Você está na página 1de 11

01/02/2019 mais não gosto de plágio: Coleção Rubaiyát andredasanfona@gmail.

com Pa

não gosto de plágio


um blog contra plágios de tradução, e variedades várias

8 de mai de 2016 denise bottmann

Coleção Rubaiyát Visualizar meu perfil completo

Follow me on Academia.edu
A editora José Olympio manteve durante um tempo uma coleçãozinha que era um mimo, a Rubaiyát, em formato in-16,
impressa em papel bouffon e belamente ilustrada ou com graciosas vinhetas, em capa dura, com a lombada em couro consulta sobre plágios
marroquim se estendendo por três centímetros na frente e no verso da capa, com letras e vinhetas douradas.
cotejos
A coleção se estendeu por quase vinte anos (de 1942 a 1961), e lançou 47 títulos num total de 50 volumes, embora de não recomendo
maneira um tanto salteada. Às vezes passavam-se dois ou três anos sem sair nada, depois vinham uns três ou quatro os espoliados
lançamentos; às vezes também apenas relançavam títulos que já tinham saído alguns anos antes pela própria editora ou por os pretensos
outras, e assim por diante. saiu na mídia: arquivo I
saiu na mídia: arquivo II
O catálogo era bem variado, mas com certo predomínio da chamada “poesia oriental”, como, aliás, vem indicado no próprio saiu na mídia: arquivo III
nome da coleção. Na verdade, a José Olympio já vinha mantendo uma iniciativa um tanto esporádica, chamada “Série de
Poemas Orientais”, pela qual saíram sete títulos entre 1938 e 1942. Tenho para mim que a Coleção Rubaiyát foi uma espécie
artigos acadêmicos
de formalização dessa série como um projeto editorial mais consistente. Nessa linha de perfil mais oriental, ela publicou
várias coisas de Tagore, Saadi, Hafiz etc. Outra linha na coleção que também se destacava, em menor escala, baseava-se em a coleção amarela da livraria
textos bíblicos, em particular do Antigo Testamento: Jó, Eclesiastes, livros atribuídos a Salomão etc. do globo (1931-1956), com
sérgio karam, in belas infiéis,
v. 5, n. 3 (2016), unb
Mas a Coleção Rubaiyát trouxe também várias coisas inéditas - entre elas destaca-se O vento da noite, livro de poemas de
a coleção amarela da livraria
Emily Brontë, em tradução de Lúcio Cardoso. Aliás, o time de tradutores da Rubaiyát não deixava nada a desejar: além de do globo (1931-1956), II, com
Lúcio Cardoso, havia também Manuel Bandeira, Octavio Tarquínio de Souza, Guilherme de Almeida, Lúcia Miguel-Pereira, sérgio karam, tradterm, 30,
Abgar Renault, Geir Campos, Aurélio Buarque de Hollanda, Oswaldino Marques, Adalgisa Nery e outros. 2017
alguns aspectos da presença
de edgar allan poe no brasil,
Seguem abaixo, por ordem alfabética de autor, os títulos publicados na coleção e várias imagens de capa. Os sete títulos
in tradução em revista, puc-
publicados antes na Série de Poemas Orientais trazem esse dado especificado entre colchetes, bem como o ano inicial de rio
sua publicação. São 47 títulos, compondo ao todo 50 volumes. arquivo, in academia.edu
arthur schopenhauer no
1. · Aires, Matias. Reflexões sobre a Vaidade dos Homens. 1953 brasil (1887-2015), in belas
2. · Almeida, Guilherme de. Camoniana. 1956 infiéis, v. 5, n. 1 (2016), unb
3. · Amaru. Poemas de Amor. Trad. Aurélio Buarque de Hollanda, 1949 baudelaire no brasil (1872-
2017)
4. · Anônimo. Nalá e Damayanti. Trad. Luís Jardim, 1944
bibliografia russa traduzida
5. · Bandeira, Manuel. Poemas Traduzidos. Traduções de Bandeira de vários autores, 1956 [R.A. Editora, no brasil (1900-1950), in rus,
1945] usp

