Você está na página 1de 20

MANUAL DE PROCEDIMENTOS DE TERAPIAS

Este documento foi elaborado a fim de direcionar o terapeuta


no cumprimento básico do procedimento técnico das terapias,
evitando possíveis distorções nos atendimentos das mesmas.
A regra do Espaço Humanidade continua a mesma, conduzindo
os trabalhos seguindo o “sentir” de cada um. Porém o
descritivo abaixo indicará o que temos como procedimento
padrão de cada terapia.

INTRODUÇÃO À ESPIRITUALIDADE

O objetivo do tratamento/treinamento é despertar a


consciência do assistido de modo a ele perceber que ele está
no comando de sua vida e pode fazer todas as mudanças que
quiser, construir sua realidade, fazendo com que o assistido
tenha compreensão do quanto ele se deixa envolver por
crenças e medos limitantes. Assim ele irá readquirir sua
confiança e poder especial.

O assistido é avaliado em todos os encontros através da ficha


de medição de Biometria, acompanhando o seu:

• Tempo
• Estado de ânimo (emoção)
• Energia de saúde física
• Vitalidade

1
MESA QUANTIÔNICA

É a porta de entrada para os atendimentos do Espaço


Humanidade, o momento cósmico de quem chega a nós; assim
como foi o nosso momento cósmico quando chegamos e
sempre devemos ter isso em mente.
A consulta da mesa quantiônica se baseia na avaliação do
assistido através de um psicogerador radiônico ligado à quinta
dimensão. Através dele, acessamos o mental superior do
assistido, descobrindo as causas reais do seu desequilíbrio,
possibilitando o diagnóstico e quais os tratamentos necessários
para que ele entre em equilíbrio.
Isso implica em ter acesso à pessoa como espírito, a sua
essência pura, e é nessa frequência que iremos conduzir a
leitura e a abordagem com a pessoa, fazendo o necessário à
sua reconexão e ou direcionamento.
O mais importante numa leitura de mesa é o sentir! Sentir o
assistido, sentir o que deve fazer, se conectar com a pessoa e
usar essa energia, do sentir, da quinta dimensão.
O ideal de cada atendimento é iniciar com a avaliação
energética da pessoa, deixando a conversa com o assistido
para o final. Desta forma evitamos manipulações, acessamos o
real problema sem interferência das crenças ou “achismos” e
também geramos maior confiabilidade e impacto no assistido,
das informações que levantamos na leitura da mesa.
É imprescindível que o terapeuta esteja em alfa para realizar o
atendimento.
Inicialmente colocamos a energia do ambiente no decágono.
Ajustamos o labirinto de Chartres e avaliamos o tempo do
ambiente, harmonizando se necessário;
Em seguida, colocamos a energia do terapeuta no decágono
(nós mesmos), ajustamos o labirinto de Chartres e avaliamos o
tempo do terapeuta, harmonizando se necessário.
Se o assistido for homem (sexo biológico masculino), deverá
ser colocado o dedo indicador esquerdo no decágono; Se for
mulher (sexo biológico feminino), colocar o dedo indicador
direito.
Avaliar se é NEUSMAGNÂNIMO efetuar o atendimento.
Se não for, informar ao assistido que não poderá atendê-lo.
Perguntar à mesa se ele veio por livre e espontânea vontade e
se ele pode ser atendido por outro terapeuta.

2
Caso seja um atendimento por ponte, pois o assistido está
impossibilitado de vir, ele deve consentir o atendimento. Deve-
se efetuar a confirmação na mesa se o atendimento está
autorizado.
Avaliar: Planeta, tempo, se é auto-gerado ou absorvido, se tem
TMN, se sim, se é desta encarnação, e se é consciente;

CASO ACHE NECESSÁRIO UMA INVESTIGAÇÃO MAIOR DE ACORDO COM


CADA PACIENTE PODE PROLONGAR A PESQUISA COM AS FERRAMENTAS
AUXILIARES OFERECIDAS COMO SEGUE ABAIXO:

Qual a origem do de energia de geopatologia dirimindo o


estado de saúde do assistido ou familiares, animais.
Avaliar energias verde elétrico negativo, preta, influência de
seres fora do físico e energia vermelho elétrico conforme sentir
necessidade para rastrear a fundo o que acontece com o
assistido.

