Você está na página 1de 20

S.P.L.

HF-400 Manual do Usuário

Manual do Usuário

HF-400

Analisador Eletro cirúrgico para testes funcionais de unidades eletro cirúrgicas

Instruções ao Usuário:

Este manual é fornecido no formato de publicação em folhas soltas. Quaisquer


atualizações necessárias e páginas adicionais podem ser incluídas sem dificuldade
posteriormente, para que você sempre possua a última versão do manual. Nós
fornecemos suplementos e/ou alterações ao seu manual juntamente com modificações
técnicas que são aplicadas ao seu sistema de teste.

Os símbolos e desenhos DIN/VDE ilustrados neste manual foram reproduzidos com a


permissão de Deutsches Institut für Normung e.V. (DIN: Instituto Alemão para
Normatização) e de Verband Deutscher Elektrotechniker e.V. (VDE: Associação Alemã
de Engenheiros Elétricos). Ao aplicar as normas relevantes, é importante utilizar as
versões com a mais recente data de emissão.

Reservamos o direito de efetuar quaisquer alterações na informação neste manual


sem aviso prévio. A S.P.L. Elektronik não aceita qualquer responsabilidade a esse
respeito. O software que acompanha este produto é fornecido dentro do escopo de um
Acordo de Licença. O software pode ser utilizado e copiado apenas em conformidade
com os termos e condições do Acordo de Licença.

Todos os direitos pertinentes à reimpressão e reprodução do manual, ou partes do


mesmo, são reservados. Nenhuma parte do manual pode ser reproduzida em qualquer
forma (fotocópia, microfilme ou qualquer outro procedimento) ou processada,
reproduzida ou distribuída utilizando sistemas eletrônicos sem a prévia aprovação
escrita da S.P.L. Elektronik.

Outros produtos mencionados pelo nome são marcas comerciais ou marcas


comerciais registradas de suas respectivas companhias.

Biosensor Indústria e Comércio Ltda


Rua da Juta, 463 – Distrito Industrial Abdo Najar
Americana – São Paulo - Brasil
Tel. +55 19 3469-3636
e-mail: biométrica@biosensor.com.br

2a. Edição 2008


S.P.L. HF-400 Manual do Usuário

Declaração de Conformidade

Nr. 20021020002

Fabricante: S.P.L. Elektronik

Endereço: S.P.L. Elektronik Forstweg 1, 14656 Brieselang Bundesrepublik


Alemanha

Descrição do Produto: Analisador Eletro cirúrgico AF para testes funcionais de


unidades eletro cirúrgicas AF

Modelo: HF-400

O produto descrito acima está em conformidade com:

EG Diretiva de Baixa Voltagem de 12 de Dezembro de 2006,

Diretivas 89/336/EWG de 18 de Dezembro de 1998,


EMVG Lei sobre a compatibilidade eletromagnética

EN 61010-1:2002,
Requisitos de segurança para equipamentos de medições elétricas, controle e
instrumentos de laboratório.
Parte1 Requisitos Gerais

EN 61326-1:2006
Equipamentos elétricos para medição, controle e uso laboratorial

EN 61000-4-2:2001
EN 61000-4-3:2003
EN 61000-4-4:2005
EN 61000-4-5:2001
EN 61000-4-6:2001
EN 61000-4-7:2003
EN 61000-4-8:2001
EN 61000-4-11:2001

Brieselang, 04.04.2008

Peter Lubitz Bernd Schulz


S.P.L. Elektronik S.P.L. Elektronik
Proprietário Gerente de Desenvolvimento
S.P.L. HF-400 Manual do Usuário

1 INTRODUÇÃO ...........................................................................................................................4

2 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS...............................................................................................5

2.1 PRECISÃO DA MEDIÇÃO..............................................................................................................6

2.2 INFORMAÇÃO ADICIONAL...........................................................................................................6

3 DESCRIÇÃO FUNCIONAL .....................................................................................................7

3.1 FUNDAMENTOS FÍSICOS DA MEDIÇÃO DE POTÊNCIA EM UNIDADES ELETROCIRÚRGICAS .......8

3.2 MEDIÇÃO DE POTÊNCIA EM DISPOSITIVOS ELETROCIRÚRGICOS AF ........................................9

3.3 MEDIÇÃO DE CORRENTE DE FUGA EM DISPOSITIVOS ELETROCIRÚRGICOS.................................10

3.4 AJUSTE DE MEDIÇÕES FUNDAMENTAIS....................................................................................10

