dos Controle do motor e do combustível — Esquemas


sensores de velocidade do motor (elétrico)

Estratégia de Diagnóstico Diagnóstico dos sensores de velocidade do motor

Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
15. Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
Informações relacionadas Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Sensores de rotação do motor - Teoria de operação
TX17961,0003A6F -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico do sensor do Sensor de nível de combustível — Esquema


nível de combustível
Sensor de nível do combustível - Diagnóstico
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Sensor de nível de combustível — Teoria de operação
TX17961,0003A71 -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico GreenStar AutoTrac — Esquema


AutoTrac
AutoTrac — Diagnóstico
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
AutoTrac — Teoria de operação
TX17961,0003A72 -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico do display GreenStar — Esquemas


GreenStar
Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Informações relacionadas Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
Display GreenStar — Teoria de operação Informações do conector (seção 240, grupo 20)
TX17961,0003A73 -54-06NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-40-6 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=104
Sistema elétrico

Informações de diagnóstico do receptor GreenStar — Esquemas


StarFire GreenStar
Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Informações relacionadas Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
GreenStar - Receptor StarFire - Teoria de operação Informações do conector (seção 240, grupo 20)
TX17961,0003A74 -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico da buzina Buzina - Esquemas


Estratégia de Diagnóstico Buzina - Diagnóstico

Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
15.
Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
Informações relacionadas Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Buzina - Teoria de operação
TX17961,0003A62 -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico do sensor de Sensor de temperatura do óleo hidráulico - Esquemas


temperatura do óleo hidráulico
Sensor de temperatura do óleo hidráulico — Diagnóstico
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Sensor de temperatura do óleo hidráulico - Teoria de
operação
TX17961,0003A75 -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico do impulso Auxílio hidrostático — Esquema


hidrostático
Auxílio hidrostático —- Diagnóstico
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Auxílio hidrostático — Teoria de operação
TX17961,0003A81 -54-07NOV14-1/1

Informações de diagnóstico dos circuitos Escada — Esquema (elétrico)


elétricos da escada
Escada — Diagnóstico (elétrico)
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Escada — Teoria de operação (elétrica)
TX17961,0003A76 -54-07NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-40-7 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=105
Sistema elétrico

Informações de diagnóstico dos circuitos Válvula de Obstrução do Sensor de Carga - Esquema


elétricos da escada da válvula de obstrução (elétrico)
da detecção de carga
Válvula de Obstrução do Sensor de Carga — Diagnóstico
(elétrico)
Estratégia de Diagnóstico
Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo
15. Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
Informações relacionadas Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Teoria de operação da válvula de obstrução da detecção
de carga (elétrica)
TX17961,0003A77 -54-07NOV14-1/1

Sistema de iluminação — Informações de Luzes de vigilância e de teto — Esquemas


diagnóstico das luzes de entrada e de teto
Luzes de vigilância e de teto — Diagnóstico
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Luzes de teto e de vigilância — Teoria de operação
TX17961,0003A79 -54-07NOV14-1/1

Iluminação - informações de diagnóstico do Tabela de operação do circuito da iluminação


das luzes direcionais, advertência, estrada e
campo Luzes indicadoras de direção e de advertência —
Esquemas
Estratégia de Diagnóstico Luzes de estrada - Esquemas
Consulte os esquemas em seção 240, grupo 15. Luzes de campo — Esquemas
Informações relacionadas Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Luzes direcionais, advertência, estrada e campo — Teoria Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
de operação
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
TX17961,0003A7A -54-07NOV14-1/1

Informações de diagnóstico do interruptor Interruptor de presença do operador — Esquemas


de presença do operador
Interruptor de presença do operador — Diagnósticos
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Interruptor de presença do operador — Teoria de operação
TX17961,0003A7B -54-07NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-40-8 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=106
Sistema elétrico

Informações de diagnóstico dos circuitos Freio de estacionamento — Esquema (elétrico)


elétricos do freio de estacionamento
Freio de estacionamento - Diagnóstico (elétrico)
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Freio de estacionamento - Teoria de operação (elétrica)
TX17961,0003A82 -54-07NOV14-1/1

Informações de diagnóstico da distribuição Distribuição de energia — Esquema


de potência
Terminais remotos de alimentação — Esquema
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Consulte os esquemas em seção 240, grupo 15. Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
Informações relacionadas Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Distribuição de energia — Teoria de operação
TX17961,0003A7E -54-07NOV14-1/1

Informações de diagnóstico do sensor do Sensor do Radar — Esquemas


radar
Sensor do Radar — Diagnóstico
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Sensor do Radar — Teoria de operação
TX17961,0003A86 -54-07NOV14-1/1

Informações de diagnóstico do ajuste de Ajuste do Assento — Esquema


banco
Ajuste do Assento — Diagnóstico
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Ajuste do Assento — Teoria de operação
TX17961,0003A63 -54-06NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-40-9 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=107
Sistema elétrico

Sistema de solução - Informação de Sistema de Agitação - Esquemas (elétrico)


diagnóstico do sistema elétrico de agitação
Sistema de Agitação - Diagnóstico (elétrico)
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Teoria de operação do Sistema de Agitação (elétrico)
TX17961,0003A87 -54-07NOV14-1/1

Sistema de solução - Informações de


Informações relacionadas
diagnóstico do sistema elétrico da pressão
da solução Pressão da Solução — Teoria de operação (elétrico)
Pressão da Solução — Esquema (elétrico)
Estratégia de Diagnóstico
Pressão da Solução — Diagnóstico (elétrico)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo
15. Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
TX17961,0003A88 -54-07NOV14-1/1

Sistema de solução - Informações de


Informações relacionadas
diagnóstico do sistema elétrico da bomba
da solução Bomba da Solução — Teoria de operação (elétrico)
Controles de taxa de pulverização — Esquemas (elétrico)
Estratégia de Diagnóstico
Bomba de Solução - Diagnóstico (elétrico)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo
15. Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
TX17961,0003A89 -54-07NOV14-1/1

Sistema de solução - Informações de Controle da válvula de pulverização - (Cerca) Diagnóstico


diagnóstico do sistema elétrico do controle (elétrico)
da válvula de pulverização
Controle de válvula de pulverização - Diagnóstico elétrico
(lado direito)
Estratégia de Diagnóstico
Controle da válvula de pulverização — Diagnósticos
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo elétricos (Centro)
15. Comece com o diagnóstico geral.
Controle de válvula de pulverização - Diagnóstico elétrico
Informações relacionadas (lado esquerdo)
Controle da Válvula de pulverização - Teoria de operação Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
(elétrica)
Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
Controle da Válvula de pulverização — Esquemas
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Controle da válvula de pulverização — Diagnósticos
Gerais (elétrico)
TX17961,0003A8A -54-07NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-40-10 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=108
Sistema elétrico

Sistema de solução - Informações de


Informações relacionadas
diagnóstico do sistema elétrico da taxa da
pulverização Taxa de pulverização — Teoria de operação (elétrico)
Controles de taxa de pulverização — Esquemas (elétrico)
Estratégia de Diagnóstico
Taxa de pulverização — Diagnóstico (elétrico)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo
15. Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
TX17961,0003A8B -54-07NOV14-1/1

Informações de diagnóstico dos circuitos Intervalo de velocidade — Esquemas (elétrico)


elétricos da faixa de velocidade
Intervalo de velocidade — Diagnóstico (elétrico)
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Controles do intervalo de velocidade — Teoria de
operação (elétrica)
TX17961,0003A83 -54-07NOV14-1/1

Iniciando informações de diagnóstico do Sistema de partida — Esquema


sistema
Sistema de partida — Diagnóstico
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Sistema de partida — Teoria de operação
TX17961,0003A8D -54-07NOV14-1/1

Informações de diagnóstico da unidade de Unidade de Controle do Sistema de Direção (SSU) —


controle do sistema da direção (SSU) Esquema

Estratégia de Diagnóstico Unidade de Controle do Sistema de Direção (SSU) —


Diagnóstico
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo
15. Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
Informações relacionadas
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Unidade de Controle do Sistema de Direção (SSU) —
Teoria de operação
TX17961,0003A6A -54-06NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-40-11 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=109
Sistema elétrico

Informações de diagnóstico da luz de freio Luz de freio e atenção — Esquemas


Estratégia de Diagnóstico Luz de parada — Diagnóstico

Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
15.
Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
Informações relacionadas Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Luz de freio — Teoria de operação
TX17961,0003A7D -54-07NOV14-1/1

Informações de diagnóstico dos circuitos Ajuste da Bitola — Esquema (elétrico)


elétricos do ajuste da bitola
Ajuste da Bitola — Diagnóstico (elétrico)
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Ajuste da Bitola — Teoria de operação (elétrica)
TX17961,0003A78 -54-07NOV14-1/1

Informações de diagnóstico dos circuitos de Controles do Acelerador — Esquema


controle do corpo da borboleta
Controles do Acelerador — Diagnóstico
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Controles do Acelerador — Teoria de operação
TX17961,0003A70 -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico dos circuitos Controle de tração — Esquema (elétrico)


elétricos do controle de tração
Controle de tração — Diagnóstico (elétrico)
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Controle de tração — Teoria de operação (elétrico)
TX17961,0003A84 -54-07NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-40-12 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=110
Sistema elétrico

Informações de diagnóstico dos sensores Sensores de velocidade da roda — Esquema


de velocidade da roda
Sensores de Velocidade da Roda — Diagnóstico
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Sensores de velocidade da roda - Teoria de operação
TX17961,0003A85 -54-07NOV14-1/1

Informações de diagnóstico do limpador do Limpador de para-brisas — Esquemas


para-brisa
Limpador de para-brisa — Diagnóstico
Estratégia de Diagnóstico Verificações do circuito (Seção 240, Grupo 10G)
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 240, grupo Teste de carga do circuito aberto (seção 240, grupo 10G)
15.
Informações do conector (seção 240, grupo 20)
Informações relacionadas
Limpador de para-brisas — Teoria de operação
TX17961,0003A64 -54-06NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-40-13 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=111
Sistema elétrico

TM802454 (01SEP15) 212-40-14 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=112
Grupo 50
Trem de força
Informações de diagnóstico da redução final Esquema da redução final
Estratégia de Diagnóstico Diagnóstico da redução final

Siga o procedimento de diagnóstico na seção 250, grupo Localização de componentes do trem de acionamento
15. (Seção 250, grupo 20)

Informações relacionadas
Teoria de operação da Redução Final
TX17961,0003A58 -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico do acionamento


Informações relacionadas
hidrostático
Teoria de operação da Transmissão Hidrostática
Estratégia de Diagnóstico
Esquema do Acionamento Hidrostático
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 250, grupo
15. Diagnóstico da transmissão hidrostática
Localização de componentes do trem de acionamento
(Seção 250, grupo 20)
TX17961,0003A46 -54-06NOV14-1/1

Informação de diagnóstico do sistema


Informações relacionadas
hidráulico de impulso reverso
Teoria de operação hidráulica de impulso reverso
Estratégia de Diagnóstico
Esquema hidráulico do impulso reverso
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 250, grupo
15. Diagnósticos hidráulicos do impulso reverso
Localização de componentes do trem de acionamento
(Seção 250, grupo 20)
TX17961,0003A59 -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico da hidráulica do


Informações relacionadas
controle de tração
Teoria de operação Hidráulica do Controle de Tração
Estratégia de Diagnóstico
Esquema Hidráulico do Controle de Tração
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 250, grupo
15. Diagnóstico do Controle Hidráulico de Tração
Localização de componentes do trem de acionamento
(Seção 250, grupo 20)
TX17961,0003A5A -54-06NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-50-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=113
Trem de força

TM802454 (01SEP15) 212-50-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=114
Grupo 60
Freios
Informações de diagnóstico do freio de
Informações relacionadas
estacionamento
Teoria de operação do Freio de estacionamento
Estratégia de Diagnóstico
Diagrama do Freio de estacionamento
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 260, grupo
15. Diagnóstico do freio de estacionamento
TX17961,0003A47 -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico do freio de


Informações relacionadas
serviço
Teoria de operação Elétrica do Freio de Serviço
Estratégia de Diagnóstico
Diagrama do Freio de Serviço
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 260, grupo
15. Diagnóstico dos Freios de Serviço
TX17961,0003A57 -54-06NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-60-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=115
Freios

TM802454 (01SEP15) 212-60-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=116
Grupo 70
Sistema hidráulico
Informações de diagnóstico do sistema
Informações relacionadas
hidráulico básico
Teoria da Operação do Sistema Hidráulico Básico
Estratégia de Diagnóstico
Esquemas do sistema hidráulico básico
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 270, grupo
15. Diagnóstico do sistema hidráulico básico
Localização de componentes do sistema hidráulico
(Seção 275, grupo 20)
TX17961,0003A48 -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico hidráulico do Barra de pulverização - Teoria da operação do


nivelamento da barra nivelamento esquerdo

Estratégia de Diagnóstico Diagrama do sistema hidráulico — Barra

Siga o procedimento de diagnóstico na seção 270, grupo Barra de pulverização - Diagnóstico do nivelamento
15. esquerdo

Informações relacionadas Barra de pulverização - Diagnóstico do nivelamento


esquerdo
Barra de pulverização - Teoria da operação do
Localização de componentes do sistema hidráulico
nivelamento esquerdo (Seção 275, grupo 20)
TX17961,0003A52 -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico hidráulico de


Informações relacionadas
descida e subida da barra
Teoria de operação de Elevação e Abaixamento da Barra
Estratégia de Diagnóstico
Diagrama do sistema hidráulico — Barra
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 270, grupo
15. Diagnóstico de elevação e abaixamento da lança
Localização de componentes do sistema hidráulico
(Seção 275, grupo 20)
TX17961,0003A53 -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico hidráulico de


Informações relacionadas
polarização do rolo
Teoria da operação da polarização do rolo
Estratégia de Diagnóstico
Diagrama do sistema hidráulico — Barra
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 270, grupo
15. Diagnósticos do sistema de polarização do rolo
Localização de componentes do sistema hidráulico
(Seção 275, grupo 20)
TX17961,0003A54 -54-06NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-70-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=117
Sistema hidráulico

Informações de diagnóstico de hidráulica de Diagrama do sistema hidráulico — Barra


desdobramento/retração da barra
Diagnóstico do desdobramento/retração da barra de
Estratégia de Diagnóstico pulverização

Siga o procedimento de diagnóstico na seção 270, grupo Localização de componentes do sistema hidráulico
15. (Seção 275, grupo 20)

Informações relacionadas
Teoria de operação de desdobramento/retração da barra
de pulverização
TX17961,0003A55 -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico hidráulico da Diagrama hidráulico da escada


escada
Diagnóstico hidráulico da escada
Estratégia de Diagnóstico Localização de componentes do sistema hidráulico
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 270, grupo (Seção 275, grupo 20)
15.
Informações relacionadas
Teoria de operação hidráulica da escada
TX17961,0003A56 -54-06NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-70-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=118
Grupo 75
Ajuste da suspensão e da bitola
Informações de diagnóstico do ajuste da Esquema do ajuste da bitola
bitola
Diagnóstico do ajuste da bitola
Estratégia de Diagnóstico Localização dos componentes do ajuste da bitola (seção
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 275, grupo 275, grupo 20)
15.
Informações relacionadas
Teoria de operação do ajuste da bitola
TX17961,0003A49 -54-06NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-75-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=119
Ajuste da suspensão e da bitola

TM802454 (01SEP15) 212-75-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=120
Grupo 80
Direção
Informações de diagnóstico da direção Diagrama da direção
Estratégia de Diagnóstico Diagnóstico da direção

Siga o procedimento de diagnóstico na seção 280, grupo Localização dos componentes da direção (seção 280,
15. grupo 20)

Informações relacionadas
Teoria da operação da direção
TX17961,0003A4A -54-06NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-80-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=121
Direção

TM802454 (01SEP15) 212-80-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=122
Grupo 90
Estação do operador
Informações de diagnóstico do Diagrama do ar-condicionado
ar-condicionado
Diagnósticos do ar-condicionado
Estratégia de Diagnóstico Localização dos componentes da estação do operador
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 290, grupo (seção 290, grupo 20)
15.
Informações relacionadas
Teoria da operação do ar-condicionado
TX17961,0003A4B -54-06NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-90-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=123
Estação do operador

TM802454 (01SEP15) 212-90-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=124
Grupo 100
Sistema de solução
Informações de diagnóstico do edutor Diagrama do sistema de solução
Estratégia de Diagnóstico Diagnóstico do edutor do sistema de solução

Siga o procedimento de diagnóstico na seção 300, grupo Localização dos componentes do sistema de solução
15. (seção 300, grupo 20)

Informações relacionadas
Teoria de operação do sistema de solução
TX17961,0003A4C -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico da taxa irregular Diagrama do sistema de solução


Estratégia de Diagnóstico Diagnóstico de taxa instável do sistema de solução
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 300, grupo Localização dos componentes do sistema de solução
15. (seção 300, grupo 20)

Informações relacionadas
Teoria de operação do sistema de solução
TX17961,0003A4D -54-06NOV14-1/1

Carregando as informações de diagnóstico Diagrama do sistema de solução


Estratégia de Diagnóstico Diagnóstico de carga do sistema de solução
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 300, grupo Localização dos componentes do sistema de solução
15. (seção 300, grupo 20)

Informações relacionadas
Teoria de operação do sistema de solução
TX17961,0003A4E -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico da pressão do


Informações relacionadas
sistema de solução
Teoria de operação do sistema de solução
Estratégia de Diagnóstico
Diagrama do sistema de solução
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 300, grupo
15. Diagnóstico da pressão do sistema de solução
Localização dos componentes do sistema de solução
(seção 300, grupo 20)
TX17961,0003A4F -54-06NOV14-1/1

Informações de diagnóstico da aplicação


Informações relacionadas
excessiva ou insuficiente do sistema de
solução Teoria de operação do sistema de solução
Diagrama do sistema de solução
Estratégia de Diagnóstico
Diagnósticos de aplicação excessiva ou insuficiente do
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 300, grupo sistema de solução
15.
Localização dos componentes do sistema de solução
(seção 300, grupo 20)
TX17961,0003A50 -54-06NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-100-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=125
Sistema de solução

TM802454 (01SEP15) 212-100-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=126
Grupo 120
Sistema de nivelamento automático de suspensão pneumática

Informações de diagnóstico do sistema de


Informações relacionadas
nivelamento automático de suspensão a ar
Teoria de operação do sistema de nivelamento
Estratégia de Diagnóstico
Esquema do sistema de nivelamento
Siga o procedimento de diagnóstico na seção 320, grupo
15. Diagnóstico do sistema de nivelamento
TX17961,0003A51 -54-07NOV14-1/1

TM802454 (01SEP15) 212-120-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=127
Sistema de nivelamento automático de suspensão pneumática

TM802454 (01SEP15) 212-120-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=128
Seção 220
Motor
Conteúdo

Página

Grupo 10—Informações de diagnóstico do motor


Informação de Diagnóstico do
Motor ....................................................... 220-10-1

TM802454 (01SEP15) 220-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=1
Conteúdo

TM802454 (01SEP15) 220-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=2
Grupo 10
Informações de diagnóstico do motor
Informação de Diagnóstico do Motor • CTM328 — Motores Diesel PowerTech™ Plus 4,5 L e
6,8 L — Sistema Eletrônico de Combustível Nível 14
Para fazer o diagnóstico dos defeitos do motor, consulte com HPCR Denso
os seguintes manuais técnicos de componente.
• CTM206 — Motores Diesel PowerTech™ 4,5 L e 6,8 L
Motor Base
JG84358,00003BF -54-28SEP11-1/1

TM802454 (01SEP15) 220-10-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=131
Informações de diagnóstico do motor

TM802454 (01SEP15) 220-10-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=132
Seção 230
Sistema de arrefecimento e de admissão de ar
Conteúdo

Página

Grupo 10—Informação do sistema de


arrefecimento e de admissão
de ar
Informação de Diagnóstico do
Motor ....................................................... 230-10-1

TM802454 (01SEP15) 230-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=1
Conteúdo

TM802454 (01SEP15) 230-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=2
Grupo 10
Informação do sistema de arrefecimento e de admissão de ar

Informação de Diagnóstico do Motor • CTM328 — Motores Diesel PowerTech™ Plus 4,5 L e


6,8 L — Sistema Eletrônico de Combustível Nível 14
Para fazer o diagnóstico dos defeitos do motor, consulte com HPCR Denso
os seguintes manuais técnicos de componente.
• CTM206 — Motores Diesel PowerTech™ 4,5 L e 6,8 L
Motor Base
JG84358,00003BF -54-28SEP11-1/1

TM802454 (01SEP15) 230-10-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=135
Informação do sistema de arrefecimento e de admissão de ar

TM802454 (01SEP15) 230-10-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=136
Seção 240
Sistema elétrico
Conteúdo