6. · Baudelaire, Charles. Flores das “Flores do Mal” de Charles Baudelaire. Trad. Guilherme de Almeida, 1944 bibliografia russa, breves
notas complementares, in
[extra-coleção] rus 5, usp
7. · Baudelaire, Charles. Pequenos Poemas em Prosa. Trad. Aurélio Buarque de Hollanda, 1950 curiosidades freudianas
8. · Brontë, Emily. O Vento da Noite. Trad. Lúcio Cardoso, 1944 (1931-1969), in belas infiéis,
unb
9. · Descartes, René. Discurso do Método. Trad. João Cruz Costa, 1960
currículo lattes
10. · Eclesiastes, atribuído a Salomão. Trad. Pe. António Pereira de Figueiredo, 1950
de primavera das neves a
11. · Hafiz e Saadi. Vinho, Vida e Amor. Trad. Aurélio Buarque de Hollanda, 1946 vera pedroso: um perfil, in
tradução em revista 18, puc-
12. · Hafiz, Al-Din M. Os Gazéis de Hafiz. Trad. Aurélio Buarque de Hollanda, 1944 rio
13. · Herold, A. Ferdinand. A Grinalda de Afrodite – Epigramas amorosos da antologia grega. Trad. Valdemar ditra, ufsc
Cavalcanti, 1949 edições de baudelaire no
14. · Kalidasa, A Ronda das Estações. Trad. Lúcio Cardoso, 1944 brasil, in revista XIX, unb
15. · Kháyyám, Omar. Rubáiyát. Trad. Octavio Tarquinio de Souza, 1942 [Imprensa Nacional, 1928; passou em defesa de brenno, in
domínios de linguagem, ufu
para a JO em 1935; Série de Poemas Orientais, 1938]
georges selzoff: uma crônica,
16. · Lousada, Wilson (org.). Cancioneiro do Amor (Os mais belos versos da poesia brasileira). 2 vols, sendo I. in tradução em revista 14.
Árcades, Românticos, Parnasianos; II. Simbolistas e Contemporâneos. 1950 puc-rio
17. · Lousada, Wilson (org.). Cancioneiro do Amor (Os mais belos versos da poesia portuguesa). 1952 georges selzoff: uma crônica,
notas complementares,
18. · Louys, Pierre. O Amor de Bilitis (Algumas Canções). Trad. Guilherme de Almeida, 1943 academia.edu
19. · Marco Aurélio. Meditações. Trad. Lúcia Miguel-Pereira, 1957 gustave flaubert no brasil, in
20. · Mello, Thiago de. A Lenda da Rosa. 1955 belas infiés, unb
henry james no brasil (1945-
21. · Montaigne, Michel de. Seleta dos Ensaios (3 vols.). Trad. J. M. Toledo Malta, 1961
2014), in belas infiéis, unb
22. · Nietzsche, Friedrich. Nietzschiana. Trad. Alberto Ramos, 1949 joseph conrad no brasil, in
23. · O Cântico dos Cânticos, atribuído a Salomão. Trad. Augusto Frederico Schmidt, 1949. [Série de Poemas belas infiéis, unb
Orientais, 1938] kafka no brasil, 1946-1979, in
tradterm, usp
24. · O Livro da Sabedoria [atribuído a Salomão]. Trad. Pe. António Pereira de Figueiredo, 1952
lima barreto em tradução,
25. · O Livro de Job. Trad. Lúcio Cardoso, 1943 anpoll 44, 1
http://naogostodeplagio.blogspot.com/2016/05/colecao-rubaiyat.html 1/11
01/02/2019 26. · nãoPe.