4 INSTRUÇÕES DE OPERAÇÃO ............................................................................................11

4.1 COMO UTILIZAR ......................................................................................................................11

4.2 MENU PRINCIPAL.....................................................................................................................12

4.3 ALIMENTAÇÃO ELÉTRICA.......................................................................................................12

4.4 CORRENTE DE FUGA DE AF......................................................................................................13

4.5 AJUSTES INICIAIS ....................................................................................................................14

4.9 OPERAÇÃO DO PC.....................................................................................................................15

5 MEDIÇÕES ...............................................................................................................................16

6 SERVIÇOS E CALIBRAÇÃO ................................................................................................20


S.P.L. HF-400 Manual do Usuário

1 Introdução

O Analisador Eletro cirúrgico HF-400 permite testar as funções de unidades eletro


cirúrgicas. As medições e exames são efetuados conforme as regulamentações em
vigor bem como de acordo com as recomendações apropriadas do fabricante.

Você pode efetuar medições individuais com o dispositivo ou deixar que exames
automáticos sejam efetuados pelo software do PC. A operação do dispositivo é
controlada por cursor, e com poucas decisões SIM/NÃO, as diferentes funções do
dispositivo podem ser ativadas. A ultima escolha que você fez permanece no
dispositivo mesmo que o dispositivo seja desligado, para que você não precise
selecionar novamente.

Na operação autônoma o dispositivo é utilizado com 6 teclas de membrana, que são


integradas ao painel frontal.

Para controlar o HF-400, um computador 100% compatível com IBM, em padrões


industriais, é requerido. A comunicação entre o PC e o HF-400 ocorre entre interfaces
USB ou RS-232.

Atenção – Instruções de Segurança!

Durante e após as medições existe um elevado risco de ferimento.

Durante as medições, procedimentos apropriados devem garantir a proteção


S.P.L. HF-400 Manual do Usuário

2 Especificações Técnicas

Voltagem de linha: 83 V – 264 V AC, 50/60 Hz

Consumo de Energia: 50 VA
Classe de segurança: 1
Temperatura + 5 -+40 °C
Operacional
Temperatura de -10 -+50 °C
Armazenagem:

Faixas de Medição
Corrente AF: 0 -5000 mA
Resolução: 0,1 mA
Potência de saída AF: 1 -500 Watt
Corrente de fuga AF: 0 -250 mA
Resolução: 0,1 mA
Faixa: 0 – 10 MHz
Principio de Medição: Conversor Termoelétrico
Resistências de carga: 10 Ohm,
25 Ohm – 6375 Ohm
em incrementos de 25 Ohm
Tempo de estabilização: < 3 seg.
Potência de saída: 500 watts 1 min ligado, 5 min desligado
Permanente 200 watts a 25°C
de temperatura ambiente
S.P.L. HF-400 Manual do Usuário

2.1 Precisão da aferição

Medição Faixa Erro


Potência de saída AF: 1 – 500 watt ± 1 watt ou
2,5 % do valor
Corrente de fuga AF: 0 - 250 mA ± 2 mA ou
5 % do valor
Resistências de carga: 10 Ohm,
25 Ohm – 6375 Ohm 5%

2.2 Informação adicional

Teclado: teclado de membrana 6 teclas


Display: Display LCD P/B - 4 x 20 caracteres
Interfaces: 1 x USB parar PC
1 x RS-232 para PC
1 x RS-232 para dispositivos de teste adicionais

Conectores de teste: 2 conectores de segurança 4 mm, potência de saída AF


2 conectores de segurança 4 mm, corrente de fuga AF
1 conector de segurança anel 4 mm para PE
1 x equipotencial

Acessórios: 1 x cabo de balanço potencial


1 x cabo RS-232

Dados Mecânicos: Gabinete metálico de baixo peso


340 x 87 x 290 mm (L x A x P)
Aprox. 4,5 kg
S.P.L. HF-400 Manual do Usuário

3 Descrição funcional

O HF-400 é um dispositivo de teste controlado por microprocessador para testar o


funcionamento de unidades eletro cirúrgicas em conformidade com regulamentos e
recomendações dos fabricantes.

