Você está na página 1de 41

Localizador de Defeitos

Versão 7.3

Manual de Operação

Rev. 4
Localizador de Defeitos
Índice
Índice ................................................................................................................................................... 2
1 - Introdução. .................................................................................................................................... 4
2 - Modo Comparação. ..................................................................................................................... 5
3 - Modo Memorização..................................................................................................................... 6
3.1 - Iniciando. ............................................................................................................................... 6
3.2 - Inserir Foto ............................................................................................................................ 7
3.3 - Criar Componente................................................................................................................ 8
3.4 - Editar Componente. ...........................................................................................................10
3.5 - Selecionar Componente. ..................................................................................................10
3.5.1 - Campo Posição. .......................................................................................................... 11
3.5.2 - Campo Part Number (Código). ................................................................................. 11
3.5.3 - Campo Comentário. ................................................................................................... 11
3.5.4 - Campo Comentário Placa. ........................................................................................ 11
3.6 - Marcar ponto de Terra (GND). .........................................................................................12
3.7 - Marcar Pino 1. ....................................................................................................................13
3.8 - Verificar Curvas. .................................................................................................................14
3.9 - Novo Projeto. ......................................................................................................................17
3.10 - Abrir Projeto. .....................................................................................................................18
3.11 - Configuração.....................................................................................................................19
3.11.1 - Ponta de Prova:.........................................................................................................19
3.11.2 - Clip Automático (apenas para o VRS-575)...........................................................19
3.11.3 - Clip Manual (apenas para o VRS-575). ................................................................19
3.11.4 - Fixture Automático (apenas para o VRS-575). ....................................................19
3.11.5 - Fixture Manual (apenas para o VRS-575). ...........................................................19
3.11.6 - Alerta Sonoro. ............................................................................................................20
3.12 - Avançado...........................................................................................................................20
3.12.1 - Tipo de Medição. ......................................................................................................21
3.12.2 - Tolerância...................................................................................................................21

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

2 / 41
Localizador de Defeitos
3.12.3 - Tipo Automático ........................................................................................................21
3.13 - Visualizar Foto. .................................................................................................................22
4 - Modo Teste. ................................................................................................................................23
4.1 - Iniciando. .............................................................................................................................23
4.2 - Selecionar Componente....................................................................................................24
4.3 - Configuração.......................................................................................................................24
4.3.1 - Ponta de Prova:...........................................................................................................24
4.3.2 - Clip Automático (apenas para o VRS-575).............................................................24
4.3.3 - Clip Manual (apenas para o VRS-575). ..................................................................25
4.3.4 - Fixture Automático (apenas para o VRS-575). ......................................................25
4.3.5 - Fixture Manual (apenas para o VRS-575). .............................................................25
4.3.6 - Alerta Sonoro. ..............................................................................................................25
4.4 - Testar Componente - Ponta de Prova, Clip Manual, Fixture Manual.........................26
4.5 - Testar Componente - Clip Automático, Fixture Automático. ........................................29
4.6 - Visualizador de Resultados. .............................................................................................31
4.7 - Visualizar Foto ....................................................................................................................33
4.8 - Abrir Projeto ........................................................................................................................34
4.9 - Reiniciar Teste ....................................................................................................................34
4.10 - Salvar Resultados ............................................................................................................35
4.11 - Relatório.............................................................................................................................36
5 - Tipos de medição ......................................................................................................................37
6 - Configuração ..............................................................................................................................38
7 - Roteiro para Memorização e Teste.........................................................................................40

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

3 / 41
Localizador de Defeitos
1 - Introdução.
O Localizador de Defeitos trabalha com 03 modos de operação:

 Modo Comparação: compara simultaneamente as curvas características de 02


circuitos.

 Modo Memorização: armazena em um arquivo as curvas de um circuito.

 Modo Teste: compara as curvas de um circuito com as curvas previamente


armazenadas em arquivo.

