Você está na página 1de 1

HEMISFÉRIOS CEREBRAIS

Um hemisfério cerebral é definido como uma das duas regiões do cérebro que são divididas
pelo plano mediano do corpo. Desta maneira, o cérebro pode ser dividido em hemisfério
cerebral esquerdo e hemisfério cerebral direito. Eles estão conectados entre si, por um feixe
de filamentos nervosos denominado corpo caloso, estando este responsável pela troca de
informações entre as diversas áreas do córtex cerebral.

O hemisfério dominante em 98% dos humanos é o hemisfério esquerdo que é responsável


pelo pensamento lógico e competência comunicativa. O hemisfério direito, embora existam
cada vez mais pesquisas recentes que contradizem isso, é responsável pelo pensamento
simbólico e criatividade, comprovando que existem partes do hemisfério direito destinados a
criatividade e vice-versa. Nos canhotos as funções estão invertidas.

O hemisfério esquerdo diz-se dominante, pois nele localizam-se 2 áreas especializadas: a


Área de Broca, o córtex responsável pela motricidade da fala, e a Área de Wernicke, o córtex
responsável pela compreensão verbal.

O sistema nervoso humano está conectado com o cérebro mediante uma comunicação
cruzada. De acordo com este critério, o hemisfério esquerdo controla o lado direito do corpo,
e o hemisfério direito controla o lado esquerdo. Em função deste cruzamento das vias
nervosas, a mão esquerda está conectada ao hemisfério direito, e a mão direita ao hemisfério
esquerdo. Os cientistas já sabem há muito tempo que o lado direito do cérebro controla o lado
esquerdo do corpo e vice-versa, ou seja, é um arranjo que os neurocientistas chamam de
contralateral. Assim, uma lesão de um lado do cérebro, normalmente vai afetar os
movimentos e os sentidos do lado oposto do corpo.

O francês Dr. Marc Dax em 1836 foi o primeiro a sugerir que os hemisférios teriam funções
diferentes. Observou pacientes com derrame cerebral. Quando a lesão era no hemisfério
esquerdo, o paciente ficava com o corpo paralisado do lado direito e sem fala. Posteriormente
esses fatos foram confirmados pelo famoso cientista francês Pierre Broca, que descobriu que o
centro motor de comando da linguagem falada encontra-se apenas no hemisfério esquerdo.
Uma lesão nessa área torna a pessoa total ou parcialmente afásica, isto é, sem a capacidade de
enunciar a voz, sem entretanto alterar outras funções relacionadas linguagem.