A resistência de carga é ajustável para 10 Ohms e de 25 – 6375 Ohms em


incrementos de 25 Ohms. Os parâmetros de teste podem se fundamentar em
instruções de teste e podem ser testados automaticamente com um PC. Isso
possibilita reduzir o tempo de teste.

No painel dianteiro existem 5 soquetes laboratório de segurança. 2 soquetes


laboratório servem para a medição da corrente de carga resultante AF sobre a
resistência de carga ajustável, que pode ser ajustada de 10 ohms e 25 ohms - 6375
ohms em incrementos de 25 ohms. 2 soquetes laboratório de segurança servem
exclusivamente para a medição da corrente de fuga de AF através de uma resistência
fixa de 200 ohms.

O 5o. soquete de laboratório de segurança serve para o contato adicional da conexão


equipotencial dos dispositivos de eletro cirurgia AF ao instrumento de medição.

As combinações exigidas pelas normas podem ser efetuadas agora pelo operador
utilizando linhas laboratório de segurança que podem ser livremente conectadas. Esse
modo de função oferece um máximo de flexibilidade para o operador. O qual está
agora em condições de cumprir cada uma, mesmo que complexas, instruções de
circuito dos fabricantes de dispositivos de cirurgia AF com mínimo gasto. Ao mesmo
tempo, a influência do instrumento de medição na ação do controlador do dispositivo
de eletro cirurgia AF é minimizada e assim uma melhora no comportamento de
medição é obtida.

As variáveis externas devem ser efetuadas como no apêndice.

Os seguintes parâmetros podem ser determinados:

Potência de saída AF SPL551


Corrente de fuga AF SPL552
S.P.L. HF-400 Manual do Usuário

3.1 Fundamentos físicos da medição de potência em unidades de eletro cirurgia

A potência de saída PL de unidades de eletro cirurgia é, como em todos os geradores


elétricos, o produto da voltagem UL na resistência de carga RL e a corrente IL pela
resistência de carga RL .

unidades de
eletro-cirurgia

IL e UL são dependentes, como demonstra o diagrama do circuito alternado, da


resistência interna Ri do dispositivo cirúrgico e da voltagem neutra U0 do gerador de AF
dentro do dispositivo cirúrgico AF:

Se você substituir as equações (2) e (3) na equação (1), então a dependência de


potência de saída PL das unidades de eletro cirurgia na resistência interna Ri e na
resistência de carga RL é reconhecível:
S.P.L. HF-400 Manual do Usuário

• Com RL = 0 is PL = 0. Isso significa que em caso de curto-circuito a potência de saída


também é zero.

• Com RL = ∞ is PL = 0. Isso significa que em caso de operação neutra a potência de


saída é zero.

• Com RL = Ri is PL = PLmax. Isso significa que a potência PL alcança seu máximo se a


resistência de carga for igual à resistência interno Ri do gerador.

• Com RL ≠ Ri is PL < PLmax . Isso significa que se a resistência de carga RL for maior ou
menor que a resistência interna Ri das unidades de eletro cirurgia, a potência de saída
PL é menor que sua potência de saída máxima PLmax. Esta condição é denominada
mismatching (descasamento).

Atenção: A medição de potência resultará em valor máximo


somente em casamento de impedâncias, isto é, se a
resistência de carga RL for igual à resistência interna Ri do
gerador. Se o RL for maior ou menor que o Ri, ou for
desconhecido, então a potência máxima deve ser
verificada pela variação do RL.

3.2 Medição de potência em Dispositivos Eletro cirúrgicos AF

A voltagem AF do Analisador Eletro cirúrgico AF é aplicável a uma resistência de


carga selecionável. A corrente resultante dessa voltagem AF produz uma voltagem AF
sobre um transformador de corrente proporcional à corrente AF. Essa voltagem AF é
carregada por um divisor de voltagem e o sinal resultante em tal modo é dividido para
baixo até o nível de entrada do transdutor RMS.

