Você está na página 1de 3

DEPARTAMENTO DE FINANÇAS E PATRIMÓNIO

Compete ao Departamento de Finanças e Património:

a) Elaborar o balanço e o relatório de contas do INCM;

b) Controlar a aplicação das normas de execução orçamental das Delegações Regionais;

c) Gerir a aquisição e distribuição de bens patrimoniais e consumíveis, necessários ao funcionamento


dos órgãos do INCM;

d) Gerir o parque automóvel;

e) Fazer o inventário e o cadastro dos bens móveis e imóveis do INCM;

f) Zelar pela higiene, manutenção e conservação das instalações e equipamentos do INCM;

g) Superintender a secretaria central do INCM;

REPARTIÇÃO DE FINANÇAS

Compete a Repartição de Finanças:


a) Processar registos contabilísticos das operações financeiras do INCM;

b) Manter os livros de contabilidade sempre actualizados e correctos de acordo com as normas


contabilísticas internas e da legislação em vigor;

c) Proceder à avaliação do sistema de contabilidade em uso e planificar e/ou implementar novos


procedimentos e métodos, onde se mostra necessário;

d) Produzir, actualizar e implementar manuais de apoio as áreas de contabilidade, tesouraria,


aprovisionamento e património;

e) Proceder ao pagamento atempado de todas as obrigações financeiras da instituição;

f) Fornecer os elementos contabilístico necessários à definição da política orçamental;

g) Efectuar balancetes e outras informações contabilísticas necessárias para a tomada de decisões;

h) Implementar as recomendações de auditores externos;

i) Elaborar e propor para aprovação os orçamentos anuais e plurianuais do INCM, tendo em conta os
orçamentos dos demais sectores e acompanhar a sua execução;

j) Realizar inspecções anuais sobre existência e o estado de conservação dos bens imóveis do INCM e
emitir relatórios e pareceres;

k) Elaborar o balanço final, mapa de demonstração de resultados, bem como o relatório de contas;
REPARTIÇÃO DE PATRIMÓNIO

Compete à Repartição de Património:

a) Propor a aquisição de bens e contratação de serviços através de concursos públicos ou restritos de


acordo com a lei;

b) Implementar um sistema adequado de registo de materiais de consumo, através da criação de um


ficheiro de controlo de entradas e saídas de materiais bem como das existências em armazém (stock);

c) Fornecer mensalmente à contabilidade informação sobre entradas e saídas de materiais existentes no


aprovisionamento;

d) Inventariar a cadastrar todos os bens moveis e imóveis adquiridos pelo INCM, através de um sistema
de gestão do património;

e) Coordenar e controlar os meios de transportes existentes através da sua correcta utilização;

f) Fazer propostas de abates de equipamentos e outros bens da instituição;

g) Zelar pela manutenção e conservação dos bens patrimoniais da instituição;

Você também pode gostar