Página
Página
Grupo 05A—Informações gerais - Seção elétrica
Como Usar a Seção de Diagnóstico Códigos de Diagnósticos de Falhas
Elétrico...................................................240-05A-1 do SRC ............................................... 240-10D-12
Diagnóstico de Falha Intermitente..............240-05A-7 Códigos de Diagnóstico de Falhas
Programação das Unidades de da SSU ............................................... 240-10D-13
Controle .................................................240-05A-7 Códigos de Diagnóstico de Falhas
Procedimento de Programação................ 240-05A-7 da TEC e TEI...................................... 240-10D-16
Fusíveis, relés e diodos...........................240-05A-10 Códigos de Diagnósticos de Falhas
Identificação do tipo de controle de do UIM ................................................ 240-10D-17
pulverização ........................................240-05A-13 Códigos de Diagnósticos de Falhas
do VTi ................................................. 240-10D-20
Grupo 10A—Acesso aos códigos de
diagnóstico e aos endereços Grupo 10E—Endereços de Diagnóstico
Acesso aos Códigos de Endereços do Controlador do
Diagnósticos de Falhas do BHC .......................................................240-10E-1
GreenStar ..............................................240-10A-1 Endereços do Controlador da
Acessar os Endereços de CCU.......................................................240-10E-5
Diagnósticos de GreenStar ...................240-10A-3 Endereços do Controlador da
Captura da tela GreenStar ........................240-10A-4 ECU ..................................................... 240-10E-11
Endereços JDL ........................................240-10E-13
Grupo 10B—Procedimentos de calibração Endereços do controlador do
Calibração do Sensor de Pressão..............240-10B-1 SRC .....................................................240-10E-14
Calibração da Bomba de Solução..............240-10B-4 Endereços do Controlador da
Calibração do Retorno da Barra à SSU .....................................................240-10E-19
Altura .....................................................240-10B-6 Endereços do Controlador do VTi............240-10E-22
Calibração dos Sensores de Altura
da Barra.................................................240-10B-8 Grupo 10G—Testes de componentes — Outros
Calibração da Posição do Nível da Verificações de circuito............................. 240-10G-1
Barra....................................................240-10B-10 Teste de carga do circuito aberto ............. 240-10G-2
Calibração do Sensor da Verificação Mecânica da Válvula
Velocidade da Roda ............................240-10B-12 de Corte da Barra ................................. 240-10G-8
Calibração do Sensor do Radar Testes do Endereço de Diagnóstico
(Opcional) ............................................240-10B-14 do AutoTrac do Greenstar .................... 240-10G-9
Procedimento de Calibração - Teste da Válvula Eletro-Hidráulica
Válvula Eletro-Hidráulica do do AutoTrac do GreenStar.................. 240-10G-10
Sistema de Direção .............................240-10B-15
Procedimento de Calibração da Válvula Grupo 15A—Lança — Sistema de
Eletrohidráulica da Direção ................ 240-10B-16 nivelamento BoomTrac Pro
Ajuste do Endereço da SSU do BoomTrac Pro — Teoria de
AutoTrac do GreenStar........................240-10B-22 Operação...............................................240-15A-1
BoomTrac Pro — Diagrama
Grupo 10D—Códigos de diagnóstico Esquemático..........................................240-15A-5
Códigos de Diagnóstico de Falhas BoomTrac Pro — Diagnósticos .................240-15A-7
da ACU ................................................. 240-10D-1 Problema do Sistema de Nivelamento
Códigos de Diagnóstico de Falhas BoomTrac Pro ...................................... 240-15A-5
do BHC ................................................. 240-10D-2
Códigos de Diagnóstico de Falhas Grupo 15B—Barra de pulverização —
da CCU................................................. 240-10D-4 Nivelamento (lado esquerdo)
Códigos de Diagnóstico de Falhas Nivelamento da Barra — Teoria de
ECU ...................................................... 240-10D-5 Operação (Elétrico) ...............................240-15B-1
Códigos de Diagnóstico de Falhas Funções da Barra — Diagrama
do iTC ..................................................240-10D-11 Esquemático (Elétrico) ..........................240-15B-5

Continua na próxima página

TM802454 (01SEP15) 240-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=1
Conteúdo

Página Página

Nivelamento de Barra — Desdobramento e Dobramento


Diagnóstico Elétrico (Lado da Barra - Diagnóstico Elétrico
Esquerdo) ..............................................240-15B-7 (Geral) .................................................. 240-15G-7
Problema de Nivelamento da Barra Diagnóstico Geral de Desdobramento
Esquerda.............................................. 240-15B-5 e Dobramento da Barra........................240-15G-5
Desdobramento/retração de barra
Grupo 15C—Barra de pulverização — — diagnóstico elétrico (lado
Nivelamento (lado direito) esquerdo) ............................................. 240-15G-9
Nivelamento da Barra — Teoria de Diagnóstico de desdobramento e
Operação (Elétrico) .............................. 240-15C-1 retração da barra esquerda..................240-15G-7
Funções da Barra — Diagrama Desdobramento/retração da barra
Esquemático (Elétrico) ......................... 240-15C-5 — Diagnóstico elétrico (lado
Nivelamento de Barra — direito)................................................. 240-15G-20
Diagnóstico Elétrico (Lado Diagnóstico de desdobramento e
Direito) .................................................. 240-15C-7 retração da barra direita.....................240-15G-18
Problema de Nivelamento da Barra
Direita................................................... 240-15C-5 Grupo 15H—Cabine — Sistema de ar condicionado
Sistema de Ar Condicionado —
Grupo 15D—Lança — Subida/descida Teoria de Operação (Elétrica)............... 240-15H-1
Subida/Descida da Barra — Teoria Sistema de Ar Condicionado
de Operação (Elétrica) ......................... 240-15D-1 — Diagrama Esquemático
Funções da Barra — Diagrama (Elétrico) ............................................... 240-15H-3
Esquemático (Elétrico) ......................... 240-15D-5 Sistema de Ar Condicionado —
Subida e Descida da Barra de Diagnóstico (Elétrico) ........................... 240-15H-5
Pulverização — Diagnóstico Problema na Temperatura/Qualidade
(Elétrico) ............................................... 240-15D-7 do Ar na Estação do Operador ............ 240-15H-3
Problema de Subida/Descida da
Barra .................................................... 240-15D-5 Grupo 15I—Cabine — Tomadas de
alimentação auxiliar
Grupo 15E—Barra de pulverização — Saídas de Energia Auxiliar - Teoria
Retorno à altura de Funcionamento.................................. 240-15I-1
Retorno à Altura da Barra — Teoria Tomadas de alimentação auxiliar
de Operação..........................................240-15E-1 — Esquemas .......................................... 240-15I-3
Retorno à Altura da Barra — Tomadas de Energia Auxiliar —
Diagrama Esquemático .........................240-15E-2 Diagnóstico............................................. 240-15I-5
Retorno à Altura da Barra - Problema na Alimentação
Diagnóstico............................................240-15E-3 Auxiliar ...................................................240-15I-3
Diagnóstico do Retorno à Altura da Isqueiro — Diagnóstico .............................. 240-15I-9
Barra .................................................... 240-15E-3 Diagnóstico do Acendedor de
Cigarros..................................................240-15I-7
Grupo 15F—Lança — Modo de polarização
Válvula Polarizada da Barra — Grupo 15J—Cabine - Buzina
Teoria de Operação ............................... 240-15F-1 Buzina - Teoria de
Funções da Barra — Diagrama Funcionamento...................................... 240-15J-1
Esquemático (Elétrico) .......................... 240-15F-3 Buzina - Diagrama Esquemático ............... 240-15J-2
Inclinação Longitudinal da Barra — Diagnóstico da Buzina............................... 240-15J-3
Diagnóstico............................................ 240-15F-5 Diagnóstico da Buzina...............................240-15J-3
Diagnóstico da Inclinação Longitudinal
da Barra ............................................... 240-15F-3 Grupo 15K—Cabine — Rádio e relógio
Rádio e Relógio — Teoria de
Grupo 15G—Barra de pulverização — Operação...............................................240-15K-1
desdobramento/retração Rádio e relógio — Esquemas....................240-15K-2
Desdobramento/retração da barra Rádio e Relógio — Diagnóstico.................240-15K-5
de pulverização — teoria de Diagnóstico do Rádio e Relógio ............... 240-15K-5
operação (elétrico)................................ 240-15G-1
Funções da Barra — Diagrama Grupo 15L—Cabine — Ajuste do assento
Esquemático (Elétrico) ......................... 240-15G-5 Ajuste do Assento — Teoria de
Operação............................................... 240-15L-1

Continua na próxima página

TM802454 (01SEP15) 240-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=2
Conteúdo

Página Página

Ajuste do Assento — Diagrama Diagnósticos do Controlador dos


Esquemático.......................................... 240-15L-2 Componentes Hidráulicos da Barra
Ajuste do Assento — Diagnóstico.............. 240-15L-3 (BHC) ................................................... 240-15P-3
Problema de Ajuste do Assento ................240-15L-3
Grupo 15Q—Diagnóstico da unidade de
Grupo 15M—Cabine — Palheta do limpador controle — CCU/SRC (unidade
de para-brisas de controle do chassi/unidade
Limpador de Para-Brisas — Teoria de controle da taxa de pulverização)
de Operação......................................... 240-15M-1 Unidade de Controle do
Limpador de Parabrisas — Chassi/Unidade de Controle
Diagrama Esquemático ........................ 240-15M-3 da Taxa de Pulverização
Limpador de Para-brisa — (CCU/SRC) — Teoria de
Diagnóstico........................................... 240-15M-5 Operação.............................................. 240-15Q-1
Problema no Limpador .............................240-15M-3 Unidade de Controle do
Chassi/Unidade de Controle
Grupo 15N—Barramento CAN — da Taxa de Pulverização
Comunicação do barramento CAN (CCU/SRC) — Diagrama
Barramento do CAN - Teoria de Esquemático......................................... 240-15Q-2
Funcionamento..................................... 240-15N-1 Unidade de Controle do
Barramento CAN — Esquema ................. 240-15N-3 Chassi/Unidade de Controle
Diagnóstico do Barramento CAN da Taxa de Pulverização
1............................................................ 240-15N-5 (CCU/SRC) — Diagnóstico .................. 240-15Q-3
Problema no Barramento CAN 1.............. 240-15N-3 Diagnóstico da Alimentação da
Barramento CAN 2 — CCU-SRC.............................................240-15Q-3
Diagnóstico......................................... 240-15N-16
Diagnóstico do Barramento CAN Grupo 15R—Diagnóstico da unidade de
2 ......................................................... 240-15N-14 controle — ECU (unidade de
Barramento CAN 3 — controle do motor)
Diagnóstico......................................... 240-15N-25 Unidade de Controle do Motor
Problema no Barramento 3 do (ECU) — Teoria de Operação .............. 240-15R-1
CAN.................................................... 240-15N-23 Unidade de Controle do
Motor (ECU) — Diagrama
Grupo 15O—Barramento CAN - alavanca Esquemático......................................... 240-15R-4
multifuncional Unidade de Controle do Motor
Alavanca de Controle (ECU) — Diagnóstico ........................... 240-15R-5
Multifuncional — Controles Problema na ECU..................................... 240-15R-5
Funcionais — Teoria de
Operação.............................................. 240-15O-1 Grupo 15S—Diagnóstico da unidade de
Diagrama do Barramento CAN................. 240-15O-3 controle — SSU (unidade de
Alavanca de Controle sistema de direção)
Multifuncional — Controles Unidade de Controle do Sistema
de Função — Diagnóstico .................... 240-15O-5 de Direção (SSU) — Teoria de
Problema na Alavanca Multifuncional Operação...............................................240-15S-1
de Controle do CAN .............................240-15O-3 Unidade de Controle do Sistema
de Direção (SSU) — Diagrama
Grupo 15P—Diagnóstico da unidade de Esquemático..........................................240-15S-2
controle — BHC (controlador Unidade de Controle do Sistema de
do sistema hidráulico da barra Direção (SSU) — Diagnóstico ...............240-15S-3
de pulverização) Diagnóstico de Alimentação da
Controlador dos Componentes SSU...................................................... 240-15S-3
Hidráulicos da Barra (BHC) —
Teoria de Operação ...............................240-15P-1 Grupo 15T—Motor — Interruptor do filtro de ar
Controlador dos componentes Interruptor do Filtro de Ar do Motor
hidráulicos da lança (BHC) — — Teoria de Operação .......................... 240-15T-1
Esquema ...............................................240-15P-2 Controle do motor e do combustível
Controlador dos Componentes — Esquemas (Elétrico).......................... 240-15T-3
Hidráulicos da Barra (BHC) — Diagnósticos do Interruptor do
Diagnósticos ..........................................240-15P-3 Filtro de Ar ............................................. 240-15T-5

Continua na próxima página

TM802454 (01SEP15) 240-3 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=3
Conteúdo

Página Página

Problema no Interruptor do Filtro de Ar


do Motor ............................................... 240-15T-3 Grupo 15Z—Motor —Sensor de nível de combustível
Sensor de Nível de Combustível —
Grupo 15U—Motor — Sensor de Teoria de Operação ............................... 240-15Z-1
temperatura do líquido de arrefecimento Sensor de Nível de Combustível —
Teoria de Operação do Sensor Diagrama Esquemático ......................... 240-15Z-2
de Temperatura do Líquido de Diagnóstico do Sensor de Nível do
Arrefecimento ....................................... 240-15U-1 Combustível........................................... 240-15Z-2
Controle do motor e do combustível Problema com o Sensor do Nível de
— Esquemas (Elétrico)......................... 240-15U-3 Combustível ......................................... 240-15Z-2
Diagnóstico do Sensor de
Temperatura do Líquido de Grupo 15AA—GreenStar — AutoTrac
Arrefecimento ....................................... 240-15U-5 AutoTrac — Teoria de Operação............ 240-15AA-1
Problema no Sensor do Líquido de AutoTrac — Diagrama
Arrefecimento do Motor........................ 240-15U-3 Esquemático....................................... 240-15AA-3
AutoTrac — Diagnóstico......................... 240-15AA-5
Grupo 15V—Motor — Controles de Problema do AutoTrac............................240-15AA-3
combustível e motor
Controles de combustível e Grupo 15AB—GreenStar — Display
motor — Teoria de operação Monitor GreenStar — Teoria de
(Elétrica) ................................................240-15V-1 Operação............................................ 240-15AB-1
Controle do motor e do combustível GreenStar — Diagrama
— Esquemas (Elétrico)..........................240-15V-3 Esquemático....................................... 240-15AB-3
Controle do Motor e do Display GreenStar - Diagnóstico ............ 240-15AB-5
Combustível — Diagnóstico
(Elétrico) ................................................240-15V-5 Grupo 15AC—GreenStar — Receptor
Problema do Controle de Combustível GreenStar - Receptor StarFire -
e do Motor ............................................ 240-15V-3 Teoria de Operação ............................ 240-15AC-1
GreenStar — Diagrama
Grupo 15W—Motor — Sensor de pressão do óleo Esquemático....................................... 240-15AC-3
Teoria de Operação — Sensor de Receptor StarFire GreenStar -
Pressão do Óleo do Motor....................240-15W-1 Diagnóstico......................................... 240-15AC-5
Controle do motor e do combustível
— Esquemas (Elétrico).........................240-15W-3 Grupo 15AD—Sistema hidráulico — Sensor
Diagnóstico do Sensor de Pressão de temperatura do óleo hidráulico
do Óleo do Motor..................................240-15W-5 Sensor de Temperatura do
Problema no Interruptor de Pressão do Óleo Hidráulico - Teoria de
Óleo do Motor ..................................... 240-15W-3 Funcionamento................................... 240-15AD-1
Sensor de Temperatura do
Grupo 15X—Motor — Sensores de velocidade Óleo Hidráulico - Diagrama
Teoria de Operação dos Sensores Esquemático....................................... 240-15AD-2
de Rotação do Motor .............................240-15X-1 Sensor de Temperatura do Óleo
Controle do motor e do combustível Hidráulico — Diagnóstico ................... 240-15AD-2
— Esquemas (Elétrico)..........................240-15X-3 Problema no Sensor de Temperatura
Diagnóstico dos Sensores de do Óleo Hidráulico..............................240-15AD-2
Velocidade do Motor..............................240-15X-5
Problema no Sensor de Velocidade do Grupo 15AE—Sistema hidráulico — Escada
Motor .................................................... 240-15X-3 Escada — Teoria de Operação
(elétrica).............................................. 240-15AE-1
Grupo 15Y—Motor — Controles do acelerador Escada — Diagrama Esquemático
Controles do Acelerador — Teoria (Elétrico) ............................................. 240-15AE-2
de Operação..........................................240-15Y-1 Escada — Diagnóstico (Elétrico)............ 240-15AE-3
Controles do Acelerador — Problema na Escada ..............................240-15AE-3
Diagrama Esquemático .........................240-15Y-1
Controles do Acelerador —
Diagnóstico............................................240-15Y-1
Problema no Acelerador do
Motor .................................................... 240-15Y-1

Continua na próxima página

TM802454 (01SEP15) 240-4 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=4
Conteúdo

Página Página

Interruptor de Presença do
Grupo 15AF—Sistema hidráulico — Válvula Operador — Diagnósticos ................... 240-15AJ-3
de obstrução da detecção de carga Problema no Interruptor de Presença
Teoria de Operação da Válvula de do Operador ....................................... 240-15AJ-3
Obstrução do Sensor de Carga
(Elétrica) ............................................. 240-15AF-1 Grupo 15AK—Luzes de advertência do
Válvula de Obstrução do Sensor de operador — Luzes de atenção
Carga - Diagrama Esquemático Luz de Cuidado — Teoria de
(Elétrico) ............................................. 240-15AF-3 Operação............................................ 240-15AK-1
Válvula de Obstrução do Sensor de Luz de Parada e de Alerta —
Carga — Diagnóstico (elétrico)........... 240-15AF-9 Diagrama Esquemático ...................... 240-15AK-2
Problema na Válvula de Obstrução do Luz de Cuidado — Diagnóstico .............. 240-15AK-2
Sensor de Carga ................................ 240-15AF-5 Diagnóstico da Luz de Cuidado..............240-15AK-2

Grupo 15AG—Sistema hidráulico — Ajuste Grupo 15AL—Luzes de advertência do


da bitola operador — Luz de freio
Ajuste da Bitola — Teoria de Luz de Parada — Teoria de
Operação (Elétrica) ............................ 240-15AG-1 Operação.............................................240-15AL-1
Ajuste da Bitola — Diagrama Luz de Parada e de Alerta —
Esquemático (Elétrico) ....................... 240-15AG-3 Diagrama Esquemático .......................240-15AL-1
Ajuste da Bitola — Diagnóstico Luz de Parada — Diagnóstico.................240-15AL-1
(Elétrico) ............................................. 240-15AG-5 Diagnóstico da Luz de Parada ............... 240-15AL-2
Problema no Ajuste de Bitola ................ 240-15AG-3
Grupo 15AM—Distribuição de energia
Grupo 15AH—Sistema de iluminação — Distribuição de Energia — Teoria
Luzes de entrada e de teto de Operação.......................................240-15AM-1
Luzes de Teto e de Vigilância — Distribuição de Energia —
Teoria de Operação ............................ 240-15AH-1 Diagrama Esquemático ......................240-15AM-3
Luzes de Vigilância e de Teto — Terminais Remotos de Alimentação
Diagrama Esquemático ...................... 240-15AH-2 — Diagrama Esquemático..................240-15AM-5
Luzes de Vigilância e de Teto —
Diagnóstico......................................... 240-15AH-3 Grupo 15AN—Trem de força — Alarme auxiliar
Diagnóstico da luz do teto e da Alarme de Ré - Teoria de
entrada ...............................................240-15AH-3 Funcionamento................................... 240-15AN-1
Alarme auxiliar — Esquemas ................. 240-15AN-1
Grupo 15AI—Sistema de iluminação Alarme de Ré — Diagnósticos ............... 240-15AN-4
— Luzes direcionais, de Problema no Alarme de Ré ....................240-15AN-4
advertência, estrada e campo
Luzes de Pisca, Advertência, Grupo 15AO—Trem de força — Status do
Estrada e Campo — Teoria de trem de força
Operação..............................................240-15AI-1 Status do Trem de Acionamento —
Tabela de Operação do Circuito da Teoria de Operação ............................ 240-15AO-1
Iluminação ............................................240-15AI-3 Status do Trem de Acionamento —
Luzes de Alerta e Sinaleiras Diagrama Esquemático ...................... 240-15AO-2
Direcionais — Diagrama
Esquemático.........................................240-15AI-5 Grupo 15AP—Trem de força — Auxílio hidrostático
Luzes de Estrada - Diagrama Auxílio Hidrostático — Teoria de
Esquemático.........................................240-15AI-9 Operação............................................ 240-15AP-1
Luzes de campo — Diagrama Auxílio Hidrostático — Diagrama
Esquemático.......................................240-15AI-13 Esquemático....................................... 240-15AP-1
Auxílio Hidrostático —-
Grupo 15AJ—Interruptor de presença do operador Diagnóstico......................................... 240-15AP-1
Interruptor de Presença do Problema Hidrostático Auxiliar ...............240-15AP-1
Operador — Teoria de
Operação............................................. 240-15AJ-1 Grupo 15AQ—Trem de força — Freio de estacionamento
Interruptor de Presença do Freio de Estacionamento - Teoria
Operador — Diagrama de Operação (Elétrica) ....................... 240-15AQ-1
Esquemático........................................ 240-15AJ-2

Continua na próxima página

TM802454 (01SEP15) 240-5 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=5
Conteúdo

Página Página

Freio de Estacionamento —
Diagrama Esquemático Grupo 15AW—Sistema de solução —
(elétrico).............................................. 240-15AQ-3 Pressão da solução
Freio de Estacionamento - Pressão da Solução — Teoria de
Diagnóstico (Elétrico) ......................... 240-15AQ-5 Operação (Elétrico) ........................... 240-15AW-1
Problema no Freio de Estaciona- Pressão da Solução — Diagrama
mento ................................................ 240-15AQ-3 Esquemático (Elétrico) ...................... 240-15AW-2
Pressão da solução — Diagnóstico
Grupo 15AR—Trem de força — Controles (Elétrico) ............................................ 240-15AW-3
do intervalo de velocidade Problema na pressão da solução .......... 240-15AW-3
Controles do Intervalo de
Velocidade — Teoria de Grupo 15AX—Sistema de solução — Bomba
Operação (Elétrica) ............................ 240-15AR-1 de solução
Intervalo de Velocidade — Bomba da Solução — Teoria de
Diagrama Esquemático Operação (Elétrico) ............................ 240-15AX-1
(Elétrico) ............................................. 240-15AR-3 Controles de taxa de pulverização
Intervalo de Velocidade — — Esquemas (elétrico) ....................... 240-15AX-3
Diagnóstico (Elétrico) ......................... 240-15AR-5 Bomba de Solução - Diagnóstico
Problema na Faixa de Veloci- (Elétrico) ............................................. 240-15AX-5
dades .................................................240-15AR-3 Problema da Bomba de Solução............240-15AX-3

