Você está na página 1de 32

Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof.

Rodrigo Ribeiro

Apresentação da disciplina

www.sam-solutions.com
1
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Organização da disciplina:

✓ Disciplina: Sistema Embarcados (8º período) 60 horas


✓ Pré-requisitos: Microcontroladores
Teoria de Controle / Álgebra Linear / Linguagem de
Programação
✓ Horário: Quarta-feira, 19h às 22h20
✓ Professor: Rodrigo Ribeiro, rodrigo.santos@academico.ifs.edu.br
✓ Objetivos: Análise de sistemas lineares discretos
Projeto de sistemas de controle discretos
Aplicação em sistemas microcontrolados
✓ Duração: 19 de maio a 15 de setembro / 2021

2
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

✓ Ementa:

✓ Sistemas embarcados: modelagem, projeto e implementação.


✓ Sistemas de tempo real. Programação concorrente.
✓ Núcleos operacionais. Políticas de escalonamento.
✓ Tecnologia de montagem eletrônica. Encapsulamento de componentes
eletrônicos.
✓ Normas e padrões de dimensões físicas de componentes eletrônicos.
✓ Montagem prática de sistemas eletrônicos embarcados

3
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

✓ Conteúdo programático:

1º bimestre
➢ Introdução aos sistemas embarcados
➢ Histórico e visão geral
➢ Evolução e sistemas contemporâneos
➢ Estrutura e classificação dos sistemas embarcados
➢ Características de projeto
➢ Análise de sistemas lineares discretos
➢ Características gerais dos sistemas discretos
➢ Transformada Z
➢ Modelo em espaço de estados discreto

4
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

✓ Conteúdo programático:

2º bimestre
➢Hardware de sistema embarcado
➢Programação de sistema embarcado
➢Núcleos operacionais
➢Sistema de tempo real
➢Tecnologia de montagem eletrônica
➢Aplicações práticas

5
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

✓ Bibliografia:
✓ A. Oliveira, F. Andrade, Sistemas Embarcados - Hardware e Firmware na Prática, Editora
Érica, 2006.
✓ M. Jiménez, R. Palomera, I. Couvertier, Introduction to Embedded Systems, Springer
2014.
✓ D. Gajski, S. Abdi, A.Gerstlauer, G. Schirner, Embedded System Design: Modeling,
Synthesis and Verification, Springer, 2009
✓ M. S. Fadali, Digital Control Engineering: Analysis and Design, Elsevier, 2009
✓ D. Ibrahim, Microcontroller Based Applied Digital Control, John Wiley & Sons, 2006

6
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

✓ Avaliação: prova teórica (14 de julho) - 10 pontos


trabalho aplicado (01 de setembro) - 10 pontos

7
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Introdução aos Sistemas Embarcados


O que é Sistema Embarcado?
✓ Combinação de hardware e software projetado
para uma função específica c
✓ ... Sistemas computacionais dedicados ao
aparelho que eles controlam
✓ ... Dispositivo não computadorizado com
software integrado baseado em
microcontroladores e microprocessadores para
executar uma função dedicada ou um conjunto
limitado de funções. Model Based Design of Embedded Systems
Ľubica Miková, Michal Kelemen , Ivan Virgala, Tomáš Lipták
Journal of Automation and Control. 2017, 5(2), 64-68.
DOI: 10.12691/automation-5-2-7 8
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Características
1. Projetado para executar funções repetidas
específicas em certos dispositivos de propósito único
2. Desempenha funções rapidamente, às vezes dentro
de um prazo prescrito
3. Baseado em microprocessadores e
microcontroladores
4. Pode funcionar sem sistemas operacionais ou usar
sistemas operacionais especiais, muitas vezes
sistemas operacionais em tempo real (RTOS)
5. Trabalha com recursos limitados de memória,
energia e computação
6. Pode ou não ter teclado, tela, interface de usuário,
conectividade
9
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Características
EXEMPLO:
1. Projetado para executar funções repetidas
específicas em certos dispositivos de propósito único
2. Desempenha funções rapidamente, às vezes dentro
de um prazo prescrito
3. Baseado em microprocessadores e
microcontroladores
4. Pode funcionar sem sistemas operacionais ou usar
sistemas operacionais especiais, muitas vezes EXEMPLO:
sistemas operacionais em tempo real (RTOS) Consertando
5. Trabalha com recursos limitados de memória, máquina de lavar
Electrolux, com
energia e computação
Arduino
6. Pode ou não ter teclado, tela, interface de usuário,
conectividade
10
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Características
EXEMPLO:
1. Projetado para executar funções repetidas
específicas em certos dispositivos de propósito único
2. Desempenha funções rapidamente, às vezes dentro
de um prazo prescrito
3. Baseado em microprocessadores e
microcontroladores
4. Pode funcionar sem sistemas operacionais ou usar
sistemas operacionais especiais, muitas vezes
sistemas operacionais em tempo real (RTOS)
5. Trabalha com recursos limitados de memória, Inspire – Ventilador Pulmonar
energia e computação Aberto de Baixo Custo