No diagnóstico também pode utilizar a tabela de corpo


emocional, mental e espiritual.

Se achar importante, descrever a energia e mudança


necessária que auxiliará na melhora do assistido desequilíbrio e
há quanto tempo;

Avaliar quais tratamentos ele necessita, pendulando de acordo


com as terapias, os números indicados e/ou se sim ou não.
Anotar na folha um breve histórico de tudo que foi levantado e
se apresentou na mesa.

Conversar com o assistido sobre o que foi levantado na leitura


da mesa e o que o trouxe. Nessa conversa é importante citar
algo do que foi levantado para que o assistido se identifique,
gerando credibilidade no atendimento.

Fazer na consulta uma harmonização na mesa quântica nos 12


raios, fazendo a “Entrega Vultera Neusmagnânima” da energia,
ao mesmo tempo em você pedirá para o assistido fechar os
olhos e fazer uma lista de agradecimentos em silêncio.

Encaminhar o assistido até a recepção, para que seja marcada


a Apometria e os tratamentos terapêuticos necessários.

3
É importante explicar ao assistido o que engloba o tratamento,
cursos etc, todas as terapias que ele vai fazer, falando um
pouco de cada uma delas, sua importância para sua melhora,
utilizando como material de apoio o Manual de terapias do
Espaço Humanidade.

Caso seja um retorno de consulta na mesa quântica,


provavelmente haverão poucos tratamentos, logo todas as
terapias e cursos deverão ser novamente penduladas.

Indicar os cursos necessários para o equilíbrio do assistido,


assim como produtos ou livros também poderão ser indicados.
Se atentar que em todos os casos o tratamento é só uma parte
do processo e a cura é resultado da retomada de consciência
do assistido, onde os livros, palestras e cursos também tem
enorme importância.

Se o terapeuta sentir que o assistido precise de alguma técnica


emergencialmente como Apometria, Taquions-Toc, TDR ou
Regressão com Reprogramação Energética, confirmar na mesa
e aplica-la na hora ou no mesmo dia.

AVALIAÇÃO PRÉVIA NA MESA QUANTIÔNICA

O assistido deverá preencher a ficha de prévia com seus dados


pessoais.

A parte de diagnóstico o terapeuta preencherá da seguinte


forma:

Planeta : Indica qual o tipo de vibração/evolução do assistido.


1- Aquele que mata sem escrúpulos; personalidade perversa.
2- Aquele que manda matar, contrata.
3- Aquele que ainda está ligado às paixões, e gosta de se dar
bem sempre
4- Tem compreensão das leis universais, mas não faz nada
pelos outros.
5- Índigos: Seres da nova era com energia de mudança do
planeta, mais lúcidos do que é certo ou errado. Contesta o que
está errado, e faz a mudança através da ira.

4
6- Cristais: Seres da nova era com energia de mudança do
planeta, mais lúcidos do que é certo e errado. Contesta o que
está errado, e faz a mudança com passividade.

Tempo : Indica qual o estado energético da pessoa.


1- Desequilíbrio espiritual
3- Desequilíbrio mental (crenças, ou processo auto-obsessivo)
5- Desequilíbrio emocional
7- Equilibrado

TMN : Trabalho de magia negra. Avaliar apenas caso o


assistido esteja no tempo 1.
- Consciente: Trabalho encomendado, ou demanda intencional
mental.
- Inconsciente: Energia emanada para o assistido de ira,
inveja, etc, sem intenção real de prejudicar.

Fato gerador nesta encarnação: Qual a origem do


desequilíbrio do assistido nesta encarnação, Questionar na
mesa a quantos dias, meses, anos.