Grupo 15AS—Trem de força — Controle de Grupo 15AY—Sistema de solução - Controle


tração de válvula de pulverização
Controle de Tração — Teoria de Controle da válvula de pulverização
Operação (Elétrico) ............................ 240-15AS-1 - Teoria de operação (Elétrica) ............240-15AY-1
Controle de tração — Esquemas Controle da válvula de
(Elétrico) ............................................. 240-15AS-1 pulverização, seção sete —
Controle de Tração — Diagnóstico Esquemas............................................240-15AY-2
(Elétrico) ............................................. 240-15AS-7 Controle da válvula de
Problema no Controle de Tração ...........240-15AS-5 pulverização, seção nove —
Esquemas............................................240-15AY-5
Grupo 15AT—Trem de força — Sensores de Controle da Válvula de
velocidade da roda Pulverização — Diagnósticos
Sensores de Rotação da Roda - Gerais (Elétrico)...................................240-15AY-9
Teoria de Operação .............................240-15AT-1 Problema na válvula de
Sensores de Velocidade da Roda pulverização ....................................... 240-15AY-5
— Diagrama Esquemático...................240-15AT-2
Sensores de Velocidade da Roda Grupo 15AZ—Sistema de solução — Taxa
— Diagnóstico .....................................240-15AT-3 de pulverização
Problema no Sensor de Velocidade da Taxa de Pulverização — Teoria de
Roda................................................... 240-15AT-3 Operação (elétrico)............................. 240-15AZ-1
Controles de taxa de pulverização
Grupo 15AU—Sensor de radar — Esquemas (elétrico) ....................... 240-15AZ-3
Sensor do Radar — Teoria de Taxa de Pulverização —
Operação............................................ 240-15AU-1 Diagnóstico (elétrico).......................... 240-15AZ-5
Sensor do Radar — Diagrama Problema na Taxa de Pulveriza-
Esquemático....................................... 240-15AU-2 ção ..................................................... 240-15AZ-3
Sensor do Radar — Diagnóstico ............ 240-15AU-3
Problema no Sensor do Radar ...............240-15AU-3 Grupo 15BA—Partida e carregamento —
Sistema de carga
Grupo 15AV—Sistema de solução — Agitação Sistema de Carga — Teoria de
Teoria de Operação do Sistema de Operação............................................ 240-15BA-1
Agitação (Elétrico) ...............................240-15AV-1 Sistema de Carga — Diagrama
Sistema de Agitação - Diagrama Esquemático....................................... 240-15BA-3
Esquemático (Elétrico) ........................240-15AV-2 Sistema de Carga — Testes de
Sistema de Agitação - Diagnóstico Bateria ................................................ 240-15BA-5
(Elétrico) ..............................................240-15AV-3 Testes da Bateria....................................240-15BA-3
Problema na Agitação ............................ 240-15AV-3 Sistema de Carga — Diagnóstico........... 240-15BA-9

Continua na próxima página

TM802454 (01SEP15) 240-6 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=6
Conteúdo

Página

Problema no Sistema de Carga .............240-15BA-7

Grupo 15BB—Partida e carga — Sistema de partida


Sistema de partida — Teoria de
operação............................................. 240-15BB-1
Sistema de partida — Diagrama
esquemático ....................................... 240-15BB-3
Sistema de Partida —
Diagnóstico......................................... 240-15BB-5
Diagnóstico do Sistema de
Partida................................................240-15BB-3

Grupo 20—Informações dos conectores


(vistas das extremidades,
números, fotos de localização)
Designações do Número do
Conector .................................................. 240-20-1
X100 – X199 Conectores ............................ 240-20-1
X200 - Conectores X299 ........................... 240-20-16
X400 – X499 Conectores .......................... 240-20-42
X500 – X599 Conectores .......................... 240-20-78
X600 – X699 Conectores ........................ 240-20-125
X700 - Conectores X799 ......................... 240-20-157

TM802454 (01SEP15) 240-7 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=7
Conteúdo

TM802454 (01SEP15) 240-8 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=8
Grupo 05A
Informações gerais - Seção elétrica

Como Usar a Seção de Diagnóstico Elétrico


Como Usar a Seção de Diagnóstico Elétrico O grupo de Informações sobre os Conectores fornece:
Todos os sistemas elétricos desta máquina estão • Fotografias detalhadas das localizações dos conectores
divididos em sistemas funcionais. Cada sistema tem uma • Números dos pinos
rotina de diagnóstico. • Informações sobre a atribuição do código do circuito
IMPORTANTE: Detecte e solucione um problema da • Informações sobre o procedimento de reparação
máquina de cada vez. Reparar um problema • Vistas da extremidade do conector
em um determinado sistema pode solucionar Diagrama Esquemático de Diagnóstico e
um problema em outro sistema. Informações dos Símbolos
NOTA: Se for determinado que o problema não está em Todos os sistemas elétricos desta máquina estão
um sistema elétrico, o procedimento de diagnóstico divididos em sistemas. Cada sistema tem um diagrama
o direcionará à seção adequada no manual. esquemático de diagnóstico associado. Ele fornece uma
visão completa de todos os componentes associados,
Cada grupo na seção de diagnóstico elétrico fornece as conectores, números de terminais, chicotes elétricos
seguintes informações: e pontos de aterramento. Um exemplo é mostrado na
• Teoria de Operação: A Teoria de Operação descreve a página seguinte.
operação real do sistema.
• Diagramas Elétricos: O diagrama esquemático mostra Os Diagramas Esquemáticos de Diagnóstico são
como os componentes, chicotes elétricos e pontos de fornecidos para permitir que um técnico visualize todos
conexão estão relacionados. os componentes elétricos associados a um sistema em
• Diagnostics (Diagnósticos): As informações de particular da máquina.
diagnóstico fornecem uma abordagem passo a Este diagrama esquemático mostra um circuito de um
passo para ajudar o técnico a isolar os componentes componente passando por todos os chicotes associados
defeituosos do sistema específico que está sendo até seu ponto final de uso.
diagnosticado.
Somente os bornes usados de um conector são exibidos.
A cada conector e ponto de aterramento da máquina
foi atribuído um número de conector para facilitar o Somente os componentes de um sistema que são
diagnóstico. utilizados são exibidos.
Para facilitar a identificação, cada fio está marcado com
seu número do código do circuito a cada 10 centímetros
(4 in.).

Continua na próxima página AT70794,000036C -54-15SEP11-1/7

TM802454 (01SEP15) 240-05A-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=145
Informações gerais - Seção elétrica

W2 W13
Armrest Left Main
Harness N Harness
998 To Field Lights in L
Cab Main Harness K

A
A16
M Power Distribution
B Board 1

Field Light
System K2
C
Field Lights
X571 X204 87a
30
998 998 87
J4 4
964 964
J7 5 85 86
965 965
J9 6
999 998
K5 7
A41
CAN Bus
D J
10
E
2

F
X393

HXC70260 —UN—02NOV01
G H I

"How to use schematic"


Nov 1, 2001 - 08:15 / SLW HXC70260

A—Indicador da Extremidade do E—Fio no Chicote I— Aterramento Interno do M—Conexão para Outro Sistema
Chicote F— Indica Terminais no Corpo do Componente Elétrico N—Número do Código do
B—Identificador do Conector Mesmo Conector J— Componente Elétrico Circuito
C—Fios Torcidos no Chicote G—Conexão do Terra da Substituível
D—Indica Outros Componentes Estrutura K—Conjunto de Componentes
do Barramento CAN H—Identificador do Terminal do Elétricos
Conector L— Identificador do Componente

Os números do código do circuito identificam cada fio. o tipo de dispositivo) e o número atribuído a ela. Por
exemplo, a chave de partida é designada como S1. O
Diagrama Esquemático da Fiação do Sistema “S” representa um interruptor (switch) e o “1” representa
o número atribuído.
O Diagrama Esquemático de Diagnóstico do Sistema
mostra cada circuito de fiação individual, os números Os conectores elétricos do chicote têm uma letra de
dos fios, um símbolo para cada componente (dispositivo identificação e um número atribuído a ela. Por exemplo:
elétrico) e os conectores do chicote em cada chicote. X101 ou X204.
Cada símbolo tem uma letra de identificação (indicando
Continua na próxima página AT70794,000036C -54-15SEP11-2/7

TM802454 (01SEP15) 240-05A-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=146
Informações gerais - Seção elétrica

Símbolos dos esquemas elétricos

C
Off A
Acc
Detents Run
Start
(Acc,Off, D
Run)
Off

T
E

P
F

87a H
30

HXC70262 —UN—20JAN04
87

85 86 B

Schematic Symbols
Jan 20, 2004 - 10:33 / SLW HXC70262

A—Chave de Partida D—Interruptor da Alavanca F— Interruptor normalmente H—Buzina


B—Relé Normalmente Aberto Aberto Operado a Pressão
C—Interruptor de Pressão E—Interruptor Normalmente G—Interruptor Normalmente
Normalmente Fechado Aberto Operado por Aberto Operado por Pedal
Temperatura
Continua na próxima página AT70794,000036C -54-15SEP11-3/7

TM802454 (01SEP15) 240-05A-3 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=147
Informações gerais - Seção elétrica

B K

D L

F M

G
+
H N
-

J O
X204

HXC70261 —UN—02NOV01
Schematic Symbols
Nov 1, 2001 - 09:42 / SLW HXC70261

A—De Fusível F— Diodo Zener K—Luz com Filamento Único N—Bateria


B—Aquecedor G—Solenoide L— Luz com Filamento Duplo O—Conexão do Terra da
C—Diodo Emissor de Luz H—Válvula Solenoide M—Captador Magnético Estrutura
D—Resistor Fixo I— Ponto de Conexão
E—Bloco J— Borne do Anel

Como usar os Procedimentos de Diagnóstico Ao usar os procedimentos de diagnóstico, lembre-se de


Os procedimentos de diagnóstico desta máquina são que:
escritos em um formato passo a passo para ajudar o • É importante seguir cada procedimento passo a
técnico a isolar os componentes defeituosos do sistema passo. Se alguma(s) etapa(s) for(em) ignorada(s), o
específico que está sendo diagnosticado. técnico corre o risco de não perceber, negligenciar ou
IMPORTANTE: Detecte e solucione um problema da possivelmente diagnosticar um problema de maneira
máquina de cada vez. Reparar um problema errada.
em um determinado sistema pode solucionar • Cada etapa de teste contém todos os requisitos para
um problema em outro sistema. aquele teste:
- Configurações do interruptor
NOTA: Se for determinado que o problema não está em - Conectores para desconectar
um sistema elétrico, o procedimento de diagnóstico - Verificações para executar
o direcionará à seção adequada no manual.
Continua na próxima página AT70794,000036C -54-15SEP11-4/7

TM802454 (01SEP15) 240-05A-4 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=148
Informações gerais - Seção elétrica

• A menos que o procedimento de teste solicite a Desconecte as baterias antes de recarregá-las (se
desconexão de um conector, deixe-o conectado e
possível). Motivo: As cargas elétricas da máquina podem
examine a parte de trás do conector para executar o
retardar o processo de recarga. O carregamento da
teste.
bateria pode causar picos de tensão elétrica que podem
Se um segmento do teste pedir para desconectar um
danificar os componentes eletrônicos.
conector, desconecte e teste o circuito conforme as
instruções. Nunca faça ligação direta na máquina com tensão maior
• Se a tensão em um circuito intacto for testada e indicar que aquela para a qual a máquina está projetada para
menos de 12 V, teste a tensão de alimentação e teste operar. Motivo: Esse procedimento pode danificar os
se há alta resistência no circuito. componentes eletrônicos.
• Ao final de cada etapa de teste, conecte novamente
todos os componentes que tiverem sido desconectados. Não conecte nem desconecte conectores elétricos
• Muitas etapas no procedimento de diagnóstico indicam enquanto a chave de partida estiver ligada ou a máquina
12 VCC. A indicação de 12 VCC é uma referência à estiver funcionando. Motivo: Esse procedimento pode
tensão da bateria, mas não é uma tensão específica causar erros no sistema do computador, interrompendo
ou exatamente 12 V. Uma faixa de tensão tipicamente um programa de computador durante sua execução. Os
aceitável da bateria é de 12,5 a 14,9, dependendo do picos de tensão elétrica produzidos podem danificar os
estado da bateria e de sua carga e se o motor está ou componentes eletrônicos.
não funcionando. Não aplique energia nem aterre nenhum componente
• Procedimento para verificação de tensão ou resistência: como teste, a menos que seja solicitado. Motivo: A
- Coloque o cabo condutor positivo do medidor no conexão a tensão indevida ou a um ponto indevido de um
primeiro ponto de teste especificado. sistema eletrônico pode causar falhas de componentes
- Coloque o cabo condutor negativo do medidor no eletrônicos.
segundo ponto de teste especificado.
• Se um novo fusível falhar imediatamente, use o Ao soldar na máquina, não esqueça de conectar o fio de
esquema para rastrear todos os circuitos envolvidos e aterramento às partes que estão sendo soldadas. Para
verificar se apresentam curto ou fiação aterrada. sua máxima proteção, desconecte todas as unidades
de controle eletrônicas antes de soldar. Motivo: Altas
Informações Gerais de Diagnóstico do correntes, juntamente com a soldagem, podem danificar
Sistema Elétrico os chicotes elétricos que estão envolvidos no percurso de
A inspeção visual dos chicotes e dos componentes aterramento. A soldagem pode causar picos de tensão
do sistema elétrico dos itens a seguir pode reduzir elétrica que podem danificar os componentes eletrônicos.
significativamente o tempo de diagnóstico: Manuseio e Reparo do Conector Elétrico e
• Danos mecânicos à proteção do chicote elétrico ou ao do Chicote Elétrico
próprio chicote
• Conectores desconectados ou danificados Não force a conexão e desconexão dos conectores
• Fios expostos ou em curto com o terra elétricos. Os conectores foram projetados para serem
• Fios soltos ou circuitos abertos facilmente acoplados. Se for necessário força excessiva,
• Conexões ruins ou corroídas inspecione o conector ou reveja os procedimentos
• Condições da bateria (corrosão dos bornes, voltagem, corretos de conexão. Motivo: Forçar os conectores pode
capacidade da amperagem da partida a frio, nível de causar danos permanentes ao mecanismo de travamento,
eletrólito) aos contatos ou os dois casos.
• Condição do alternador (sujeira, tensão da correia) Ao trabalhar nos conectores, certifique-se de que você
• Componentes superaquecidos ou descoloridos está trabalhando no terminal correto! As partes macho e
Precauções Básicas de Manuseio de Componentes fêmea de um conector elétrico são imagens em espelho
Elétricos para Veículos Equipados com Sistemas uma da outra e é fácil confundir as localizações dos
Controlados por Computador bornes. Procure as informações do identificador do
borne no corpo do conector. Motivo: Medir valores de
Precauções a serem tomadas: diagnóstico no borne do conector errado pode levar a
uma substituição desnecessária de peças.
Nunca desconecte as baterias com a chave de partida
ligada ou com o motor em funcionamento. Motivo: Esse Use os bornes apropriados para qualquer reparo nos
procedimento pode causar picos de tensão que podem conectores. Motivo: Em alguns conectores, materiais
danificar os componentes eletrônicos. diferentes de borne são usados (para conduzir correntes
diferentes). Se forem usados terminais ou materiais
Não conecte os cabos de ligação enquanto a chave
de terminal inadequados, futuramente poderá haver
de ignição está ligada. Motivo: Esse procedimento
problemas elétricos devido à corrosão ou capacidade de
pode causar picos de tensão que podem danificar os
condução de corrente.
componentes eletrônicos.

Continua na próxima página AT70794,000036C -54-15SEP11-5/7

TM802454 (01SEP15) 240-05A-5 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=149
Informações gerais - Seção elétrica

Muitos problemas podem ter sua origem em programas


Ao remover os terminais do corpo de um conector, é
de manutenção periódica inadequados ou no uso indevido
muito importante usar a ferramenta e o procedimento
da máquina.
de extração corretos. As ferramentas de extração estão
disponíveis através do SERVICEGARD. Motivo: O Inspeção do Sistema
corpo do conector pode ser danificado se os terminais
forem simplesmente “arrancados” para fora do lugar. O Inspecione cuidadosamente os componentes elétricos
dano causado por esta ação talvez não seja visível de e eletrônicos quanto a possíveis indícios de mau
imediato. Isso pode impedir que outros terminais sejam funcionamento. Verifique se a máquina pode ser operada
fixados corretamente e causar a substituição do corpo sem causar mais danos ao sistema.
do conector.
Sempre verifique estes itens antes de ligar os interruptores
Ao instalar um terminal novo em um fio, certifique-se ou acionar a máquina:
de usar as ferramentas de crimpagem adequadas. • Verifique se há fios expostos que possam causar
Ferramentas de crimpagem de terminais estão curtos com o terra e faíscas perigosas. Cabos em curto
disponíveis através do SERVICEGARD. É importante podem danificar o sistema de carga.
assegurar-se de que o isolamento e a crimpagem dos • Procure fios soltos ou rompidos. No sistema de carga
fios de cada borne sejam feitos corretamente. Não se eles podem danificar o regulador.
recomenda soldar os bornes. Motivo: Cada peça do • Inspecione todos os componentes, especialmente os
terminal elétrico é projetada para um propósito específico. pontos de conexão da bateria. Películas de ácido e
Não crimpar o terminal adequadamente pode resultar em sujeira na bateria podem gerar fluxo de corrente entre
problemas elétricos ou mecânicos futuramente. os terminais da bateria, resultando em vazamento de
corrente. Verifique se a conexão do fio terra da bateria
Ao reparar um fio quebrado em um chicote elétrico, use está adequada.
emendas termoencolhíveis. Motivo: Qualquer reparo nos • Verifique o nível do eletrólito da bateria. A perda
fios do chicote elétrico não deve permitir que a umidade contínua de eletrólito indica sobrecarga.
entre em contato com o condutor de cobre real. • Verifique a tensão da correia de acionamento do
Procedimento do Teste Elétrico de Sete Passos alternador.
• Verifique se há peças superaquecidas após a máquina
Um bom programa de testes e diagnóstico tem sete ficar parada por algum tempo. Elas geralmente emitem
etapas básicas: um cheiro de isolamento queimado. Coloque sua
• Conhecimento do Sistema mão sobre o alternador ou o regulador. Se essas
• Perguntas ao Operador peças estiverem quentes, quando a máquina não tiver
• Inspeção do Sistema funcionado por algum tempo, é uma indicação certa de
• Operação da Máquina (se possível) problemas no circuito de carga.
• Liste as possíveis Causas • Outros sinais de problema
• Obtenção de uma Conclusão De um modo geral, procure por qualquer coisa incomum.
• Teste da Conclusão Muitas falhas elétricas não podem ser detectadas mesmo
Conhecimento do Sistema quando a máquina está ligada. Portanto, é necessária
uma inspeção sistemática e completa dos sistemas
Em outras palavras, faça o dever de casa. Descubra tudo elétrico e eletrônico. Muitas vezes o problema pode ser
o que puder sobre os sistemas elétricos e eletrônicos detectado sem ligar um interruptor ou dar partida no
da máquina. Estude este manual, principalmente os motor. Ao inspecionar os sistemas elétricos e eletrônicos,
diagramas do sistema. anote todos os sinais de problema.
Os diagramas esquemáticos são uma importante Inspecione cuidadosamente os componentes elétricos
ferramenta. Saiba como interpretá-los. e eletrônicos quanto a possíveis indícios de mau
funcionamento. Verifique se a máquina pode ser operada
Familiarize-se com as especificações principais do sem causar mais danos ao sistema.
sistema, fornecidas em cada seção do manual técnico
da máquina. Operação da Máquina (se possível)
Perguntas ao Operador Se sua inspeção mostrar que a máquina pode ser
acionada, primeiro gire a Chave de Partida para a posição
Que serviço a máquina estava executando quando o ACCESSORY (acessórios). Experimente os circuitos de
problema foi percebido? O problema é intermitente ou acessórios – luzes, acendedor de cigarro e assim por
constante? O que o operador fez após a avaria? Houve diante. Como cada um desses circuitos funciona?
alguma tentativa de reparar o problema?
Gire a Chave de Partida para a posição RUN (funcionar).
Essas são apenas algumas das muitas perguntas que As luzes indicadoras apropriadas acendem no Painel do
alguém que sabe detectar e resolver problemas fará ao Monitor de Advertência?
operador. Muitas vezes, um comentário casual feito pelo
operador fornecerá a chave do problema. Pergunte como Dê partida na máquina. Verifique se todos os medidores
a máquina é usada e quando foi a última manutenção. e indicadores estão funcionando corretamente.
Continua na próxima página AT70794,000036C -54-15SEP11-6/7

TM802454 (01SEP15) 240-05A-6 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=150
Informações gerais - Seção elétrica

Opere o sistema com problema. Procure a operação Teste da Conclusão


inadequada.
Antes de reparar o sistema, teste suas conclusões para
Listagem das Possíveis Causas ver se estão corretas. Muitos dos itens podem ser
verificados sem testes adicionais. Talvez seja possível
Faça uma lista das causas possíveis. Quais foram os reduzir o problema a um circuito específico, mas não a
sinais encontrados durante a inspeção da máquina? Qual um componente individual. Instrumentos de teste podem
é a causa mais provável? Há outras possibilidades? ajudar a isolar ainda mais o ponto do problema.
Lembre-se de que muitas vezes uma falha causa outra.
Obtenção de uma Conclusão
Observe a lista das causas possíveis e decida quais
são as mais prováveis e quais são as mais fáceis de se
verificar.
AT70794,000036C -54-15SEP11-7/7

Diagnóstico de Falha Intermitente • Se a tabela de diagnósticos indicar que o problema é


intermitente, tente reproduzir as condições de operação
Diagnósticos de Falhas Intermitentes - Falhas presentes quando o DTC foi gerado. O Service
Intermitentes são problemas que periodicamente ADVISOR pode ser usado como ajuda para localizar
“desaparecem”. Um problema como um borne solto que problemas intermitentes, com uma função chamada
intermitentemente não faz contato é uma causa provável Recording (Gravação). Esta função permite a gravação
de falha intermitente. Outras falhas intermitentes podem de valores de parâmetros durante uma sessão de
ser geradas somente sob certas condições de operação diagnóstico. Se for gerado um DTC durante uma certa
como carga pesada ou marcha lenta prolongada. sessão de diagnóstico, os parâmetros podem ser
Ao diagnosticar falhas intermitentes, preste especial reproduzidos. Observe a gravação para verificar o valor
atenção à condição da fiação e dos conectores, já de cada parâmetro quando ocorreu o DTC.
que estes são responsáveis por muitos dos problemas • Se uma conexão ou fio com defeito for suspeito de ser
intermitentes. Verifique se há conectores frouxos, sujos a causa do problema intermitente: Apague os DTCs
ou desconectados. Inspecione a trajetória da fiação e depois verifique a conexão ou fio balançando-os
procurando possíveis curtos causados pelo contato enquanto observa o Service ADVISOR para ver se a
com partes externas (por exemplo, contato com bordas falha zera.
cortantes em chapas de metal). Inspecione as áreas
próximas ao conector procurando fios que tenham Possíveis Causas de Falhas Intermitentes:
saído dos terminais, conectores danificados, terminais • Conexão de aterramento ruim.
mal posicionados e terminais corroídos ou danificados. • Conexão defeituosa entre o sensor ou atuador e o
Procure fios partidos, emendas danificadas e curtos entre chicote.
fios. Avalie bem antes de definir se é necessário substituir • Mau contato entre os terminais no conector.
o componente. • Conexão de terminal ou fio com falha.
NOTA: A unidade de controle eletrônica é o componente
• A interferência eletromagnética (EMI) de um rádio de 2
vias incorretamente instalado, ou de outra fonte, podem
com MENOR possibilidade de falhar. transmitir sinais falhos à ECU.
Sugestões para diagnosticar falhas intermitentes:
AT70794,000036D -54-15SEP11-1/1

Programação das Unidades de Controle capacidade de administrar e atualizar o software


incluído nas unidades de controle eletrônico
NOTA: Service ADVISOR™ (conselheiro de serviço) sem retirar do veículo.
permite que um técnico Deere tenha a
Service ADVISOR é uma marca comercial da Deere & Company
AT70794,000036E -54-19OCT11-1/4

Procedimento de Programação
Continua na próxima página AT70794,000036E -54-19OCT11-2/4

TM802454 (01SEP15) 240-05A-7 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=151
Informações gerais - Seção elétrica

•1 Obtenha a Carga Útil


do Software
NOTA: O site Custom Performance™ da John Deere é acessado por meio do
Service ADVISOR™ para atualizar o software. As unidades de controle
são reprogramadas devido à inclusão de uma nova opção instalada pelo
concessionário, um PIP (Programa de Melhoria de Produto), uma substituição
de unidade de controle ou uma melhoria de software da unidade de controle.
IMPORTANTE: As instruções a seguir são orientações gerais para conectar-se
e fazer o download da carga útil do software. Se disponíveis, siga
sempre os procedimentos das instruções de instalação ou outros
documentos específicos da aplicação.
1. Acesse o Service ADVISOR™ a partir de um computador com acesso à Internet.
2. Selecione o botão “Connect to Deere Network” (Conectar à Deere Network) na
barra de ferramentas (ícone de um computador laptop e um globo).
3. Conecte-se à rede com uma identificação de usuário RACF e uma senha
fornecidas pela Deere.
4. Depois de conectar-se à Deere Network, selecione o site “John Deere Custom
Performance™” (Sistema de Fornecimento de Software [SDS]).

