Você está na página 1de 55

Especialização em Projeto, Desempenho e Construção de

Estruturas e Fundações

Especialização em Projeto, Desempenho e Construção de Estruturas e Fundações


DISCIPLINA:
Projeto e Dimensionamento de Alvenaria Estrutural

PROFESSORA:
DRA. LUCIANE MARCELA FILIZOLA DE OLIVEIRA
Especialização em Projeto, Desempenho e Construção de Estruturas e Fundações
UNIDADE III

DIMENSIONAMENTO SEGUNDO
A NBR 15961-1:2011 E NBR 15812-1:2010

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS DE DIMENSIONAMENTO

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS DE DIMENSIONAMENTO

NORMAS ATUAIS: BLOCOS DE CONCRETO

ABNT NBR 15961-1 : Projeto


Especifica os requisitos mínimos exigíveis para o
projeto de estruturas de alvenaria de blocos de CONCRETO.

ABNT NBR 15961-2 : Execução e controle de obras


Estabelece os requisitos mínimos exigíveis para a
execução e o controle de obras com estruturas
de alvenaria de blocos de CONCRETO.

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS DE DIMENSIONAMENTO

NORMAS ATUAIS: BLOCOS CERÂMICOS

ABNT NBR NBR 15812-1 : Projeto


Especifica os requisitos mínimos exigíveis para o
projeto de estruturas de alvenaria de blocos CERÂMICOS.

ABNT NBR 15961-2 : Execução e controle de obras


Estabelece os requisitos mínimos exigíveis para a
execução e o controle de obras com estruturas
de alvenaria de blocos CERÂMICOS.

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS DE DIMENSIONAMENTO

PARÂMETROS GEOMÉTRICOS

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS GEOMÉTRICOS
Definição de Parede e Pilar

parede: c > 5e pilar: c  5e


item 3.18 e 3.17

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS GEOMÉTRICOS
ESPESSURA EFETIVA

É igual à espessura real da parede, portanto sem a


consideração dos revestimentos

Aumento da espessura efetiva pela presença de enrijecedores

tef =  t

 : coeficiente de multiplicação
t : espessura real da parede
tef : espessura efetiva

item 9.4.2

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS GEOMÉTRICOS
ESPESSURA EFETIVA

Lenr : espaçamento entre eixos de enrijecedores


adjacentes

eenr : espessura dos enrijecedores

tenr : comprimento dos enrijecedores

 : coeficiente de multiplicação

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS GEOMÉTRICOS
ESPESSURA MÍNIMA

t ≥ 14cm – para edificações superiores a 2 pavimentos


item 10.1.1

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS GEOMÉTRICOS
ESPESSURA MÍNIMA

t = 9 e 11,5 cm – para edificações térrea e sobrados (2 pavimentos)

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS GEOMÉTRICOS
ALTURA EFETIVA (do parede ou pilar)

Altura Efetiva
• hef = h : travamento na base e no topo
• hef = 2h : parede/pilar livre no topo
item 9.3.1 e 9.4.1

Comprimento efetivo de abas em painéis

• bf = 6t

item 10.1.3

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS GEOMÉTRICOS
ESBELTEZ

 = hef / tef
hef : altura efetiva
tef : largura efetiva

LIMITES DE ESBELTEZ

Limites de esbeltez para paredes e pilares


Não-armados 24
Armados 30

item 10.1.2

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS DE DIMENSIONAMENTO

Estados Limites

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS DE DIMENSIONAMENTO
Estados Limites
E.L.U. : Estado Limite Último
(esgotamento da capacidade resistente)

Sd  Rd

Sd = S( f  Fk) : solicitação de cálculo


Rd = Rk / m : resistência de cálculo
m e f : coeficientes de ponderação
Rk e F k : valores característicos de resistência e ação

item 11.1

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS DE DIMENSIONAMENTO

RESISTÊNCIAS

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS DE DIMENSIONAMENTO
RESISTÊNCIAS
Valores de cálculo = Val. característicos / m

fd = fk / m ftd = ftk / m fgd = fgk / m


fVd = fVk / m fyd = fyk / m

item 6.2.5.2

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS DE DIMENSIONAMENTO
Resistência característica à compressão (fk)
fk = fpar,k fk = 0.85 fppk fk = 0.70 fpk
Paredes Pequenas paredes Prismas

Mínimo de 3 paredes Mínimo 6 Peq. Paredes Mínimo 12 prismas


(1.20 x 2.40 m) (2 blocos x 5 blocos) (1 bloco x 2 blocos)
item 6.2.5.3 Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações
PARÂMETROS DE DIMENSIONAMENTO
Resistência característica à compressão (fk) para diferentes tipos de argamassamento

80% fk fk
PARCIAL TOTAL

item 6.2.5.3 Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS DE DIMENSIONAMENTO