O Livro dos Provérbios, atribuído a Salomão. Trad. gosto de plágio:
António PereiraColeção Rubaiyát
de Figueiredo, 1950 nathaniel hawthorne no
brasil, in belas infiéis, unb
27. · Odes Anacreônticas. Trad. Jamil Almansur Haddad, 1952
o quinteto da renascença
28. · Petrarca, Francesco. O Cancioneiro de Petrarca. Trad. Jamil Almansur Haddad, 1945 americana no brasil, in
29. · Rilke, Rainer M. Poemas de Rainer Maria Rilke. Trad. Geir Campos, 1953 cadernos de tradução, ufsc
30. · Salet, Pierre. Palavras do Buddha. Trad. Guilherme de Almeida, 1948 o vento da noite, cadernos de
tradução 36, 3 (2016), ufsc
31. · Shirazi, Saadi. O Jardim das Rosas. Trad. Aurélio Buarque de Hollanda, 1952
os rubaiyat de manuel
32. · Livro dos salmos, ou Saltério. Trad. Pe. António Pereira de Figueiredo, 1955 bandeira e torrieri
guimarães, qorpus 24, ufsc
33. · Sermão da Montanha. Trad. Frei João José P. de Castro, 1956
tardio, porém viçoso: poe
34. · Shakespeare, William. A Tragédia de Hamlet, Príncipe da Dinamarca. Trad. Péricles Eugênio da Silva contista no brasil, in
Ramos, 1955 tradterm, usp
35. · Shakespeare, William. Macbeth. Trad. Manuel Bandeira, 1961 thomas hobbes: os textos
introdutórios da sua
36. · Stendhal. Do Amor (Trechos). Trad. Wilson Lousada, 1958 tradução de "história da
37. · Tagore, Rabindranath. A Lua Crescente. Trad. Abgar Renault, 1950 [Série de Poemas Orientais, 1942] guerra do peloponeso", de
tucídides, in filosofia,
38. · Tagore, Rabindranath. Colheita de Frutos. Trad. Abgar Renault, 1945 unisinos
39. · Tagore, Rabindranath. O Gitanjali. Trad. Guilherme de Almeida, 1943 [Cia. Editora Nacional, 1932; Série tolstói no brasil, in belas
de Poemas Orientais, 1939] infiéis v. 4, n. 3 (2015), unb
40. · Tagore, Rabindranath. O Jardineiro. Trad. Guilherme de Almeida, 1943 [Série de Poemas Orientais, 1939] traduções de aleksandr
púchkin no brasil, in belas
41. · Tagore, Rabindranath. Pássaros Perdidos. Trad. Abgar Renault, 1947 infiéis v. 3, n. 1 (2014), unb
42. · Touissant, Franz. As Pombas dos Minaretes. Trad. Aurélio Buarque de Hollanda, 1945 traduções de marguerite
duras no brasil, société duras
43. · Toussaint, Franz. A Flauta de Jade (Poesias Chinesas). Trad. Mauro de Freitas, 1949 [1942, Série de
Poemas Orientais] um breve apontamento
intertextual, academia.edu
44. · Toussaint, Franz. O Jardim das Carícias. Trad. Adalgisa Nery, 1950 [Série de Poemas Orientais, 1938]
um curioso às voltas com
45. · Whitman, Walt. Cantos de Walt Whitman. Trad. Oswaldino Marques, 1946 uma curiosidade
historiográfica, in cadernos
46. · Wilde, Oscar. Salomé. Trad. Dante Costa, 1952 de tradução, ufsc
47. · Yutang, Lin. A Sabedoria de Confúcio. Trad. Geir Campos, 1958 uma vinheta, in traduzires,
unb

