Você está na página 1de 3

Após o lançamento da versão Beta 1 do Windows 7, foram anunciados os 30 segredos

do Windows 7. Já é prática comum dos programadores da Microsoft incluirem


pequenos segredos que são descobertos pelos mais curiosos ou revelados
posteriormente.
Os segredos do Windows 7, são consituidos por um conjunto de teclas de atalho,
personalizações e pequenos segredos escondidos nos novos paineis de administração,
que facilitam a utilização do novo sistema operativo. A lista original foi publicada no
blog de Tim Sneath.

1. Gestão de janelas: O Windows 7 torna a gestão de janelas mais fácil: pode-se fazer o
"dock" das janelas à direita ou à esquerda, arrastando a janela para os extremos do écrã;
também se pode maximizar uma janela arrastando-a para o topo; fazer duplo clique na
moldura (ou borda) para maximizar na horizontal ou na vertical. Também se podem
usar as teclas de atalho:
- Win+Seta esquerda ou Win+Seta direita para fazer o "dock";
- Win+Seta acima ou Win+Seta abaixo para maximzar, restuarar / minimizar;

2. Projecção: Para obter a saída de imagem para projectores externos a tecla Win-P abre
uma consola com as diversão opções de saída. A tecla Win+X abre o Windows Mobility
center, com opções extendidas para mudar programas "Messenger/IM" para o estado
"Não incomodar", desligar "Screen savers" e escolher "Wallpapers" neutros.

3. Se está a trabalhar num documento e pretende esconder o "ruído de fundo". A tecla


Win+Home esconde todas as janelas não activas. Após terminar o trabalho, pressionado
a tecla Win+Home as janelas serão respostas nas posições originais.

4. Multi-monitor: As teclas Win+Shift+Seta esquerda e Win+Shift+Seta direita,


permitem mover de um monitor para outro, na mesma posição relativa.

5. Linha de comandos: Se estiver a trabalhar numa "Pasta", pode pressionar a tecla Shift
e chamar o menu de contexto (clicar botão direito do rato) e escolher a opção "Abrir
janela de comando aqui".

6. Aldeia global: O Windows 7, mostra um conjunto de "Wallpapers" diferente para


cada país ou idioma. Se listar a pasta "C:\Windows\Globalization\MCT" terá uma lista
de países, com os respectivas imagens (alguns países poderão ainda não ter imagens
atribuídas nesta versão).

7. Black Box Recorder: Todos os programadores desejam ter instrumentos que


permitam gravar e reporduzir rapidamente o problema que os utilizadores encontraram
na sua máquina. O Windows 7 vem com um programa que grava os passos que o
utilizador executa, gravando um slide-show em HTML, compacta-o em Zip e pode ser
enviado por e-mail. Chama-se "psr.exe" e também pode ser encontrado no "Painel de
controlo" com o nome "Record steps to reproduce a problem" (para versão inglesa).

8. Adicionar novas fontes: Se no Windows Vista é fácil adicionar fontes, no Windows 7


é ainda mais simples. Pode-se clicar numa fonte para abrir o "Font viewer" e pressionar
o novo botão "Install". Mais fácil ainda é arrastar um conjunto de fontes para a pasta de
fontes no Painel de controle.
9. Gabriola: O Windows 7 inclui a Gabriola, uma ferramente elaborada da Tiro
Typeworks foundry que tira vantagem do OpenType Layout para disponibilizar uma
variedade estilistica, floreados e ornamentos.

10. Quem roubou o browser? Se acha que o Internet Explorer está a demorar demasiado
tempo a carregar uma página, pode-se dar uma olhada nos add-ons instalados. A
instrumentação para optimização de add-ons, permite gerir os add-ons. Em Tools /
Manage Add-ons, pode-se ver a lista e o tempo de carregamento de cada plug-in. Se
houver algum que seja demorado e que não seja utilizado, pode-se desligar e voltar a
ligar quando necessário.

11. Arranjar a mobília: Os ícones da nova barra de tarefas (taskbar) não aparecem em
posições fixas, eles podem ser reordenados e então podem-se iniciar rapidamente os
programas dos 5 primeiros ícones com as teclas Win+1, Win+2, Win+3, etc. Os ícones
do Tabuleiro de sistema (System tray) também podem ser arrastados e reordenados.

12. Instalar a partir de uma Pen de memória USB: Alguns portáteis das classes
"Notebook", "Subnotebook" e "UMPC" não possuem drive de DVD. E para quem não
tem unidade externa de DVD, pode agora instalar o Windows 7 a partir de uma Pen
USB. Basta formar em a Pen em FAT32 e copiar o DVD de instalação do Windows 7
com o comando "xcopy e:\ f:\ /e /f" (em que e: é a unidade de DVD e f: a unidade da
Pen; deverá substituir pelas unidade correspondentes no seu PC). Conseguirá instalar
num tempo mais curto e o seu portátil será ainda mais rápido devido ao menor consumo
de recursos de memória em relação a sistemas operativos anteriores.