Qual a área de origem do desequilíbrio:


- Relacionamento afetivo íntimo: parceiro ou pessoa muito
próxima;
- Relacionamento familiar;
- Profissional
- Saúde

Harmonizar o assistido na mesa conforme os DOZE RAIOS DA


FRATERNIDADE:

Raio 1 - Azul
Possui as qualidades Divinas da Fé, Poder, Proteção,
Determinação, Ânimo e Coragem.
Esse raio é que ajuda a entrar em contato com o “Computador
Central”, a fim de entrarmos em um túnel do Tempo: passado,
presente e futuro, redirecionando nosso sistema solar com o
plano divino de criação e da formação até atingir o plano de
perfeição no físico.

Raio 2 - Amarelo

5
Possui as qualidades Divinas da Iluminação, Equilíbrio, Paz,
Discernimento e Sabedoria.
Esse raio é que nos ilumina a mente, esclarecendo a alma e
acessando o conhecimento espiritual ao nosso SER, corrigindo
nossa personalidade com o discernimento, nos tornando
sensíveis, atentos e corretos.

Raio 3 - Rosa
Possui as qualidades divinas do Amor, Gratidão, Reverência a
toda a vida, Generosidade, Tolerância, Harmonia, Presença da
Benção em Manifestação.
Esse raio é que transmite o amor incondicional, a força que
sustenta
tudo e toda coisa, ser ou pessoa. Na terra, amamos e
sustentamos muita coisa com quem compactuamos.

Raio 4 - Branco
Possui qualidades divinas de Pureza, Esperança em Ação,
Ressurreição, Ascensão e Plenitude (Criatividade).
Esse raio é que sustenta a perfeição que para ser atingida,
passa pela purificação e atinge a pureza. Esta, por sua vez,
tem que parar a harmonia pelo conflito. Ex: do carvão ao
diamante.

Raio 5 - Verde
Possui as qualidades divinas da Verdade Cósmica em Ação,
Poder de Cura autogerada, Dedicação e Consagração.
Esse raio é que direciona a verdade suprema, iluminada e
crescente que se faz presente de tal forma neste início de
século e milênio, que não há quem não se faça perguntas em
busca de verdadeiras respostas.

Raio 6 - Rubi
Possui as qualidades divinas da Paz e Força para prestar
serviço à Vida, Serenidade, Devoção, Desprendimento e Bem-
Aventurança de Deus.
Esse raio é que manifestam o serviço aplicado, que promove
especialmente a cura emocional.

Raio 7 - Violeta
Possui as qualidades divinas da Transmutação, Libertação,
Misericórdia, Perdão, Purificação e Poder.

6
Esse raio trabalha sob a insígnia da liberdade, orienta a nos
dirigirmos para o nosso verdadeiro caminho e ao desapego do
que ainda nos prende em todos os sentidos.

Raio 8 - Turqueza
Possui as qualidades divinas da Clareza, Vivificação, Percepção
Divina, Discernimento, Talento, Dignidade, Cortesia e
Sabedoria Equilibrada.
Esse raio é que direciona o princípio espiritual como prioridade
que nos move em direção ao progresso cósmico. Aqui se
descobre isso com clareza, firmeza, honra e dignidade.

Raio 9 - Magenta
Possui as qualidades divinas da Harmonia, Equilíbrio,
Segurança, Entusiasmo, Estímulo, Restauração e
Ressurgimento.
Esse raio é que manifesta a integridade total do ser,
promovendo seu centro e seu eixo de céu e terra.

Raio 10 - Dourado solar


Possui as qualidades divinas da Paz Eterna, Pureza, Calma
Interior, Opulência, Abundância, Prosperidade e Suprimento
Divino.
Esse raio é que promove a consolidação na renovação dos
votos de paz solar, encontramos a verdadeira prosperidade, o
consolo cósmico, sem meias medidas.

Raio 11 - Pêssego
Possui as qualidades divinas da Alegria, Entusiasmo,
Eternidade, Serviço desinteressado, Felicidade, Vitória,
Liberdade e Libertação Espiritual.
Esse raio é que nos ajuda a entrar em contato com o nosso
propósito divino, com alegrias e com entrega. Portanto, a
verdade cada vez mais se manifesta.

