Você está na página 1de 40

Ensino Médio - 2ª série - 2011

Biologia

Vírus

Prof. Luiz A. B. de M. Lula


A descoberta dos vírus

A primeira suspeita da existência de vírus data do final do século XIX. O


cientista russo Dimitri Ivanovski, em 1892, e o holandês Martinus Beijerinck,
em 1898, descobriram em estudos diferentes que um novo agente infeccioso
era causador de uma doença conhecida por mosaico-do-tabaco, que ataca
folhas da planta de fumo.

Demorou quase meio século para os cientistas verem, de fato, um vírus.


Somente na década de 40, com a invenção do microscópio eletrônico, é que
esses minúsculos seres foram observados.
Nos anos seguintes, descobriu-se que os vírus eram responsáveis por muitas
doenças e, mesmo com todos os avanços da ciência, nem todos os vírus são
conhecidos. Muitos deles podem estar habitando regiões que ainda não
foram exploradas pelo homem ou estar restritos a algumas populações
isoladas.
VÍRUS
Considerados como sendo o único organismo acelular.

Não possuem estrutura celular Proteínas e ácidos nucléicos

Não possuem metabolismo próprio

Parasitas obrigatórios
Tipos de vírus:
Estrutura:
Envoltório: Formado por um envoltório de proteínas conhecido como
capsídio.
O capsídio é formado por várias subunidades protéicas (capsômeros) que em
alguns vírus podem conter vários tipos de proteínas e em outros apenas um
único tipo. Pode ter estrutura helicoidal ou icosaédrica e é extremamente
regular.

Em muitos vírus o capsídeo é a estrutura


externa, noutros casos, existe um envelope
de estrutura bilipídica composto por
fosfolípidios e algumas proteínas
membranares, semelhante às membranas
celulares das células, de quem é "roubado".
Genoma viral:
Os vírus possuem pouco ácido nucléico, e até pouco tempo acreditava-se que
possuíam apenas um deles, ou DNA ou RNA, entretanto, descobriram-se vírus
com DNA e RNA (citomegalovírus), ao mesmo tempo, diferente dos outros
vírus, que possuem um dos dois. Mas mesmo neste caso de vírus que possui
DNA e RNA considera-se como vírus de DNA já que este é seu material
genético de origem. É nesta porção central possuidora da informação
genética, que estão contidas, em código, todas as informações necessárias
para produção de outros vírus iguais.
O vírus são classificados em: Vírus de DNA e vírus de RNA.

Os vírus de DNA podem apresentar cadeia dupla ou simples.

A maioria dos vírus de RNA apresentam cadeia simples, que podem ser
divididos em vírus de cadeia positiva, vírus de cadeia negativa e retrovírus.

Os vírus de cadeia positiva e negativa apresentam a seqüência de bases


nitrogenadas semelhantes ao RNA mensageiro.

Os retrovírus possuem uma cadeia simples de RNA associada a uma enzima


chamada transcriptase reversa, que produz DNA tendo como modelo o RNA
viral.
PARA SABER DNA E RNA
Reprodução : Infecção viral
A reprodução envolve 2 aspectos básicos:
- Multiplicação do material genético.
- Síntese das proteínas do capsídio.

Como ocorre a penetração de um vírus


Os vírus podem penetrar na célula hospedeira basicamente de três maneiras:

a) Injetando apenas seu ácido nucleico, como os bacteriófagos.


b) Por fusão do envelope viral à membrana plasmática, como o HIV.
c) Por endocitose, como o vírus da gripe.
Reprodução de um vírus com DNA
Ciclo de vida de um bacteriófago.
Ciclo lítico e lisogênico de um bacteriófago
Reprodução de um vírus com RNA

Existem diversas variedades de vírus de gripe, todas pertencentes ao


gênero Influenzavirus

Vírus H1N1
CICLO DO VÍRUS DA GRIPE

Membrana
plasmática

Vírus Fixação da partícula viral à membrana


infectante celular
Receptor
celular

Proteína do
envoltório viral Membrana
plasmática
CICLO DO VÍRUS DA GRIPE

Membrana
plasmática

Vírus Penetração do vírus


infectante

Receptor
celular

Proteína do
envoltório viral Membrana
plasmática
CICLO DO VÍRUS DA GRIPE

Membrana
plasmática

Vírus Destruição dos envoltórios virais e


infectante liberação de moléculas de RNA
Receptor
celular

Proteína do
envoltório viral Membrana
plasmática
CICLO DO VÍRUS DA GRIPE

Membrana Ribossomos
plasmática
RNA viral RNAm Proteínas
viral virais

Núcleo
Membrana
nuclear

Vírus Produção de proteínas virais a partir de


infectante moléculas mensageiras (RNAm viral)
copiadas a partir do material genético
Receptor
do vírus (RNA viral)
celular

Proteína do
envoltório viral Membrana
plasmática
CICLO DO VÍRUS DA GRIPE

Membrana Ribossomos
plasmática
RNA viral RNAm Proteínas
viral virais

Núcleo
Membrana
nuclear

Vírus Multiplicação do material genético do


infectante vírus (RNA viral)
Receptor
celular

Proteína do
envoltório viral Membrana
plasmática
CICLO DO VÍRUS DA GRIPE

Membrana Ribossomos
plasmática
RNA viral RNAm Proteínas
viral virais

Núcleo
Membrana
nuclear

Vírus Incorporação de proteínas virais à


infectante membrana celular
Receptor
celular

Proteína do
envoltório viral Membrana
plasmática
CICLO DO VÍRUS DA GRIPE

Membrana Ribossomos
plasmática
RNA viral RNAm Proteínas
viral virais

Núcleo
Membrana
nuclear

Vírus Empacotamento do material genético


infectante viral com parte das proteínas virais
Receptor
celular

Proteína do
envoltório viral Membrana
plasmática
CICLO DO VÍRUS DA GRIPE

Membrana Ribossomos
plasmática
RNA viral RNAm Proteínas
viral virais

Núcleo
Membrana
nuclear

Vírus Eliminação dos vírions, envoltos por


infectante pedaços da membrana da célula
hospedeira
Receptor
celular
Vírions livres
Proteína do
envoltório viral Membrana
plasmática
Vírus da gripe
Reprodução de um vírus HIV

O vírus apresenta um
envelope lipoproteico
externo, e um capsídio
protéico.