Esses modos são selecionados através dos botões frontais:

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

4 / 41
Localizador de Defeitos
2 - Modo Comparação.
Neste modo, o Localizador de Defeitos compara as curvas de dois circuitos
simultaneamente, usando seus dois canais. Os GND's devem ser ligados aos pontos de
terra (0V) dos dois circuitos.

Com o canal 1 medimos a curva de um circuito e com o canal 2 medimos a curva do outro
circuito. Na tela, o software mostrará a curva do canal 1 em verde e a curva do canal 2 em
vermelho.

No canto inferior esquerdo é apresentada a diferença percentual entre as duas curvas.

Erros menores que 6% indicam que o circuito está bom, erros entre de 6% e 20% indicam
circuito suspeito e erros acima de 20% indicam circuito defeituoso. É possível selecionar
04 tipos de medição: Padrão, Baixa Tensão, Potência ou Automático. Para mais detalhes,
consulte o item Tipos de Medição.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

5 / 41
Localizador de Defeitos
3 - Modo Memorização.
No Modo Memorização, o Localizador de Defeitos armazena as curvas de um circuito
bom (referência) em um arquivo. O GND deve ser ligado aos pontos de terra (0V) do
circuito a ser armazenado.
3.1 - Iniciando.

Ao selecionar o modo memorização o software ira abrir uma caixa de dialogo.

 Para criar um novo projeto, basta inserir um nome de arquivo não existente na
pasta selecionada.
 Para abrir um projeto clique em um projeto já existente.
Depois clique em Salvar.

Se for criar um projeto novo a seguinte tela irá aparecer.

Preencha os campos com os dados da placa e clique em Salvar. Os campos Modelo e


Fabricante são obrigatórios.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

6 / 41
Localizador de Defeitos
3.2 - Inserir Foto

Insira uma foto do circuito, clicando em:

Editar >> Inserir Foto.

Selecione o arquivo com a foto (.jpg ou .bmp).

Clique em Abrir.

A foto irá aparecer na tela de memorização.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

7 / 41
Localizador de Defeitos
3.3 - Criar Componente.

Para criar o teste de um componente primeiramente


selecione o botão Componente, no canto inferior esquerdo.

Coloque o cursor sobre a foto, uma cruz piscando irá aparecer junto ao cursor.

Posicione o cursor próximo ao componente e pressione o botão esquerdo, mantenha o


botão esquerdo do mouse pressionado e selecione a área do componente.

Ao soltar o botão, aparecerá a tela de criação de componente.

Insira a posição do componente, o part number e o número de


pinos do componente. Também podem ser inseridos
comentários. Selecione qual o tipo de medição será utilizado
neste componente: Padrão, Baixa Tensão, Potência ou
Automático. Para mais detalhes, consulte o item Tipos de
Medição.

Podemos marcar a posição do pino 1, para mais detalhes, consulte o item Marcar Pino 1.

Atenção: Preste muita atenção para inserir o número de pinos corretamente, pois
esse valor não poderá ser alterado posteriormente.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

8 / 41
Localizador de Defeitos
Clique em Salvar, então aparecerá a tela de gravação de curvas.

Com a ponta de prova do canal 1 meça o pino 1 do componente.

Clique em Grava e Avança (ou tecle Espaço), em seguida, meça o próximo pino. Repita
este procedimento até gravar todos os pinos do componente.

Os demais botões são usados para navegação através dos pinos. É possível selecionar
um determinado pino através do botão situado no canto inferior direito. É possível também
regravar um pino que já tenha sido gravado anteriormente. Para isto, navegue até o pino
e repita o procedimento de gravação.

Após armazenar todos os pinos do componente a tela a seguir irá aparecer.

Clique em Sim, para voltar à tela de Memorização.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

9 / 41
Localizador de Defeitos
3.4 - Editar Componente.

Para editar um componente posicione o cursor sobre o componente e clique com o botão
direito do mouse, a seguinte tela irá aparecer:

Pressione o botão:

 Editar Dados para editar os dados do componente.

 Editar Curvas para regravar as curvas do componente.

 Verificar para verificar as curvas gravadas. Para mais


detalhes, consulte o item Verificar Curvas.

