Você está na página 1de 30

Assistência interplanetária

Jörn Schmidt
Acoplamentarium da Extraterrestriologia
2. + 3. de Fevereiro de 2019
Definição da Extraterrestriologia

A Extraterrestriologia é a Ciência, especialidade


da Conscienciologia, aplicada ao estudo da
consciência sob a ótica da
holodiversidade evolutiva no Cosmos,
nas suas relações
multidimensionais, holossomáticas e
holopensênicas, recorrendo à Extrafisicologia.
É subcampo científico da Experimentologia.
(rascunho)

1
Cosmos é Ordem, não é Caos.*

*Waldo Vieira, LOP 2014, pag. 445 2


Serenões escutam as ponderações
das Consciexes Livres (CL).

extra e
intrafisicalidade

3
Funções chaves

Consciex Livre

Serenão

Evolu-
ciólogo

Intermis-
sivista

4
Extraterrestres

Este trabalho assistencial, coletivo e grandioso


alcançou proporções inimagináveis, sendo
assessorado inclusive por equipes de consciên-
cias extrafísicas extraterrestres, ou seja:
técnicos alienígenas ou procedentes de outros
planetas, especializados nas parapatologias do
psicossoma – de estruturas multifacetadas
conforme o desenvolvimento genético de cada
planeta – através da intensificação das
transmigrações extrafísicas interplanetárias
continuadas.

Vieira, HSR 2003, Capítulo 78 Europa, pag. 227 5


Equipes de Especialistas Técnicos
Transmigrados (EETT)
Este trabalho assistencial, coletivo e grandioso
alcançou proporções inimagináveis, sendo
assessorado inclusive por equipes de consciên-
cias extrafísicas extraterrestres, ou seja:
técnicos alienígenas ou procedentes de outros
planetas, especializados nas parapatologias do
psicossoma – de estruturas multifacetadas
conforme o desenvolvimento genético de cada
planeta – através da intensificação das
transmigrações extrafísicas interplanetárias
continuadas.

6
Equipes de Especialistas Técnicos
Transmigrados (EETT)
Este trabalho assistencial, coletivo e grandioso
alcançou proporções inimagináveis, sendo
assessorado inclusive por Equipes de consciên-
equipes de
cias extrafísicas extraterrestres, ou seja:
Técnicos
técnicos alienígenas ou procedentes de outros
planetas, especializados
Especialistas nas parapatologias do
psicossoma – de estruturas multifacetadas
conforme o desenvolvimento genético de cada
planeta – através da intensificação das
transmigrações
Transmigrados extrafísicas interplanetárias
continuadas.

7
Fases da Equipe de Especialistas
Técnicos Transmigrados (EETTs)
Ø Transmigração
Ø Adaptação
Ø Qualificação Restrição aos
Ø Execução participantes com
nível evolutivo
menor que
evoluciólogo

8
Fase da Transmigração

Como EETTs • Robert Monroe: Guia


percebem a turístico explicando a
psicosfera da „IET“, ilusão-espaço-
Terra? temporal; e „O nível de
Como realizar a ruído de Faixa M era
chegada no quase insuportável.“
planeta Terra? • Hipótese: CEEs podem
ser locais para encontro
de intercâmbio planetário
e planejamento.
Monroe, 1985, pag.131 9
Perder (Cosmo-) Cons

nível
evolu)vo

Serenão
Evoluciólogo

Equipe

t
10
Autorrecuperação dos CosmoCons
(rascunho)
A autorrecuperação dos Cosmocons é o ato ou
efeito de recordar, relembrar, rememorar,
reconquistar, reacessar, recobrar e reavivar as
unidades de lucidez extrafísica (cons)
cosmovisiológicas alcançadas durante o período
da intermissão lúcida, das consciências de
extraterrestres transmigradas, em geral
prolongado, por parte da conscin intermissivista,
homem ou mulher, com efeitos homeostáticos
óbvios na consecução da proéxis grupal
extraterrestriológica.