NOTA: O Sistema de Fornecimento de Software (SDS) armazena, gerencia


e fornece cargas úteis para unidades de controle eletrônicas
de todos os tipos via Internet.
5. Para acessar as cargas úteis de software das unidades de controle, insira um
dos números a seguir:
- Número de Identificação do Veículo (VIN) - 13 caracteres alfa-numéricos
- Número de Identificação do Produto (PIN)
- Número de Série do Motor (ESN)
- Número do Programa de Melhoria de Produto (PIP)

NOTA: Antes de programar uma unidade de controle em um veículo, é importante


baixar as versões atuais da carga útil no Service ADVISOR™. Arquivos
de carga útil são organizados por Nome da Unidade de Controle,
Nome da Carga Útil, Versão da Carga Útil, Data de Criação e Data de
vencimento. Um arquivo de carga útil do software contém todos os
dados e programas para programar uma unidade de controle.
6. Selecione a carga útil atual para a unidade de controle específica. OK: VÁ PARA 2.
NOTA: As cargas úteis de software podem ser baixadas do SDS para o
Service ADVISOR™ em qualquer ordem.
7. Baixe a carga útil de software da unidade de controle selecionada para o Service NÃO OK: Conecte-se
ADVISOR™. novamente e tente fazer o
download outra vez.
NOTA: O processo de programação cria um arquivo de retorno que detalha NÃO OK: Entre em contato
o status do último evento de programação de unidade de controle. O com o administrador do
arquivo é enviado automaticamente para o site do SDS na próxima vez
que o Service ADVISOR™ for conectado à internet. sistema do website SDS.

Continua na próxima página AT70794,000036E -54-19OCT11-3/4

TM802454 (01SEP15) 240-05A-8 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=152
Informações gerais - Seção elétrica

•2 Unidade de Controle
do Programa
IMPORTANTE: Há instruções e ilustrações específicas disponíveis no menu HELP
(Ajuda) do Service ADVISOR™ ou nas instruções de instalação “Download
Software Payload” (Download da Carga Útil do Software) (PC20380).

NOTA: Se as opções existentes atualmente no veículo foram corretamente relatadas


e instaladas do SDS, elas serão configuradas na nova unidade de controle
quando o software for instalado. Porém, algumas opções manuais configuradas
através de endereços de diagnóstico ou calibrações podem ser perdidas.
NOTA: A tensão da bateria deve ser de pelo menos 12,5 V antes de iniciar a
reprogramação da unidade de controle. Se a tensão da bateria for menor
do que 12,5 V, NÃO auxilie com outra bateria nem com um carregador
de bateria durante a reprogramação. A bateria deve ser recarregada e o
carregador de bateria removido antes de iniciar a reprogramação.

NOTA: Se a unidade de controle não aceitar o software, solte os conectores


dos outros componentes no barramento CAN. Outros componentes,
como receptor GPS, podem aumentar o tráfego no barramento CAN
e evitar a programação da unidade de controle.
PROGRAMAÇÃO DE UMA UNIDADE DE CONTROLE
1. Gire a chave de ignição para a posição OFF (DESLIGADA).
2. Conecte a unidade de controle de reposição no chicote elétrico do veículo.
3. Conecte o Service ADVISOR™ ao veículo.
4. Gire a chave de ignição para a posição RUN (EXECUÇÃO) (motor DESLIGADO).
5. Selecione “Program Controller” (Controlador de Programa) no Service ADVISOR™.
6. Carregue as cargas úteis de software para a unidade de controle específica do
veículo, uma por vez.
7. Configure os endereços de diagnóstico da unidade de controle de acordo com as
opções instaladas no veículo.

NOTA: Quando as unidades de controle são reprogramadas, novos endereços


podem passar a serem disponíveis. Tais endereços podem ser alterados.
As opções são conhecidas através do arquivo retornado para o SDS.
Se uma opção for ajustada através do download do software e o
hardware correspondente não estiver no veículo, pode haver a geração
de um código de erro. Inversamente, se o hardware foi instalado e
o software não foi configurado para ele, o hardware opcional não
funcionará e pode não haver nenhum código de erro.
8. Gire a chave de partida para a posição OFF (DESLIGADO) por, pelo menos,
30 segundos.
9. Gire a chave de partida para a posição PARTIDA (motor LIGADO), deixe o veículo
em estacionamento, em marcha lenta baixa.

NOTA: A programação pode gerar códigos de diagnóstico de falhas que


devem ser apagados. Consulte Acesso aos Códigos de Diagnósticos
de Falhas do GreenStar (Seção 240, Grupo 10A).
10. Calibre as unidades de controle conforme necessário.
11. Confirme a operação do veículo. OK: Programação
concluída.
12. Repita os passos 1 a 12 para a próxima unidade de controle. NÃO OK: Reconecte,
verifique a alimentação e
execute o procedimento
novamente.
AT70794,000036E -54-19OCT11-4/4

TM802454 (01SEP15) 240-05A-9 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=153
Informações gerais - Seção elétrica

Fusíveis, relés e diodos


A—Tampa da caixa da bateria D—Fusível da potência auxiliar
B—Fusível mestre F101 (250 A) F103 (30 A)
C—Fusível da bomba de E—Fusível da ECU F104 (20 A)
combustível F102 (15A)

N76729 —UN—15JUN07
N83297 —UN—12FEB09
Continua na próxima página TX17961,0003A9D -54-10NOV14-1/3

TM802454 (01SEP15) 240-05A-10 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=154
Informações gerais - Seção elétrica

1— Chave de partida (30 A) 25— Interruptor da luz


2— Acessórios (30 A) indicadora de direção
3— Luzes e buzina (30 A) (10 A)
4— Luzes de estrada alta/baixa 26— Controle e mudança
(30 A) do bloqueio do
5— Luzes da plataforma (30 A) diferencial/tração (15 A)
6— Luzes de teto da cabine e da 27— Luzes do capô (opcional)
estação de abastecimento (30 A)
(30 A) 28— Freio de estacionamento
7— Memória do BHC (10 A)
(permanente) (3 A) 29— Bujão auxiliar/bateria (20
8— Luzes de freio, de alerta e A)
giratórias (20 A) 30— Luzes do teto (5 A)
9— ELX2 (30 A) 31— Memória da CCU, RCD,
10— ECU (não permanente) (5 GPS, SA (permanente) (15
A) A)
11— Palheta do limpador de 32— Acendedor de cigarros
para-brisa (20 A) (10 A)
12— Alimentação de BHC 33— Válvula de solução
lógico e da válvula (25 A) esquerda (20 A)
13— Apoio de braço e alavanca 34— Válvula de solução direita
hidráulica (3 A) (20 A)
14— Interferência de detecção 35— Memória AutoTrac/SSU
de carga (10 A) (permanente) (5 A)
15— Sensor de velocidade da 36— CAN1 (3 A)
roda (5 A) 37— Acionador da CCU
16— Rádio (3 A) (chaveado) (20 A)

N93873 —UN—29AUG11
17— Bujão auxiliar/acessório 38— Lógica da CCU (chaveada)
(20 A) (5 A)
18— Ventilador de 39— Acionador do
pressurização e ATC (25 AutoTrac/SSU (variável)
A) (10 A)
19— Recirculador e ventilador 40— Lógica AutoTrac/SSU e
de pressurização (30 A) ATC (não permanente) (5
20— Assento (30 A) A)
21— Chave de ignição (20 A) 41— Interruptor remoto de
22— RCD, CAN2, GPS, UIM (10 carga e medidores de
A) vazão (5 amp)
23— Luzes do capô (padrão) 42— Interruptores de
(30 A) pulverização e interruptor
24— Ar-condicionado (10 A) da bomba hidráulica (5
amp)
43— Relés do ventilador da
cabine e do limpador (5 A)
44— Rádio (15 A)
45— Luzes da direção (20 A)
46— ELX1 (30 A)
47— Agitação (5 A)
48— Marcador de espuma (15
A)

Continua na próxima página TX17961,0003A9D -54-10NOV14-2/3

TM802454 (01SEP15) 240-05A-11 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=155
Informações gerais - Seção elétrica

N69205 —UN—28FEB05
V1— Diodos do pisca-alerta 9— Relé da trava do limpador do 17— Relé das luzes padrão do 26— Relé das luzes de ativação
— Diodos do controle da para-brisa capô alta/baixa
lâmpada de teto 10— Relé de pulso do limpador 18— Relé das luzes opcionais do 27— Relé de das luzes de seleção
1— Relé de comutação dianteiro de para-brisa capô alta/baixa
2— Relé de interferência da 11— Relé do ventilador da cabine 19— Relé de acionamento da 28— Relé da luz de advertência
detecção de carga 12— Relé ELX2 válvula de solução esquerda direita
3— Relé do impulso reverso 13— Relé do ventilador de 20— Relé do freio de 29— Relé da luz de advertência
4— Relé ELX1 pressão da cabine estacionamento esquerda
5— Relé de alimentação dos 14— Relé da embreagem do 21— Relé de comutação traseiro 30— Relé da luz do freio
acessórios ar-condicionado 22— Relé do bujão auxiliar 31— Relé de acionamento da
6— Relé do controle de tração 15— Relé de trava em neutro 23— Relé da buzina válvula de solução direita
7— Relé das luzes de direção 16— Relé de BHC lógico e da 24— Relé das luzes do chassi
8— Relé do limpador válvula 25— Relé das luzes auxiliares
TX17961,0003A9D -54-10NOV14-3/3

TM802454 (01SEP15) 240-05A-12 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=156
Informações gerais - Seção elétrica

Identificação do tipo de controle de


pulverização
NOTA: As válvulas do pulverizador da trilha da cerca
não são contadas como seção.

N109846 —UN—10DEC14
Barra de 7 seções
As máquinas produzidas ao longo do ano modelo 2014
possuem sete seções de pulverização. Cada seção da
pulverização possui um interruptor correspondente no
console.

A—Interruptores das 7 seções 7 Seções


de pulverização

TX17961,0003AAF -54-10DEC14-1/2

Barra de 9 seções
As máquinas produzidas no ano modelo 2015 e
posteriores possuem nove seções de pulverização.
Cada seção da pulverização possui um interruptor
correspondente no console.

N109847 —UN—10DEC14
B—Interruptores das 9 seções
de pulverização

9 Seções

TX17961,0003AAF -54-10DEC14-2/2

TM802454 (01SEP15) 240-05A-13 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=157
Informações gerais - Seção elétrica

TM802454 (01SEP15) 240-05A-14 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=158
Grupo 10A
Acesso aos códigos de diagnóstico e aos endereços

Acesso aos Códigos de Diagnósticos de Falhas do GreenStar


PC8664 —UN—05AUG05 PC8663 —UN—29APR15

Botão CENTRO DE MENSAGENS (exibindo hora) Botão MENU

PC8655 —UN—05AUG05
A tela do Centro de Mensagens pode ser atingida
pressionando-se o botão CENTRO DE MENSAGENS
(exibindo hora) ou o botão MENU e, em seguida, o botão
CENTRO DE MENSAGENS (Com Ícone de Informações).

Botão CENTRO DE MENSAGENS (Com Ícone de Informações)


AT70794,0000372 -54-13OCT11-1/4

PC8669 —UN—05AUG05

Tecla programável de CÓDIGO DE FALHAS (H)

Selecione o ícone do Código de Diagnóstico de Falhas


(tecla programável H).
O centro de mensagens exibirá todos os avisos,
mensagens de alerta e ícones ativos.
Continua na próxima página AT70794,0000372 -54-13OCT11-2/4

TM802454 (01SEP15) 240-10A-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=159
Acesso aos códigos de diagnóstico e aos endereços

PC8644 —UN—07DEC05
Tela Principal do Código de Falhas

A— Ícone do Código de Falhas


(tecla programável H)

Códigos de problemas
Os controladores individuais podem ser acessados
Selecione o botão CÓDIGO DE FALHAS (A), aparecerá percorrendo-se até o controlador desejado e
uma lista de controladores e os controladores com os selecionando-o para visualizar os códigos daquele
códigos de diagnóstico serão indicados. controlador.

AT70794,0000372 -54-13OCT11-3/4

Os códigos também podem ser exibidos para todos os


controladores selecionando-se o botão Exibir Tudo (A).
Os códigos podem ser comunicados a um concessionário
John Deere para auxiliar no diagnóstico de problemas
da máquina.

PC8645 —UN—07DEC05
A—Botão Exibir Tudo.

Todos os Controladores Selecionados

AT70794,0000372 -54-13OCT11-4/4

TM802454 (01SEP15) 240-10A-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=160
Acesso aos códigos de diagnóstico e aos endereços

Acessar os Endereços de Diagnósticos de GreenStar


PC8664 —UN—05AUG05 PC8663 —UN—29APR15

Botão CENTRO DE MENSAGENS (exibindo hora) Botão MENU

PC8655 —UN—05AUG05
A tela do Centro de Mensagens pode ser atingida
pressionando-se o botão CENTRO DE MENSAGENS
(exibindo hora) ou o botão MENU e, em seguida, o botão
CENTRO DE MENSAGENS (Com Ícone de Informações).

Botão CENTRO DE MENSAGENS (Com Ícone de Informações)

AT70794,0000373 -54-13OCT11-1/3

PC8668 —UN—05AUG05
Selecione o ícone Endereço de Diagnóstico (tecla
programável G).
O centro de mensagens exibirá todos os avisos,
mensagens de alerta e ícones ativos.

Tecla programável (G) de ENDEREÇOS DE DIAGNÓSTICO

AT70794,0000373 -54-13OCT11-2/3

Endereços de Diagnósticos
NOTA: Os endereços de diagnóstico estão disponíveis
para acessar informações de diagnóstico
específicas. Essas informações podem auxiliar
o Concessionário John Deere no diagnóstico
dos problemas. Diferentes controladores de
dispositivo podem ser selecionados a partir da

PC8643 —UN—07DEC05
caixa suspensa, conforme exibido.

Selecione o botão ENDEREÇO DE DIAGNÓSTICO


(A). O número de dispositivos disponível dependerá da
configuração da máquina. A lista de endereços pode
ser percorrida para cima e para baixo com o dispositivo
de inserção. Selecionar um endereço exibirá os dados
Tela Principal de Endereço de Diagnóstico
daquele endereço.
Alguns endereços não são exibidos até que o mostrador
A—Ícone Endereço de
esteja no modo do técnico. Diagnóstico (tecla
programável G)

AT70794,0000373 -54-13OCT11-3/3

TM802454 (01SEP15) 240-10A-3 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=161
Acesso aos códigos de diagnóstico e aos endereços

Captura da tela GreenStar


Uma imagem da tela do GreenStar pode ser salva
no cartão de dados. Essa função de captura de tela
pode auxiliar o técnico quando o operador observar um
problema intermitente no monitor GreenStar ou se o
DTAC John Deere solicitar uma imagem da tela.
Para capturar a imagem da tela, pressione o botão “reset”
(reinicialização) na parte de trás do monitor GreenStar
uma vez. A luz da energia na frente do monitor ficará
vermelha e voltará para verde. A tela é capturada quando
a luz fica vermelha.
A captura da tela será salva no cartão de dados como um
arquivo jpg. Após desligar o monitor GreenStar, remova

PC8705 —UN—17AUG05
o cartão de dados. O cartão de dados pode ser inserido
em um leitor de cartões conectado ao computador. O
arquivo jpg pode então ser transferido para o computador
e enviado por e-mail.

A—Botão Reinicializar Monitor

AT70794,0000374 -54-13OCT11-1/1

TM802454 (01SEP15) 240-10A-4 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=162
Grupo 10B
Procedimentos de calibração
Calibração do Sensor de Pressão
Se a leitura do sensor de pressão (A) não retornar a zero
quando não houver pressão ou fluido nas válvulas de
corte da seção da barra, é necessário calibrar o sensor
de pressão.

N74946 —UN—01FEB07
A—Leitura da Pressão

Continua na próxima página AT70794,0000376 -54-13OCT11-1/3

TM802454 (01SEP15) 240-10B-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=163
Procedimentos de calibração

N82382 —UN—12NOV08
A—Tecla Programável Calibração B—Guia Spray Calibration C—Ícone Calibração
(Calibração da Pulverização)

1. Selecione a tecla programável Calibração (A) para NOTA: Antes de remover o fluxômetro, espere
visualizar o menu de configuração. aproximadamente cinco minutos até que a pressão
2. Selecione a guia Spray Calibration (Calibração da na bomba de solução se dissipe.
Pulverização) (B).
4. Remova os insertos do fluxômetro lentamente.
3. Selecione o ícone de calibração (C) próximo a Coloque o fluido em um recipiente adequado.
Pressure Sensor Calibration (Calibração do Sensor
de Pressão). A Calibração do Sensor de Pressão
aparecerá.
Continua na próxima página AT70794,0000376 -54-13OCT11-2/3

TM802454 (01SEP15) 240-10B-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=164
Procedimentos de calibração

N74765 —UN—18JAN07
A—Botão C—Botão Entrar
B—Botão Entrar

5. Siga as instruções na primeira tela. Ao terminar, (C) para retornar à guia Spray Calibration (Calibração
pressione o botão (A) para seguir para a próxima tela. da Pulverização).
6. Siga as instruções na segunda tela. Ao terminar, 8. Reinstale o inserto no fluxômetro.
pressione o botão Entrar (B) para seguir para a
próxima tela.
7. A mensagem de “A calibração do sensor de pressão
está concluída” será exibida. Pressione o botão Entrar
AT70794,0000376 -54-13OCT11-3/3

TM802454 (01SEP15) 240-10B-3 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=165
Procedimentos de calibração

Calibração da Bomba de Solução


• Conjunto da bomba de solução/motor hidráulico
O sistema SPRAYSTAR irá calibrar-se automaticamente • Válvula proporcional
para fornecer um controle ideal para uma situação • Bomba hidráulica
específica. • Controlador da Taxa de Pulverização
NOTA: Não execute este procedimento para taxas da NOTA: As faixas para A e B são:
bomba de solução ou pressão irregulares, caso os
números de A e B estejam dentro da faixa. Se os •A = 2500 a 3600
números A e B estiverem dentro da faixa, consulte •B = 5500 a 7300
as entradas de taxa ou pressão irregular na seção
Detecção e Resolução de Problemas. Para calibrar automaticamente o pulverizador:
NOTA: O interruptor da bomba de solução deverá
A única situação na qual a calibração automática é estar desligado para que este procedimento
necessária é quando os valores A e B não se encontram seja executado.
dentro de suas faixas, ou quando um dos seguintes itens
tiver sido substituído:

N82381 —UN—12NOV08

A—Tecla Programável Calibração B—Guia Spray Calibration C—Ícone Calibração


(Calibração da Pulverização)

1. Selecione a tecla programável Calibração (A) para 3. Selecione o ícone de calibração (C) próximo a Pump
visualizar o menu de configuração. Calibration (Calibração da Bomba). A calibração da
2. Selecione a guia Spray Calibration (Calibração da bomba aparecerá.
Pulverização) (B).
Continua na próxima página AT70794,0000377 -54-15SEP11-1/2

TM802454 (01SEP15) 240-10B-4 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=166
Procedimentos de calibração

N74766 —UN—18JAN07
A—Botão Entrar B—Botão Entrar

NOTA: Antes de iniciar a calibração, eleve a temperatura NOTA: A calibração da bomba levará de 1 a 2 minutos.
do fluido hidráulico até a faixa normal de operação e A bomba de solução desligará quando a calibração
abasteça o tanque de solução com água ou solução automática estiver pronta.
suficiente para evitar que a bomba seque.
5. A mensagem “A calibração do sensor de pressão está
4. Siga as instruções na primeira tela. Ao terminar concluída” será exibida. Pressione o botão Entrar (B)
pressione o botão “Entrar” (A) para seguir para a para retornar para a guia Calibração da Pulverização.
próxima tela.
AT70794,0000377 -54-15SEP11-2/2

TM802454 (01SEP15) 240-10B-5 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=167
Procedimentos de calibração

Calibração do Retorno da Barra à Altura

N74768 —UN—18JAN07
A—Tecla Programável Calibração B—Guia Boom Calibration C—Ícone Calibração
(Calibração da Barra)

1. Selecione a tecla programável Calibração (A) para 3. Selecione o ícone de calibração (C) próximo a Boom
visualizar o menu de configuração. Return to Height Calibration (Calibração do Retorno
2. Selecione a guia Boom Calibration (Calibração da da Barra à Altura). A tela Calibração do Retorno da
Barra) (B). Barra à Altura é exibida.
Continua na próxima página AT70794,0000378 -54-15SEP11-1/2