Raio 12 - Opalino
Possui as qualidades divinas da Transformação,
Complementação, Renascimento e Rejuvenescimento (saúde).
Esse raio é que nos ajuda a concluir, realizando os objetivos e
metas de forma vitoriosa, a complementação agora poderá
acontecer.
A consciência iluminada busca um novo começo, uma nova era
dourada, onde não há o que temer.

7
A compreensão se manifesta e a humanidade deseja esta
totalidade divina do ser.

APOMETRIA

Apometria é uma técnica de desobsessão da nova era, do


desdobramento dos médiuns e do assistido, o atendimento é
realizado mais facilmente pelo plano espiritual. Na apometria
podemos tratar:

• Níveis emocionais de vidas passadas (subpersonalidade)


• Depressão profunda
• Síndromes
• Desfaz trabalhos de magia e retira implantes de chips
colocados pelas energias extrafísicas negativas
• Trata e encaminha espíritos obsessores
• Esclarece auto-obsessões
• A apometria trata todo o desequilíbrio de ordem espiritual,
campo sutil que repercute em afetação, infelicidade e
desequilíbrio da vida passada do assistido. O atendimento
de apometria para o processo de autocura atua
conjuntamente com os cursos e demais tratamentos.

- Para ser atendido em apometria o assistido deverá já ter


passado por avaliação na Mesa Quantiônica.

- Deverá chegar antes do horário determinado, dar o nome na


recepção e aguardar ser chamado.

- Os trabalhadores e dirigentes formarão um círculo e o


coordenador do dia irá realizar a abertura do trabalho, fazendo
o relaxamento, e desdobrando os corpos de todos, levando-os
até o hospital amor e caridade, aonde entrarão em contato
com a equipe do hospital e pegarão as informações necessárias
para o trabalho do dia.

- O coordenador também é responsável por fazer todo o


procedimento de preparo dos trabalhos, plasmar aparatos e
demais rotinas de abertura, perguntando também ao grupo se
deve ser colocado algo para o trabalho.

8
- Após o retorno ao hospital, serão formados grupos de
trabalhadores captadores e um dirigente por grupo.

- Cada dirigente de grupo irá questionar se os trabalhadores


estão bem. Caso não esteja, questionar o mesmo ou o outro
trabalhador sobre o que é que o médium está sentindo, se já é
do trabalho do dia ou se é necessário harmonizar o médium.

- Se já for do traballho, questionar o grupo se deve congelar a


energia para ser tratada durante o atendimento e tirar o
médium da faixa, ou se é para tratar a energia antes de
chamar o assistido.

- O dirigente do grupo também questiona os trabalhadores se é


necessário plasmar algo no grupo antes do início dos
atendimentos do dia, além de envolver o grupo num cordão de
proteção.

- O assistido é chamado e colocado na cadeira de frente para


os trabalhadores. O dirigente do grupo irá questionar qual é o
número de atendimento dele.

- Se for o primeiro atendimento, dar uma breve explicação do


que é a apometria e pedir que durante os atendimentos ele se
desligue e faça uma viagem mental para um momento feliz da
sua vida ou para um lugar em que ele se sinta bem.

- Se não for o primeiro atendimento, questionar que nota ele


se dá de melhora de 0 à 10, lembrando que o trabalho faz
apenas 10% e que 90% é o assistido que faz a mudança. Na
sequência, o assistido falará seu nome completo e data de
nascimento.

- Caso o assistido se dê uma nota baixa, questionar se ele


conseguiu fazer suas lições de casa ou se aconteceu algo entre
uma apometria e outra.

- O dirigente dará o comando de desdobramento dos corpos do


assistido até o hospital Amor e Caridade, abrirá as faixas e
níveis e pedirá fichas e arquivos do assistido ao hospital.

9
- Na sequência o dirigente ajusta a sintonia dos médiuns e
procede a um rastreamento em 360º graus no campo do
assistido.

- No trabalhador que manifestar alguma sensação, o dirigente


irá enquadrar a energia numa pirâmide, isolando e espelhando
a pirâmide por dentro. Em seguida, questionar se é nível ou
intruso ao grupo ou ao próprio médium.

- Caso mais de um trabalhador manifeste alguma sensação,


questionar se tem a ver com a mesma situação. Se sim, puxar
para um dos trabalhadores e efetuar o tratamento, caso
contrário, congelar um deles.