matérias e entrevistas

"a atual legislação é restritiva


demais', estopim
"a tradução como traço da
memória cultural", revista
continente
"ao farol, uma leitura",
InComunidade
"berenice xavier, um breve
perfil", InComunidade
"blog reúne denúncias na
área de tradução", revista
língua portuguesa
"blogueira denuncia plágios
no mundo das traduções",
diário do nordeste
"boitempo e plágio de
tradução", folha de s.paulo
"de plágios e processos",
portal literal
"devaneio ou desejo possível?
as grandes questões em
torno do conceito de utopia",
revista pessoa
"dez dicas de denise
bottmann para quem deseja
ser tradutor"
"dez perguntas e meia para
denise bottmann", meia
palavra
"do copo para o quase-copo",
revista deriva
"ecos de portugal no brasil,
I", InComunidade
"ecos de portugal no brasil,
II", InComunidade
"ecos de portugal no brasil,
III", InComunidade
"ecos de portugal no brasil,
IV", InComunidade
"ela não gosta de plágio",
cidadão quem?
"ensaio sobre poe é
referência obrigatória", folha
de s.paulo
"entrevista com a criadora do
não gosto de plágio, denise
bottmann", posfácio
"entrevista com a tradutora
denise bottmann", digestivo
http://naogostodeplagio.blogspot.com/2016/05/colecao-rubaiyat.html cultural 2/11
01/02/2019 não gosto de plágio: Coleção Rubaiyát "entrevista exclusiva com a
tradutora denise bottmann",
nada de meias palavras
"entrevista: denise
bottmann", ibahia
"entrevista: denise
bottmann", lendo jane austen
"escuta existencial entre
emily brontë e lúcio
cardoso", suplemento
pernambuco
"golpe - antologia manifesto"
"guerrilheira antiplágio",
folha de s.paulo
"interrogação sobre as
traduções de 'utopia' no
brasil", suplemento
pernambuco
"intervista a denise
bottmann", a cura di sandra
biondo, strade magazine
"investir em tradução (1/2)",
publishnews
"investir em tradução (2/2)",
publishnews
"invisibilidade e outras
questões", colóquio de
tradução, unimep
"letras sob suspeita", jornal
do comércio rs
"maurício santana dias fala
de pasolini e pavese", peixe-
elétrico
"mesa-redonda sobre
tradução", bienal do livro
"mesa-redonda sobre
tradução", bienal do livro
(conclusão)
"notas avulsas sobre
thoreau", jornal relevo
"notícias na rede I"
"notícias na rede II"
"ode à língua universal",
musa rara
"os rubaiyat de manuel
bandeira e de torrieri
guimarães", InComunidade
"osmose literária", revista da
livraria cultura
"palavras replicadas", correio
braziliense
"patrulheira das traduções",
o tempo
"pitadas de thoreau em
walden", InComunidade
"plagiat, plagiat... plágio",
caros amigos
"prejuízo para o leitor",
diário do nordeste
"primavera das neves",
InComunidade
"quando monsieur jourdain
descobre que fala em prosa",
aula inaugural, pget, ufsc
"recomendação de leitura",
rascunho
"reconstruir um texto
original", cândido
"sobre as traduções de
'utopia' no brasil",
suplemento pernambuco
"thoreau e poe", deriva
"thoreau em walden", folha
de s.paulo
"thoreau para além de seu
próprio tempo", instituto
humanitas unisinos
"tradução de três poemas de
t.s.eliot", InComunidade, 67
"tradução é tudo de bom",
suplemento literário mg
"traduções e plágios",
instituto cultural aletria
"tradutora denuncia plágios",
http://naogostodeplagio.blogspot.com/2016/05/colecao-rubaiyat.html 3/11
entrevista na rádio cbn
01/02/2019 não gosto de plágio: Coleção Rubaiyát "traduzindo o pequeno
príncipe", suplemento
pernambuco
"três poemas",
InComunidade 69
"três vezes mrs. dalloway",
prosa&verso
"um breve apontamento
intertextual", InComunidade
65
"um depoimento", blog da
companhia das letras
"um mergulho em walden",
site da l&pm
"virginia woolf feminista é
uma 'invenção da tradição'",
jornal opção
dois poemas, deriva