Presença de duas
molécula idênticas de
RNA e a enzima
transcriptase reversa
Reprodução de um vírus HIV
CICLO DO HIV

Membrana
plasmática

Receptores de
membrana
CICLO DO HIV

Fixação da partícula viral à membrana


celular

Membrana
plasmática

Receptores de
Membrana membrana
lipoprotéica viral
Proteínas do
envoltório viral
CICLO DO HIV

Penetração do
capsídio (o envelope
não entra)
Membrana
plasmática

Receptores de
Membrana membrana
lipoprotéica viral
Proteínas do
envoltório viral
CICLO DO HIV

Liberação do RNA viral

Membrana
plasmática

Receptores de
Membrana membrana
lipoprotéica viral
Proteínas do
envoltório viral
CICLO DO HIV
Síntese da
segunda fita de
Degradação DNA viral
do RNA viral

Transcriptase
reversa

Produção de DNA viral a


partir do RNA do vírus

Membrana
plasmática

Receptores de
Membrana membrana
lipoprotéica viral
Proteínas do
envoltório viral
CICLO DO HIV
Síntese da
segunda fita de
Degradação DNA viral
do RNA viral
Membrana
nuclear
Núcleo

Transcriptase
reversa

Penetração do DNA viral


no núcleo celular

Membrana
plasmática

Receptores de
Membrana membrana
lipoprotéica viral
Proteínas do
envoltório viral
CICLO DO HIV
Síntese da
segunda fita de
Degradação DNA viral
do RNA viral
Membrana
nuclear
Núcleo
DNA cromossômico
Transcriptase
reversa
Provírus

Integração do DNA viral


ao cromossomo da célula
hospedeira
Membrana
plasmática

Receptores de
Membrana membrana
lipoprotéica viral
Proteínas do
envoltório viral
CICLO DO HIV
Síntese da
segunda fita de
Degradação DNA viral
do RNA viral
Membrana
nuclear
Núcleo RNA viral
DNA cromossômico
Transcriptase
reversa
Provírus

Produção de RNA viral


RNA
viral
Membrana
plasmática

Receptores de
Membrana membrana
lipoprotéica viral
Proteínas do
envoltório viral
CICLO DO HIV
Síntese da
segunda fita de
Degradação DNA viral
do RNA viral
Membrana
nuclear
Núcleo RNA viral
DNA cromossômico
Transcriptase
reversa Proteínas
Provírus
virais
Produção de proteínas
RNA virais
viral
Membrana
plasmática

Receptores de
Membrana membrana
lipoprotéica viral
Proteínas do
envoltório viral
CICLO DO HIV
Síntese da
segunda fita de
Degradação DNA viral
do RNA viral
Membrana
nuclear
Núcleo RNA viral
DNA cromossômico
Transcriptase
reversa Proteínas
Provírus
virais
União do RNA e das
RNA proteínas do vírus com
viral formação do capsídio
Membrana
plasmática

Receptores de
Membrana membrana
lipoprotéica viral
Proteínas do
envoltório viral
CICLO DO HIV
Síntese da
segunda fita de
Degradação DNA viral
do RNA viral
Membrana
nuclear
Núcleo RNA viral
DNA cromossômico
Transcriptase
reversa Proteínas
Provírus
virais
Incorporação das
RNA proteínas virais na
viral membrana celular
Membrana
plasmática

Receptores de
Membrana membrana
lipoprotéica viral
Proteínas do
envoltório viral
CICLO DO HIV
Síntese da
segunda fita de Vírus livre
Degradação DNA viral
do RNA viral
Membrana
nuclear
Núcleo RNA viral
DNA cromossômico
Transcriptase
reversa Proteínas
Provírus
virais
Eliminação de novos vírus
RNA
viral
Membrana
plasmática

Receptores de
Membrana membrana
lipoprotéica viral
Proteínas do
envoltório viral
Algumas doenças humanas causadas por vírus

a) Doenças associadas à pele:


- Catapora ou herpes zoster.
- Herpes simples labial.
- Rubéola.
- Sarampo.
- Varíola

b) Doenças associadas ao sistema nervoso:


- Poliomielite.
- Raiva.

c) Doenças associadas aos sistemas cardiovascular e linfático:


- Dengue.
- Febre amarela.
- Mononucleose.
d) Doenças associadas ao sistema respiratório:
- Gripe.
- Resfriado.
- Síndrome respiratória aguda grave ou SARS.

e) Doenças associadas ao sistema digestório:


- Caxumba (paratidite epidêmica)
- Gastreenterite rotaviral – rotavirus.
- Hepatites A, B, C, D e E.

f) Doenças associadas ao sistema genital:


- Papilomavirus humano – HPV.
- Herpes simples genital.

g) Doença associada ao sistema imunologico:


- Síndrome da imunodeficiência adquirida - AIDS