Você está na página 1de 3

COMO PREVENIR-SE E AGIR NOS DIAS DIFÍCEIS - Gn 41

I - OS DIAS DIFÍCEIS PODEM CHEGAR A QUALQUER UM.

O sofrimento das pessoas há muito tempo é causa de discussão:

a) Ação Maligna (Jó 1.12):

Ao que disse o Senhor a Satanás: Eis que tudo o que ele tem está no teu poder;
somente contra ele não estendas a tua mão. E Satanás saiu da presença do
Senhor.

b) Circunstâncias da vida – Caso de Noemi que perdeu seu marido e filhos (Rt1.3,5):

E morreu Elimeleque, marido de Noemi; e ficou ela com os seus dois filhos. 5 E
morreram também os dois, Malom e Quiliom, ficando assim a mulher desamparada
de seus dois filhos e de seu marido.

C) Nossa conduta pecaminosa e desobediente (Gl 6.7):

Não vos enganeis; Deus não se deixa escarnecer; pois tudo o que o homem
semear, isso também ceifará.

II – FAZEMOS MUITAS COISAS BOAS... (GN 4.2,5)

 Estudamos, obedecemos aos pais, somos honestos no trabalho, pontuais, falamos


a verdade, etc. Essa visão é muito prazerosa. Somos como as vacas gordas e as
espigas de trigo cheias e agradáveis à vista; todos nos rodeiam.

 O problema é que dentro de nós existe um gigante adormecido, esperando somente


o momento pra ser acordado. E geralmente isso acontece quando estamos
enfraquecidos, com a guarda baixa. Não é à toa que Pedro nos adverte em sua 1ª
carta (1Pe 5.8):

Sede sóbrios, vigiai. O vosso adversário, o Diabo, anda em derredor, rugindo como
leão, e procurando a quem possa tragar;

 O vento oriental tipifica o dia mal, a tempestade, a angústia, fome e desespero (Gn
41.23)

Êx 10.13: “Então estendeu Moisés sua vara sobre a terra do Egito, e o


Senhor trouxe sobre a terra um vento oriental todo aquele dia e toda aquela
noite; e, quando amanheceu, o vento oriental trouxe os gafanhotos.”

Os 13.15 Ainda que ele dê fruto entre os seus irmãos, virá o vento oriental,
vento do Senhor, subindo do deserto, e secar-se-á a sua nascente, e se
estancará a sua fonte; ele saqueará o tesouro de todos os vasos desejáveis.
III – DE UM MESMO LUGAR PODE SAIR COISA BOA E COISA MÁ? (GN 41.3,6)

 O Apóstolo Tiago disse que:

Tg 4.9: Com ela bendizemos ao Senhor e Pai, e com ela amaldiçoamos os homens,
feitos à semelhança de Deus.10 Da mesma boca procede bênção e maldição. Não
convém, meus irmãos, que se faça assim. 11 Porventura a fonte deita da mesma
abertura água doce e água amargosa?12 Meus irmãos, pode acaso uma figueira
produzir azeitonas, ou uma videira figos? Nem tampouco pode uma fonte de água
salgada dar água doce.

 As vacas magras e feias, assim como as espigas de trigo miúdas e queimadas


saíram de um mesmo lugar! (Gn 41.3,6)

 Quando permitimos que sejamos instrumentos de benção e maldição, o mal


prevalece (Gn 41.4,7). Um pouco de fermento leveda toda massa. É como se a tinta
escarlata manchasse sua vestimenta nupcial.
 Quando damos espaço para que o engano, a mentira, a infidelidade, o ódio, a raiva,
se aproximem de nós, toda nossa beleza é dissipada (Gn 41.21).
 Ninguém se lembra das coisas boas que fizemos quando somos consumidos pelo
pecado (Gn 41.30,31).

III – A SOLUÇÃO (GN 41.33-36)

 No tempo bom podemos remediar os anos de tristeza.

 A sabedoria e a prudência são armas poderosas e preciosas que Deus nos


oferece. E este tesouro está em Jesus Cristo.
(Pv 8.12: Eu, a sabedoria, habito com a prudência, e possuo o conhecimento e a
discrição).
(Cl 2. 2 para que os seus corações sejam animados, estando unidos em amor, e
enriquecidos da plenitude do entendimento para o pleno conhecimento do mistério
de Deus-Cristo, 3 no qual estão escondidos todos os tesouros da sabedoria e da
ciência.

 O homem prudente e sábio obedece a Deus.


(Mt 7.24 : Todo aquele, pois, que ouve estas minhas palavras e as põe em prática,
será comparado a um homem prudente, que edificou a casa sobre a rocha.)

 Seu empenho e esforço direcionados por Deus evitarão que você venha a
padecer nas dificuldades.
(Gn 41.36: assim será o mantimento para provimento da terra, para os sete anos de
fome, que haverá na terra do Egito; para que a terra não pereça de fome).

Você também pode gostar