Você está na página 1de 18

Academy 101 - Technology Associate

Introdução ao Arcserve UDP 8.0


Módulo 8: Proteção de servidores Linux com o Arcserve UDP
Introdução ao Arcserve UDP 8.0
Módulo 8: Proteção de servidores Linux
com o Arcserve UDP
8.1 – Como funciona a proteção de servidores Linux no Arcserve UDP
Proteção de servidores Linux com o Arcserve UDP

Backups baseado em imagem


rápidos, simples e eficientes para BMR INSTANTÂNEO

servidores Linux
RECUPERAÇÃO GRANULAR
• Realize backups rápidos, baseados em imagem, DE ARQUIVOS E DIRETÓRIOS

gravando em disco
• Não é necessário o uso de agentes para proteger
servidores Linux, mesmo os físicos
• Backups incrementais infinitos baseados nos ARQUIVOS LINUX ARCSERVE UDP MIGRAÇÃO PARA
blocos modificados e são “pontos de recuperação”, BASES DE DADOS FÍSICOS OU VIRTUAIS SERVER/AGENT DISCO, FITA
FOR LINUX OU NUVEM
permitindo restaurar qualquer dado do servidor a
PROTEÇÃO COMPLETA, SEM A NECESSIDADE
partir deles DE INSTALAR AGENTES

• Após o primeiro, novos backups completos não


são necessários
DESDUPLICAÇÃO

GERENCIAMENTO
GLOBAL
Armazenamento de dados no Recovery Point CENTRALIZADO

Server do Arcserve UDP, com desduplicação global e


compressão
Proteção de servidores Linux com o Arcserve UDP

Backups baseado em imagem


rápidos, simples e eficientes para BMR INSTANTÂNEO

servidores Linux RECUPERAÇÃO GRANULAR


DE ARQUIVOS E DIRETÓRIOS
• Realize backups rápidos, baseados em imagem,
gravando em disco
• Não é necessário o uso de agentes para proteger
servidores Linux, mesmo os físicos
• Backups incrementais infinitos baseados nos ARQUIVOS
BASES DE DADOS
LINUX
FÍSICOS OU VIRTUAIS
ARCSERVE UDP
SERVER/AGENT
MIGRAÇÃO PARA
DISCO, FITA
blocos modificados e são “pontos de recuperação”, FOR LINUX OU NUVEM

permitindo restaurar qualquer dado do servidor a PROTEÇÃO COMPLETA, SEM A NECESSIDADE


DE INSTALAR AGENTES
partir deles
• Após o primeiro, novos backups completos não
são necessários DESDUPLICAÇÃO GERENCIAMENTO
GLOBAL CENTRALIZADO
• Armazenamento de dados no Recovery Point
Server do Arcserve UDP, com desduplicação global
e compressão
Funcionamento do Linux Backup Server (proxy)
Sincronização de planos,
configurações, logs e histórico Arcserve UDP Linux Backup
Server/Agent (Proxy)

Interface Web de Console Unificado do


gerenciamento Arcserve UDP
(opcional) 2

Recuperar dados para o UDP Linux Server/Agent


1 Destino do BMR
1 (iniciado por PXE ou
Live CD)
Procurar ponto de
recuperação
3

retornar informações do nó/arquivo


Procurar local de armazenamento e
Nó de
origem
2
Executar

CIFS/SMB
tarefa no
2 destino do
BMR
Atualmente, caso o destino do backup seja um data store
com desduplicação ativa, por padrão somente o Linux Backup 2
Server/Agent realizará o acesso ao RPS (via CIFS/SMB). Os nós 3
protegidos então enviam seus dados para o Linux Backup
Server/Agent via RPC e este, por sua vez, os grava no RPS
1 1 TAREFA DE BACKUP

FLUXO DE CONTROLE
3
TAREFA DE RESTORE (ARQUIVOS)

FLUXO DE DADOS
TAREFA DE BMR REMOTO
DESDUPLICAÇÃO GLOBAL
Local de armazenamento (RPS ou compartilhamento TAREFA DE BMR LOCAL
NFS/CIFS)
Destino do backup/origem da restauração
Introdução ao Arcserve UDP 8.0
Módulo 8: Proteção de servidores Linux
com o Arcserve UDP
8.2 – Plataformas e sistemas de arquivos suportados
Plataformas de sistema operacional e sistemas de arquivos
suportados
BACKUP SERVER (PROXY)
▪ Red Hat Enterprise Linux / 6.0 – 6.10, 7.0 – 7.7 e 8.0 – 8.3
▪ CentOS / 6.0 – 6.10, 7.0 – 7.7 e 8.0 – 8.2
▪ Oracle Enterprise Linux / 6.0 – 6.10, 7.0 – 7.7 e 8.0 – 8.2
▪ Suse Linux Enterprise Server: 11 SP3 – 11 SP4, 12 – 12 SP3 e 15 – 15 SP2
▪ Debian: 8.0 – 8.11, 9.0 – 9.8 e 10.0 – 10.5 – 10.6
▪ Ubuntu Server: 14.04 LTS, 16.04 LTS, 18.04 LTS e 20.04 LTS

