Você está na página 1de 13

Perguntas e Exercicios sobre

Termodinamica Macroscopica I
Eng. Eduardo Rivero San Martin. 2021

1. Como definiria o objecto de estudo da Termodinamica?


A termodinâmica pode ser definida como a ciência da energia. Embora tudo o mundo tem uma
ideia do que é energia, é difícil defini-la com precisão. Energia pode ser considerada como a
capacidade de causar mudanças.

O termo termodinâmica vem das palavras gregas therme (calor) e dynamis (força), que
corresponde ao mais descritivo do primeiro esforços para converter calor em energia. Hoje o
conceito é interpreta de forma ampla para incluir aspectos de energia e suas transformações,
incluindo geração de energia, resfriamento e relacionamentos entre as propriedades da
matéria.

O termo termodinâmica foi usado pela primeira vez em uma publicação de Lord Kelvin em 1849;
e de sua parte, William Rankine, professor da Universidade de Glasgow, escreveu em 1859 o
primeiro texto sobre o assunto.

Sabe-se que uma substância é composta por um grande número de partículas chamadas
moléculas, e que as propriedades dessa substância dependem, é claro, do comportamento
dessas partículas. Por exemplo,

pressão de um gás em um recipiente é o resultado da transferência de momentum entre as


moléculas e as paredes do recipiente.

No entanto, não é necessário conhecer o comportamento das partículas de gás para determinar
a pressão no recipiente, bastaria colocar um manômetro para o vaso. Esta abordagem
macroscópica para estudar da termodinâmica que não exige o conhecimento do
comportamento de cada uma das partículas é chamada de termodinâmica clássica e fornece
um modo direto e fácil para resolver problemas de engenharia. Uma abordagem mais elaborada,
baseada no comportamento médio de grandes grupos de partículas individuais, é a da
termodinâmica estatística.

2. Quais são as areas de aplicação da Termodinamica?


Na natureza, todas as atividades têm a ver com uma certa interação entre energia e matéria;
conseqüentemente, é difícil imaginar uma área que não seja de alguma forma se relacionam
com a termodinâmica. Portanto, desenvolva um boa compreensão dos princípios básicos desta
ciência foi durante há muito tempo parte essencial da educação em engenharia.

A termodinâmica é comumente encontrada em muitos sistemas de engenharia e outros


aspectos da vida, e você não precisa ir muito longe para verificar isso. Na verdade, você não
precisa ir a lugar nenhum. Por exemplo, o coração bombeia sangue constantemente por todo o
corpo, diferentes conversões de energia ocorrem em bilhões de células, e o calor corporal
gerado é emite constantemente para o meio ambiente. O conforto humano está perto em
relação à taxa dessa emissão metabólica de calor. Você tenta controlar esta transferência de
calor ajustando a roupa às condições ambientais.

Existem outras aplicações da termodinâmica no lugar onde você mora. Uma casa comum é, em
alguns aspectos, um showroom de maravilhas relacionadas à termodinâmica. Muitos utensílios
domésticos e aplicativos são projetados, no todo ou em parte, usando os princípios da
termodinâmica. Alguns exemplos são os fogão elétrico ou a gás, sistemas de aquecimento e ar
condicionado, geladeira, umidificador, panela de pressão, caldeira a água, o chuveiro, o ferro e
até o computador e a televisão. No em uma escala maior, a termodinâmica desempenha um
papel importante no projeto e análise de motores automotivos, foguetes, motores de
aeronaves, usinas convencionais ou nucleares, coletores solares e no projeto de todos os tipos
de veículos, de automóveis a aviões.

Casas que usam a energia de forma eficiente são projetadas com base na redução da perda de
calor no inverno e no ganho de calor no verão. O tamanho, localização e entrada de energia do
ventilador do seu computador também é selecionado após um estudo envolvendo
termodinâmica.

3. O que é Homogeneidade dimensional?


No ensino fundamental você aprende que maçãs e laranjas não combinam, mas de alguma
forma, consegue-se (por engano, é claro). No Em engenharia, as equações devem ser
dimensionalmente homogêneas. Quer dizer, cada termo em uma equação deve ter a mesma
unidade. Se em algum estágio de uma análise é capaz de adicionar duas quantidades que têm
unidades diferentes, é uma indicação clara de que um erro em um estágio anterior. Portanto,
verificar as dimensões pode ajudar como uma ferramenta valiosa para detectar erros.