13. Quick launch toolbar: Se quiser usar a Quick launch toolbar, não apresentada no
Windows 7, poderá criar uma da seguinte forma:
-Clicar na taskbar com o botão direito do rato e escolher a opção "New toolbar"
-Na janela de selecção de uma pasta escrever a seguinte frase:
%userprofile%\AppData\Roaming\Microsoft\Internet Explorer\Quick Launch
-Desligar a opção "lock the taskbar", desligar também as opções "Show text" e "Show
title" e os ícones em "small icons"

14. Arrastar: Clicar e arrastar o rato provoca um movimento de deslize, similar ao


utilizado em dispositivos com ecrã "touch". Com o Windows 7 poderá usar este
movimento nas galerias de fotos e no IE8 para avançar e recurar no histórico.

15. WordPad: Agora este aplicativo pode ler e escrever ficheiros compatíveis com o
Word 2007 no formato Office Open XML, bem como a especificação OpenDocument.

16. Taskbar do Windows Vista: Para quem preferir a taskbar com o estilo do Windows
Vista poderá clicar com o botão direito na taskbar, escolher a opção "Small icons", em
"taskbar buttons" escolher "combine when taskbar is full".

17. Espreitar o ambiente de trabalho: Existe um pequeno retângulo no lado inferior


direito que permite ver uma gadget ou icon, chama-se o "Aero pick". para conseguir
este efeito rapidamente pode pressionar a tecla Win+Espaço.
18. Executar com privilégios elevados: Para executar uma aplicação com permissões de
administrador, basta pressionar as teclas Ctrl+Shift ao clicar no ícone (desde que a conta
de utilizador possua permissões).

19. Multipas aplicações: Para ter mais que uma instância da mesma aplicação aberta,
sem ter que ir novamente ao menu, basta pressionar a tecla Shift e clicar no ícone da
taskbar.

20. Troca de janelas especializada: Se tiver várias janelas abertas e pretender circular
apenas entre as janelas da mesma aplicação (efeito semelhante ao do Alt+Tab), poderá
pressionar a tecla Ctrl enquanto clica repetidamente no ícone da aplicação.

21. Mover na taskbar: A tecla Win+T move o foco na taskbar, poderá usar as teclas de
cursos (setas) para mover e pressioar Enter para abrir a aplicação escolhida.

22. Ecrã panorâmico: Para quem tem écrã panorâmico poderá ter alguns problemas com
o espaço vertical, poderá fazer o "dock" da taskbar no lado esquerdo ou direito do écrã.

23. Marcar pastas favoritas: Se usar quase sempre as mesmas pastas poderá assinalá-las
de forma rápida, clicando com o botão direito e arrastando-a para a taskbar, ficando
logo assinalada na lista do Explorer.

24. Iniciar o Explorer a partir do "O meu computador": Para iniciar o Explorer sempre
no modo "Computador" deveerá navegar até ao atalho nos menus e editá-lo. Na
propriedade "target" escrever: %SystemRoot%\explorer.exe /root,::{20D04FE0-3AEA-
1069-A2D8-08002B30309D}

25. Calibrar o écrã: O Windows 7 tem ferramentas para calibrar o monitor para gráficos
e fontes: o cttune.exe e dccw.exe, ou então procurar no Painel de controlo.

26. Gravar imagens ISO: Se fizer um duplo click sobre um ficheiro ISO aparecerá um
pequeno utilitário que permite gravar a imagem para um disco CD ou DVD.

27. Windows Movie Maker: O Windows 7 não inclui um editor de vídeo, uma vez que
foi movido para o pacote Windows Live Essentials. De momento existe apenas as
versão 2.6 que poderá ser instalar no Windows 7. Futuramente poderá existir uma
versão mais avançada com novas funcionalidades.

28. Esconder o icon do Windos Live Messenger: Para evitar que o icone desta aplicação
apareça na zona central da taskbar, poderá editar o atalho e configurar para correr em
modo de compatibilidade com o Windows Vista.

29. O Peixe: Já reparam nos peixes lutadores que fazem parte do fundo do écrã
predefinido? São os chamados "Peixe combatente siamês" também conhecidos como
Betta splendens, perceberam a piada subtil?

30. E se tudo falhar? Se o computador falhar e não puder arrancar de forma correcta, o
Windows 7 tem agora um utilitário que permite criar um CD de arranque que inclui a
linha de comandos e um conjunto de utilitários de sistema. Na caixa de pesquisa do
menu, escrever: system repair disc, e conseguirá localizar esta ferramenta.