- Caso a energia seja nível, pedir a presença dos “Senhores do


tempo, do karma e da reencarnação, para tratar todos os
níveis e subníveis, registros de memória de presente, passado
e futuro na mesma emoção referentes a essa situação”.
Efetuar o tratamento e no final dar o comando “apago e
despolarizo todos os registros de memória” (cruzando os
braços e contando pulsos), e em seguida “ligar ao mental
superior”. Fazer esse procedimento tanto trabalhador captador
como no assistido.

- Caso seja intruso, dar as opções de escolha : “Hospital amor


e caridade ou senhores do tempo, do karma e da
reencarnação?”. Independente da escolha, encaminhar o
intruso.

- Caso seja identificada a necessidade do intruso ir até a casa


do assistido para efetuar a limpeza ou fazer uma limpeza no
próprio assistido, retirar aparelhos ou aparatos, pedir a
presença dos guardiões para proteção, e os trabalhadores
acompanham a limpeza com a doação de magnetismo.

- Se o dirigente ou trabalhador identificar energia de alguma


entidade para trabalhar/ajudar, permitir a aproximação e
manifestação mediante autorização do grupo.

- Caso o dirigente do grupo perceber a dificuldade de


aproximação da energia no trabalhador, dar o comando de
ajuste do coronário, cardíaco e esplênico com a energia a ser
captada.

10
- Os trabalhadores ou dirigente do grupo podem sentir
necessidade de retirada do assistido da sala para continuar o
tratamento, nesse caso confirmar com o grupo se é para tirar o
assistido da sala.

- O coordenador do dia deverá estar atento e conectado a tudo


o que acontece na sala, em “Stand By” para interferir se
necessário.

- No final de cada atendimento, deverão ser devolvidas as


fichas e arquivos, fechadas as faixas e níveis, e reacoplados os
corpos do assistido. Após trazer o assistido de volta, pedir pra
ele abrir os olhos.

- Em seguida o dirigente deverá questionar os trabalhadores se


tem algum recado ou lição de casa, e passar para
o assistido.

BARALHO TERAPÊUTICO

É uma consulta utilizada para auxiliar o assistido na abertura


de visão nos campos de sua vida real como profissional,
relacionamentos, família etc.
O assistido pode ou não levar questões específicas a serem
trabalhadas. O terapeuta embaralha as cartas e joga da forma
que sentir (conforme foi condicionado) e de acordo com as
necessidades do consulente.
No final do atendimento, o assistido tem a opção de questionar
algo que deseje saber.

HO’OPONOPONO

É uma terapia de cura criada pelo médico havaiano Dr. Hew


Len. A palavra Ho’oponopono significa reparar ou corrigir um
erro. É uma técnica para resolver os problemas que
vivenciamos em nossas vidas, assumindo a responsabilidade
por estarmos expostos àquela situação, curando através de nós
mesmos, através da sintonização com o universo, a fonte, para
que qualquer memória, emoção dolorosa, incômodo e

11
implicações desse processo energético, sejam transmutadas
pelo nosso poder.

Existem casos em que é necessário fazer por 21 dias seguidos,


pois nosso cérebro entende repetições, porém há casos que
não. Não devemos criar uma regra quanto a isso.

Em qualquer momento do dia poderá ser utilizada esta terapia,


dizendo: “Eu sinto muito, me perdoe, te amo e sou grato”.

Poderá pronunciar estas palavras direcionando para si mesmo,


para alguém, ou para alguma situação que traga mal-estar.
Quando fizer o Ho’oponopono deverá sentir a emoção
incomoda, e realmente estar disposto a resolver isso. Não
adianta repetir por repetir, somente com o uso da mente e
tampouco fazer o Ho’oponopono sem o desejo firme de
resolver a situação.

Fazendo dessa forma, você entrará em harmonia,


harmonizando-se com o Universo.

REGRESSÃO COM REPROGRAMAÇÃO

Essa terapia é indicada para tratar o emocional do assistido. As


emoções negativas que bloqueiam os meridianos. Esta terapia
efetua uma limpeza emocional, desbloqueando esses
meridianos.

