Você está na página 1de 19

UNIVERSIDADE INTERNACIONAL IBEROAMERICANA

Mestrado Internacional em Auditoria e Gestão Empresarial

MARCELO RAMALHO BARBOSA

CONTABILIDADE, FINANCIAMENTO E TRIBUTAÇÃO


INTERNACIONAL:

ANÁLISE ESTADO FINANCEIRO

Porto Velho-RO
2021 1
MARCELO RAMALHO BARBOSA

CONTABILIDADE, FINANCIAMENTO E TRIBUTAÇÃO


INTERNACIONAL:

ANÁLISE ESTADO FINANCEIRO

Trabalho de Caso Prático apresentado como requisito


parcial para a obtenção de média na disciplina de
Contabilidade, Financiamento e Tributação Internacional,
orientado pelos professores Dr.(c) Mauricio Pulgarín e
Dra. Silvia Aparicio Obregón.

Porto Velho-RO
2021 2
SUMÁRIO

RESPOSTAS.............................................................................................................................4
REFERÊNCIAS......................................................................................................................21

3
CAPÍTULO 1
EXERCÍCIO 1
BALANÇO DE SITUAÇÃO
ATIVOS PASSIVOS
ATIVOS FIXOS FUNDOS PRÓPRIOS
Gastos Inv. e Desenv. 550.000,00 Capital Social 5.000.000,00
Direito à Transferência 500.000,00 Reservas 4.000.000,00
5.000.000,0 Resultado Exerc. Acum. Anterior
Maquinário 58.309,00
0
Mobília 400.000,00 TOTAL FUNDOS PRÓPRIOS € 9.058.309,00
4.404.167,0 DÍVIDAS DE L/P
Elementos de Transporte
0
Investimentos Financeiro 363.000,00 Dívidas a L/P Instituições de Crédito 566.833,00
Amortização acum, imov TOT\L CREDORES L/P
29.583,00
Intangível 566.833,00
Amortização acum, imov 2.200.417,0 DÍVIDAS COM C/P
Material 0
TOTAL ATIVOS FIXOS €8.987.167, Adm.Pública Credor
00 342.000,00
ATIVOS CIRCULANTES Dívidas a C/P Instituições de Crédito 2.150.000,00
Mercadorias 1.241.000,0 Fornecedores
0 2.694.420,00
Clientes 2.304.480,0 TOTAL CREDORES C/P
0 €5.186.420,00
Títulos de Renda Fixo 1.152.000,0 TOTAL PASSIVO + FUNDOS
0 PRÓPRIOS €14.811.562,00
Bancos c/c euros 1.126.915,0
0
TOTAL ATIVOS
€ 5.824.395,00
CIRCULANTES
TOTAL ATIVOS € 14.811.562,00

ESTADO DE PERDA E LUCRO


DEVER 7.612.133,00 HAVER 8.092.500,00
DESPESAS RENDAS
4.342.500, 7.232.500,
Venda de Mercadorias
Fornecimento de Mercadorias 00 00
1.673.000, 860.000,0
Prestação de Serviços
Despesas com Pessoal 00 0
1.605.833,
Provisões para amortização de Ativos Fixos 00
471.167,0 -
PERDAS OPERACIONAIS
I- LUCRO OPERACIONAL 0
Despesas assimiladas 83.000,00 Títulos de renda fixa 16.667,00
Gastos financeiros 216.000,0 -
0
4
100.000,0 -
Diferença de Câmbio Negativo
0
II - RESULTADOS FINANCEIROS II - RESULTADO 382.233,0
POSITIVOS - FINANCEIRO NEGATIVO 0
III - BENEFÍCOS DAS ATIVIDADES III- PERDAS ATIVIDADES -
ORDINÁRIAS 88.834,00 ORDINÁRIAS
IV - RESULTADOS EXTRAORDINÁRIOS IV- RESULTADOS -
POSITIVOS - ATIVIDADES ORDINÁRIAS
V- PERDAS ANTES DO -
V- BENEFÍCIOS ANTES DO IMPOSTO
88.834,00 IMPOSTO
Taxa Corportiva 30.525,00 - -
VI – RESULTADO DO EXERCÍCIO - €58.309,0 VI – RESULTADO DO -
LUCRO 0 EXERCÍCIO - PERDA

CONTA DE PERDAS E LUCROS ANALÍTICA

Vendas líquidas, prestações de serviços e outras receitas operacionais 8.092.500,00

