Você está na página 1de 8

Física

Cinemática Angular

01. (PUC/2002) A roda gigante da figura executa 6 voltas por Resolução:
minuto. Podemos dizer que seu período, em segundos, e
sua freqüência, em hertz, são, respectivamente: 6 voltas
f= = 0,1 Hz
60 s
a) 10; 10
1 1
T= = = 10 s
b) 0,1; 10 f 0,1

c) 6; 0,1 Alternativa E
d) 10; 6
e) 10; 0,1

02. (FEI/2001) O pêndulo de um relógio cuco executa Resolução:
10 oscilações completas em 5 segundos. O período e a
freqüência deste relógio são respectivamente: 10 oscilações
f= = 2,00 Hz
5s
a) 0,50 s e 2,00 Hz
b) 2,00 s e 0,50 Hz 1 1
c) 4,00 s e 0,25 Hz T= = = 0,50 s
f 2
d) 0,25 s e 4,00 Hz
e) 50,00 s e 50,00 Hz Alternativa A

03. (MACK/2002) Um menino percorre, de bicicleta, uma pista Resolução:
circular. Sua velocidade escalar é constante e a freqüência
do movimento é igual à do ponteiro dos segundos, de um Se sua freqüência é igual à do ponteiro dos segundos, ele percorre em
relógio convencional que funciona normalmente. O raio da 1,0 minuto exatamente uma volta.
trajetória descrita é 96 m e o espaço percorrido pelo menino,
Seja C o espaço percorrido:
durante 1,0 minuto, é aproximadamente:
C = 2 π R = 2π . 96
a) 1,6 . 102 m b) 6,0 . 102 m
c) 9,6 . 102 m d) 1,0 . 103 m C ≈ 600 m
e) 3,8 . 104 m
Alternativa B

CPV fisext0203-R
1

5 Hz Resolução: ω = 2 πf π = 2π.0 Hz b) 1.75 Hz e) 0. mas o corpo tangencial. 10–8 m3 passar do tempo.24 . mas o corpo velocidades angulares são iguais. em qualquer cidade. São Paulo. maior será a velocidade linear ou tangencial (V = 2π . podendo a haste mover-se apenas na vertical.5 Hz Alternativa B CPV fisext0203-R . 10–10 m3 Resolução: Y V = π R2 . 10–12 m3 como indicado no gráfico. 1 V = 1. A forma da peça é tal que.24 . (UNIFESP/2002) Três corpos estão em repouso em relação Resolução: ao solo. (0. 10–3 m Y V = π . descrevendo. Porém. d) as mesma freqüência. (FEI/2001) Sabendo-se que o diâmetro de um fio de cabelo torno de um eixo horizontal P. velocidade angular e velocidade tangencial diferentes entre si.5 Hz c) 1. quanto maior for o raio. a a) 1. com a forma indicada. Macapá possui a maior velocidade b) as mesmas freqüência e velocidade angular. f). 10–3)2 . suas a) as mesmas freqüência e velocidade angular.0 Hz d) 0.5 Hz (freqüência da peça) Cada volta da peça corresponde a três períodos da haste ∴ fhaste = 1. f (velocidade angular). 10–5 m3 extremidade da haste sobe e desce.04 mm. uma vez que as freqüências são localizado em Macapá tem a maior velocidade tangencial. e) freqüência. localizada na linha do Equador. no trópico de Capricórnio. localizado em São Paulo tem a maior velocidade tangencial.24 . velocidade angular e velocidade tangencial. gira em 06. Uma mola mantém uma haste comprimento. 10–9 m3 movimento da extremidade da haste será de e) 1. enquanto ela gira. com o b) 1.f f = 0. com velocidade angular é d = 0. a freqüência do d) 1.2 FÍSICA 04. Considere π = 3. Selekhard. iguais. e A terra descreve movimento circular uniforme cujo período vale 24h.24 . l R = 0.1. mas o corpo localizado em Selekhard tem a maior velocidade tangencial. Como a freqüência é definida Pode-se afirmar que esses três corpos giram em torno do  1 como o inverso do período  f =  . na Rússia. R . qual o volume de um fio com 1 m de constante e igual a π rad/s. localizada no círculo Polar Ártico.24 . 10–9 m3 Alternativa D P t a) 3.02 . apoiada sobre a peça.02 . Assim. situados em três cidades: Macapá. um movimento harmônico simples Y(t) c) 1. em cada cidade.24 . os corpos possuem igual eixo da Terra descrevendo movimentos circulares  T uniformes. independentemente do local dos corpos. (FUVEST/2001) Uma peça. Alternativa A c) as mesmas freqüência e velocidade angular. 05. com freqüência pelo fato de que ω = 2π . Logo.