4. O que é um sistema Termodinamico?


Um sistema é definido como uma quantidade de matéria ou uma região no espaço escolhida
para análise. A massa ou região fora do sistema é conhecida como arredores. A superfície real
ou imaginária que separa o sistema de seus arredores é chamada de limite. O limite de um
sistema pode ser fixo ou móvel. Observe que o limite é a superfície de contato compartilhada
pelo sistema e os arredores. Em termos matemáticos, o limite tem espessura zero e, portanto,
não pode conter nenhuma massa ou ocupar um volume no espaço. Os sistemas podem ser
considerados fechados ou abertos, dependendo se uma massa fixa ou um volume fixo no espaço
é escolhido para estudo.

5. Defina os conceitos de fronteira e vizinhança de um sistema termodinamico.


Vizinhança é tudo aquilo que é externo ao sistema; O sistema é separado de sua vizinhança
por uma fronteira especificada que pode estar em repouso ou em movimento e que pode
ser real ou imaginaria.

6. O que é um sistema fechado (ou massa de controlo)?


Um sistema fechado (também conhecido como massa de controlo) consiste em uma
quantidade fixa de massa e nenhuma outra massa pode cruzar seu limite. Ou seja, nenhuma
massa pode entrar ou sair de um sistema fechado. Mas a energia, na forma de calor ou trabalho,
pode cruzar a fronteira; e o volume de um sistema fechado não precisa ser consertado. Se, como
um caso especial, a energia é mesmo impedida de cruzar a fronteira, então é um sistema
isolado. Considere o dispositivo pistão-cilindro. Suponha que você queira saber o que acontece
ao gás fechado quando é aquecido. Como o foco está no gás, esse é o sistema. As superfícies
internas do pistão e do cilindro formam o limite e, como nenhuma massa o atravessa, é um
sistema fechado. A energia pode cruzar o limite e parte do limite (a superfície interna do êmbolo,
neste caso) pode-se mover. Tudo fora do gás, incluindo o pistão e o cilindro, são os arredores
(vizinhança).

7. O que um sistema de aberto (ou volume de controlo)?


Um sistema aberto, ou um volume de controlo, como é freqüentemente chamado, é uma
região devidamente escolhida no espaço. Geralmente inclui um dispositivo relacionado ao fluxo
de massa, como um compressor, turbina ou bico. O fluxo através desses dispositivos é melhor
estudado selecionando a região dentro do dispositivo como o volume de controle. Tanto a
massa quanto a energia podem cruzar os limites de um volume de controle. Um grande número
de problemas de engenharia tem a ver com o fluxo de massa dentro e fora de um sistema e,
portanto, são modelados como volumes de controle. Um aquecedor de água, um radiador de
carro, uma turbina e um compressor estão relacionados ao fluxo de massa e devem ser
analisados como volumes de controle (sistemas abertos) ao invés de massas de controle
(sistemas fechados). Em geral, qualquer região arbitrária no espaço pode ser selecionada como
o volume de controle; Não existem regras rígidas e rápidas para essa seleção, mas uma
apropriada torna a análise mais fácil. Por exemplo, se o fluxo de ar através de um bico precisa
ser analisado, uma boa escolha para o volume de controle seria a região dentro do bico. Os
limites de um volume de controle são conhecidos como superfície de controle e podem ser reais
ou imaginários. No caso de um bico, a superfície interna do bico constitui a parte real do limite,
enquanto as áreas de entrada e saída formam a parte imaginária, uma vez que não há superfícies
físicas. Um volume de controlo pode ser fixo em tamanho e forma, como no caso de um bico,
ou pode envolver um limite móvel. No entanto, a maioria dos volumes de controle têm
fronteiras fixas e, portanto, não envolvem fronteiras móveis. Como em um sistema fechado, em
um volume de controle também podem ocorrer interações de calor e trabalho, além da
interação de massa.

8. O que caracteriza um sistema adiabático?


É um sitema que pode ser aberto ou fechado, mas não intercambia calor com a vizinhança. Na
pratica se considera quando o intercambio de calor com a vizinhança é desprezivel. (Pode
intercambiar trabalho) Exemplo: Uma turbina de vapor bem isolada termicamente.

8. O que caracteriza um sistema isolado?


Um sistema isolada é um sistema fechado que não intercambia energia (Nem calor, nem
trabalho) com suas vizinhanças; este é um conceito ideal pois na pratica é praticamente
impossivel lograr um sistema deste tipo.