 Apagar para apagar o componente.

 Cancelar para voltar à tela anterior.

3.5 - Selecionar Componente.

Para selecionar um componente posicione o cursor sobre o componente e clique com o


botão esquerdo do mouse, o componente aparecerá marcado em amarelo e seus dados
aparecerão nos campos do lado esquerdo da tela.

Os campos Posição, Part Number , Comentário e Comentário Placa podem ser editados.

O número de pinos não é editável, ele é definido durante a criação do componente.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

10 / 41
Localizador de Defeitos
3.5.1 - Campo Posição.

Para editar a posição clique com o botão esquerdo


sobre o campo Posição.

Digite a posição do componente na placa e clique em


salvar.

3.5.2 - Campo Part Number (Código).

Para editar o código clique com o botão esquerdo sobre


o campo Part Number.

Digite o código do componente e clique em salvar

3.5.3 - Campo Comentário.

Para editar o comentário clique com o botão esquerdo


sobre o campo Comentário.

Digite um comentário com informações que ajudem a


testar o componente, por exemplo, onde é o pino 1 do
componente, e clique em salvar.

3.5.4 - Campo Comentário Placa.

Para editar o comentário da placa clique com o botão


esquerdo sobre o campo Comentário Placa.

Esse campo é o mesmo para todos os componentes,


digite um comentário com informações que ajudem a
testar a placa, por exemplo, onde são os pontos de terra
da placa, e clique em salvar.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

11 / 41
Localizador de Defeitos
3.6 - M arcar ponto de Terra (GND).

O Localizador de defeitos tem uma função que permite marcar


os pontos de terra da placa.

Selecione o botão Terra (GND), no canto inferior esquerdo.

Coloque o cursor sobre a foto, um círculo piscando irá aparecer junto ao cursor.

Para marcar um ponto de terra, posicione o cursor sobre o ponto de terra e clique o botão
esquerdo do mouse.

Para apagar uma marcação de terra, posicione o cursor sobre a marca de terra e clique o
botão esquerdo, a seguinte mensagem irá aparecer:

Para apagar a marcação clique em sim.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

12 / 41
Localizador de Defeitos
3.7 - M arcar Pino 1.

O Localizador de Defeitos permite criar uma marcação na posição do pino 1. Isto é


importante para os componentes que podem gerar dúvidas com relação à contagem dos
pinos, tais como: conectores, capacitores, diodos, etc.

Uma vez identificado o pino 1, a contagem dos pinos pode ser padronizada, por exemplo
utilizando o sentido anti-horário.

O campo comentário pode ser utilizado para dar mais detalhes com relação à contagem
dos pinos.

Durante a criação do componente o usuário pode escolher a


posição que deseja colocar a marca do pino 1.

A marcação irá aparecer quando o componente for selecionado.

Para editar a posição da marcação do pino 1, posicione o cursor


sobre o componente e clique com o botão direito do mouse, e
clique no botão Editar Dados.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

13 / 41
Localizador de Defeitos
3.8 - Verificar Curvas.

Após armazenar as curvas de um componente podemos verificar se as curvas foram


gravadas corretamente.

Para verificar as curvas, posicione o cursor sobre o componente e


clique com o botão direito do mouse, e clique no botão Verificar.

A tela do Verificador de Curvas irá aparecer.

A curva que está sendo medida aparecerá em verde, e a curva armazenada aparecerá
em vermelho. Clique em Testar Pino. Se o erro for menor que 3%, o software irá testar o
pino seguinte.

Se o erro for maior que 3%, o software irá perguntar se deseja Testar o pino novamente,
Regravar Curva, Ignorar Verificação deste Pino ou Sair.
Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

14 / 41
Localizador de Defeitos

Testar o pino novamente: O software irá continuar no mesmo pino, para ser testado
novamente.

Regravar Curva: o software irá substituir a curva gravada pela curva que está sendo
medida. O usuário deve se ter o cuidado de verificar se a curva que está sendo medida é
a correta, antes de regravar.