AÇÕES

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS DE DIMENSIONAMENTO
AÇÕES

Disposição Geral
• Aplicam-se as definições e prescrições da NBR 8681
Ações a Considerar

• Ações Permanentes
• Ações permanentes diretas – Peso próprio (NBR 6120)
• Ações permanentes indiretas – Desaprumo (NBR 15961)

• Ações Variáveis – Vento (NBR 6120 E NBR 6123)

• Ações Excepcionais – Impactos, explosões, incêndios

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS DE DIMENSIONAMENTO
AÇÕES

Valores de Cálculo
Valor de cálculo = Valor característico x coeficiente de ponderação de ações ( f)

Fd = Fk x f
Valores de f

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS DE DIMENSIONAMENTO
AÇÕES

Valores de Cálculo
Valores Reduzidos de Ações Variáveis (0Fk)

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS DE DIMENSIONAMENTO

COMPRESSÃO SIMPLES

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


Compressão Simples
• Solicitação mais importante e comum

• Elementos onde ocorre: paredes e pilares

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


Compressão Simples
• Influência dos Componentes na Resistência à Compressão

Unidade (bloco)

É o componente que mais influencia a resistência !

 Quanto maior a resistência da unidade maior a resistência da


alvenaria

 Resistência da alvenaria é sempre menor que a resistência da


unidade

 Parâmetro importante: eficiência parede / bloco

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


Compressão Simples
• Influência dos Componentes na Resistência à Compressão

Eficiência prisma / bloco

 = fpk /fbk
 : eficiência
fpk : resistência do prisma
fbk : resistência do bloco

Valores usuais de eficiência prisma/bloco

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


Compressão Simples
• Influência dos Componentes na Resistência à Compressão

Argamassa

Função principal: solidarizar os blocos; transmitir e uniformizar


tensões.

Características importantes

 Resistência à compressão
 Aderência
 Trabalhabilidade
 Plasticidade

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


Compressão Simples
• Influência dos Componentes na Resistência à Compressão

Argamassa
Alguns detalhes a considerar:

 Espessura da junta horizontal igual a 10 ± 3 mm (NBRs de Execução)

 Resistência de no máximo 70% da resistência característica do bloco na área líquida


(NBRs de Cálculo)

 Corpos de prova de forma metálica 4 x 4 x 4 cm

 Resistência à compressão recomendada: entre 70% e 100% de fbk


Por que a resistência da argamassa deve ser
menor que a do material do bloco?

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


Compressão Simples
• Influência dos Componentes na Resistência à Compressão

Graute
Concreto com agregados de pequena dimensão e relativamente fluido
utilizado para preencher vazios de blocos e blocos canaleta com a
função de aumentar a resistência à compressão e solidarizar
armaduras.

BLOCOS DE CONCRETO

 Regra simples: aumento de resistência é proporcional ao aumento de área líquida

 Resistência no mínimo igual à do material do bloco, ou seja, fgk = 2 fbk

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


Compressão Simples
• Influência dos Componentes na Resistência à Compressão

Armaduras
Barras de aço colocadas em furos de blocos ou
blocos canaleta grauteados ou diretamente nas juntas de
argamassa.

Detalhes importantes
 Reduzida contribuição na compressão

 Utilização pouco adequada para aumentar a resistência

 Bastante adequada para aumentar:


• ductilidade
• limite de esbeltez
• módulo de deformação
Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações
DIMENSIONAMENTO

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


DIMENSIONAMENTO

i. COMPRESSÃO SIMPLES

ii. FLEXO-COMPRESSÃO

iii. CISALHAMENTO

iv. FLEXÃO SIMPLES (vergas)

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


i. VERIFICAÇÃO À COMPRESSÃO SIMPLES

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


Dimensionamento a Compressão Simples
Roteiro para Cálculo ou Verificação

1) Calcular a tensão RESISTENTE Rd


fd = fk / m
fk = fpar,k (resist. característica de paredes)
fk = 0.85 fppk (resist. característica de peq. paredes)
fk = 0.70 fpk (resist. característica de prismas)

Especialização em Projeto, Desempenho e Construção de Estruturas e Fundações


Dimensionamento a Compressão Simples
Roteiro para Cálculo ou Verificação

1) Calcular a tensão RESISTENTE Rd


fd = fk / m

Paredes: Rd = fd . R
Pilares : Rd = 0,9 . fd . R
fd : resistência de projeto da alv. à compressão
R : fator de redução devido à esbeltez

Especialização em Projeto, Desempenho e Construção de Estruturas e Fundações


Dimensionamento a Compressão Simples
Roteiro para Cálculo ou Verificação

2) Calcular Sd ATUANTE
Sd = Fd / A
Fd = Fk x  f

3) Comparar Sd com Rd ou determinar


resistência necessária

Rd  Sd
Especialização em Projeto, Desempenho e Construção de Estruturas e Fundações
DIMENSIONAMENTO
NBR 15961 – 2011 e NBR 15812 – 2010
Expressão simplificada ELU – Compressão Simples (Rd  Sd)