9. Que são propriedades e estado de uma substância?


Qualquer característica de um sistema é chamada de propriedade. Algumas propriedades
muito familiares são pressão P, temperatura T, volume V e massa m. O lista pode ser expandida
para incluir propriedades menos familiares, como viscosidade, condutividade térmica, módulo
de elasticidade, coeficiente de expansão térmica, resistividade elétrica e até mesmo velocidade
e elevação.
Se considerarmos uma dada massa de água, reconhecemos que essa água pode existir em várias
formas. Se for um líquido inicialmente, pode se tornar um vapor quando for aquecido ou um
sólido quando for resfriado. Assim, falamos das diferentes fases de uma substância. Uma fase é
definida como uma quantidade de matéria que é totalmente homogênea. Quando mais de uma
fase está presente, as fases são separados uns dos outros pelos limites da fase. Em cada fase a
substância pode existir em várias pressões e temperaturas ou, para usar o termo
termodinâmico, em vários estados. O estado pode ser identificado ou descrito por certas
propriedades macroscópicas observáveis; alguns os familiares são temperatura, pressão e
densidade. Cada uma das propriedades de uma substância em um determinado estado tem
apenas um definido valor, e essas propriedades sempre têm o mesmo valor para um
determinado estado, independentemente de como a substância chegou ao estado. Na verdade,
uma propriedade pode ser definida como qualquer quantidade que depende do estado do
sistema e é independente do caminho (ou seja, a história anterior) pelo qual o sistema chegou
ao estado determinado. Por outro lado, o estado é especificado ou descrito pelas propriedades.
Mais tarde, consideraremos o número de propriedades independentes de uma substância pode
ter, ou seja, o número mínimo de propriedades que devem ser especificadas para corrigir o
estado da substância.

As propriedades termodinâmicas podem ser divididas em duas classes gerais: intensivas e


extensivas.

Uma propriedade intensiva é independente da massa; o valor de uma propriedade extensa


varia diretamente com a massa. Assim, se uma quantidade de matéria em um determinado
estado é dividida em duas partes iguais, cada parte terá o mesmo valor de propriedades
intensivas que o original e metade do valor das propriedades extensivas. Pressão, temperatura
e densidade são exemplos de propriedades intensivas. Propriedaes extensivas dependem da
massa. Massa e volume total são exemplos de propriedades extensivas. Propriedades
extensivas por unidade de massa, como volume específico, são propriedades intensivas.

10. Que são parametros termodinamicos de estado?


Parametros termodinamicos de estado são as propriedades intensivas que determinam o
estado do corpo o grupo de corpos que compõem o sistema termodinâmico. Os parâmetros
termodinâmicos de estado mais utilizados são:
temperatura.
pressão.
volume especifico.
Tambem são utilizados a entalpia especifica, a enegia intena especifica e a entropia especifica.
11. O que é uma substancia pura?
Uma substância pura é aquela que possui uma composição química homogênea e invariável.
Isto pode existir em mais de uma fase, mas a composição química é a mesma em todas as fases.
Assim, água líquida, uma mistura de água líquida e vapor d'água (vapor) e uma mistura de gelo
e água líquida são todas substâncias puras; cada fase tem a mesma composição química.

Em contraste, uma mistura de ar líquido e gasoso não é uma substância pura porque o a
composição da fase líquida é diferente daquela da fase vapor.

Às vezes, uma mistura de gases, como o ar, é considerada uma substância pura, desde que pois
não há mudança de fase. A rigor, isso não é verdade. Como veremos mais tarde, nós podemos
dizer que uma mistura de gases, como o ar, exibe algumas das características de um substância,
desde que não haja mudança de fase.
Substâncias compressíveis simples. Esse termo designa substâncias cujos efeitos de superfície,
efeitos magnéticos e efeitos elétricos são insignificante quando se trata de substâncias. Mas
mudanças de volume, como aquelas associados à expansão de um gás em um cilindro, são muito
importantes. Referência irá ser feita, no entanto, para outras substâncias para as quais efeitos
de superfície, magnéticos e elétricos são importantes. Vamos nos referir a um sistema que
consiste em uma substância compressível simples como um sistema compressível simples.