pesquisas

a biblioteca do leitor
moderno, da civilização
brasileira (1961-1980) (com
sérgio karam)
a coleção amarela da globo
(1931-1956) (com sérgio
karam)
a coleção rubáiyát (1943-
1961)
a coleção saraiva (1948-1972)
(blog listas de livros)
a coleção terramarear (1933-
1940) (angelo giardini)
álvaro vieira pinto tradutor
berenice xavier tradutora
bibliografia sobre tradução
brenno silveira tradutor
carlos lacerda tradutor
elias davidovich tradutor, I
(1930-1939)
guilherme de almeida
tradutor
jorge amado "tradutor"
josé maria machado
"tradutor"
leonardo fróes tradutor
leonel vallandro tradutor
lúcio cardoso tradutor
manuel bandeira tradutor
mário quintana tradutor
(ditra)
millôr fernandes tradutor
(l&pm e centro de letras do
paraná)
moacir werneck de castro
tradutor
monteiro lobato tradutor
nelson rodrigues "tradutor"
pepita de leão tradutora
primavera das neves
tradutora
russos no brasil (1900-1950)
traduções da coleção amarela
(com sérgio karam)
traduções de albert camus no
brasil
traduções de aleksandr
púchkin no brasil
traduções de arthur
schopenhauer no brasil
traduções de bernard shaw
no brasil
traduções de carlo collodi no
brasil
traduções de charles
baudelaire no brasil
traduções de charles darwin
no brasil (origem das
espécies)
traduções de charles dickens
http://naogostodeplagio.blogspot.com/2016/05/colecao-rubaiyat.html no brasil 4/11
01/02/2019 não gosto de plágio: Coleção Rubaiyát traduções de charlotte brontë
no brasil
traduções de colette no brasil
traduções de edgar allan poe
no brasil
traduções de emily brontë no
brasil
traduções de emily dickinson
no brasil (carlos daghlian)
traduções de evelyn waugh
no brasil
traduções de f. scott
fitzgerald no brasil
traduções de fiódor
dostoiévski no brasil
traduções de franz kafka no
brasil
traduções de friedrich
nietzsche no brasil
traduções de gabriel garcía
márquez no brasil
traduções de george bernard
shaw no brasil
traduções de george sand no
brasil (patrícia rodrigues
costa)
traduções de giovanni
boccaccio no brasil
traduções de goethe no brasil
traduções de gustave flaubert
no brasil
traduções de henry d.
thoreau no brasil
traduções de henry james no
brasil
traduções de herman
melville no brasil
traduções de hermann hesse
no brasil (gunther
gottschalk)
traduções de jack london no
brasil
traduções de james joyce no
brasil
traduções de jane austen no
brasil (raquel sallaberry
brião)
traduções de jean-paul sartre
no brasil
traduções de john stuart mill
no brasil
traduções de joseph conrad
no brasil
traduções de joseph roth no
brasil
traduções de juan carlos
onetti no brasil
traduções de jules laforgue
no brasil
traduções de karen blixen no
brasil
traduções de katherine
mansfield no brasil
traduções de leonid andréiev
no brasil e portugal (milton
santos)
traduções de liév tolstói no
brasil
traduções de maquiavel no
brasil - o príncipe
traduções de marcel schwob
no brasil
traduções de marguerite
duras no brasil
traduções de marquês de
sade no brasil (rodrigo
d'ávila)
traduções de miguel de
cervantes no brasil
traduções de nathaniel
hawthorne no brasil
traduções de omar khayyam
no brasil
http://naogostodeplagio.blogspot.com/2016/05/colecao-rubaiyat.html 5/11
01/02/2019 não gosto de plágio: Coleção Rubaiyát traduções de oscar wilde no
brasil (peter o'neill)
traduções de peter handke no
brasil
traduções de rabindranath
tagore no brasil (josé paz
rodrigues)
traduções de ralph w.
emerson no brasil
traduções de rex stout no
brasil, primórdios
traduções de robert louis
stevenson no brasil
traduções de sade no brasil
(rodrigo d'ávila)
traduções de sherwood
anderson no brasil
traduções de sigmund freud
no brasil
traduções de somerset
maugham no brasil
Sobre o Rubaiyát no Brasil, veja aqui traduções de thomas de
Sobre Emily Brontë no Brasil, veja aqui quincey no brasil
Sobre Walt Whitman no Brasil, veja aqui traduções de thomas hardy
Sobre Baudelaire no Brasil, veja aqui no brasil
Sobre Nietzsche no Brasil, veja aqui traduções de thomas mann
Sobre Shakespeare no Brasil, veja aqui no brasil
Sobre Rilke no Brasil, veja aqui traduções de virginia woolf
Sobre Lúcio Cardoso tradutor, veja aqui no brasil