O transdutor RMS funciona de acordo com o princípio termoelétrico. Isso consiste em


dois círculos iguais de medição. Cada círculo de medição consiste em uma resistência
de aquecimento e um diodo infravermelho. A voltagem AF chega de um divisor de
voltagem na resistência de aquecimento do círculo de entrada e produz uma
temperatura proporcional ao RMS da voltagem recebida. A temperatura na resistência
de aquecimento controla a resistência do diodo infravermelho. No circuito de carga do
transdutor RMS, o segundo resistência de aquecimento é aquecido com voltagem DC.
Isso muda a resistência do segundo diodo infravermelho. Um circuito de controle
compara ambas as potencias de aquecimento e regula a voltagem DC secundária até
que ambos os círculos de aquecimento tenham a mesma temperatura. A voltagem DC
na segunda bobina, assim ajustada, é proporcional à voltagem primária RMS. O valor
RMS é digitalizado com um transdutor AD, processada no Controlador e exibida no
display.
S.P.L. HF-400 Manual do Usuário

3.3 Medição da corrente de fuga em dispositivos Eletro cirúrgicos HF

A corrente de fuga AF dos dispositivos eletro cirúrgicos AF é ajustada para uma


resistência de carga de 200 ohms. Essa corrente produz voltagem AF proporcional à
corrente AF em um transformador de corrente especial. Essa voltagem AF é carregada
por um divisor de voltagem e o sinal resultante é reduzido até o nível de entrada do
transdutor RMS.

3.4 Ajuste Inicial Fundamental das medições

Para inicializar o dispositivo, conecte-o à alimentação elétrica principal e se necessário


inicie a conexão com o PC através do cabo RS-232 fornecido. No PC coloque o cabo
RS-232 na interface RS-232.

O plug junto ao plug do PC (na parte traseira) do HF-400 com a descrição “test
adapter“ (adaptador de teste) pode ser utilizado para a conexão com outro dispositivo
de teste, por exemplo, sistema de teste modular GS-X.

O HF-400 é ligado com o interruptor de força. Após ligar, o auto teste do dispositivo
inicia. Em seguida, o equipamento é colocado em modo de operação, em condição
autônoma.
S.P.L. HF-400 Manual do Usuário

4 Instruções de operação

4.1 Como utilizar

O dispositivo funciona com seis teclas de membrana.

superior

esquerda direita

inferior

As teclas de seta fazem a seleção no menu ou a seleção de parâmetros.


A tecla enter serve como botão de início. Com a tecla ESC o respectivo programa
pode ser interrompido.

A seleção que estiver em uso na última vez é armazenada no dispositivo, para que se
ela for repetida, não precise ser novamente selecionada.
S.P.L. HF-400 Manual do Usuário

4.2 Menu principal

Após ligar o dispositivo você verá o seguinte aviso:

Após um curto tempo, o menu principal aparecerá com os seguintes itens:

4.3 Potência

Quando você selecionar power (potência) com a tecla ENTER, você pode selecionar a
medição escolhida entre diferentes valores de resistências.

Com as teclas seta esquerda e seta direita você seleciona o valor da resistência que
você deseja. Com as teclas seta acima e seta abaixo você pode mudar o valor da
resistência selecionado em incrementos de 25 Ohms. Com a tecla ENTER você inicia
a medição. Com a tecla ESC você interromperá e sairá da medição. Se você
pressionar duas vezes a tecla ESC você irá ao menu principal.

No display são exibidos o número da etapa do teste, a descrição da etapa do teste, o


valor real, a unidade de medida e a resistência de carga utilizada. O número da etapa
de teste tem três dígitos.
S.P.L. HF-400 Manual do Usuário

4.4 Corrente de fuga AF

Se você escolher corrente de fuga de AF com a tecla ENTER, você pode selecionar a
medição escolhida após as resistências.

Com as teclas seta direita e seta esquerda você pode selecionar o valor da resistência
que deseja. Com as teclas seta acima e seta abaixo você pode mudar o valor da
resistência selecionado em incrementos de 25 Ohms. Com a tecla ENTER você inicia
a medição. Com a tecla ESC você interromperá e sairá da medição. Se você
pressionar duas vezes a tecla ESC você irá ao menu principal.