Valor de produção € 8.092.500,00

(-) compras líquidas 4.342.500,00

Valor agregado da empresa € 3.750.000,00

(-) outros gastos 183.000,00

(+) outras receitas 16.667,00

(-) gastos com pessoal 1.673.000,00

Resultado Lucro bruto operacional € 1.910.667,00

(-) provisão para amortização de ativos fixos 1.605.833,00

Receita operacional líquida € 304.834,00

(-) despesas financeiras 216.000,00

Resultado de atividades ordinárias € 88.834,00

Resultado antes dos impostos € 88.34,00

(-) impostos corporativos 30.525,00

Resultado após os impostos €58.309,00

CAPÍTULO 2- EXERCÍCIO 2.1

5
BALANÇO TOTAL VARIAÇÃO

ANO 1 ANO 2 AUMENTO REDUÇÃO


CONTAS

ATIVO CIRCULANTE

Banco 6.000,00 3.000,00 xxxxxxx 3.000,00

Clientes 2.000,00 3.000,00 1.000,00 xxxxxxxx

Mercadorias 6.000,00 7.000,00 xxxxxxxx 1.000,00

ATIVOS FIXOS

Terrenos e bens naturais xxxxxx xxxxxx xxxxxxx xxxxxx

Construções 6.000,00 10.000,00 4.000,00 xxxxxxx

Maquinário 15.000,00 20.000,00 5.000,00 xxxxxxx

Amortização Acumulada 3.000,00 5.000,00 2.000,00 xxxxxxxx


Imobilizado

TOTAL ATIVO 26.000,00 34.000,00 XXXXXX XXXXXXX

PASSIVO CIRCULANTE

Empréstimo a curto prazo 300,00 400,00 xxxxxxxx 100,00

Provedores 1.000,00 1.500,00 xxxxxx 500,00

Administrações Públicas 100,00 200,00 xxxxx 100,00

PASSIVO FIXO

Capital 14.000,00 18.000,00 xxxxxx 4.000,00

Reservas 5.000,00 6.000,00 xxxxxx 1.000,00

Lucros e Perdas 1.000,00 1.500,00 xxxxx 500,00

Empréstimos a longo Prazo 4.600,00 6.400,00 xxxxx 1.800,00

TOTAL PASSIVO 26.000,00 34.000,00 12.000,00 12.000,00

ESTADO DE ORIGEM E APLICAÇÃO DE FUNDOS

ORIGEM APLICAÇÃO

Capital 4.000,00 Construção 4.000,00

Reservas 1.000,00 Maquinário 5.000,00

Lucros e Perdas 500,00 Amortização Acumulada Imobilizado 2.000,00

Empréstimos a longo prazo 1.800,00 Capital de Giro (Var.Circ) 3.700,00

6
TOTAL ORIGEM 7.300,00 TOTAL APLICAÇÃO 7.300,00

ESTADO DE CASH-FLOW
ESTADO DO TESOURO – MÉTODO INDIRETO

ATIVIDADES OPERACIONAIS

Benefícos depois dos impostos 1.500,00

AJUSTES POR OPERAÇÕES CORRENTES

Amortizações e Provisões 2.000,00

Redução (aumento) nas contas a receber 1.000,00

Redução (aumento) nos estoques 1.000,00

Aumento (diminuição) nas contas a pagar 700,00

Fluxo de caixa operações normais 4.200,00

ATIVIDADES DE INVESTIMENTO

Pagamento pela compra de ativos fixos 9.000,00

Fluxo de Caixa de atividades de investimento 9.000,00

ATIVIDADE DE FINANCIAMENTO

Procedimento da emissão de dívidas L/P 1.800,00

Fluxos de caixas de atividades de financiameto 1.800,00

Diminuição da eficácia 3.000,00

Saldo inicial 6.000,00

Saldo final 3.000,00

ESTADO DE VALOR AGREGADO


ORIGEM APLICAÇÃO

(+) RECEITAS 7.400,00 (+) EQUIPE -

Vendas líquidas 7.000,00 Soldos e salários -

Variação nos estoques productos acabados 1.000,00 Outros gastos sociais -

Receitas financeiras 900,00 (-) benefícios extraordinários -

Trabalhos realizados nos ativos imobilizados da - (+) gastos extraordinários -


empresa

7
Outras receitas de gestão 500,00 (-) receitas extraordinárias -

Subsidios agrícolas - (+) CAPITAL ESTRANGEIRO 500,00

(-) CONSUMOS 4.000,00 Gastos financeiros 500,00

Compras líquidas 4.000,00 (+) ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA 500,00

