Você está na página 1de 4

1ª Prova Diagnóstica – 2020 – 9º Ano

SEDUCE-GO – Português

ESCOLA: ________________________ semana. Nesse período, segundo a conselheira, os


Prof.:____________________________ vizinhos alimentavam o menino pela janela.
Nome: ___________________________ O suposto abandono é recorrente, de acordo com
os relatos da criança à conselheira. Eventualmente, o
menino era agredido pelo pai.
A Polícia Militar não divulgou o nome do homem,
mas informou que ele foi preso enquanto trabalhava em
um lava a jato próximo à residência da família. Para os
policiais, o homem justificou que trancava o filho por
questões de segurança e por não ter parentes, em
Goiânia, para ficar com o menino. Segundo a conselheira
tutelar, pai e filho são retirantes do Tocantins, estado
onde a mãe reside.
[...]
O registro feito pelos policiais militares que
auxiliaram o resgate narra que uma denúncia anônima
informou sobre uma criança de 11 anos trancada em um
barracão em condições nocivas à saúde. Foi preciso
arrombar a porta da casa para resgatar o menino, que
mora num lote junto com outros cinco barracões.
No interior da residência, a conselheira tutelar
Priscila Gonçalves encontrou falta de água, alimentação
e a casa suja, com vasilhas e comida velha na pia, além
de mau cheiro.
Leia o texto e responda às questões 01 e 02. A conselheira encontrou a porta da casa trancada
ao chegar no local e diz que se comunicava com o
Menino é resgatado após três dias trancado
menino pela janela, que estava aberta, antes da Polícia
em barracão sem água e alimentos, em Goiânia
Militar arrombar a porta da casa.
Fonte: G1 GO, 05 de jan. 2020, Rafael Oliveira Disponível em:
Segundo a Polícia Militar, o pai confessou trancar https://g1.globo.com/go/goias/noticia/2020/01/05/menino-eresgatado-
apos-tres-dias-trancado-em-barracao-sem-aguae-
o filho por questões de segurança. Ele foi preso por alimentos-em-goiania.ghtml Acesso em: 06 jan. 2020
cárcere privado e abandono de incapaz.
D Questão 1 –––––––––––––––––––––––––––◊
Um menino de 11 anos foi resgatado pelo
No trecho “Ele foi preso por cárcere privado e abandono
Conselho Tutelar de Goiânia, trancado dentro de um
de incapaz”, o pronome destacado refere-se
barracão, no sábado (4), no Residencial Eli Forte, em
(A) ao pai.
Goiânia. Ele estava sozinho, sem água e alimentos, numa
(B) ao menino.
casa considerada insalubre, pela conselheira tutelar
(C) ao policial militar.
Priscila Gonçalves Aquino, responsável pelo
(D) ao Conselho Tutelar de Goiânia.
atendimento à criança. O pai do menino trabalhavaem
um lava a jato próximo à residência e foi preso pela
Polícia Militar, neste domingo (5), por cárcere privado e
D6 Questão 2 –––––––––––––––––––––––––––◊
abandono de incapaz.
Qual é o tema do texto?
O G1 fez contato com a Central de Flagrantes de
(A) Abandono recorrente de menores.
Goiânia, mas o atendimento não soube informar se o pai
(B) Ambientes insalubres para crianças.
ainda estava preso. A conselheira tutelar Priscila
(C) Menino preso em cárcere privado.
Gonçalves faz parte da equipe do bairro Campinas e
(D) Abrigo insalubre para menino.
atendeu à ocorrência em regime de plantão. A criança
está sob a guarda de um parente do pai, em Goiânia,
segundo a conselheira.
O menino relatou à conselheira que ficava até três
dias sozinho dentro de casa, sem água ou alimento,
enquanto o pai dormia fora, geralmente aos finais de
1
1ª Prova Diagnóstica – 2020 – 9º Ano
SEDUCE-GO – Português

