Você está na página 1de 32

Aula 6

Capacitor – Circuitos RC
Indutores – Circuitos RL
Professor Daniel Papoti
Professor John Sims
Professor Tiago Ribeiro de Oliveira
daniel.papoti@ufabc.edu.br / john.sims@ufabc.edu.br / tiago.ribeiro@ufabc.edu.br
Universidade Federal do ABC, 1Q 2021
Conteúdo da Aula

➢ Capacitor e Circuito RC
• Conceito de elemento armazenador de energia eletrostática
• Relação tensão/corrente, potência e energia
• Associação de capacitores
• Circuito RC livre
➢ Indutor e Circuito RL
• Conceito de elemento armazenador de energia magnética
• Relação tensão/corrente, potência e energia
• Associação de indutores
• Circuito RL livre

2
Capacitância
➢ Capacitor: bipolo passivo que armazena energia em forma de
campo elétrico
q = Cv
C = farads (F)
➢ Propriedade: Capacitância C Q = Coulombs (C)
V = Volts (V)

➢ Construção: Duas placas condutoras separadas por um isolante


(ou dielétrico – di = oposição)
Dielétrico com
permissividade ε=εr.ε0 C = farads (F)
A ε = permissividade
Placas metálicas
com área A
C = A = m2
d d=m

ε0= 8,85.10-12 F/m


r = permissividade relativa
Unidade: Farad [F]

F, mF, F, pF

3
Permissividade do dielétrico

Campo elétrico criado V


pela tensão aplicada E= [V/m]
d

dipolos E = Ear − E '

E < Ear devido à inserção do dielétrico

→ Carga adicional pode ser acumulada nas


placas

q A
= 
Campo elétrico devido aos
dipolos induzidos no isolante C =
Material polarizado V d
4
Capacitor
Capacitores fixos Capacitores variáveis

Energia
q = Cv 1 q2 1 1
w= = C×v = q×v
2

dq dv 2C 2 2
i= =C P=
dw d æ 1 2 ö 1 d 2
= ç Cv ÷ = C v
dt dt dt dt è 2 ø 2 dt
1 t 1 dv
v = ò i(t)dt + v(t0 )
= C×2×
2 dt
C t0 P = Cv ×
dv
dt
5
Características do Capacitor
➢ Corresponde a um circuito aberto para corrente contínua
(dv/dt = 0 → i=0 )

➢ Sua tensão não pode variar abruptamente.

➢ Energia armazenada no capacitor sob forma eletrostática (só


depende da tensão)

1
w= Cv 2

6
Exemplo 1

Um capacitor de 1mF inicialmente descarregado, é


atravessado pela corrente indicada na figura.

Calcule a tensão no capacitor e a energia armazenada no


mesmo em t = 2 ms e t = 5 ms.

Resp.: v(2)=0,1V; w(2)=5J


v(5)=0,4V; w(5)=80J

8
Associação de Capacitores - Paralelo

C eq = C1 + C 2 + ... + C N

Qt = Q1 + Q2 + ... + QN

9
Associação de Capacitores - Série

1 1 1 1
= + + ... +
C eq C1 C 2 CN

Qt = Q1 = Q2 = ... = QN

10
Exemplo 2

Determinar a capacitância equivalente do circuito da figura abaixo.

F

Resp.: Ceq= 40F

11
Exemplo 3

Determinar as tensões v1, v2, v3 e v4 nos terminais dos capacitores da figura


abaixo.

Resp.: v1=30V; v2=30V; v3=10V; v4=20V

12
Circuito RC
Aplicação da 2ª. Lei de Kirchhoff (LKT) → equação diferencial de primeira ordem

q dq q
descarga
Carga vR + vC = 0 Þ R × i + = 0 Þ R× + = 0
C dt C
V0
-t
Solução: q(t) = q0e RC

Energia inicial dq V0 -t RC dq -t
no capacitor: iR = =- e vR = R×iR = R× = -v0e RC
dt R dt
1 2
w = Cv0
2

13
Resposta Livre do Circuito RC
Constante de Tempo:  = RC [s]

➢ A constante de tempo  do circuito é o tempo requerido para


que a resposta decaia de um fator de 1/e ou 36,8% de seu
valor inicial
➢ v decai mais rápido para  menor e mais lentamente para 
maior.

14
Resposta Livre do Circuito RC
➢ Todas as respostas do circuito terão o mesmo
comportamento exponencial, com a mesma constante de
tempo.
➢ A energia inicialmente armazenada no campo elétrico do
capacitor é dissipada totalmente em forma de calor
(Efeito Joule) no resistor.
➢ O capacitor “atua” como gerador, pois a tensão e a
corrente estarão fisicamente no mesmo sentido.
➢ Todas as respostas tenderão a zero para t→.