12. Em termodinamica macroscopica a materia se considera um continuo, defina esse


conceito?
Ao aplicar este conceito não se toma em consideração a estrutura atomico – molecular da
materia. A matéria é composta de átomos igualmente espaçados na fase gasosa. No entanto, é
muito conveniente não levar em conta a natureza atômica de uma substância e considerá-la
como matéria contínua, homogênea, sem lacuna, ou seja, um continuo. A idealização contínuo
permite que as propriedades sejam tratadas como funções pontuais e supor que elas variam
continuamente no espaço sem saltos descontínuos. Essa idealização é válida desde que o
tamanho do sistema analisado seja grande em relação ao espaço entre as moléculas. Esse é o
caso em quase todos os problemas, com exceção de alguns problemas especializados. A
idealização do continuum está implícita em muitas afirmações, como "a densidade da água em
um copo é a mesma em qualquer ponto", que consiste em uma substância compressiva simples
como um sistema compressível simples.

13. Como define a densidade absoluta e a densidade relativa?


A densidade se define como a massa por unidade de volume

Densidade absoluta: O recíproco da densidad é volumen específico v, que se define como o


volume por unidade de massa. É dizer, Para um elemento de volume diferencial de massa dm e
volumen dV, a densidade se pode expresar como ρ = dm/dV. Em geral, a densidade de uma
substancia depende da temperatura e a pressão. A densidade da maior parte dos gases é
proporcional a pressão e inversamente proporcional a temperatura. Por outro lado, os líquidos
e sólidos são em esencia substancias não compressiveis e a variação de sua densidade com a
pressão é pelo regular insignificante.

Densidade relativa Algumas vezes a densidade de uma substancia se da como relativa a


densidade de uma substancia bem conhecida. Então, se chama gravedade específica, o
densidade relativa, e se define como o cociente da densidade de uma substancia entre a
densidade de alguma substancia estándar a uma temperatura especificada (normalmente agua
a 4°C, para a que ρH2O = 1000 kg/m³). É dizer, Densidade relativa: A densidade relativa de uma
substancia é uma quantidade adimensional. Não entanto, em unidades SI, o valor numérico da
densidade relativa de uma substancia é exactamente igual a sua densidade em g/cm³ ou kg/l (o
bien, 0.001 veces a densidade em kg/m³) posto que a densidade da agua a 4°C é 1g/cm³, 1kg/l,
1000kg/m³.

14. O que é o estado de quasse equilibrio?


SISTEMA EM QUASSE EQUILIBRIO: e aquele em que suas propriedades são constantes de
ponto a ponto do sistema termodinâmico.
Para que um sistema esteja em equilíbrio termodinâmico, três condições devem ser satisfeitas:
(1) O sistema deve estar em equilíbrio mecânico e livre de qualquer força ou torque externos;
(2) O sistema deve estar em equilíbrio químico. Nenhuma reação pode estar ocorrendo;
(3) As propriedades mensuráveis do sistema devem ser espacialmente uniformes e não podem
variar com o tempo.
A condição (3) deve ser considerada com certo cuidado quando tratamos com sistemas
heterogêneos. Por exemplo, certo volume fechado, contendo líquido e seu vapor, está em
equilíbrio termodinâmico desde que ambas as fases satisfaçam as condições de equilíbrio.
Porém, a uniformidade espacial não se cumpre nesse caso. Em relação às propriedades
mensuráveis, deve-se entender, por exemplo, que a temperatura e a pressão são uniforme em
todo e qualquer ponto do sistema.
Temperatura é uma variável de estado que é desconhecida em mecânica e em eletrodinâmica.
Ela é especialmente introduzida para a Termodinâmica e sua defi nição está intimamente
relacionada com o conceito de equilíbrio térmico. Igualdade de temperatura entre dois sistemas
é a condição para que exista equilíbrio térmico entre eles.

15. Que definimos como processo termodinamico?


Qualquer mudança de um estado de equilíbrio para outro experimentado por um sistema é
um processo, e a série de estados pelos quais um sistema passa durante esse processo, é o
caminho do processo. Para descrever completamente um processo, seus estados e estados
iniciais devem ser especificados, bem como o caminho que segue e as interações com o
ambiente.

Quando um processo se desenvolve de tal forma que o tempo todo o sistema permanece
infinitesimalmente próximo a um estado de equilíbrio, estamos antes de um processo quase
estático ou quase equilíbrio. Tal processo pode ser considerado lento o suficiente para permitir
que o sistema ser ajustado internamente para que as propriedades de uma de suas partes não
mudar mais rápido do que outros.

