Você está na página 1de 2

PLANO EDUCACIONAL INDIVIDUALIZADO

ESTIMULAÇÃO GLOBAL/LINGUAGEM – 2018.1

1. IDENTIFICAÇÃO
Aluno (a): Fulano de tal.
Data de Nascimento: 00/00/0000.
Período: janeiro a junho de 2018.

2. OBJETIVOS DE INTERVENÇÃO
ÁREAS DE ESTIMULAÇÃO OBJETIVOS ESPECÍFICOS
MANDO (fazer pedidos)
- Fazer contato visual como um mando.
- Emitir mandos espontâneos (Apontar).
- Emitir comportamentos de atenção compartilhada:
Resposta de Atenção Compartilhada (RAC): olhar em direção
ao item que o adulto apontou.
Linguagem
Iniciação de Atenção Compartilhada (IAC): tocar o adulto para mostrar
um item de interesse.
RESPOSTA DE OUVINTE (compreensão de palavras)
- Atentar para a voz de um falante fazendo contato visual com o mesmo.
- Emitir comportamentos de colaboração: atender ao nome, esperar,
guardar, me dá, senta.
- Interromper a brincadeira quando seu nome é chamado.

- Reagir positivamente à aproximação de outras crianças.


- Responder aos cumprimentos de outros com 2 segundos de contato
visual.
Comportamento Social - Fazer contato visual com outras crianças.
- Aproximar-se de outra criança, com dica de um adulto.
- Apropriadamente ficar perto de outra criança em atividade de grupo.

Circuito psicomotor/Coordenação motora ampla (desenvolver o


equilíbrio, concentração, desenvolver agilidade, percepções
Atividades Psicomotoras visuais e de espaço, lateralidade, estimular a rapidez de reação,
atenção, audição, estruturação espacial e temporal).
- Coordenação motora fina (fazer desenhos, pinturas, colagens,
PLANO EDUCACIONAL INDIVIDUALIZADO
ESTIMULAÇÃO GLOBAL/LINGUAGEM – 2018.1
recortar papel, fazer traçados em folhas e trabalhar com alinhavos
para exercitar os pequenos músculos, localizados, principalmente,
nas mãos e nos pés.
PERCEPÇÃO VISUAL E PAREAMENTO AO MODELO
(categorização)
- Atentar visualmente para faces e pessoas.
- Atentar visualmente para objetos reforçadores.
- Transferir objetos de uma mão para outra.
- Alcançar e agarra objetos.
- Parear figuras idênticas.

- Imitar movimentos orofaciais.


- Fazer contato visual enquanto imita.
- Imitar movimentos motores com os instrumentos musicais.
- Imitar movimentos motores sem objeto.
- Identificar o seu nome.
- Identificar nome do colega.
- Contato visual ao iniciar música.
Musicoterapia
- Localizar fonte sonora.
- Percepção às mudanças no andamento.
- Percepção à mudança na intensidade.
- Acompanhar musicalmente terapeuta.
- Diferenciar som e silêncio.
- Indicar desejo de tocar/ter contato com instrumentos.
- Segurar instrumento com uma mão.
- Mover-se ritmicamente em resposta à música.
- Identificar finalização musical.
- Sentar por 30''.
- Permanecer ao lado do colega 30''.

Belém, 06 de janeiro de 2018.

Você também pode gostar