- O terapeuta deverá questionar ao assistido qual o sentimento


negativo que mais o incomoda;

- Posicionar a cadeira do lado do assistido ou colocá-lo na


maca, caso preferir;

- Comunicar o assistido que este é o momento dele, e que o


terapeuta será apenas o veículo que conduzirá a técnica, e
quanto mais ele se entregar, mais eficaz será o tratamento.

- Avisá-lo que caso tenha alguma imagem ou sentimento,


comunicar ao terapeuta; Se ele tiver vontade de gritar, chorar,
rir, para ficar à vontade; não reprimir nenhuma sensação;

12
Iniciar o relaxamento e em seguida perguntar novamente qual
o sentimento que ele gostaria de tratar;

Colocar-se junto com o assistido dentro de uma pirâmide,


enquadrar e isolar esta pirâmide e se conectar com a energia
da Regressão com Reprogramação.

Começar a bater com os dedos no ponto de karatê de 2 à 3


vezes em cada mão, dizendo a frase:
“Mesmo que eu sinta (sentimento …), eu me aceito profunda e
completamente”.
e na última frase dizer:
“Mesmo que eu sinta (sentimento …), eu me amo profunda e
completamente”.

Em seguida fazer a sequência dos batimentos nos meridianos,


pedindo para o assistido falar o que sente;

Avisá-lo que quando o sentimento mudar, para ele verbalizar


qual é o novo sentimento;

Pergunte, se ele sente alguma dor no corpo, algum


desconforto. Se ele sentir alguma coisa, continue até os
sentimentos negativos zerarem ou até você sentir que chegou
o limite do assistido.

Nem sempre o sentimento é negativo, pode vir algum positivo,


e por ventura vir outro negativo na sequência.

Quando o terapeuta sentir que já foi tratado o suficiente/limite


do assistido, e que ele já está em um sentimento bom/positivo,
encerrar o atendimento com a mão no timo do assistido e dar o
comando:

• Preencher o que sentir necessário de sentimentos


positivos para o assistido. Dar o comando de renovação
da informação celular de acordo com esses novos
sentimentos (muitas vezes o assistido já entra em
sintonia do que é melhor para ele);

• A partir de agora a energia vai passando pela membrana


celular, entrando pelo citoplasma onde é produzida a
energia e entrando no núcleo da célula onde essa

13
informação fica alojada e a partir de agora todas as
células serão reproduzidas à partir desta nova informação.
• Limpeza energética (como achar melhor) de todos os
sentimentos não crísticos(apaga e despolariza)

TAQUIONS-TOC

A taquions-toc é um tratamento de cura, que trabalha com a


energia taquiônica, energia da quinta dimensão,
quintessenciada, que é 27 vezes mais rápida que o
pensamento. Assim, na taquions-toc trabalhamos diretamente
com o sentir, essa é a energia.

A taquions-toc tem indicação para tratamento de doenças,


desequilíbrios emocionais, mentais e físicos; é um tratamento
com energia de cura, para a cura.

Este trabalho é constituído por uma pessoa ou um dirigente


mais trabalhadores, ;

Pedir ao assistido que desligue o celular;

Pedir ao assistido que tire os sapatos, deite na maca, feche os


olhos, relaxe e se dirija mentalmente para um lugar que
agrade;

O dirigente da taquions-toc irá iniciar o atendimento com um


relaxamento profundo.

Em seguida dará os comandos abaixo utilizando-se da técnica


de impulsoterapia :

• ajustar a sintonia com os trabalhadores com a energia de


taquions-toc de quinta dimensão.
• Construir uma pirâmide envolvendo o assistido e a sala.
Em seguida a pirâmide deverá ser alinhada à 19 graus
latitude Sul e 30 graus leste. Em seguida dará o comando
de elevar a pirâmide.

• Ajustar a sintonia com o setor de taquiônica do hospital


amor e caridade.

14
• Colocar o assistido numa câmara de cura e aguardar a
manifestação dos trabalhadores.