Deve-se notar que um processo de quase equilíbrio é um caso idealizado e não corresponde a
uma representação autêntica de um processo real. No entanto, muitos processos reais estão
bastante próximos e podem ser modelados quase equilíbrio com uma margem de erro
desprezível. Os engenheiros estão interessados neste tipo de processo por dois motivos:
primeiro, eles são fáceis para analisar e, em segundo lugar, dispositivos que produzem trabalho
têm uma melhor desempenho ao operar com processos de quase-equilíbrio. Portanto, eles
servem como padrões contra os quais podem ser comparados aos reais.
Diagramas de processo desenhados usando propriedades termodinâmica na forma de
coordenadas são muito úteis para ter um representação visual do processo. Algumas
propriedades comuns usadas como coordenadas são temperatura T, pressão P e volume V (ou
volume específico v).

O prefixo iso- é frequentemente usado para designar um processo no qual um propriedade


particular permanece constante. Por exemplo, um processo isotérmico é aquele em que a
temperatura T permanece constante; um processo isobárico é em que a pressão P é mantida
constante, e um processo isocórico (ou isométrico) é aquele em que o volume específico v
permanece constante.

Diz-se que um sistema executou um ciclo se retornar ao seu estado inicial no final do processo,
ou seja, para um ciclo os estados inicial e final são idênticos.

16. Defina o que é um Proceso de flujo estacionario?


Os termos estável e uniforme são usados com frequência em engenharia e é importante
entender claramente seus significados. Estacionário significa que não há mudança com o
tempo e seu oposto é não estacionário ou transitório. No entanto, uniforme significa nenhuma
mudança com localização em uma região específica. Esses significados são consistentes com seu
uso diário (propriedades uniformes, etc.). Na engenharia, um grande número de dispositivos
opera por longos períodos nas mesmas condições e são classificados como dispositivos de fluxo
estacionario. Os processos em que tais dispositivos são usados podem ser representados
razoavelmente bem por um processo um tanto idealizado, denominado processo de fluxo
estacionario, que pode ser definido como um processo durante o qual um fluido flui
continuamente através de um volume de controlo. Ou seja, as propriedades do fluido podem
mudar de um ponto a outro dentro do volume de controlo, mas em algum ponto fixo elas
permanecem inalteradas ao longo do processo. Portanto, o volume V, a massa m, e o conteúdo
total de energia E do volume de controlo permanecem constantes durante um processo de fluxo
estacionario. As condições de fluxo estacionario podem ser aproximadas por dispositivos
projetados para operar constantemente, como turbinas, bombas, caldeiras, condensadores,
trocadores de calor, usinas de energia ou sistemas de refrigeração. Alguns dispositivos cíclicos,
como máquinas alternativas ou compressores, não satisfazem nenhuma das condições acima
mencionadas, uma vez que o fluxo nas entradas e saídas será pulsante e não estacionário. No
entanto, as propriedades do fluido variam com o tempo de uma maneira periódica e o fluxo
nesses dispositivos ainda pode ser analisado como um processo de fluxo estacionario usando
valores médios de tempo para as propriedades.

17. Tipos de precessos de acordo com a permanencia constante de determinadas


propriedades? O prefixo ISO quer dizer que se mantem constante:
Processo Isoentalpico é aquele que aconteçe com a entalpia constante.
Processo Isoentropico é aquele que aconteçe com a entropia constante.

18. O que é um Ciclo Termodinamico?


Um Ciclo termodinâmico é uma seqüência de processos que se inicia e termina em um mesmo
estado.
19. Enunciar a Lei zero da termodinamica.
A lei zero da termodinâmica afirma que se dois corpos estão em equilíbrio térmico com um
terceiro, eles estão em equilíbrio térmico entre si. Pode parecer bobo que um fato tão óbvio
seja conhecido como uma das leis básicas da termodinâmica; Porém, não é possível concluir
essa lei a partir das demais leis da termodinâmica, além de servir de base para a validade da
medição da temperatura. Se o terceiro corpo for substituído por um termômetro, a lei zero pode
ser reexpressa como dois corpos estão em equilíbrio térmico se ambos tiverem a mesma leitura
de temperatura, mesmo que não estejam em contato. RH Fowler foi o primeiro a formular e
nomear a lei zero em 1931. Como o nome indica, seu valor como princípio físico fundamental
foi reconhecido mais de meio século após a formulação da primeira e da segunda leis da
termodinâmica e foi chamado de lei zero, visto que tinha que preceder estas.