Se os carros saem das curvas ao mesmo tempo. e fura a placa no ponto A. Na borda do disco. a placa gira logo wR = πR ⇒ t= (1) t w meia circunferência. de forma que o projétil atravessa mais uma vez o mesmo orifício que havia perfurado. valores constantes VA e VB. (FUVEST) Um disco de raio r gira com velocidade angular Resolução: w constante. está presa uma placa fina de material facilmente perfurável. com raios RA e RB. Considere a V = ∆S 2R velocidade do projétil constante e sua trajetória retilínea. A e B. (FUVEST/2002) Em uma estrada. Física 3 07. ao longo de todo o trecho curvo. conforme ∆t t mostra a figura. → com velocidade V em direção ao eixo do disco. Enquanto o π projétil prossegue sua trajetória sobre o disco. Projétil: ⇒ V = 2R ⇒ t= (2) ∆t t V Igualando (1) = (2) ⇒ π = 2R ⇒ V= 2Rw → V w V ð A Alternativa B w → O módulo da velocidade V do projétil é: wr 2wr wr πw a) b) c) d) wr e) π π 2π r 08. entram Resolução: simultaneamente em curvas paralelas. Um projétil é disparado Disco: V = ∆S ⇒ V = πR mas V = wR. a relação entre VA V VA R = B ⇒ = A VA e VB é A RA RB VB RB Alternativa B B RB RA a) VA = VB b) VA/VB = RA/ RB c) VA/VB = (RA/ RB )2 d) VA/VB = RB/ RA e) VA/VB = (RB/ RA)2 CPV fisext0203-R . dois carros. ωA = ωB Os velocímetros de ambos os carros indicam.

8 m/s2 interessante. Resolução: Como o módulo da velocidade é constante. suas velocidades lineares são diferentes.8 m/s2 Alternativa B Calvin.5 m. 0. mesma velocidade angular e mesma 6 velocidade linear.8 m/s2 R 500 500 número de revoluÇões por minuto! a = 0. 6 V = 2π . 3 d) diferentes freqüências. (PUC/2001) Leia a tira abaixo. c) mesma freqüência. V 2 ( 20 ) 2 400 embora fa Çam o mesmo a= = = = 0. (FEI/2001) Um trem com velocidade constante V = 72 km/h 11. R . e) 0 m/s2 Certo. c) V = 3π m/s e) diferentes freqüências. f = 2π . é muito pequeno para entender que pontos situados a diferentes distâncias 10. diferentes velocidades d) V = 3 m/s angulares e mesma velocidade linear.5 . mesma velocidade angular e b) V = m/s π diferentes velocidades lineares. Qual é o módulo da aceleração total do trem ? O MELHOR DE CALVIN / Bill Watterson Compare este ponto O Estado de São Paulo Vou lhe central com este ponto a) 1. o garotinho assustado da tira. Ambos completam c) 0. Qual a velocidade da bicicleta quando π b) mesma freqüência. b) 0. = 6 m/s π Alternativa B V = 6 m/s Alternativa E CPV fisext0203-R . faz uma curva no plano horizontal com 500 m de raio. roda gira voltas. Sabe-se que ele está em uma marcha cuja relação é para cada pedalada completa a a) mesma freqüência. as velocidades angulares têm que freqüência da roda: voltas/s = Hz π π ser iguais (freqüências iguais). Pelo fato de os pontos possuirem raios diferentes.4 m/s2 mesmo tempo. (FEI/2002) Um ciclista está pedalando uma bicicleta cuja do centro de um disco em rotação têm: roda traseira possui raio r = 0.4 FÍSICA 09.0 m/s2 mostrar algo na extremidade.5 m/s2 o giro ao d) 0. diferentes velocidades angulares e a) V = 6π m/s diferentes velocidades lineares. o trem possui apenas a aceleração centrípeta: Mas o ponto da extremidade precisa fazer uma volta maior 72 km/h = 20 m/s no mesmo tempo. mesma velocidade angular e o ciclista executa 60 pedaladas a cada minuto ? diferentes velocidades lineares. e) V = 6 m/s Resolução: Resolução: 2π 1 2 πR freqüência das pedaladas: 1 Hz ω= T= V= T f T 6 6 Como os períodos são iguais. Logo os dois pontos se movem em velocidades diferentes.