15
Resolução do Circuito RC Livre
1. Determinar a tensão inicial no capacitor v(0) =
V0
2. Determinar a constante de tempo do circuito 
= Req.Ceq (o circuito poderá ser composto por
vários resistores e vários capacitores que
poderão ser associados num único Req e num
único Ceq)
3. Calcular as outras respostas de interesse a
partir de v(t)

v ( t ) = V0 e − t /  onde =RC

-t/RC
v(t) = V0 e

16
Exemplo 4

A chave no circuito da figura estava fechada há muito tempo e abre em t=0,


deixando livre o circuito RC. Determine a tensão v(t) para t ≥ 0.

Resp.: v(t ) = 8e −2t [V,s]

19
Conteúdo da Aula

➢ Capacitor e Circuito RC
• Conceito de elemento armazenador de energia eletrostática
• Relação tensão/corrente, potência e energia
• Associação de capacitores
• Circuito RC livre
➢ Indutor e Circuito RL
• Conceito de elemento armazenador de energia magnética
• Relação tensão/corrente, potência e energia
• Associação de indutores
• Circuito RL livre

20
Conteúdo da Aula

➢ Capacitor e Circuito RC
• Conceito de elemento armazenador de energia eletrostática
• Relação tensão/corrente, potência e energia
• Associação de capacitores
• Circuito RC livre
➢ Indutor e Circuito RL
• Conceito de elemento armazenador de energia magnética
• Relação tensão/corrente, potência e energia
• Associação de indutores
• Circuito RL livre

21
Indutância
➢ Indutor: bipolo passivo que armazena energia em seu campo
magnético
➢ Propriedade: Indutância L (propriedade na qual um indutor se opõem
à variação de corrente elétrica)

comprimento l
N2  A
área transversal A
L=
l

Material do núcleo permeabilidade


magnética μ=μr.μ0

Número de espiras N

➢ Bobina de fio condutor de várias espiras Unidade: Henry [H]


Permeabilidade
M agnética no vácuo
μ0=4π.10-7 H/m H, mH, H

22
Indutância

Materiais Magnéticos → compostos


Linhas de campo magnético por domínios magnéticos

desmagnetizado

magnetizado

→ aumento do fluxo magnético

23
Indutores

Y = L ×i
Fluxo
Magnético:

dY di
Tensão: v= = L×
dt dt
t

ò v(t)dt + i(t )
1
Corrente: i= 0
L t0
0
1 2 1 2 1 2
Energia: w = Li - Li0 Þ w = Li
2 2 2
dw 1 d
P= = L (i(t))
2
potência:
dt 2 dt
24
Características do Indutor

➢ Corresponde a um curto circuito para corrente contínua


(di/dt = 0 → v=0 )

➢ Sua corrente não pode variar abruptamente

➢ Energia armazenada no indutor sob a forma de campo


magnético (só depende da corrente)

1
w= Li 2

25
Associação de Indutores - Série

Leq = L1 + L2 + ... + LN

26
Associação de Indutores - Paralelo

1 1 1 1
= + + ... +
Leq L1 L2 LN

27
Exemplo 5
A tensão nos terminais de um indutor de 2H é dada por:
v(t) = 10(1-t) [V,s]
Determine a corrente que flui no indutor em t=4s, assumindo que i(0) = 2A e
calcule a energia que foi armazenada no elemento no intervalo 0 < t < 4 s.

Resp.: i(4) = -18A; W=320J

28
Circuito RL
Aplicação da 2ª. Lei de
Kirchhoff → equação
diferencial de primeira ordem
Constante de
tempo:

vR + vL = 0 1 2
w = Li0
di(t ) 2
Ri(t ) + L =0 Energia inicialmente
dt armazenada no indutor:

29
Resolução do Circuito RL Livre

1. Determinar a corrente inicial no indutor


i(0) = I0
2. Determinar a constante de tempo do
circuito  = Leq/Req
(o circuito poderá ser composto por vários
resistores e vários indutores que poderão
ser associados num único Req e num único
Leq)
3. Calcular as outras respostas de interesse a
partir de i(t)

− t / L
i (t ) = I 0 e onde =
R

30
Circuito RL – Aspectos Físicos

31
Bipolos elementares passivos

32
Exemplo 6
Determine os valores de vC e iL nas condições de corrente contínua do circuito
abaixo.
Calcule as energias armazenadas no indutor e no capacitor.

33
Exemplo 7
No circuito da figura, a chave estava fechada há muito tempo e abre em t=0.
Determine i0(t) para t>0.

Resp.: i0 (t ) = 1, 41e −3t [A,s]

38
Obrigado pela
atenção