Ignora Verificação deste pino: o software irá testar o componente seguinte, marcando o
componente como verificado parcialmente. Esta opção é indicada para pinos onde a curva
é instável.

Sair: irá interromper a verificação.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

15 / 41
Localizador de Defeitos

Os componentes verificados são indicados em verde, os componentes verificados


parcialmente são indicados em vermelho e os componentes não verificados são indicados
em laranja.

Podemos visualizar um relatório da verificação, clique em


Arquivos >> Relatório.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

16 / 41
Localizador de Defeitos
3.9 - Novo Projeto.

Para criar um novo projeto, clique em:

Arquivo >> Novo.

A seguinte tela irá aparecer:

Preencha os campos com os dados da placa e clique em salvar.

Digite o nome do novo projeto e clique em Salvar. Um arquivo com extensão .vrs será
criado.

Importante: sempre faça cópias de segurança (backup) dos arquivos de projeto.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

17 / 41
Localizador de Defeitos
3.10 - Abrir Projeto.

Para editar um projeto previamente armazenado clique em:

Arquivo >> Abrir.

Selecione o projeto desejado.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

18 / 41
Localizador de Defeitos
3.11 - Configuração.

O Localizador de Defeitos permite armazenar os pinos de


componentes e conectores de modo automático usando o
conector de expansão para até 40 pinos.

Clicando em Configuração o usuário pode configurar a


memorização de 5 modos:

Atenção: o GND (ponta de prova preta) tem que ser ligado aos pontos de terra (0V) do
circuito a ser armazenado.
3.11.1 - Ponta de Prova:

Ponta de Prova é o modo de memorização usando as pontas de prova. Neste modo o


usuário armazena as curvas, pino a pino.
3.11.2 - Clip Automático (apenas para o VRS-575).

Clip Automático é o modo que permite a memorização automática de circuitos integrados


com até 40 pinos, usando a interface de expansão e Clips de teste. Neste modo, a
gravação e o avanço para o próximo pino são automáticos.

Para maiores informações leia o item Modo Clip do manual do VRS-575


3.11.3 - Clip M anual (apenas para o VRS-575).
Clip Manual: nesse modo, o usuário clica em Grava e Avança para gravar e avançar para
o pino seguinte.

Para maiores informações leia o item Modo Clip do manual do VRS-575


3.11.4 - Fixture Automático (apenas para o VRS-575).

Fixture Automático é o modo que permite a memorização automática de componentes


com até 40 pinos, usando a interface de expansão. Neste modo, a gravação e o avanço
para o próximo pino são automáticos.

Para maiores informações leia o item Modo Fixture do manual do VRS-575


3.11.5 - Fixture M anual (apenas para o VRS-575).
Fixture Manual nesse modo, o usuário clica em Grava e Avança para gravar e avançar
para o pino seguinte.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

19 / 41
Localizador de Defeitos
Para maiores informações leia o item Modo Fixture do manual do VRS-575
3.11.6 - Alerta Sonoro.

Selecionando a opção Alerta sonoro o software irá emitir um sinal sonoro cada vez que
uma curva é gravada.

- Som com tom médio indica curva gravada.

- Som com tom agudo indica Alerta (Falha ou Fim de Armazenamento).


3.12 - Avançado.

O módulo Gravador de Curvas tem o item Avançado. Esse item é


destinado a usuários experientes.

O item Avançado possui 3 opções:

 Tipo de Teste: o usuário pode definir o tipo de teste utilizado por cada pino. Essa
opção é ideal para componentes mistos.

 Tolerância: permite que o usuário altere o limiar de tolerância para cada pino. A
tolerância é o valor usado no modo teste para definir se uma curva é uma falha ou
não. Abaixo do valor de tolerância a curva e considerada boa, acima desse valor é
considerado uma falha.

 Tipo Automático: O software irá escolher o tipo de teste mais adequado para cada
pino.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

20 / 41
Localizador de Defeitos
3.12.1 - Tipo de M edição.