20. Que é PRESSÃO?


A pressão é a força de compressão por unidade de área e da a impressão de ser um vector.
Não entanto, a pressão em qualquer ponto de um fluido é a mesma em todas direcções, é
dizer, tem magnitude mas não direcção específica e pelo tanto é uma quantidade escalar.

21. Que diferencia há entre pressão absoluta e pressão manométrica?


A diferencia radica essencialmente no nivel que se toma como nivel zero. Para a pressão
manometrica a pressão atmosferica se considera o nivel zero, ja que os manometros so
marcam a pressão acima da pressão atmosferica.
A pressão absoluta considera o valor da pressão atmosfererica adicionandoa a pressão
manometrica:

Pabs = Pman + Patm


22. De que magnitudes depende a pressão que exerce uma coluna de fluido em um
lugar determinado?
A pressão que exerce uma coluna de liquido depende da altura da coluna, a densidade do
fluido e da aceleração local de gravidade.
Desta forma, a pressão hidrostática é calculada usando-se a seguinte
fórmula:

P = ρhg

Onde,

p h : pressão hidrostática (N/m2)(Pa)


ρ: densidade do fluido(kg/m3)
g: aceleração local da gravidade (m/s2)
h: altura (m)

23. A pressão que aparece nas tabelas termodinâmicas é absoluta ou é


manométrica?
Nas tabelas de propriedades termodinamicas a pressão tabulada a a pressão absoluta
que é a que constitui uma propriedade termodinamica e que és como se usa na equação
do gas perfeito:
𝑝𝑉 = 𝑚𝑅𝑇
p _ Pressão absoluta, Pa.
T _ Temperatura absoluta, K.
R _ Constante do gas perfeito, J/kg K.
24. Como se enuncia a lei dos vasos comunicantes?
Uma aplicação da Lei de Stevin se dá nos vasos comunicantes, que são recipientes
ligados por um tubo. Ao serem preenchidos por um líquido, este ficará a uma mesma
altura em todos os frascos.
Devido a isso, as caixas de água das residências recebem água, sem necessidade de
bomba, desde que estejam abaixo da altura do reservatório.

25. O manual que acompanha uma ducha higiênica informa que a pressão mínima da
água para o seu funcionamento apropriado é de 20 kPa. A figura mostra a
instalação hidráulica com a caixa d'água e o cano ao qual deve ser conectada a
ducha. Qual a altura minima?Digite a equação aqui.

O valor da pressão da água na ducha está associado à altura h2


𝑝 20000
ℎ𝑚𝑖𝑛 = 𝜌𝑔
= 1000 𝑥 9.8 = 2.04m

26. Que diz o Princípio de Pascal?


O Princípio de Pascal é uma lei da hidrostática que envolve a variação de pressão hidráulica num
fluido em equilíbrio.
Recebe esse nome pois foi elaborada no século XVII pelo físico, matemático e filósofo
francês Blaise Pascal (1623-1662).
Seu enunciado é expresso da seguinte maneira:
“O aumento da pressão exercida em um líquido em equilíbrio é transmitido integralmente a
todos os pontos do líquido bem como às paredes do recipiente em que ele está contido.”

Fórmula
A partir da figura acima, a fórmula do Princípio de Pascal é expressa:

Onde,
F1 e F2: forças aplicadas aos êmbolos 1 e 2
A1 e A2: áreas dos êmbolos 1 e 2
Nesse sentido, as intensidades das forças aplicadas são diretamente proporcionais às áreas dos
êmbolos.
Alguns exemplos sobre o Princípio de Pascal podem ser aplicados em:
 Prensas hidráulicas
 Elevadores hidráulicos
 Freios hidráulicos
 Barragens
 Caixas d’água
 Sistemas de amortecedores
27. Uma prensa hidráulica possui pistões com diâmetros 10 cm e 20 cm. Se uma força
de 120 N atua sobre o pistão menor, qual será força aplicada no pistão maior?