São executados na taquions-toc vários procedimentos e não há


uma regra, há conexão. Abaixo seguem alguns procedimentos
recorrentes que aparecem na taquions-toc :

• Limpeza energética;
• Tratamento numa cor específica;
• Dar o comando que o médium passa a ser um órgão
específico, ou sistema, ou o corpo emocional, ou o
mental, levando-o para a quinta dimensão para
tratamento, buscando todas as informações de como ele
deve funcionar em perfeita harmonia, como foi
determinado nesta encarnação;
• Alinhamento de chacras e ajustes ou ligações;
• Em geral, pode haver o uso da técnica de TDR (terapia de
desbloqueio emocional com reprogramação energética).
Algumas vezes referentes ao órgão/sistema danificado do
assistido.

Após o dirigente sentir que não há mais nada a ser feito neste
atendimento, dar o comando de encerramento do trabalho,
reacoplar os corpos dos trabalhadores e do assistido, desfazer
as pirâmides e fechar o túnel de luz para o hospital.

Pedir para o assistido levantar calmamente;


Perguntar se ele está se sentindo bem;
Pedir que o assistido pegue seus pertences;
Se sentir necessidade, pode aconselhar o assistido de algo que
foi sentido durante o tratamento, como se fosse uma lição de
casa.

15
TDR - TERAPIA DE DESBLOQUEIO EMOCIONAL COM
REPROGRAMAÇÃO ENERGÉTICA

Esta terapia é indicada quando o assistido está com alguma


sub personalidade que o desequilibra, bloqueando e impedindo
sua felicidade, tratando de traumas (medo, angústia, pavor,
tristeza etc).

O conceito de sub personalidade consiste numa


emoção+registro de memória dessa ou de outras vidas que
está em ressonância com o assistido de modo a limitar ou
bloquear a manifestação do seu mental superior.

Pode ser uma emoção exacerbada, um afeto embotado, uma


trava, um problema sem solução, um fator limitante em sua
vida.

Esse trabalho é constituído por um terapeuta dirigente e um


trabalhador captador.

O dirigente do trabalho deverá questionar o assistido o que


mais o incomoda, que questão quer tratar ou o que seu
terapeuta indicou que trabalhasse na TDR.

Em seguida, o terapeuta pede para o assistido trazer o


sentimento do incômodo, entrar na situação que o leva a este
sentimento, podendo questionar em que parte do corpo ele
sente.

O terapeuta trabalhador deverá estar sentado atrás da cadeira


do assistido. Neste momento, o dirigente, com a técnica da
impulsoterapia trará a emoção do assistido para o terapeuta
captador.

Questionar qual a emoção do terapeuta captador e


potencializar esse sentimento ao máximo, tirando-o da
situação em seguida, além de verbalizar, impulsionar e soltar o
tórax neste momento.

Levar o terapeuta captador para um momento de compreensão


de como ele se colocou nessa situação.

16
Quando ele disser que já compreendeu, utilizar a técnica de
despolarização do registro de memória (no captador).

Em seguida, utilizar a mesma técnica de despolarização do


registro de memória no assistido, ligando-o ao mental superior.

Pedir para o terapeuta captador ir para um momento de


felicidade ou de algum sentimento positivo (contrário ao que
ele sentia no início).

Quando ele disser que consegue trazer essa emoção positiva,


congelar esse sentimento e reintegrar no assistido.

O terapeuta dirigente irá questionar o captador se há alguma


emoção a mais a ser tratada.

Caso não haja, o terapeuta dirigente deverá questionar o


captador se sente que precisa tocar o assistido e neste
momento o captador vai até o assistido, toca com a ponta dos
dedos com as duas mãos o bulbo e a testa, ativando a luz, em
seguida os dois lados do cerebelo e depois segue sua intuição
ativando todos os pontos respeitando a bilateralidade. (sempre
os dois lados)

CHAKRAS

CHAKRA CORONÁRIO
Cor: lilás e dourado
Pedras mais usadas: Quartzo branco, ametista, diamante,
fluorita.
Representa nossa ligação com o alto, a energia superior, o
universo. A sua função principal é evoluir, ascender e se
aprimorar como ser humano.
Percebemos o Chakra Coronário em desequilíbrio quando
apresentamos falta de inspiração, confusão, tristeza
relacionada à falta de esperança, alienação ou hesitação em
servir ao bem comum.