(C) exagero
Leia o texto e responda às questões 03, 04 e 05. (D) grosseria
Aprenda a chamar a polícia D Questão 4 –––––––––––––––––––––––––––◊
Luís Fernando Veríssimo No trecho “Eu tenho o sono muito leve, e numa noite
dessas notei que havia alguém andando
Eu tenho o sono muito leve, e numa noite dessas
sorrateiramente no quintal de casa “as palavras
notei que havia alguém andando sorrateiramente no
destacadas indicam respectivamente
quintal de casa. Levantei em silêncio e fiquei
(A) intensidade e lugar
acompanhando os leves ruídos que vinham lá de fora,
(B) modo e lugar
até ver uma silhueta passando pela janela do banheiro.
(C) intensidade e modo
Como minha casa era muito segura, com grades nas
(D) modo e tempo
janelas e trancas internas nas portas, não fiquei muito
preocupado, mas era claro que eu não ia deixar um
D Questão 5 –––––––––––––––––––––––––––◊
ladrão ali, espiando tranquilamente.
Por que o narrador disse à polícia que já tinha matado o
Liguei baixinho para a polícia, informei a situação
ladrão?
e o meu endereço.
(A) Porque queria ser atendido rápido pela polícia.
Perguntaram-me se o ladrão estava armado ou se
(B) Porque queria ter certeza de que não havia mesmo
já estava no interior da casa. Esclareci que não e
nenhuma viatura disponível.
disseram-me que não havia nenhuma viatura por perto
(C) Porque queria certificar-se de que a polícia era
para ajudar, mas que iriam mandar alguém assim que
capaz de prender o ladrão.
fosse possível.
(D) Porque almejava a repercussão do caso.
Um minuto depois, liguei de novo e disse com a
voz calma:
— Oi, eu liguei há pouco porque tinha alguém no Leia o texto e responda às questões de 06 a 11.
meu quintal. Não precisa mais ter pressa. Eu já matei o Receita de Ano Novo
ladrão com um tiro da escopeta calibre 12, que tenho Carlos Drummond de Andrade
guardada em casa para estas situações. O tiro fez um
estrago danado no cara! Para você ganhar belíssimo Ano Novo
Passados menos de três minutos, estavam na cor do arco-íris, ou da cor da sua paz,
minha rua cinco carros da polícia, um helicóptero, uma Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido
unidade do resgate, uma equipe de TV e a turma dos (mal vivido talvez ou sem sentido)
direitos humanos, que não perderiam isso por nada para você ganhar um ano
neste mundo. não apenas pintado de novo, remendado às carreiras,
Eles prenderam o ladrão em flagrante, que ficava mas novo nas sementinhas do vir-a-ser;
olhando tudo com cara de assombrado. Talvez ele novo
estivesse pensando que aquela era a casa do até no coração das coisas menos percebidas
Comandante da Polícia. (a começar pelo seu interior)
No meio do tumulto, um tenente se aproximou de novo, espontâneo, que de tão perfeito nem se nota,
mim e disse: mas com ele se come, se passeia,
— Pensei que tivesse dito que tinha matado o se ama, se compreende, se trabalha,
ladrão. [...]
Eu respondi: Não precisa
— Pensei que tivesse dito que não havia ninguém fazer lista de boas intenções
disponível. para arquivá-las na gaveta.
Disponível em: https://www.refletirpararefletir.com.br/4- Não precisa chorar arrependido
cronicas-de-luis-fernando-verissimo . Acesso em: 07 jan. 2020.
pelas besteiras consumadas
nem parvamente acreditar
D Questão 3 –––––––––––––––––––––––––––◊ que por decreto de esperança
A oração “— Pensei que tivesse dito que não havia a partir de janeiro as coisas mudem
ninguém disponível”, expressa e seja tudo claridade, recompensa,
(A) ironia justiça entre os homens e as nações,
(B) humor liberdade com cheiro e gosto de pão matinal,

2
1ª Prova Diagnóstica – 2020 – 9º Ano
SEDUCE-GO – Português

direitos respeitados, começando


pelo direito augusto de viver.
Para ganhar um Ano Novo
que mereça este nome, D Questão 10 –––––––––––––––––––––––––◊
você, meu caro, tem de merecê-lo, No trecho “É dentro de você que o Ano Novo cochila e
tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil, espera desde sempre”, a figura de linguagem utilizada
mas tente, experimente, consciente. pelo autor é
É dentro de você que o Ano Novo (A) metáfora.
cochila e espera desde sempre. (B) hipérbole.
Disponível em: https://www.pensador.com/frase/MTM0MDQ5/ (C) eufemismo.
acesso em: 08 jan. 2020
(D) personificação.
D Questão 6 –––––––––––––––––––––––––––◊
No trecho “Não precisa fazer lista de boas intenções D Questão 11 –––––––––––––––––––––––––◊
para arquivá-las na gaveta”, a palavra destacada Ao ler esse poema de Carlos Drummond, percebe-se
refere-se a que estão corretas todas as afirmativas a seguir, exceto:
(A) intenção de melhorar no ano novo. (A) O poema se constitui de versos livres.
(B) lista de boas intenções. (B) O poema é moderno.
(C) coisas que você não fez ano passado. (C) Esse poema é um soneto.
(D) lembranças do ano passado. (D) Ignorou-se o uso de rima nesse poema.

