Você está na página 1de 7

MATERIAL

DE ESTUDO

Aula 02

Material de estudos 1 NeuroSaber


Bem-vindo
à Semana da Alfabetização: Da teoria à prática!

INTRODUÇÃO
Este evento foi idealizado pela Luciana Brites (psicopedagoga e psicomotricista) e
desenvolvido pela NeuroSaber, uma comunidade que visa a capacitação de pais,
professores e profissionais a partir do conhecimento científico, com uma linguagem
simples e aplicabilidade prática.

Veja o que você vai encontrar aqui:

Recados Importantes

Material de estudos: Aula 02

RECADOS IMPORTANTES
As nossas aulas da Semana da Alfabetização ficarão disponíveis apenas até o dia 24 de
Janeiro, às 23h59min. Certo?

Comentários
Deixe a sua dúvida ou sugestão no campo COMENTÁRIOS, abaixo do vídeo.

Suporte
Você também pode tirar dúvidas, pedir informações e deixar sugestões com a
nossa equipe de suporte através do e-mail: suporte@neurosaber.com.br

Certificado
Você receberá um certificado de 10 horas. Para receber todas as informações
sobre o seu certificado, participe do nosso grupo do Whatsapp:
https://rebrand.ly/e-whatsapp-semana-da-alfabetizacao

Material de estudos 2 NeuroSaber


Material de estudos: Aula 02

Não são somente pais e familiares que acabam cometendo erros durante
o processo de Alfabetização de uma criança, mas também muitos profissionais
e professores que estão perdidos sobre qual caminho seguir para, de fato,
colaborar com o desenvolvimento infantil.
Então, se você está aqui com a gente, aproveite todo o conhecimento
que será disponibilizado durante essa semana, pois você irá aprender muito
sobre alfabetização a partir de evidências científicas, respeitando as fases de
aprendizagem, o que irá, certamente, potencializar o desenvolvimento de
nossas crianças!
A nossa missão por aqui é “Capacitar pais, professores e profissionais para
que sejam instrumentos de potencialização do desenvolvimento das crianças
e adolescentes”. Então, vamos juntos?

Entendendo o processo
da Alfabetização...

Para uma criança (ou qualquer pessoa) poder se alfabetizar, é


necessário o conhecimento grafo-fonêmico, ou seja, ela só vai aprender
a ler e escrever se aprender que as letras têm sons e que esses sons, de
maneira sequencial, formam
palavras.
Bom, deixa eu te dar um exemplo: quando a gente vê uma criança
que está no início do processo de alfabetização, uma das características
mais marcantes é que ela vai juntando as letras em sequência e vai
falando pedaço por pedaço, formando as sílabas. Quando você pergunta,
ela vai responder que foi juntando as letras, mas, na verdade, ela foi
juntando os sons das letras para fazer esse processo. Assim, quanto
mais rápido e quanto mais a criança vai juntando os sons das letras,
mais ela vai aprendendo a ler e escrever.
Desse modo, na prática, é necessário apresentar às crianças as
vogais, falando seu nome e som e, nesse caminho, ir grafando-as,
escrevendo-as. Isso porque uma das memórias mais importantes é a

Material de estudos 3 NeuroSaber


motora e inúmeras pesquisas mostram que, quando alfabetizamos
uma criança, se utilizarmos a escrita, otimizamos o processo de
alfabetização. É importante ressaltar que começamos com as vogais,
pois o som e as letras são iguais.
Assim, depois que a criança vir nome, som e realizar a grafia da
letra, é necessário que você a coloque para escutar palavras que tenham
a vogal que foi estudada. Nesse processo de ensino e aprendizagem,
você pode inserir brincadeiras lúdicas que possam chamar ainda mais
a atenção da criança. Depois de a criança reconhecer e aprender todas
as vogais, o interessante é procurar fazer pequenas junções delas,
começando a ler da esquerda para a direita, juntando os sons.
Depois que a criança reconheceu e aprendeu todas as vogais, o
interessante é procurar fazer pequenas junções delas. O mediador desse
processo, que pode ser pai, professor e profissional, deverá mostrar
a letra e começar a ler da esquerda para a direita com ela, juntando
os sons. É muito importante que a criança faça esse movimento, em
que ela junta os sons das letras, percebendo, assim, quando os sons se
unem e formam o significado… Aqui, valem junções, como os encontros
vocálicos, como EU, OI e AI.
Numa segunda etapa, a metodologia é a mesma, só que, agora,
serão apresentadas as consoantes, mas aqui tem outro segredinho…
No caso das consoantes, o mais interessante é começarmos pela que
tem o som que tem um prolongamento, como, por exemplo, o /M/:
conseguindo prolongar o som, isso ajuda (e muito) a criança a perceber!
Diferentemente se a gente começar com o B, por exemplo, que o som
é mais curtinho (/B/). Então, da mesma forma como você apresentou
as vogais, você vai fazer com o M: falar o nome da letra e fazer o som,
fazendo a criança escrever o M e, então, vai fazer a mesma coisa,
levando-as a perceber o som /M/ nas palavras, pintar o que começa
com o som /M/ e fazer a junção do M com as vogais, fazendo os sons
com o apoio viso motor.
E o que fazer depois?
Continuaremos a utilizar as outras letras, como o F, que tem um
som /F/ longo; o /L/, que também dá para prolongar o som e, depois,
ir aumentando o número de letras, sempre fazendo seu som e
correlacionando com as vogais.

Material de estudos 4 NeuroSaber


Nesse sentido, é muito importante que o mediador dê atenção
a todo esse processo de aquisição da leitura e escrita, seja você pai,
mãe ou profissional. Você terá que fazer esse processo de uma forma
efetiva, sempre utilizando a instrução explícita, motivando a criança.
Não se esqueça de sempre conferir o nível de aprendizagem da
criança, sem nunca ultrapassar etapas, conferindo seus avanços e
descobertas no mundo da leitura e escrita. Se ela não conseguir fixar
a aprendizagem dos sons das letras anteriores e, caso ela ainda tenha
dificuldade nessa fixação, procure mostrar atividades de maneira a
auxiliá-la, fazendo o som das letras conforme ela vai escrevendo.

Referências

SNOW, C. E.; BURNS, M. S.; GRIFFIN, P. Preventing reading difficulties in young


children. Washington: National Academy Press, 1998.

HOEFT, F. et al. White matter morphometric changes uniquely predict children’s


reading acquisition. Psychological science, v. 25, n. 10, p. 1870-1883, 2014.

Questionário

Clique aqui para testar seu conhecimentos sobre esta aula:

https://forms.gle/q6QuhpPnMrpQm53o6

Material de estudos 5 NeuroSaber


Material de estudos 6 NeuroSaber
MUITO OBRIGADO
ABRAÇOS, EQUIPE NEUROSABER!

SIGA NAS REDES SOCIAIS CLICANDO ABAIXO

Este programa é exclusivo para alunos NeuroSaber, e é proibido a sua cópia


e/ou reprodução parcial e/ou total, conforme os termos da Lei 9.610/98.

Você também pode gostar