11
Fase da Adaptação

❓Quais técnicas • Técnica de Pré-Mãe


podem ser úteis • Técnica Gemelar
para superar a • Soma deformado
adaptação? • Síndrome de Down
• Autismo
❓Quais síndromes
podem ser mais
v Doenças que a medicina
comuns?
não consegue curar
(Fibromialgia, Fadiga
crônica, Esclerose Lateral
Amiotrófica (ELA)...)
veja verbete “Pré-Mãe”, Enciclopédia da Conscienciologia, 746 12
Fase da Qualificação

Quais síndromes • Síndrome do estrangeiro


podem ser • Usar megatrafar com
comuns? megatrafor
Qual técnica pode • Ponto de transição =
ser favorável? interassistencialidade
• 2° Dessoma e Curso
Intermissivo
• Ortopensenidade grupal

13
Fase da Execução

❓Como iniciar a fase • Unir o grupo das EETTs


da execução? • Pode ser que os
❓O que pode Serenões acompanham
favorecer o os grupos das EETTs e
processo? renascem nesta fase?
▶ O grupo pode orientar-se
no holopensene do(a)
Serenão (Serenona)
Esclarecimento ▶ Completar a proéxis
grupal
14
Assistência interplanetária

é um intercâmbio assistencial
entre
experimentos evolutivos planetários,
organizado e realizado
por Serenões e evoluciólogos.

Rascunho 15
Ações interplanetárias concebíveis e
úteis para assistir nos planetas
1. Ajustar psicossoma. Técnica para adaptação do corpo
soma terrestre, exemplo técnica da Pré-mãe.
2. Exoprojeção lúcida e retrocognição do planeta de origem.
3. Intercâmbio planetário. Minipeça no Cosmomecanismo.
4. Neocatálise. Acelerante do processo.
5. Neoectoplasmia. Descobrir novos tipos de ectoplasmia.
6. Neoideia. Motivador para invenção, neoproposição.
7. Neoperspectiva. Mostrar possibilidades de novos
caminhos específicos na evolução.
16
Ações interplanetárias concebíveis e
úteis para assistir nos planetas
8. Neosaúde. Usar novas técnicas para melhorar a saúde,
exemplo concebível, a acupuntura.
9. Pangrafia. Pesquisa na escrita, exemplo neoverpon.
10. Paracirurgia. Utilização de paraferramentas extraterrestres,
implantação de paramicrochip, intercâmbio médico e
assistido.
11. Paradiplomacia. Convivência nas socins e sociexes.
12. Transferência paragenética. Implantação de
neoparagenética e substituição da extinção; exemplo:
planta, animal, etnia, DNA, inteligência extraterrestre.
13. Transmigração planetária. Monitoramento grupocármico.
17
A Reurbanização
extrafísica (reurbex) e a
Extraterrestriologia
Jörn Schmidt
Acoplamentarium da Extraterrestriologia
1. – 3. de Fevereiro de 2019
Transmigrações interplanetárias

"Transmigrações interplanetárias: os
movimentos de paratransmigração
de consciexes de certo planeta para
outro, sob a orientação dos
evoluciólogos e Serenões."
Vieira, HSP 2007, pag. 87 Vieira, 2007, pag. 87 19
3 Categorias de Consciências envolvidas
pela Condição de Planetas-Irmãos

1. Serenões. Segundo a Extrafisicologia, o regime


extrafísico de planeta-irmão facultou a vinda
extrafísica de Serenões de outro planeta para este,
provavelmente há milênios. Tais transmigrações
interplanetárias, a partir das especializações dos
cursos intermissivos, segundo os parafatos
terrestres, foram implantadas mais intensamente, na
Terra, a partir de 1651.

