Você está na página 1de 21

A estrutura básica do

agroecossistema

Conversão
Recursos Produtos
A visão do agroecossistema pelo
enfoque convencional

MERCADOS
MERCADOS

Conversão
Recursos Produtos
A Teoria da modernização
Paradigma Paradigma
agronômico econômico

Paradigma
sociológico
Agroecossistema:
conversão de recursos em produtos
mercados

recursos conversão produção

Circuitos não-mercantilizados
Elaboração: PLOEG
Padrões contemporâneos de
organização dos agroecossistemas

Elaboração: PLOEG
Trajetória do agroecossistema
- Especialização
produtiva,
- Produtivismo,
- Aumento de escala,
- Artificialização
(Industrialização)

Agroecossistema
Elevada dependência do
mercado

Conversão

Elaboração: PLOEG
Trajetórias do agroecossistema (2)
- Especialização,
- Produtivismo,
- Aumento de escala,
- Industrialização

Agricultura
Familiar

Desativação
Trajetóri do agroecossitema (3)
- Especialização,
- Diversificação,
- Produtivismo,
- Multifuncionalidade,
- Aumento de escala,
- Refundamentação da
- Industrialização
agricultura na
natureza, novas formas
de cooperação local

Agricultura
Familiar

Desativação
Evolução do Agroecossistema
- Identifica evolução de variáveis
internas e externas aos
agroecossistemas
- Permite a análise da coevolução dessas
variáveis
- Permite a identificação das decisões
estratégicas das famílias no decorrer do
tempo
Evolução do Agroecossistema
Variáveis internas
Ciclo de vida da família
Capital fixo (capital fundiário + capital móvel)
Produção animal
Produção vegetal
Outros
Variáveis externas
Participação em espaços socio-organizativos
Participação em espaços de gestão de bens comuns
Acesso a mercados
Acesso a políticas públicas
Outros
Linha do Tempo do Agroecossistema
Debilitação da Fortalecimento da
agricultura familiar agricultura familiar
- Especialização,
- Diversificação,
- Produtivismo,
- Multifunctionalidade,
- Aumento de escala, Tensões - Refundamentação da
- Industrialização
agricultura na
natureza, novas formas
de cooperação local

Agricultura
Familiar

Desativação
A heterogeneidade da
agricultura familiar
Trajetórias contrastantes de
desenvolvimento
> Modo Camponês

Baseado principalmente
em recursos endógenos

Agricultura Familiar
•Agroecossistema tradicional

> Modo empresarial

Baseado principalmente
em recursos exógenos
AS RESPOSTAS 1 – Diversificação produtiva
processamento na unidade
CAMPONESAS
circuitos curtos
22- Redução
dos custos
monetários 6 Melhoria na
eficiência na
conversão
Insumos/Produtos

3 Refundamentação da agricultura na natureza

5 Novas formas de cooperação local


Elaboração: PLOEG
Agricultura familiar camponesa Agricultura familiar empresarial

Baseada na natureza Desconectada da natureza

Coprodução Artificialização

Distanciamento de mercados de Elevada dependência dos


insumos + mercados
Diferenciação dos produtos

Perícia artesanal Empreendedorismo

Intensificação baseada no trabalho Escala e intensificação é função da


tecnologia

Multifuncional Especializada

Continuidade Rupturas

Aumento da riqueza social Contenção da riqueza social


Mobilização de
Produtos vendidos
recursos nos mercados
relação b

Circuitos mercantilizados

Processo de Trabalho
(Conversão de Recursos em Produtos)
relação a

Recursos Regenerados
Recursos Reproduzidos

Circuitos não-mercantilizados

Elaboração: PLOEG , 2005


O estabelecimento familiar é uma instituição
atrativa, já que proporciona
uma relativa autonomia à família camponesa,
que ali busca alcançar uma dupla
liberdade: estar livre de relações de
exploração exercidas por agentes externos
e estar livre para fazer as coisas à sua
maneira.

Jan Douwe van der Ploeg


(Dez Qualidades da Agricultura Familiar)