Muitos componentes podem estar conectados tanto à circuitos de


potência como também à circuitos convencionais, nesses casos é
interressante configurar o tipo de teste em cada pino,
individualmente.

Para configurar o tipo de teste clique em Avançado >> Tipo de


Medição.

Mude para o tipo de medição desejado e clique em OK.

Coloque a ponta de prova no pino e clique em Grava e Avança ou Espaço.


3.12.2 - Tolerância.

Nesse item o usuário pode configurar a tolerância usada por pino.


A tolerância padrão é de 6%. A tolerância é o valor usado no modo
teste durante a comparação para definir se um pino está com falha
ou não.

Para configurar a tolerância clique em Avançado >> Tolerância.

Digite o valor de tolerância desejada e clique no botão OK.

3.12.3 - Tipo Automático

Quando o Tipo Automático está selecionado o software escolhe o


Tipo de medição mais adequado para cada pino.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

21 / 41
Localizador de Defeitos
3.13 - Visualizar Foto.

O software permite a visualizara foto da placa durante o


armazenamento das curvas.

Para visualizar a foto clique em Opções >> Visualizar Foto.

Para voltar a gravar as curvas clique em Sair ou pressione


ESC.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

22 / 41
Localizador de Defeitos
4 - Modo Teste.
No Modo Teste, o software pode comparar as curvas de um circuito em teste com as
curvas de um circuito previamente armazenado.

Atenção: O GND tem que ser ligado aos pontos de terra (0V) do circuito em teste.
4.1 - Iniciando.

Ao iniciar o modo teste o software pede para abrir um projeto.

Escolha o arquivo do projeto armazenado (.vrs , .res ou .bco).

Os arquivos com extensão .res são arquivos de resultados que só permitem a


visualização de resultados armazenados. Veja o item Salvar Resultados.

Os arquivos com extensão .bco são arquivos do banco de curvas fornecido pela VeRSis,
para maiores detalhes visite o nosso site www.versis.com.br.

Em seguida aparecerá a tela de teste com a foto e os componentes armazenados.

Os componentes que ainda não foram testados aparecerão em amarelo.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

23 / 41
Localizador de Defeitos
4.2 - Selecionar Componente

Para selecionar um componente posicione o cursor sobre o componente e clique com o


botão esquerdo do mouse.

O componente aparecerá marcado em amarelo e seus dados aparecerão nos campos do


lado esquerdo da tela.
4.3 - Configuração

O Localizador de Defeitos permite testar os pinos de


componentes e conectores de modo automático usando o
conector de expansão para até 40 pinos.

Clicando em Configuração o usuário pode configurar o teste


de 5 modos:

Nos modos Clip e Fixture, o GND (ponta de prova preta) deve ser ligado aos pontos de
terra (0V) do circuito a ser armazenado.
4.3.1 - Ponta de Prova:

Ponta de Prova é o modo de teste usando as pontas de prova. Neste modo o usuário
armazena as curvas, pino a pino.
4.3.2 - Clip Automático (apenas para o VRS-575).

Clip Automático é o modo que permite o teste automático de circuitos integrados com até
40 pinos, usando a interface de expansão e Clips de teste. Neste modo, o teste e o
avanço para o próximo pino são automáticos.

Para maiores informações leia o item Modo Clip do manual do VRS-575

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

24 / 41
Localizador de Defeitos
4.3.3 - Clip M anual (apenas para o VRS-575).

Clip Manual: nesse modo, o usuário clica em Testar Pino para testar e avançar para o
pino seguinte.

Para maiores informações leia o item Modo Clip do manual do VRS-575


4.3.4 - Fixture Automático (apenas para o VRS-575).

Fixture Automático é o modo que permite o teste automático de componentes com até 40
pinos, usando a interface de expansão. Neste modo, o teste e o avanço para o próximo
pino são automáticos.

Para maiores informações leia o item Modo Fixture do manual do VRS-575


4.3.5 - Fixture M anual (apenas para o VRS-575).
Fixture Manual nesse modo, o usuário clica em Testar Pino para testar e avançar para o
pino seguinte.