Variação de mercadoria e materias-primas - Impostos e tributos 500,00

(-) SERVIÇOS EXTERNOS 900,00 SS a cargo da empresa -

Serviços realizados por outras empresas - (+) EMPRESA PRÓPRIA 1.000,00

Suprimentos 900,00 Financiamiento de manutenção -


e amortização

Reparos e conservação - Financiamiento de 1.000,00


enriquecimento e reservas

(=) VALOR AGREGADO BRUTO 2.500,00 Dotação de provisões -

(-) amortização 1.000,00 (+) PROPRIETÁRIO 500,00

(-) provisão - Dividendos 500,00

(=) VALOR AGREGADO LÍQUIDO 1.500,00 (=) VALOR AGREGADO BRUTO 2.500,00

Amortização 1.000,00

provisões -

(=) VALOR AGREGADO LÍQUIDO 1.500,00

CAPÍTULO 2- EXERCÍCIO 2.2

BALANÇO TOTAL VARIAÇÃO

ANO 1 ANO 2 AUMENTO REDUÇÃO


CONTAS

ATIVO CIRCULANTE

Banco 1.500,00 1.800,00 300,00 xxxxxxxx

Clientes 4.000,00 4.200,00 200,00 xxxxxxxx

Mercadorias 2.000,00 3.000,00 1.000,00 xxxxxxx

ATIVOS FIXOS

Terrenos e bens 6.900,00 11.000,00 4.100,00 xxxxxx


naturais

Construções 14.000,00 14.000,00 xxxxxxxx xxxxxxx

8
Maquinário 3.000,00 5.000,00 2.000,00 xxxxxxx

Amortização - 6.000,00 - 7.000,00 xxxxxx 1.000,00


Acumulada Imobilizado

TOTAL ATIVO 25.400,00 38.000,00 XXXXXX XXXXXXX

PASSIVO CIRCULANTE

Provedores 2.500,00 3.200,00 xxxxxx 700,00

Administrações 300,00 400,00 xxxxx 100,00


Públicas

PASSIVO FIXO

Capital 14.000,00 16.000,00 xxxxxx 2.000,00

Reservas 5.000,00 6.000,00 xxxxxx 1.000,00

Lucros e Perdas - 1.000,00 1.000,00 xxxxx 2.000,00

Empréstimos a longo 4.600,00 6.400,00 xxxxx 1.800,00


Prazo

Resultados negativos Xxxxxxxxx - 1.000,00 1.000,00 xxxxxxxxx


ej.Ant.

TOTAL PASSIVO 25.400,00 38.000,00 14.600,00 14.600,00

ESTADO DE ORIGEM E APLICAÇÃO DE FUNDOS

ORIGEM APLICAÇÃO

Capital 2.000,00 Terreno e bens naturais 4.100,00

Reservas 1.000,00 Maquinário 2.000,00

Lucros e Perdas 2.000,00 Resultados negativos Ej.Ant. 1.000,00

Empréstimos a longo prazo 1.800,00 Capital de Giro 700,00

Amortização Acumulada 1.000,00 xxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxx


Imobilizado

TOTAL ORIGEM 7.800,00 TOTAL APLICAÇÃO 7.800,00

9
ESTADO DE CASH-FLOW
ESTADO DO TESOURO – MÉTODO INDIRETO

ATIVIDADES OPERACIONAIS

Benefícos depois dos impostos 1.500,00

AJUSTES POR OPERAÇÕES CORRENTES

Amortizações e Provisões 1.000,00

Redução (aumento) nas contas a receber 200,00

Redução (aumento) nos estoques 1.000,00

Aumento (diminuição) nas contas a pagar 800,00

Ganho (perdas) vendas dos ativos fixos 500,00

FLUXOS DE CAIXA DE OPERAÇÕES ORDINÁRIAS 2.600,00

Atividades de investimento xxxxxxxxx

Procedentes da venda de ativos fixos 2.000,00

Pagamento pela compra de ativos fixos 6.100,00

FLUXO DE CAIXA DE ATIVIDADES DE INVESTIMENTO 4.100,00

Atividades de investimento xxxxxxx

Procedentes da emissão de ações xxxxxxxx

Procedentes da emissão de dívidas L/P 1.800,00

FLUXO DE CAIXA DE ATIVIDADES DE FINANCIAMENTO 1.800,00

AUMENTO EFETIVO 3.00,00

SALDO INICIAL 1.500,00

SALDO FINAL 1.800,00

ESTADO DE VALOR AGREGADO


ORIGEM APLICAÇÃO

(+) RECEITAS 9.800,00 (+) EQUIPE 1.500,00

Vendas líquidas 7.000,00 Soldos e salários 1.500,00

Variação nos estoques productos acabados 1.000,00 Outros gastos sociais -

10
Receitas financeiras 800,00 (-) benefícios extraordinários -

Trabalhos realizados nos ativos imobilizados da - (+) gastos extraordinários -


empresa

Outras receitas de gestão 500,00 (-) receitas extraordinárias -

Benefic. Inmov. Material 500,00 (+) CAPITAL ESTRANGEIRO 1.000,00

(-) CONSUMOS 4.000,00 Gastos financeiros 1.000,00

Compras líquidas 3.000,00 (+) ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA 400,00

Variação de mercadoria e materias-primas - Impostos e tributos 400,00

(-) SERVIÇOS EXTERNOS 400,00 SS a cargo da empresa -

Serviços realizados por outras empresas - (+) EMPRESA PRÓPRIA 1.000,00

Suprimentos 400,00 Financiamiento de manutenção -


e amortização

Reparos e conservação - Financiamiento de 1.000,00


enriquecimento e reservas

(=) VALOR AGREGADO BRUTO 6.400,00 -

(-) amortização 1.000,00 (+) PROPRIETÁRIO 2.500,00

(-) provisão - Dividendos 2.500,00

(=) VALOR AGREGADO LÍQUIDO 5.400,00 (=) VALOR AGREGADO BRUTO 6.400,00

Amortização 1.000,00

provisões -

(=) VALOR AGREGADO LÍQUIDO 5.400,00

CAPÍTULO 3- EXERCÍCIO 3.1

BALANÇO DA SITUAÇÃO (MILHARES DE DÓLARES)

ATIVO 20X2 PASSIVO 20X2

IMOBILIZADOS 306.000,00 FUNDOS PRÓPRIOS 309.000,00

Despesas de incorporação 2.000,00 Capital subscrito 100.000,00

Ativos fixos tangíveis 304.000,00 Prêmio de ações 20.000,00

Terras 110.000,00 Reservas 60.000,00

Construções 40.000,00 Dividendos a serem 20.000,00

11
distribuídos

Maquinário 90.000,00 Capital adicional em 104.000,00


processo

Acumulo de defeitos depreciação de 11.000,00 Provisões 5.000,00


máquinas

ATIVOS FIXOS FINANCEIROS 30.000,00 CREDORES LONGO 55.000,00


PRAZO

Próprias ações 45.000,00 Dívidas com instituições de 10.000,00


crédito

Despesa para distribuição de varios 5.000,00 Credores comerciais 17.000,00


exercícios

ATIVO CIRCULANTE 85.000,00 Outras dívidas não 5.000,00


comerciais

Desembolso exigidos pelos 10.000,00 TOTAL PASSIVO 396.000,00


acionistas

Bancos 25.000,00

STOCKS 10.000,00

Devedores 30.000,00

Investimentos financeiros 2.000,00

Tesouraria 5.000,00

Ajustes de acumulação 3.000,00

TOTAL ATIVO 396.000,00

CONTAS DE PERDAS E GANHOS

DEVE 20 X 1 HAVER 20 X 1

DESPESAS RENDAS

Consumo de merdaderias 200.000,0 Receita operacional 334.000,00


0

Despesa de pessoal 70.000,00 Volumen de negocios líquidos 310.000,00

Provisão para amortiz. Dos ativos fixos. 10.000,00 Outras receitas 24.000,00

Variação das disposições de tráfego 5.000,00

Outras despesas operacionais 15.000,00

12
LUCRO OPERACIONAL 34.000,00 PERDAS OPERACIONAIS

Despesas financeiras e semelhantes 4.000,00 Receitas financeiras 6.000,00

RESULTADOS FINANCEIROS POSITIVOS 2.000,00 RESULTADOS FINANCEIROS NEGATIVOS

BENEFÍCIOS DAS ATIVIDADES NORMAIS 36.000,00 PERDAS DE ATIVIDADES NORMAIS

RESULTADOS EXTRAORDINÁRIOS POSITIVOS 6.000,00 Lucro em ação própria 3.000,00

BENEFÍCIOS ANTES DOS IMPOSTOS 42.000,00 Rendas extraordinárias 3.000,00

Impostos corporativos 12.000,00 PERDAS ANTES DO IMPOSTO

RESULTADO DO EXERCÍCIO(BENEFÍCIOS) 30.000,00 LUCRO DO ANO (PERDAS)