com velocidade de 36 km/h. logo sua velocidade angular é a) as velocidades angulares são iguais maior. r1 = 2π . 5 .2 Hz 14.1 m/s2 15. (FUVEST) Uma cinta funciona solidária com dois cilindros Resolução: de raios r1 = 10 cm e r2 = 50 cm. Resolução: como mostra a figura. (PUC) Uma correia passa sobre uma roda de 25 cm de raio. 50 f1 = 2 r 2 = 10 = 300 rpm ou 5 Hz 1 r2 r1 b) V = ω1 . seu período é menor. f ⇒ f ≅ 3.8 Hz 25 cm d) 0. f ⇒ 5 = 2π . a freqüência de rotação da roda é aproximadamente: Alternativa E a) 32 Hz b) 2 Hz c) 0.25 . π . podemos afirmar que: Como o ponteiro dos minutos demora menos tempo para dar uma volta completa. (FUVEST) Um automóvel percorre uma pista circular de Resolução: 1 km de raio.0 m/s.2 Hz e) 3.14 m/s a) Qual a freqüência de rotação f1 do cilindro menor ? b) Qual a velocidade linear da cinta ? CPV fisext0203-R . 0.2 Hz 5. r1 = 2πf1 . Supondo que o cilindro a) f1r1 = f2r2 maior tenha uma freqüência de rotação f2 igual a 60 rpm: f . 0. temos: 12 b) Qual a aceleração centrípeta do automóvel ? π 18 π t = 12 = 216 h ≅ 52 s V2 362 b) acp = R = 1 = 1296 km/h2 = 0.1 π a) V = T ⇒ T= 36 = h 18 a) Em quanto tempo o automóvel percorre um arco de circunferência de 30º ? Como 30º representam 1 do período. b) as velocidades tangenciais são iguais Alternativa E c) os períodos são iguais d) a freqüência do ponteiro das horas é maior e) a velocidade angular do ponteiro dos minutos é maior 13. Se um ponto da correia tem velocidade V = 2πR . (UF-MS) A respeito do movimento dos ponteiros das horas Resolução: e dos minutos de um relógio.r 60 . 2πR 2 . Física 5 12.1 = 3.

π . também no sentido horário. A velocidade da bicicleta é. situada a meia volta da primeira. R . em repouso. no sentido horário. uma partícula descreve um movimento periódico de 0. O período desse movimento. f = 2 .9 m/s ou 14.25 = rad/s γ = π rad/s2 + 2 π ϕ1 = −ω1t ⇒ ϕ1 = − t 2 γt 2 πt 2 f = 0.50 s c) 1. Num dado instante. passa Resolução: 80 vezes por minuto na posição central A indicada na figura.6 FÍSICA 16.5 e) 8 Alternativa B 18. o primeiro encontro entre ambas se dará após: a) 0. Sobre uma circunferência.25 . 0. (FUVEST) A roda de uma bicicleta tem 25 cm de raio e gira Resolução: 150 vezes por minuto. é: 1 oscilação completa ⇒ passar 2 vezes por A A 80 a) 2/3 ∴ f = 2 = 40 oscilações/minuto b) 3/4 c) 4/3 60 3 40 oscilações — 60 s T = 40 = 2 s d) 3/2 1 oscilação — T e) 2 Alternativa D 17. 0.5 d) 62. (UF-ES) Um limpador de pára-brisa.14 km/h c) 37.0 s Resolução: π ω1 = 2πf = 2 .0 s d) 1.25 s e) 2.25 Hz ϕ2 = ϕ0 + ω0t − = ϕ2 = π − 2 2 No encontro: ϕ1 = ϕ2 π πt 2 − t=π− ⇒ −t = 2 − t2 2 2 −t2 + t + 2 = 0 t1 = 2s t2 = −1s (não convém) Alternativa E CPV fisext0203-R . aproximadamente. quando acionado. uma outra partícula. em km/h: 150 15 f = 60 = 6 Hz a) 7 b) 14 15 V = 2π .25 Hz. 6 = 3. em segundos. π . A contar do início do movimento da segunda partícula.25 s b) 0. passa a ser acelerada uniformemente à razão de π rad/s2.