No display são exibidos o número da etapa do teste, a descrição da etapa do teste, o


valor real, a unidade de medida e a resistência de carga utilizada. O número da etapa
de teste tem três dígitos.
S.P.L. HF-400 Manual do Usuário

4.5 Ajuste Inicial (Setup)

Se você selecionar SETUP com a tecla ENTER, você pode selecionar o ajuste inicial
de data, hora e idioma.

Com esses ajustes você pode ajustar o relógio de tempo real.

Com esses ajustes você pode escolher entre os seguintes idiomas:

- alemão, inglês, francês, polonês, espanhol,.italiano, português e turco

A data da próxima calibragem recomendada e o número de série são também


exibidos.
S.P.L. HF-400 Manual do Usuário

4.9 Operação do PC

A comunicação entre o PC e o HF-400 ocorre através da interface serial RS-232 com


um software especial para PC.

Etapas de função do HF-400

SPL551 RF2 potência de saída de AF


SPL552 RF2 corrente de fuga de AF

Parâmetro de PC do HF-400

Resistência de carga 10 Ohm, 25 Ohm a 6375 Ohm


em incrementos de 25 Ohm
S.P.L. HF-400 Manual do Usuário

5 Medições

Potencia de saída HF
da saída monopolar

Cabo de linha

Potencia de saída HF
da saída bipolar

Cabo de linha
S.P.L. HF-400 Manual do Usuário

Corrente de Fuga de AF 1

Medição da corrente de fuga de alta


freqüência com eletrodo neutro conectado
à massa e carga entre os eletrodos

Classificação B

Cabo de linha

Corrente de Fuga de AF 2

Medição da corrente de fuga de alta


freqüência com eletrodo neutro conectado
à massa e carga entre o eletrodo ativo e a
massa

Classificação B

Cabo de linha
S.P.L. HF-400 Manual do Usuário

Corrente de Vazamento de AF 4

Medição da corrente de vazamento de alta


freqüência de um eletrodo bipolar

Corrente de Vazamento de AF 5

Medição da corrente de vazamento de alta


freqüência com eletrodo de alta freqüência
isolado neutro conectado à massa
S.P.L. HF-400 Manual do Usuário

Corrente de Vazamento de AF 6

Medição da corrente de vazamento de alta


freqüência com eletrodo de alta freqüência
isolado neutro conectado à massa

Cabo de linha
S.P.L. HF-400 Manual do Usuário

6 Serviço e calibração

A qualidade dos dispositivos de medição e teste fabricados pela S.P.L. Elektronik


Brieselang, é garantida por um controle de qualidade multi-nível – e certificações de
garantia em conformidade com a DIN EN ISO 9001. Após inspeção final e calibração,
cada dispositivo recebe uma placa de exame e um certificado de calibração. A
calibração é reforçada com padrões, que são restauráveis aos padrões do Instituto
Federal Físico-Técnico.

Em concordância com TÜV CERT, o grupo de negócios TÜV Rheinland / Berlim-


Brandenburg, é recomendado para um intervalo normal anual de calibração dos
dispositivos de medição e teste da S.P.L. Elektronik Brieselang.

A calibração inclui uma manutenção, atualização do firmware, controle completo da


precisão das medições para todas as etapas de teste pelo controle com um ou vários
valores de referência e calibração. Através de atualização do firmware por exemplo,
alterações em padrões, expansão das funções dos dispositivos, etc, são
automaticamente integrados. Pela inspeção e calibração implementadas, a validade é
fixada pela lista de medidas implementadas no guia de usuário associado. As
características garantidas para a operação em PC dos dispositivos de teste e medição
da S.P.L. Elektronik são garantidas através dos programas de software oferecidos ou
autorizados.

Para a limpeza, utilize apenas pano úmido, impregnado com detergente neutro suave.
É importante secar o dispositivo após a limpeza.

Atenção – Dica!

Antes de efetuar a limpeza, sempre desconecte as tomadas de força, para


prevenir riscos de morte.

Por favor observe que na utilização do sistema de teste, apesar de medidas


protetoras, ele é um instrumento de medição sensível.

Disposição de refugos:

Todas as partes utilizadas de dispositivos de medição e teste da S.P.L. Elektronik, por


exemplo, acumuladores, baterias de lítio e coisas semelhantes, requerem uma
destinação apropriada. Isso pode ser feito através do fabricante, se necessário.

Você também pode gostar