TM802454 (01SEP15) 240-10B-6 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=168
Procedimentos de calibração

N74948 —UN—02AUG07
A—Botão “Cal” B—Botão Entrar

4. Siga as instruções na primeira tela. Ao terminar


pressione o botão “Cal” (A) para seguir para a próxima 6. A mensagem “Boom Return To Height Calibration
tela. is Complete” (Calibração do Retorno da Barra à
Altura Concluída) será exibida. Pressione o botão
5. Siga as instruções na segunda tela. Ao terminar Entrar (B) para retornar para a guia Boom Calibration
pressione o botão “Cal” (A) para seguir para a próxima “Calibração da Barra”.
tela.
AT70794,0000378 -54-15SEP11-2/2

TM802454 (01SEP15) 240-10B-7 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=169
Procedimentos de calibração

Calibração dos Sensores de Altura da Barra

N77304 —UN—13AUG07
A—Tecla Programável Calibração B—Guia BoomTrac Pro C—Ícone Calibração
Calibration (Calibração do
BoomTrac Pro)

NOTA: Para calibrar os Sensores BTP, registre a 1. Selecione a tecla programável Calibração (A) para
localização física de cada sensor e o número visualizar o menu de configuração.
de série correspondente localizado na base
do sensor. A localização de esquerda/direita é 2. Selecione a guia BoomTrac Pro Calibration
determinada pela visão do operador quando está (Calibração do BoomTrac Pro) (B).
sentado, sendo os sensores R1 e L1 os que estão 3. Selecione o ícone de calibração (C) próximo aos
mais próximos da linha central da máquina em Sensores de Calibração do BoomTrac Pro. A tela
comparação aos sensores R2 e L2. de Calibração dos Sensores do BoomTrac Pro será
exibida.
NOTA: A calibração dos Sensores de Altura da
Barra deve ser feita antes de quaisquer outras
alterações ou calibrações.
Continua na próxima página AT70794,0000379 -54-15SEP11-1/2

TM802454 (01SEP15) 240-10B-8 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=170
Procedimentos de calibração

N77070 —UN—10AUG07
A—Caixa de opções B—Botão Entrar

4. O número de série de todos os sensores instalados a posição correta de cada número de série estiver
será exibido. Selecione a caixa suspensa (A) próxima selecionada, pressione o botão Entrar (Enter) (B).
a cada número de série exibido e selecione a posição O operador receberá a mensagem “Calibração
correta de onde o sensor está instalado. Quando Bem-sucedida”.
AT70794,0000379 -54-15SEP11-2/2

TM802454 (01SEP15) 240-10B-9 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=171
Procedimentos de calibração

Calibração da Posição do Nível da Barra

N77305 —UN—13AUG07
A—Tecla Programável Calibração B—Guia BoomTrac Pro C—Ícone Calibração
Calibration (Calibração do
BoomTrac Pro)

NOTA: A calibração dos Sensores de Altura da 3. Selecione o ícone de calibração (C) próximo a
Barra deve ser feita antes de quaisquer outras Calibrate Boom Level Position (Calibração da Posição
alterações ou calibrações. do Nível da Barra). A tela Calibrate Boom Level
Position (Posição do Nível da Barra) será exibida.
1. Selecione a tecla programável Calibração (A).
2. Selecione a guia BoomTrac Pro Calibration
(Calibração do BoomTrac Pro) (B).
Continua na próxima página AT70794,000037A -54-15SEP11-1/2

TM802454 (01SEP15) 240-10B-10 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=172
Procedimentos de calibração

N77057 —UN—25JUL07
A—Botão Entrar

4. Siga as instruções na primeira tela. Ao terminar 5. A mensagem “Boom Return To Height Calibration is
pressione o botão “Entrar” (A) para seguir para a
Complete.” (Calibração do Retorno da Barra à Altura
próxima tela. Concluída) será exibida.
AT70794,000037A -54-15SEP11-2/2

TM802454 (01SEP15) 240-10B-11 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=173
Procedimentos de calibração

Calibração do Sensor da Velocidade da Roda condições de campo (solto, médio ou compactado).


Não utilize as linhas finais devido à possível variação
NOTA: Quando selecionado, o Sensor do Radar ou das condições do solo que podem afetar a calibração.
a Velocidade do GPS cancela o sensor de
velocidade da roda. Se estiver utilizando sensor 3. Marque o início e o fim do curso com marcadores que
do radar ou velocidade do GPS, selecione possam ser vistos da cabine.
Wheel Speed (Velocidade da Roda) a ser usada
para a velocidade do veículo. 4. Deixe espaço suficiente em cada extremidade
do percurso para que o pulverizador possa fazer
1. Encha o tanque de solução até a metade com água todo percurso sem precisar acelerar ou diminuir a
ou solução. velocidade.

2. Com uma trena, meça um percurso de 122 m (400


ft) sobre um terreno plano que seja o mais típico das

N74769 —UN—18JAN07

A—Tecla Programável Calibração B—Guia Vehicle Calibration C—Ícone Calibração


(Calibração do Veículo)

5. Selecione a tecla programável Calibração (A) para Rotação da Roda). A tela de Calibração do Sensor de
visualizar o menu de configuração. Velocidade da Roda é exibida.
6. Selecione a guia “Calibração do Veículo” (B).
7. Selecione o ícone calibração (C) próximo a “Wheel
Speed Sensor Calibration” (Calibração do Sensor de
Continua na próxima página AT70794,000037B -54-15SEP11-1/2

TM802454 (01SEP15) 240-10B-12 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=174
Procedimentos de calibração

N74770 —UN—18JAN07
A—Botão Entrar C—Caixa de Inserção D—Botão Entrar
B—Botão Entrar

8. Siga as instruções na primeira tela. Comece a 15. Para verificar o valor de calibração, meça o percurso
dirigir um pouco antes do início do curso e atinja a com o contador de distância. (Consulte Operação do
velocidade recomendada na tela. Enquanto mantém Contador de Distância nesta seção.)
essa velocidade, pressione o botão “Entrar” (A) para
LIGAR o contador da roda quando o pulverizador 16. Se a “Distância” for superior ou inferior a 120–123 m
alcançar o início da trajetória. (395–405 ft), ajuste o número anterior da calibração
da roda da seguinte maneira:
9. Mantenha uma velocidade constante por toda
a trajetória e, quando o pulverizador alcançar o Número de Calibração da Roda x Distância registrada
marcador final, pressione “Entrar” (B) para DESLIGAR ÷ por 122 m (400 ft) = Novo Número de Calibração
o contador. da Roda
10. Registre o valor de calibração exibido. 17. Insira o novo número de calibração da velocidade da
roda.
11. Repita a calibração mais duas vezes e registre os
valores de calibração. Faixas dos valores da calibração:
12. Calcule a média dos três valores das calibrações. Pneus Padrões/Estreitos: 48—58
13. Selecione a caixa de entrada (C) próxima a “Wheel Pneus de Flutuação: 48—58
Speed Calibration Value” (Valor de Calibração da
Velocidade da Roda). Digite a média da calibração. NOTA: Se o radar estiver desconectado, conecte-o
após completar a calibração do sensor de
14. Pressione o botão “Entrar” (D) para armazenar o velocidade da roda.
valor inserido e retornar à guia Vehicle Calibration
(Calibração do Veículo).
AT70794,000037B -54-15SEP11-2/2

TM802454 (01SEP15) 240-10B-13 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=175
Procedimentos de calibração

Calibração do Sensor do Radar (Opcional) estiver utilizando a velocidade do GPS, selecione


Velocidade do Radar antes de iniciar a calibração.
NOTA: Se a unidade do radar for removida da
máquina, instale a tampa contra poeira no 1. Encha o tanque de solução até a metade com água
chicote para proteção ambiental. ou solução.
Quando a unidade do radar for deixada na 2. Com uma trena, meça um percurso de 122 m (400
máquina, mas não for utilizada, a tampa contra ft) sobre um terreno plano que seja o mais típico das
poeira deve ser instalada no chicote e colocada condições de campo (solto, médio ou compactado).
(com as vedações instaladas na extremidade) no Não utilize as linhas finais devido à possível variação
conector da fiação da unidade do radar. das condições do solo que podem afetar a calibração.
O sensor do radar cancela o sensor de velocidade 3. Marque o início e o fim do curso com marcadores que
da roda quando o sensor do radar estiver instalado possam ser vistos da cabine.
e a velocidade do veículo estiver entre 3 e 20
mph (5 e 32 km/h). O radar não está disponível 4. Deixe espaço suficiente em cada extremidade
abaixo de 2 mph e na quarta faixa. do percurso para que o pulverizador possa fazer
todo percurso sem precisar acelerar ou diminuir a
Quando selecionado, a Velocidade do GPS pode velocidade.
cancelar o Sensor de Velocidade do Radar. Se

N74855 —UN—18JAN07

A—Tecla Programável Calibração B—Guia Vehicle Calibration C—Ícone Calibração


(Calibração do Veículo)

5. Selecione a tecla programável Calibração (A) para 6. Selecione a guia “Calibração do Veículo” (B).
visualizar o menu de configuração.

Continua na próxima página AT70794,000037C -54-15SEP11-1/3

TM802454 (01SEP15) 240-10B-14 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=176
Procedimentos de calibração

7. Selecione o ícone de calibração (C) próximo a “Radar Velocidade do Radar). A tela de Calibração do Sensor
Speed Sensor Calibration” (Calibração do Sensor da da Velocidade do Radar é exibida.
AT70794,000037C -54-15SEP11-2/3

N74856 —UN—06FEB07
A—Botão Entrar C—Caixa de Inserção D—Botão Entrar
B—Botão Entrar

8. Siga as instruções na primeira tela. Comece a 14. Pressione o botão “Entrar” (D) para armazenar o
dirigir um pouco antes do início do curso e atinja a valor inserido e retornar à guia Vehicle Calibration
velocidade recomendada na tela. Enquanto mantém (Calibração do Veículo).
essa velocidade, pressione o botão “Entrar” (A) para
LIGAR o contador da roda quando o pulverizador 15. Para verificar o valor de calibração, meça o percurso
alcançar o início da trajetória. com o contador de distância. (Consulte Operação do
Contador de Distância nesta seção.)
9. Mantenha uma velocidade constante por toda
a trajetória e, quando o pulverizador alcançar o 16. Se a “Distância” for superior ou inferior a 120–123 m
marcador final, pressione “Entrar” (B) para DESLIGAR (395–405 ft), ajuste o número anterior da calibração
o contador. da roda da seguinte maneira:
10. Registre o valor de calibração exibido. Número de Calibração da Roda x Distância registrada
÷ por 122 m (400 ft) = Novo Número de Calibração
11. Repita a calibração mais duas vezes e registre os da Roda
valores de calibração.
17. Insira o novo número de calibração do radar.
12. Calcule a média dos três valores das calibrações.
Faixas dos valores da calibração:
13. Selecione a caixa de entrada (C) próxima a “Radar
Speed Calibration Value” (Valor de Calibração da 33.0—37.0
Velocidade do Radar). Digite a média da calibração.
AT70794,000037C -54-15SEP11-3/3

Procedimento de Calibração - Válvula Eletro-Hidráulica do Sistema de Direção


Continua na próxima página AT70794,000037D -54-19OCT11-1/18

TM802454 (01SEP15) 240-10B-15 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=177
Procedimentos de calibração

Procedimento de Calibração da Válvula Eletrohidráulica da Direção


O procedimento de calibração da direção determina a zona morta e verifica a funcionalidade da válvula eletrohidráulica
(EH) da direção. O dispositivo de entrada da direção (SID) e o sensor de ângulo da roda (WAS) também são verificados
quanto à funcionalidade. O procedimento de calibração mostra tanto a ação do operador quanto a resposta do sistema.
A máquina deve ser posicionada sobre uma superfície de concreto (preferivelmente) nivelada e plana ou sobre uma
superfície com cascalho com o motor funcionando para que ela possa ser direcionada totalmente para esquerda e
direita contra os batentes da direção. Se a válvula eletro-hidráulica deixar de virar as rodas para fora dos batentes
extremos devido a altas cargas de direção, providencie espaço para que a máquina se mova durante o procedimento.
NOTA: Se forem encontrados problemas no sistema, a calibração será imediatamente encerrada e um
Código de Diagnóstico de Problemas (DTC) será armazenado.
AT70794,000037D -54-19OCT11-2/18

•1 Condições para
Calibração
• Temperatura do óleo hidráulico acima de 20 °C (68 °F).

• O pulverizador deve estar parado ou girando a uma velocidade inferior a 5 km/h


(3 mph).
• O operador deve permanecer sentado durante toda a calibração.
• Sem Códigos de Diagnóstico de Falha (DTCs) ativos exceto pelo SSU 630.13 (O
Sistema AutoTrac Não Foi Calibrado).
Se essas exigências não forem atendidas, a calibração não poderá ser concluída de
maneira bem sucedida.
OK: VÁ PARA 2
NÃO OK: Corrija a

condição que não foi
atendida.
AT70794,000037D -54-19OCT11-3/18

•2 Sangria do Ar das
Linhas Hidráulicas
Aqueça o óleo hidráulico acima de 20 °C (68 °F). Acesse o endereço SSU 24 para
temperatura do óleo em graus Celsius. OK: VÁ PARA 3

Gire o volante até o batente da direita (sentido horário), em seguida gire-o até o NÃO OK: Repita a etapa
batente da esquerda (sentido anti-horário) pelo menos três vezes para sangrar o ar até que o ar seja sangrado.
das linhas hidráulicas e reposicionar os cilindros da direção.
AT70794,000037D -54-19OCT11-4/18

•3 Acesso aos Endereços Vá até o modo de diagnósticos técnicos no monitor GreenStar. Consulte Acesso aos
SSU Endereços de Diagnóstico do GreenStar (Seção 240, Grupo 10A)

A letra “T” aparece próxima à lista de dispositivos para indicar o modo de nível técnico.

Aumente a rotação do motor para 1200 rpm.


OK: VÁ PARA 4
NÃO OK: VÁ PARA

Diagnósticos do Monitor
2630 GreenStar (Seção
240, Grupo 15)

Continua na próxima página AT70794,000037D -54-19OCT11-5/18

TM802454 (01SEP15) 240-10B-16 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=178
Procedimentos de calibração

•4 Seleção do
Controlador da
Direção (SSU)
Selecione SSU no menu suspenso.
OK: VÁ PARA 5

NÃO OK: Verifique a
potência, o solo e os
circuitos do barramento
CAN para a SSU.
Ver “Diagnósticos do
barramento CAN” (seção
240, grupo 15).
AT70794,000037D -54-19OCT11-6/18

•5 Entrada no Modo de
Calibração da SSU
Vá para o endereço SSU 28 para executar o procedimento de calibração.

O monitor deve indicar:

Network (Rede): Veículo


OK: VÁ PARA 6

NÃO OK: Verifique a
potência, o solo e os
Endereço: 028
circuitos do barramento
Address Type (Tipo de Endereço): Interativo
CAN para a SSU.
CAL Ver “Diagnósticos do
barramento CAN” (seção
240, grupo 15).
AT70794,000037D -54-19OCT11-7/18

•6 Estabelecimento da
Posição do Sensor da
Direção Totalmente
Pressione o botão Entrar no monitor para iniciar o procedimento de calibração (CAL).

à Esquerda

O monitor deve indicar:


Network (Rede): Veículo
Endereço: 028
Address Type (Tipo de Endereço): Interativo
S - L

Gire o volante no sentido anti-horário até atingir o batente esquerdo da direção.


Enquanto segura o volante de encontro ao batente esquerdo da direção, pressione
o botão de calibração (triângulo) para armazenar as informações de posicionamento
do batente esquerdo da direção.
O monitor deve indicar:
OK: VÁ PARA 7

NÃO OK: Se as rodas não
se moverem, VÁ PARA
Diagnósticos do Sistema de
Direção (Seção 280, Grupo
15).
Network (Rede): Veículo NÃO OK: Se GreenStar
Endereço:
Address Type (Tipo de Endereço):
028
Interativo
S - R
exibir “Err,” VÁ PARA 9

Continua na próxima página AT70794,000037D -54-19OCT11-8/18

TM802454 (01SEP15) 240-10B-17 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=179
Procedimentos de calibração

•7 Estabelecimento da
Posição do Sensor da
Direção Totalmente
Gire o volante no sentido horário até atingir o batente direito da direção.

à Direita

Enquanto segura o volante de encontro ao batente da direção, pressione o botão de


calibração (triângulo) para armazenar o posicionamento do batente direito da direção.
O monitor deve indicar:

Network (Rede): Veículo


OK: VÁ PARA 8

NÃO OK: Se GreenStar
Endereço:
Address Type (Tipo de Endereço):
028
Interativo
P - L

exibir “Err,” VÁ PARA 9.

Continua na próxima página AT70794,000037D -54-19OCT11-9/18

TM802454 (01SEP15) 240-10B-18 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=180
Procedimentos de calibração

•8 Localização das Zonas NOTA: É necessário pressionar e manter pressionado o interruptor de retorno durante
Mortas da Válvula toda a etapa. Soltar o interruptor de reinício ou virar o volante fará com que
a válvula da direção se feche e o processo de calibração termine.

Pressione e mantenha pressionado o interruptor de retorno para iniciar o processo


de calibração da zona morta da válvula. O pulverizador esterçará automaticamente
usando a válvula eletro-hidráulica da direção neste passo da calibração.
Ao pressionar e segurar o interruptor de reinício, o Pulverizador começará a virar para
a esquerda. O movimento de direção começará e diminuirá duas vezes. Os comandos
da válvula serão exibidos assim que a zona morta da válvula for encontrada.
Depois de encontrar a zona morta esquerda, o pulverizador irá girar até o batente
esquerdo da direção.
O monitor deve indicar:
Network (Rede): Veículo
Endereço: 028
Address Type (Tipo de Endereço): Interativo
P - R

Depois de alcançar o batente esquerdo da direção, o pulverizador começará a girar


para a direita através da válvula eletro-hidráulica da direção. O movimento de direção
começará e diminuirá duas vezes. Os comandos da válvula serão exibidos assim que
a zona morta da válvula for encontrada.
Após encontrar a zona morta direita da válvula, o controlador começará a centralizar a
direção do Pulverizador.
Network (Rede): Veículo
Endereço: 028
Address Type (Tipo de Endereço): Interativo
P - C

Continue segurando o interruptor de reinício. Após a centralização da direção do OK: A calibração foi
Pulverizador, o monitor deve exibir: concluída com sucesso
e os dados da calibração
foram armazenados no
controlador da direção. As
zonas mortas da válvula
são exibidas no endereço
de diagnóstico 29. Para
retornar à operação normal,
saia do endereço de
diagnóstico e DESLIGUE a
chave de ignição.
Network (Rede): Veículo NÃO OK: Se não houver
Endereço: 028 movimento da direção por
vários segundos, vá para
Address Type (Tipo de Endereço): Interativo
o endereço de diagnóstico
EOC 30 para verificar a válvula
e para o endereço de
diagnóstico 61 para verificar
o interruptor de reinício. O
dígito do meio deve exibir
“1” quando se pressione o
interruptor de retorno.
Solte o interruptor de retorno. NÃO OK: Se GreenStar

Continua na próxima página



exibir “Err,” VÁ PARA 9.
AT70794,000037D -54-19OCT11-10/18

TM802454 (01SEP15) 240-10B-19 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=181
Procedimentos de calibração

•9 Erro calibração Aparece “Err:___” durante a calibração? OK: Calibração concluída.

NÃO OK: O mostrador


exibe “Err: Velocidade” VÁ


PARA 10
NÃO OK: O mostrador
exibe “Err: Óleo” VÁ PARA


11
NÃO OK: O mostrador
exibe “Err: Assento” VÁ


PARA 12
NÃO OK: O mostrador
exibe “Err: Sem monitor”


VÁ PARA 13
NÃO OK: O mostrador
exibe “Err: Direção” VÁ


PARA 14
NÃO OK: O mostrador
exibe “Err: Retomada” VÁ


PARA 15
NÃO OK: O mostrador
exibe “Err: Falha” VÁ PARA


16
AT70794,000037D -54-19OCT11-11/18

•10 Erro: Rotação A rotação da roda do Pulverizador era maior do que 5 km/h (3 mph) durante a
calibração. Entre no endereço de diagnóstico 17 e verifique se o valor exibido para
a rotação da roda está correto.
OK: VÁ PARA 1

NÃO OK: Corrigir o

problema, VÁ PARA 1.

AT70794,000037D -54-19OCT11-12/18

•11 Erro: Óleo A temperatura do óleo hidráulico está muito baixa. Entre no endereço de diagnóstico
24 e aguarde até que o valor exibido seja maior que 20 °C. OK: VÁ PARA 1

NÃO OK: Corrigir o

problema, VÁ PARA 1.

AT70794,000037D -54-19OCT11-13/18

•12 Erro: Assento O operador ficou fora do assento por mais de dois segundos durante a calibração.
Entre no endereço de diagnóstico 63 e verifique se o primeiro dígito exibido é “1” com
o operador no assento.
OK: VÁ PARA 1

NÃO OK: Corrigir o

Continua na próxima página


problema, VÁ PARA 1.

AT70794,000037D -54-19OCT11-14/18

TM802454 (01SEP15) 240-10B-20 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=182
Procedimentos de calibração

•13 Erro: Sem Movimento A válvula não conseguiu mover as rodas em algum momento durante a parte
automática da calibração. Verifique se a resistência da direção está minimizada e se a OK: VÁ PARA 1
válvula está funcionando adequadamente, no endereço de diagnóstico 30. •
NÃO OK: Corrigir o

problema, VÁ PARA 1.

AT70794,000037D -54-19OCT11-15/18

•14 Erro: Direção O operador virou o volante para ter controle da direção para parar a calibração.
Para verificar se o SID está funcionando adequadamente, entre nos endereços de
diagnóstico 7 e 8.
OK: VÁ PARA 1

NÃO OK: Corrigir o

problema, VÁ PARA 1.

AT70794,000037D -54-19OCT11-16/18

•15 Erro: Reiniciar O operador soltou o interruptor de reinício durante a parte automática da calibração.
Entre no endereço de diagnóstico 61 e verifique se o segundo dígito exibido é “1” com
o botão de reinício pressionado.
OK: VÁ PARA 1

NÃO OK: Corrigir o

problema, VÁ PARA 1.

AT70794,000037D -54-19OCT11-17/18

•16 Erro: Defeito Foi criado um Código de Diagnóstico de Problemas (DTC) durante a calibração.
OK: VÁ PARA 1

Vá para o endereço de diagnóstico 1. Registre os DTCs que estão armazenados. NÃO OK: VÁ PARA
o procedimento de
diagnóstico adequado na
Seção 211.