(VUNESP) Um farol marítimo projeta um facho de luz Resolução: contínuo.25 .7 x 106 km/h c) 144 x 103 km/h d) 250 km/h e) 80 km/h 20.6 x 103 km/h ∆t a) 1. π . pode-se concluir que um corpo situado no equador terrestre descreve. enquanto gira em torno do seu eixo à razão de 10 rotações por minuto. aproximadamente: V = ∆t = ≅ 1.0 km/s CPV fisext0203-R . ao movimento rotacional da Terra. 6000 . portanto em 6 horas a Terra percorre 90º. (FUVEST) O raio da Terra mede aproximadamente Resolução: 6 x 103 km. Se o pneu executa 480 rotações π m/s V = 2π . f = 2 . 6 x 103 Terra é. devido ao movimento de rotação da 2πR 2 π . R . (UnB) A velocidade angular do ponteiro dos minutos de Resolução: um relógio: a) é tanto maior quanto maior é o mostrador 2π 2π π ω = T = 3600 = 1800 rad/s b) é tanto menor quanto maior é o mostrador π c) é rad/s. f = 2π . em radianos. por exemplo. A velocidade com que o ponto do equador terrestre se desloca. 0.3 km/s d) 630 m/s e) 1. Um navio com o costado 10 V = 2π . (UF-PE) A velocidade de um automóvel pode ser medida Resolução: facilmente através de um dispositivo que registra o número de rotações efetuadas por uma de suas rodas.5 m. Com que velocidade um raio luminoso varre o costado do navio? Alternativa C a) 60 m/s b) 60 km/s c) 6. de: 180º — π rad a) π/4 90º — x rad b) π c) π/2 π d) π/6 x= 2 rad e) π/8 Alternativa C 23. 60 = 2000π m/s ≅ 6. 8 = 4π em cada minuto. R . pode-se afirmar que a velocidade do automóvel. Considere. um pneu cujo diâmetro é de 0. devido A Terra demora 24 horas para percorrer 360º.6 x 103 km/h Alternativa A b) 4. desde que 480 f = 60 = 8 Hz se conheça seu diâmetro. (CESESP-PE) Considerando o raio do nosso planeta como Resolução: sendo da ordem de 6.0 km do farol. em 6 horas. Física 7 19. qualquer que seja o tamanho do mostrador Alternativa C 1800 d) nda 21. é: Alternativa A a) 4 π b) 8 π c) 12 π d) 16 π e) 20 π 22.3 km/s perpendicular ao facho está parado a 6. em m/s. um arco que subentende um ângulo.000 km.

0 4 4 b) 2.8π 20 π V=ω. Y = 10 dentes. gasto Resolução: pelo móvel M para percorrer o trecho de P a Q ? 3 3 PQ = circunferência ∴ tPQ = T .π. 0. = m/s menor. (CEFET-PR) Um ciclista pedala sua bicicleta fazendo com Resolução: que a engrenagem maior.1 . Se o disco X dá 12 voltas. cada um girando em torno de um eixo fixo.2 4 V= ⇒ T= = 3 s c) 3. Z = 40 dentes. (UEL-PR) Qual é o intervalo de tempo.0 TPQ = 4 .0 π Alternativa B d) 3.0 T 3π d) 4. a) 1.5 π 26.5 π ω= T = π rad/s = 1. M 24. A velocidade de translação com que a bicicleta se movimenta vale. o disco Z dará: 40 dentes — 1 volta a) 1 x = 9 voltas b) 4 Alternativa C c) 9 d) 16 Y e) 144 X Z 27. A velocidade escalar do móvel é constante e igual a 3 π m/s. (UEL-PR) Qual é o valor da velocidade angular do móvel Resolução: M.0 3 4 e) 6. 3 = 1s ⇒ Alternativa A 25.04 ⇒ ω= 3 rad/s aproximadamente: a) 44 km/h 20 π b) 31 km/h V=ω. em segundos. 0.5 π 3 c) 2.8π V = 2π . (MED-Pouso Alegre) A figura abaixo mostra um sistema Resolução: de engrenagem com três discos acoplados. no sentido horário.0 2πR 2.33 m/s 26.0 π e) 4. de 10 cm de raio. A engrenagem 4 0. gire com uma freqüência de 4/3 Hz.5π 4 b) 1.R= ≅ ≅ 3 .0 metros. f = 2π .35 7. 0. ligada à maior por uma corrente. Os dentes dos discos são do 12 voltas → 360 dentes mesmo tamanho e o número deles ao longo de sua 360 dentes — x circunferência é o seguinte: X = 30 dentes.4 km/h c) 26 km/h d) 23 km/h Alternativa C e) 17. uma trajetória circular de raio r igual Q r a 2. situada junto ao pedal. como representa a figura.8 FÍSICA O enunciado abaixo refere-se às questões 24 e 25: P Um móvel M parte de um ponto P percorrendo. tem raio de 4 cm e 3 3 está presa à roda traseira com raio de 35 cm.R ⇒ 3 = ω . R .5 km/h CPV fisext0203-R . 0. em radianos por segundo ? 2π 2π a) 0.