CAPÍTULO 4- EXERCÍCIO 4.1

BALANÇO SITUACIONAL

ATIVOS 20X3% 20X2% 20X1%

IMOBILIZADOS 21,88 20,90 18,60

Ativos intangíveis 7,80 14,40 12,41

Imobilizado materiala 13,74 5,99 5,74

Otros ativos fixos 0,33 0,51 0,44

ATIVO CIRCULANTE 78,12 79,10 81,40

STOCKS 15,44 17,05 18,65

clientes 50,84 56,12 60,07

Otros ativos líquidos 0,44 0,80 0,55

tesouraria 11,40 5,13 2,14

TOTAL ATIVO 100,00 100,00 100,00

PASSIVO 20X3% 20X2% 20X1%

FUNDOS PRÓPRIOS 30,66 33,78 31,06

Capital subscrito 2,78 4,01 3,80

Otros fundos próprios 27,88 29,77 27,27

PASSIVO FIXO 4,56 7,35 2,60

Empréstimo de longo prazo 4,41 7,14 2,60


13
Outras dívidas financeiras a L.P 0,15 0,21 0,00

PASSIVO CIRCULANTE 64,78 58,87 66,34

Dívidas financeiras 35,09 27,36 41,83

provedores 26,70 28,57 22,02

Outros passivos líquidos 3,00 2,94 2,49

TOTAL PASSIVO 100,00 100,00 100,00

CONTAS DE LUCRO E PERDAS 20 X 3 % 20 X 2 % 20 X 1 %

VALOR DE VENDAS LÍQUIDAS 100,00 100,00 100,00

Outras receitas operacionais 0,39 1,28 1,82

Materiais (-) 46,18 47,90 46,05

Gastos com pessoal (-) 15,65 15,31 14,52

Provisões para amortização de inmov (-) 4,99 4,56 6,27

Outras despesas operacionais (-) 27,07 29,51 29,99

RESULTADO DE EXPLORAÇÃO 6,51 4,00 5,01

RECEITA FINANCEIRA 0,98 0,02 0,03

Gasto financeiro (-) 4,03 2,52 2,34

Resultado financeiro - 3,05 - 2,51 - 2,32

RESULTADO ATIVIDADES NORMAIS 3,45 1,49 2,69

Renda extraordinária (-) 0,11 0,12 0,24

Despesa extraordinária (-) 0,45 0,00 0,36

RESULTADO ATIVDADES EXTRAORDINÁRIAS - 0,34 0,12 - 0,12

RESULTADO ANTES DOS IMPOSTOS 3,11 1,61 2,57

Taxa de corporação (-) 0,72 0,39 0,57

RESULTADO DO EXERCÍCIO 2,40 1,22 2,00

ANÁLISE DE LIQUIDEZ

RAZÃO 20 X 3 % 20 X 2 % 20 X 1 %

14
Razão de liquidez (AC/PC) 1,21 1,34 1,23

À prova de ácido(AC-Ex)/PC 0,97 1,05 0,95

Razão tesouraria (OAL+Tes.)/PC 0,18 0,10 0,04

Razão Cap. Circ/Ativo 0,13 0,20 0,15

Razão Liquidez: neste caso já que a razão é maior que 1 nos três períodos, a empresa
mostra liquidez a curto prazo para enfrentar dívidas ou imprevistos.
Teste Ácido: Atualmente o valor está em torno da unidade, o que é bom. O excesso
desses valores não é bom para empresa.
Razão Tessouraria: verifica-se uma evolução favorável desta razão, que deverá
continuar a melhorar, visto que a falta de liquidez pode originar custos financeiros
adicionais.
Relação Capital de Giro/Ativos: mostra que 13% do investimento da empresa foi
alocado para investimento de capital de giro no ultimo ano, em 20 x 2 foi de 20% e em
20 x 1 foi de 15%.

