Você está na página 1de 2

Questionário:

• Quando surgiu o CLP? Quais problemas o CLP pretendia resolver inicialmente?


• Defina sensores, controladores e atuadores.
• Cite as vantagens e desvantagens do CLP com relação a outros sistemas de controle.
• Quais são os componentes essenciais da arquitetura de um CLP?
• O que é CPU, quais seus componentes e qual a sua função?
• Quais os modos de operação de um CLP? O que diferencia um modo de outro?

1)
O primeiro CLP em 1968, através da General Motors. O CLP foi criado com a intenção de
mitigar problemas e atender as especificações, simplicidade de programação e
reprogramação, facilidade de manutenção e expansão, maior confiabilidade operacional,
dimensões reduzidas, capacidade de envio de informações para um sistema central, baixo
custo e capacidade de excitar diretamente cargas como válvulas solenoides e pequenos
motores.

2)
• Sensores: são dispositivos que convertem uma condição física do elemento sensor em um
sinal elétrico para ser utilizado pelo CLP através da conexão às entradas do CLP.
• Controladores: de acordo com os estados das suas entradas (sinais elétricos enviados
através dos sensores), o controlado utiliza um programa de controle para calcular os
estados de suas saídas (os atuadores). É uma ‘’CPU’’ utilizada para controlar os mais
variados tipos de processos industriais.
• Atuadores: sua função é converter o sinal elétrico oriundo do CLP em uma condição física,
normalmente ligando ou desligando algum elemento.

3)

Vantagens: Facilidade e flexibilidade na alteração de programas. O CLP pode ser


reprogramado e operar com uma lógica distinta, o programa pode ser armazenado em
memória para replicação em outro sistema ou ser guardado como sistema reserva (backup),
no caso de defeito os sinalizadores visuais do CLP informam ao operador a parte do sistema
que está defeituosa.

Desvantagens: Custo elevado, uso de algum tipo de programação ou álgebra booleana no


projeto, técnicas que são desconhecidas de uma boa parte dos eletricistas, sensibilidade à
interferência e ruídos elétricos comuns em instalações elétricas, necessidade de maior
qualificação da equipe de manutenção.
4)
CPU, Módulos de entrad/saída e fonte de alimentação.

5)

O módulo CPU é constituído do processador, memória, fonte de alimentação além de


incorporar os circuitos de comunicação do CLP. O módulo CPU contém a inteligência do CLP.
Ele é composto por elementos responsáveis por armazenar e executar os programas de
aplicação dos usuários. Local do processador.

6)

Os modos de operação de um CLP são: o modo STOP, onde o programa não é executado. O
modo TERM, onde há a execução do programa e é possível a escrita e leitura pelo PG. Modo
RUN onde há a execução do programa e é possível somente a leitura pelo PG.

Você também pode gostar