𝐹1 𝐴2 = 𝐹2 𝐴1
𝐹1 𝐴2 120 𝑥 0.785 𝑥 0.22 120 𝑥 0.22
𝐹2 = = = = 480N
𝐴1 0.785 𝑥 0.12 0.12

𝑭𝒎𝒂𝒊𝒐𝒓 = 480N

28. No oceano a pressão hidrostática aumenta com profundidade, a densidade da


agua é 1025kg/m³. Um submarino encontra-se a 200 m de profundidade, e a
pressão do ar no seu interior é de uma atmosfera. Nesse contexto, Qual a diferença
da pressão entre o interior e o exterior do submarino aproximadamente?
A pressão no exterior do submarino é:

P(Pa) = ρhg = 1025 x 200 x 9.81 = 2011050Pa


𝑃 (𝑃𝑎) 2011050
P (kPa) = 1000
= 1000
= 2011kPa
𝑃(𝑃𝑎) 2011050
P(atm) = 101325 = 101325
= 19.84atm

A diferencia de pressão é de 18.54 atm.


Ver tabela de conversão em baixo.

29. Um reservatório cilíndrico de 2 m de altura e base com área 2,4 m 2, como mostra
a figura, foi escolhido para guardar um produto líquido de massa específica igual a
1,2 g/cm3. Durante o enchimento, quando o líquido atingiu a altura de 1,8 m em
relação ao fundo do reservatório, este não suportou a pressão do líquido e se
rompeu. Com base nesses dados, Qual o módulo da força máxima suportada pelo
fundo do reservatório?

𝑃
𝐹=
𝐴

P = ρhg

𝐹𝐴 = ρhg
ρhg 1200 𝑥 2 𝑥 9.81
𝐹= 𝐴 = 2.4
=
9810N

F = 9.8 kN

30. Quais são os passos recomendados (Tecnica) para a relização de problemas e


exercicios termodinamicos?
Para se realizar uma análise termodinâmica é preciso a definição do sistema e das interações
com suas vizinhanças. Também é preciso criar um modelo de engenharia, que é uma
representação simplificada do problema.

Paso 1: enunciado do problema


Expresse brevemente e com suas propias palavras o problema, a informação dada e as
quantidades por determinar. Isto asegura o entendimento e os objetivos antes de intentar
resolver o problema.
Paso 2: esquema
Elaborar um esquema real do sistema físico em questão e anote a informação pertinente na
figura. A resenha não tem que ser muito elaborado, senão que deve parecerse ao sistema real
e mostrar suas características importantes. Indique as interacções de energía e massa com a
vizinhança. Listar a informação proporcionada no enunciado ajuda a ver todo o problema a vez.
Assim mesmo, comprove as propriedades que permanezem constantes durante um processo
(por exemplo, a temperatura em um processo isotérmico) e indíquelas na resenha.
Paso 3: suposições e aproximações
Enuncie as suposições e aproximações adequadas para simplificar o problema com a finalidade
de que seja possivel obter a solução. Considere valores razonaveis para as quantidades restantes
que são necessarias; por exemplo, em ausencia de dados específicos para a pressão atmosférica,
ésta se pode tomar como uma atmosféra. Não entanto, deve considerar-se no análises que a
pressão atmosférica disminue com o aumento da elevação.
Paso 4: leies físicas
Aplique as leies físicas e principios básicos pertinentes (como a conservação da massa) e redúzi-
las a sua forma más simple utilizando as considerações feitas. Não entanto, a região a qual se
aplica a lei física se deve identificar primeiro de maneira clara; por exemplo, o incremento na
velocidade do ar que flui por uma tobeira se analisa aplicando a conservação de massa entre a
entrada e a saida da tobeira.
Paso 5: Propiedades
Determine as propriedades desconhecidas em estados conhecidos necesarias para resolver o
problema a partir de relações ou tabelas de propriedades. Anote por separado as propriedades
e indique sua fonte, se é o caso.
Paso 6: Cálculos
Sustitua as quantidades conhecidas nas relações simplificadas e leve a cabo os cálculos para
determinar as incógnitas. Ponha especial atenção nas unidades e as eliminações de éstas e
lembre que uma quantidade dimensional sem uma unidade carece de sentido. Tambem, não dé
uma implicação falsa de alta precisão ao copiar todos os dígitos que aparecem na pantalla da
calculadora, senão que redondee os resultados a um número apropriado de dígitos
significativos.
Paso 7: Razocinio, comprovação e análises
Comprove para asegurar-se de que os resultados obtidos são razoaveis e intuitivos, e comprovar
a validez das suposiciões questionaveis. Repita os cálculos quando obtenha como resultado
valores pouco razoaveis;

Você também pode gostar