CLIENTES
▪ Red Hat Enterprise Linux 5.0 – 5.11, 6.0 – 6.10, 7.0 – 7.7 e 8.0 – 8.3
▪ CentOS: 6.0 – 6.10, 7.0 – 7.7 e 8.0 – 8.2
▪ Oracle Enterprise Linux (running RedHat-compatible kernel): 5.5 – 5.11, 6.0 – 6.10, 7.0 – 7.6 e 8.0 - 8.2
▪ Oracle Enterprise Linux (running Oracle Unbreakable Enterprise kernel – “UEK”): 6.5 – 6.10 (UEK R3 e R4, somente x64), 7.0 – 7.6 (UEK
R3 e R4, somente x64) e Oracle Linux 7.8 - 7.9(UEK R3 to R6, X64 only)
▪ Suse Linux Enterprise Server: 11 SP3 – 11 SP4, 12 – 12 SP3 e 15 – 15 SP2
▪ Debian: 8.0 – 8.11, 9.0 – 9.8 e 10.0 – 10.6
▪ Ubuntu Server: 14.04 LTS, 16.04 LTS e 18.04 LTS e 20.04 LTS

FILE SYSTEMS
▪ ext2, ext3, ext4, ReiserFS, XFS, BtrFS
Introdução ao Arcserve UDP 8.0
Módulo 8: Proteção de servidores Linux
com o Arcserve UDP
8.3 – Diferenças e limitações no suporte a ambientes Linux
Bare Metal Recovery pode ser instantâneo e executado
via PXE

Características exclusivas no BMR


de servidores Linux
• Toda a configuração e monitoramento do RECUPERAÇÃO DA
IMAGEM COMPLETA BOOT VIA LIVE CD OU
processo de BMR são feitos a partir do console do PARA MESMO PXE (LINUX)
HARDWARE OU
produto, e não localmente através da mídia como HARDWARE DISTINTO
ocorre em ambientes Windows
• Adicionalmente, além do boot via mídia (Live
CD), existe também a possibilidade de usar o PXE
para iniciar a máquina de destino, para um processo
totalmente não-assistido
• Caso a máquina de destino esteja desligada, é
SERVIDORES OU ESTAÇÕES
FÍSICOS OU VIRTUAIS
RECOVERY
POINT SERVER

possível enviar um sinal de Wake-On-LAN


diretamente do UDP para ativá-la
• Exclusivamente para ambientes Linux existe
ainda a opção do BMR Instantâneo

GERENCIAMENTO
Limitação: No caso de servidores Linux, não há CENTRALIZADO

a possibilidade de redimensionar os volumes


durante a restauração BMR
Backups incrementais infinitos requerem obrigatoriamente
o uso de um RPS
Tecnologia I² depende do RPS
Tecnologia avançada de snapshots Sem RPS Com RPS
incrementais a partir dos blocos
modificados no disco requer a Incremental B2
presença do RPS Espaço
Incremental B1
Livre
• Caso seja utilizado um destino fora de um RPS, como
um compartilhamento CIFS ou NFS, os backups seguirão o Backup Completo B Incremental Infinito 7
padrão de “Recovery Sets” (conjuntos de recuperação), os Incremental Infinito 6
quais seguem as lógicas de um backup tradicional, Incremental Infinito 5
requerendo um backup Full a cada semana ou, no mínimo, Incremental A4 Incremental Infinito 4
a cada mês Incremental A3 Incremental Infinito 3
• Apesar dessa limitação, os backups ainda assim são Incremental A2 Incremental Infinito 2
feitos em nível de imagem e os incrementais são baseados Incremental A1 Incremental Infinito 1
em blocos. Além disso, é possível restaurar dados a partir
de qualquer ponto incremental como se o mesmo fosse um
Backup Completo A Backup Completo
Full, assim como ocorre em ambientes Windows. Tal
limitação se dá pelo fato de o Proxy Linux não ser capaz de
fazer a mesclagem, necessitando de um novo Full
periodicamente
Introdução ao Arcserve UDP 8.0
Módulo 8: Proteção de servidores Linux
com o Arcserve UDP
8.4 – Requisitos mínimos e dimensionamento do Linux Backup Server (Proxy) do Arcserve UDP
Requisitos e dimensionamento do Arcserve UDP Linux
Backup Server (Proxy)

Requisitos mínimos Arcserve UDP Linux Backup Server (Proxy)