Fator redutor devido a esbeltez


𝛾𝑓 = 1,4
3
1 𝜆 𝑁𝑘
∙ 𝑓𝑘 ∙ 1 − ≥ 𝛾𝑓 ∙
𝛾𝑚 40 𝐴

𝛾𝑚 = 2,0 𝑓𝑘 = 0,7𝑓𝑝𝑘
𝑃𝑖𝑙𝑎𝑟𝑒𝑠: 𝑁𝑅𝑑 = 𝑓𝑑 ∙ 𝐴 ∙ 𝑅 ∙ 0,9
Resistência característica da parede Resistência característica do prisma 𝐴𝑟𝑔. 𝑃𝑎𝑟𝑐𝑖𝑎𝑙: 𝑁𝑅𝑑 = 𝑓𝑑 ∙ 𝐴 ∙ 𝑅 ∙ 0,8

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


ATIVIDADE 3

A partir do edifício da ATIVIDADE 3,


verifique à compressão axial das paredes
dos grupos de paredes e determine o fbk
necessário, considerando: fpk / fbk = 0,80

Os arquivos em formatos .pdf, .xls, .dwg e .dxf estão disponibilizados no portal do aluno.

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


ii. VERIFICAÇÃO À FLEXO-COMPRESSÃO

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


Verificação a flexo compressão
Roteiro para Cálculo ou Verificação

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


Verificação a flexo compressão
Roteiro para Cálculo ou Verificação

(𝑁𝑘𝑔 + 𝜓0 ∙ 𝑁𝑘𝑞 ) 𝑀𝑘
𝑓𝑘 ≥ 𝛾𝑚 ∙ 𝛾𝑓 +
𝐴∙𝑅 1,5𝑤

(0,85𝑁𝑘 + 𝜓0 ∙ 0,15𝑁𝑘 ) 𝑀𝑘
0,7𝑓𝑝𝑘 ≥ 𝛾𝑚 ∙ 𝛾𝑓 +
𝐴∙𝑅 1,5𝑤

𝑁𝑘 (0,85 + 𝜓0 ∙ 0,15) 𝑀𝑘
0,7 ∙ 𝜂 ∙ 𝑓𝑏𝑘 ≥ 𝛾𝑚 ∙ 𝛾𝑓 +
𝐴∙𝑅 1,5𝑤

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


Verificação a flexo compressão
Roteiro para Cálculo ou Verificação

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS DE DIMENSIONAMENTO
Resistência característica à tração na flexão (ftk)

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


iii. VERIFICAÇÃO AO CISALHAMENTO

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


Dimensionamento ao Cisalhamento
Roteiro para Cálculo ou Verificação

1) Tensão de Cisalhamento Atuante

𝑉𝑑
𝜏𝑉𝑑 =
𝑏ℎ
Vd = força cortante de projeto
b = largura da seção
h = altura da seção
d = altura efetiva

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


Dimensionamento ao Cisalhamento
Roteiro para Cálculo ou Verificação

2) Resistência Característica de Cisalhamento

Alternativa: determinar fvk com NBR 16522

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


Dimensionamento ao Cisalhamento
Roteiro para Cálculo ou Verificação

3) VERIFICAÇÃO

𝜏vd ≤ fvd = fvk / m

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


Dimensionamento ao Cisalhamento
Roteiro para Cálculo ou Verificação

4) Armadura de Cisalhamento

Alternativa para 𝜏vd > fvd

𝑉𝑑 − 𝑉𝑎 ∙ 𝑠
𝐴𝑠𝑤 =
𝑓𝑠 𝑑
Vd : força cortante de cálculo
Va : força cortante absorvida pela alvenaria (fvdbd)
s : espaçamento da armadura
fs : máxima tensão do aço (fs = 0,5 fyd)
d : altura útil da seção
Espaçamento mínimo para armaduras transversais: s ≤ 60 cm (paredes)
Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações
Dimensionamento ao Cisalhamento
Roteiro para Cálculo ou Verificação

4) Armadura de Cisalhamento

a) Armadura em canaletas horizontais b) Armaduras na junta de assentamento

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


iv. VERIFICAÇÃO À FLEXÃO SIMPLES
(vergas)

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS DE DIMENSIONAMENTO
Resistência característica à tração na flexão (ftk)

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS GEOMÉTRICOS
FLEXÃO SIMPLES

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações


PARÂMETROS DE DIMENSIONAMENTO
FLEXÃO SIMPLES

≤ 1,5𝑓𝑑

≤ 𝑓𝑡𝑑

Especialização em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações

Você também pode gostar