Vieira, HSR 2003, pag. 828 20


3 Categorias de Consciências envolvidas
pela Condição de Planetas-Irmãos

2. Pré-serenões. Sob a ótica da Conviviologia, no


regime de planetas-irmãos é possível entender a
vida extrafísica de consciexes mais lúcidas, mas
ainda pré-serenonas, de outro planeta distante na
condição de desaparecimento, capaz de evidenciar
afinidades, manter amizades e desenvolver
pesquisas parapsíquicas, holossomáticas e
multidimensionais, durante décadas, e até a chegar
a ressomarem nesta dimensão terrestre.
21
3 Categorias de Consciências envolvidas
pela Condição de Planetas-Irmãos

3. Consréus. Na análise da Intermissiologia, dentre os


destinos das legiões de consciexes resgatadas das
paratroposferas patológicas – consréus – sofrendo as
reurbanizações extrafísicas está o encaminhamento ou
a transmigração para outros planetas, em nível
evolutivo em vários aspectos inferior ao deste planeta.
Tais planetas podem ser considerados inseridos na
condição de planetas-irmãos da Terra. Não constituem,
neste caso, para as consréus spas intrafísicos e nem
mesmo extrafísicos. 22
Planeta Terra

ü Jovem planeta com 4,54 bilhões de anos


ü Homo sapiens sapiens 300.000 anos
ü População hoje 7,63 bilhões 2x nos
5 a
ü No máximo 60 Serenões, hoje 4
em
- Megatrafar Belecismo 2x nos
0 a
7
2x anos em
0
15
em

DSW - Deutsche Stiftung Weltbevölkerung, 10.07.2018: 7,635 mil. habitantes 23


Serenões e
Transmigrações interplanetárias
"Reciclologia. A Reurbanização Extrafísica (Reurbex) do Planeta
Terra, megaempreendimento inédito na História Humana, veio
para ficar e melhorar os holopensenes, estando em franco an-
damento e acarretando consequências inevitáveis à vida das
conscins no estado da vigília física ordinária, sobre a Crosta
Terrestre. Apesar dos pesares, esta é a melhor época evolutiva
do Planeta, quando se tenta a transferência da condição de
Mega-Hospital Terrestre para a condição de Megaescola
Terrestre, inclusive com a transmigração em massa de
consciexes reurbanizadas (consréus) para Planeta
evolutivamente inferior." Vieira, HSP 2007, pag. 87 24
As duas Guerras Mundiais e o Estado
Mundial
Crescimento histórico

2°Guerra Mundial
ØEstabelecimento de
uma raça superior
1°Guerra Mundial o Campo de
o Guerra de concentração
Guerras exaustão o Bomba atômica
antigas o Ataques de gas

25
Migrações
após a 2°Guerra Mundial na Europa
{n° x 1.000}
Großer Historischer Weltatlas, BSV

26
Europa após a 2°Guerra Mundial

Transmigrações interplanetárias
Ø Intensificam Migrações intrafísicas
desde 1651 Ø Migrações dos Migrações extrafísicas
Ø Super- povos: 25–30 A maioria das
população mil. pessoas consréus renascem
voltam para fora de Europa
Ø Grupos de ex-
casa ou procu-
líderes nos
raram um novo Ø Brasil
planetas irmãos
lar Ø Agentina
Ø Estados Unidos

27
Europa apos a 2°Guerra Mundial

Transmigrações interplanetárias
Ø Migrações intrafísicas
Ø Migrações extrafísicas

Ø
Ø
Baratrosferas avolumam-se Ø
66-85 mil. perdem suas vidas
Limpeza das Paratroposferas
28
Bibliografia

• Monroe, Robert A.; Viagens Além do Universo, Record, New York


1985
• Vieira, Waldo, 700 Experimentos da Conscienciologia, Editares
2013
• Vieira, Waldo, Dicionário de Argumentos da Conscienciologia,
Editares 2014
• Vieira, Waldo; Léxico de Ortopensatas, Editares, Foz do Iguaçu
2014
• Vieira, Waldo; Homo sapiens pacificus, CEAEC, Foz do Iguaçu 2007
• Vieira, Waldo; Homo sapiens reurbanisatus, CEAEC, Foz do Iguaçu
2003
• GeoEpoche, Nr. 77, Europa nach dem Krieg (Ilustrada), 2016
29

Você também pode gostar