AT70794,000037D -54-19OCT11-18/18

TM802454 (01SEP15) 240-10B-21 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=183
Procedimentos de calibração

Ajuste do Endereço da SSU do AutoTrac do sensibilidade do rumo (agressividade) que o AutoTrac


GreenStar usa para corrigir a si mesmo durante percursos na linha
da pista. O endereço 38 da SSU é acessível no modo
Endereço 31 da SSU — Direção do Rumo do AutoTrac do técnico. As alterações devem ser observáveis pelo
operador.
AutoTrac™SSU usa ganhos ajustáveis para a fase do
Rumo do AutoTrac. O endereço 31 da SSU exibe a NOTA: Ajuste esse endereço apenas para reclamações
direção da fase do rumo. Ajuste se houver problemas de de curvas “S” de alta frequência ou se aconselhado
desempenho como muito movimento de roda ou precisão pelo suporte de fábrica da John Deere.
insuficiente.
Valor Comentários
Valor Comentário
100 Padrão
Maior do que 100 Direção da fase do rumo Volte para o valor padrão se as
Menor do que 100 Atraso de fase do rumo alterações não melhorarem o
desempenho do sistema.
50 a 200 Faixa
Valores inferiores O AutoTrac corrige o rumo a uma
200 Padrão taxa mais lenta.
Valores mais altos O AutoTrac corrige o rumo a uma
Endereço 37 da SSU — Sensibilidade de taxa mais alta.
Rastreamento do AutoTrac 50 a 200 Faixa
O endereço 37 da SSU exibe a sensibilidade da direção
(agressividade) com que o AutoTrac se corrige na linha. Endereço 48 da SSU — Fator de Escala do Circuito
Valores mais baixos fazem com que o AutoTrac se corrija Interno do Sensor de Ângulo da Roda
a uma taxa menor e esta pode não ser perceptível ao
O endereço 48 da SSU é acessível no modo do técnico.
operador. Valores mais altos fazem com que o AutoTrac
se corrija a uma taxa muito mais rápida que deve ser NOTA: Ajuste esse endereço apenas se aconselhado
observável ao operador. pelo suporte de fábrica da John Deere para
Valor Comentários reclamações de movimentação da roda.
Valores inferiores Menos sensibilidade (menor Porcentagem Comentários
agressividade) da direção.
100% Padrão
Valores mais altos Mais sensibilidade (maior
agressividade) da direção. Percentual mais baixo Resultados em direções mais
morosas
50 a 200 Faixa
Percentual mais alto Resultados em direção menos
morosa (mais agressiva).
Endereço 38 da SSU — Sensibilidade do
50 a 200% Faixa
Rumo do AutoTrac
A SSU usa ganhos ajustáveis para a Sensibilidade do
Rumo do AutoTrac. O Endereço 38 da SSU exibe a
AutoTrac é uma marca registrada da Deere & Company
AT70794,000037E -54-15SEP11-1/1

TM802454 (01SEP15) 240-10B-22 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=184
Grupo 10D
Códigos de diagnóstico
Códigos de Diagnóstico de Falhas da ACU
A aplicação da Unidade de Controle do Apoio de Braço
localiza-se na caixa do controlador da CCU-SRC.
Nome Descrição Número de Parâmetro Indicador do Modo de Falha
Suspeito (SPN) (FMI)
ACU Alta Tensão da Posição do A Tensão do Sensor do 91 3
Acelerador Acelerador está Alta.
ACU Baixa Tensão da Posição A Tensão do Sensor do 91 4
do Acelerador Acelerador está Baixa.
ACU Conflito dos Dados de Parte dos dados VIN 237 2
Segurança VIN não bate com outros
controladores na rede VIN.
ACU A Segurança do VIN está A Segurança do VIN está 237 14
Desabilitada Desabilitada
ACU Sem Mensagens de Mensagens VIN ausentes 237 31
Segurança VIN ou outros controladores na
rede não executaram no
tempo requerido.
ACU Falha de Dados EOL ACU Erro de Soma de 628 2
Verificação de Dados EOL
ACU Programação ACU Controlador está em Bloco 628 12
de Inicialização.
ACU Falha Unidade de Controle Tempo de inspeção 629 12
ACU esgotado.
ACU Falha Calibração Uma das velocidades 630 2
ACU/Dados Inválidos definidas não é válida.
ACU Falha Calibração ACU/Não Configuração dos 630 13
Calibrada controladores não calibrada
ACU Estouro de Mensagens Estouro do Buffer de 639 12
CAN da ACU Mensagens do SO do CAN
ACU Limite de Erro da CAN da Circuito aberto, em curto 639 14
ACU Ultrapassado com a tensão alta, em curto
com o terra, muito tráfego
no Barramento.
ACU Sem Mensagem da ECU Nenhuma mensagem 2000 9
do CAN foi recebida do
endereço 0 de origem
dentro do período de
intervalo.

AT70794,000038A -54-15SEP11-1/1

TM802454 (01SEP15) 240-10D-1 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=185
Códigos de diagnóstico

Códigos de Diagnóstico de Falhas do BHC


Controlador Descrição Condições SPN FMI
BHC Tensão de Alimentação Não Permanente A Tensão Não Permanente é superior a 15,7 V 158 0
Alta
BHC Tensão de Alimentação Não Permanente A Tensão Variável é inferior a 11,2 V com o motor 158 1
Baixa desligado, ou inferior a 12,5 V com o motor ligado.
BHC Conflito dos Dados de Segurança VIN Parte dos dados VIN não bate com outros 237 2
controladores na rede VIN.
BHC A Segurança do VIN está Desabilitada A Segurança VIN está Desabilitada. 237 14
BHC Sem Mensagens de Segurança VIN Mensagens VIN ausentes ou outros controladores 237 31
na rede não executaram no tempo requerido.
BHC Programação Controlador em Bloco de Inicialização. 628 12
BHC Falha da Unidade de Controle Falha do Controlador: Reiniciar Tempo de 629 12
Inspeção.
BHC Falha na Calibração/Dados Inválidos Erro de Memória na Calibração detectado na 630 2
inicialização.
BHC Erro da CAN - Limite Ultrapassado Circuito aberto, em curto com a tensão alta, em 639 14
curto com o terra, muito tráfego no Barramento.
BHC Limite de Erro do Barramento CAN 2 O Barramento CAN nº. 2 está Offline. Ocorreu 1231 14
Ultrapassado uma condição de desconexão do barramento.
BHC PVT Ausente PVT Ausente 2065 14
BHC Sem Mensagem da ECU Nenhuma mensagem do CAN recebida da CCU 2071 9
dentro do tempo limite ou os dados de Seleção da
Barra/Interruptor do Piso são inválidos.
BHC Sensor do BHC Ausente Sensor sem leitura ou ausente. 2170 9
BHC A Tensão no Sensor de Altura da Estrutura A falha ocorre quando a leitura de tensão está 522316 03
Central da Barra de Pulverização está Acima acima de 4,90 V.
do Normal.
BHC A Tensão no Sensor de Altura da Estrutura A falha ocorre quando a leitura de tensão está 522316 04
Central da Barra de Pulverização está abaixo de 0,10 V.
Abaixo do Normal.
BHC O Sensor de Altura da Estrutura Central da Isso pode ocorrer se o sensor nunca foi calibrado 522316 13
Barra de Pulverização está Descalibrado. ou se a calibração está incorreta nos valores para
barra de pulverização dobrada ou estendida fora
das faixas de operação válidas.
BHC Calibração Interna Direita Necessita de Nova Calibração 522372 13
BHC Calibração Externa Direita Necessita de Nova Calibração 522377 13
BHC Calibração Interna Esquerda Necessita de Nova Calibração 522378 13
BHC Calibração Externa Esquerda Necessita de Nova Calibração 522380 13
BHC Sensor da Válvula Polarizada A Corrente da Válvula Polarizada está Alta 523461 3
BHC Sensor da Válvula Polarizada A Corrente da Válvula Polarizada está Baixa 523461 4
BHC Sensor de Rotação Não Calibrado O sensor de rotação da barra não está calibrado. 523461 13
BHC Corrente Baixa da Bobina Esquerda da A Corrente da Bobina Esquerda da Válvula 523463 5
Válvula Polarizada Polarizada está abaixo do normal ou o circuito
está aberto.
BHC Corrente Alta da Bobina Esquerda da A Corrente da Bobina Esquerda da Válvula 523463 6
Válvula Polarizada Polarizada está acima do normal ou o circuito está
em curto.
BHC Corrente Baixa da Bobina Direita da Válvula A Corrente da Bobina Direita da Válvula Polarizada 523464 5
Polarizada está abaixo do normal ou o circuito está aberto.
BHC Corrente Alta da Bobina Direita da Válvula A Corrente da Bobina Direita da Válvula Polarizada 523464 6
Polarizada está acima do normal ou o circuito está em curto.
BHC Corrente Baixa da Bobina de Descida da A Corrente da Bobina de Descida da Estrutura 523477 05
Estrutura Central Central está abaixo do normal ou o circuito está
aberto.
BHC Corrente Alta da Bobina de Descida da A Corrente da Bobina de Descida da Estrutura 523477 06
Estrutura Central Central está acima do normal ou o circuito está
em curto.
BHC Corrente Baixa da Bobina de Subida da A Corrente da Bobina de Subida da Estrutura 523478 05
Estrutura Central Central está abaixo do normal ou o circuito está
aberto.
Continua na próxima página AT70794,000038C -54-15SEP11-1/2

TM802454 (01SEP15) 240-10D-2 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=186
Códigos de diagnóstico

BHC Corrente Alta da Bobina de Subida da A Corrente da Bobina de Subida da Estrutura 523478 06
Estrutura Central Central está acima do normal ou o circuito está
em curto.
BHC Corrente da Bobina de Descida de Inclinação Corrente da Bobina de Descida de Inclinação 523479 05
para Baixo da Barra Esquerda da Barra Esquerda abaixo do normal ou circuito
aberto.
BHC Corrente Alta da Bobina de Subida da Corrente Alta da Bobina de Subida da inclinação 523479 06
Inclinação para Baixo da Barra Esquerda para Baixo da Barra Esquerda acima do normal ou
curto circuito.
BHC Corrente Baixa da Bobina de Inclinação para Corrente da Bobina de Inclinação para Baixo da 523480 05
Baixo da Barra Direita Barra Direita abaixo do normal ou circuito aberto.
BHC Corrente Alta da Bobina de Subida da Corrente da Bobina de Subida da Inclinação para 523480 06
Inclinação para Baixo da Barra Direita Baixo da Barra Direita acima do normal ou curto
circuito.
BHC Corrente Baixa da Bobina de Inclinação para Corrente da Bobina de Inclinação para Cima da 523481 05
Cima da Barra Esquerda Barra Esquerda abaixo do normal ou circuito
aberto.
BHC Corrente Alta da Bobina de Subida da Corrente da Bobina de Subida da Inclinação para 523481 06
Inclinação para Cima da Barra Esquerda Cima da Barra Esquerda acima do normal ou curto
circuito.
BHC Corrente Baixa da Bobina de Inclinação para Corrente da Bobina de Inclinação para Cima da 523482 05
Cima da Barra Direita Barra Direita abaixo do normal ou circuito aberto.
BHC Corrente Alta da Bobina de Subida da Corrente da Bobina de Subida da Inclinação para 523482 06
Inclinação para Cima da Barra Direita Cima da Barra Direita acima do normal ou curto
circuito.
AT70794,000038C -54-15SEP11-2/2

TM802454 (01SEP15) 240-10D-3 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=187
Códigos de diagnóstico

Códigos de Diagnóstico de Falhas da CCU


A aplicação da Unidade de Controle do Chassi localiza-se
na caixa do controlador da CCU-SRC.
Nome Descrição Número do SPN FMI
Falha no Interruptor do Freio de O Interruptor do Freio de Estacionamento está LIGADO e a
CCU Estacionamento velocidade da roda foi detectada. 70 2
O Sensor de Nível de Combustível indica menos de 10% do
CCU Nível de Combustível Baixo combustível restante. 96 1
Circuito Aberto do Sensor de
CCU Combustível Erro no Sensor de Combustível - Circuito Aberto. 96 5
Circuito do Sensor de Combustível
CCU Fechado Erro no Sensor de Combustível - Circuito em Curto/Aterrado. 96 6
Alta Tensão da Alimentação Não
CCU Permanente da CCU-SRC A Tensão Não Permanente está acima de 15,7 V. 158 0
Baixa Tensão da Alimentação Não A Tensão Variável é inferior a 11,2 V com o motor desligado,
CCU Permanente da CCU-SRC ou inferior a 12,5 V com o motor ligado. 158 1
Dados VIN Não Coincidem com Parte dos dados VIN não bate com outros controladores na
CCU Outros Controladores rede VIN. 237 2
A Segurança do VIN está
CCU Desabilitada A Segurança do VIN está Desabilitada. 237 14
Mensagens VIN ausentes ou outros controladores na rede não
CCU Sem Mensagens do VIN executaram no tempo requerido. 237 31
CCU Programação da CCU Controlador em Bloco de Inicialização. 628 12
Foi ultrapassado o Tempo Limite de Inspeção. Ocorreu uma
condição que levou o controlador a executar um tempo limite
CCU Falha da Unidade de Controle CCU de inspeção. 629 12
Falha na Calibração/Dados Inválidos
CCU na CCU Erro de Memória na Calibração detectado na inicialização. 630 2
Estouro de Mensagem do CAN 1 da Barramento CAN nº. 1 está offline. Ocorreu uma condição de
CCU CCU desconexão do barramento. 639 14
Estouro de Mensagem do CAN 2 da O Barramento CAN nº. 2 está offline. Ocorreu uma condição
CCU CCU de desconexão do barramento. 1231 14
Falha no Interruptor do Assento do
CCU Operador Erro no interruptor do assento do operador. 1504 2
Frequência Inválida do Sensor
de Velocidade da Roda Frontal Frequência irregular ou incorreta do Sensor de Velocidade da
CCU Esquerda Roda Dianteira Esquerda. 1592 2
A mensagem do CAN de Rotação do Motor não foi recebida
CCU Sem Mensagem da ECU através da mensagem do CAN do controlador do motor. 2000 9
A mensagem do CAN da Alavanca Hidrostática não foi recebida
Mensagem da Alavanca de Controle através da mensagem do CAN do controlador da alavanca
CCU Multifuncional Ausente hidrostática. 2246 9
CCU Operador Fora do Assento Operador não está no assento com a transmissão em neutro. 524279 31

AT70794,000038D -54-15SEP11-1/1

TM802454 (01SEP15) 240-10D-4 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=188
Códigos de diagnóstico

Códigos de Diagnóstico de Falhas ECU


Descrição do Manual Técnico Descrição do Código de Engenharia Número do SPN FMI
O Comando do CAN do Acelerador
do Motor não está sendo recebido ou A mensagem do CAN com as informações do acelerador não
ECU está atrasado está sendo recebida ou está atrasada. 91 9
Alta Tensão do Sinal de Água no A tensão no sensor de água no combustível está acima da
ECU Combustível faixa normal do sensor 97 3
Tensão Baixa do Sinal de Água no A tensão no sensor de água no combustível está abaixo da
ECU Combustível faixa normal do sensor 97 4
ECU Detectada Água no Combustível Água detectada no sensor 97 16
Pressão do Óleo do Motor
ECU Extremamente Baixa Baixa Pressão do Óleo - Nível Mais Grave 100 1
Tensão de Entrada de Pressão do
ECU Óleo do Motor Alta Tensão da Pressão do Óleo Fora da Faixa Alta 100 3
Tensão de Entrada da Pressão do
ECU Óleo do Motor Baixa Tensão da Pressão do Óleo Fora da Faixa Baixa 100 4
ECU Pressão do Óleo do Motor Baixa Baixa Pressão do Óleo - Nível Moderadamente Grave 100 18
Pressão de Óleo Detectada com o
ECU Motor Parado Pressão de Óleo Detectada com o Motor Parado 100 31
Divergência de Medição ou
Modelo de Pressão do Auxílio do
ECU Turbocompressor Divergência de Medição do Modelo de Pressão Auxiliar 102 02
Tensão de Pressão de Auxílio do
ECU Turbocompressor Fora da Faixa Alta Tensão da Pressão Auxiliar Fora da Faixa Alta 102 03
Sensor de pressão do ar do coletor
ECU fora da faixa baixa. Tensão da Pressão Auxiliar Fora da Faixa Baixa 102 04
Rotação do Turbocompressor Muito
ECU Alta Alta Velocidade do Turbo — Nível Mais Grave 103 00
A rotação calculada do turbo não
ECU coincide com a rotação medida. Dados Veloc. Turbo Incorretos 103 02
Circuito aberto detectado no sinal de Diagnósticos de Rotação do Turbo. Circuito aberto detectado
ECU velocidade do turbo. no sinal de velocidade do turbo. 103 05
Curto com o terra detectado no sinal Diagnósticos de Rotação do Turbo. Curto com o terra detectado
ECU de rotação do turbocompressor. no sinal de rotação do turbo. 103 06
Dados Incorretos de Rotação do
ECU Turbocompressor Dados Veloc. Turbo Incorretos 103 08
Velocidade do Turbocompressor
ECU Ausente Velocidade do Turbocompressor Ausente 103 31
ECU Temperatura do Ar do Coletor Alta Temperatura Alta do Ar do Coletor — Nível Mais Grave 105 00
Alta Tensão de Entrada da A tensão no sensor de temperatura de ar do coletor está acima
ECU Temperatura do Ar do Coletor da faixa normal do sensor 105 3
Baixa Tensão de Entrada da A tensão no sensor de temperatura do ar do coletor está abaixo
ECU Temperatura do Ar do Coletor da faixa normal do sensor. 105 4
ECU Temperatura do Ar do Coletor Alta Temperatura Alta do Ar do Coletor - Nível Menos Grave 105 15
A temperatura do ar do coletor está acima de 88 °C, o sistema
Temperatura do Ar do Tubo de arrefecimento está com desempenho baixo ou defeituoso.
ECU Moderadamente Alta Ocorre a >88 °C a 2%/min 105 16
ECU Obstrução no Filtro de Ar Alta O Filtro de Ar do Motor está Obstruído 107 0
O sensor está na faixa, mas baseado incorretamente nos
ECU Pressão Barométrica Inválida cálculos da Pressão do Escape e MAP. 108 02
Temperatura do Líquido
de Arrefecimento do Motor A temperatura do líquido de arrefecimento está acima de 115
ECU Extremamente Alta °C (limiar mais alto) 110 0
Alta Tensão de Entrada da
Temperatura do Refrigerante do A tensão do sensor de temperatura do líquido de arrefecimento
ECU Motor está acima da faixa normal do sensor. 110 3
Baixa Tensão de Entrada da
Temperatura do Líquido de A tensão no sensor de temperatura do líquido de arrefecimento
ECU Arrefecimento do Motor está abaixo da faixa normal do sensor. 110 4

Continua na próxima página AT70794,000038E -54-15SEP11-1/6

TM802454 (01SEP15) 240-10D-5 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=189
Códigos de diagnóstico

Descrição do Manual Técnico Descrição do Código de Engenharia Número do SPN FMI


Temperatura Alta do Líquido de
Arrefecimento do Motor, Nível Menos A temperatura do líquido de arrefecimento está acima de 110
ECU Grave °C (limiar mais baixo) 110 15
Temperatura Moderadamente Alta do A temperatura do líquido de arrefecimento está acima de 112
ECU Refrigerante do Motor °C (limiar intermediário) 110 16
Baixa Temperatura do Líquido de A temperatura do motor não elevou dentro da faixa de operação
ECU Arrefecimento normal sob as condições de operação. 110 17
ECU Reinício inesperado Reinício inesperado Reprogramação do Controlador. 152 12
ECU Reinício inesperado Reinício inesperado Reprogramação do Controlador. 152 14
ECU Reinício inesperado Reinício inesperado Reprogramação do Controlador. 152 16
Tensão de Pressão da Linha Fora da
ECU Faixa Alta Tensão de Pressão da Linha Fora da Faixa Alta 157 03
Tensão de Pressão da Linha Fora da
ECU Faixa Baixa Tensão de Pressão da Linha Fora da Faixa Baixa 157 04
Quando o motor está em funcionamento e a bomba de alta
Pressão do Trilho Cai Muito pressão está desligada, a pressão do trilho de combustível
ECU Rapidamente cai muito rapidamente. 157 10
A Pressão do Trilho Não Desenvolve Durante a partida, o motor não consegue desenvolver um ponto
ECU Durante a Partida de ajuste de pressão do trilho de partida. 157 17
Erro no Desligamento Energia da A tensão interna da ECU não se desligou após o sinal de
ECU ECU bateria não permanente quando baixo. 158 17
ECU Temperatura Alta do Combustível Temperatura Alta do Combustível — Nível Mais Grave 174 00
Alta tensão da entrada da pressão A tensão no sensor de temperatura do combustível está acima
ECU de combustível da faixa normal do sensor 174 3
Tensão Baixa de Entrada de A tensão no sensor de temperatura do combustível está abaixo
ECU Temperatura do Combustível da faixa normal do sensor 174 4
Temperatura Alta do Combustível –
ECU Moderadamente Grave A temperatura do combustível está acima de 68 °C 174 16
Uma condição está causando a
ECU redução de potência do motor. Uma condição está causando a redução de potência do motor. 189 00
Extremo Excesso de Rotação do Detectado excesso de rotação do motor. Rotação do motor
ECU Motor acima de 3000 rpm foi detectada. 190 0
Temperatura Alta da EGR - Nível Cargas altas com arrefecimento da EGR insuficiente. Ocorre
ECU Mais Grave a 290 °C. 412 00
Tensão da Temperatura da EGR Fora
ECU da Faixa Alta Circuito aberto no chicote do sinal ou do terra. 412 03
Tensão da Temperatura da EGR Fora
ECU da Faixa Baixa Sinal do sensor de temperatura da EGR em curto no terra. 412 04
Temperatura Alta da EGR - Nível Cargas altas com arrefecimento da EGR insuficiente. Ocorre
ECU Moderadamente Grave a 280 °C. 412 16
Fiação do Injetor em Curto com a O circuito de acionamento do injetor detectou um curto com a
ECU Fonte de Alimentação bateria nas linhas do injetor. 611 3
Fiação do Injetor em Curto com o O circuito de acionamento do injetor detectou um curto com o
ECU Terra aterramento nas linhas do injetor. 611 4
Tensão de Alimentação do Sensor
ECU Acima do Limite Superior Consulte o DTC 3510.03 620 3
Tensão de Alimentação do Sensor
ECU Abaixo do Limite Inferior Consulte o DTC 3510.04 620 4
Todas as correntes do injetor estão fora da especificação por
Problema na Tensão de Alimentação vários motivos. A corrente de atração inicial é muito baixa ou a
ECU do Injetor corrente de conservação está incorreta. 627 1
Dispositivo ou Componente Ciclo de gravação da EEPROM interrompido devido à
ECU Inteligente com Problema alimentação permanente durante o desligamento. 629 12
A ECU está bloqueada no bloco de reprogramação devido à
reinicialização ou falha de programação. Solte os conectores
da unidade de controle afetada. Espere 30 segundos. Acople
os conectores novamente. Reprograme o controlador com o
ECU Falha de ECU software mais recente. 629 13
Ruído na Entrada do Sensor de Ruído é detectado no sensor de posição do motor na bomba
ECU Posição da Bomba de alta pressão. 636 2

