Você está na página 1de 10

FOCA NA MEDICINA

QUESTÕES DE BIOLOGIA
PROFESSOR JOSÉ DRUMMOND

SISTEMA ENDÓCRINO I - HIPÓFISE E GLÂNDULAS REGULADAS PELA HIPÓFISE

1. Uninove - Medicina (2016)


O sistema genital masculino é formado por glândulas (próstata, vesiculares e
bulbouretrais), testículos no interior do escroto, epidídimos, ductos deferentes, pênis e
uretra.

a) Qual destes órgãos produz a testosterona? Qual é o papel da testosterona na


puberdade?

b) A vasectomia é um método contraceptivo cirúrgico, não reversível naturalmente. Como


fica o nível de testosterona em um homem submetido à vasectomia? Justifique sua
resposta.

2. Ufjf-pism 3 (2016)
Existem dois ciclos reprodutivos nas mulheres: o ciclo menstrual e o ciclo
ovariano. É essencial que ambos funcionem de maneira sincronizada e coordenada para
que ocorra a reprodução. Tal sincronismo fica a cargo do sistema endócrino que liga os
dois ciclos através de hormônios.

a) Cite os dois hormônios produzidos pela adenoipófise que atuam no ciclo ovariano e
descreva suas respectivas funções nesse ciclo.

b) Onde são produzidos os hormônios estrógeno e progesterona? O que ocorre quando


o nível desses hormônios diminui?

c) Quando os exames de gravidez detectam no sangue e/ou urina uma elevação do


hormônio gonadotrófico coriônico humano (hCG), sabe-se que a mulher está grávida.

1
Qual a ação desse hormônio para manutenção da gravidez?

3. Unifimes - Medicina (2016)


Analise a figura.

a) Em quais órgãos ocorrem os eventos indicados por I e II, respectivamente?

b) Cite o hormônio produzido pelo corpo lúteo e explique como esse hormônio contribui
para a continuidade da gravidez.

4. Ufg (2007) Os rins mantêm o equilíbrio hídrico no corpo por meio da regulação da
quantidade e dos componentes do líquido dentro e fora das células. Quaisquer distúrbios
dos canais de água nos néfrons, ou do hormônio antidiurético (ADH), podem levar a
doenças, como a desidratação.
O gráfico a seguir representa duas situações diferentes, em que as duas curvas se
sobrepõem até a metade da porção D do néfron.

2
Com base nas informações acima,

a) Explique qual curva poderia representar uma pessoa com desidratação.

b) Quais são as partes do néfron onde o ADH atua?

5. Unicamp (2004) O locutor, ao narrar uma partida de futebol, faz com que o torcedor
se alegre ou se desaponte com as informações que recebe sobre os gols feitos ou
perdidos na partida. As reações que o torcedor apresenta ao ouvir as jogadas são
geradas pela integração dos sistemas nervoso e endócrino.
a) A vibração do torcedor ao ouvir um gol é resultado da chegada dessa informação no
cérebro através da interação entre os neurônios. Como se transmite a informação
através de dois neurônios?

b) A raiva do torcedor, quando o time adversário marca um gol, muitas vezes é


acompanhada por uma alteração do sistema cardiovascular resultante de respostas
endócrinas e nervosas. Qual é a alteração cardiovascular mais comum nesse caso? Que
fator endócrino é o responsável por essa alteração?

3
6. Ufu (2006) O nível de hidratação do corpo humano influencia diretamente a produção
de um importante hormônio que atua nos rins, regulando a reabsorção de água.
Com relação a este assunto, responda:

a) Qual é este hormônio?

b) Onde este hormônio é sintetizado?

c) Por que o etanol age como diurético?