6. Pode ou não ter teclado, tela, interface de usuário,


conectividade
11
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Características EXEMPLO:
1. Projetado para executar funções repetidas
Nobreak Station
específicas em certos dispositivos de propósito único II 600va
2. Desempenha funções rapidamente, às vezes dentro
de um prazo prescrito
3. Baseado em microprocessadores e
microcontroladores PIC 16F886

4. Pode funcionar sem sistemas operacionais ou usar


sistemas operacionais especiais, muitas vezes
sistemas operacionais em tempo real (RTOS)
5. Trabalha com recursos limitados de memória,
energia e computação
6. Pode ou não ter teclado, tela, interface de usuário,
conectividade
Placa de controle
12
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Características
EXEMPLO:
1. Projetado para executar funções repetidas
específicas em certos dispositivos de propósito único
2. Desempenha funções rapidamente, às vezes dentro
de um prazo prescrito
3. Baseado em microprocessadores e
microcontroladores
4. Pode funcionar sem sistemas operacionais ou usar
sistemas operacionais especiais, muitas vezes
sistemas operacionais em tempo real (RTOS)
5. Trabalha com recursos limitados de memória, RTOS: confiabilidade e a execução de
tarefas em prazos compatíveis com a
energia e computação ocorrência de eventos externos.
6. Pode ou não ter teclado, tela, interface de usuário,
conectividade
13
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Características
EXEMPLO:
1. Projetado para executar funções repetidas
específicas em certos dispositivos de propósito único
PIC16F886:
2. Desempenha funções rapidamente, às vezes dentro
de um prazo prescrito
3. Baseado em microprocessadores e 28 pin package: 25 I/O
microcontroladores Operating speed: 20 MHz
4. Pode funcionar sem sistemas operacionais ou usar 14 KB Program Memory
sistemas operacionais especiais, muitas vezes 368 bytes SRAM
sistemas operacionais em tempo real (RTOS) 256 bytes of EEPROM data memory,
5. Trabalha com recursos limitados de memória, 11 channels of 10-bit (A/D) converter
energia e computação
Digital Communication Peripherals:
6. Pode ou não ter teclado, tela, interface de usuário,
1-UART, 1-SPI, 1-I2C
conectividade
14
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Características
EXEMPLO:
1. Projetado para executar funções repetidas
específicas em certos dispositivos de propósito único
2. Desempenha funções rapidamente, às vezes dentro
de um prazo prescrito
3. Baseado em microprocessadores e
microcontroladores
4. Pode funcionar sem sistemas operacionais ou usar
sistemas operacionais especiais, muitas vezes
sistemas operacionais em tempo real (RTOS)
5. Trabalha com recursos limitados de memória,
energia e computação
6. Pode ou não ter teclado, tela, interface de usuário,
conectividade
15
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Estrutura básica
✓ Sistema embarcado é constituído pela
integração de uma camada de
hardware e uma camada de software.

M. Jiménez et al, Introduction to


Embedded Systems, Springer 2014. 16
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Hardware
✓ A camada de hardware é construída em torno de uma unidade de processamento
central (CPU) que atua como o controlador principal do sistema.
✓ Uma CPU pode ser representada por:
✓ um microprocessador, que contém apenas uma ✓ um microcontrolador, que é a integração de uma
CPU e tem energia mínima para realizar uma CPU, portas de E / S, memória RAM / ROM em
operação simples um chip e pode realizar várias tarefas

17
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Hardware
✓ Memória para armazenamento de dados
✓ Dispositivos de entrada e saída
✓ Barramentos para transferência de dados
entre componentes de hardware
✓ Sensores de dados físicos
✓ Conversores analógico para digital (ADC)
✓ Conversores digital para analógico (DAC)
✓ Periféricos (câmeras, impressoras,
scanners, teclados, etc.).

18
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Software
✓ Software de aplicação - software que
executa diretamente as funções do
sistema e interage com os usuários finais.