Continua na próxima página AT70794,000038E -54-15SEP11-2/6

TM802454 (01SEP15) 240-10D-6 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=190
Códigos de diagnóstico

Descrição do Manual Técnico Descrição do Código de Engenharia Número do SPN FMI


Entrada do Sensor de Posição da O sinal do sensor de posição do motor na bomba de alta
ECU Bomba Ausente pressão está ausente. 636 8
O sinal do sensor de posição do motor na bomba de alta
pressão não exibe o padrão de pulso adequado.
Um sinal de pulso inadequado pode ser causado por fiação
Erro no Padrão de Entrada da incorreta, defeito do sensor de posição ou uma roda fônica
ECU Posição da Bomba frouxa. 636 10
Ruído de Entrada da Posição da Ruído é detectado no sensor de posição do motor no
ECU Manivela virabrequim. 637 2
Corrente do Sensor de Distribuição Corrente do Sensor de Distribuição Abaixo do Normal ou
ECU Abaixo do Normal ou Circuito Aberto Circuito Aberto 637 5
Corrente do Sensor de Distribuição
Acima do Normal ou Circuito Corrente do Sensor de Distribuição Acima do Normal ou
ECU Aterrado. Circuito Aterrado. 637 6
Sincronização da ECU/Bomba O relacionamento entre os dois sinais de posição do motor
ECU Moderadamente Fora de Sincronia não está correto. 637 7
Ausência da entrada da posição da O sinal do sensor de posição do motor na bomba de alta
ECU manivela pressão está ausente. 637 8
Erro no Padrão de Entrada da O sinal do sensor de posição do motor na bomba de alta
ECU Posição da Manivela pressão não exibe o padrão de pulso adequado 637 10
O Atuador do VGT foi desabilitado depois de várias tentativas
ECU Atuador do VGT Desativado para ligação ou aprendizagem. 641 04
Corrente do Atuador do VGT Abaixo Corrente do Atuador do VGT Abaixo do Normal ou Circuito
ECU do Normal ou Circuito Aberto Aberto 641 05
Perda de comunicação entre o Dispositivo ou Componente Inteligente do Atuador do VGT com
ECU Controlador da ECU e do VGT Defeito 641 12
Os valores anteriores lidos não estão claros na ECU depois
ECU Erro de Aprendizagem do VGT da alteração da válvula. 641 13
Temperatura Alta do VGT — Nível Temperatura alta do atuador do VGT devido à vazão de ar
ECU Moderadamente Grave obstruído ou excessiva na EGR. 641 16
O número de peça do injetor inserido na unidade de controle
ECU Número de Peça do Injetor 1 Inválido do motor não é válido. 651 2
Circuito do Injetor Eletrônico do
ECU Cilindro nº 1 Aberto A corrente no injetor do cilindro Nº 1 é menor que a esperada 651 5
Circuito em Curto no Injetor A corrente para o injetor no cilindro nº. 1 aumenta muito
ECU Eletrônico do Cilindro 1 rapidamente 651 6
Falha Mecânica no Injetor Eletrônico O fluxo de combustível do injetor no Cilindro nº 1 está abaixo
ECU do Cilindro No. 1 do esperado 651 7
Erro de sequência de Código do O número de peça do injetor está correto, mas os dados do
ECU Injetor 1 injetor não são os esperados. 651 13
O número de peça do injetor inserido na unidade de controle
ECU Número de Peça do Injetor 2 Inválido do motor não é válido. 652 2
Circuito Aberto no Injetor Eletrônico
ECU do Cilindro 2 A corrente no injetor do cilindro Nº 2 é menor que a esperada 652 5
Circuito do Injetor Eletrônico do
ECU Cilindro nº 2 em Curto A corrente para o injetor no cilindro nº2 aumenta muito rápido 652 6
Falha Mecânica no Injetor Eletrônico O fluxo de combustível do injetor no Cilindro nº 2 está abaixo
ECU do Cilindro 2 do esperado 652 7
Erro de sequência de Código do O número de peça do injetor está correto, mas os dados do
ECU Injetor 2 injetor não são os esperados. 652 13
O número de peça do injetor inserido na unidade de controle
ECU Número de Peça do Injetor 3 Inválido do motor não é válido. 653 2
Circuito Aberto no Injetor Eletrônico
ECU do Cilindro 3 A corrente no injetor do cilindro Nº 3 é menor que a esperada 653 5
Circuito em Curto no Injetor A corrente para o injetor no cilindro nº. 3 aumenta muito
ECU Eletrônico do Cilindro 3 rapidamente 653 6
Falha Mecânica no Injetor Eletrônico
ECU do Cilindro 3 Vazão de combustível para injetor #3 abaixo da prevista. 653 7
Erro de sequência de Código do O número de peça do injetor está correto, mas os dados do
ECU Injetor 3 injetor não são os esperados. 653 13
O número de peça do injetor inserido na unidade de controle
ECU Número de Peça do Injetor 4 Inválido do motor não é válido. 654 2
Continua na próxima página AT70794,000038E -54-15SEP11-3/6

TM802454 (01SEP15) 240-10D-7 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=191
Códigos de diagnóstico

Descrição do Manual Técnico Descrição do Código de Engenharia Número do SPN FMI


Circuito Aberto no Injetor Eletrônico
ECU do Cilindro 4 A corrente no injetor do cilindro Nº 4 é menor que a esperada 654 5
Circuito Aberto no Injetor Eletrônico A corrente para o injetor no cilindro nº. 4 aumenta muito
ECU do Cilindro 4 rapidamente 654 6
Falha Mecânica no Injetor Eletrônico
ECU do Cilindro 4 Vazão de combustível para Cilindro nº4 abaixo da prevista. 654 7
Erro de sequência de Código do O número de peça do injetor está correto, mas os dados do
ECU Injetor 4 injetor não são os esperados. 654 13
O número de peça do injetor inserido na unidade de controle
ECU Número de Peça do Injetor 5 Inválido do motor não é válido. 655 2
Circuito Aberto no Injetor Eletrônico
ECU do Cilindro 5 A corrente no injetor do cilindro Nº 5 é menor que a esperada 655 5
Circuito do Injetor Eletrônico do A corrente para o injetor no cilindro nº. 5 aumenta muito
ECU Cilindro nº. 5 em Curto rapidamente 655 6
Falha Mecânica no Injetor Eletrônico
ECU do Cilindro 5 Vazão de combustível para injetor #5 abaixo da prevista. 655 7
Erro de sequência de Código do O número de peça do injetor está correto, mas os dados do
ECU Injetor 5 injetor não são os esperados. 655 13
O número de peça do injetor inserido na unidade de controle
ECU Número de Peça do Injetor 6 Inválido do motor não é válido. 656 2
Circuito Aberto no Injetor Eletrônico
ECU do Cilindro 6 A corrente para o injetor no cilindro nº 6 é inferior ao esperado. 656 5
Circuito do Injetor Eletrônico do A corrente para o injetor no cilindro nº. 6 aumenta muito
ECU Cilindro nº. 5 em Curto rapidamente 656 6
Falha Mecânica no Injetor Eletrônico
ECU do Cilindro nº 6 Vazão de combustível para injetor nº6 abaixo da prevista. 656 7
Erro de sequência de Código do O número de peça do injetor está correto, mas os dados do
ECU Injetor 6 injetor não são os esperados. 656 13
Saída Alta do Relé da Vela
Aquecedora Quando o Relé Não A saída do relé da Vela Aquecedora é alta quando o relé não é
ECU Está Ativo. energizado pela ECU. 676 3
Saída Baixa do Relé da Vela
Aquecedora Quando o Relé Está A saída do relé da Vela Aquecedora é baixa quando o relé é
ECU Ativo. energizado pela ECU. 676 4
Tensão de Alimentação do Sensor A conexão de suprimento do sensor está em curto com uma
ECU Acima do Limite Superior tensão maior. 1079 3
Tensão de Alimentação do Sensor
ECU Abaixo do Limite Inferior A conexão de suprimento do sensor está em curto com o terra. 1079 4
Tensão Alta de Suprimento do Sensor A tensão de alimentação do sensor para o sensor de pressão
ECU de Pressão do Trilho de Combustível da linha está muito alta. 1080 3
Baixa Tensão do Suprimento do
Sensor da Pressão do Trilho de A tensão de alimentação do sensor para o sensor de pressão
ECU Combustível da linha está muito baixa. 1080 4
Temperatura Alta da ECU - Nível Arrefecimento inadequado da área ao redor da ECU. Ocorre
ECU Mais Grave a 135 °C. 1136 00
Temperatura Alta da ECU - Nível Arrefecimento inadequado da área ao redor da ECU. Ocorre
ECU Moderadamente Grave a 125 °C. 1136 16
Tensão do Sensor de Entrada do
ECU Compressor Fora da Faixa Baixa Sinal do sensor em curto no terra. 1172 4
Temperatura Alta na Entrada da
ECU Turbina - Nível Mais Grave Índice de ar no combustível muito alto. Ocorre a 750 °C. 1180 00
Temperatura Alta na Entrada da
Turbina - Nível Moderadamente
ECU Grave Índice de ar no combustível muito alto. Ocorre a 730 °C. 1180 16
Pressão de escape inválida. O cálculo do modelo não confere
ECU Pressão de Escape Incorreta com a indicação do sensor. 1209 2
Pressão de Escape fora da faixa alta. Circuito aberto no chicote
ECU Pressão de Escape fora da faixa alta do sinal ou do terra. 1209 3
Pressão de Escape fora da faixa
ECU baixa Sinal do sensor de Pressão do Escape em curto com o terra. 1209 4

Continua na próxima página AT70794,000038E -54-15SEP11-4/6

TM802454 (01SEP15) 240-10D-8 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=192
Códigos de diagnóstico

Descrição do Manual Técnico Descrição do Código de Engenharia Número do SPN FMI


Tensão do Sensor do Conjunto
de Pressurização da Bomba de O solenoide de pressão da linha é forçado fechado por curto
ECU Combustível Fora da Faixa Alta com a fonte de tensão. 1347 3
Erro da Válvula de Controle nº 1 da O circuito para o solenóide nº. 1 da bomba está aberto, em
ECU Bomba de Combustível curto com o aterramento ou sobrecarregado. 1347 5
Erro do Controle de Pressão da Linha Controle da pressão da galeria não consegue atingir pressão
ECU de Combustível da galeria necessária. Ela pode estar muito alto ou baixa. 1347 7
Uma das condições de redução da capacidade de combustível
ECU Redução de Combustível no motor 1569 31
Os códigos se referem ao código de autenticação flexpower,
Solicitação de Horas do Motor em que a unidade de controle da CCU/SRC solicita as horas
ECU Inválida de motor da ECU. 2005 19
Alta temperatura da saída do O resfriador de ar está tampado ou o radiador precisa ser
ECU aftercooler — nível mais grave. limpo. Ocorre a 91 °C. 2630 00
A Temperatura da Saída do
ECU Aftercooler está fora da faixa alta. Circuito aberto no chicote do sinal ou do terra. 2630 3
A Temperatura da Saída do
ECU Aftercooler está fora da faixa baixa. Sinal do sensor de temperatura em curto no terra. 2630 4
Alta temperatura da saída do O resfriador de ar está tampado ou o radiador precisa ser
ECU aftercooler — nível menos grave. limpo. Ocorre a 88 °C. 2630 15
Alta temperatura da saída do
aftercooler — nível moderadamente O resfriador de ar está tampado ou o radiador precisa ser
ECU grave. limpo. Ocorre a 89,5 °C. 2630 16
Divergência de temperatura e fluxo Incompatibilidade do modelo EGR entre a temperatura delta
ECU da EGR e/ou a pressão delta. 2659 2
Fluxo da EGR maior do que o
ECU esperado — nível menos grave. Fluxo da EGR detectado com a válvula fechada. 2659 15
Fluxo da EGR menor do que o Fluxo da EGR não detectado com a válvula aberta. Causa mais
ECU esperado — nível menos grave. provável é resfriador obstruído ou eixo da válvula quebrado. 2659 17
Alta temperatura da saída do
compressor — nível mais grave. Este Temperatura alta da saída do compressor devido à temperatura
ECU é um valor calculado. ambiente ou obstrução do resfriador interno. 2790 16
Divergência de tensão do sensor da
válvula EGR. Não é possível atingir a Não é possível atingir a posição desejada da EGR com base
ECU posição desejada da válvula EGR. na posição atual. 2791 2
Tensão da posição 1 da EGR fora da
ECU faixa alta. Circuito aberto no chicote do sinal ou do terra. 2791 3
A tensão da Posição 1 da EGR está
ECU fora da faixa baixa. Sinal do sensor em curto no terra. 2791 4
Corrente do Sensor de Posição da
EGR abaixo do normal ou circuito
ECU aberto. Chicote aberto ou problema no conector ou no chicote. 2791 5
Corrente do Sensor de Posição da
EGR acima do normal ou em curto Sensor em curto devido a um problema no conector ou no
ECU com o terra. chicote. 2791 6
O controle da Válvula EGR foi reduzida devido a uma falha
Válvula EGR não respondendo ou na leitura de uma Posição Aberta, Fechada ou Delta em 15
ECU fora do ajuste. ciclos de leitura. 2791 7
A válvula EGR tem um sinal de posição inválido. A posição da
válvula excedeu os limites de Abertura Total e Fechamento
Total. Os valores limite foram alterados significativamente em
relação aos limites aprendidos em um curto período. Uma nova
ECU Válvula EGR fora de calibração. válvula foi instalada sem afastar os batentes. 2791 13
Atuador da EGR desligado devido a
um erro do ciclo de aprendizagem
sem limites aprendidos válidos O atuador da EGR foi desligado devido a um erro do ciclo de
armazenados na unidade de controle aprendizagem sem limites aprendidos válidos armazenados
ECU do motor. na ECU. 2791 14
Os valores anteriores lidos não estão claros na ECU depois da
alteração da válvula. Obstrução para abrir ou fechar a válvula
completamente. Valores de posição que mudam em um longo
ECU Erro de posição da válvula EGR. período devido ao desgaste excessivo da válvula. 2791 31

Continua na próxima página AT70794,000038E -54-15SEP11-5/6

TM802454 (01SEP15) 240-10D-9 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=193
Códigos de diagnóstico

Descrição do Manual Técnico Descrição do Código de Engenharia Número do SPN FMI


Atuador do VGT não respondendo
ou fora de ajuste; divergência entre a
posição da aleta e posição desejada Incompatibilidade da alimentação de posição da aleta e da
ECU da aleta. posição desejada da aleta. 2795 7
Sem resposta do turbo ou erro de período de parada
de aprendizagem devido a uma faixa de aprendizagem
ECU Falha interna do Atuador do VGT. inadequada. 2795 12
Tensão de alimentação do sensor 1 A conexão de alimentação do sensor de pressão do trilho está
ECU fora da faixa alta. em curto com uma tensão maior. 3509 3
Tensão de alimentação do sensor 1 A conexão de alimentação do sensor de pressão do trilho está
ECU fora da faixa baixa. em curto com o terra. 3509 4
Tensão de alimentação do sensor 2
ECU fora da faixa alta. A alimentação de 5 V está em curto em uma tensão maior. 3510 3
Tensão de alimentação do sensor 2
ECU fora da faixa baixa. Alimentação de 5 V em curto com o terra. 3510 4
Tensão de alimentação do sensor 3 A conexão de alimentação do sensor está em curto com uma
ECU fora da faixa alta. tensão maior. 3511 3
Tensão de alimentação do sensor 3
ECU fora da faixa baixa. A conexão de alimentação do sensor está em curto com o terra. 3511 4
Tensão de alimentação do sensor 4 A conexão de alimentação do sensor está em curto com uma
ECU (não usado) fora da faixa alta. tensão maior. 3512 3
Tensão de alimentação do sensor 4
ECU (não usado) fora da faixa baixa. A conexão de alimentação do sensor está em curto com o terra. 3512 4
Tensão de alimentação do sensor 5 A conexão de alimentação do sensor está em curto com uma
ECU fora da faixa alta. tensão maior. 3513 3
Tensão de alimentação do sensor 5
ECU fora da faixa baixa. A conexão de alimentação do sensor está em curto com o terra. 3513 4
ECU Dados Inválidos da EEPROM Reprogramação do Controlador. 523438 2
AT70794,000038E -54-15SEP11-6/6

TM802454 (01SEP15) 240-10D-10 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=194
Códigos de diagnóstico

Códigos de Diagnóstico de Falhas do iTC


Controla-
dor Nome Descrição Número do SPN FMI
ITC Baixa tensão estação base RTK Tensão da estação base RTK inferior a 11 VDC. 168 18
Posição Corrigida do GPS não
ITC Disponível Não há correção diferencial. 232 2
Quando o sinal de correção é extensão RTK, surge um aviso
ITC Perda da Extensão do RTK para informar o operador quando restarem 1, 2 e 5 minutos. 232 14
ITC Interferência no Sinal do Satélite Interferência do sinal. 841 31
O Sensor de Monitoramento da
Inclinação (Direita/Esquerda) da
Colheitadeira Está Fora da Faixa O sensor de rolagem está fora da faixa normal de operação. A
ITC Normal posição não está sendo corrigida. 956 16
Calibre o TCM. Vá para a tela de configuração do TCM no
ITC TCM Não Calibrado mostrador GreenStar. 2146 13
Sensor de Temperatura do iTC Fora O sensor de temperatura está fora da faixa normal de operação.
ITC da Faixa A posição não está sendo corrigida. 2146 14
Perda do link de rádio RTK no Rover. Verifique as conexões
ITC Perda do link do rádio RTK Rover do rádio. 2854 31
Licença de Correções do GPS
ITC vencida A licença para correções do GPS expirou. 3141 31
Receptor Não Recebe na Frequência
ITC Alternada A frequência foi alterada em relação ao padrão. 3144 13
Rede de correções John Deere não está funcionando.
ITC Falha na Rede StarFire Aguardar o sinal ser novamente disponibilizado. 522552 11
ITC Posição GPS Não Disponível O receptor StarFire iTC não pega o sinal do GPS. 523274 2
Sensor de Monitoramento da
Inclinação da Colheitadeira O sensor de monitoramento da inclinação da colheitadeira não
ITC (Frontal/Traseira) Fora da Faixa responde. O percurso do veículo não está sendo corrigido. 523309 7
Sensor de Monitoramento da O sensor de monitoramento da inclinação da colheitadeira está
Inclinação da Colheitadeira fora da faixa normal de operação. O percurso do veículo não
ITC (Frontal/Traseira) Não Responde está sendo corrigido. 523309 16
ITC Falha na memória Ocorreu erro de memória do StarFire. 523310 2
ITC Tensão Não Permanente Baixa Tensão não permanente abaixo de 8 VDC. Verifique a fiação. 523319 18
ITC Sem Dimensão de Altura do StarFire Ajuste a altura na configuração do TCM. 523441 31
Sem Ajuste Avanço/Recuo do
ITC StarFire Ajuste avanço/recuo do TCM. 523442 31
Configurações não salvas desde o último desligamento.
ITC Falha no Desligamento da Energia Verifique a tensão permanente. 523572 31
Tensão Alta da Linha do CAN Alto do
ITC Veículo Tensão acima de 4 VDC. Verifique a fiação. 523773 3
Baixa Tensão da Linha do CAN Alto
ITC do Veículo Tensão da bateria inferior a 1 VDC. Verifique a fiação. 523773 4
Alta Tensão da Linha do CAN Baixo
ITC do Veículo Tensão acima de 4 VDC. Verifique a fiação. 523774 3
Baixa Tensão da Linha do CAN Baixo
ITC do Veículo Tensão da bateria inferior a 1 VDC. Verifique a fiação. 523774 4
ITC Tensão Não Chaveada Baixa Tensão permanente abaixo de 8 VDC. Verifique a fiação. 523792 18
RTK Rover muito longe da estação Indica que a distância está acima de 16,9 km (10.5 milhas)
ITC base da estação base até o rover. 524209 16
Estação Base RTK Não Usando Diferença de mais de três satélites entre os “satélites acima da
ITC Satélites Visíveis máscara de elevação” e os satélites usados. 524210 16
Pesquisa da Posição da Estação Pesquisa de Posição da Estação Base RTK em andamento
ITC Base RTK em Andamento Aguarde até a conclusão da pesquisa. 524257 14
ITC Realocação da Estação Base RTK Indica que a estação base se deslocou mais de 20 metros. 524257 16

AT70794,000038F -54-15SEP11-1/1

TM802454 (01SEP15) 240-10D-11 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=195
Códigos de diagnóstico

Códigos de Diagnósticos de Falhas do SRC


A aplicação do Controlador de Taxa de Pulverização
localiza-se na caixa do controlador da CCU-SRC.
Nome Descrição Número do SPN FMI
SRC Programação do SRC Controlador em Bloco de Inicialização. 628 12
Foi ultrapassado o Tempo Limite de Inspeção. Ocorreu uma
condição que levou o controlador a executar um tempo limite
SRC Falha da Unidade de Controle SRC de inspeção. 629 12
Falha na Calibração/Dados Inválidos
SRC de SRC Erro de Memória na Calibração detectado na inicialização. 630 2
Barramento CAN nº. 1 está offline. Ocorreu uma condição de
SRC Estouro de Mensagens CAN do SRC desconexão do barramento. 639 14
A Pressão da Bomba de Solução está Baixa, a bomba de
SRC Pressão Baixa da Bomba de Solução solução está seca. 3133 0
Pressão da Bomba de Solução Muito
SRC Alta A Pressão da Bomba de Solução está muito alta. 3133 1
A Tensão do Sensor de Pressão da Solução está Acima do
Alta Tensão do Sensor de Pressão Normal. A falha ocorre quando a leitura de tensão está acima
SRC da Solução de 4,90 V. 3133 3
A Tensão do Sensor de Pressão da Solução está Abaixo do
Baixa Tensão do Sensor de Pressão Normal. A falha ocorre quando a leitura de tensão está abaixo
SRC da Solução de 0,10 V. 3133 4
SRC Falha do Fluxômetro A frequência do fluxômetro está irregular ou incorreta. 523394 2
Alta Tensão Não Chaveada no
SRC Sensor SRC A Tensão Não Chaveada é válida, mas está acima do normal 523440 0
Baixa Tensão do Sensor Permanente A Tensão Chaveada da CCU é válida, mas está abaixo do
SRC do SRC normal. 523440 1