D Questão 7 –––––––––––––––––––––––––––◊ charge - vagas para deficientes


No trecho “eu sei que não é fácil, mas tente, Leia o texto e responda às questões de 12 a 14.
experimente”, a palavra em destaque expressa
(A) oposição.
(B) adição.
(C) consequência.
(D) finalidade.

D Questão 8 –––––––––––––––––––––––––––◊
Na última estrofe, o poeta diz “Para ganhar um Ano
Novo // que mereça este nome, // você, meu caro, tem
de merecê-lo, //...”.
No trecho, o poeta fez uso de uma linguagem
(A) científica e jornalística.
(B) formal e informal.
(C) técnica e formal.
(D) científica e formal.

D Questão 9 –––––––––––––––––––––––––––◊ Fonte: https://docplayer.com.br/docsimages/


A tese defendida pelo autor do texto é de que 66/54421754/images/12-1.jpg
(A) para ganhar um Ano Novo realmente bom, você
precisa fazer listas de boas intenções e arquivá-las
na gaveta. D Questão 12 –––––––––––––––––––––––––◊
(B) para ganhar um Ano Novo realmente bom, você O texto tem a finalidade de
precisa arrepende-se das coisas ruins que fez. (A) informar sobre um acontecimento de caráter
(C) para ganhar um Ano Novo realmente bom, você jornalístico.
precisa acreditar, de fato, que tudo irá mudar. (B) informar sobre a dificuldade de vagas de emprego
(D) para ganhar um Ano Novo realmente bom, você para deficientes.
precisa merecê-lo, esforçar-se e fazê-lo novo. Ele (C) despertar a sensibilidade artística e a criatividade.
está dentro de você. (D) chamar a atenção para um problema social.

3
1ª Prova Diagnóstica – 2020 – 9º Ano
SEDUCE-GO – Português

D Questão 13 –––––––––––––––––––––––––◊
Esse texto demonstra um desafio para a sociedade
contemporânea e exige uma combinação entre
(A) participação política e formação profissional
diferenciada.
(B) exercício da cidadania e políticas de transferência
de renda.
(C) modernização das leis e ampliação do mercado de
trabalho.
(D) universalização de direitos e reconhecimento das
diferenças.

D Questão 14 –––––––––––––––––––––––––◊
Quanto a esse texto, é correto afirmar que
(A) é um gênero jornalístico que faz uso somente da
linguagem não verbal.
(B) é um gênero jornalístico que contém linguagem
verbal e não verbal.
(C) é um gênero da esfera jornalística que envolve
somente a linguagem não verbal.
(D) é um gênero jornalístico que contém apenas
elementos da linguagem verbal.

D Questão 15 –––––––––––––––––––––––––◊
CIDADANIA, DIREITO DE TER DIREITOS
Cidadania é o direito de ter uma ideia e poder
expressá-la. É poder votar em quem quiser sem
constrangimento. [...] Há detalhes que parecem
insignificantes, mas revelam estágios de cidadania:
respeitar o sinal vermelho no trânsito, não jogar papel
na rua, não destruir telefones públicos.
Por trás desse comportamento está o respeito à
coisa pública. [...] Foi uma conquista dura. Muita gente
lutou e morreu para que tivéssemos o direito de votar.
DIMENSTEIN, Gilberto. Disponível em:
https://drive.google.com/file/d/0BzPewewkSxkzUkpmSkljOTY1d
1k/edit. Acesso em: 20 de jan. 2020 (adaptada).

O trecho que indica uma opinião sobre a cidadania é


(A) “é o direito de ter uma ideia e poder expressá-la.”
(B) “É poder votar em quem quiser.”
(C) “Foi uma conquista dura.”
(D) “Muita gente lutou”.

Você também pode gostar