7. Ufmg (2006) Analise os esquemas I e II, em que se retrata a atuação do hormônio


cortisol e sua relação com alterações do humor. Níveis sanguíneos elevados de cortisol
estimulam o hipotálamo, fechando um circuito de hiperatividade das glândulas hipófise e
adrenal.

a) Considerando a ação do hormônio cortisol, explique o comportamento provável dos


indivíduos nas situações A e B do esquema II.

b) Sabe-se que o cortisol diminui a atividade de linfócitos e neutrófilos. Responda qual

4
é a implicação de tal ação do cortisol para a saúde humana.

c) As glândulas hipófise e adrenal exercem funções importantes no organismo. Cite uma


função de cada uma dessas glândulas

8. Fac. Albert Einstein - Medicina


Doping esportivo

Os jogos olímpicos Rio 2016 foram marcados pelo impedimento da participação


de boa parte da delegação russa em virtude de um escândalo de doping. A pedido da
Agência Mundial Antidoping, foi divulgado um relatório que denunciava um “sistema de
doping de estado” envolvendo 30 esportes na Rússia e que contava com o auxílio dos
serviços secretos russos.

A lista de substâncias proibidas pela Agência Mundial Antidoping inclui compostos


cuja presença nas amostras de urina em qualquer concentração é passível de punição,
e compostos que apenas são considerados proibidos a partir de determinada
concentração na urina, como apresentado na tabela a seguir.

a) A eritropoietina é produzida pelos rins e atua na medula óssea vermelha, estimulando


a produção de hemácias. De que modo o uso desse hormônio por atletas pode aumentar
o desempenho físico?

b) Em que glândula é produzido naturalmente o hormônio de crescimento humano?

5
Que consequências podem resultar da falta e do excesso desse hormônio no organismo?

9. Unicamp (2010) O gráfico abaixo mostra a variação na concentração de dois


hormônios ovarianos, durante o ciclo menstrual em mulheres, que ocorre
aproximadamente a cada 28 dias.

a) Identifique os hormônios correspondentes às curvas A e B e explique o que acontece


com os níveis desses hormônios se ocorrer fecundação e implantação do ovo no
endométrio.

b) Qual a função do endométrio? E da musculatura lisa do miométrio?

10. Uff (2008) Após a 2ª guerra mundial se observou que o índice de natalidade da
população afetada aumentou de forma significativa como se representasse um recomeço
da nossa espécie, um evento denominado baby boom. Na população humana, o
processo de reprodução, que envolve o aparecimento de caracteres sexuais secundários
e a formação de gametas, depende da ação sequencial de alguns hormônios.

a) Observe o esquema e preencha os espaços 1, 2, 3, 4 e 5 com os nomes dos hormônios


correspondentes.

6
b) Supondo que ocorra a fecundação após a ovulação, como ficarão os níveis dos
hormônios 4 e 5 durante a gravidez? Justifique.

c) Identifique as fases, dos ciclos ovariano e uterino, respectivamente, nos quais uma
mulher, que não está grávida, se encontra no período entre o vigésimo e o vigésimo
quinto dia do ciclo menstrual regular (28 dias).

GABARITO COMENTADO
1. Uninove - Medicina (2016)
a) A testosterona é produzida nos testículos. Na puberdade, a testosterona aumenta o
tamanho do pênis, saco escrotal e testículos, além de promover o crescimento de pelos,
alargamento da laringe, engrossando a voz, aumento das glândulas sebáceas e
desenvolvimento da musculatura e dos ossos.
b) A vasectomia é a ligadura dos canais deferentes, acima do saco escrotal, impedindo
a passagem dos espermatozoides, assim, o nível de testosterona se mantém normal,
que mesmo produzida nos testículos, cai na circulação sanguínea, sendo distribuída por
todo o organismo.

7
2. Ufjf-pism 3 (2016)
a) Hormônio folículo-estimulante (FSH): estimula o amadurecimento do folículo primário
do ovário durante a fase proliferativa do ciclo menstrual. Hormônio Luteinizante: estimula
a ovulação e a formação do corpo lúteo no ovário.
b) Folículo ovariano em amadurecimento. A diminuição dos níveis desses hormônios
indica o fim do ciclo ovariano e menstrual.
c) O hCG estimula o corpo lúteo ovariano a secretar os hormônios esteroides estrogênio
e progesterona, os quais mantêm a gestação, até o final do terceiro mês de gravidez.

