Você está na página 1de 4

04/04/2021 UNIDADE III_TEORIA_1_2021: Fenômenos de Transportes - Engenharia de Produção - Campus Coração Eucarístico - PMG - Noite - …

UNIDADE III_TEORIA_1_2021
Entrega 4 abr em 23:59 Pontos 3 Perguntas 5
Disponível 25 mar em 16:00 - 4 abr em 23:59 10 dias Limite de tempo Nenhum

Histórico de tentativas
Tentativa Tempo Pontuação
MAIS RECENTE Tentativa 1 17 minutos 3 de 3

 As respostas corretas estarão disponíveis em 5 abr em 0:00.

Pontuação deste teste: 3 de 3


Enviado 4 abr em 20:00
Esta tentativa levou 17 minutos.

Pergunta 1 0,6 / 0,6 pts

A mangueira de um jardim possui um diâmetro de 2 cm e está ligada a


um irrigador que consiste de um recipiente munido de 14 orifícios iguais,
cada um dos quais com diâmetro de 0,14 cm. Se a velocidade da água
na mangueira vale 0,85 m/s, determinar a velocidade da água ao sair
dos orifícios, em (m/s):

0,124 m/s

1,24 m/s;

124 m/s;

12,4 m/s;

https://pucminas.instructure.com/courses/63586/quizzes/175515 1/4
04/04/2021 UNIDADE III_TEORIA_1_2021: Fenômenos de Transportes - Engenharia de Produção - Campus Coração Eucarístico - PMG - Noite - …

Pergunta 2 0,6 / 0,6 pts

PETROBRAS - ENGENHEIRO(A) DE PROCESSAMENTO JÚNIOR


2014.2

No cálculo da perda de carga no escoamento através de uma tubulação,


o fator de atrito é um parâmetro muito importante. Em determinado
problema, o fator de atrito é calculado utilizando-se diagramas ou
correlações. Para o escoamento de água em uma tubulação com
ξ
diâmetro D e rugosidade relativa D
, diferente de zero, o fator de atrito é:

é uma função somente da rugosidade relativa, caso o Reynolds seja


suficientemente elevado.

tem um comportamento monotônico, aumentando na medida em que a


vazão aumenta.

é uma função da vazão e da rugosidade relativa, caso o escoamento


esteja no regime laminar.

é uma constante, independendo do regime de escoamento.

diminui com o aumento da rugosidade relativa, caso o escoamento seja


turbulento com um número de Reynolds fixo.

Pergunta 3 0,6 / 0,6 pts

https://pucminas.instructure.com/courses/63586/quizzes/175515 2/4
04/04/2021 UNIDADE III_TEORIA_1_2021: Fenômenos de Transportes - Engenharia de Produção - Campus Coração Eucarístico - PMG - Noite - …

PETROBRAS - ENGENHEIRO(A) DE EQUIPAMENTOS JÚNIOR


MECÂNICA 1/2012

Um fluido ideal, sem viscosidade e incompressível, escoa por um tubo


horizontal de seção quadrada de lado L1 = 2,0 cm. Esse tubo, a partir de
um certo ponto, se expande de modo a ter, a partir desse ponto, o lado L2
= 6,0 cm. Sabendo que a vazão do tubo é de 3,6 litros/s, determinar a
variação da pressão ΔP = P2 − P1 , em (kPa):

Dado: densidade do fluido ρ = 1,0 × 103 kg/m3

0,40

400

40

0,040

Pergunta 4 0,6 / 0,6 pts

O fluido (1), com peso específico 9800 N/m3, é transportado


verticalmente de (B) para (C), como mostrado na figura. Determinar a
diferença de pressão entre os pontos (B) e (C), em (Pa), se o peso
específico do fluido (2) é 8200 N/m3.

https://pucminas.instructure.com/courses/63586/quizzes/175515 3/4
04/04/2021 UNIDADE III_TEORIA_1_2021: Fenômenos de Transportes - Engenharia de Produção - Campus Coração Eucarístico - PMG - Noite - …

2562,0 Pa;

2,5620 Pa

256,20 Pa;

25620 Pa;

Pergunta 5 0,6 / 0,6 pts

Refrigerante R134a entra no compressor de aparelho de ar condicionado


a 4 bar, 20º C, entalpia específica de 262,96 kJ/kg, e é comprimido em
regime permanente até 12 bar e 80º C, entalpia específica de 310,24
kJ/kg. A vazão mássica do refrigerante é de 4,0 kg/s. A potência de
entrada do compressor é de 60 kW. Desprezando os efeitos das energias
cinética e potencial, determinar a transferência de calor, em (kW):

(- 129,12 W).

129,12 W;

129,12 kW;

(- 129,12 kW);

Pontuação do teste: 3 de 3

https://pucminas.instructure.com/courses/63586/quizzes/175515 4/4

Você também pode gostar