AT70794,0000390 -54-15SEP11-1/1

TM802454 (01SEP15) 240-10D-12 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=196
Códigos de diagnóstico

Códigos de Diagnóstico de Falhas da SSU


Códigos SSU
Controla-
dor Descrição Condições SPN FMI
Velocidade do Veículo Baseada na
SSU Roda 84 9
A SSU não recebeu do controlador do SRC a mensagem do
SSU Mensagem de Transmissão Ausente CAN de Faixa Solicitada da Transmissão. 162 9
Alta Tensão de Alimentação
SSU Permanente da SSU Tensão da bateria acima do limite superior. 168 3
Baixa Tensão de Alimentação
SSU Permanente da SSU Tensão da bateria abaixo do limite inferior. 168 4
SSU Sem Mensagens de Segurança VIN Mensagem VIN ou Segurança VIN ausente ou incorreta. 237 31
A velocidade da roda não está disponível no barramento de
Mensagem de Velocidade GPS da comunicação. A mensagem de velocidade do GPS não foi
SSU SSU Ausente recebida no barramento do CAN. 517 9
SSU Falha de Dados EOL da SSU Falha do Controlador: Soma de verificação EE inválida. 628 2
SSU Programação SSU Controlador em Bloco de Inicialização. 628 12
SSU Falha Unidade de Controle SSU Falha do Controlador: Tempo de Inspeção Esgotado. 629 12
Falha na Calibração SSU / Não
SSU Calibrada Sistema AutoTrac não calibrado. 630 13
Tensão de Alimentação Alta do Tensão de alimentação dos sensores de baixa prioridade fora
SSU Sensor da SSU da faixa alta. 1079 3
Tensão de Alimentação Baixa do Tensão de alimentação dos sensores de baixa prioridade fora
SSU Sensor da SSU da faixa baixa. 1079 4
Falha no Interruptor do Assento do
SSU Operador Falha no Interruptor do Assento do Operador 1504 7
Mensagem Ausente da Presença do A mensagem do Interruptor do Assento não está disponível
SSU Operador (Sem dados de comunicações). 1504 9
Operador Fora do Assento com o
SSU AutoTrac Ativo Operador fora do assento durante operação do AutoTrac 1504 14
Mensagem Ausente Temperatura do
SSU Óleo Hidráulico Mensagem do CAN da Temperatura do Óleo Hidráulico Ausente. 1638 9
Conflito do Sensor de Posição do O SID parece girar no sentido horário enquanto o volante é
SSU Volante girado no sentido anti-horário 1807 2
Alta Tensão de Alimentação do
SSU Sensor 1 de Posição do Volante A tensão do canal do SID 1 está fora da faixa alta 1807 3
Baixa Tensão de Alimentação do
SSU Sensor 1 de Posição do Volante A tensão do canal do SID 1 está fora da faixa baixa. 1807 4
Baixa Corrente de Alimentação do
SSU Sensor 1 de Posição do Volante A corrente do canal do SID 1 está fora da faixa baixa. 1807 5
Corrente Alta no Circuito do Sensor
SSU 1 de Posição do Volante A corrente do canal do SID 1 está fora da faixa alta. 1807 6
Incompatibilidade do Sinal do Sensor
SSU 1 de Posição do Volante Falha de redundância do SID 1 1807 10
Falha do Sinal do Sensor 1 de
SSU Posição do Volante Quadratura inadequada do canal do SID 1 ou canal inativo 1807 14
Comando SSU Alto do Circuito da
SSU Válvula de Controle da Direção Provável Falha na Válvula 522273 0
Comando SSU Baixo do Circuito da
SSU Válvula de Controle da Direção Provável Falha na Válvula 522273 1
Falha na Válvula de Direção ou
no Sensor de Ângulo da Roda do Sem movimento no sensor primário principal de direção com
SSU AutoTrac comando significante para a Válvula EH 522387 7
Mensagem do Módulo de Compensação de Terreno não
SSU Mensagens Ausentes TCM disponível (Sem dados de comunicação) 522394 9
SSU Falha da Unidade de Controle Falha do Controlador: Transbordo do Módulo 523651 2
Mensagem do Rastreamento Paralelo do Mostrador GreenStar
SSU Sem Mensagem no Mostrador AMS não disponível (Sem dados de comunicação) 523698 9

Continua na próxima página AT70794,0000391 -54-19OCT11-1/3

TM802454 (01SEP15) 240-10D-13 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=197
Códigos de diagnóstico

Controla-
dor Descrição Condições SPN FMI
Código de ativação do AutoTrac
SSU inválido Código de Ativação do AutoTrac Inválido 523766 2
Mensagem Ausente do Interruptor de Mensagem do CAN do Interruptor de Retomada do AutoTrac
SSU Retomada AutoTrac não recebida. 523767 9
Conexões do Pórtico de Trabalho
da Válvula de Direção do AutoTrac A válvula EH parece estar conectada com seus pórticos de
SSU Voltadas para Trás trabalho trocados 523795 2
Zona Morta da Válvula de Direção Os valores da zona morta direita ou esquerda da válvula de
SSU Eletro-hidráulica Inconsistente direção eletro-hidráulica não são repetíveis dentro de 2%. 523795 11
SSU Falha da Válvula de Direção AutoTrac Válvula EH ou chicote com defeito 523795 12
Falha na Calibração SSU/Válvula de
SSU Direção Falha na calibração da zona morta da válvula EH 523795 13
Baixa Tensão de Alimentação na
SSU Válvula de Direção da SSU VP1 Falhou 523810 1
SSU Divergência do Veículo Divergência da Máquina 523821 2
Alta Tensão do Circuito do Sensor 2
SSU de Posição do Volante A tensão do canal do SID 2 está fora da faixa alta 523824 3
Baixa Tensão do Circuito do Sensor
SSU 2 de Posição do Volante A tensão do canal do SID 2 está fora da faixa baixa 523824 4
Baixa Corrente do Circuito do Sensor
SSU 2 de Posição do Volante A corrente do canal do SID 2 está fora da faixa baixa. 523824 5
Alta Corrente do Circuito do Sensor
SSU 2 de Posição do Volante A corrente do canal do SID 2 está fora da faixa alta. 523824 6
Divergência de Sinal do Sensor 2 de
SSU Posição do Volante Falha de redundância do SID 2 523824 10
Falha no Sinal do Sensor 2 de
SSU Posição do Volante Quadratura inadequada do canal do SID 2 ou canal inativo 523824 14
Alta Tensão de Aimentação do
Circuito do Sensor de Ângulo da
SSU Roda Sensor de ângulo de Direção Primário Principal fora da faixa alta 523826 0
Baixa Tensão de Alimentação do
Circuito do Sensor de Ângulo da Sensor de ângulo de Direção Primário Principal fora da faixa
SSU Roda baixa 523826 1
Calibração da SSU / Polaridade do Inversão na Orientação da Direção do Sensor de Ângulo da
SSU Sensor do Ângulo da Roda Roda. Esta falha é configurada durante a calibração. 523826 2
Falha de Calibração da SSU / Faixa
do Sensor de Ângulo da Roda do Faixa do Sensor WAS muito pequena durante a calibração.
SSU AutoTrac muito pequena Esta falha é configurada durante a calibração. 523826 7
Movimento da roda detectado sem movimento do SID. Entrada
Movimento da roda detectado sem detectada no sensor de ângulo da roda sem uma entrada
SSU movimento do SID correspondente na entrada do SID. 523826 10
A unidade de controle da Unidade do Sistema da Direção
(SSU) detecta que o Sensor de Ângulo da Roda (WAS)
Histerese Excessiva do Sensor de não está detectando o movimento real da direção no tempo
SSU Ângulo da Roda/Eixo designado (2400 milissegundos) durante a calibração. 523826 12
Esterçamento Manual / Baixo
Movimento do Sensor do Ângulo da Movimento baixo do ângulo da direção (comparado ao SID),
SSU Roda Somente Direção Manual. 523826 14
Sem mensagem da taxa de inclinação do veículo no Módulo de
SSU Sem Mensagem de Taxa Compensação de Terreno (TCM). 524221 9

SSU – Últimos Códigos de Saída O último Código de Saída também está disponível no
Para ver o Último Código de Saída, selecione Menu endereço 60 da SSU.
-> Ícone GreenStar Pro -> Ícone Diagnóstico (tecla C). Para diagnosticar o Código de Saída, VÁ PARA
Selecione AutoTrac na guia Visualizar Leitura. Veja o Diagnósticos do AutoTrac do GreenStar (Seção 240,
Último Código de Saída Emitido. Grupo 15).
Último Código de Saída Descrição
Código de Saída 1: Posição do Volante Alterada Volante foi Movido - Verifique se o dispositivo de entrada da direção (B16 e B17) está montado
adequadamente.

Continua na próxima página AT70794,0000391 -54-19OCT11-2/3

TM802454 (01SEP15) 240-10D-14 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=198
Códigos de diagnóstico

Código de Saída 3: Velocidade da Roda Muito Velocidade Muito Alta – Reduza a velocidade para menos de 32 Km/h (20 mph) na direção
Alta de avanço.
Código de Saída 4: Marcha Inválida Marcha Inválida – Faixa de velocidade incompatível para ativação do AutoTrac.
Selecionada
Código de Saída 5: Número de Pista Alterado Número de Pista Alterado – O veículo mudou de uma pista para outra, causando a desativação
do AutoTrac.
Código de Saída 6: Correções Diferenciais do Sinal de GPS Inválido – Nenhum sinal de correção diferencial do Receptor StarFire.
GPS Não Disponíveis
Código de Saída 7: Existem DTCs Ativos Falha na SSU - Diagnostique os códigos de diagnóstico de falhas da SSU.
Código de Saída 8: Última Transição OK
Código de Saída 9: Sem Mensagem do GSD Configurações Inválidas do Monitor – Nenhuma mensagem do CAN da pista paralela foi enviada
ao GreenStar. O AutoTrac precisa que o caminho A/B seja definido antes que o AutoTrac seja
ativado.
Mensagens de Exibição Inválidas – As mensagens do Barramento CAN do GreenStar estão
com defeito.
Código de Saída 10: Pista Paralela Desativada Selecione o Modo de Pista na página “GreenStar Pro - Guidance” (GreenStar Pro - Orientação),
guia “Guidance Settings” (Configurações de Orientação).
Código de Saída 11: Sem Keycard Instale o Cartão de Dados.
Código de Saída 12: Erro de Rumo Muito Erro de Percurso Muito Grande – Percurso muito grande para o caminho do veículo.
Grande
Código de Saída 13: Erro Lateral Muito Grande Erro de Desvio de Pista Muito Grande – Erro lateral fora dos limites.
Código de Saída 14: Presença do Operador Fora do Assento – Se o operador permanecer fora do assento por mais de 4 segundos, o
Não Detectada AutoTrac será desativado. Verifique o interruptor do assento.
Código de Saída 15: Temperatura do óleo Temperatura do Óleo Muito Baixa – Temperatura do óleo muito baixa para a ativação do AutoTrac.
muito baixa
Código de Saída 16: TCM Não Presente ou Sem Correções do TCM – TCM não instalado ou desligado.
Inativo
Código de Saída 17: Código de Ativação Sem Ativação do AutoTrac – Mostrador do GreenStar 2630 e SSU precisam de um código
Inválido de ativação
Código de Saída 18: SSU no Modo de O modo de diagnóstico controla a válvula eletro-hidráulica. Desligue o modo de teste de
Diagnóstico diagnóstico da válvula da direção eletro-hidráulica.
Código de Saída 21: Tensão do sistema instável Tensão da SSU Inválida
Código de Saída 22: Tempo Limite da Ré AutoTrac ativo em ré por muito tempo.
Código de Saída 23: Ativo em Baixa Velocidade Velocidade Muito Baixa – Aumente a velocidade para mais de 0,5 Km/h (0.3 mph) na direção
por Muito Tempo de avanço.
Código de Saída 26: Desligamento em Desligamento do veículo – A alimentação variável está baixa.
Andamento
Código de Saída 27: Erro de dados de marcha SSU recebendo dados de marcha incorretos.
Código de Saída 28: Erro no interruptor de SSU recebendo dados ruins do interruptor de retorno.
retorno
AT70794,0000391 -54-19OCT11-3/3

TM802454 (01SEP15) 240-10D-15 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=199
Códigos de diagnóstico

Códigos de Diagnóstico de Falhas da TEC


e TEI
TEC e TEI juntos compõem o TECU. O TECU localiza-se
na caixa do controlador da CCU-SRC.
Códigos TEC
Controlador Descrição Condições SPN FMI
TEC Programação TEC Controlador em bloco de 628 12
inicialização.
TEC Falha na Unidade de Tempo de inspeção 629 12
Controle da TEC esgotado.
TEC Falha calibração Erro de Memória na 630 2
TEC/dados inválidos Calibração detectado na
inicialização.
TEC Excesso mensagens CAN Estouro do Buffer de 639 12
trator TEI Mensagens do SO do CAN
do Trator.
TEC Limite excedido erros CAN O barramento do SO do 639 14
trator TEI CAN do trator detectou
muitos erros. Barramento
CAN desativado.
TEC Excesso mensagens CAN Estouro do Buffer de 1231 12
implemento TEC Mensagens do SO do CAN
do Implemento.
TEC Limite excedido erros CAN O barramento do SO 1231 14
implemento TEC do CAN do implemento
detectou muitos erros.
Barramento CAN
desativado.
TEC Dispositivos de acordo e Pelo menos um dispositivo 522550 14
não de acordo com ISO no compatível com ISO e
barramento do implemento não JD está presente
no barramento com um
dispositivo não compatível
com a JD.

Códigos TEI
Controlador Descrição Condições SPN FMI
TEI Programação TEI Controlador em bloco de 628 12
inicialização.
TEI Falha unidade de controle Tempo de inspeção 629 12
TEI esgotado.
TEI Falha calibração TEI/dados Erro de Memória na 630 2
inválidos Calibração detectado na
inicialização.
TEI Dispositivos de acordo e Pelo menos um dispositivo 522550 14
não de acordo com ISO no compatível com ISO e
barramento do implemento não JD está presente
no barramento com um
dispositivo não compatível
com a JD.

AT70794,0000392 -54-15SEP11-1/1

TM802454 (01SEP15) 240-10D-16 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=200
Códigos de diagnóstico

Códigos de Diagnósticos de Falhas do UIM


A aplicação do Módulo de Interface do Usuário (UIM)
localiza-se no controle do monitor externo opcional.
Unidade de controle Descrição Condições SPN FMI
UIM Alimentação Não Alimentação Não 168 03
Permanente do Controle Permanente do Controle
Externo do Monitor Muito Externo do Monitor muito
Alta alta
UIM Alimentação Não Alimentação Não 168 04
Permanente do Controle Permanente do Controle
Externo do Monitor Muito Externo do Monitor muito
Baixa baixa
UIM Falha Interna do Controle O Código de Diagnóstico de 628 02
Externo do Monitor Falhas Interno do Controle
do Monitor Externo está
ativo e o código é gerado
novamente após ligar
e desligar a energia.
Substitua o Controle
Externo do Monitor
UIM Erro Interno do Controle Erro Interno do Controle 629 12
Externo do Monitor do Monitor Externo Código
de Diagnóstico de Falhas
está ativo e o código é
gerado novamente após
ligar e desligar a energia.
Substitua o Controle
Externo do Monitor
UIM Mensagem do CAN Ruim Indica que a mensagem do 639 14
Barramento CAN enviada
pelo implemento está com
problemas ou incompleta.
UIM Botão J com Defeito Indica que o botão J está 523526 10
com defeito. O botão é
reconhecido como tendo
sido acionado por mais
de 10 minutos durante a
operação. Substituição
do Controlador Externo do
Mostrador
UIM Botão I com Defeito Indica que o botão I está 523527 10
com defeito. O botão é
reconhecido como tendo
sido acionado por mais
de 10 minutos durante a
operação. Substituição
do Controlador Externo do
Mostrador
UIM Botão H com Defeito Indica que o botão H está 523528 10
com defeito. O botão é
reconhecido como tendo
sido acionado por mais
de 10 minutos durante a
operação. Substituição
do Controlador Externo do
Mostrador
UIM Botão G com Defeito Indica que o botão G está 523529 10
com defeito. O botão é
reconhecido como tendo
sido acionado por mais
de 10 minutos durante a
operação. Substituição
do Controlador Externo do
Mostrador

Continua na próxima página AT70794,0000393 -54-15SEP11-1/3

TM802454 (01SEP15) 240-10D-17 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=201
Códigos de diagnóstico

UIM Botão F com Defeito Indica que o botão F está 523530 10


com defeito. O botão é
reconhecido como tendo
sido acionado por mais
de 10 minutos durante a
operação. Substituição
do Controlador Externo do
Mostrador
UIM Botão E com Defeito Indica que o botão E está 523531 10
com defeito. O botão é
reconhecido como tendo
sido acionado por mais
de 10 minutos durante a
operação. Substituição
do Controlador Externo do
Mostrador
UIM Botão D com Defeito Indica que o botão D está 523532 10
com defeito. O botão é
reconhecido como tendo
sido acionado por mais
de 10 minutos durante a
operação. Substituição
do Controlador Externo do
Mostrador
UIM Botão C com Defeito Indica que o botão C está 523533 10
com defeito. O botão é
reconhecido como tendo
sido acionado por mais
de 10 minutos durante a
operação. Substituição
do Controlador Externo do
Mostrador
UIM Botão B com Defeito Indica que o botão B está 523534 10
com defeito. O botão é
reconhecido como tendo
sido acionado por mais
de 10 minutos durante a
operação. Substituição
do Controlador Externo do
Mostrador
UIM Botão A com Defeito Indica que o botão A está 523535 10
com defeito. O botão é
reconhecido como tendo
sido acionado por mais
de 10 minutos durante a
operação. Substituição
do Controlador Externo do
Mostrador
UIM Botão Menu com Defeito Indica que o botão Menu 523536 10
está com defeito. O botão
é reconhecido como tendo
sido acionado por mais
de 10 minutos durante a
operação. Substituição
do Controlador Externo do
Mostrador
UIM Botão Interromper com Indica que o botão Abort 523537 10
Defeito (Interromper) está com
defeito. O botão é
reconhecido como tendo
sido acionado por mais
de 10 minutos durante a
operação. Substituição
do Controlador Externo do
Mostrador

Continua na próxima página AT70794,0000393 -54-15SEP11-2/3

TM802454 (01SEP15) 240-10D-18 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=202
Códigos de diagnóstico

UIM Botão Confirmar com Indica que o botão Confirm 523538 10


Defeito (Confirmação) está com
defeito. O botão é
reconhecido como tendo
sido acionado por mais
de 10 minutos durante a
operação. Substituição
do Controlador Externo do
Mostrador
UIM A Unidade do Controle Indica que a unidade de 523910 02
Externo do Monitor Controle Externo do Monitor
apresenta uma Falha apresenta uma falha interna
Interna Código de Diagnóstico de
Falhas ativo e o código é
gerado novamente após
ligar e desligar a energia.
Substitua o Controle
Externo do Monitor
AT70794,0000393 -54-15SEP11-3/3

TM802454 (01SEP15) 240-10D-19 Testes e diagnóstico do pulverizador


autopropelido NW4730
101415

PN=203
Códigos de diagnóstico

Códigos de Diagnósticos de Falhas do VTi


A aplicação do Terminal Virtual Isobus (VTi) está no
monitor GreenStar.
Unidade de controle Descrição Condições SPN FMI
VTi Alta tensão de alimentação Isso pode ser causado por 158 3
comutada VTI um grande pico de energia
ou falha na fiação.
VTi Baixa tensão de Isso pode ser causado por 158 4
alimentação comutada VTI pouca bateria ou falha na
fiação.
VTi Alta tensão alimentação Isso pode ser causado 168 03
não comutada VTI por um pico de energia ou
falha na fiação. Desligue
e religue o monitor. Se o
código reaparecer, verifique
a fiação.
VTi Baixa tensão alimentação Isso pode ser causado 168 04
não comutada VTI por pouca bateria ou falha
na fiação. Desligue e
religue o monitor. Se o
código reaparecer, verifique
a energia da bateria e
recarregue, se necessário.
VTi Temperatura Alta da Indica temperatura alta da 1386 00
Unidade do Mostrador unidade do mostrador. A
temperatura da unidade
indicada no conversor
digital analógico interno é
superior a 80 graus Celsius,
na qual a luz de fundo do
LCD deve ser apagada.
VTi Temperatura Baixa da Indica temperatura baixa 1386 01
Unidade do Mostrador da unidade do mostrador.
A temperatura da unidade
indicada no conversor
digital analógico interno é
inferior a -30 graus Celsius,
na qual a luz de fundo do
LCD deve ser apagada.
VTi Falha na Voltagem de O valor da potência 3597 02
Alimentação Interna do regulada reflete a
Mostrador regulagem da carga e
da linha. Se a unidade
ocasionalmente gerar esse
DTC, isso é aceitável.
Se o DTC ocorrer
continuamente, a unidade
de potência deve ser
desligada e é necessária
uma inspeção no regulador
e no circuito da fonte de
alimentação
VTi Tensão Regulada 1,5 V O valor da potência 3598 02
regulada reflete a
regulagem da carga e
da linha. Se a unidade
ocasionalmente gerar esse
DTC, isso é aceitável.
Se o DTC ocorrer
continuamente, a unidade
de potência deve ser
desligada e é necessária
uma inspeção no regulador
e no circuito da fonte de
alimentação

Continua na próxima página AT70794,0000394 -54-19OCT11-1/3

TM802454 (01SEP15) 240-10D-20 Testes e diagnóstico do pulverizador