3. Unifimes - Medicina (2016)


a) O amadurecimento do folículo, a ovulação e a formação do corpo lúteo ocorrem no
ovário. A descamação e a proliferação do endométrio ocorrem no útero.
b) O hormônio produzido e secretado pelo corpo lúteo é a progesterona. Esses
esteroides contribuem para a continuidade da gravidez por meio da manutenção do
endométrio, além de manter a musculatura uterina relaxada.

4. Ufg (2007)
a) Curva dois, porque quando ocorre uma desidratação há um aumento na liberação de
ADH (ou vasopressina) que eleva a permeabilidade à água, tentando manter a
osmolaridade plasmática, permitindo o aumento da osmolaridade tubular e a diminuição
do fluxo tubular, produzindo antidiurese (pouca eliminação de urina) e urina hipertônica.
b) Túbulo contorcido distal e ducto coletor.

5. Unicamp (2004)
a) Transmitida pelos neurotransmissores na sinapse.
b) Taquicardia pela liberação da adrenalina.

8
6. Ufu (2006)
a) ADH ou hormônio anti-diurético.
b) No hipotálamo.
c) O etanol inibe a secreção do ADH, aumentando assim o volume de urina.

7. Ufmg (2006)

a) Na situação A o coeficiente de humor é alto, devido aos níveis mais baixos de cortisol.
A diminuição da adrenalina estaria relacionada ao bom humor. Na situação B o
coeficiente de humor é baixo devido aos níveis altos de cortisol. O aumento da atividade
da adrenal estimula a produção de adrenalina que provoca o mal humor.
b) Diminuição da atividade do sistema imunológico, favorecendo o surgimento de
doenças.
c) Glândula hipófise: produz o hormônio do crescimento (somatotrofina) que estimula o
crescimento. Glândula adrenal (suprarrenal): produz a adrenalina que regula, por
exemplo, a pressão sanguínea e os batimentos cardíacos.

8. Fac. Albert Einstein - Medicina


a) O uso de eritropoetina por atletas estimula a produção de hemácias pela medula óssea
vermelha. Desta forma, o desempenho do atleta melhora, porque ele apresentará maior
eficiência no transporte de oxigênio para os músculos esqueléticos.
b) O hormônio do crescimento (GH, também conhecido por somatotrofina, STH) é
produzido e secretado pela adenoipófise. A falta deste hormônio durante a infância causa
o nanismo, ao contrário, o excesso provoca o gigantismo. Em adultos, o excesso da
produção do GH causa acromegalia, caracterizado pelo crescimento exagerado das
extremidades do corpo.

9
9. Unicamp (2010)
a) A curva A corresponde à variação dos níveis de estrogênio no sangue durante o ciclo
menstrual e a curva B aos níveis de progesterona produzidos pelo folículo ovariano em
desenvolvimento, principalmente pelo corpo lúteo ovariano, que se origina do folículo
rompido durante a ovulação. A partir da implantação do blastocisto no endométrio há a
produção de gonadotrofina coriônica que estimula a atividade do corpo lúteo amarelo,
aumentando a taxa de produção de seus hormônios. A partir do quarto mês de gestação,
estes hormônios começam ser produzidos pela placenta.
b) O endométrio permite a fixação e nutrição do embrião no útero. A musculatura lisa do
miométrio promove a contração uterina para a eliminação do líquido menstrual e a
expulsão do feto ao final da gestação.

10. Uff (2008)


a) 1, LH (hormônio luteinizante); 2, FSH, (hormônio folículo estimulante); 3, testosterona;
4, estrogênio; 5, progesterona.
b) O nível do hormônio 4 (estrogênio) diminui, pois não ocorrerá a ovulação durante a
gravidez. O nível do hormônio 5 (progesterona) permanecerá alto, visto que o trofoblasto
inicialmente e então a placenta irão secretar o hormônio hCG (gonadotrofina coriônica)
que estimula a produção de progesterona pelo corpo lúteo.
c) A mulher estará na fase lútea e na fase secretora respectivamente.

10