CHAKRA FRONTAL
Cor: Azul índigo
Pedras mais usadas: Sodalita, Azurita, Lápis Lazuli, Cianita.

17
Representa a mente e a intuição. A função dupla desse chakra
faz com que ele seja um dos mais difíceis de manter o
equilíbrio, pois o excesso de uma característica leva à falta da
outra.
Quando em desequilíbrio, pode desencadear falta de
concentração, medo, cinismo, tensão, pesadelos e excesso ou
falta de sono. Também é recorrente ter um acúmulo de
pensamentos.

CHAKRA LARÍNGEO
Cor: Azul claro
Pedras mais usadas: Água marinha, quartzo azul, turquesa,
larimar
Tem ligação com a maneira que cada um se expressa. A função
principal desse chakra é o se expressar. Por isso, a
autoexpressão e a comunicação são as palavras chaves dele.
Ajuda a relacionar e exteriorizar o que sentimos e o que
pensamos.
Percebemos que o chakra laríngeo está em desequilíbrio
quando apresentamos problemas na comunicação - geralmente
a falta dela - o uso insensato do conhecimento e a falta de
discernimento. Nesse caso, a pessoa pode falar demais ou
dizer bobagens por querer esconder o que sente. Num outro
extremo, pode tender a falar pouco e engolir sapos.

CHAKRA CARDÍACO
Cor: verde e rosa
Pedras mais usadas: Quartzo rosa, quartzo verde, turmalina
melancia, esmeralda
Simboliza o centro das emoções. Esse chakra é o centro do
amor e sabedoria nas relações emocionais. Gera estabilidade e
confiança, além de trabalhar as manifestações reprimidas e as
feridas emocionais.
Quando o chakra cardíaco se mostra em desequilíbrio, pode
gerar repressão do amor, instabilidade emocional, sensação de
opressão e/ou peso no peito.

CHAKRA PLEXO SOLAR


Cor: amarelo

18
Pedras mais usadas: Citrini amarelo, cristal com enxofre,
topazio imperia, calcita amarela
É onde “mora” o ego de cada um, representa a força do
indivíduo. Suas funções primordiais são o poder e a vontade.
Também mostra como está nossa digestão (de situações),
nossos humores e controles.
Quando o plexo solar está com excesso energético pode gerar
egoísmo, egocentrismo, fúria, medo, ódio e dificuldade em
assimilar/digerir. E quando está com baixa energia, a pessoa
fica apática, sem força de vontade e insatisfeita.

CHAKRA SACRO
Cor: laranja
Pedras mais usadas: Jaspe, ágata de fogo, granada, coral
Tem ligação com a criatividade e a vitalidade. As funções
principais do chakra sacro são sexualidade, vitalidade e
criatividade. Ele corresponde à nossa autoestima, à energia
sexual e à expressão do “eu” através da sexualidade e/ou
criatividade. É no centro energético do bem-estar físico, do
prazer e da realização que se percebem as mágoas,
sentimentos de culpa e medo (pecado).
Quando este chakra está em desequilíbrio pode gerar
dificuldades sexuais, ausência de objetivos, sentimento de
impotência, confusão, ciúme, inveja ou desejo de possuir.
Impacta diretamente no desejo e na vontade de viver, alcançar
outros patamares, enfrentar desafios e viver o presente.

CHAKRA BÁSICO
Cor: vermelho
Pedras mais usadas: turmalina preta, quartzo fumê, onix,
hematita
A função é a sobrevivência, que inclui a própria segurança e as
necessidades físicas básicas, tais como comer, beber e dormir,
além do sexo e do abrigo.
Quando está em desequilíbrio, pode gerar insegurança, falta de
“gana”, atitudes mais violentas, ganância ou fúria. A pessoa
ainda apresenta uma demasiada preocupação com a própria
sobrevivência, tensão, o “viver para ter”.

19

Você também pode gostar