Você está na página 1de 3

INSTITUTO DO EMPREGO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL

Centro de Emprego e Formação Profissional do Porto

Teste de Avaliação Técnico/a de Geriatria


Modalidade de Formação Vida Ativa
UFCD 8912- Higiene do Idoso

Formando(a): Data:
Formadora: Avaliação:

Leia atentamente as questões que se seguem e responda de forma correta.


Te ste d e Ava lia ç ã o
To ta is
Que stõ e s 1 2 3 4 5

Co ta ç õ e s (p o nto s) 3 4 5 4 4 20

Escala de ( 0 a 20) : Insuficiente: 0 a 9; Suficiente: 10 a 13; Bom: 14 a 17; Muito Bom: 18 a 20

1. Concorda que os hábitos de higiene no idoso possam ser alterados? Justifique.


Os hábitos de higiene devem ser alterados de acordo com o grau de dependência dos idosos.
Independente - Quando não precisa de ajuda na higiene, necessitando apenas de vigilância e/ou
incentivo.
Semi- dependente -quando lava a maior parte do corpo, necessitando de alguma ajuda. Nesta
situação, o cuidador deve: Aconselhar o idoso a lavar ele as partes de que é capaz, fornecer o material
que ele precisar. Ajuda-lo naquilo que ele tiver dificuldade.
Dependente -quando não é capaz de cuidar de si, necessitando de ajuda total do cuidador.

2. A higienização do idoso por parte dos cuidadores reveste-se de extrema importância.


Refira o que estes cuidados devem promover no idoso.
A HIGIENE é um conjunto de meios e regras que procuram garantir o bem-estar físico e mental,
promovendo a saúde e prevenindo a doença.
Na vida quotidiana, satisfazemos as nossas próprias necessidades, no entanto durante o
envelhecimento e durante a doença, a capacidade de nos auto cuidarmos diminui e a carência de
cuidados de higiene aumenta.
Uma boa higiene engloba todas as medidas que devemos ter para com um idoso/doente.

3. Durante a prestação de cuidados de higiene ao Idoso deverão ser respeitados alguns


aspetos. Refira os que lhe pareçam mais importantes.
INSTITUTO DO EMPREGO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL
Centro de Emprego e Formação Profissional do Porto

Durante a prestação de cuidados de higiene adequados ao Idoso e o seu consequente conforto físico e
mental, deverão ser respeitados alguns aspetos:
Proporcionar higiene e conforto, promovendo a saúde e prevenindo a doença;
Avaliar grau de dependência;
Favorecer independência/autonomia (não substituir quando o Idoso tem capacidade para realizar
determinada tarefa, incentivar ao autocuidado);
Observar todo o corpo, avaliando a integridade cutânea;
Promover a integridade cutânea (secar todas as pregas cutâneas e espaços interdigitais, aplicar creme
e massajar todo o corpo, etc.);
Promover mobilização passiva e ativa;
Não impor nova rotina, se possível atender à vontade do Idoso e aos seus hábitos (por exemplo: hora
e frequência do banho);
Verificar condições ambientais (temperatura, iluminação e ventilação);
Respeitar privacidade, dignidade e valores culturais do Idoso;
Assegurar as regras de segurança para o Idoso e para o Cuidador (grades e barras de proteção, tapetes
antiderrapantes, não deixar o idoso sozinho, não deixar que tranque a porta, utilizar luvas, atender à
ergonomia, etc.);

4. Relativamente aos cuidados de higiene totais, quais as opções que o cuidador dispõe e
como deve ser feita essa seleção.
Para os cuidados de higiene totais do idoso o cuidador deve considerar os graus de dependência e
utilizar técnicas de acordo com as limitações que os idosos apresentam.
O cuidador deve ter em conta todos estes aspetos, recorrendo a várias técnicas para a higiene total
do idoso.
Banho de chuveiro - A escolha entre tomar banho de emersão ou duche deve ser tomada pelo doente
e mediante as suas possibilidades, visto ambos os procedimentos garantirem uma higiene correta.
Ajudas técnicas. Assentos e pranchas para banheira, podem melhorar consideravelmente a segurança,
autonomia e acessibilidade.
O banho de chuveiro pode ser feito com a pessoa sentada numa cadeira de plástico com apoio lateral
colocada sobre tapete antiderrapante, ou em cadeiras próprias para banhos, disponíveis no comércio.
Banho de banheira (emersão) -Cadeira rotativa, permite uma transferência muito mais fácil.
INSTITUTO DO EMPREGO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL
Centro de Emprego e Formação Profissional do Porto

Existe no mercado em diferentes materiais, para indivíduos em que não é possível a posição sentada.
A prancha adapta-se à banheira e permite o escoamento da água.
Banho na cama- O banho na cama providencia-se quando o Idoso é totalmente dependente ou
quando há uma restrição do exercício.

5. Refira a designação para os restantes cuidados de higiene do idoso, para além dos
cuidados de higiene totais. Dê exemplos, referindo algumas particularidades que lhe
pareçam pertinentes.
A designação de cuidados higiene para além dos totais são os parciais.
Cuidados de Higiene parciais são os cuidados a ter com cada parte específica do corpo.
Também podem ser chamados cuidados de higiene parciais à higiene de parte do corpo,
frequentemente a regiões com secreção abundante e maior carência de higiene (cara, mãos, axilas e
genitais).
Cuidados de higiene parciais, cabelos, pele; unhas, boca e os dentes.

Você também pode gostar