Arcserve UDP Linux Backup 4 núcleos lógicos, 1.5 GHz ou mais

Server (Proxy) 4GB ou mais


• O nome ofical deste componente é Linux
Backup Server Node, pois em ambientes 8GB de espaço livre ou mais recomendado
100% Linux o mesmo pode ser usado como
servidor de backup autônomo ▪ Sistema operacional:
▪ Red Hat Enterprise Linux / 6.0 – 6.10, 7.0 – 7.7 e 8.0 – 8.3
• Considera-se este componente um proxy
▪ CentOS / 6.0 – 6.10, 7.0 – 7.7 e 8.0 – 8.2
pois servidores Linux protegidos através dele,
▪ Oracle Enterprise Linux / 6.0 – 6.10, 7.0 – 7.7 e 8.0 – 8.2
mesmo os físicos, não requerem a instalação
▪ Suse Linux Enterprise Server: 11 SP3 – 11 SP4, 12 – 12
de agentes SP3 e 15 – 15 SP2
• Caso haja apenas um servidor Linux no ▪ Debian: 8.0 – 8.11, 9.0 – 9.8 e 10.0 – 10.5 – 10.6
ambiente, é possível instalar esse componente ▪ Ubuntu Server: 14.04 LTS, 16.04 LTS, 18.04 LTS e 20.04
para que tal servidor proteja a si mesmo, desde LTS
que atendidos os requisitos
• Pode ser um servidor físico ou virtual ▪ Pacotes requeridos:
perl sshd cifs-utils nfs-utils samba wol mkisofs genisoimage
ethtool net-tools mdadm lvm2 squashfs-tools davfs2 kpartx
Introdução ao Arcserve UDP 8.0
Módulo 8: Proteção de servidores Linux
com o Arcserve UDP
8.5 – Dicas de instalação do Linux Backup Server (Proxy) do Arcserve UDP
Dicas de instalação

SISTEMA OERACIONAL DO BACKUP SERVER (PROXY)


▪ Recomendamos o uso de um servidor CentOS 7.6 dedicado (físico ou virtual), para atuar como proxy
▪ Após a instalação limpa do sistema operacional, execute os seguintes comandos para instalar as
dependências:
yum update -y
yum install –y perl sshd cifs-utils nfs-utils samba wol mkisofs genisoimage ethtool net-tools mdadm lvm2 squashfs-tools davfs2 kpartx
service rpcbind start
service nfs start

▪ Após a conclusão, proceda com a instalação do Linux Backup Server do Arcserve UDP, baixando o arquivo de
instalação (Arcserve_Unified_Data_Protection_Agent_Linux.bin) para um diretório no servidor Linux e atribuindo a
ele a permissão de execução com o seguinte comando:
chmod +x Arcserve_Unified_Data_Protection_Agent_Linux_7.0_with_Update_2.bin

▪ Execute o arquivo para iniciar a instalação:


bash Arcserve_Unified_Data_Protection_Agent_Linux_7.0_with_Update_2.bin
Dicas de instalação

▪ Não siga em frente se você visualizar algo assim no início da instalação:

▪ Interrompa o processo e resolva as dependências antes de seguir. Os comandos informados no


slide anterior são suficientes para resolver quaisquer dependências
Introdução ao Arcserve UDP 8.0
Módulo 8: Proteção de servidores Linux
com o Arcserve UDP
8.6 Hands-on: Criação de um plano de backups de servidores Linux com base em agente
8.7 Hands-on: Execução e monitoramento do backup de um servidor Linux
Legal

Copyright © 2018 Arcserve, LLC. Todos os direitos reservados. Microsoft, Windows, Windows Azure, Windows Server, Hyper-V, Active
Directory, SQL Server e SharePoint são marcas registradas ou marcas comerciais da Microsoft Corporation nos Estados Unidos e/ou em
outros países. UNIX é marca registrada nos Estados Unidos e em outros países. Linux® é marca registrada de Linus Torvalds nos Estados
Unidos e em outros países. IBM, Lotus, Domino, AIX e Informix são marcas comerciais da International Business Machines Corp. nos Estados
Unidos e em outros países. Todos os outros nomes comerciais, marcas registradas, marcas comerciais, marcas de serviço e logotipos
mencionados neste documento pertencem às respectivas empresas.

ESTA APRESENTAÇÃO É APENAS PARA FINS INFORMATIVOS. A Arcserve não se responsabilizará pela precisão ou pela integridade das
informações. DE ACORDO COM AS LEIS EM VIGOR, A ARCSERVE FORNECE ESTE DOCUMENTO COMO ESTÁ, SEM QUALQUER TIPO DE
GARANTIA, NEM MESMO GARANTIAS IMPLÍCITAS DE POSSIBILIDADE DE COMERCIALIZAÇÃO, ADEQUAÇÃO A UMA FINALIDADE ESPECÍFICA OU
NÃO VIOLAÇÃO. Em nenhum caso, a Arcserve será responsável por perdas e danos, diretos ou indiretos, relacionados a esta apresentação,
inclusive lucro cessante, perda de investimento, interrupção de negócios, danos à reputação ou perda de dados, mesmo se for
expressamente advertida sobre a possibilidade de tais danos.

Você também pode gostar