Para maiores informações leia o item Modo Fixture do manual do VRS-575


4.3.6 - Alerta Sonoro.

Selecionando a opção Alerta sonoro o software irá emitir um sinal sonoro cada vez que
uma curva é testada.

- Som com tom médio indica teste OK.

- Som com tom agudo indica Alerta (Falha ou Fim do teste).

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

25 / 41
Localizador de Defeitos
4.4 - Testar Componente - Ponta de Prova, Clip M anual, Fixture
M anual

Para testar um componente, posicione o cursor sobre o componente e clique duas vezes
o botão esquerdo do mouse. A tela do Comparador de Curvas irá aparecer. Se estiver
usando ponta de prova coloque a ponta de prova do canal 1 no pino 1 do componente. Se
estiver utilizando Clip ou Fixture, verifique a correta conexão no item Interface de
Expansão no manual do VRS-575.

A curva que está sendo medida aparecerá em verde, e a curva armazenada aparecerá
em vermelho. Clique em Testar Pino. Se o erro for menor que 6%, o software irá testar o
pino seguinte. Se o erro for maior que 6%, o software irá perguntar se deseja Aceitar a
Falha, Recusar a Falha, Testar o pino novamente ou Sair para interromper o teste.

Também é possível marcar manualmente um pino como defeituoso, mesmo com erro
menor que 6%, clicando em Marcar Falha.
Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

26 / 41
Localizador de Defeitos
Obs.: A tolerância padrão é de 6% mas ela pode ser alterada pelo usuário, consulte o item
Avançado.

Após testar todos os pinos do componente a tela a seguir irá aparecer.

Clique em Sim, para voltar à tela de Memorização.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

27 / 41
Localizador de Defeitos
Os componentes que não apresentaram falhas são indicados em verde e os que
apresentaram falhas são indicados em vermelho.

O campo Pinos com falha irá mostrar uma lista dos pinos que apresentaram falha do
componente selecionado.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

28 / 41
Localizador de Defeitos
4.5 - Testar Componente - Clip Automático, Fixture Automático.

Conecte corretamente o Clip ou o Fixture na placa. Verifique a correta conexão no item


Interface de Expansão no manual do VRS-575.

Para testar um componente, posicione o cursor sobre o componente e clique duas vezes
o botão esquerdo do mouse. A tela do Comparador de Curvas irá aparecer e o software
começará a testar o pino 1.

A curva que está sendo medida aparecerá em verde, e a curva armazenada aparecerá
em vermelho. Se o pino testado não apresentar falhas, o próximo pino será testado
automaticamente. Em caso de falha, o software irá perguntar se deseja Aceitar a Falha,
Recusar a Falha, Testar o pino novamente ou Sair para interromper o teste.

Ao terminar o teste o software irá voltar automaticamente à tela de teste.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

29 / 41
Localizador de Defeitos
Os componentes que não apresentaram falhas são indicados em verde e os que
apresentaram falhas são indicados em vermelho.

O campo Pinos com falha irá mostrar uma lista dos pinos que apresentaram falha do
componente selecionado.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

30 / 41
Localizador de Defeitos
4.6 - Visualizador de Resultados.

À medida que o teste é executado, as curvas obtidas durante o teste são armazenadas
automaticamente. Para visualizá-las, selecione um componente e selecione o item
Ferramentas >> Visualizar Resultados.

A Tela de Visualização de Resultados irá aparecer

A curva padrão irá aparecer em vermelho e a curva medida irá aparecer em branco.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

31 / 41
Localizador de Defeitos
Selecione Exibir apenas os pinos com falha, para visualizar os pinos que não passaram
no teste.

Os pinos com fálha são aquelas marcados durante o teste, pode não ter relação com a
porcentagem de erro indicada na curva.

Para visualizar o gráfico de um pino com mais detalhes clique sobre o gráfico do pino
desejado.