Sobre Manuel Bandeira tradutor, veja aqui traduções de vladimir


nabokov no brasil (vnbiblio)
traduções de walt whitman
Veja também Coleção Rubaiyát, II, aqui.
no brasil
traduções de william blake
obs.: a ideia para esse post me surgiu a partir de um levantamento inicial disponível aqui. no brasil
traduções de william
faulkner no brasil
traduções de william m.
thackeray no brasil
traduções do clube do livro
4 comentários: (francisco costa)

Caderneta Livreca 8.5.16 postagens

Eu tenho um livro dessa coleção - mas não li ainda. É o Nalá e Damayanti. ► 2018 (30)

Responder ► 2017 (45)

▼ 2016 (99)

► Dezembro (3)

Henrique Chaudon 9.5.16
► Novembro (1)

Postagem excelente! Obrigado!
► Outubro (5)

Responder
► Setembro (6)

► Agosto (2)

Bluuu 30.5.17
► Julho (43)

Que coletânea maravilhosa! Obrigada pro compartilhar essa pesquisa!
► Junho (18)

Responder
▼ Maio (5)

boris schnaiderman

Anônimo 21.6.17 prêmio abl de tradução

Tenho o livro dos Gazéis de Hafiz, gosto muito - impressionante no Brasil estas edições e a maioria destes títulos serem artigos recomendação
perdidos em sebos. Coleção Rubaiyát, II
Responder Coleção Rubaiyát

► Abril (3)

Digite seu comentário...
► Fevereiro (1)

► Janeiro (12)

► 2015 (79)

Comentar como: André Luiz (Go Sair
► 2014 (67)

► 2013 (157)

Publicar Visualizar Notifique-me
► 2012 (288)

► 2011 (268)

comentários anônimos, apócrifos e ofensivos não serão liberados.
► 2010 (449)

Postagem mais recente Página inicial Postagem mais antiga ► 2009 (563)

Assinar: Postar comentários (Atom) ► 2008 (174)


marcadores
http://naogostodeplagio.blogspot.com/2016/05/colecao-rubaiyat.html 6/11
01/02/2019 não gosto de plágio: Coleção Rubaiyát "a novela"
"tradução revista"
abdr
abl
abril cultural
acadêmica
alexandre dumas
alta books
álvaro vieira pinto
americana
athena
bagrinhos
balzac
baudelaire
berenice xavier
bernard shaw
best seller
bibliex
bibliografia holandesa no
brasil
blake
blasco ibáñez
blog
boccaccio
boitempo
bookseller
brenno silveira
calvino
camus
capas
carlo collodi
carlos lacerda
cbl
cedic
censura
centauro
cervantes
charles dickens
charlotte brontë
charlotte von orloff
chilique
ciex
civilização brasileira
clarice lispector
clássicos jurídicos
clube de novelas labirinto
clube do livro
coleção folha
coleção rubaiyát
coleção saraiva
coleção terramarear
coleções
colette
colóquio de tradução na
unimep
coluna dos tradutores
cotejos
cultrix
cultura brasileira
darwin
ddi
delta
denise
descartes
dieito do consumidor
difel
digitalização
dinf
direito autoral
dlit

http://naogostodeplagio.blogspot.com/2016/05/colecao-rubaiyat.html domínio público 7/11