✓ Middleware - um mediador que permite a


comunicação entre os níveis superior e
inferior do software. O middleware é criado
para um sistema operacional definido e
fica entre o sistema operacional e o
software aplicativo.

19
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Software
✓ Sistema operacional (operating system)
✓ software para definir regras e controlar
os recursos do sistema
✓ Inclui drivers de dispositivo que
fornecem API (Application Programming
Interface) para componentes de
software superiores e os fazem se
comunicar com peças de hardware.
✓ Existem sistemas operacionais de uso
geral e em tempo real
✓ GPOS - General Purpose Operating System
✓ RTOS - Real Time Operating Systems
20
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Software
✓ Firmware

✓ classe específica de software que


fornece controle de baixo nível para o
hardware específico do dispositivo

21
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Categorias de Sistemas Embarcados


✓ Independente (Standalone) - execute uma ou várias
tarefas simples independentemente de outros sistemas.
Exemplo: termômetro eletrônico

✓ Em rede (Networked) - precisa de uma rede com fio ou


sem fio para compartilhar dados com o servidor e outros
dispositivos.
Exemplo: sistemas domésticos inteligentes

22
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Categorias de Sistemas Embarcados


✓ Móvel (Mobile) - dispositivos compactos e leves
que operam de forma independente ou por meio
da rede.
Exemplos: câmeras fotográficas

✓ Tempo real (Real–time) - deve executar tarefas


dentro de determinados limites de tempo.
Exemplos: equipamentos médicos de
unidade de terapia intensiva

23
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Tipos de Sistemas Embarcados


✓ Pequena escala – uso de microcontroladores
de 8 ou 16 bits. Geralmente são partes de
sistemas maiores.

✓ Escala média - uso microcontroladores de 16


ou 32 bits. Possui integração com mais
elementos de hardware e software e podem
funcionar de forma independente.

✓ Complexo – hardware de 32 ou 64 bits para


executar funções complexas.

24
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Aplicações
EXEMPLO:
1. Casa inteligente
Domo de Ferro: sistema
2. Cidade inteligente antimísseis do exército de Israel
3. Assistência médica
4. Setor automotivo
5. Manufatura
6. Robótica
7. Aviação
8. Militar

Imagem: ANAS BABA/GETTY IMAGES 25


Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Linguagens de programação
✓ C é a linguagem mais utilizada para
sistemas embarcados.

✓ garante velocidade
✓ capacidade de acessar componentes
do sistema de baixo nível
✓ pouca memória consumida pelos
programas.
✓ compatíveis com diferentes
arquiteturas.

26
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Linguagens de programação
✓ Java é popular para a criação de
programas para sistemas embarcados

✓ Diversidade de bibliotecas
✓ Java Virtual Machine

✓ Python tem ganhado popularidade para


o desenvolvimento de sistemas
embarcados nos últimos anos

✓ Concisa e legível
✓ Pode coletar, armazenar e analisar
toneladas de dados de sistemas
embarcados em tempo real.
27
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Vantagens

1. Melhoria de desempenho
2. Menor dimensão física
3. Menor gasto energético
4. Gerenciamento facilitado
5. Menos manutenção
6. Melhor custo-benefício

28
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Desafios do Desenvolvimento
EXEMPLO: https://gizmodo.uol.com.br/carro-autonomo-
Estabilidade uber-acidente-programado-pedestres/

Principal desafio no desenvolvimento


de um sistemas embarcado

Deve-se projetar programas e


circuitos de forma que os dispositivos
funcionem de maneira estável dentro “Investigadores federais determinaram que um carro
dos recursos prescritos e autônomo da Uber não tinha programação para
reconhecer ou responder à presença de pedestres na
independentemente dos ambientes estrada, informou a Bloomberg na terça-feira (5)”....
em mudança.

29
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Restrições de projeto EXEMPLO:

Os dispositivos devem atender


requisitos de dimensões

Incluir mais recursos de computação


em um hardware menor.

30
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Segurança

Qualquer equipamento conectado à


Internet pode ser exposto a ataques
cibernéticos

Necessidade de segurança sobre dados


pessoais

Requisitos mais rígidos são impostos em


relação ao controle de qualidade bem
como aos mecanismos de segurança
para proteger as soluções integradas.
31
Sistemas Embarcados – Engenharia Elétrica – Prof. Rodrigo Ribeiro

Próxima aula

➢ Histórico e visão geral

32

Você também pode gostar