Você está na página 1de 22

Psicologia

Profª. Ms. Michele Fabricia Tolotti


Neurotransmissores

Os neurotransmissores são moléculas


liberadas pelos neurônios pré-sinápticos e são
o meio de comunicação em uma sinapse
química. Eles se ligam a receptores de
neurotransmissores.
Neurotransmissores

 Os neurotransmissores têm um importante papel


nesses processos informacionais do organismo.

 Alguns neurotransmissores disparam o neurônio


recebedor para aceitar o sinal e outros bloqueiam
(impedem) este de receber o estímulo químico,
por isso eles estão divididos em
neurotransmissores excitadores e inibidores.
Neurotransmissores

 Os neurotransmissores são produzidos


naturalmente em nosso organismo;

A maior ou menor produção dos


neurotransmissores depende de situações sociais
específicas;

 O equilíbrio dessa química irá influenciar o


cérebro e, consequentemente, o comportamento
da pessoa;
Classificação dos neurotransmissores

Os neurotransmissores têm sido divididos em


três amplas categorias:

1. Aminoácidos
2. Aminas
3. Peptídeos
Classificação dos neurotransmissores
Síntese e armazenamento
Liberação de NT
 Desencadeada pela chegada de um potencial de
ação ao terminal axonal;

 Despolarização de membrana abre canais de


cálcio;

 Grande entrada de cálcio que encherá o


citoplasma de cálcio no terminal axonal;

 Essa elevação de cálcio é o sinal para a liberação


dos NT das vesículas sinápticas;
Posteriormente a membrana vesicular é
recuperada por endocitose e a vesícula é
recarregada com NT;
Todo NT age em um sítio específico ( receptor)
ou seja: um ligante;
Ex: acetilcolina ---- receptor nicotínico
receptor muscarínico
• Os neurotransmissores são específicos para o
receptor em que se ligam e provocam uma
resposta específica nos neurônios pós-
sinápticos, resultando em um sinal excitatório
ou inibitório.
Glutamato
 neurotransmissor excitatório mais comum no
SNC;

 costuma aumentar a excitabilidade dos neurônios


pós-sinápticos;

 O cérebro sintetiza-o a partir da glicose e de


outros nutrientes;

 envolvido em funções cognitivas no cérebro,


como a aprendizagem e a memória.
GABA
 principal neurotransmissor inibitório do SNC;

Está envolvido com os processos de


ansiedade;

induz a inibição do sistema nervoso


central (SNC), causando a sedação;
GLICINA
Neurotransmissores inibitórios;

A glicina se liga a um receptor ionotrópico,


que permite o influxo de Cl.;

Esse influxo leva a um acúmulo de carga


negativa, que afasta o potencial de membrana
de seu limiar (ou seja, o neurônio é inibido);
ACETILCOLINA (Ach)
neurotransmissor utilizado no SNP e SNC
(cérebro)e junção neuromuscular;
efeito vasodilatador ;
Redução da freqüência cardíaca;
Diminuição da força de contração cardíaca;
Aprendizagem;
Broncoconstrição
Sudorese,
Aumento da salivação
Os receptores de ACh são divididos em duas
classes:

o Receptores nicotínicos: encontrados na periferia


e na junção neuromuscular e na sinapse
ganglionar, e também no cérebro.

o Receptores muscarínicos: são encontrados nos


gânglios autônomos, em neurônios do sistema
nervoso central e nas células parietais gástricas.
DOPAMINA
Função estimulante do sistema
nervoso central;

está envolvida em muitos circuitos do cérebro


associados a emoções, motivação,
movimento, memória, atenção, sono, humor,
aprendizagem, prazer;

excitatória (via receptores D1) quanto


inibitória (via receptores D2);
A Dopamina estabiliza os movimentos. O Mal
de Parkinson está relacionado a escassez
dopaminérgica nessa via;

Conhecido por “hormônio do prazer” pois


regula as emoções prazerosas.

drogas como cocaína, heroína, nicotina,


álcool aumentam este NT.
NORADRENALINA
envolvido no estado de vigília e atenção;

aumenta a freqüência cardíaca e pressão


arterial;

controle dos estados afetivos em ação paralela


à serotonina;

sedação e analgesia;
SEROTONINA
 neurotransmissor intimamente relacionado ao
humor e à afetividade;

 envolvida em uma infinidade de vias que regulam


o humor, a emoção e várias vias homeostáticas;

 sua origem restringem-se ao tronco encefálico;

 modulador geral da atividade psíquica influindo


em quase todas as funções cerebrais;
Interatividade

Dopamina + serotonina + noradrenalina: Funções


cognitivas. Humor. Emoções.

Dopamina + serotonina: Apetite, sexo, agressividade.

Dopamina + noradrenalina: Motivação.


ATÉ A PRÓXIMA AULA

Você também pode gostar