01/02/2019 não gosto de plágio: Coleção Rubaiyát dostoiévski
drummond
e.m. forster
edgar allan poe
edições artesanais
ediouro
edipro
editora deriva
editora leitura
editora vitória
elias davidovich
emerson
émile zola
emily brontë
emily dickinson
entrevista
erico veríssimo tradutor
ernest hemingway
escala
evelyn waugh
fábulas
faulkner
FBN
fbn/isbn
ficha cip
flávio josefo
fnda
francesco carnelutti
freud
fundamento
gabriel garcía márquez
george sand
georges selzoff
gerard manley hopkins
germape
germinal
globo
goethe
goethe no brasil
guanabara
guilherme de almeida
gustave flaubert
h. garnier
hawthorne
hegel
hemus
henry james
herdeiros
herman melville
hermann hesse
hitler
hoffmann
icone
ícone
isa tavares
itatiaia
ivo barroso
jack london
james joyce
jane austen
jane eyre
jardim dos livros
joana canêdo
john stuart mill
jorge amado
jorio dauster
josé maria machado
joseph conrad
joseph conrad no brasil
joseph roth
http://naogostodeplagio.blogspot.com/2016/05/colecao-rubaiyat.html 8/11
01/02/2019 não gosto de plágio: Coleção Rubaiyát juan carlos onetti
judiciário
jules laforgue
k. d'avellar
karen blixen
katherine mansfield
la femme de trente ans
lafonte
landmark
legatus
lendo walden
leonardo fróes tradutor
leôncio basbaum
leonel vallandro tradutor
leopardo
leya
lima barreto flip
literatura chinesa
literatura coreana
literatura japonesa
literatura tcheca
lívio xavier
livraria americana
livrarias
louisa may alcott
lúcio cardoso
lux
machado e ninitch
madras
mais cultura
manifesto
manuel bandeira
manuel bandeira tradutor
maquiavel
marcel schwob
marco civil
marguerite duras
mário quintana tradutor
marquês de sade
marques rebelo
mart
martin claret
maupassant
mec
melhoramentos
menção
mérito
metamorfose
mídia
milton lins
ministério público
moacir werneck de castro
monteiro lobato tradutor
moraes
nabokov
nas escolas
nelson rodrigues
nietzsche
nietzsche no brasil
nobel
nova cultural
novo século
olívia krähenbühl
omar khayyam
opera mundi
órfãs e esgotadas
oscar wilde
palestras
palimpsestos
paulo césar castanheira
http://naogostodeplagio.blogspot.com/2016/05/colecao-rubaiyat.html 9/11
01/02/2019 não gosto de plágio: Coleção Rubaiyát paumape
pepita de leão
pesquisa "poe no brasil"
pesquisa kafka
pesquisa maquiavel
peter handke
pierre louÿs
pietro nassetti
pillares
plágio
planeta
platão
pnbe
pongetti
primavera das neves
prol
publishnews
púchkin
rabindranath tagore
rachel de queiroz tradutora
record
revisão lda
rex stout
rideel
robert louis stevenson
rudolf von ihering
russell
russos no brasil
russos no brasil - iconografia
sapienza
sartre
schopenhauer
scott fitzgerald
shakespeare
sherwood anderson
skoob
snel
somerset maugham
stefan zweig
sugestão de pesquisa
suzano/ecofuturo
thomas de quincey
thomas hardy
thomas mann
thomas more
thoreau
tolstói
torrieri guimarães
tradução
tradução: artigos
tradução: bibliografia
tradução: cursos
tradução: entrevistas
tradução: estudos
comparados
tradução: eventos e
lançamentos
tradução: história
tradução: obras
tradução: prêmios
tradução: problemas
tradução: variedades
tradutores
universo dos livros
utilidade pública
várias bonitezas
vera pedroso
victor hugo
vídeos
virginia woolf

http://naogostodeplagio.blogspot.com/2016/05/colecao-rubaiyat.html w. m. thackeray 10/11


01/02/2019 não gosto de plágio: Coleção Rubaiyát walden
walt whitman
walter scott
werther
william blake
xavier de maistre
zoran ninitch
zumbi

padroeiro do blog

são jorge e o dragão, paolo


uccello, 1470

Pesquisa personalizada do Google Pesquisar

Selecione o idioma
Powered by Tradutor

todos os textos publicados, reproduzidos ou citados no blog não gosto de plágio são de exclusiva responsabilidade de seus autores. o blog não gosto de plágio garante pleno
direito de manifestação e resposta a todas as pessoas, empresas e instituições aqui citadas.

Tema Simples. Imagens de tema por Barcin. Tecnologia do Blogger.

http://naogostodeplagio.blogspot.com/2016/05/colecao-rubaiyat.html 11/11

Você também pode gostar