Você está na página 1de 20

Prof. MSc. David Roza José - david.jose@ifc.edu.

br 1/20
Funções de Descontinuidade

O método da integração, visto anteriormente, resolve toda e qualquer situação encontrada.


Porém ele acaba sendo bastante trabalhoso principalmente em situações onde diversos
cortes são necessários a fim de se determinar os esforços internos da viga. Nestes casos é
preciso utilizar tanto as condições de contorno como as de continuidade.
Nesta aula será explicado um método para se encontrar a equação da linha elástica através
de somente uma expressão formulada diretamente do carregamento da viga. A partir desta
expressão são feitas quatro integrações e através das condições de contorno são
determinadas as constantes de integração.

Prof. MSc. David Roza José - david.jose@ifc.edu.br 2/20


Funções de Descontinuidade

Para expressar o carregamento numa viga através de uma única expressão é necessário
utilizar dois tipos de operadores matemáticos chamados de funções de descontinuidade.
As funções de Macaulay podem ser utilizadas para descrever carregamentos distribuídos.
Estas funções possuem a seguinte forma geral:

Aqui x representa o local da viga, e a é o local onde o carregamento distribuído se inicia. A


função de Macaulay é escrita com <·> para distinguir de uma função ordinária (·). O processo
de integração da função de Macaulay segue as regras tradicionais.

Prof. MSc. David Roza José - david.jose@ifc.edu.br 3/20


Funções de Descontinuidade

As funções de singularidade são utilizadas para descrever forças ou momentos concentrados


aplicados. Especificamente uma força concentrada P é considerada um caso especial de um
carregamento distribuído possuindo uma intensidade w = P/εε quando ε → 0.

A sua definição matemática toma a forma:

Prof. MSc. David Roza José - david.jose@ifc.edu.br 4/20


Funções de Descontinuidade

O procedimento para um momento concentrado M0 é similar.

Prof. MSc. David Roza José - david.jose@ifc.edu.br 5/20


Funções de Descontinuidade

A integração das duas funções de descontinuidade são diferentes das regras tradicionais do
cálculo.

Chama-se a atenção para a convenção de sinais: forças ou carregamentos positivos são


aqueles que apontam para cima. Momentos positivos são aqueles que estão no sentido
horário. Perceba que isto é o oposto do quê normalmente se convenciona.

Prof. MSc. David Roza José - david.jose@ifc.edu.br 6/20


Funções de Descontinuidade

Prof. MSc. David Roza José - david.jose@ifc.edu.br 7/20


Aplicação

(1) O primeiro passo é, através dos métodos tradicionais, encontrar o valor das reações. As
reações são adicionadas à função w(x) como carregamentos externos.
(2) Deve-se adicionar os carregamentos segundo a formulação fornecida.
(3) Os carregamentos distribuídos, delimitados por início e fim, devem ser adicionados com
valor negativo a partir do ponto onde deixam de existir;
i. Um carregamento distribuído -10 kN/m que existe no intervalo [3,6] deve ser
removido com um carregamento distribuído de +10 kN/m a partir de x > 6 m.

Prof. MSc. David Roza José - david.jose@ifc.edu.br 8/20


Aplicação

Prof. MSc. David Roza José - david.jose@ifc.edu.br 9/20


Aplicação

2.75 kN 10.75 kN

Prof. MSc. David Roza José - david.jose@ifc.edu.br 10/20


Aplicação

2.75 kN 10.75 kN

Prof. MSc. David Roza José - david.jose@ifc.edu.br 11/20


Aplicação

2.75 kN 10.75 kN

Aplica-se então as condições de contorno de momento: M(0) = 0 e M(6) = 0.


Qual o valor de C1 e C2 ?

Prof. MSc. David Roza José - david.jose@ifc.edu.br 12/20


Aplicação

2.75 kN 10.75 kN

Aplica-se então as condições de


contorno de momento: v(0) = 0 e v(6)
= 0.
Qual o valor de C3 e C4 ?

Prof. MSc. David Roza José - david.jose@ifc.edu.br 13/20


Exemplo 2.1

Determine as equações de carregamento, força cortante, momento fletor, rotação e flecha da


viga mostrada. Considere EI constante.

Prof. MSc. David Roza José - david.jose@ifc.edu.br 14/20


Exemplo 2.2

Determine as equações de carregamento, força cortante, momento fletor, rotação e flecha da


viga mostrada. Considere EI constante. Determine as posições e valores das maiores deflexão
e rotação.

36 kN

163 kN·m

3m 6m

Prof. MSc. David Roza José - david.jose@ifc.edu.br 15/20


Exemplo 2.3

Determine as equações de carregamento, força cortante, momento fletor, rotação e flecha da


viga mostrada. Considere EI constante. Determine as posições e valores das maiores deflexão
e rotação.

0,6 m 0,6 m 0,6 m

180 N 200 N

Prof. MSc. David Roza José - david.jose@ifc.edu.br 16/20


Exemplo 2.4

Determine as equações de carregamento, força cortante, momento fletor, rotação e flecha da


viga mostrada. Considere EI constante. Determine as posições e valores das maiores deflexão
e rotação.

44 kN/m
6800 N·m 6800 N·m

1.3 m 2.6 m 1.3 m

Prof. MSc. David Roza José - david.jose@ifc.edu.br 17/20


Exemplo 2.5

Determine as equações de carregamento, força cortante, momento fletor, rotação e flecha da


viga mostrada. Determine as posições e valores das maiores deflexão e rotação. Seja E= 200
GPa e I = 65e6 mm4.

Prof. MSc. David Roza José - david.jose@ifc.edu.br 18/20


Exemplo 2.6

Determine as equações de carregamento, força cortante, momento fletor, rotação e flecha da


viga mostrada. Determine as posições e valores das maiores deflexão e rotação. Seja E= 200
GPa e I = 85e6 mm4.

2000 kN/m

1.8 m 2.8 m

Prof. MSc. David Roza José - david.jose@ifc.edu.br 19/20


Exemplo 2.6

Determine as equações de carregamento, força cortante, momento fletor, rotação e flecha da


viga mostrada. Determine as posições e valores das maiores deflexão e rotação. Seja E= 200
GPa e I = 85e6 mm4.

200 kN/m

2m 3m

Prof. MSc. David Roza José - david.jose@ifc.edu.br 20/20

Você também pode gostar