Clique novamente sobre o gráfico para voltar ao modo de visualização de múltiplos pinos.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

32 / 41
Localizador de Defeitos

Se não for possível mostrar todos os pinos numa única tela, o software irá dividir os
gráficos dos pinos em várias telas, para navegar pelas telas usamos os botões Anterior e
Próximo.

Clique em Sair ou Esc para voltar à tela de Teste.

Ao se reiniciar o teste, as curvas de resultado são perdidas. Se desejar salvá-las para


consulta posterior, consulte o item Salvar Resultados.
4.7 - Visualizar Foto

O software permite a visualizara foto da placa durante o teste.

Para visualizara foto clique em Opções >> Visualizar Foto

Para voltar a testar as curvas clique em Sair ou


pressione ESC.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

33 / 41
Localizador de Defeitos

4.8 - Abrir Projeto


Abra um projeto clicando em Arquivo >> Abrir.

Escolha o arquivo do projeto armazenado no modo memorização (.vrs).

Escolha o arquivo do projeto armazenado (.vrs , .res ou .bco).

Os arquivos com extensão .res são arquivos de resultados que só permitem a


visualização de resultados armazenados. Veja o item Salvar Resultados.

Os arquivos com extensão .bco são arquivos de banco do banco de curvas fornecido pela
VeRSis, para maiores detalhes visite o nosso site www.versis.com.br.
4.9 - Reiniciar Teste
Se desejar testar uma nova placa, clique em Arquivo >>
Reiniciar. Assim, todos os componentes serão marcados em
amarelo, indicando como componentes não testados.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

34 / 41
Localizador de Defeitos
4.10 - Salvar Resultados

O usuário pode salvar os resultados dos testes (as curvas


medidas) em arquivo. Selecione Arquivo >> Salvar
Resultados.

Digite o nome do novo arquivo e clique em Salvar.

Os arquivos são salvos com a extensão .res. Esse arquivo só pode ser aberto apenas
para visualização. Para isto, basta abrir o arquivo no modo teste.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

35 / 41
Localizador de Defeitos
4.11 - Relatório

O software gera automaticamente um relatório do teste. Para


visualizá-lo clique em Arquivo >> Relatório.

A tela do relatório irá aparecer.

O usuário poderá salvar o relatório em arquivo tipo texto ou imprimir na impressora


configurada como padrão do Windows.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

36 / 41
Localizador de Defeitos
5 - Tipos de medição
O Localizador de Defeitos permite a seleção do tipo de medição a ser utilizado no teste.

O modo Padrão permite realizar testes em todos os tipos de circuitos e componentes. Em


algumas situações específicas, podemos ter uma medida mais eficiente e segura com os
outros dois tipos de medição, Potência e Baixa Tensão.

Tipo de medição Indicado para Características

±2,5V
Padrão Maioria dos circuitos e componentes
1,25mA (máx.)

Para circuitos integrados que ligam com ±1,2V


Baixa Tensão tensões menores que 1,2V (processadores
modernos, chipsets, etc.) 600μA (máx.)

Circuitos de baixa impedância, tais como ±2,5V


Potência componentes de alta corrente e capacitores
maiores que 1μF, fontes de alimentação, etc. 1,25mA (máx.)

Quando selecionado o tipo de medição Automático, o software irá selecionar o tipo de


medição mais adequado para o teste daquele pino.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

37 / 41
Localizador de Defeitos
6 - Configuração
Ao iniciar o software, ele tentará se comunicar com o equipamento. Se não for
encontrado, a seguinte mensagem irá aparecer:

Verifique se o equipamento está conectado, e se o driver de comunicação está


corretamente instalado. Ao clicar em Configuração >> Conectar, o software irá tentar se
comunicar com o equipamento novamente.

Para o total funcionamento do equipamento, é necessário instalar uma licença. Se


aparecer a seguinte mensagem, clique em OK.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

38 / 41
Localizador de Defeitos
Para instalar o arquivo de licença, clique em Configuração >> Licença

Digite uma licença de 20 algarismos. Caso não possua uma licença, escreva para
suporte@versis.com.br.