Análise de Solvência

Razões Fórmula 20x3 20x2 20x1 Ótimo

Razão de Vendas 0,78 0,91 0,79 +


Rotação Global
dos Ativos
Ativo

Razão do Passivo 0,69 0,66 0,69 0,4 a 0,6


Endividamento Exigível
Total Passivo
Circulante

Razão do Passivo 0,65 0,59 0,66 Menor é


Endividamento Circulante melhor
de Curto Prazo Passivo

Razão do Passivo 0,05 0,07 0,03


Endividamento Exigível LP
de Longo Prazo
Passivo

Razão da Passivo 0,13 0,11 0,04 Maior é

15
Qualidade da Exigível LP melhor
dívida Passivo
Exigível

Razão da Dívida 0,51 0,42 0,61 Menor é


qualidade da Financeira melhor
dívida financeira
Passivo
Exigível

Peso dos Fundos 0,35 0,41 0,34


recursos Próprios+P.
permanentes Fijo

Passivo

Razão de Passivo 2,26 1,96 2,22 Maior é


Autonomia Total Exigível melhor

Fundos
Próprios

Razão de Passivo 0,15 0,22 0,08


Automia L.P Exigível LP

Fundos
Próprios

Razão de Passivo 2,11 1,74 2,14


Automia C.P Exigível CP

Fundos
Próprios

Indíce de Ativo 1,44 1,51 1,45 Menor que 1


Garantia Passivo
Exigível

Razão de Gastos 0,04 0,03 0,03 Menor que


Despesas Financeiros 0,4
Financeiras
Vendas
sobre vendas

Análises Econômicas

16
Razões Fórmulas 20x3 20x2 20x1

Materiais Despesas de 0,49 0,49 0,48


materiais

Despesas
operacionais

Pessoal Despesas pessoal 0,17 0,16 0,15

Despesas
operacionais

Amortizações Despesas de 0,05 0,05 0,06


Amortização

Despesas
operacionais

Outras Despesas Outras Despesas 0,29 0,30 0,31

Despesas
operacionais

Razão de Receita 1,07 1,04 1,05


Produtividade operacional

Despesas
operacionais

Margem Receita 0,07 0,04 0,05


Operacional Op+Receita Finc.

Valor líquido de
vendas

O peso dos custos com materiais é equivalente a 49% no ultimo período, do total das
despesas operacionais, pelo que têm um peso bastante elevado. O das despesas com
pessoal chega a 17% no mesmo período. No caso das amortizações, chega a apenas
5%. As demais despesas chegam a 29%.
A razão produtividade da empresa é superior a 1 em cada ano, o que é bom, embora
necessite de melhorias, por seu lado a margem operacional é positive mas deve ser
melhorada para obter melhores margens.

17
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

[1]Benguria, P. U. (2014). Operaciones vinculadas-precios de transferencias.(I).


In Forumfiscal: la revista tributaria de Álava, Bizkaia y Gipuzkoa
(No. 198, pp. 42-67). CISS.
[2]BORIS, B. (2011). Importancia de la fiscalidad internacional y precios de
transferencia.
Revista de la universidad del Azuay
. Ecuador.
[3]Calva, J. L. (2012).
Crisis económica mundial y el futuro de la globalización
. ConsejoNacional de Universitarios.
[4]Comisión Europea. (2010). VAT Rates Applied in the Member States of the
EuropeanCommunity: Situation at 1 January 2010.[5]Doernberg, R. (1999).
Doernberg's International Taxation in a Nutshell, 4th
. WestAcademic.
[6] E&Y. (2004). 2003 Global Transfer Pricing Survey.[7] E&Y. (2010). 2009 Global
Transfer Pricing Survey.[8] Eccles, R. G. (1985). The transfer pricing problem: A
theory for practice.
[9]Fondo Monetario Internacional (IMF). Enlace
web:http://www.imf.org/external/spanish/index.htm
[10]GRAU, V. F., & LPEZ, R. M. G. (2013). La fiscalidad internacional.
BibliolibraryEditorial. Madrid.
[11]Gutiérrez Lousa, M., & Rodríguez Ondarza, J. A. (2007). Los precios de
transferenciatras la reforma realizada por la Ley 36/2006 de Medidas para la
Prevención delFraude Fiscal.

18
19