Quando a instalação estiver completa a mensagem **MODO DEMONSTRAÇÃO** na


barra de título irá sumir.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

39 / 41
Localizador de Defeitos
7 - Roteiro para Memorização e Teste.
Memorizando uma placa:

1- Obtenha uma placa boa (funcionando).

2- Tire uma foto da placa. Não use resolução muito alta, isso pode causar distorção
na imagem. Se possível utilize 640x480 (VGA). Se a placa for muito grande, divida
a placa em várias fotos e crie um projeto para cada região da placa.

3- No Modo Memorização, crie um novo projeto. Procure preencher todos os campos


na tela Dados da Placa. São informações que podem ser úteis no futuro.

4- Insira a foto e verifique se ela está nítida.

5- Localize o(s) ponto(s) de terra da placa e marque esse(s) ponto(s) na foto. Se


precisar de instruções adicionais, use o campo Comentário da Placa.

6- Conecte o GND do equipamento nos terras da placa. Se a placa possuir mais de


um ponto de terra será necessário uni-los.

7- Crie um componente, preste muita atenção no número de pinos, pois depois do


componente criado isto não poderá ser alterado.

8- Preencha o campo Código com o valor marcado no componente. Assim, mesmo


que o componente estiver carbonizado, você saberá qual é o componente correto,
para substituir.

9- Para componentes como conectores, resistores, capacitores cerâmicos, etc., que


não têm indicação de pino 1, crie uma marcação para o pino 1. Se precisar de
alguma orientação adicional use o campo Comentário.

10-Posicione a ponta de prova sobre o pino 1. Ao pressionar a tecla espaço, o


software irá armazenar o pino 1 e em seguida ficará aguardando o
armazenamento do pino 2. Mude a ponta de prova para o pino 2 e repita esse
procedimento até armazenar todos os pinos do componente.

11-Faça essa operação com muita atenção, pois uma curva armazenada errada
prejudicará o teste.

12-Depois de armazenar todos os pinos, o componente ficará laranja.

13-Aproveite que está com a placa boa na mão e verifique as curvas armazenadas. Na
verificação, você irá medir as curvas novamente comparando com aquelas que
você armazenou. Se todas estiverem OK o componente ficará verde.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

40 / 41
Localizador de Defeitos
Obs.: Alguns pinos podem ter as curvas muito instáveis e não permitir a verificação.
Pule a verificação desses pinos, o componente ficará marcado em vermelho
indicando verificação parcial.

14- Armazene e Verifique todos componentes antes de começar o teste.

Testando uma placa:

1- No Modo Teste abra o projeto correspondente à placa que deseja testar. Siga as
instruções indicadas no campo Comentários da Placa.

2- Conecte o GND do equipamento nos terras da placa. Se a placa possuir mais de


um ponto de terra será necessário uni-los. Observe as marcas de terra na foto.

3- Selecione o componente que deseja testar. Leia as orientação indicadas no campo


Comentários.

4- Clique duas vezes sobre o componente para iniciar o teste.

5- Posicione a ponta de prova sobre o pino 1. Ao pressionar a tecla espaço, o


software irá testar o pino 1

6- Se o pino estiver OK, o software iniciará o teste do pino seguinte. Posicione a ponta
de prova sobre o pino seguinte e repita esse procedimento, até testar todos os
pinos.

7- Se o pino estivar com falha escolha uma das opções na janela de falha.

8- Se todos os pinos do componente estiverem OK o componente aparecerá em


verde. Se algum pino estiver com falha o componente aparecerá em vermelho e os
pinos com defeito aparecerão no campo Pinos com Falha.

9- Teste todos os componentes antes de iniciar o conserto.

10-Inicie o conserto pelos componentes com defeitos mais graves, por exemplo, curtos
e circuitos abertos.

Rua Mogi Guaçú, 1.723 - Jd. Flamboyant – Campinas / SP CEP 13.091-103

Tel.: (19) 3296-5461 e-mail: versis@versis.com.br

www.versis.com.br

41 / 41

Você também pode gostar